Nota de Tarso nega armação com a PF para prender índios assassinos de agricultores em Faxinalzinho

Nota de esclarecimento do Governo do Estado
Diante dos incidentes ocorridos na reunião do dia 9 de maio de 2014, em Faxinalzinho, quando do cumprimento, pela Polícia Federal, de mandados de prisão contra indígenas, presentes à reunião, temos a informar o seguinte:
1) Viabilizamos uma reunião inédita, com a nossa participação, da Funai, da prefeitura e representantes de indígenas e de agricultores, com o objetivo de criar o diálogo, a pacificação, o retorno às aulas, a desobstrução das estradas e avançar na construção de propostas para a resolução dos problemas;
2) Durante a reunião fomos surpreendidos com a chegada ostensiva da Polícia Federal para o cumprimento dos mandados de prisão contra os indígenas, suspeitos da morte de dois agricultores, entre eles, o cacique e o vice-cacique, presentes no encontro;
3) Não tínhamos qualquer informação de que tais mandados seriam cumpridos naquele momento. Pelo contrário, na reunião do dia 7 de maio, em Porto Alegre, com o Ministério da Justiça, manifestamos preocupação quanto ao momento e as condições do cumprimento dos mandados. Pedimos ao Ministério da Justiça que coordenasse a questão, de forma a não aumentar a tensão social já existente no município. Na oportunidade, recebemos a informação de que o cumprimento dos mandados encontrava-se em fase de planejamento,
4) Não escolhemos as lideranças que participariam da reunião, não tínhamos conhecimento de quem seriam os suspeitos e menos ainda de que seriam presos durante a reunião.
5) Desta maneira, afirmações de que o governador Tarso Genro teria participado da reunião do dia 7 com o Ministério da Justiça, bem como as suspeitas de que o Estado teria participado de uma armação para a prisão dos indígenas são mentirosas e irresponsáveis e têm como único objetivo fomentar o conflito e aumentar a tensão existente no município de Faxinalzinho.
6) Do ponto de vista legal e policial, nada temos a opor quanto ao cumprimento dos mandados. No entanto, do ponto de vista da solução do problema, a ação, realizada durante a reunião, relevou-se totalmente inadequada, já que interrompeu um momento muito importante de diálogo e construção de propostas que pacificariam o município e garantiriam o direito das duas partes.
7) Reafirmamos que a demarcação de áreas indígenas é uma atribuição exclusiva da União. Portanto, esperamos que o Ministério da Justiça se responsabilize pela retomada do diálogo e a busca da solução do problema. Nós, do Governo do Estado, continuaremos persistindo na busca de uma solução mediada, que garanta tanto o direito legítimo dos indígenas quanto dos agricultores familiares.
Elton Scapini, Secretário de Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo – SDR

Ricardo Zamora, Secretário-Chefe de Gabinete do Governador do Estado

Petrobrás nega propinas envolvendo a empresa SBM Offshore

O editor recebeu na noite deste sábado a nota a seguir, que vai na íntegra.

A Petrobras desmente, de forma veemente, a matéria publicada nesta sexta-feira, dia 9/5/2014, no jornal O Estado de São Paulo, e reitera que tomou conhecimento de denúncias de supostos pagamentos de suborno a empregados da companhia, envolvendo a empresa SBM Offshore, a partir da matéria publicada no jornal Valor Econômico de 13/02/2014.

A companhia instaurou na mesma data uma Comissão Interna de Apuração, que concluiu que, baseada nos trabalhos realizados e restrita a sua competência regulamentar, não encontrou fatos ou documentos que evidenciassem pagamento de propina a empregados da Petrobras.

. A reportagem a que se refere a nota é a que vai no link
CLIQUE AQUI para ler.

ZH de domingo ficou mais asséptica, mais generalista e menos influente dentro do RS

Onde foi parar Rosane Oliveira ?


Ao final de dez dias de mudanças gráficas e de conteúdos, o principal jornal diário do RS, Zero Hora, RBS, continua prestando contas do que resolveu fazer, porque seus leitores não entenderam bem que tipo de produto passaram a adquirir.

. Na edição de domingo, o desaparecimento puro e simples de colunas de importância enorme, como as que são assinadas pelas jornalistas Rosane Oliveira e Carolina Bahia, por exemplo, produziu verdadeiro choque não apenas entre leitores, mas também nos meios políticos e empresariais. As três jornalistas e a importância das colunas que assinam, são marcas registradas do jornal.

