Dólar subiu 5,3% na semana. Cotação fechou em R$ 2,396

Dólar sobiu 5,3% na semana e fechou em alta, cotado em R$ 2,396, praticamente R$ 2,40, nesta sexta-feira. O dólar continuará subindo, segundo especialistas consultados hoje pela Folha, que apostam em cotação de R$ 2,80 no final do ano.

. A recomendação é comprar imediatamente a moeda, mas apenas quem quer viajar, importar ou ganhar dinheiro com a valorização.

Dólar beira os R$ 2,40 neste momento. O dólar turismo vale R$ 2,48. Mercado já prevê dólar a R$ 2,80.

O dólar comercial  acelerou a alta no início da tarde e se aproxima de R$ 2,40. A valorização até às 15h08min desta sexta-feira era de 1,98%, a R$ 2,385. A trajetória da moeda se manteve praticamente indiferente aos dois leilões de swap cambial promovidos pelo Banco Central hoje, que totalizaram cerca de US$ 6 bilhões.

. O preço de venda da moeda para o turismo já chega a R$ 2,48, depois de ter fechado em R$ 2,45 ontem. Há uma semana, custava R$ 2,39.

- Segundo a Folha de hoje, homens do mercado consultados pelo jornal já estão prevendo dólar a R$ 2,80 até o final do ano, recomendando compra da moeda americana. 

Randon anuncia investimento para fabricação de vagões em São Paulo

O grupo Randon anunciou nesta sexta-feira que são ambiciosos os planos que desenhou para a Suspensys, cujo controle total acaba de adquirir do grupo americano Meritor. Os gaúchos chegaram a pensar em levar a produção de suspensões, vigas e eixos para veículos comerciais, para Rezende, Rio, mas nas últimas semanas obtiveram fortes incentivos e decidido apoio do governo gaúcho para permanecer no Estado.

. A Suspensys emprega 1700 trabalhadores e fatura R$ 1 bilhão.

. Rezende permanecerá como unidade fabril no Rio.

. O grupo Randon também avisou nesta sexta-feira que investirá R$ 1,1 bilhão até 2015 nas suas empresas.

. O investimento alocará recursos para expansão da Brantech, Chapecó; Suspensys, Rezende, e num projeto de fabricação de vagões ferroviários e equipamentos complementares em São Paulo. 

Serra já está com um pé no PPS

O ex-governador José Serra está mesmo com um pé no PPS. Ele será candidato do Partido à sucessão de Dilma. Na prática, foi o que Serra disse aos dirigentes do PPS, porque ao rejeitar filiação imediata, avisou que esgarçaria as tentativas de prévias internas para definir o candidato do PSDB, o que significa algo como zero. 

Vereador do mesmo Partido de Fortunati reage bem humorado ao ser retaliado com a "demissão" dos seus CCs

Ao se decidirem por assinar o requerimento que viabiliza a instalação da CPI da Procempa, onde teria ocorrido o desvio de R$ 50 milhões, os três vereadores da base aliada do prefeito José Fortunati passaram a enfrentar retaliações corrosivas da administração municipal de Porto Alegre e até dos seus Partidos.

. Os que assinaram:

Claudio Janta, PDT, também presidente da Força Sindical
Lourdes Sprenger, PMDB, defensora da causa animal e desafeta da mulher do prefeito, Regina Becker
Séfora Mota, mulher do comunicador número 1 da Rede Record do RS, Alexandre Motta, PRB

. O governo vazou a informação de que demitiria todos os CCs (ocupantes de Cargos em Comissão) nomeados pelos três vereadores.

. A reação mais bem humorada ao aviso do prefeito José Fortunati foi dada pelo seu companheiro de Partido, Claudio Janta.

. Na foto ao lado, acima, o vereador do PDT faz compungido discurso para três cadeiras vazias, nas quais deveriam estar sentados os três CCs que ele teria nomeado. No seu Facebook, explicou Claudio Janta, bem humorado:
- Estou reunido com os meus três CCs exonerados, tentando acalmar os ânimos dos mais exaltados.

