Vai sair a CPI da Procempa

11 assinaturas de vereadores da oposição de Porto Alegre não garantiram o sucesso da proposta, mas esta tarde, em função da prisão do ex-dirigente da Procempa, três vereadores da base aliada do prefeito José Fortunatti resolveram apoiar as investigações.

. São eles: Cláudio Janta (PDT), Lourdes Sprenger (PMDB) e Séfora Mota (PRB).

Senado aprova proposta que prevê perda imediata de mandato para condenados pelo STF

A Comissão de Constituição e Justiça do Senado aprovou esta tarde  proposta de emenda constitucional que prevê a perda imediata do mandato do parlamentar condenado pelo Supremo Tribunal Federal por improbidade administrativa ou crime contra a administração pública, como corrupção, peculato e tráfico de influência.

. A medida valerá quando não houver mais possibilidade de recurso. O texto segue para o plenário, onde terá de ser aprovado por 49 senadores, em dois turnos, antes de ser encaminhado à Câmara.

. O relator é o senador Eduardo Braga, líder do governo.

Lewandowski não se explica, mas poderá ser punida mensageira que revelou malfeitorias pró-Dilma no TSE

As informações a seguir não desmentem que o ministro Ricardo Lewandowski operou ilegalmente para proteger o PT, os bandidos do Mensalão e a presidente Dilma Roussef quando foi presidente do TSE, segundo denúncia de Veja desta semana, que deu nomes aos bois, datas, horários, locais e fatos. CLIQUEAQUI para examinar toda a reportagem de Veja. O que procuram agora os "amigos" de Lewandowski, todos do PT e do governo Dilma: culpar a mensageira pela mensagem. É uma manobra torpe, velha e conhecida. O fato é que Lewandowski deve uma explicação ou precisa ser investigado e punido em caso de confirmação de tudo.

Uma nota publicada nesta quarta-feira 14 pela jornalista Mônica Bergamo, da Folha de S.Paulo, descreve a preocupação da presidente Dilma Rousseff com a arapongagem digital e revela que o ministro do Supremo Tribunal Federal Ricardo Lewandowski chegou a bloquear seu email e mudar de endereço depois que uma mensagem sua foi divulgada na imprensa. Leia abaixo:

*LINHA CRUZADA *

Dilma Rousseff fica aflita quando algum visitante entra em seu gabinete com um iPad ligado. Ela foi informada de que o aparelho pode se transformar num grande gravador, possível de ser acionado por algum araponga a quilômetros de distância. Mesmo sem o consentimento do dono. Quando a situação permite, a presidente pede que o tablet seja levado para longe de seu gabinete.

LINHA CRUZADA 2

O ministro do STF Ricardo Lewandowski bloqueou seu e-mail pessoal e mudou de endereço eletrônico. Fez isso depois que sua correspondência com uma servidora foi divulgada até na imprensa.

. Na semana passada, um email de Lewandowski, da época em que comandava o Tribunal Superior Eleitoral, encaminhado para a ex-diretora do TSE Patrícia Landi, foi vazado na íntegra e o seu conteúdo foi parar na coluna Painel, da Folha, e nas páginas da revista Veja. ".

. Conforme apuração do 247, existe um forte indício de que o vazamento da mensagem tenha partido da servidora Patrícia Maria Landi da Silva Bastos, atual assessora-chefe de gestão estratégica da presidência do Supremo, comandada por Joaquim Barbosa.

. Se confirmado o episódio, essa será a primeira vez na história do TSE e do STF que um assessor – ocupante de cargo "de confiança" – divulgaria a íntegra de um email reservado e o endereço eletrônico de um ministro da Corte.

Caso cassação de Trogildo, PTB, seja confirmada, vaga irá para Nereu D´Ávila, PDT

Se o vereador Cassio Trogildo, PTB, não conseguir êxito nos recursos que protocolará para fugir da cassação do mandato e dos direitos políticos, a sua vaga irá para Nereu D'Ávila, PDT.  

