Veja as cidades gaúchas nas quais mais cairá a temperatura nesta madrugada

Na figura ao lado, você poderá examinar os locais nos quais mais cairá a temperatura no RS. Neve cairá de novo em vários pontos do Estado.

. Nesta segunda-feira, as cidades mais atingidas foram as dos Campos de Cima da Serra, portanto os municípios que vão além de Gramado e Canela, em direção ao Canyon do Taimbezinho, como São José dos Ausentes e Bom Jesus.


Atriz calhorda tenta escandalizar fiéis católicos que rezavam pelo Papa. Só conseguiu levar uma sonora vaia.

- Ao mostrar os seios para fiéis católicos que aguardavam o papa, a atriz Taisa Machado demonstrou desrespeito aos seus concidadãos que optaram pela religião católica e seus princípios, bem diferentes do ateísmo calhorda da manifestante despudorada à procura de três segundos de fama. 

Um grupo de manifestantes feministas aproveitou a chegada do papa Francisco ao Rio de Janeiro para promover um ato em favor da liberdade sexual das mulheres na tarde desta segunda-feira (22), no Largo do Machado, na zona sul da capital fluminense.Um grupo de peregrinos que se reunia no mesmo local à espera das vans que levam ao Cristo Redentor vaiou o protesto no momento que as manifestantes exibiram os seios. Houve uma pequena troca de provocações entre as pessoas que participavam do ato e peregrinos, mas sem princípio de confusão.

. "Estamos aqui para exigir um Estado laico. Não abrimos mão disso", afirmou a atriz Taísa Machado, uma das mulheres que protestavam.

Tarso passa para Knijnik a tarefa de viabilizar o lançamento do primeiro Sputnik gaúcho

Ao lado, a cadela Laika, o primeiro ser vivo despachado para o espaço sideral. Ela viajou a bordo do Sputnik 2. No caso do satélite do governador Tarso Genro, o satélite gaúcho terá menos ambições, mas se sair do papel tornará imortal o nome do líder do PT. Tarso "comprou" a idéia durante sua viagem a Israel. 



Em viagem surpreendente a municípios de reduzida atração para tertúlias culturais de discussões sobre o futuro da humanidade, o governador Tarso Genro passou para seu secretário Mauro Knijnik a batata quente do seu projeto de lançamento do primeiro satélite artificial gaúcho, uma espécie de Sputnik gaudério. Leia mais, a sério:

Sai nesta terça a reunião da  Comissão Especial para o Polo Espacial gaúcho. Na primeira etapa das novas rodadas de conversações, o governo aprovará a liderança da  AEL Sistemas, do grupo israelense Elbit Systems Ltd, no programa gaúcho, visando aproveitar os recursos do Inova Aerodefesa, da Finep, divulgada hoje (22.07). A seleção pública busca projetos de inovação em defesa, segurança, aeroespacial e materiais especiais, que receberão recursos de R$ 2,9 bilhões. A AEL entrou como empresa-líder do projeto de construção de um microssatélite – em torno do qual estão reunidas outras empresas e universidades gaúchas. A expectativa é de que o resultado final do edital seja divulgado até dezembro.

. A partir de agora, o Polo Espacial do Rio Grande do Sul será divulgado em diferentes fóruns. O primeiro deles ocorre nesta quarta-feira (24.07), na reunião do Comitê de Defesa da Federação das Indústrias do Estado (Fiergs).

. Uma das justificativas para o Rio Grande do Sul sediar o segundo polo espacial do Brasil (o primeiro está em São Paulo) é o alto potencial do Estado na área de pesquisa e desenvolvimento de insumos para o setor.

NESTA SEGUNDA-FEIRA
Você tem um motivo a mais para degustar os melhores chopes e cervejas de Porto Alegre (classificação da revista Veja). Dezenas de rótulos dos melhores artesanais do mundo.
O cliente que mais consumidor no Bier Markt durante todas as segundas-feiras de julho (valor cumulativo durante o mês), terá uma surpresa no dia 30: vai ganhar duas diárias, com direito a um acompanhante, no hotel Varanda das Bromélias, Gramado.
Seu happy hour de hoje ficará ainda mais divertido. Harmonize tudo com o cardápio de petiscos.
Bier Markt, Castro Alves
Bier Markt Vom Fass, Barão de Santo Ângelo
www.varandadasbromelias.com.br
ESTACIONAMENTO FÁCIL. SEGURANÇA. AR CONDICIONADO.

J.R. Guzzo mostra por que Dilma, Lula, Tarso e o PT não querem largar o osso

* Clipping revista Veja. Título original: Vai passar. Autor(es): J.R.Guzzo
Veja - 22/07/2013

Nunca se viu até hoje o caso de dois cachorros que tenham trocado, de livre e espontânea vontade, o osso de um pelo osso do outro, ensina Adam Smith. Ninguém como o velho Smith para dizer cenas verdades. No caso, ele falava do livre-comércio — uma característica exclusiva do ser humano, assim como a palavra, a escrita e outras coisas que distinguem os homens dos animais. O pensador escocês que informou ao mundo, mais de 200 anos atrás, que o capitalismo existia, explicou como funcionava e demonstrou por que era indispensável para a evolução racional da sociedade, ia direto ao ponto em matéria de economia — mas sua clareza é a mesma quando transportada para a política. Nenhum partido, em nenhuma democracia do mundo, entra numa eleição para perder. Não quer trocar seu osso com ninguém, quando está no governo — e quando está fora não quer trocar nada, e sim tirar o osso de quem está dentro. O Brasil, é claro, vive segundo essa mesma regra. Mas a história, aqui, é muito mais quente, porque o osso em disputa é muito maior. Perder uma eleição lá fora é ruim — mas no fim é apenas isso, uma derrota. Aqui não. Se o PT perder a eleição presidencial de 2014. seja com a presidente Dilma Rousseff ou com o ex-presidente Lula, vai haver um terremoto na vida pessoal de dezenas de milhares de pessoas, possivelmente muito mais, a começar por seus bolsos. No caso, iriam embora o governo, os anéis e os dedos.


É disso, e só disso, que se trata.

CLIQUE AQUI para ler tudo. 

