O RS não é o Maranhão, mas alunos nos governos do PT ainda frequentam aula em banheiros e cozinhas

- Num programa de rádio, hoje, o governador Tarso Genro teve coragem de dar nota 7 ao andamento da retomada das aulas nesta quinta-feira em todo o RS. CLIQUE AQUI para ler tudo e examinar reportagem com imagens sobre o caso (a reportagem é da RBS TV). Um aluno bem instruído avisa: "Podia ser mais melhor, porque o cheiro aqui é muito forte". O editor publicou nota sobre isto na edição de ontem. 

A falta de estrutura em uma escola de Lajeado, na região do Vale do Taquari, no Rio Grande do Sul, faz com que os alunos usem banheiros como sala de aula. O prefeito de Lajeado é o ex-deputado Luiz Fernando Schmidt, PT. O material a seguir é do site G1 (Rede Globo) de hoje:

. Outras áreas também tiveram de ser improvisadas, como a cozinha, que  funciona onde antes era uma sala de informática. O refeitório onde as crianças se alimentam foi instalado no saguão da Escola Municipal Dom Pedro I, como mostra a reportagem do Bom Dia Rio Grande, da RBS TV. Além disso, o muro que cerca da escola desabou por causa da chuva. "Para nós, pais, é preocupante. Tinha de ter um jeito de segurar eles aqui dentro, mas com o muro aberto fica difícil", diz Neuza Agostini, mãe de aluno. Sala foi adaptada, mas vasos sanitários ainda estão no local.

. A sala usada para reforço escolar dos alunos também funciona em um banheiro. "Acho meio estranho isso, né? Aula no banheiro. Melhor seria em uma sala", defende o aluno Rian Bello.
"A gente não está acomodando devidamente os alunos, principalmente na questão de atendimento, a gente sabe que é improvisado, que poderia estar melhor. Já estamos há um ano nessa situação, mas esperamos que seja resolvido", admite a diretora da escola, Vânia Lima.

A hora de reagir à Corte Suprema Bolivariana é a das eleições de outubro


O que mais chamou a atenção nos desabafos do ministro Joaquim Barbosa foi esta declaração curta e grossa que ele fez:
- Isto é apenas o começo.

. O presidente do STF, sem dizer claramente, disse obliquamente o qwue o editor também pensa:
- Hoje foi o início da instalação da Corte Bolivariana de Justiça.

. O que os ministros decidiram por 6 x 5 contraria as provas dos autos e ataca o bom senso de uma maneira irremediável, franqueando a disseminação do banditismo político no Brasil.

. Ora, se duas dezenas de condenados cumprem pena porque cometeram crimes de corrupção ativa, corrupção passiva, lavagem de dinheiro, estelionato, evasão de divisas, e todos esses crimes foram cometidos para levantar dinheiro público e privado com o objetivo de corromper eleitores e parlamentares, tudo com o objetivo comum de manter o PT no Poder, ora, se isto é verdade, afinal de contas de que modo essa rede teria operado sem que tivesse  agido através de uma organização criminosa, portanto formando uma quadrilha?

. É sobre isto que fala o editor neste comentário, intitulado - A hora de reagir à Corte Suprema Bolivariana é a das eleições de outubro

Há oito dias ela está algemada na cadeira, tudo porque não há vaga para presos no Maranhão dos Sarney e de Dilma.

A cena chocante ao lado é do Maranhão. De novo o Maranhão dos Sarney. A cena não ocorre apenas no território sob governo de aliados carnais de Dilma e do PT, mas acontece no Brasil dos governos Dilma e PT, que segundo a propaganda oficial já resolveu as mais sórdidas chagas sociais do País. Leia o texto de Veja de hoje (site www.veja.com.br):

Depois de chocar o país com a sucessão de detentos mortos brutalmente em presídios, a segurança pública no Maranhão continua superando limites: na cidade de Codó (290 quilômetros de São Luís), um delegado resolveu deixar uma mulher algemada por oito dias a uma cadeira por falta de vagas na penitenciária feminina. Presa por tráfico de drogas, Clenúbia de Souza, de 29 anos, só pode se levantar da cadeira para ir ao banheiro.

. No passado, as presas eram levadas para a penitenciária da cidade vizinha de Coroatá, cujas instalações foram destruídas em um incêndio.

A Secretaria de Segurança afirmou, em nota, na manhã desta quinta-feira, que Clenúbia será transferida ainda hoje para o Complexo de Pedrinhas, onde há vagas para mulheres.