. A decisão unânime do TRE resultou em acórdão duríssimo e de difícil reversão.

Sem bala na agulha, governo toma derrota no caso do orçamento impositivo.

No artigo "Sem bala na agulha", publicado na sexta-feira pela jornalista Dora Kramer no Estadão, já prenunciava a derrota do governo nesta terça-feira a noite. Leia o artigo todo:

Visto assim do alto, o adiamento da votação do Orçamento impositivo para a próxima terça-feira pode ter parecido um recuo da Câmara, em atendimento aos apelos da presidente Dilma Rousseff. Examinada de perto, a decisão confirma a disposição dos deputados de tornar obrigatório o pagamento das emendas parlamentares. Ao tomar o cuidado de cumprir todos os prazos regimentais, o Legislativo evita o risco de que a votação seja contestada na Justiça.

Pelo jeito, a questão está decidida. Tanto na Câmara como no Senado. Se vier a ser revista caso o Executivo recorra ao Supremo Tribunal Federal alegando inconstitucionalidade no mérito, será outra história, mas a derrota política que o Parlamento anda ávido para impor a Dilma estará posta.
Familiarizados com movimentos de pressão esvaziados pela contrapressão do Planalto, poderíamos desconfiar de que daqui até lá o governo faça uso de ferramentas de convencimento - cargos, emendas, cessão de espaços políticos, promessas de apoios eleitorais - e consiga desmontar a bomba.

Difícil, para não dizer impossível. 

CLIQUE AQUI para ler tudo.

Em 2012, o governo Tarso aplicou calote de R$ 65 milhões na área do transporte escolar. Prefeitos estão em pé de guerra.

O editor foi esta tarde em busca de informações sobre os gastos e a assiduidade dos pagamentos com o transporte escolar de responsabilidade do governo estadual do RS.

. Os dados foram obtidos na Famurs, entidade que representa os prefeitos.

. A informação é relevante, porque ela permite fazer uma projeção sobre as facilidades ou dificuldades que terá o governo para honrar o que terá que gastar com o chamado passe livre (leia nota a seguir).

. Comparece o que o governo é obrigado a pagar de transporte escolar e o que terá que responder no caso do passe livre:

Transporte escolar
Benefícios
270 mil alunos do curso primário
Valor
R$ 110 milhões (no total, o transporte escolar exige R$ 295 milhões, mas a diferença é paga pelas prefeituras)

Passe Livre
Benefícios
400 mil estudantes
Valor
R$ 40 milhões ano

.  Ora, no ano passado, o governo estadual deveria ter repassado R$ 120 milhões para os municípios, já que 110 mil alunos são da rede estadual, e no entanto pagou apenas R$ 55 milhões. Ele deve, não paga e não sabe quando pagará os R$ 65 milhões do calote.

. É de se supor que o caso do passe livre levantará contenciosos de grande monta, porque não há dinheiro no Estado. 


Bier Markt e Bier Markt Vom Fass - 1° lugar de Veja em Porto Alegre
APROVEITE MELHOR SEU HAPPY HOUR DESTA QUARTA-FEIRA
As trinta torneiras do Vom Fass e também as do Bier Markt, servem chopes de várias partes do mundo, todos à base exclusiva de lúpulo, cevada, malte e água. Nada de serpentinas. Barris são refrigerados na câmara fria que fica por trás do painel. De lá, vão para copos harmonizados, através de injeção de oxigênio e nitrogênio. Também cervejas artesanais de várias partes do mundo. Não há nada igual no Brasil.
Na Barão do Santo Ângelo 497 e na Castro Alves, 452.
WWW.BIERMARKT.COM.BR

Passe Livre Gaúcho custará R$ 40 milhões por ano aos contribuintes do RS

Maria Helena Sartori quer benefícios iguais para todos.


