PMDB escala seus grandes líderes para disputar Câmara e Assembléia. Ibsen e Fogaça abrem a lista.

A direção do PMDB e o candidato a governador, José Ivo Sartori, como informou nesta quinta o editor, apertam o cerco sobre os grandes nomes do Partido, para que disputem cadeiras na Câmara dos Deputados e na Assembléia.

. Ambos querem bancadas poderosas, sobretudo na Assembléia, para respaldar Sartori, caso ele se eleja.

. Pelo menos dois nomes já se renderam aos argumentos, desafiados a ajudar o PMDB. São os ex-deputados Ibsen Pinheiro e José Fogaça. Ibsen iria a Federal e Fogaça a Estadual.

. A lista inclui outros notáveis que se afastaram das urnas.

Nome de Tarso aparece num dos papéis apreendidos pela PF nas buscas e apreensões da Operação Ararath

Anotações encontradas em Cuiabá, pela Polícia Federal, na 5ª Etapa da Operação Araratu, na casa de Eder Moraes, ex-secretário da Fazenda do ex-governador e hoje senador Blairo Maggi (PR) e do atual governador Silva Barbosa (PMDB, que também teve sua casa invadida por ordem judicial), apontam para nomes que eram  "alimentadosm pelo sistema", com a provável compra de apoio político, financiamento de campanha eleitoral e pagamentos de outros empréstimos tomados no "mercado financeiro paralelo", ´por meio de pagamentos efetuados a deputados estaduais, empreiteiras e até a um prefeito.

E mostram também o nome do petista Tarso Genro, ao lado de referencias à Polícia Federal e Receita Federal, conforme fac simile acima. O documento foi publicado no blog Vide Versus,que apresenta outros papéis do caso. 

. O papelucho vazou em Cuiabá nesta sexta-feira, segundo informou em Porto Alegre o jornalista Vitor Vieira no seu blog Vide Versus.

. O Piratini não comentou o assunto. 

. Anotações encontradas na casa do ex-secretário de Estado do ex-governador Blairo Maggi (PR) e do governador Silval Barbosa (PMDB), Eder Moraes, apontam como ele ‘alimentava o sistema’ (provável compra de apoio político, financiamento de campanha eleitoral e pagamentos de outros empréstimos tomados no ‘mercado financeiro paralelo’) por meio de pagamentos efetuados a deputados estaduais, empreiteiras e até a um prefeito. Na relação aparecem anotações com valores e abreviaturas de nomes dos beneficiados. Um dos primeiros nomes que aparece é o do atual governador do Rio Grande do Sul, o peremptório petista "grilo falante" Tarso Genro (veja na imagem abaixo), que na época era o ministro da Justiça e comandante maior da Polícia Federal, a polícia política do PT. Aparece também a sigla "BM", que na ação é interpretada como Blairo Maggi, ligado à quantia de R$ 12 milhões


. A quinta etapa da Operação Ararath, deflagrada na manhã de terça-feira pela Polícia Federal em Cuiabá, dá uma noção do tamanho do esquema investigado em Mato Grosso contra crimes de lavagem de dinheiro e corrupção. A decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli, revela o funcionamento de uma instituição financeira “pirata” que abastecia campanhas eleitorais, “presenteava” autoridades e viabilizava até a compra de vagas no Tribunal de Contas do Estado. O “banco clandestino” ainda auxiliava seus tomadores na ocultação da origem de recursos recebidos por empresas privadas. Sofreram devassas em suas casas e/ou gabinetes na terça-feira o ex-secretário de Fazenda, Casa Civil e Secopa, Eder Moraes (PMDB); governador Silval Barbosa (PMDB); deputado estadual e presidente afastado da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, José Riva (PSD); prefeito de Cuiabá, Mauro Mendes (PSB); conselheiro afastado do Tribunal de Contas do Estado, Humberto Bosaipo; conselheiro do TCE e ex-deputado estadual Sérgio Ricardo, e o promotor de justiça e membro do Gaeco Marcos Regenold Fernandes.  

Conheça a lista completa das condenações da ação penal da Operação Rodin

Saiu no final da tarde a lista das condenações impostas pelo juiz Federal de Santa Maria, Loraci Flores (foto ao lado), todas no âmbito da ação penal da Operação Rodin. Todos os casos admitem recursos a instâncias superiores, iniciando pelo TRF em Porto Alegre. Ninguém irá preso enquanto o caso não transitar em julgado.