. É surpreendente que nas duas páginas de prestações de contas (páginas 22 e 23) nenhuma explicação seja dada sobre os cortes.

. Rosane, Carolina e Maria Isabel continuarão assinando suas colunas de segunda a sábado.

. A melhor explicação sobre o que pretende ZH com as mudanças é a que consta da página 22 da edição de domingo:

- A ideia é reorganizar as matérias para quem fossem priorizadas as informações e sua relevância no dia a dia.

. Isto significa menos opinião e menos lado, portanto mais neutralidade anódina.

. A decisão editorial de eliminar todas as antigas editorias, concentrando-as em apenas duas – Notícas e Sua Vida – vem confundindo os leitores, o que não deixa de ser normal no início da jornada, mas com certeza retirará a importância que o jornal jogava em cobertura e influência, em pelo menos três áreas de enorme importância política e social, no caso as áreas de política, economia e polícia.

. O jornal ficou mais asséptico, mais generalista, menos pontual – e também menos influente dentro da sociedade gaúcha.


. ZH abriu espaço para quem decidir ocupá-lo com mais identidade. 

Associações de Prefeitos e de Vereadores do PMDB vetam Beto, PSB, para o Senado

Os presidentes da Associação de Prefeitos, Juliano da Silva, e da Associação de Vereadores, Rafael Braga, disseram ao jornal Correio do Povo de domingo que não querem que o PMDB entregue a vaga de candidato ao senado ao deputado Beto Albuquerque, PSB. Eles foram claros. Leia o que disse Juliano da Silva:

- O PMDB é muito grande para ficar atendendo as demandas do PSB.

. Ambos querem que o candidato seja o ex-governador Germano Rigotto.


. O PSB, que na sexta reuniu-se com o PSD e o PPS, visando formar um bloco para a disputa das vagas de deputados federais e estaduais, quer negociar com o PMDB em bloco, exigindo a vice para Cairolli, PSD, e Senado, Beto, PSB, mas PSD e PPS deixaram claro que sequer decidiram se apoiarão Sartori.

Juiz manda prender outro implicado no assassinato do menino Bernardo

Veja chegou a dar capa sobre o crime.


O Tribunal de Justiça do RS, via sua área de comunicação social, informou esta tarde que o  juiz Fernando Vieira dos Santos, da Comarca de Três Passos, decretou a prisão temporária de Evandro Wirganovicz. A prisão ocorreu neste sábado. Irmão de Edelvânia Wirganovicz, ele é suspeito de envolvimento na morte do menino Bernardo Uglione Boldrini. Há indícios de que ele tenha participado no crime ou na ocultação de cadáver. 


. Segundo o juiz, o terreno em que o corpo do garoto foi enterrado é difícil de ser escavado e exigiria força física para ser aberto, o que tornaria verossímil a presença de um homem na cena do crime. E a prova testemunhal colhida aponta indícios veementes de que Evandro tenha estado, um ou dois dias antes do crime, perto do local onde o corpo foi encontrado.

Kotscho diz que Datafolha intriga ao incluir Lula na lista das suas pesquisas

Na montagem do site www.brasil247.com.br, Kotscho é o cavaleiro chapa branca da charge. 


Numa análise enviezada que faz hoje no seu blog, o ex-chapa branca de Lula no Planalto, Ricardo Kotscho, acusa Datafolha por instalar a discórdia entre Dilma e Lula, já que inclui o nome do ex-presidente na lista de opções para presidente. Datafolha age com inteligência e oportunidade, porque até as pedras da rua da casa onde mora Kotscho sabem que Dilma será rifada pelo PT no primeiro vacilo sério. Leia tudo:

Lula já repetiu mil vezes que não será candidato e fará campanha pela reeleição de Dilma. Lula e o PT já fizeram dois encontros nacionais para formalizar apoio à reeleição da presidente. Não tem jeito. A nova pesquisa Datafolha, divulgada nesta sexta-feira, coloca novamente o nome do ex-presidente na lista e praticamente sugere a troca de candidatos do PT. O instituto de pesquisas do jornal Folha de S. Paulo perguntou aos eleitores quem deveria ser o candidato do PT e 58% apontaram o nome de Lula. Entre os petistas, este índice chega a 78%.