Grupo gaúcho de hotéis Laghetto atrai de SP sua nova executiva de RH

Veio de São Paulo a nova executiva de RH do Grupo Laghetto Hotéis. Maria Claudia Furlan, que já passou por empresas como a United Airlines e o Grupo Hilton, terá a missão de coordenar a ampliação do quadro de funcionários do Grupo Laghetto Hotéis, que ocorrerá nos próximos quatro anos. Em ritmo de expansão, o Grupo terá que aumentar em mais de 160% seu quadro de pessoal, passando dos atuais 285 funcionários para 750 até 2017. As contratações, que devem iniciar já este ano, tem como objetivo atender toda a rede, mas principalmente Porto Alegre, onde o Grupo confirma pelo menos duas novas operações. Já em setembro deste ano, o Grupo Laghetto Hoteis passa a administrar o Hotel Laghetto Viverone Moinhos, no bairro Moinhos de Vento.

Desencantado com o PSDB, João Gilberto desabafa: "O PSDB era um belo projeto de centro-esquerda, mas acabou mudando completamente"

A foto é de Alexandre Leboutte, Jornal do Comércio de Porto Alegre, hoje. 



A entrevista a seguir é do ex-vice-governador João Gilberto Lucas Coelho. Ele foi vice de Collares, pelo PSDB. Marco Quintana faz perguntas mais do que pertinentes e consistentes, levando João Gilberto a análises surpreendentes e da melhor qualidade. Vale a pena ler. O material é do Jornal do Comércio desta segunda-feira.

“O PSDB era um belo projeto de centro-esquerda, mas acabou mudando completamente”
Militante histórico do antigo MDB, o ex-vice-governador do Estado João Gilberto Lucas Coelho afastou-se da política no início dos anos 2000 por entender que o PSDB - partido que ajudou a fundar em 1988 - havia se distanciado de suas raízes sociais-democratas.

Nesta entrevista ao Jornal do Comércio, João Gilberto avalia que o presidencialismo brasileiro acabou sofrendo uma deformação, já no governo de Fernando Henrique Cardoso (PSDB), gerando uma submissão do Executivo aos partidos que compõem o Congresso Nacional a fim de garantir a governabilidade. Esta subserviência acabaria por tornar o sistema político frágil e permeável à corrupção.Na opinião do ex-vice-governador, isso não teria ocorrido se os “primos ideológicos” PSDB e PT tivessem firmado uma aliança no início dos anos 1990. “A saída para governar o País da melhor maneira teria sido lá atrás, PT e PSDB juntos”, defende, argumentando que, depois, o PT acabou empurrando o PSDB para a direita.
João Gilberto também analisa os movimentos que tomaram as ruas do Brasil a partir de junho, fala da impossibilidade de se convocar uma Constituinte exclusiva para tratar da reforma política e defende a necessidade de que as campanha eleitorais sejam financiadas por recursos públicos.
Por último, diz que não quis se filiar a outro partido depois de deixar o PSDB porque não viu opções possíveis. “Eu sou um cara de esquerda. E sou uma figura em extinção, porque sou um cara da esquerda não petista”, define-se.

Jornal do Comércio - Quais as causas das recentes manifestações sociais no Brasil?
João Gilberto - As pessoas estão descontentes, e o descontentamento une a todos. Também por um desejo de liberdade, parece que pairou bem isso.
JC - Aqui começou com uma pauta específica que era o preço da passagem de ônibus.
João Gilberto - E este assunto é que está tendo os resultados imediatos. Mas isso é algo que vai continuar. Que vai produzir efeitos a médio e a longo prazo que se vai conhecer mais adiante a real dimensão disso.
JC - Analistas falaram em crise de representatividade política.
João Gilberto - Acho que isso caracterizou o início do movimento. Uma grande sensação de descrédito da forma representativa política, e isto é um traço universal. Não é brasileiro. É universal. Está no Ocuppy Wall Street, está na Espanha, está na Primavera Arábe, em determinado momento, no momento inicial, ou seja, está muito forte.
JC - A reforma política era uma das pautas?
João Gilberto - Não estava em pauta essa reforma política, mas estava em pauta talvez a mais profunda das reformas políticas, que seria a reforma do próprio caráter da democracia, e isso está mexendo com as pessoas, só que sequer elas estão sabendo para onde querem ir. Elas estão sabendo o que não querem, mas não estão sabendo o que querem.
JC - Por que há dificuldade de realizar a reforma política no Brasil?
João Gilberto - Acho que a maior dificuldade, e que a mídia não alcança, é que há uma profunda divergência sobre os modelos políticos que os brasileiros querem ou não. É a mesma coisa que reforma tributária. É uma unanimidade. Faz uma pesquisa de opinião. “Quem é a favor da reforma tributária?” Dá 90%. Agora vê de qual reforma tributária. O cidadão quer pagar menos imposto, o município quer ter maior arrecadação, o Estado quer ter maior arrecadação, e a União quer no mínimo não perder a arrecadação. Então não tem uma proposta de reforma tributária que seja hegemônica, que tenha o apoio da opinião pública. Não tem. Eu diria que reforma política quase não tem, é pior que escalação da seleção brasileira. Não vai encontrar vários cidadãos brasileiros com a mesma ideia de reforma política.
JC - Qual seria a sua ideia de reforma política?
João Gilberto - Destes temas que estão em debate no Congresso são muito pontuais e não são uma grande reforma política. Mas considero, por exemplo, que o financiamento público de campanha vai ser um avanço no Brasil.
JC - Por quê?
João Gilberto - Porque a campanha tem um gasto elevado. Como é que alguém, um cara como João Gilberto, que está conversando contigo aqui, de onde é que vou ter patrimônio, bens, ou ter arrecadado entre os militantes de um suposto partido - hoje não participo de nenhum - que eu estivesse participando? Como é que vou arrecadar R$ 4 milhões numa eleição? Não vou. Vou depender de grandes empresas. Então, o cidadão hoje para ser candidato em um cargo desses, quer dizer, seria meu caso, para não atribuir a outras pessoas, eu teria que ceder, teria que transigir com coisas que não concordo.
JC - E a sugestão de uma Constituinte para fazer a reforma?
João Gilberto - Para começar, a Constituinte ou é uma Constituinte ou não é. Você fazer uma Constituinte, que exige uma palavrinha que é a ‘soberania’, limitada a um item da Constituição, uma parte da Constituição, é complicadíssimo. E eu tenho sempre citado, lá atrás, quando eu estava no Congresso Nacional, quando foi convocada a Constituinte, eu me afastei da Comissão que iria dar o voto convocatório, por ser defensor da Constituinte exclusiva.
CLIQUE AQUI para ler tudo. 