ABSOLVIÇÕES (TODAS AS ACUSAÇÕES):
- FRANCISCO JOSÉ DE OLIVEIRA FRAGA
- GILSON ARAÚJO DE ARAÚJO
- LENIR BEATRIZ DA LUZ FERNANDES

CONDENAÇÕES:

1) ALEXANDRE DORNELLES BARRIOS – Advogado do Detran na gestão de Carlos Ubiratan dos Santos
09 (nove) anos e 06 (seis) meses em regime inicial fechado

2) ALFREDO PINTO TELLES – Sócio da Newmark, cunhado de Lair Ferst
17 (dezessete) anos e 05 (cinco) meses em regime inicial fechado

3) CARLOS DAHLEM DA ROSA – Dono da Carlos Rosa Advogados, que prestava consultoria ao projeto
36 (trinta e seis) anos e 11 (onze) meses em regime inicial fechado

4) CARLOS UBIRATAN DOS SANTOS – Dono da Carlos Rosa Advogados, que prestava consultoria ao projeto
 32 (trinta e dois) anos e 10 (dez) meses em regime inicial fechado

5) CENIRA MARIA FERST FERREIRA – Irmã de Lair, sócia da Rio Del Sur, uma das empresas terceirizadas
 05 (cinco) anos em regime inicial semi-aberto

6) DARIO TREVISAN DE ALMEIDA – Professor da UFSM, presidiu a Coperves de 1993 a 2007 e coordenava o Trabalhando pela Vida na Fatec
26 (vinte e seis) anos e 08 (oito) meses em regime inicial fechado

7) DENISE NACHTIGALL LUZ – Esposa de Ferdinando Fernandes e sócia do Nachtigall Advogados Associados, subcontratada pela Fatec
22 (vinte e dois) anos e 07 meses em regime inicial fechado

8) EDUARDO REDLICH JOÃO – Identificado como intermediário de Lair Ferst
05 (cinco) anos e 05 (cinco) meses em regime inicial semi-aberto

9) EDUARDO WEGNER VARGAS – Filho do presidente afastado do Tribunal de Contas do Estado, João Luiz Vargas, era sócio da IGPL
 05 (cinco) anos e 01 (um) mês em regime inicial semi-aberto

10) ELCI TERESINHA FERST – Irmã de Lair Ferst e sócia da Newmark, uma das terceirizadas
05 (cinco) anos e 05 (cinco) meses em regime inicial semi-aberto

11) FERDINANDO FRANCISCO FERNANDES – Filho de José Fernandes e sócio da Pensant
38 (trinta e oito) anos e 07 (sete) meses em regime inicial fechad

31 (trinta e um) anos e 03 (três) meses em regime inicial fechado

13) FLÁVIO ROBERTO LUIZ VAZ NETTO – Diretor-presidente do Detran na época em que foi deflagrada a Operação Rodin
20 (vinte) anos e 10 (dez) meses em regime inicial fechado

14) HÉLVIO DEBUS OLIVEIRA SOUZA – Contador da Fundae e sócio da S3 Contabilidade Consultoria e Assessoria
07 (sete) anos e 07 (sete) meses em regime inicial semi-aberto

15) HERMÍNIO GOMES JUNIOR – Ex-diretor técnico do Detran
 32 (trinta e dois) anos e 02 (dois) meses em regime inicial fechado

16) JOSÉ ANTÔNIO FERNANDES - Sócio da Pensant
38 (trinta e oito) anos e 07 (sete) meses em regime inicial fechado

17) LAIR ANTÔNIO FERST – Empresário, ex-coordenador da bancada do PSDB na Assembléia
25 (vinte e cinco) anos e 02 (dois) meses em regime inicial fechado

18) LUCIANA BALCONI CARNEIRO – Ex-funcionária da Fatec, sócia da Pakt, secretária executiva do Trabalhando pela Vida
 02 (dois) anos em regime inicial aberto
  
19) LUIZ CARLOS DE PELLEGRINI – Dirigiu a Fatec em 2006 e 2007
08 (oito) anos e 09 (nove) meses em regime inicial fechado

20) LUIS PAULO ROSEK GERMANO – Prestador de serviços da Carlos Rosa Advogados
 08 (oito) anos e 09 (nove) meses em regime inicial fechado

21) MARCO AURÉLIO DA ROSA TREVIZANI – Contador de Lair Ferst
14 (quatorze) anos e 04 (quatro) meses em regime inicial fechado