. Quando a candidata é Dilma, ela tem 37% das intenções de voto contra 38% dos demais candidatos, apontando para uma eleição em segundo turno. Se no lugar dela o candidato do PT fosse Lula, ele teria 52% dos votos e venceria tranquilamente no primeiro turno, contra 19% de Aécio Neves e 11% de Eduardo Campos. Na mesma pesquisa, Lula aparece como "o mais preparado para mudar o Brasil", um desejo manifestado pela maioria absoluta dos eleitores nas últimas pesquisas.


. Ao mesmo tempo, o levantamento mostra que parou a sangria de intenções de voto na presidente Dilma, que caiu apenas um ponto de uma pesquisa para outra, enquanto Aécio subia quatro, chegando a 20% e Eduardo Campos oscilava de 10% para 11%.

CLIQUE AQUI para ler tudo.

Vá esta noite de sábado: Barão de Santo
Ângelo e Castro Alves. Os melhores
segundo Veja. 

Conheça evidências de corrupção e caixa 2 nos contratos entre Petrobrás e Odebrecht

Uma semana antes das denúncias que surgiram neste final de semana, a revista Época apresentou as novas evidências de corrupção e caixa dois num contrato da Petrobras com a Odebrecht, empresa que controla a Braskem, cujo braço no RS é o riquíssimo Pólo Petroquímico - um caso exemplar de como a política manda na estatal, transformada em covil de ladrões.

Leia o material de Diego Escosteguy e Marcelo Rocha

Há cerca de dois anos, a presidente da Petrobras, Maria das Graças Foster, convocou os principais executivos da estatal para uma reunião. Graça Foster, como é conhecida, assumira o cargo havia poucos meses, mas já queria exigir resultados. Como ocorrera com alguns dos subordinados de Dilma Rousseff, ela assimilara rapidamente o estilo da presidente: gritar primeiro e cobrar depois. O clima naquela reunião, como em tantas outras, era tenso. Internamente, a Petrobras já vivia tempos difíceis. Gastava demais para produzir — e vender - petróleo de menos. O motor da Petrobras engasgava porque ela rodava, desde o começo do governo Lula, com gasolina de má qualidade, batizada com política excessiva. Política na escolha de quem comandaria a empresa (subiu quem fosse mais amigo do PT e do PMDB) e na escolha por gastar muito em múltiplos e simultâneos contratos caríssimos (subiram as empresas amigas dos amigos do PT e do PMDB).

. Naquela reunião, Graça Foster cobrava resultados. Quem deveria ser cobrado já deixara a Petrobras. Não estavam na reunião sindicalistas do PT, como José Sérgio Gabrielli, a quem Graça Foster sucedera, e executivos suspeitos de corrupção, como Paulo Roberto Costa, sustentado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e por um consórcio entre PT, PMDB e PP.

CLIQUE AQUI para ler tudo.

Premiado pelo 5o ano consecutivo
como o melhor de Veja 
na categoria.


Tarso já sacou do caixa único mais do que o total sacado pelos últimos cinco governadores juntos

Tarso não para de acumular dinheiro, mas ao contrário de Patinhas, ele só acumula dinheiro emprestado ou que de alguma forma terá que devolver (caixa único e depósitos judiciais). 



O deputado Lucas Redecker, PSDB do RS, disse ontem ao editor que desde que assumiu o Palácio Piratini, o governador Tarso Genro já sacou do caixa único do Estado em torno de R$ 4,8 bilhões. A projeção é de que se os saques continuarem neste ritmo, o valor acumulado chegue a R$ 7 bilhões até o final do ano. 

. O editor já tinha passado esta informação, baseado em estudos do economista Darcy Francisco Carvalho dos Santos. 

. O deputado tucano possui mais informações inquietantes sobre o abuso do caixa único:

Esse valor representa mais do que sacaram do caixa único os últimos cinco governadores juntos. Somente Nos meses de janeiro e fevereiro o ritmo dos saques diminuíram em virtude do ingresso de receitas provenientes do pagamento de IPVA. Nestes dois meses, os saques somaram R$ 120 milhões. Já em março, a retirada foi de R$ 340 milhões e em abril de outros R$ 270 milhões. 

. Para Lucas Redecker, este dinheiro tem sido utilizado para bancar centenas de novos cargos de confiança. “O governador Tarso está conseguindo a façanha de gastar em três anos e meio mais do que os governadores Collares, Britto, Olívio, Rigotto e Yeda gastaram juntos. É um fato inédito, porém negativo, infelizmente”, afirmou Redecker.