. Em relação a Janta e Lourdes o governo pode pouco, mas é certo que mandará de volta para a Câmara um dos titulares que ocupam funções no Executivo, visando desalojar Séfora, que é suplente. 

Fortunati ignora protestos do PMDB e nomeia nova diretoria da Procempa

Apesar dos protestos do PMDB, o prefeito José Fortunati acabou indicando um homem da sua confiança para a diretoria Técnica da Procempa, a complicada estatal municipal de TI que é acusada de malfeitorias calculadas em R$ 50 milhões.

. O PMDB será compensado com outra posição equivalente no governo.

. O novo dirfetor será Volnei Dias. Ele e o novo presidente, Cristiano Candaten, PTB, assumirão na semana que vem.

Paulo Skaf faz escola no RS

Na esteira do que faz há algum tempo o presidente da Fiesp, Paulo Skaf, que usa o dinheiro da entidade para se promover, no RS o presidente do Sebrae, Vitor Augusto Koch,  resolveu fazer o mesmo.

. No encarte colorido de oito páginas que bancou no jornal Zero Hora desta sexta-feira, fotão de 1/3 de página encabeça o tijolaço que ele publica na página 2. 

Em franca campanha antecipada, Tarso avisa em Caxias: "Vamos ganhar as eleições de 2014". Há controvérsia sobre isto.

Na concorridíssima coletiva de imprensa, junto com seu leque de apoiadores, Tarso diz que já ganhou.


O governador Tarso Genro, RS, está desde ontem em Caxias do Sul, dentro do que ele chama de Programa de Interiorização, usado em grande parte para fazer campanha eleitoral, que foi sobre o que ele falou esta manhã numa coletiva de imprensa.

. Num novo acesso de modéstia, o governador reconheceu que o PT vencerá novamente as eleições do ano que vem, mas não “porque eu sou o bom, mas porque temos uma coalizão política e uma relação com o governo federal nunca vista”.

. E avisou:
- Para mim, é absolutamente certo que nós vamos ganhar a eleição do ano que vem.

. Tarso Genro não deixou claro se será candidato, porque disse que só em novembro o PT passará a discutir nomes.

. O que demonstram as pesquisas eleitorais em poder dos Partidos é que Tarso não só não venceria as eleições, caso elas fossem realizadas hoje, como ficaria fora do segundo turno. A senadora Ana Amélia e o ex-prefeito de Caxias, José Sartori, são os dois candidatos mais fortes.

. O governador corre o risco de ver reduzida drasticamente sua atual base de apoio, porque PSB e PDT já estão com um pé fora do governo. 

Artigo, Miriam Leitão - A Bolsa Empresário

No artigo que escreveu hoje para O Globo, a jornalista Miriam leitão avisou que os empréstimos do Tesouro aos bancos públicos, especialmente BNDES, pularam de R$ 14 bilhões para R$ 438 bilhões. Ela condena o que chama de Bolsa Empresário. Leia tudo:

Como o Tesouro se endivida a uma taxa muito maior do que vai receber, o subsídio escondido nessa operação já é de R$ 24 bilhões por ano. Esse é o tamanho do "bolsa empresário", que é equivalente à Bolsa Família. E o BNDES está neste momento pedindo mais empréstimos ao Tesouro.

. No programa da Globonews, convidei dois economistas que olham de forma minuciosa as contas do governo: Gil Castelo Branco, da organização Contas Abertas, e Mansueto de Almeida, que trabalha no Ipea, mas não fala pelo órgão. As observações que faz são em caráter pessoal. É assustador saber os detalhes do que está sendo feito com o nosso dinheiro e comprometido em nosso nome.

. Para Mansueto, o Brasil está fazendo uma agenda positiva, com as concessões, mas da forma errada. O BNDES está emprestando mais, porque o Tesouro está se endividando, e não porque ele tenha aumentado sua capacidade de financiamento.

CLIQUE AQUI para ler tudo.

Dólar corre célere para a casa dos R$ 2,40. Cotação chegou a R$ 2,37 no início da tarde.