Saiba como entrou em falência o novo modelo econômico brasileiro

"A falência do novo modelo econômico" é o título da consistente reportagem que a revista Veja desta semana publica, assinada por Giuliano Gundalini e Marcelo Sakate, abordando com propriedade um assunto que o governo e até importantes empresários evitam discutir. A revista, aliás, publica também uma inquietante e esclarecedora entrevista nas páginas amarelas, na qual o banqueiro André Esteves, diretor do BTG Pactual, avisa sem meias palavras:
- Pode não parecer, mas o sentimento difuso que levou as pessoas ás ruas para pedir maisa educação e saúde, um mlhor transporte público e menos corrupção, nada mais é do que o clamor por um estado mais eficiente.
CLIQUE AQUI para ler a entrevista completa de André Esteves.
. A reportagem transforma as palavras de André Esteves em números bastante precisos, como este que fala sobre a expansão do PIB:
- No triênio 2011-2012-2013, o do governo Lula, o PIB cresceu na média de 2% ao ano.
. É muito pouco e é inaceitável.

Leia a reportagem
Veja - 22/07/2013

O economista americano John Taylor, professor de Stanford, lançou no ano passado o livro First Principies (Princípios Primordiais, sem tradução no Brasil), no qual argumenta que a recuperação americana tem decepcionado porque os Estados Unidos se desviaram das políticas que, historicamente. os levaram ao posto de país mais próspero do mundo. Para Taylor, a interferência equivocada do governo no funcionamento dos mercados e o desequilíbrio nas comas públicas, entre outros fatores, minaram a confiança dos empresários e reduziram a atividade. "Minhas pesquisas em política monetária e fiscal, desde os anos 60, mostram que o desempenho econômico pode ser tremendamente aprimorado se certos princípios bem definidos forem perseguidos", diz Taylor. "Afastar-se desses princípios básicos leva a crises."
Difícil não pensar no Brasil, lendo a análise de Taylor. O país havia recobrado a estabilidade, irradiando o otimismo na população e atraindo investimentos produtivos. A base para o novo período de prosperidade era assentada em três pilares: o respeito às metas de inflação, a flutuação da taxa cambial e o controle das contas públicas. Esse tripé, apenas, não basta para trazer o desenvolvimento. Mas graças a ele a economia ganhara previsibilidade e credibilidade. Porém, a pretexto de acelerar o crescimento, o governo Dilma Rousseff decidiu se afastar desses princípios. O maior desvio de rota ocorreu nas finanças públicas. Houve, por exemplo, o uso crescente do BNDES como um orçamento paralelo. O banco estatal recebeu do Tesouro 370 bilhões de reais desde 2007. A capitalização foi feita na forma de títulos, sem o arbítrio do Congresso. Como disse o economista Rogério Wemeck, em um artigo no jornal O Estado de S. Paulo: "De um lado, a dura realidade do orçamento. De outro, a Ilha da Fantasia do BNDES, nutrida por emissões de dívida, em que parecia haver dinheiro para tudo".

. O governo viveu sob a ilusão de ter criado um "moto contínuo tropical", na expressão do gestor de recursos Luis Stuhlberger. diretor da Credit Suisse Hedging-Griffo. Imaginou ser possível engendrar uma máquina de crescimento que se movesse indefinidamente, sem custos.

CLIQUE AQUI para ler tudo.

Beto Albuquerque avisa: "Muita gente terá que largar a taça do já ganhou"

O líder da sigla PSB na Câmara, Beto Albuquerque (RS) afirma que, após a avalanche de manifestações nas ruas, o “jogo está zerado”.

. Beto tenta armar o palanque gaúcho para seu candidato, o governador Eduardo Campos.

. Segundo o parlamentar, “muita gente que estava agarrada na taça do ‘já ganhou’ (reeleição da presidente Dilma Rousseff-PT) está repensando.

NESTA SEGUNDA-FEIRA
Você tem um motivo a mais para degustar os melhores chopes e cervejas de Porto Alegre (classificação da revista Veja). Dezenas de rótulos dos melhores artesanais do mundo.
O cliente que mais consumidor no Bier Markt durante todas as segundas-feiras de julho (valor cumulativo durante o mês), terá uma surpresa no dia 30: vai ganhar duas diárias, com direito a um acompanhante, no hotel Varanda das Bromélias, Gramado.
Seu happy hour de hoje ficará ainda mais divertido. Harmonize tudo com o cardápio de petiscos.
Bier Markt, Castro Alves
Bier Markt Vom Fass, Barão de Santo Ângelo
www.varandadasbromelias.com.br
ESTACIONAMENTO FÁCIL. SEGURANÇA. AR CONDICIONADO.

Manifestantes preparam-se para vaiar Dilma e Cabral na recepção do Palácio Guanabara ao Papa, 17h

Esta capa da revista Time é um dos assuntos principais nas redes sociais de hoje, exatamente no momento em que o Papa visita o Brasil. Se o leitor prestar atenção, as extremidades superiores do "M" de "TIME", cortadas do jeito que estão, emplacam um par de chifres em Francisco. Não é a primeira vez que a revista usa este tipo de artíficio para colocar suas posições e causar polêmica.