. O deputado alerta também para o fato de que o governador Tarso valeu-se ao longo do seu mandato do saque de R$ 4,3 bilhões dos depósitos judiciais, além de R$ 6 bilhões em empréstimos novos.

Entenda o que é o caixa único

O caixa único foi criado pelo decreto número 33.959 de 31/05/1991, quando foi instituída a centralização em conta única denominada "Governo do Estado" de todas as disponibilidades dos órgãos da Administração Direta e Indireta. Sua finalidade inicial era buscar recursos para financiar títulos da dívida pública estadual. Em função disso, quanto maior fossem os recursos do caixa único, menor seria a necessidade de buscar financiamento junto às instituições financeiras. Em outras palavras, o caixa único é uma espécie de poupança do setor público.

Empreiteiras bancam 75% das doações de R$ 79,8 milhões ao PT (2013).

Dos R$ 79,8 milhões doados ao PT nacional em 2013, quase R$ 60 milhões --o equivalente a 75% do total-- veio de empresas construtoras. Grupos como Camargo Corrêa, Odebrecht e Queiroz Galvão figuram na lista de maiores patrocinadores da sigla por meio de doações ao Diretório Nacional do partido.
O pagamento é feito de maneiras diversas. Enquanto a Odebrecht fez apenas três doações no ano, sendo uma delas de R$ 4 milhões, a Galvão Engenharia contribuiu mensalmente com o partido. Foram 12 doações ao longo do ano, sendo 10 delas no valor de R$ 500 mil. As informações são todas de Gabriel Terenzi, Folha. 

. As contribuições de pessoas físicas somaram R$ 2.943 --menos de 0,1% do total.
  
. O padrão de participação das empreiteiras se mantém nos últimos anos --em 2012 e 2011 também foram elas as maiores doadoras. A lista de doações também revela o quanto elas se concentram nas mãos de poucos grupos.Os dez maiores doadores --que, além de construtoras, incluem grupos como JBS-Friboi e Solví, da área de saneamento-- somam quase R$ 70 milhões, ou 87% do total arrecadado pelo partido.Doações de pessoas físicas e jurídicas são uma das fontes de financiamento dos partidos. O Fundo Partidário injeta outra parte dos recursos ao caixa das siglas --em 2013, o PT recebeu R$ 47,3 milhões.
As contribuições ao Diretório Nacional não se misturam com as doações eleitorais, que são contabilizadas separadamente.Em 2012, por exemplo, o PT arrecadou, via Diretório Nacional, R$ 35,2 milhões em doações. Só a campanha de Fernando Haddad para a Prefeitura de São Paulo no mesmo ano obteve R$ 42 milhões.

Artigo, Guilherme Fiuza, O Globo - Privatizaram a Petrobras

A charge ao lado é de Chico Caruso, O Globo.


Neste artigo, Guilherme Fiuza lembra que Dilma Rousseff falou grosso, declarou que considera “inadmissível” a privatização da Petrobras, mas com toda a bravura do seu gesto, a presidente, infelizmente, está atrasada, porque a Petrobras já foi privatizada. Acompanhe o texto completo:

A maior empresa brasileira pertence hoje, majoritariamente, a um consórcio de franco-atiradores que prosperaram no seio do governo popular. Se não, vejamos: uma empresa que, numa única transação, transfere a terceiros mais de 500 milhões de dólares, a fundo perdido, de patrimônio público, é uma empresa dos brasileiros?

. Poderia ser. Mas, e se essa empresa perde metade do seu valor de mercado sob um governo que asfixia seus preços para mascarar a inflação? Considerando-se que, em tal manobra, essa empresa foi utilizada por um grupo partidário para se perpetuar no poder, ela está servindo aos brasileiros? Quais brasileiros?


. E se um grupo de fornecedores e intermediários investigados pela Polícia Federal, com contratos suspeitos com essa empresa, faturou mais de 30 bilhões de reais nos últimos dez anos? 

CLIQUE AQUI para ler tudo.

Premiado pelo 5o ano consecutivo
como o melhor de Veja 
na categoria.

Datafolha apura que 74% dos eleitores querem mudanças

CLIQUE na imagem para examinar a tabela publicada pela Folha.


A pesquisa Datafolha publicada nesta sexta-feira mostra que 74% dos brasileiros querem mudanças. Mais importante ainda: 19% acham que Aécio está mais preparado para promovê-las, contra 15% que acha Dilma a mais indicada para isto. 