Apesar de novos leilões de swap do Banco Central, o dólar prosseguiu sua agressiva de valorização frente ao real, passando de R$ 2,37 no início desta tarde.

. O ministro Guido Mantega surpreendeu todo mundo ao dizer que essa forte alta é ruim para alguns, mas boa para outros, como a indústria. A fala do ministro ocorreu quase simultaneamente ao esforço do BC de segurar a alta da moeda americana.

  O que mais assusta é a velocidade com a qual sobe a cotação. Isso demonstra que há grande nervosismo no mercado. E o dólar já está quase R$ 2,40 mesmo com a intervenção do BC.

CEO da Taurus falará quarta-feira na Federasul

 O Tá na Mesa da Federasul, quarta-feira, meio dia, receberá o CEO da Forjas Taurus, Dennis Braz Gonçalves, que falará sobre o tema “Os desafios de uma empresa brasileira no mercado americano”.

. O produto mais conhecido da empresa é o revólver Taurus, o mais vendido nos EUA. A Taurus possui fábrica própria na Flórida. 

Modéstia a parte, um governo muito medíocre, que engana até quando compara investimentos

A editora de Política da RBS, Rosane Oliveira, já deveria ter aprendido a levar menos a sério os cálculos que o governador Tarso Genro volta e meia leva ao conhecimento dos jornalistas e que profissionais como ela costumam aceitar como verdadeiros.

. Tarso Genro não entende nada de números, mas entende muito de factoides.

. Seu governo é medíocre. Ele sabe disto e não é por menos que se atribui regular nota 6, o que nem de longe corresponde às notas baixíssimas que lhe atribuem os eleitores, que já sabem que ele não sabe fazer contas.

. É sobre isto (não saber fazer contas) que trata na sua coluna de Zero Hora a jornalista da RBS, alinhadíssima com o governo, sempre disposta a agradar o chefe de plantão do Piratini, desde que este seja do PT

. Ela simplesmente listou os chamados investimentos sobre as receitas correntes líquidas que o governo estadual teria feito nos últimos 11 anos, para reverberar os números que lhe passou Tarso Genro, com destaque para as últimas três gestões:

Tarso – 17,9%
Yeda – 5,4%
Rigotto – 6%

. Os números de Tarso correspondem ao que ele acha que terá investido ao final do seu governo. É por isto que mistura laranja com banana.

. Os números corretos sobre o que já aconteceu, são os seguintes:

Tarso - 4,8%
Yeda - 6,5%
Rigotto - 8,0%

. Se a jornalista da RBS tivesse ouvido menos o governador do RS e mais especialistas da área e até os ex-governadores do RS, enfiados todo no mesmo buraco por Tarso Genro, perceberia que os números alinhados por ele são um embuste e uma farsa.

. São mentirosos.

. No seu blog de hoje, o economista Darcy Francisco Carvalho dos Santos, especialista em contas públicas, avisa que somente no século passado, nas décadas de 70 e 80, governadores conseguiram investir tanto quanto pensa Tarso investir. Triches, 29,2%; Guazzeli, 29,4%; Amaral, 27,4%; JJair, 19,7%. Simon, 20,4%; Britto, 16,7%.  A partir de 1999, Olívio Dutra, PT, a margem para investimentos foi negativa (média de -2,3%).

. Para 2013, o orçamento prevê 9,1% da receita corrente líquida, 3,4% de empréstimos, 1,8% de transferências federais e apenas 3,4% com recursos próprios.

. Nos dois primeiros anos do seu governo, 2011 e ano passado, a fatia foi de 4,8%.

. Ao lado, acima, você poderá examinar os investimentos em percentagem da receita corrente líquida (o que já aconteceu e não o que Tarso acha que acontecerá). 

CLIQUE AQUI para ler análise que faz sobre o assunto o economista Darcy F.C. dos Santos no seu blog. 