Muitas ruas do Centro do Rio estão interditadas desde as 15h para a passagem de Francisco no papamóvel. A presidente Dilma Rousseff recebe o papa às 17h, junto com o governador Sérgio Cabral e o prefeito Eduardo Paes, no Palácio Guanabara, para onde manifestantes convocaram protestos nesta segunda-feira. 300 policiais já estão patrulhando entorno da sede do governo do Rio;

Governo aprova reajuste de 9,04% para planos de saúde privados

O site www.zerohora.com.br confirmou esta tarde que a  Agência Nacional de Saúde (ANS) divulgou nesta segunda-feira que estão autorizados reajustes de até 9,04% para planos de saúde individuais e familiares. Leia tudo:

O percentual, aprovado pelo Ministério da Fazenda, é o teto válido para o período entre maio de 2013 e abril de 2014 para os contratos de cerca de 8,4 milhões de beneficiários, o que representa 17,6% dos consumidores de planos de assistência médica no Brasil, segundo a agência. As operadoras esperam a autorização do reajuste desde maio. As companhias de saúde estão autorizadas, porém, a cobrar a diferença entre as mensalidades antigas e novas retroativamente, de acordo com a data de aniversário dos contratos. É permitida a cobrança de valor retroativo caso a defasagem entre a aplicação e a data de aniversário seja de, no máximo, quatro meses. Diferentemente dos planos coletivos nos quais operadoras negociam preços com empresas contratantes livremente, os planos individuais tem reajuste controlado pela ANS. O percentual autorizado leva em consideração a média do aplicado pelas operadoras aos planos coletivos com mais de 30 beneficiários. Em nota, a ANS informou que, neste ano, foi considerado também o impacto de fatores externos como a utilização dos 60 novos procedimentos incluídos no Rol de Procedimentos e Eventos em Saúde ao longo de 2012.

Conheça os valores dos precatórios devidos no País e no RS

Números que o editor recolheu no II Fórum da Semana Estadual dos Precatoristas do RS, hoje, Assembléia do RS:

Total devido em precatórios no País
R$ 100 bilhões
Total devido em SP
R$ 50 bilhões
Total devido no RS
R$ 18 bilhões

Valores pagos no último ano do governo Yeda (o valor, ainda assim, colocou-se acima da média anual dos governos anteriores, o que inclui o governo Olívio Dutra, PT)
2010 - R$ 23 milhões
Valores pagos pelo atual governo Tarso Genro
2011 – R$ 281 milhões
2012 – R$ 250 milhões
2013 – R$ 400 milhões (primeiro semestre). A projeção para o ano é de R$ 600 milhões.


- Considerando-se como o valor deste ano como média anual para os próximos anos, o governo do RS levaria pelo menos 30 anos para pagar o atual estoque, sem considerar os valores novos que ingressam todos os anos, cuja média é de R$ 40 milhões a cada 12 meses. 

Fontana e PT do RS são de novo desautorizados e humilhados, desta vez por parte do PT do Brasil

A decisão do diretório nacional do PT de manter o deputado Cândido Vacarezza na coordenação da Comissão sobre Reforma Política da Câmara representa outro duro golpe nos interesses do deputado Henrique Fontana e do PT do RS.

. Ambos foram novamente ignorados, desautorizados e desmoralizados politicamente.

. A gauchada do PT perde todas desde que se colocou sob o comando do deputado Raul Pont. 

Novo Hamburgo ganhará seu primeiro outlet center (Platinum), investimento de R$ 50 milhões, no dia 24 de setembro

- O investimento é do Iguatemi São Paulo e Construtora São José (SP). O Iguatemi São paulo é um dos controladores do Iguatemi e Praia de Belas, ambos de Porto Alegre. 

No dia 24 de setembro, inaugura em Novo Hamburgo (RS), o Platinum Outlet, localizado às margens da BR-116, próximo ao cruzamento com a Rodovia RS-239. Estão confirmadas marcas como Nike Factory, Calvin Klein Jeans, Levi´s, TNG, Comlines Tramontina e Track & Field

. O investimento foi de R$ 50 milhões. Com 20 mil metros quadrados, o empreendimento tem 125 espaços, além da praça de alimentação e área para restaurantes com deck. A expectativa é gerar 600 empregos diretos e cerca de mil empregos indiretos.A perspectiva é de que o espaço receba cerca de 6 milhões de pessoas anualmente.

- O Platinum Outlet foi idealizado para atender a crescente demanda da região, incluindo Porto Alegre, e outros polos do Estado, uma vez que está no acesso direto para a Serra Gaúcha. 

Leitores acham que vereadores foram os que mais perderam com a invasão do Bloco dos Pelados

O editor não concorda com o resultado da enquete, porque fosse assim o dono de uma casa roubada seria culpado por deixar a porta aberta, e não o ladrão, mas é inegável que o recado dos leitores significa o seguinte: os vereadores não usaram a autoridade que possuem, foram fracos e covardes.

A enquete que o editor disponibilizou no final de semana para saber quem mais perdeu com a violenta ocupação da Câmara de Vereadores de Porto Alegre por parte do Bloco dos Pelados, constatou que os leitores acham que os menos culpados foram os vândalos sexistas.

. A culpa principal foi para cima dos próprios vereadores, que não souberam se impor.

. Leia tudo:

Quem mais saiu perdendo com a ocupação da Câmara de Porto Alegre?

- Os próprios vereadores, que não souberam se impor. 68 (41%)
- A juíza que permitiu a continuação da ocupação. 59 (36%)
- Os vândalos sexistas que começaram bem e terminaram desmoralizados. 35 (21%

Assembléia do RS reúne especialistas para discutir precatórios. Evento serviu para homenagear jornalistas, inclusive o editor desta página.

Os governos – federal, estaduais e municipais – devem R$ 100 bilhões em precatórios (dívidas com sentença judicial reconhecendo-as como líquidas, certas e para imediato pagamento).

. Apenas São Paulo deve R$ 50 bilhões.

. No RS, são R$ 18 bilhões.

. Governos caloteiros não pagam o que devem, tentam ir quitando os valores a conta-gotas e sem prazo, contrariando o que dispõe a Constituição e afrontando as decisões do Poder Judiciário.

. O assunto é o tema do II Seminário Estadual dos Precatoristas, reunido desde a manhã desta segunda-feira no Plenarinho da Assembléia, com a presença de especialistas, precatoristas e representantes do Judiciário e do Ministério Público. A iniciativa é da Assembléia. A proposição é do deputado Frederico Antunes.