Coronel acha que ataque contra carros da Brigada é atentado dos vândalos que o governo combate com luvas de pelica

O que pensa e diz o tenente-coronel José Carlos Riccardi Guimarães, presidente da Associação dos Oficiais da BM, ao analisar o atentado contra uma dezena de carros da Brigada Militar:

- O ataque às viaturas é consequência da política governamental de recuar em relação aos vândalos que protestam desde o ano passado.

Oi reforça rede para atender a demanda de clientes por tráfego móvel no Carnaval

Para atender ao crescimento do tráfego de voz e de dados nas linhas móveis durante o Carnaval, a Oi ampliou a capacidade das antenas de celular já instaladas em todo o país e reforçou a cobertura, com a ativação temporária de novas estações rádio base móveis (fotos), nos principais locais de concentração de público.

. Nos estados da região Sul, a Oi reforçou sua cobertura de rede móvel em pontos do litoral que concentraram as maiores festividades da região com milhares de turistas, como Imbé, Xangri-lá e Torres, no Rio Grande do Sul, e no Parque Beto Carrero World, localizado no município de Penha, em Santa Catarina. A capacidade da rede móvel da Oi também foi reforçada na Ilha do Mel, no litoral paranaense, outro importante ponto turístico.

Nomeação da mulher para alto cargo da Assembléia constrange Lasier Martins

Lasier e Janice: o casal de jornalistas resolveu abraçar a política e já são fustigados pelo fogo amigo, inclusive da antiga casa de ambos, a RBS. 



As redes sociais voltaram a registrar críticas ferozes contra o jornalista Lasier Martins nesta quinta-feira, logo depois que foi conhecido o texto de Zero Hora com a informação de que sua atual mulher, a jornalista Janice Santos, foi nomeada pelo presidente Gilmar Sossela para o polpudo cargo de diretora de jornalismo, fazendo jus ao salário mensal de R$ 12 mil.

. O caso repercutiu muito porque a RBS ampliou tudo. Os outros jornais de Porto Alegre nem tocaram no assunto.

. Lasier é candidato ao senado pelo PDT, mesmo Partido do novo presidente da Assembléia, Gilmar Sossela. Sossela nem esperou esquentar no cargo. Ele assumiu no dia 1o e na mesma data nomeou Janice.

. A nomeação não tem qualquer impedimento legal, mas o caso constrangeu Sossela e o próprio Lasier, que avisou:

- Janice ficaria só um mês e para ajudar Sossela na área. Ela vai trabalhar na minha campanha. 


Saiba quem está com Sartori na disputa interna pela candidatura do PMDB ao Piratini

Foi como se esperava o lançamento da candidatura ao Piratini do ex-prefeito de Caxias, José Ivo Sartori, hoje, no Hotel Lagheto, Porto Alegre. É que dele participaram os principais dirigentes do PMDB no RS, inclusive toda a bancada de deputados federais e estaduais, exceção do deputado Padilha, que apóia o adversário de Sartori, e Edson Brum, o presidente, que quer manter posição e magistrado. No dia 15 de março, em pré-convenção, o PMDB optará entre Sartori e o atual presidente da Confederação Nacional dos Municípios, Paulo Ziukolski. 

. Eis a lista dos principais dirigentes gaúchos do PMDB que lançaram Sartori:

Senador Pedro Simon
Ex-governador Germano Rigoto
Ex-prefeito de Porto Alegre, José Fogaça
Atual vice-prefeito de Porto Alegre, Sebastião Melo
Ex-presidentes do PMDB
Ibsen Pinheiro
Cézar Schirmer
Odacir Klein
Lélio Souza
Giovani Feltes
Deputados estaduais
Alexandre Postal
Álvaro Boessio
Márcio Biolchi
Maria Helena Sartori
Nelson Harter
Deputados federais
Alceu Moreira
Osmar Terra
Darcísio Perondi
Dirigentes
Ex-deputado Luís Roberto Ponte
Presidente da Câmara de Porto Alegre, Professor Garcia
Presidente da Juventude, Daniel Kieling
Presidente do PMDB Mulher, Regina Perondi
Vereador de Porto Alegre, Idenir Cechin

CLIQUE AQUI para ler o manifesto.