9ª Bienal do mercosul abrirá no dia 13 de setembro

A 9ª Bienal do Mercosul | Porto Alegre será realizada de 13 de setembro a 10 de novembro de 2013, em Porto Alegre, Brasil. Consiste em uma exposição de arte contemporânea, que inclui performances e eventos, apresentados em diversos locais da cidade.

DICA DE RESTAURANTE - "A Canga", Caí, RS, a melhor cozinha húngara no Estado.

A Canga: O editor visita o restaurante há 40 anos. Ele jamais perdeu a qualidade. 

Todos os dias, inclusive nestes sábado e domingo, comida húngara trazida diretamente do sul da Hungria, e que há 42 anos funciona no mesmo lugar, São Sebastião do Caí.  O cardápio é fixo e composto por 5 pratos. O primeiro: “AprólékLeves”, sopa de massinha e miúdos. O prato principal: pimentões recheados. Ou em húngaro, "Töltött Paprika”. Receita secreta trazida pelo fundador, Karóly Cvitko (falecido em 2008) que veio para cá fugido da invasão russa de 1956. O molho é espesso e os pimentões são recheados com carne e arroz, cozidos dentro do próprio pimentão. Uma delícia!3 Como acompanhamento é servido frango empanado crocante com batatas “wedges” e que fazem uma bela combinação com o molho de páprica doce. R$ 30,00 por pessoa. 

Preste atenção no endereço (fica do outro lado da rodovia, para quem vai para Caxias: RS-122, 9 São Sebastião do Caí (51) 3536-1461.

Neste site, Destemperados, você pode saber mais.

DICA DO EDITOR - Sangue e Champanhe - A Vida de Robert Capa

Alex Kershaw, jornalista e roteirista de cinema


O editor está lendo e recomenda o livro que  reconstrói a vida e a época de Robert Capa, o mais famoso fotojornalista do século XX. Capa teve suas fotos mais emblemáticas publicadas nas principais revistas do mundo, fundou a legendária agência Magnum e foi o primeiro a conferir à própria profissão uma aura de glamour e fama. Kershaw narra uma jornada emocionante que conduz o leitor da Budapeste fascista à Indochina francesa, passando pela Berlim nazista e os horrores da Guerra Civil Espanhola e da Segunda Guerra Mundial. Baseada em longas entrevistas com amigos e contemporâneos do grande fotógrafo, além de arquivos secretos soviéticos e do FBI, e outros materiais até então inéditos, esta biografia é tão empolgante e atraente quanto o próprio biografado. Ele morreu com 42 anos. Editora Record, 349 páginas, R$ 45,00. Em Porto Alegre, a Livraria Cultura entrega em casa (motoboy à parte). 

Este homem criou o Shopping Brasil, toca o Informa Brasil e se prepara para desafiar uma nova cadeia de montanhas.

José Antonio Resende, o criador do Shopping Brasil, vendido há três anos para o grupo alemão IRF, fala nesta entrevista de 60 minutos para o programa “Cenários”, apresentado semanalmente pelos sites www.leandrostormer.com.br e www.polibiobraga.com.br

 . O empreendedor gaúcho, atualmente membro do Conselho do Shopping Brasil e dono do Informa Brasil, conta como é importantíssimo pesquisar, minerar e sistematizar preços para poder disputar com sucesso no mercado e poder avançar. É exatamente o que faz a Shopping Brasil, que tem entre seus clientes 99% das grandes redes de lojas e supermercados do Brasil.

 . Ele também revela um lado pouco conhecido da sua vida pessoal, que é a paixão pelo alpinismo, que já o levou ao Everest e às grandes montanhas da Ásia, Europa e América.

. Está tudo no vídeo a seguir.

 . Stormer, analista financeiro e diretor da Leandro & Stormer, participa da entrevista.

 

Mendes Ribeiro Filho vem aí com suas Memórias Políticas

Em fase de tratamento e recuperação de câncer que o atingiu no cérebro, o ex-ministro e atual deputado Mendes Filho, PMDB do RS, contratou o publicitário Zeca Honorato para ajuda-lo a produzir e publicar suas Memórias Políticas.