O novo projeto que cria o passe livre para estudantes gaúchos, entregue nesta terça na Assembléia, ainda contém muitas perguntas sem respostas, mas a deputada Maria Helena Sartori, PMDB, concorda que houve bom avanço sobre a proposta anterior.

- A novidade são os critérios para a concessão do benefício. Agora, só receberá passagem quem comprovar que a renda per capita familiar é inferior a 1,5 salários mínimos.

. O que o governo ainda não abriu foi informações sobre o total de estudantes que prevê beneficiar e nem fala em valores.

. A deputada do PMDB disse ao editor, esta tarde, que seu Partido protocolou emenda que prevê subsídio integral não apenas para os estudantes da região metropolitana, como prevê o projeto, mas para todas as demais regiões do Estado.

. O editor conversou com deputados e economistas, apurando dados sobre o número de beneficiários e os valores envolvidos:
Beneficiados
400 mil estudantes
Valores de desembolso dos cofres públicos
R$ 18 milhões até o final do ano

. O valor do segundo semestre, R$ 18 milhões, remete a uma previsão de R$ 40 milhões de gastos para o ano que vem.

. Como se sabe, este subsídio, o passe livre para estudantes, será pago pelo conjunto da sociedade gaúcha, ou seja, por todos os gaúchos - homens, mulheres e crianças. 

Nevou em três cidades gaúchas. E pode nevar de novo nesta quarta.

Em Porto Alegre o mau tempo perdura durante este início de tarde, mas em São José dos Ausentes, Bom Jesus e Cambará do Sul, na serra gaúcha, caiu neve entre a noite de terça e a manhã desta quarta-feira.
Em Bom Jesus, os flocos caíram por cinco minutos, as 22h30min na noite de terça-feira, segundo o Inmet, que confirmou também neve em Cambará do Sul no final da madrugada desta quarta. O instituto não descarta a possibilidade de haver mais precipitações nos Campos de Cima da Serra até o início da tarde em regiões de morros.

. As mínimas ficaram em 0,3ºC em São José dos Ausentes, 1ºC em Cambará do Sul e 1,2ºC em Bom Jesus, conforme as estações do Inmet. Em todo Estado, os termômetros apontaram que a máxima neste início de manhã foi de 9,5°C em Torres, e a mínima, -0,9°C em Quaraí. Porto Alegre registrou 7,9°C no amanhecer. À tarde, a temperatura não deve ultrapassar os 13°C.

Este deputado socialista da República da França é gaúcho de Porto Alegre

Cypel saiu com 10 anos de Porto Alegre e não voltou mais. 

Sob o título  "Francês novo?", o jornalista André Netto apresenta aos leitores brasileiros do Estadão, este gaúcho de Porto Alegre, o deputado Eduardo Cypel, que é o desafeto da extrema direita na França. Leia tudo:

PARIS - Às vésperas da invasão nazista a Varsóvia e em meio ao êxodo da população na 2ª Guerra Mundial, uma família de judeus poloneses deixou a Polônia rumo a Porto Alegre, fugindo do Holocausto. Abram Cypel, o Velvo, chegou à capital gaúcha em 1939, e lá fincou raízes com a família. Quarenta e sete anos depois, seu filho e seus netos retornaram à Europa, desembarcando em Paris. Entre eles estava Eduardo Rihan Cypel, hoje deputado da Assembleia Nacional, que se tornou o novo desafeto da extrema direita fascista da França.

. Aos 37 anos, Cypel ganhou as manchetes francesas ao ser atacado na última semana. O autor das ofensas, Bruno Gollnisch, deputado europeu, é membro do comitê central da Frente Nacional (FN), maior partido extremista da França. É conhecido por atacar muçulmanos e relativizar as mortes no Holocausto, como fez em outubro de 2004.

. Obcecado pela imigração, Gollnisch classificou o deputado de "francês de data relativamente recente", que o faz pensar "nessas pessoas que convidamos a nossa casa e, uma vez.

CLIQUE AQUI para ler tudo.

