Jovem lésbica gaúcha da suástica poderá ser processada por denunciação caluniosa

A jovem lésbica gaúcha L., 19 anos, que foi na Polícia para fazer a denúncia falsa de que três bolsonaristas gravaram uma suástica na sua barriga, poderá ser processada por denunciação caluniosa.

22 comentários:

Mordaz disse...

Outra farsa foi o assassinato do capoeirista que morreu por briga de bêbado e não por política. Gente que fica de madrugada bebendo.

Mordaz disse...

Outra farsa é o tal WhatsApp disparando mala direta para celular.

Anônimo disse...

Poderá ser processada não. É uma obrigação da Justiça processá-la pelo fato de ter produzido uma calúnia gravíssima contra outra pessoa. E essa sem poder defender-se. Chega de coitadismo no Brasil. Quem pratica um crime deverá ser julgado e condenado. Pois queremos viver em PAZ . O mal deve ser cortado pela raiz. Se assim for, certamente não haverá uma segunda vez.

Anônimo disse...

Isso tem nome: DE-SES-PE-RO petista... Eles sabem que o dia "D" (DE BOLSONARO 17) está chegando!

Anônimo disse...

"poderá" ? A ta então eu posso inventar calúnia sem medo de ser feliz porque eu "poderei" ser processado ? Ta igual o Datena, filmam o cara barbarizando e chamam ele de suspeito. Assim não dá.

Anônimo disse...

Essa tal Lara deveria ter sua foto e nome completo divulgados. Mentirosa tem que ser exposta.

Anônimo disse...

Tem que processar mesmo. Elevar até às últimas consequências o caso dessa moça. Não é possível que a histeria de militantes e dirigentes esquerdistas seja tomada como algo menor sob o risco de uma escalada de ações que poderá causar fatos verdadeiramente graves.

Anônimo disse...

Major Olímpio admite falhas do PSL com fake news e pede ‘reavaliação’ da legenda:

24 out 2018 - DCM

Do site da revista Veja.

Cada voto do agora senador eleito Major Olímpio custou apenas três centavos. Até o dia da eleição, Sérgio Olímpio Gomes não constava nas pesquisas com chances de ser eleito – perdia para o não eleito Eduardo Suplicy (PT) e para Mara Gabrili (PSDB). Mas numa das reviravoltas de primeiro turno recebeu o total de 9 039 717 votos e foi o senador mais votado do país – investindo apenas 297 000 em toda a campanha.

No Veja Eleições, o senador se disse “surpreso” pela quantidades de voto recebida. Em 2016, Major Olimpio concorreu para a prefeitura de São Paulo e recebeu pouco mais de 116 mil votos. “Surfei na onda Bolsonaro e cresci muito nas redes sociais. Este foi o segredo”, conta. “Achei que ia me eleger quando comecei a percorrer as linhas de metrô em São Paulo e vi que minha popularidade cresceu muito. As pessoas começaram a me reconhecer”, complementou.

Questionado sobre as Fake News nestas eleições, Major Olimpio reconheceu que houve erros dos partidos, inclusive do PSL, no qual é presidente em São Paulo. “Erramos com as fake news e precisamos sentar e reavaliar esse processo”, admite.

Anônimo disse...

Em novo vídeo, coronel que insultou Rosa Weber ameaça Gilmar e diz estar agindo em nome de Bolsonaro:

Kiko Nogueira - 23 out 2018 - DCM

O coronel da reserva Carlos Alves, autor de um vídeo chamando a presidente do TSE, Rosa Weber, de “salafrária” e “incompetente”, e insultando outros ministros do Supremo, voltou a atacar.

Numa nova publicação no YouTube, ele ameaça Gilmar Mendes, elogia Eduardo Bolsonaro e diz estar agindo em nome de Jair Bolsonaro e do Exército (assista abaixo).

“Nós vamos entrar juntos nessa linha. O Brasil vai ser consertado”, afirma.

“Seus dias estão acabando, meu inimigo”, grita ele.

“Todos sabem sobre suas falcatruas. O Lewandowski vai abrir o bico quando o Bolsonaro assumir a presidência da República”.

Nesta terça, dia 23, em discurso na abertura da sessão da Segunda Turma do STF, Celso de Mello prestou solidariedade a Rosa e denunciou “ataques imundos e sórdidos”.