Bier Markt e Bier Markt Vom Fass - 1° lugar de Veja em Porto Alegre
APROVEITE MELHOR SEU HAPPY HOUR DESTA SEXTA-FEIRA
As trinta torneiras do Vom Fass e também as do Bier Markt, servem chopes de várias partes do mundo, todos à base exclusiva de lúpulo, cevada, malte e água. Nada de serpentinas. Barris são refrigerados na câmara fria que fica por trás do painel. De lá, vão para copos harmonizados, através de injeção de oxigênio e nitrogênio. Também cervejas artesanais de várias partes do mundo. Não há nada igual no Brasil.
Na Barão do Santo Ângelo 497 e na Castro Alves, 452.
WWW.BIERMARKT.COM.BR

Análise do Datafolha mostra que Dilma tem 32% dos votos contra 53% da soma dos adversários

O ex-prefeito do Rio, Cesar Maia,que foi secretário da Fazenda de Brizola, economista e conhecido pelas suas análises de pesquisas, informou nesta sexta-feira que escolheu entre as alternativas presidenciais oferecidas ao eleitor pelo Datafolha (07-09/08) aquela que num mesmo grupo reúne José Serra e Aécio Neves. Com isso, somados a Marina e Eduardo Campos, formam um grupo que hoje não votaria em Dilma. São 32% em Dilma e 53% nos demais. Veja o que ele descobriu:
            
1. Dilma sempre tem suas melhores performances nos de menor nível de instrução e de menor renda: 38% e 37%, respectivamente. Da mesma forma no Nordeste 42% e no Interior 35%. Nos níveis de maior escolaridade e maior renda tem os mesmos 21% e nas Regiões Metropolitanas 28%.
            
2. Mesmo nos níveis menores de escolaridade e renda a soma dos demais alcança 47% e 52%, superando com folga os 38% e 37% de Dilma. No Nordeste, onde Dilma tem 42%, os demais somam 45% e no Interior 50%, também superando Dilma com 35%.
            
3. Marina tem 34% nos de nível superior e 33% nos de renda mais alta, superando amplamente os 21% de Dilma. Serra tem 13% e 7% nesses níveis mais altos. Aécio 12% e 18%. Portanto, Aécio vai melhor que Serra no nicho de escolaridade  potencial do PSDB. Esse nicho –com mais acesso a informação- indica uma percepção a favor de Aécio, o que deve estimular Serra a buscar o PPS ou ficar no PSDB como candidato ao Senado.
            
4. Os eleitores respondem que conhecem Muito Bem: Dilma 58%, Marina 29%, Serra 44%, Aécio 17% e Campos 7%.
            
5. Dilma perdeu completamente a credibilidade como gestora econômica. O nome de Lula aí tem 42%, Dilma 12%, Serra 11%, Aécio 8%, Marina 8% e Campos 2%. Excluindo Lula e calculando as porcentagens dos demais entre si, Dilma tem 29%, Serra tem 27%. Aécio e Marina 20% e Campos 4%. Não será por aí que terá seus votos ano que vem, reforçado pela percepção do tipo “Dilma não é Lula”.
            
6  Finalmente, Dilma manteve-se em 16% na resposta espontânea (em quem votaria sem indicar nome), repetindo a última pesquisa. Isso é um sinal que o crescimento na induzida é mero efeito de superexposição depois do abalo que sofreu pós-manifestações nas ruas.

Amanhã, nas bancas, conta a saga dos empresários que já passaram dos 80 anos e não querem saber de sossego

Adelino Colombo, dono das Lojas Colombo, não quer saber de aposentadoria "precoce". 



Já circula a edição de agosto da revista Amanhã, cuja reportagem central conta de que modo o povo do Sul acompanha a colheita recorde de grãos. A revista de economia, editada em Porto Alegre pelo jornalista Jorge Polydoro, também publica reportagem inspiradora sobre seis empresários que já passaram dos 890 anos e que não querem saber de sossego.

. Adelino Colombo já comunicou ao mercado que sairá da presidência em janeiro, mas permanecerá no Conselho. Seu sucessor será Rodrigo Piazer, o atual superintendente. 