Guerra de dossiês opõe dr. Thiago ao secretário Casartelli

 Apesar de contidos por mediação do vice-prefeito Sebastião Mello, o presidente da Câmara de Porto Alegre, dr. Thiago, PDT, e o secretário da Saúde, Carlos Casartelli, PTB, prosseguem com as armas ensarilhadas.

. Dr. Thiago tem recebido fortes denúncias contra seu adversário.

. O dossiê mais recente trata de um livro que teria sido superfaturado na secretaria da Saúde.

. O presidente da Câmara também já deixou claro que a CPI da Saúde, que há bastante tempo a oposição tenta emplacar, não seria obstaculizada por ele em caso de preencher todos os requisitos (assinaturas necessárias). 

Frente Parlamentar Agropecuária bate de frente com a senadora Kátia Abreu, que seria "muito governista"

Presidente em exercício da Frente Parlamentar Agropecuária, o deputado gaúcho Luís Carlos Heinze, PP, tenta botar panos quentes na verdadeira rebelião que deputados e senadores movem contra a senadora e presidente da Confederação Nacional da Agricultura, Kátia Abreu, acusada de ser muito governista.

. O que disse o deputado gaúcho, reconhecendo problemas:
- Temos que alinhar algumas ações, sim, mas não entrar em disputa.

. As referências ao governismo de Kátia Abreu são diversas.

. A senadora do PSD acaba de contratar, por exemplo, o irmão da ministra da Casa Civil, no caso o veterinário Juliano Hoffmann. Este é apenas um caso, mas o fato é que Kátia tem se omitido em assuntos de interesse da agropecuária brasileira.

. As federações estaduais de agricultura estão sendo mobilizadas para a nova disputa na CNA. A Farsul, RS, que já esteve mais próxima da senadora, ainda não se posicionou sobre a disputa.

M.Grupo coloca R$ 135 milhões em recebíveis imobiliários

O grupo gaúcho M.Grupo, empreendedor do Shopping Gravataí, que abrirá as portas neste segundo semestre, acaba de estruturar a emissão de R$ 135 milhões em Certificados de Recebíveis Imobiliários com a paulista Ápice.

. O fato relevante foi comunicado ao mercado através do jornal Valor.

. O valor alavanca enormemente as condições financeiras do grupo.

. A agência de rating é a Liberum Art.

Ao meio dia, Afif Domingues falará na Federasul

 Guilherme Afif Domingos, Ministro da Secretaria da Micro e Pequena Empresa estará logo mais no Palácio do Comércio para o almoço do tradicional "Tá na Mesa" da Federasul. O Tema: "MPEs Classe trabalhadora". O tema é apropriado ao novo perfil do ministro, mas será uma tortura ouvi-lo falar sobre o que não pensa. 

. Afif Domingos é apenas mais um dos casos mais recentes de incoerência ideológica e política. 


. O ministro é ex-presidente da Associação Comercial de São Paulo. Trata-se do mais novo convertido neoliberal à causa lulopetista. A foto da posse, curvando-se diante de Dilma, beijando a mão da presidente, foi uma das cenas mais deprimentes e repugnantes do desavario político contemporâneo brasileiro.

Audiência da ação movida por Tarso contra João Luiz Vargas será amanhã, 17h. Tarso amarelou e não irá ao Foro.

Tarso não gostou da comparação com o general Aastrasy (foto ao lado)



Será amanhã, 15 de agosto, 17h, no 2º Juizado Especial Criminal a primeira audiência do processo movido pelo Ministério Púbico Estadual, a pedido do governador Tarso Genro, contra o ex-presidente da Assembléia e ex-presidente do Tribunal de Contas, João Luiz Vargas. Tarso já avisou que não comparecerá. 

. João Luiz acaba de escrever o livro “Conspiração Rodin”, denunciando a liderança do governador no episódio, já que na época ele era ministro da Justiça.