Ela vai passar o Carnaval na Bahia, para onde também irá Aécio

Embora este seja ano de eleição, a presidente Dilma Roussef não comparecerá aos circuitos da folia, porque sua agenda prevê descanso entre esta sexta-feira e o próximo dia 5, Quarta-Feira de Cinzas, quando ela retornará para Brasília.

. Dilma não virá a Porto Alegre, já que assim como nas estadas anteriores, Dilma irá para a Bahia. Ela deve receber visita do governador Jaques Wagner.

. Ao contrário da petista, quem pretende explorar ao máximo a folia é Aécio Neves. O tucano passará a noite de sexta com ACM Neto no camarote da Prefeitura.


Joaquim Barbosa sobre a nova maioria bolivariana do STF: "Hoje foi um dia de opróbrio e de vergonha"

Sem chances de reverter a aprovação dos embargos infringentes, o presidente do STF conclui às 12:53 seu voto pela formação de quadrilha no nulgamento do Mensalão.

. Foi em vão, porque o placar ficou em 6 a 5 pela absolvição dos réus, entre eles os ex-presidentes do PT José Dirceu e José Genoino.

Votaram com os bandidos do Mensalão: Teori Zavascki, Barroso, Carmem Lúcia, Rosa Weber, Lewandowski e Dias Toffoli.

Votaram contra os bandidos: Joaquim Barbosa, Celso de Melo, Marco Aurélio Mello, Luiz Fux e Gilmar Mendes. 

. Anote estas duras declarações de Joaquim Barbosa:

 - Esta é uma tarde triste para o Supremo. Uma maioria de circunstância formada sob medida derrubou um trabalho primoroso desta corte. Como não dizer que toda essa trama não constitui quadrilha. Essa tese não convence a ninguém, os argumentos foram pífios. O determinismo social está embutido nessa maioria que se formou hoje. Sinto-me autorizado a alertar a nação brasileira de que este é apenas primeiro passo. Esta maioria de circunstância tem todo tempo a seu favor para continuar nessa sua sanha reformadora."

15° Fórum Internacional de Software Livre sairá dia 7 de maio em Porto Alegre

O 15º Fórum Internacional Software Livre sairá de 7 a 10 de maio, no Centro de Eventos da PUCRS, em Porto Alegre. 

Carlos Bastos sai da Assembléia e volta para a Secopa

O jornalista Carlos Bastos não responde mais pela superintendência de Comunicação da Assembléia do RS. Ele voltou para área igual, mas na Secopa, a secretaria municipal que trata dos assuntos da Copa, dirigida por outro jornalista, João Bosco Vaz. Interinamente, o jornalista Cleber Vertoncelo responderá pelas funções na Assembléia. 


O governo Tarso Genro dá calote até na Nota Fiscal Gaúcha

O governo estadual do RS está aplicando calotes nos contribuintes que toparam fornecer seus CPFs e participar dos sorteios da Nota Fiscal Gaúcha. O dinheiro de dezembro, R$ 1,1 milhão, não saiu dos cofres do Tesouro do Estado.

. O Estado está sem dinheiro. 

. O mesmo acontece há mais tempo com os precatórios. 

Band comprova denúncias de Heinze: Funai aceita fraudes de falsos indígenas

Esse gorducho aí ao lado queria tomar posse do Museu do Indio, Rio. É um índio fake, como quase todos que a Funai aceita na sua ira contra os brancos proprietários de terra. 



As imagens e áudios tenebrosos da reportagem a seguir do Jornal da Band de ontem a noite, comprovam tudo o que disse em Vicente Dutra o deputado Luiz Carlos Heinze. É tudo verdade. Este material da Band é histórico. 

A reportagem desta quarta-feira a noite do Jornal da Band comprova com provas materiais – áudio e vídeo – as tenebrosas armações praticadas por delinquentes políticos, tudo sob as vistas complacentes do governo Dilma Roussef, PT, visando tomar a terra dos seus legítimos proprietários, sob o argumento de que elas pertencem a indígenas assim considerados pela Funai.

. O foco principal da reportagem de ontem foi Ilhéus, Bahia, onde centenas de moradores são coagidos a fazer cadastro na Fundação Nacional de Índios como se fossem índios para engrossar invasões de terra no sul da Bahia.

. A região vive um conflito permanente por causa da expulsão de agricultores dessas propriedades.

. O Jornal da Band revelou, com exclusividade, como funciona a fraude que criou uma tribo de falsos indígenas. Apesar de a constituição proibir a ampliação de áreas indígenas desde 1988, a Funai faz vista grossa e há quatro anos demarcou uma área de quase 50 mil hectares que abrange três municípios.