Gilmar Mendes, de acordo com o site Jota, defendeu a abertura de processo contra o militar. Ele considera que o STF deve acionar a PGR.

Carlos Alves não é a doença, é o sintoma.

O Judiciário brasileiro assistiu Bolsonaro investir contra a democracia brasileira ao longo de anos.

Exaltou um torturador, contou que ia fuzilar FHC, fez bravatas sobre fechar o Congresso etc etc.

No domingo, declarou que ia banir ou prender os opositores.

Tudo nas barbas do excelentíssimos magistrados, que ajudaram a cevar um antipetismo psicótico no qual JB surfou.

Generais falam pelos cotovelos nas redes sociais, denunciando “fraudes” fictícias num looping golpista sem fim.

O gênio do fascismo saiu da garrafa e vai levar um tempo para colocá-lo de volta.

Como? Não vai ser com o papo furado weberiano de que as instituições estão funcionando ou minimizando as incitações de Bolsonaro à violência.

Quem vai controlar o guarda da esquina? E o coronel?

Anônimo disse...

FOLHA PEDE PROTEÇÃO POLICIAL CONTRA AMEAÇAS DE BOLSONARISTAS


O jornal Folha de S. Paulo pediu, por meio de uma representação feita ao TSE, que a Polícia Federal abra um inquérito para investigar as ameaças feitas contra três de seus jornalistas e o diretor do Datafolha, Mauro Paulino, em razão da publicação da reportagem que revelou o esquema ilegal bancado por empresários simpatizantes da candidatura de extrema direita de Jair Bolsonaro (PSL) para o disparo de mensagens em massa contra Fernando Haddad, e o PT; para o jornal, existem "indícios de uma ação orquestrada com tentativa de constranger a liberdade de imprensa"; a Folha, que fez campanha sistemática contra Haddad e o PT, agora se vê obrigada a pedir proteção policial contra os eleitores que ela mesmo insuflou

24 DE OUTUBRO DE 2018 ÀS 11:40 // INSCREVA-SE NA TV 247 Youtube

Anônimo disse...

PASTOR ABANDONA BOLSONARO E PEDE PERDÃO POR ESPALHAR MENTIRAS


Pastor, Sargento da PM e deputado estadual, o Pastor Sargento Isidório (Avante) foi eleito deputado federal com a maior votação na Bahia, 323.264 votos; pelo perfil seria natural que integrasse a bancada da bala ou a evangélica, mas não é o que ocorre; ele circula pedindo voto para Fernando Haddad; "Fiquei com o filho do diabo mentindo. Descobri o perigo que a nação corre quando alguém diz que policial que não mata não é polícia. Violência gera violência. Haddad é professor, casado com a mesma mulher durante 30 anos,”, diz; veja o vídeo

23 DE OUTUBRO DE 2018 ÀS 11:16 // INSCREVA-SE NA TV 247 Youtube

Anônimo disse...

DELEGAÇÃO DA FIESP ESTÁ PRONTA PARA PARTICIPAR DA EXPOSIÇÃO DE IMPORTAÇÃO DA CHINA

Uma delegação de 120 empresários do Estado de São Paulo participará da primeira Exposição Internacional de Importação da China (EIIC) em Xangai no início de novembro

24 DE OUTUBRO DE 2018 ÀS 05:10 // INSCREVA-SE NA TV 247 Youtube

247, com Diário do Povo - Uma delegação de 120 empresários do Estado de São Paulo participará da primeira Exposição Internacional de Importação da China (EIIC) em Xangai no início de novembro.

Anônimo disse...

Por que este coronel está solto?

FERNANDO BRITO · 23/10/2018 - O Tijolaço

Está repercutindo o vídeo onde um coronel bolsonarista, de nome Carlos Alves, ameaça, xinga e ofende não apenas a ministra Rosa Weber. os ministros do Supremo, e uma penca de autoridades e pessoas.