22) NILZA TEREZINHA PEREIRA – Dá nome à NT Pereira, uma das terceirizadas
10 (dez) anos e 07 (sete) meses em regime inicial fechado

23) PATRÍCIA JONARA BADO DOS SANTOS – Advogada, esposa de Carlos Ubiratan dos Santos e administradora da NT Pereira
15 (quinze) anos e 02 (dois) meses em regime inicial fechado

24) PAULO JORGE SARKIS – Reitor da UFSM quando do contrato entre o Detran e a Fatec
12 (doze) anos em regime inicial fechado

25) PEDRO LUIS SARAIVA AZEVEDO – Cunhado de Hermínio Gomes Júnior, dono da PLS Azevedo, prestava serviço a uma terceirizada
09 (nove) anos e 04 (quatro) meses em regime inicial fechado

26) ROSANA CRISTINA FERST – Irmã de Lair Ferst, era sócia da Rio Del Sur, subcontratada pela Fatec
16 (dezesseis) anos e 08 (oito) meses em regime inicial fechado

 27) ROSMARI GREFF ÁVILA DA SILVEIRA – Secretária executiva da Coperves na gestão de Dario Trevisan
10 (dez) anos e 03 (três) meses em regime inicial fechado

28) RUBEN HOHER – Contador da Fundae e coordenador do projeto do Detran quando a Fundae foi contratada. Sócio da Doctos, uma das terceirizadas
26 (vinte e seis) anos e 05 (cinco) meses em regime inicial fechado

29) SILVESTRE SELHORST – Secretário executivo da Fatec
25 (vinte e cinco) anos e 02 (dois) meses em regime inicial fechado

Artigo, Augusto Nunes - O chefe (Teori Zavascki) entra aos 45 min do segundo tempo para decidir o jogo

Ninguém conseguiu entender, ou entendeu muito bem, por que razão ele libertou apenas
Paulo Costa, o homem bomba da Petrobrás. 



“A especialidade do chefe é entrar em campo aos 45 minutos do segundo tempo para decidir o jogo”, comemorou um dos 112 assessores de Teori Zavascki durante o lançamento da candidatura do ministro do Supremo Tribunal Federal ao título de Homem sem Visão de Maio. “Foi assim no julgamento dos quadrilheiros do mensalão. Será assim na luta pelo HSV”.

. Na disputa por ver nos 12 presos pela Operação Lava Jato um bando que deveria ser julgado pela Justiça comum um dia depois de ter enxergado nos mesmos 12 um bando que deveria ser julgado pelo STF, Zavascki conquistou a vaga graças ao clamor dos leitores-eleitores, que exigiram a presença do ministro na briga de foice “Ele está determinado a provar que pode ser muito pior que o Barroso, o Lewandowski e o Toffoli juntos”, revelou a fonte.


. É mais um candidato de levantar a arquibancada! O segundo-turno começa na próxima terça-feira, dia 27. Renan Calheiros, Aldo Rebelo, Gilberto Carvalho, Nilson Mourão e João Santana já estão na briga! Quem será o vencedor? Que vença o pior!

Déficit nas contas externas em abril é de US$ 8,3 bilhões - recorde para o mês em 69 anos

O Brasil registrou déficit em transações correntes de US$ 8,29 bilhões em abril, informou o Banco Central nesta sexta-feira. As transações correntes são formadas pela balança comercial, pelos serviços e pelas remessas ao exterior.

. No ano, as contas externas acumulam um rombo de 33,47 bilhões de dólares, alta de 1,63% sobre o primeiro quadrimestre do ano passado. O déficit também registrou o maior valor para o período de janeiro a abril de toda a história. Em doze meses até abril, ainda de acordo com o BC, o déficit em transações correntes somou 81,6 bilhões de dólares, ou 3,65% do Produto Interno Bruto (PIB).

. O desempenho é o pior para o mês desde o início da série histórica, em 1947. 

. Segundo o BC, o resultado de abril foi afetado por elevadas remessas de lucros e dividendos, ao mesmo tempo em que os investimentos produtivos de fora não cobriram o rombo, algo que se repete desde novembro passado. As remessas de empresas para as matrizes no mês foram de 3,29 bilhões de dólares, ante 2,54 bilhão em igual mês de 2013.