. Segundo o MPE, houve injúria e difamação, não apenas no livro, mas em entrevistas concedidas a jornais e sites. Duas notas do site do editor foram acostadas como provas nos autos.

. Tarso Genro considerou como pior ofensa a comparação com o general Astray, que na defesa do ditador Francisco Franco, costumava gritar: “Viva a Morte”. No panfleto distribuído ao público quando do lançamento do livro, João Luiz provocou (João Luiz só trata Tarso como "o Tenente", já que o governador saiu como Tenente do CPOR).

- Tarso é o general Astray”.

Conheça Pablo Capilé, o líder por trás da Mídia Ninja

Ela se sente bem na companhia desses alpinistas sociais e políticos, usados como massa de manobra ou inocentes úteis, mas todos eles cavalgando em silêncio as burras do Tesouro.
- Foi criado um site, o “Fora do Eixo Leaks” (www.foradoeixo.sx) para reunir denúncias contra a turma.

A revista Veja desta semana desvenda a história de Capilé, apresentado há poucos dias no Roda Viva como um vingador implacável, defensor dos fracos e oprimidos, o novo guro das massas deserdadas que contestam a própria mãe. Ele vive entre dois mundos, com um pé fora do eixo e o outro dentro do governo. Leia e horrorize-se:

Pablo Santiago Capilé Mendes, de 34 anos, vive em dois mundos. No circuito Fora do Eixo (FdE), nome da comunidade que fundou e da qual é líder com status de guru, ele diz ser politicamente apartidário e defende a independência financeira do grupo a ponto de, dentro dele, fazer circular um dinheiro de mentirinha, o card. A “moeda” serve para “remunerar” o trabalho de cerca de centenas de jovens que moram nas 25 casas do FdE, espécie de repúblicas de muros grafitados onde tudo é de todo mundo -- incluindo as roupas, guardadas em um armário único e à disposição do primeiro que chegar.
Já no outro mundo em que vive, Capilé é um “companheiro”, como se referiu a ele o presidente do PT, Rui Falcão, e o dinheiro com que lida não só é de verdade como vem, em boa parte, dos cofres públicos.

O mais recente empreendimento do Fora do Eixo, por exemplo -- uma casa inaugurada em Brasília no mês de junho para hospedar convidados estrangeiros e a cúpula da organização --, foi montado com dinheiro da Fundação Banco do Brasil. A título de convênio, a fundação repassou à turma de Capilé 204.000 reais destinados, segundo sua assessoria, a “estruturação do local, salários de educadores e implementação de uma estação digital”. O Fora do Eixo tem outras duas dezenas de casas espalhadas pelo Brasil em lugares como Fortaleza, Porto Alegre e Belém do Pará.

CLIQUE AQUI para saber mais. Vale a pena. 

Lei do Passe Livre volta para a Assembléia com novo formato - mais amplo.

A Assembléia do RS examina a partir de hoje o novo projeto de lei que institui o Programa Passe Livre Estudantil e cria o Fundo Estadual do Passe Livre Estudantil. 

. A nova proposta, que amplia os benefícios para mais gente, tramitará em regime de urgência.

. No texto entregue pelo próprio governador Tarso Genro (PT), há a garantia do “subsídio integral” para estudantes da região metropolitana de Porto Alegre e dos aglomerados urbanos da Serra, Litoral Norte e do eixo Rio Grande-Pelotas. No entanto, quando se refere ao transporte estudantil fora destas regiões, a proposta do governo não garante a integralidade deste subsídio. “A ideia é ter tratamento igualitário para os municípios que irão assumir a execução do programa”, justificou a deputada, que é líder da bancada do PMDB. Maria Helena também já havia se manifestado no mês passado pela necessidade de limitar o benefício conforme a renda de cada família. Esta preocupação foi contemplada na nova versão do projeto, que fixa o teto de 1,5 salário mínimo per capita familiar tanto na isenção da tarifa como para o subsídio às prefeituras.