. O editor foi homenageado como um dos jornalistas que mais defendem os credores e por isto foi homenageado pela Assembléia do RS. Veja e ouça o comentário abaixo para saber mais sobre o assunto.

Veja - A falência do Novo Modelo Econômico de Dilma

O economista americano John Taylor, professor de Stanford, lançou no ano passado o livro First Principles (Princípios Primordiais, sem tradução no Brasil), no qual argumenta que a recuperação americana tem decepcionado porque os Estados Unidos se desviaram das políticas que, historicamente, os levaram ao posto de país mais próspero do mundo. Para Taylor, a interferência equivocada do governo no funcionamento dos mercados e o desequilíbrio nas contas públicas, entre outros fatores, minaram a confiança dos empresários e reduziu a atividade.

. Difícil não pensar no Brasil, lendo a análise de Taylor. O país havia recobrado a estabilidade, irradiando o otimismo na população e atraindo investimentos produtivos. A base para o novo período de prosperidade era assentada em três pilares: o respeito às metas de inflação, a flutuação da taxa cambial e o controle das contas públicas. Esse tripé, apenas, não basta para trazer o desenvolvimento. Mas graças a ele a economia ganhara previsibilidade e credibilidade.

. Porém, segundo reportagem especial da revista Veja desta semana, a pretexto de acelerar o crescimento, o governo Dilma Rousseff decidiu se afastar desses princípios. O governo viveu sob a ilusão de ter criado um “moto contínuo tropical”, na expressão do gestor de recursos Luis Stuhlberger, diretor da Credit Suisse Hedging-Griffo. Imaginou ser possível engendrar uma máquina de crescimento que se movesse indefinidamente, sem custos. Mas a ilusão parece ter chegado ao fim. Estão por toda parte os sinais de falência da política baseada no crédito farto, na ingerência na vida econômica, na negação das leis de mercado e na farra fiscal.

NESTA SEGUNDA-FEIRA
Você tem um motivo a mais para degustar os melhores chopes e cervejas de Porto Alegre (classificação da revista Veja). Dezenas de rótulos dos melhores artesanais do mundo.
O cliente que mais consumidor no Bier Markt durante todas as segundas-feiras de julho (valor cumulativo durante o mês), terá uma surpresa no dia 30: vai ganhar duas diárias, com direito a um acompanhante, no hotel Varanda das Bromélias, Gramado.
Seu happy hour de hoje ficará ainda mais divertido. Harmonize tudo com o cardápio de petiscos.
Bier Markt, Castro Alves
Bier Markt Vom Fass, Barão de Santo Ângelo
www.varandadasbromelias.com.br
ESTACIONAMENTO FÁCIL. SEGURANÇA. AR CONDICIONADO.

Câmeras ao vivo mostram a neve nas serras gaúchas do RS e Santa Catarina

A foto é de hoje. O editor falou com o blog http://www.saojoaquimdefato.com.br/ e que promete postar mais cenas de São Joaquim. 

Os primeiros flocos de neve do inverno de 2013 foram registrados na madrugada desta segunda-feira nas cidades de Santa Catarina e do Rio Grande do Sul. No primeiro,  registros confirmados ocorreram em São Joaquim, no Planalto Sul,  e em Chapecó, no Oeste. Já no segundo, o registro informado ocorreu em São José dos Ausentes, nos Aparados da Serra, fronteira com SC.Conforme o Instituto Nacional  de Meteorologia, além de São José dos Ausentes (Serra), Cambará do Sul, Lagoa Vermelha e Bom Jesus.  Em São Joaquim, o fenômeno durou cerca de 10 minutos na madrugada e nas primeiras horas da manhã. A previsão é de que ele venha a se repetir com mais intensidade no decorrer do dia em outras cidades das regiões mais altas. No Rio Grande do Sul, a neve em São José dos Ausentes começou quando os termômetros marcavam - 0,5ºC.

CLIQUE nos links abaixo do site "Veja ao Vivo" e confira, se tiver sorte, a neve caindo nas cidades de Ubirici, São Joaquim e Gramado.
http://vejoaovivo.com.br/rs/gramado/av-das-hortensias-esq-av-borges-de-medeiros.html

Bradesco tem o 5º maior lucro entre os bancos brasileiros

O lucro contábil do Bradesco no primeiro semestre de 2013, de R$ 5,86 bilhões, anunciado nesta segunda-feira, é o maior já registrado pela instituição para um primeiro semestre e o quinto da história entre todos os bancos brasileiros de capital aberto, de acordo com levantamento da consultoria Economatica.

. O Itaú Unibanco é o banco que ocupa o primeiro lugar entre as instituições que registraram os maiores lucros para um primeiro semestre - R$ 7,13 bilhões.

. Entre os 10 maiores lucros da história dos bancos brasileiros de capital aberto para o primeiro semestre, quatro são do Itaú Unibanco, três do Bradesco e três do Banco do Brasil.

Em noite muito fria, novo protesto vai ocorrer nesta segunda em Porto Alegre

Após ser adiado devido à chuva na semana passada, o Bloco de Lutas Pelo Transporte Público articula um novo protesto para o final da tarde desta segunda-feira, em Porto Alegre. O ato deve começar às 18h  na frente do prédio da Prefeitura da Capital, no Centro. Com o frio de quase zero grau previsto para a noite de hoje, o número de manifestantes deverá ser bem reduzido.

. Organizada pelas redes sociais, a página da manifestação criada no Facebook tem mais de 4 mil pessoas confirmadas. O ato foi denominado de "Grande ato pela conquista do Passe Livre, abertura de contas e transporte 100% público".

. Na semana passada, diante das informações sobre manifestação, o Sindicato dos Lojistas de Porto Alegre (Sindilojas) orientou que o comércio funcionasse normalmente.

FGV diz que confiança da Indústria caiu em julho

O Índice de Confiança da Indústria (ICI), apurado na prévia da Sondagem da Indústria, apontou queda de 3,6% em julho em relação ao resultado de junho, atingindo 100,1 pontos, abaixo da média histórica recente de 103,8 pontos, divulgou nesta segunda-feira, a Fundação Getúlio Vargas (FGV).