Sindicato dos Jornalistas do Rio denuncia "ações de milícias fascistas" contra o trabalho da imprensa

Nota da Agência Brasil de hoje revela que o Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Município do Rio de Janeiro divulgou nota ontem condenando as agressões aos profissionais de imprensa durante as manifestações de rua na capital fluminense. De acordo com a entidade, "a liberdade de imprensa corre perigo. A situação está cada vez mais grave para os jornalistas que cobrem, ou melhor, que tentam cobrir as manifestações de rua, no Rio de Janeiro”.

. Em Porto Alegre, manifestantes e bandidos comuns encapuzados têm hostilizado igualmente a imprensa, inclusive com agressões físicas. Sedes de jornais, como Zero Hora, são cercadas e seus profissionais encurralados. No Rio, osindicato destaca ainda que “um pequeno grupo de manifestantes, no melhor estilo de milícias fascistas, passou a intimidar rotineiramente as equipes de jornalismo. Nos protestos de segunda-feira (12), em frente ao Palácio Guanabara, em Laranjeiras, várias equipes foram acuadas e impedidas de trabalhar. Um repórter cinematográfico da TV Bandeirantes chegou a levar um soco nas costas.

. Não foi para isso que lutamos contra a ditadura que durante 21 anos perseguiu a imprensa, prendeu, torturou e assassinou tantos brasileiros. Entre eles, jornalistas", diz a nota.

. A Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (Abraji) também repudiou as agressões.

- Em Porto Alegre, o Sindicato dos Jornalistas, alinhado com o PT, permanece em comprometedor silêncio.

Nos bastidores, Joaquim Barbosa desafia Lewandowski: "Você não vai me enrolar como enrolou Britto, ganhando tempo para seus amiguinhos"

Os jornalistas Rafael Baliardo e Rodrigo Haidar, do site Conjur, contam em detalhes o que todo mundo viu e o que quase ninguém viu na sessão desta quinta-feira do STF. O bate-boca transmitido pela TV prosseguiu nos bastidores. Joaquim Barbosa, aos berros, desafiou Lewandowski: "Você não fará comigo o que fez com Britto, lendo recortes de jornal para espichar o tempo e beneficiar seus amigos". Leia tudo:

Mais uma vez, a falta de distanciamento transformou julgamento do Supremo Tribunal Federal em disputa pessoal deixando em segundo plano as normas jurídicas, a doutrina e a jurisprudência. Para impor seu projeto de condenar definitivamente os politicos em julgamento, o ministro Joaquim Barbosa acusou Lewandowski de fazer chicana e usar o recurso para “arrependimento”. Lewandowski, que mais uma vez explorou deficiencias da acusação, pediu, então que Barbosa se retratasse. O presidente do STF se recusou.
Os ministros se entreolhavam envergonhados com a situação. O decano do Supremo, Celso de Mello, tentou intervir duas vezes, em vão. A discussão fez com que Barbosa encerrasse a sessão. Mas não a discussão.

Na antessala do Plenário, em que os ministros se reúnem antes de entrar para o julgamento e na hora do intervalo, ouviam-se gritos. Quem estava na sala, disse que não faltava muito para que os ministros chegassem às vias de fato. Lewandowski, então, se retirou.

CLIQUE AQUI para ler tudo e entender o que houve. 

CPI investigará apoio de vereadores do PT e do PSOL à ocupação violenta da Câmara por parte do Bloco dos Pelados

Vereadores dos Partidos que formam a base aliada do prefeito José Fortunati protocolaram requerimento nesta quinta-feira para instaurar uma CPI que apurará o envolvimento de vereadores do PT e do PSOL na invasão, ocupação, vandalismo e interdição do plenário,  ocorrida na Câmara de Porto Alegre entre 10 e 17 de julho. Durante a ocupação, os ativistas vandalizaram o plenário, quebraram instalações, picharam gabinetes e símbolos religiosos, fumaram maconha e se envolveram em orgias sexuais. Também ocorreram atos de agressão física contra o presidente, dr. Thiago, e um fotógrafo da casa, com registro de BO. Os vereadores foram impedidos de trabalhar. Controle ilegal de ingresso resultou praticado por delinquentes mascarados. Carros de vereadores da situação foram vandalizados. Na prática, os vereadores do PMDB, PRB, PDT, PTB, PP, PSD e DEM foram cassados. A violência repetiu atos da ditadura militar. 