. Isto significa que o campo está aberto para Aécio progredir.

. O que chama atenção é que Sul, Sudeste e Centro-Oeste, que representam 73% do eleitorado, apostam que Aécio Neves é o candidato das mudanças. No Sudeste, então, que possui 43% dos eleitores, Aécio Neves tem mais do que o dobro de confiança do eleitor. 

. Agora, é transformar preparação em votos, conforme analisa em seu blog de hoje o jornalista Vitor Vieira.

CLIQUE AQUI para ler, também, análise de Datafolha sobre aprovação do governo Dilma. 

Campos pré-candidato faz PSB ficar ‘milionário'

Daniel Bramatti, repórter do jornal O Estado de S. Paulo, revela na edição de hoje que o PSBP recebeu R$ 8,3 milhões de empresas em 2013, em especial de empreiteiras; nos últimos dois anos não eleitorais, sigla ficou sem doações. Leia:

As doações de empresas para o custeio das atividades partidárias do PSB dispararam no ano passado, quando o então governador de Pernambuco Eduardo Campos já se movimentava para se lançar candidato à Presidência. O diretório nacional do PSB recebeu um total de R$ 8,3 milhões de empresas em 2013. Em 2011 e 2009, anos em que também não houve eleições, a arrecadação havia sido zero, segundo as prestações de contas entregues à Justiça Eleitoral.


. Quase 90% dos recursos destinados ao partido de Campos saíram de empreiteiras. As maiores contribuições foram da Construtora Triunfo (R$ 1,5 milhão) e da OAS (R$ 1,55 milhão). A única doação do setor financeiro foi do Banco BMG (R$ 500 mil).

CLIQUE AQUI para saber mais.

Artigo, Eliane Cantanhêde - Onde nós estamos ?

A jornalista da Folha narra neste artigo um episódio do qual participou e que resultou na sua descrença em relação aos anunciados serviços públicos de proteção à mulher agredida. Leia tudo:

 De repente, a cabeleireira exclamou: "Olha lá, ele está batendo nela de novo!". A secretária do salão veio correndo para ver, a cliente espichou o olho. As três, meio incrédulas, meio rindo, passaram a acompanhar as cenas na quitinete do outro lado da rua. "Ih! Deu outro tapa!"; "Agora ela caiu".

Em vez de olhar a janela, eu olhava para as três, espantada. Quem vai chamar a polícia? E a cabeleireira: "Eu? Eu, não. Ele vive dando tapas nela, não vou me meter nisso, não".

Alguém de fora chamou a polícia. Dois agentes rondaram o local, depois subiram, ficaram alguns minutos, menos de dez talvez, e se foram.

Uma amiga e eu tentamos ligar para o 180. Depois da gravação avisando que era a Central de Atendimento à Mulher da Secretaria da Mulher da Presidência da República, ufa!, uma mocinha atendeu. Ela queria, além dos meus dados, o nome do agressor, o nome da agredida, o endereço detalhado... E eu sei?

Desistimos do 180 e fomos à internet buscar a delegacia da mulher aqui de Brasília. Achamos dois números e ligamos. Uma gravação informava que "esse número não existe". Nenhum dos dois.


Derrotada, pensei: quando o marido matar aquela pobre moça, a polícia vai lá recolher o corpo.

CLIQUE AQUI para ler mais. 

Diego Casagrande denuncia cidade suja às véspera dos jogos da Copa

O jornalista Diego Casagrande denuncia no seu blog, neste sábado, que Porto Alegre está mais suja do que de costume, mesmo às vésperas da abertura dos jogos da Copa. Leia:

Parece mentira, mas apenas alguns dias após a prefeitura de Porto Alegre começar a multar pessoas e empresas que sujam as ruas, ela própria não faz a lição de casa. Esta é a Praça Tenente Costa, no bairro Petrópolis. Na semana passada ao por lá passar eu já tinha notado o descaso e a incompetência da prefeitura com a limpeza neste local. Todas as lixeiras abarrotadas de lixo e o entorno fedorento. Enquanto isso, mães e babás com os filhos cuidando para não tropeçar nas porcarias espalhadas pelo chão. Parei meu carro, conversei com alguns cidadãos indignados ali e fiz estas fotos. Uma vergonha que não se recolha o lixo. Uma vergonha que o básico não seja feito. Prefeito Fortunati, deixe de desrespeitar os cidadãos desta capital que pagam um IPTU altíssimo e trate de limpar o ambiente onde vivemos, onde moramos e criamos nossos filhos. A prefeitura está, a olhos vistos, com uma administração decadente.