. A prévia de julho demonstra que o Índice da Situação Atual (ISA) cedeu 4,3% ante a prévia de junho, para 100,3 pontos, o menor nível desde julho de 2009. Já o Índice de Expectativas (IE) caiu 2,8%, para 99,9 pontos, acentuando a trajetória de queda observada desde março.

. A prévia apontou que o Nível de Utilização da Capacidade Instalada (Nuci) da indústria ficou estável na passagem de junho para julho, permanecendo em 84,4%. A prévia dos resultados da Sondagem da Indústria abrangeu a consulta a 804 empresas entre os dias 2 e 17 de julho. O resultado final da pesquisa será divulgado pela FGV no dia 29.

Focus: estimativa para o crescimento da economia em 2013 cai para 2,28%

A projeção de instituições financeiras para o crescimento da economia, este ano, caiu pela décima semana seguida. De acordo com a pesquisa semanal do Banco Central (BC) ao mercado financeiro, o relatório Focus, a estimativa para a expansão do Produto Interno Bruto (PIB), soma de todos os bens e serviços produzidos no país, desta vez, passou de 2,31% para 2,28%. Para 2014, também houve redução, de 2,80% para 2,60%.

. A estimativa para a expansão da produção industrial passou de 2,23% para 2,10%, este ano, e segue em 3%, em 2014. A projeção para a relação entre a dívida líquida do setor público e o PIB segue em 35%, este ano, e em 34,9%, no próximo ano. A expectativa para a cotação do dólar subiu de R$ 2,20 para R$ 2,24, no final deste ano, e segue em R$ 2,30, ao fim de 2014.

Pode ter neve nas próximas horas no Rio Grande do Sul

Após um amanhecer gelado na região, com temperaturas entre 1 e 7 graus entre a Grande Porto Alegre e Serra, e queda de neve em pelo menos quatro cidades gaúchas, a segunda-feira pode ter mais surpresas do clima gaúcho. Ainda há chance para queda de mais neve e até de chuva congelada na região.

. Com o aumento do vento, que deverá soprar moderado com rajadas fortes entre 50 a 70 km/h, e a possibilidade de formação de nuvens de maior desenvolvimento vertical ao longo do dia podem deixar o céu encoberto com chance de pancadas de chuva congelada (semelhante a granizo) ou queda de graupel (grânulos de neve pequenos e opacos semelhantes a bolas de sagu). Na Serra, segue as condições também propícias para neve em flocos.

. A MetSul Meteorologia alerta que a sensação térmica seguirá negativa e perigosa para pessoas expostas nas ruas (moradores de rua) com risco de hipotermia.

Aécio denuncia: "Volta da inflação é resultado de má gestão do governo do PT"

 * Título original: Validade
Aécio Neves

Durou menos de 24 horas a validade das declarações da presidente da República na reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social, assegurando que a inflação não é motivo de preocupação e que as contas públicas estão sob controle.

O cenário descrito na ata do Comitê de Política Monetária (Copom), divulgada no dia seguinte, é outro - a inflação continua elevada e resistente, exigindo máxima atenção.

A ata também contradiz a presidente em relação às contas públicas. Enquanto a primeira mandatária garante que a "política fiscal é robusta", o Copom vê o "balanço do setor público em posição expansionista", com crescente elevação dos gastos públicos, o que acaba elevando a pressão inflacionária.

O documento cumpre ainda a missão de mostrar algumas verdades importantes.

A presidente verá que se engana atribuindo as críticas ao seu governo ao pessimismo generalizado da oposição, dos empresários e da imprensa.

CLIQUE AQUI para ler mais.

NESTA SEGUNDA-FEIRA
Você tem um motivo a mais para degustar os melhores chopes e cervejas de Porto Alegre (classificação da revista Veja). Dezenas de rótulos dos melhores artesanais do mundo.
O cliente que mais consumidor no Bier Markt durante todas as segundas-feiras de julho (valor cumulativo durante o mês), terá uma surpresa no dia 30: vai ganhar duas diárias, com direito a um acompanhante, no hotel Varanda das Bromélias, Gramado.
Seu happy hour de hoje ficará ainda mais divertido. Harmonize tudo com o cardápio de petiscos.
Bier Markt, Castro Alves
Bier Markt Vom Fass, Barão de Santo Ângelo
www.varandadasbromelias.com.br
ESTACIONAMENTO FÁCIL. SEGURANÇA. AR CONDICIONADO.

Mercado aposta em PIB ainda menor (2,28%) para 2014. Projeções sobre economia pioram ainda mais.

Segundo informações desta manhã da Agência Brasil, órgão do governo federal, com texto final e mais dados do site www.brasil147.com.br, a  projeção de instituições financeiras para o crescimento da economia, este ano, caiu pela décima semana seguida. Leia mais:

De acordo com a pesquisa semanal do Banco Central (BC) ao mercado financeiro, a estimativa para a expansão do Produto Interno Bruto (PIB), soma de todos os bens e serviços produzidos no país, desta vez, passou de 2,31% para 2,28%. Para 2014, também houve redução, de 2,80% para 2,60%.
A estimativa para a expansão da produção industrial passou de 2,23% para 2,10%, este ano, e segue em 3%, em 2014. A projeção para a relação entre a dívida líquida do setor público e o PIB segue em 35%, este ano, e em 34,9%, no próximo ano. A expectativa para a cotação do dólar subiu de R$ 2,20 para R$ 2,24, no final deste ano, e segue em R$ 2,30, ao fim de 2014. A previsão das instituições financeiras para o superávit comercial (saldo positivo de exportações menos importações) caiu de US$ 6 bilhões para US$ 5,85 bilhões, neste ano, e foi mantida em US$ 8 bilhões, em 2014.

. Para o déficit em transações correntes (registro das transações de compra e venda de mercadorias e serviços do Brasil com o exterior), a estimativa foi mantida em US$ 75 bilhões, este ano, e foi ajustada de US$ 78,95 bilhões para US$ 80 bilhões, em 2014. A expectativa para o investimento estrangeiro direto (recursos que vão para o setor produtivo do país) foi mantida em US$ 60 bilhões tanto para 2013 quanto para o próximo ano.