. Os vereadores do PT e do PSOL deram cobertura logística e política ao grupo. Eles serão enquadrados no Código de Ética e poderão ter seus mandatos cassados. 

. Além deles, serão investigadas entidades como Simpa e Cpers, sindicatos mantidos com contribuições de associados e sujeitas a legislação própria. Eles deram cobertura logística aos ativistas.

. O pedido tem 18 assinaturas.

. A CPI não impedirá que prossigam as sindicâncias anunciadas pelo presidente, dr. Thiago, e tampouco trancará possíveis procedimentos do Ministério Público Estadual e Polícia Civil.

. Estes vereadores assinaram o pedido de CPI.

- Reginaldo Pujol (DEM), Valter Nagelstein (PMDB), Luiza Neves (PDT), Alceu Brasinha (PTB), Any Ortiz (PPS), Elizandro Sabino (PTB), Paulo Brum (PTB), Cássio Trogildo (PTB), Mônica Leal (PP), Mario Manfro (PSDB), Mario Fraga (PDT), Márcio Bins Ely (PDT), Paulinho Motorista (PSB), Waldir Canal (PRB), João Carlos Nedel (PP), Christopher Goulart (PDT) e Cláudio Janta (PDT)

CLIQUE AQUI para examinar o vídeo no qual os integrantes do Bloco dos Pelados indentificam-se por nomes e tendências políticas e partidárias.
CLIQUE AQUI para examinar a lista digitada.

CLIQUE nas fotos ao lado para entender como é que os ativistas circularam dentro da Câmara de Vereadores na fase final da ocupação e alguns dos atos de vandalismo que praticaram. 

Segurança tira satisfações de cliente que filmava deputado anti-gay Marco Feliciano em Porto Alegre

Incomodado com um cliente que tentava filmar o deputado durante jantar numa churrascaria de Porto Alegre na madrugada desta sexta-feira, um segurança do deputado Marco Feliciano envolveu-se num incidente que obrigou os proprietários a chamar a Brigada.  De acordo com a Brigada Militar, que atendeu o caso, um dos clientes começou a filmar o político por curiosidade. Quando o homem se deslocou até o banheiro, um dos seguranças de Feliciano o acompanhou e iniciou uma discussão. O deputado nem percebeu o que aconteceu. Ninguém foi preso.

. Marco Feliciano tem sido vítima de bullying de ativistas homossexuais em função das restrições que faz à prática sexual que acaba de ser condenada pelo próprio Papa.

. O deputado paulista do PSC veio para o Rio Grande do Sul para inaugurar uma igreja em Canoas na noite de quinta-feira, onde seria a atração principal. De volta a Porto Alegre, ele saiu para jantar em uma churrascaria da avenida Praia de Belas.

Alceu Moreira recupera-se de pneumonia, mas continua em repouso

Coordenador da bancada de deputados federais no RS, o deputado Alceu Moreira, PMDB, convalesce da pneumonia que o atacou no início da semana. Ele está bem, mas em repouso. 

Parlamentares gaúchos escolhem prioridades para obras federais no RS. Saiba quais são elas.

As obras escolhidas pelos deputados e senadores do RS para que o governo inclua verbas na sua proposta orçamentária do final do ano, são as seguintes, segundo informou ao editor o coordenador da bancada gaúcha, Alceu Moreira:
- Duplicações da BR 386, entre Lajeado e Iraí, e da BR-290, entre Pantano Grande e Uruguaiana
- Concretização da Hidrovia do Mercosul, que se estende até a fronteira com o Uruguai.

. Ainda estão previstas duas emendas para investimentos em hospitais filantrópicos e no fomento à agricultura.