CLIQUE AQUI para conhecer o blog do jornalista.

Conheça neste sábado as casas
premiadas pelo 5o ano consecutivo
pela Veja.



Prefeitura diz que 95% das obras do Viaduto Pinheiro Borda estão concluídas. Jogos da Copa terão acessos facilitados.

O prefeito José Fortunati confirmou neste final de semana que as obras do Viaduto Pinheiro Borda, em construção nas proximidades do Estádio Beira-Rio, estão 95% executadas. Com extensão de 250 metros, o viaduto contará com duas pistas, tendo entrada pela rua Pinheiro Borda em direção à avenida Edvaldo Pereira Paiva, a Beira-Rio (bairro-Centro). No trecho estaiado no formato da letra M, terá 72 metros de comprimento e 32 metros de altura. 

. O custo total da obra é de R$ 26,6 milhões, com previsão de conclusão para o final deste mês.

. Atualmente, estão em fase final a pavimentação da pista com asfalto e a penúltima etapa do mastro do viaduto (estrutura em que serão ancorados os cabos de estaiamento em formato de M).

- A prefeitura só conseguirá entregar duas das 14 obras de mobilidade urbana que inicialmente previa para a Copa. Elas até foram iniciadas de modo açodado por ordem do prefeito, que sequer tinha dinheiro em caixa e nem possuía garantias de desembolso do empréstimo tomado pela Caixa Federal. O resultado é que a cidade está esburacada, com obras inacabadas 

Aprenda com Ney Matogrosso um pouco mais sobre o Brasil. Ele falou na TV de Portugal.

Em Portugal, Ney Matogrosso 'escancara' realidade do Brasil e gera grande repercussão; veja o vídeo. CLIQUE AQUI para ver e ouvir. 

Em nota, a TVE explica as razões da programação das "Putinhas Aborteiras". Veja, aqui, paródia da apresentação.

CLIQUE AQUI para examinar a apresentação da bandas "Putinhas Aborteiras", conforme apresentada na TVE.
CLIQUE AQUI para ver a paródia que circula nas redes sociais, em cima da mesma banda e da mesma apresentação.


O editor recebeu a nota neste sábado, que vai na íntegra:

A TVE é uma emissora pública que prima pela diversidade cultural, liberdade de expressão e multiplicidade de opiniões. Com base nisso, buscamos alcançar o maior número de elementos para que nossos telespectadores realizem sua própria reflexão. A TVE veiculou o programa em questão na sua postagem desta quarta-feira em horário que seguiu a Classificação Indicativa Federal. Foi feita nesse dia uma adequação na faixa de exibição do Radar, transferindo a apresentação do programa inédito para as 2h30 (MADRUGADA) do dia 25/04/2014. No horário das 18h30 do dia 24/04/2014, o tema foi abordado apenas por meio de entrevista, privilegiando a fala das integrantes da banda enquanto participantes da Marcha das Vadias, que ocorreu no dia 27 de abril em Porto Alegre.  Escolhemos permitir a manifestação da banda, mas preservamos o horário de classificação indicativa, não expondo o conteúdo a público inadequado, como o infantil, por exemplo. Dessa forma, a emissora cumpriu com sua missão de abrir espaço a diferentes tipos de manifestações de pensamento e teve a preocupação de fazê-lo em horário adequado.

Estamos à disposição para mais esclarecimentos.

Conheça neste sábado as casas
premiadas pelo 5o ano consecutivo
pela Veja.

Entrevista, deputado Jerônimo Goergen - No caso da rebelião do presídio de Bento, onde está o governo ?

ENTREVISTA
Deputado Jerônimo Goergen, PP do RS

O senhor tem estreito contato com o prefeito de Bento Gonçalves, que é do seu Partido. Sei que ambos estão alarmados com as rebeliões seguidas e com a interdição do presídio estadual que fica na cidade. Que providências vocês estão tomando ?
Este é um caso típico de responsabilidade do governo estadual. É ele quem gere a segurança pública, inclusive presídios. O prefeito Guilherme Pasin tentou falar com o governador Tarso Genro no dia da rebelião e da interdição, ontem, mas não conseguiu nada.