CLIQUE AQUI para ver tudo.

Deputados da Comissão de Finanças aprovam nome de Vicente Rauber para diretoria do Banrisul

Depois de uma ampla fundamentação das suas credenciais e expertise para o cargo, a Comissão de Finanças da Assembléia aprovou a indicação de Vicente Rauber, PT, para diretor do Banrisul. Rauber foi presidente da CEEE e diretor da Refap. É especialista em energia. Rauber substitui Flávio Lammel, que se afastou depois que seu Partido, PDT, saiu do governo. 

. Na sessão desta manhã, os deputados também aprovaram audiência pública, conforme proposta de autoria do deputado Frederico Antunes (PP). A audiência debaterá os Projetos de Lei 267 e 279, de 2013, que autorizam o Banrisul a criar subsidiárias nos ramos de distribuição de seguros, previdência aberta e capitalização e de emissão, administração e processamento de cartões.

Ministério Público desconfia que mensaleiro vendeu até cesta básica para pagar pena imposta pelo STF

Sem contar com as vaquinas leiteiras bem fornidas do PT, José Borba teria vendido até cestas básicas para pagar a multa imposta pelo STF. 



O jornalista Fábio Fabrini, O Estado de S. Paulo, informa esta manhã que o Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) suspeita que o ex-deputado federal José Borba, condenado no processo do mensalão, tenha superfaturado tijolos e cestas básicas compradas como parte da pena alternativa imposta a ele pela Justiça. Em audiência nesta quarta-feira, 26, na Vara de Penas Alternativas do DF, o ex-congressista foi intimado a explicar as diferenças de preço nos itens adquiridos por ele a partir de dezembro do ano passado.

. Borba comprou 170 cestas básicas por R$ 80 cada. No entanto, um levantamento do Governo do Distrito Federal (GDF) encontrou, para os mesmos itens, preços que variavam de R$ 29,90 a R$ 39,89. O advogado de Borba, Michel Saliba, disse que a intimação lhe dava prazo de cinco dias para explicar os valores. Segundo ele as cestas básicas foram compradas em dezembro, época de Natal, enquanto que a pesquisa do GDF é de fevereiro, o que explicaria a diferença nos valores. "Compramos cestas de Natal, não cestas básicas", argumentou, acrescentando que em dezembro os preços dos produtos estavam mais elevados.

. Uma perícia do MPDFT também constatou diferenças nos preços de tijolos comprados pelo ex-deputado para uma instituição como parte de sua pena, conforme revelou o jornal Correio Braziliense nesta quarta-feira. Segundo o advogado de Borba, não havia tijolos em quantidade necessária para a pronta entrega no varejo de Brasília, na época. Como a fábrica não vendia diretamente a pessoa física - no caso, o deputado - foi necessário recorrer a uma empresa para que fizesse a compra pelo parlamentar. Por isso, o ex-congressista teve de pagar o preço solicitado pela empresa, mais alto que o encontrado pelo Ministério Público.

. Condenado a 2 anos e 6 meses de cadeia, ele conseguiu o benefício de trocar a prisão pelo pagamento de penas alternativas, como a compra de material de construção para o presídio feminino do DF. Foram 2,5 mil tijolos e dez sacos de cimento com 50 quilos cada.


Teori Zavascki faz 5 x 1 em favor do Mensalão. STF decide que não houve formação de quadrilha.

A turma ao lado acaba de ser tutelada pelo novo ministro Teori Zavascki. Segundo ele, essa gente nunca se reuniu no formato de quadrilha, porque só faziam, juntos, piqueniques de políticos. 



Cai condenação por crime de formação de quadrilha no Mensalão, porque o ministro Teori Zavascki concluiu seu voto pela absolvição às 10h55, marcando 5 a 1.

. Isto significa que segundo a nova formação do STF, cuja maioria é nomeação exclusivíssima de Lula e Dilma, portanto do governo do PT, nunca houve organização criminosa e bandidos como Zé Dirceu e Zé Genoíno apenas conversaram sobre o assunto numa espécie de piquenique de políticos.

. Vale a pena incluir no rol da nossa nova Corte Suprema Bolivariana os nomes dos ministros Luís Roberto Barroso, Dias Toffoli, Carmen Lúcia, Ricardo Lewandowski, Teori Zavascki e Rosa Weber, porque daqui para a frente será complicado desmontar qualquer quadrilha de malfeitores. 