Bier Markt e Bier Markt Vom Fass - 1° lugar de Veja em Porto AlegreAPROVEITE MELHOR SEU HAPPY HOUR DESTA QUARTA-FEIRA
As trinta torneiras do Vom Fass e também as do Bier Markt, servem chopes de várias partes do mundo, todos à base exclusiva de lúpulo, cevada, malte e água. Nada de serpentinas. Barris são refrigerados na câmara fria que fica por trás do painel. De lá, vão para copos harmonizados, através de injeção de oxigênio e nitrogênio. Também cervejas artesanais de várias partes do mundo. Não há nada igual no Brasil.
Na Barão do Santo Ângelo 497 e na Castro Alves, 452.
WWW.BIERMARKT.COM.BR

Congresso retoma autonomia e não precisa mais mendigar liberação das emendas parlamentares

O Congresso se fortaleceu perante o Executivo. O texto do relator da PEC, deputado Édio Lopes (PMDB-RR), obriga a aplicação das emendas, limitadas a 1 por cento da receita corrente líquida do ano anterior. Levando em conta a receita corrente líquida de 2012, este ano deputados e senadores teriam direito à liberação de cerca de 11 milhões de reais em emendas individuais, que o governo seria obrigado a pagar. Até agora, a liberação depende da boa vontade do presidente, que barganha cada centavo que concede, embora os valores estejam no orçamento.

. A Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira, em primeiro turno, a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) do Orçamento Impositivo, que obriga o pagamento de emendas parlamentares individuais, sem a vinculação de parte desses recursos à saúde, como era defendido pelo governo.
Aprovada por 378 a 48 votos e 13 abstenções, a PEC ainda precisa ser votada numa segunda rodada, que deverá ocorrer após um intervalo de cinco sessões entre os dois turnos, como manda o regimento interno da Casa, para só depois ir ao Senado. Após uma série de reuniões desde a manhã desta terça com as ministras do Planejamento, Miriam Belchior, e das Relações Institucionais, Ideli Salvatti, e os líderes partidários, os deputados chegaram perto de um consenso para a apresentação de uma emenda aglutinativa que englobaria uma série de mudanças negociadas durante o dia. Um dos pontos que fez parte das conversas e possibilitou que fossem alcançados "99 por cento" de um acordo, nas palavras do presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), dizia respeito justamente à fixação de um percentual das emendas destinado à saúde. Apesar dos esforços, os deputados decidiram levar à votação o texto aprovado em comissão especial da Câmara na semana passada, que não incluía esse percentual.

Receita depositará amanhã o dinheiro da restituição do terceiro lote do Imposto de Renda

A Receita Federal deposita amanhã, 15, o dinheiro da restituição do terceiro lote do Imposto de Renda.

Congresso sobre carvão sairá dia 22 em agosto. RS possui 90% das jazidas do Brasil.

Esta é a última semana para inscrições antecipadas para participar do IV Congresso Brasileiro de Carvão Mineral, que ocorrerá de 22 a 24 de agosto, em Gramado. O evento é promovido pela Sociedade de Assistência aos Trabalhadores do Carvão (SATC) e Rede Carvão. 

. O RS possui 90% das jazidas de carvão do Brasil. 

. Faça sua inscrição pelo site: www.portalsatc.com.br

STF retoma, hoje, o julgamento do Mensalão, temendo ouvir a voz rouca das ruas

Sob a possibilidade de ter que lidar com protestos à sua porta, o STF (Supremo Tribunal Federal) retoma na tarde desta quarta-feira, a partir das 14h, o julgamento do mensalão com a análise dos recursos da defesa dos condenados. A segunda fase do julgamento é retomada mais de um ano depois do início do julgamento, em 2 de agosto do ano passado. 

. O advogado Luiz Francisco Corrêa Barbosa, que até há poucos dias defendeu o ex-deputado Roberto Jefferson no julgamento, disse nesta terça-feira à noite ao editor que esta tarde os ministros enfrentarão pelo menos três decisões de natureza diferente, mas ainda não falarão sobre a possibilidade de aceitar ou não os embargos infringentes, os únicos que poderão mudar os tamanhos das penas. 