Onde estava o governador ?
Ali ao lado de Bento, em Caxias, mas ele não respondeu e sequer fez uma visita à comunidade da cidade, pelo menos para acalmá-la.

E o secretário da Segurança ?
O secretário Michels está no México. Falei por SMS com ele, que me disse que a Susepe está tratando da solução, que no caso é a imediata transferência dos presos, mas a ló largo depende da construção do novo presídio.;

E tem dinheiro ?

O prefeito anterior de Bento, do PT, deixou caducar uma verba federal de R$ 11 milhões, que voltou para os cofres da União. Agora tem que começar tudo de novo. O prefeito já destinou até terreno. 

PF identifica um dos autores de ameaças de morte contra Joaquim Barbosa. Ele é da Comissão de Ética do PT.

A revista Veja que já circula em todo o País, menos em Porto Alegre, onde seus mais desprezados assinantes receberão o exemplar na segunda-feira, revela que desde que o julgamento do mensalão foi concluído, em novembro do ano passado, o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa, tornou-se alvo de uma série de constrangimentos orquestrados por seguidores dos petistas condenados por envolvimento no maior escândalo de corrupção da história. 

. O presidente do STF tem sido ameaçado de morte.

. Leia a reportagem:

A chamada “militância virtual” do PT, treinada pela falconaria do partido para perseguir e difamar desafetos políticos do petismo na internet, caçou Barbosa de forma implacável. O presidente do Supremo sofreu toda sorte de canalhice virtual e foi até perseguido e hostilizado por patetas fantasiados de revolucionários nas ruas de Brasília. Os ataques anônimos da patrulha virtual petista, porém, não chegavam a preocupar Barbosa até que atingiram um nível inaceitável. Da hostilidade recorrente, o jogo sujo evoluiu para uma onda de atos criminosos, incluindo ameaças de morte e virulentos ataques racistas.

. Os mais graves surgiram quando Joaquim Barbosa decretou a prisão dos mensaleiros José Dirceu, Delúbio Soares e José Genoino. Disparadas por perfis apócrifos de simpatizantes petistas, as mensagens foram encaminhadas ao Supremo. Em uma delas, um sujeito que usava a foto de José Dirceu em seu perfil no Facebook escreve que o ministro “morreria de câncer ou com um tiro na cabeça” e que seus algozes seriam “seus senhores do novo engenho, seu capitão do mato”. Por fim, chama Joaquim de “traidor” e vocifera: “Tirem as patas dos nossos heróis!”. Em uma segunda mensagem, de dezembro de 2013, o recado foi ainda mais ameaçador: “Contra Joaquim Barbosa toda violência é permitida, porque não se trata de um ser humano, mas de um monstro e de uma aberração moral das mais pavorosas (...). Joaquim Barbosa deve ser morto”. Temendo pela integridade do presidente da mais alta corte do país, a direção do STF acionou a Polícia Federal para que apurasse a origem das ameaças. Dividida em dois inquéritos, a averiguação está em curso na polícia, mas os resultados já colhidos pelos investigadores começam a revelar o que parecia evidente.

Conheça neste sábado as casas
premiadas pelo 5o ano consecutivo
pela Veja.

Rachel responde aos ataques de Boechat: "Faça um favor ao Brasil. Adote um bandido !".

Por posições como as que você pode ler ao lado, a jornalista tem sido atacada por lideranças do PCdoB e PT, dispostos a expurgá-la das telinhas.


Numa resposta direta ao jornalista Ricardo Boechat, que a acusou por "incitamento moral" no caso do linchamento de uma dona de casa no Guarujá, SP, a jornalista Rachel Scherezade tirou nota que deixa claro o conteúdo recorrente de suas manifestações. A resposta vale também para seus detratores da chamada vanguarda do atraso. Rachel acaba de ser confirmada por Silvio Santos no SBT, com salário maior. Boechat, que a atacou, estava incomodado com as notícias de que ela poderia ir para seu lugar na Band.

. Leia a nota:


Não me cabe a responsabilidade pela falta de segurança no país, pelo sucateamento da polícia, pela morosidade da Justiça, enfim, pela sensação de impunidade e impotência que espalha o medo e o desespero entre a população. Como jornalista, apenas situei os fatos, apontei e compreendi as possíveis causas do fenômeno justiçamento. O resto não passa de linchamento moral"

Varejo de Porto Alegre quer portas abertas durante os jogos da Copa

A CDL Porto Alegre e entidades representantes do comércio da Capital, como Sindilojas Porto Alegre e Federasul , estiveram na Prefeitura com objetivo de apresentar ao governo municipal o posicionamento do varejo em relação ao funcionamento das lojas durante a Copa.