Saiba como participar do workshop “Marketing Político de Oposição”, Porto Alegre.


Editorial, O Estado - A fala cada vez mais embrulhada de Dilma ou a presidente que não sabe falar

O jornal "O Estado de S. Paulo" comenta em editorial que até mesmo o lusófono presidente da Comissão Europeia, José Manuel Durão Barroso, deve ter tido sérias dificuldades para entender os dois discursos da presidente Dilma Rousseff proferidos em Bruxelas a propósito da cúpula União Europeia (UE)-Brasil. Não porque contivessem algum pensamento profundo ou recorressem a termos técnicos, mas, sim, porque estavam repletos de frases inacabadas, períodos incompreensíveis e ideias sem sentido.

. Dilma fala cada vez pior. Não se trata de falar simples, mas de falar cada vez pior. Ela expõe o Brasil ao ridículo internacional. Dilma faria bem a si mesmo e a todos os brasileiros e estrangeiros, caso se limitasse a ler o que lhe põem na frente. 
            
. Escreve "O Estado":

- Ao falar de improviso para plateias qualificadas, compostas por dirigentes e empresários europeus e brasileiros, Dilma mostrou mais uma vez todo o seu despreparo. Fosse ela uma funcionária de escalão inferior, teria levado um pito de sua chefia por expor o País ao ridículo, mas o estrago seria pequeno; como ela é a presidente, no entanto, o constrangimento é institucional, pois Dilma é a representante de todos os brasileiros - e não apenas daqueles que a bajulam e temem adverti-la sobre sua limitadíssima oratória.

Tuma Júnior lançará "Assassinato de Reputações" dia 19 em Porto Alegre

Dia 19 de março, 19h, o delegado Romeu Tuma Júnior lançará em Porto Alegre o seu livro "Assassinato de Reputações". Será na Livraria Cultura. 

Os históricos do PMDB lançarão Sartori ao governo do RS, esta manhã, 11h, no Hotel Laghetto

As 11h, no Hotel Lagheto, Porto Alegre, o ex-prefeito de Caxias do Sul, José Ivo Sartori, incluirá seu nome na lista de candidatos a candidato ao governo do RS pelo PMDB.

. Sartori é expoente dos chamados "históricos" do Partido, grupo de líderes de corte ideológico mais social-democrata, entre os quais incluem-se Ibsen Pinheiro, Cesar Shirmer, Pedro Simon, José Fogaça, Luiz Ponte e praticamente todas as bancadas federal e estadual.

. Na pré-convenção do dia 15, José Ivo Sartori enfrentará o também ex-prefeito Paulo Ziukolski, atual presidente da Confederação Nacional dos Municípios. Ele é apoiado pelo grupo mais pragmático do PMDB, entre os quais o prefeito Marco Alba e os deputados Eliseu Padilha e Mendes Filho.

. Além da diferença de postura ideológica, as candidaturas também se diferenciam pelo vetor que apresentam em relação à sucessão presidencial, já que Sartori é declaradamente hostil à Dilma, enquanto que Ziukolski prefere ficar com o que decidir a convenção nacional, que aprovará a chapa Dilma-Temer. 

. Nas pesquisas de intenções de votos realizadas até agora, Ziukolski não constou das listas de consultas, mas Sartori fez parte delas, entrando sempre em terceiro lugar, bem atrás de Ana Amélia e Tarso. O resultado não quer dizer muita coisa, porque até a semana passada, o ex-prefeito de Caxias nada tinha explicitado sobre sua disposição de concorrer.

- O PMDB sairá rachado da sua pré-convenção do dia 15, porque nenhum dos dois lados aceitará a decisão que o outro assumirá em relação à sucessão presidencial. 

Eleições presidenciais 2014 - um panorama bem diferente de 2010

Numa longa análise que faz hoje, o site Jornal do Brasil esclarece que  presidenta Dilma Rousseff ganhou as eleições de 2010 com 55.752.983 votos, fazendo 56% dos votos no segundo turno, eleição apertada onde, na realidade, disputava com um candidato já derrotado em eleição anterior para o ex-presidente Lula, e que tinha 43% de rejeição. Leia tudo:

O candidato José Serra tinha uma grande oposição em Minas Gerais. Os mais próximos do tucano afirmam que ele não perdoava o governador Aécio Neves, candidato a senador. Outro candidato ao Senado, o ex-presidente Itamar Franco apoiava o candidato tucano ao governo, mas ostensivamente votava para Presidência da República contra José Serra. Com tudo a favor de Dilma, ela teve 56% dos votos.
Em Pernambuco, Dilma teve uma magnífica vitória com 77% dos votos. Na Bahia, o petista Jaques Wagner também teve mais de 70% dos votos. No Ceará, Dilma teve mais de 77% dos votos. No Piauí, somou 70%. No Maranhão, com o apoio da família Sarney e também do governador Jackson Lago, Dilma obteve mais de 80% dos votos.