O texto, se me perdoam o vocabulário basta para ver que tipo de marginal é este senhor:

Rosa Weber, eu vou te falar uma coisa aqui, TSE e Supremo Tribunal Federal. Primeiro, porque eu falo mesmo, não tenho medo de ninguém. Já falei uma vez, falo duas, falo dez mil vezes e hoje eu estou autorizado a dar uma informação bem “en passant” a vocês. Só a cabecinha, Rosa Weber, só a cabecinha: Não te atreve, não te atreve a ousar aceitar esta afronta contra o povo brasileiro, esta proposta indecente do PT de querer tirar Bolsonaro do pleito eleitoral(…) Olha aqui, nós já encaminhamos um documento, não sei se já chegou às mãos do General Villas Boas, um petição de generais, brigadeiros, almirantes e coronéis – ou seja, a alta cúpula das Forças Armadas – exigindo agora que V. Exa se vire e garanta ao povo brasileiro eleições livres e limpas. (…) Eu, coronel Carlos Alves, estou aqui por vontade própria, eu, oficial do Exército Brasileiro, eu pertenço à alta cúpula da hierarquia do Exército Brasilero, sou um coronel full, três gemadas, e como eu outros coronéis, generais, comandantes da Marinha, brigadeiros, almirantes não aceitaremos fraude. Se você aceitar esta denúncia ridícula e tentar tirar Bolsonaro por crime eleitoral, nós vamos derrubar vocês, aí, sim.

Isso é só uma pequena amostra. Weber é chamada de “salafrária”, “corrupta”, diz que fala com “orgasmos quase sexuais”.

Eu estou autorizado pela alta cúpula do Exército, da Marinha e da Aeronáutica, não estou brincando não. Eu soube que esta semana que passou houve atrito no Alto Comando do Exército, grande parte dos generais, pelo menos um deles, quase atravessou a Praça dos Três Poderes para dar voz de prisão ao Supremo, porque o Lewandowski se atreveu a permitir que o bandido Lula desse entrevistas. O Fux barrou. Isso é fato: o Lewandowski puto da vida, chamou o Toffoli num canto e, vermelhão daquele feito um canalha que ele é e disse: olha aqui, ô Toffolizinho, se eu não conseguir a entrevista com o meu amado, o meu amante Lula, eu vou dizer pra todo mundo que a gente gente vende, na propina, vende liberdade, vende habeas corpus, vende sentenças.

Nem é preciso mais – e há muito mais – exceto saber porque este coronel, se o é, não está preso disciplinarmente, como permite o Estatuto dos Militares em relação a militares reformados.

Se os oficiais acham que é possível falar assim de ministros do TSE, assistam este outro vídeo, durante o qual chama de “sujos” os comandantes das três Armas. E grita: Trump, help us!

Anônimo disse...

Poderá não, deverá ser processada junto com sua advogada e todos os que usaram da farsa para se beneficiar.

Anônimo disse...

Poderá não, deverá ser processada junto com sua advogada e todos os que usaram da farsa para se beneficiar.

A. Luís disse...

.
""" L. """

POR QUE ESCONDER a identidade se a bandida sequer é menor ???

POR QUE ???
POR QUE ???
POR QUE ???

"L." uma ova !

DIVULGUE-SE o O.R.T.Ô.N.I.M.O !!!
.

Anônimo disse...

Pt vive de farsa em farsa. Fora!

Anônimo disse...

Perdeu, machorrinha!!!

Anônimo disse...

TRANS, FILHO DE WITZEL DIZ QUE SE SENTIU USADO EM CAMPANHA DO PAI


O Diário do Centro do Mundo reproduziu matéria do Jornal O Globo, onde Erick Witzel, filho do candidato ao governo do Rio de Janeiro Wilson Witzel (PSC), diz que se sentiu usado pelo pai durante sua campanha eleitoral; "Eu me senti usado nas entrevistas que ele deu", disse o jovem, que é transexual, em referência ao pai ter desrespeitado sua privacidade ao mencioná-lo em reportagens como seu filho trans, contrariando um pedido seu para que não fizesse isso

24 DE OUTUBRO DE 2018 ÀS 17:40 // INSCREVA-SE NA TV 247 Youtube

Anônimo disse...

que pilantragem esse partideco vagabundo LUTAREI PELO FECHAMENTO PT

Anônimo disse...

Esta guria desmiolada se auto mutilou a pedido de alguém seguramente. Coitadinha, é bem burrinha como todo petralha, não se deu conta que o espelho reflete a imagem invertida. Mas o que a polícia tem que saber é sob as ordens de quem ela se auto inflingiu. Manú, La Genro? Estas duas são bem capazes de induzir uma idiota destas. Tem que investigar a fundo!

Anônimo disse...

...putz, esse não tomou o Rivotril hoje.