Médicos e estudantes gaúchos de medicina decidirão sobre greve em assembléia desta terça em Porto Alegre

Será nesta terças, 19h, na Amrigs, Porto Alegre, a assembléia geral dos médicos e estudantes de medicina do RS para decidir sobre greve geral no Brasil.

. A convocatória é assinada por Cremers, Amrigs e Simers.

Turra, hoje, em Brasília, para discutir exportação de fragos do Brasil

Ex-ministro da Agricultura e ex-presidente da Conab, o ex-deputado Francisco Turra, atual presidente executivo da  Associação Brasileira dos Produtores e Exportadores de Frangos,  falará hoje com o ministro atual da Agricultura, Antonio Andrade.

. “Preciso discutir questões ligadas ao setor avícola, responsável por R$  9 bilhões em exportações só no primeiro semestre”, disse Francisco Turra ao editor, esta manhã. Ele viajou de Porto Alegre para Brasilia com o filho, Sérgio Turra,  Freio de Ouro do ano passado na Expointer. O Freio de Ouro é sempre a maior seletiva de cavalos crioulo, a paixão de Sérgio. Ele é candidato a deputado estadual no ano que vem. Antonio Andrade será convidado a visitar a exposição de Esteio.

Saiba como você pode receber a newsletter diária deste site.

A Newsletter diária do site www.polibiobraga.com.br ganhou nova configuração desde a quinta-feira da semana passada. O modelo anterior de negócio foi descontinuado, mas desde quinta os leitores podem usar a ferramenta própria existente aí ao lado, acima, à direita, na qual precisam apenas digitar o e-mail para o qual desejam direcionar o envio da newsletter diárias.

. Segue abaixo um passo a passo para cadastrar o seu e-mail.

1) Inserir o seu e-mail na janela abaixo que se encontra no site, em cima, à direita:















2) Confirmar a solicitação na janela que vai aparecer igual a esta:



















3) Você vai receber um e-mail de: Activate your Email subscription to: Jornalista Polibio Braga e deverá clicar no link igual ao abaixo para confirmar a sua inscrição.















. Tão logo fique disponibilizado o endereço do leitor, os serviços do próprio Google serão acionados automaticamente e o assinante começará a receber a newsletter diariamente, inclusive sábados, domingos e feriados.

. A nova newsletter é bem mais clean. Ela é constituída por manchetes, trechos iniciais das notícias e link para a leitura completa das informações que mais interessarem ao leitor. Neste novo formato, não são admitidos anúncios ou qualquer tipo de publicidade. Desta forma, somente no site serão aceitas autorizações para veiculações de banners. O envio da newsletter diária passa a ser mais uma disponibilidade fornecida gratuitamente pelo site.

. A seguir um modelo da nova newsletter que o assinante vai receber:

II Fórum Estadual dos Precatórios começou esta manhã na Assembléia do RS

Começou nesta manhã de segunda-feira, dia 22 de julho,  em Porto Alegre,  o II Fórum da Semana Estadual de Conscientização dos Direitos dos Precatoristas. Foi o que informou ao editor o presidente da Frente parlamentar de precatórios da Assembléia, deputado Frederico Antunes, O evento acontece no Plenarinho da Assembleia Legislativa e reunirá precatoristas, representantes do Tribunal de Justiça, Secretaria da Fazenda, Tribunal de Contas, OAB, advogados e entidades. A ideia é apresentar alternativas para o Governo quitar a dívida dos precatórios e a fila da ordem cronológica comece, finalmente, a andar.

. Ao final das atividades da manhã, ao meio-dia, o Sinapers – Sindicato dos Servidores Públicos Aposentados e Pensionistas do Estado do RS fará uma manifestação em frente ao Palácio Piratini e promoverá um ABRAÇO À PRAÇA DA MATRIZ, pelo pagamento integral dos precatórios.
(Em anexo a programação do evento).

.  O Fórum é realizado todos os anos na última semana de julho, integrando as atividades da Semana Estadual dos Precatoristas, criada pelo presidente da Frente Parlamentar de Precatórios da AL, deputado Frederico Antunes. O mês de julho foi escolhido para homenagear os precatoristas que faleceram no acidente aéreo com o voo 3054, da TAM (2013), quando se dirigiam para São Paulo para uma manifestação em prol do pagamento de precatórios. 

- Até junho foram pagos mais de R$ 277 milhões. Segundo o juiz coordenador do Setor de Precatórios do TJ, Luiz Antônio Capra, a ideia é pagar R$ 600 milhões até o final do ano. 

NESTA SEGUNDA-FEIRA
Você tem um motivo a mais para degustar os melhores chopes e cervejas de Porto Alegre (classificação da revista Veja). Dezenas de rótulos dos melhores artesanais do mundo.
O cliente que mais consumidor no Bier Markt durante todas as segundas-feiras de julho (valor cumulativo durante o mês), terá uma surpresa no dia 30: vai ganhar duas diárias, com direito a um acompanhante, no hotel Varanda das Bromélias, Gramado.
Seu happy hour de hoje ficará ainda mais divertido. Harmonize tudo com o cardápio de petiscos.
Bier Markt, Castro Alves
Bier Markt Vom Fass, Barão de Santo Ângelo
www.varandadasbromelias.com.br
ESTACIONAMENTO FÁCIL. SEGURANÇA. AR CONDICIONADO.

Com 40% de rejeição, mal destino de Dilma para 2014 está selado

- Nunca, antes, na história deste País, um candidato conseguiu eleger-se com 40% ou mais de rejeição popular. Dilma está com este índice. 

Em sua coluna na Folha de SP deste domingo, Fernando Rodrigues analisa: “Agora, dois outros levantamentos divulgados nesta semana (depois do Datafolha), mostram um grau de deterioração similar. No caso de Dilma Rousseff, as pesquisas da CNT e do Ibope indicam que a petista parece ter estacionado no patamar de 30% das intenções de votos na disputa pelo Planalto em 2014.” O ex-prefeito do Rio, Cesar Maia, toma o tema para fazer uma análise sobre a rejeição de Dilma. leia tudo:

A formação de opinião pública se dá de forma progressiva, em geral desde os setores médios, consumidores de jornais e de internet, em direção aos demais. Nada disso tem a ver com formadores de opinião, que hoje provocam muito pouco impacto. São ondas que se espalham na sociedade através de fluxos dispersos, gerando conversas, comentários, bate-papo..., e construindo uma opinião pública estável por um novo período. O impacto das redes sociais nas ruas aumentou a rejeição dos que governam. Uns mais, outros menos. Há diversos níveis de profundidade. Claro que onde o impacto foi drástico, mais rapidamente a onda se espalha –ou se espalhou- em toda a sociedade, o que vale dizer, o tempo e a comunicação política para reversão –se for possível- será muito maior.
           