. No Rio de Janeiro, centro cultural do Brasil, o candidato a governador Sérgio Cabral vinha de uma boa administração, tendo conseguido para o Brasil a Copa do Mundo e as Olimpíadas. Ainda não tinha sofrido os escândalos do helicóptero, do Maracanã, da Delta, dos guardanapos e etc.
No Rio Grande do Sul, o petista Tarso Genro conseguiu uma expressiva vitória, com mais de 50% dos votos.

. Em São Paulo, mesmo com a eleição de Geraldo Alckmin, Dilma não sofreu muito, pois Serra era quase um anti-candidato do povo. 


. Hoje o cenário é bem diferente.

CLIQUE AQUI para ler tudo. 

Esta manhã o STF dirá que a "Quadrilha do Mensalão" não foi "Quadrilha do Mensalão"

Foi agendada para as 10h desta manhã a sessão do STF que decidirá se os ladrões do Mensalão serão ou não absolvidos do crime de formação de quadrilha. Já se sabe que os novos ministros nomeados por Dilma votarão com o PT. Como esperado, o ministro Luís Roberto Barroso, mais novo integrante do Supremo Tribunal Federal (STF), livrou nesta quarta-feira, ao votar na reta final do julgamento do mensalão, os oito mensaleiros condenados por formação de quadrilha, entre eles o ex-ministro José Dirceu, os petistas Delúbio Soares e José Genoino e o próprio operador da trama criminosa, Marcos Valério.

. Hoje votará Teori Zavascki, conhecido dos gaúchos, onde possui admiradores. O ministro votará de acordo com o que quer o PT, confirmando as piores expectativas que este editor tinha em relação a ele.

Depois de Barroso, Carmen Lúcia, Lewandowski e Dias Toffoli declararam seus votos pela absolvição. O placar ficou em 4 a 1.

. O julgamento será retomado nesta quinta-feira às 10 horas da manhã. É praticamente certo que as condenações serão revistas, porque o ministro Teori Zavascki já afirmou, quando o plenário julgava embargos de declaração do mensalão, que considera desproporcionais as penas dos acusados de formação de quadrilha. Como Rosa Weber votou pela absolvição na primeira fase do julgamento, fecham-se 6 os votos necessários para que os mensaleiros se livrem dessa imputação.

. O STF dirá que a "Quadrilha do Mensalão" não foi "Quadrilha do Mensalão", mas apenas um piquenique de políticos.

- Com a nova composição, a partir de agora, é tratar de mudar o nome do STF para Corte Suprema do Bolivarianismo, um simples aparelho do PT. E ninguém duvide que esses novos ministros queiram anular todo o julgamento do Mensalão. 

IBGE revela que o PIB de 2013 cresceu ridículos 2,3%

Ao lado, evolução do PIB, trimestre por trimestre. Como se percebe, 2012 e 2013 foram anos que beiraram a recessão. Projeção para 2014 é muito ruim.. Os números sobre os dois últimos trimestres de 2013 entram em conflito com os dados do BC. O IBC-Br indicou que a atividade brasileira recuou 1,35 por cento em dezembro, completando dois trimestres negativos, o que indica que a economia entrou em recessão técnica no final de 2013, mostraram dados dessazonalizados do Banco Central nesta sexta-feira Segundo o Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br) divulgado nesta sexta-feira, o quarto trimestre fechou com queda de 0,17 cento em relação aos três meses anteriores, depois de ter se contraído 0,21 por cento no terceiro trimestre sobre o segundo.

O PIB totalizou R$ 4,84 trilhões no ano, segundo dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O PIB cresceu apenas 2,3% no ano passado, mesmo em cima de uma base ridiculamente baixa.  

. Em 2012, a economia brasileira havia crescido 1%. 

. O que salva a economia brasileira é o agronegócio, sem o qual já estaríamos em recessão plena.