. Eles querem as lojas abertas durante os jogos. 

PT quer expulsar petista nomeado para a Procempa pelo prefeito Fortunati

O vereador Mauro Pinheiro, que presidiu a CPI da Procempa, pediu a expulsão de seu companheiro de Partido, Mário Teza, nomeado pelo prefeito José Fortunati para a presidência da Procempa.


. “Ou sai, ou será saído”, avisou Mauro Pinheiro. 

. José Fortunati é do PDT, que no município opõe-se ao PT, embora seu Partido tenha apoiado até três meses atrás o governo estadual e continue apoiando o governo federal, ambos sob controle do PT. O prefeito de Porto Alegre também é cabo eleitoral declarado da presidente Dilma Roussef. 

MP denuncia sete integrantes do Bloco dos Pelados. Seus crimes somam 20 anos de prisão.

Ao lado, integrantes do Bloco dos Pelados, em instantâneo para a posteridade, durante a ocupação e depredação da Câmara de Vereadors de Porto Alegre. 


O promotor Luís Antonio denunciou à 9a. Vara Criminal de Porto Alegre os sete primeiros vândalos que identificou dentro do chamado Bloco de Luta pelo Transporte Público, mais conhecido como Bloco dos Pelados, todos acusados por depredações, furto qualificadod, associação criminosa, explosão e enfrentamento com a polícia e atos de terrorismo.

. Se forem condenados, cada um dos acusados tomará 20 anos de prisão.

. São eles: Alfeu Costa da Silveira Neto, Alberto Albiero Júnior, Guilherme da Silveira, Vicente Mertz, Lucas Maróstica, Pereira Gomes, Rodrigo Brizolla. Maróstica é do PSOL, sendo que Alberto Albiero e Matheus Pereira são do PSTU. Guilherme Silveira Souza foi identificado como black bloc.
.

PROS do RS decide expurgar fichas sujas indicados pela direção nacional para a Executiva Estadual

A proposta aprovada nesta quinta-feira a noite pela atual Executiva Estadual do PROS causou tremenda reação da Executiva Nacional do Partido, que não aceita retirar da nominata os nomes que ela indicou, visando manter sob controle a seção gaúcha.

. A moção aprovada é inédita em agremiações partidárias, porque ela prevê expurgo de qualquer membro com ficha suja.

. O presidente do PROS no RS, vereador Bernardino Vendrúsculo, que está de acordo com a moção e tem, além disto, reagido à cooptação do governo estadual para apoiar a reeleição de Tarso Genro, foi ameaçado de expulsão.

. Acontece que o vereador, conhecido pela honestidade e pela coragem, possui amplo dossiê sobre os delegados enviados pela direção nacional e poderá liberar o que possui.

. Ele tem sido assediado por enviados de outros Estados para contê-lo e colocá-lo a serviço do PT.


. Bernardino Vendrúsculo é candidato a deputado estadual. 

PF reforça segurança em Faxinalzinho. Kaigangs ameaçam com um "banho de sangue"

Depois da prisão, ontem, de 5 índios kaigans, inclusive do cacique Deoclies de Paula, o prefeito de Faxinalzinho, Norte do RS, foi aconselhado a deixar a cidade. É que ele e todas as autoridades municipais foram ameaçadas de trucidamento. Índios de todo o Estado deslocam-se para a região onde dois irmãos agricultores foram assassinados e seus matadores capturados pela Polícia Federal.

. O governador Tarso Genro demonstrou revolta pelas circunstâncias das prisões, porque elas foram feitas pela Polícia Federal durante reunião de conciliação que ele mandou realizar entre índios e agricultores.

 A ordem de captura foi expedida pela Justiça Federal de Erechim, atendendo pedido do Ministério Público Federal.

. O ministro da Justiça, José Eduado Cardoso disse aos jornais de hoje que a PF não teve como não cumprir a ordem judicial e que além disto não é possível ignorar assassinatos.

. A PF reforçou a segurança, mas não se sabe de medida igual por parte do governador Tarso Genro.


. O secretário da Segurança, Airton Michels, está no México. 

. Os índios da região ameaçam os brancos com um "ganho de sangue".