Trensurb também entregou para o cartel a compra de trens (R$ 243,8 milhões) sem licitação

A Procuradoria da República em São Paulo vai solicitar contratos e documentos das concorrências à Trensurb (Empresa de Trens Urbanos de Porto Alegre S.A.) e à CBTU (Companhia Brasileira de Trens Urbanos), empresas de transporte urbano vinculadas ao Ministério das Cidades.

. O caso do Trensurb foi revelado neste final de semana pelo editor.

 . A Trensurb realizou no fim do ano passado uma licitação para compra de 15 trens, com quatro carros cada um. Apenas o consórcio FrotaPoa, formado pela Alstom e pela CAF, apresentou uma proposta. O valor da oferta do consórcio foi de R$ 243,8 milhões. Segundo ata de julgamento da comissão do processo licitatório, esse preço foi "considerado aceitável". As concorrências foram feitas sob as regras do RDC (Regime Diferenciado de Contratações Públicas), que são mais flexíveis que as da Lei de Licitações.

. O governo federal criou o RDC sob a justificativa de que era preciso dar mais rapidez à licitações referentes às obras ligadas à Copa do Mundo de futebol de 2014 e aos Jogos Olímpicos de 2016.

. Posteriormente, o RDC também foi estendido às concorrências do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) do Executivo federal.

- A penas 13 dias separam o comunicado da comunicação de licitação de Belo Horizonte do anúncio da assinatura de contrato em Porto Alegre

Tudo aquilo que Olívio negou para a Ford, Tarso concedeu facilmente para tirar a Foton do Rio

- Empréstimo subsidiado de R$ 40 milhões no Banrisul, em condições vantajosas, mas ainda não definidas em contrato
- Pacote de incentivos e renúncias fiscais
- Adiamento, por até 12 anos, do recolhimento de parte (renúncia fiscal) do ICMS gerado pela nova fábrica. até o limite do investimento total no projeto, além da desoneração da cadeia de fornecedores.
- Terreno de 150 hectares no distrito industrial de Guaíba, vendido a preço "subsidiado" pelo governo gaúcho
- Isenção de ISS sobre a construção e de IPTU sobre a unidade durante 25 anos.

As negociações com o Estado iniciaram no fim de 2012 e, em julho, a Foton Aumark, representante da chinesa no país e responsável pelo projeto, chegou a anunciar a transferência do investimento para o Rio de Janeiro, mas ontem ela confirmou a construção da unidade na cidade gaúcha.

. O protocolo de intenções foi assinado pelo governador gaúcho, Tarso Genro, e pelo presidente e sócio majoritário da Foton Aumark, Luiz Carlos Mendonça de Barros, ex-presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). O investimento será de R$ 250 milhões para a produção de caminhões de 3,5 a 24 toneladas a partir do segundo semestre de 2015, mediante pagamento de royalties para a montadora, uma estatal controlada pelo Partido Comunista de Pequim.A Foton Aumark importa os caminhões da chinesa e protocolou o pedido de enquadramento da futura fábrica no Inovar-Auto, o programa do governo federal que reduz o IPI sobre veículos fabricados no país. A fábrica começará operando com 15% de conteúdo local, mas pretende chegar a 65% em quatro anos, seguindo as regras do programa. Segundo o presidente da empresa, a ideia é atrair pelo menos cinco fornecedores chineses de componentes para o complexo industrial de Guaíba.

- A capacidade de produção inicial será de 21 mil caminhões por ano em dois turnos e, conforme Mendonça de Barros, a estimativa é alcançar este volume em 2018, quando a empresa poderá ampliar a unidade para até 50 mil veículos por ano. Os caminhões serão vendidos no Brasil e exportados para a América do Sul e para a África.