Em relação à Dilma, todas as 3 pesquisas mostraram a mesma coisa. Mas essa média de 30% de intenção de voto não é o mais importante. Lula tinha isso de ótimo+bom em dezembro de 2005, pós-mensalão. O mensalão produziu um desgaste via cobertura da imprensa, mas as ruas e as redes sociais estavam ausentes. Quando se avaliou um processo de impedimento de Lula, FHC discordou, pois isso geraria um estressamento político com os movimentos sociais nas ruas, em defesa de Lula. Isso além de não existir mais oito anos depois, ainda o processo nas ruas foi invertido, com sindicatos e associações fora. O mais importante é que nos níveis de renda mais alta, Dilma naufragou, e sua recuperação é inviável em um ano e meio. O desgaste foi muito fundo. Não há mais recuperação. Mas nos níveis de renda menor, Dilma quase ganharia no primeiro turno estando acima dos 40%. Mas a onda vai se espalhando e vai chegar lá. Não se trata de ficar inventando novos programas e novos subsídios, que serão percebidos como mais do mesmo, mas de desenhar uma política de comunicação e mobilização de opinião, que permitam minimizar a força do espalhamento em direção à área popular. Mas o jogo é jogado por vários atores, políticos, sociais, econômicos e culturais. Os críticos, opositores ou demais candidatos a presidente, terão que fazer o mesmo, mas em sentido contrário: acelerar a onda de espalhamento e focalizar os setores de menor renda em suas políticas de comunicação e em sua mobilização de opinião.         

Tarso beneficia indústrias do Simples com redução do ICMS na suas compras de insumos. Comércio continuará discriminado.

A medida atinge apenas as empresas incluídas no Simples e deixa de fora toda a cadeia comercial, que é a maior interessada, porque está sendo penalizada gravemente nas compras interestaduais, já que a alíquota maior não é cobrada na maior parte dos outros Estados. O decreto de hoje apenas confirma o que o governador anunciou no Dia do Comércio para o presidente da Federação das CDLs, Vitor Koch. A escolha da data foi um paradoxo, porque coube a Koch, líder das CDLs, portanto do comércio varejista, anunciar um benefício para a indústria e não para o seu setor. Leia a notícia distribuída esta manhã pelo Piratini, que naturalmente não faz referência alguma ao que o editor acaba de colocar.

O governador Tarso Genro assina, nesta segunda-feira (22), às 14h30, no Palácio Piratini, em Porto Alegre, decreto que reduz o ICMS de 17% para 12% às saídas de insumos para a indústria do Rio Grande do Sul. A medida foi ampliada e vai incluir os segmentos coureiro-calçadista e moveleiro, ampliando de 16 para 18 o número setores beneficiados.

Rússia resiste em levantar embargos a carnes do RS, MT e Paraná

O jornal Valor desta segunda-feira informa que a Rússia começou a flexibilizar o embargo contra as carnes de Paraná, Rio Grande do Sul e Mato Grosso mesmo sem ter no radar planos para acabar formalmente com a interdição imposta desde julho de 2011, segundo fontes em Moscou consultadas pelo jornal. Leia mais:

O governo russo voltou a habilitar três frigoríficos do Paraná a exportar para seu mercado. E neste mês uma missão de veterinários do país visitou plantas em Mato Grosso e no Rio Grande do Sul, o que pode levar à reabertura para alguns produtores desses Estados.

No entanto, fontes na capital russa estimam que dificilmente Moscou suspenderá formalmente o embargo, porque isso significaria que 30 frigoríficos dos três Estados brasileiros voltariam a exportar para o mercado russo.


Isso é considerado muito improvável por representar um enorme aumento potencial de exportações. Basta ver que atualmente apenas 40 frigoríficos.

CLIQUE AQUI para saber mais.

Braço de infraestrutura da Samsung negocia ida para Santa Catarina

Depois de atrair a fábrica de automóveis BMW para Araquari e da fábrica de motores da GM para Joinville, vizinhas uma da outra, o governo de Santa Catarina conclui os entendimentos para a vinda da fábrica de automóveis Mercedes Benz e da coreana Samsung.

. O secretário de Planejamento, Murilo Flores, representa o governador Raimundo Colombo em reunião de hoje com os dirigentes da Samsung, em Seul, Coreia do Sul. As conversações iniciaram oficialmente há três meses. Os coreanos têm interesse em investir na área de infraestrutura – portos, aeroportos e ferrovias – em todo o Brasil.

. A informação foi passada na manhã desta segunda-feira para o editor. 

Grupo Accor traz para Porto Alegre seu hotel uma estrela, o Budget, antigo Formule 1.

O grupo francês Accor, que já opera em Porto Alegre com três das suas bandeiras (Ibis, Mercure e Novotel) decidiu investir no seu hotel de uma estrela, o Budget, antigo Formule 1, que será erguido no centro histórico da capital, com 62,8% da obra financiada pelo BNDES, o que corresponde a R$ 22,9 milhões. Com 2,3 mil metros quadrados, o empreendimento contará com 18 pavimentos e sua estrutura será composta por 322 apartamentos, lobby, restaurante e estacionamento para 137 veículos. O empreendimento na avenida Júlio de Castilhos, esquina com Coronel Vicente, conforme avisa a direção da empresa ao editor,  ficará a cerca de 8 km do Aeroporto Internacional Salgado Filho, 500 metros  da rodoviária e ao lado do novo "Puerto Madero" da cidade, o Cais do Porto, que está em vias de iniciar suas obras.

. O cinco estrelas do grupo Accor, o Sofitel, ainda não opera em Porto Alegre.