- O desempenho do PIB brasileiro em 2013 é superior ao de outro emergente, a África do Sul (1,9%) e grandes potências, como os Estados Unidos (1,9%) e a Alemanha (0,4%).


LBR (leia-se Wilson Zanatta no RS) volta a enfrentar escassez de capital de giro

Pouco mais de quatro meses após ter seu plano de recuperação judicial aprovado pelos credores, a LBR - Lácteos Brasil voltou a enfrentar dificuldades para pagar fornecedores, segundo o Valor Econômico. O material vai resumido a seguir, conforme Milk Point:

A empresa já tomou medidas para sanar o problema, segundo uma fonte próxima à companhia. Mas a nova dificuldade sinaliza que o caminho da LBR para a recuperação financeira será duro e que a retomada dependerá de alguma operação envolvendo venda de ativos ou aporte de capital. Procurada, a LBR não comentou.

Nesse cenário, o executivo Rami Goldfajn, que ocupava desde o fim de janeiro de 2013 o cargo de CEO da empresa, saiu da LBR no último dia 31. Ele fora chamado para fazer a reestruturação operacional da empresa de lácteos - concluída antes da aprovação do plano de recuperação -, e tinha um contrato de um ano que não foi renovado. Conforme fontes, a saída de Goldfajn teria sido uma decisão consensual do executivo e dos acionistas da LBR.

A forte queda dos preços do leite longa vida no mercado brasileiro nos últimos meses explica as recentes dificuldades da LBR, que tem dívidas estimadas em R$ 1 bilhão - a maior parte desse débito está incluída no plano de recuperação judicial. A LBR é muito dependente do leite longa vida e, segundo fonte próxima à companhia, viu recentemente a margem unitária de seu produto cair a menos da metade em relação a 2013, ano em que os preços dispararam. Tal cenário foi exposto no artigo “Uma análise das margens no mercado de leite UHT”.

CLIQUE AQUI para ler mais. 

Entrevista - Escândalos como o dos precatórios podem se repetir, porque o Estado não paga os precatórios

Frederico Antunes, presidente da Frente Parlamentar dos Precatórios

O presidente da OAB do RS, Marcelo Bertolucci, quer saber os nomes dos escritórios de advocacia envolvidos na chamada Operação Precatórios, desfechada pelo Ministério Público Estadual.

. Ele mandou ofício ao MPE, exigindo a lista dos nomes.

. O Ministério Público divulgou dados sobre a operação para a imprensa, acusou diretamente grupos de advogados pelo golpe, mas não quis revelar nomes. A OAB acha que é preciso fazer isto.

. O editor conversou sobre o caso, ontem, com o presidente da Frente Parlamentar dos Precatórios, Frederico Antunes.

Este tipo de golpe é comum?
Não é comum, mas pode-se esperar de tudo em casos como este.

Por que razão?
Porque sempre que o governo cria dificuldades, acaba criando caldo de cultura para que alguém venda facilidades.

Como é isto?
É isso mesmo. O governo não pode dar calote nos seus credores, dizer que deve, não nega, mas que pagará quando puder. Se fizer isto, alguém tentará fazer a cobrança com ágio, com deságio, com golpes, dentro ou fora da lei. Todo mundo sabe disso. Isto tudo é uma vergonha. O Estado precisa pagar suas dívidas, como qualquer pessoa. 

Fogaça poderá ir para a disputa interna pela vaga ao Senado

Em respeito ao candidato a candidato ao governo, no caso o ex-prefeito José Ivo Sartori, hoje, 11h, no Hotel Lagheto, Porto Alegre, um grupo de ex-secretários e ex-assessores do ex-prefeito José Fogaça não lançarão a candidatura dele ao Senado.

Caiado reafirma disposição de enfrentar Dilma e o PT pelo DEM

O deputado Ronaldo Caiado, DEM de Goiás, confirmou no seu perfil do twitter (twitter.com/deputadocaiado) que quer enfrentar Dilma Rousseff na eleição presidencial. Para ser efetivamente candidato, Caiado terá que disputar internamente a convenção do partido, em junho, contra o grupo que defende o apoio ao tucano Aécio Neves.

. Mais de 5.000 membros do facebook participam da página de apoio à pré-candidatura do deputado goiano à Presidência da República: http://www.facebook.com/CaiadoPresidente

. O DEM do RS confirmou hoje ao editor que  é totalmente favorável à candidatura própria do partido.