Investimentos - O resultado das transações correntes não conseguiu ser compensado pelos Investimentos Estrangeiros Diretos (IED) que somaram 5,23 bilhões de dólares em abril, abaixo dos 5,719 bilhões de dólares de igual período de 2013. No acumulado do quadrimestre, o IED somou 19,4 bilhões de dólares. No mesmo período do ano passado, o saldo do IED era de 18,98 bilhões de dólares.
Leia mais: Brasil responde 'de forma robusta' a desafios, diz BC após rebaixamento 

BC projeta rombo de US$ 80 bi nas contas externas no ano 

Patrícia Poeta receberá, segunda, Medalha do Mérito Farroupilha. Pode ?

Em 2011 ela casou com Amauri Soares, diretor da Rede Globo. Quando saiu da Band TV, Porto Alegre, Patrícia foi
escalada para ser a Mulher do Tempo. 




A Assembleia Legislativa concede à jornalista Patrícia Poeta a Medalha do Mérito Farroupilha em cerimônia às 9h, segundas-feira, no Salão Júlio de Castilhos.

. A Medalha costuma ser concedida a personalidades que tenham prestado relevantes serviços ao Estado.A condecoração é destinada a pessoas que prestaram serviços relevantes e contribuíram para o desenvolvimento econômico, social e cultural do Rio Grande do Sul

. A jornalista começou sua carreira no RS. Ela é de Charqueadas. Antes de ir para a Globo, Rio, Patrícia Poeta trabalhou na Band TV sob o comando de Bira Valdez.

. Não se sabe que relevantes serviços prestou Patrícia Poeta ao RS, mas como ela é estrela da Rede Globo, o autor da proposição deve ter procurado seus 3 segundos de estrelismo. 

Petrobrás diz ao editor que não existe organização criminosa dentro da empresa

Reagindo às denúncias da Polícia Federal, segundo as quais uma organização criminosa foi montada dentro da Petrobrás para roubá-la e beneficiar o PT e seus aliados, sem contar os próprios bandidos, a estatal tirou nota desmentindo tudo. Leia o comunicado que o editor acaba de receber:

Em relação às matérias recentemente publicadas nos veículos de comunicação sobre suposta existência de uma organização criminosa na companhia, a Petrobras esclarece que as mesmas tiveram origem no Ofício nº 021/2014, de 22/04/2014, do delegado da Polícia Federal do Distrito Federal, dr. Cairo Costa Duarte, endereçado ao Juiz Federal da 13ª Vara Federal Criminal de Curitiba/PR, no qual solicita o compartilhamento das provas já produzidas na Operação Lava-Jato, para serem utilizadas no inquérito sobre a compra da Refinaria de Pasadena conduzido por aquela Delegacia.  Trata-se da linha de investigações da Polícia Federal do Distrito Federal, não representando, concretamente, nenhuma conclusão do trabalho investigativo, que ainda está em curso.


.A Petrobras reitera que, além de ter instaurado Comissões Internas de Apuração, vem colaborando com os trabalhos das Autoridades Públicas, a fim de contribuir com as respectivas investigações.

Itaú desenha três cenários para a economia brasileira: fraco, ruim e pior ainda

Infomoney de hoje ouviu o economista-chefe e sócio da banca de Roberto Setubal, Ilan Goldfajn, que pintou nuvens negras no céu da economia neste ano e do próximo. Ele falou em seminário de macroeconomia. O Itaú firma aposta de crescimento de 1,4% para 2014, bem abaixo da previsão do governo, de 2,3%. A banca, inclusive o Banco Mundial, também aposta em crescimento aquém dos 2%. Leia a reportagem:

As projeções não são as melhores para o Brasil este ano. A economia deve continuar patinando em um fraco crescimento, a meta fiscal ficará para trás e a inflação deve ir para o teto da meta, apontou Ilan Goldfajn, economista-chefe do Itaú Unibanco, durante a 20ª edição do Macroeconomia em Pauta, realizada nesta quinta-feira.
Isso significa que algumas mudanças devem ser vistas no ano que vem para que o crescimento da economia melhore. Para Goldfrajn, o mercado deve trabalhar com três cenários possíveis para o País no ano que vem.
São eles:
1°) cenário base de poucos ajustes: alguns ajustes necessários são feitos para manter o grau de investimento, crescimento segue baixo, juros ficam altos e câmbio se estabiliza em patamar mais alto e inflação não converge para a meta, ficando em 6%;
2°) cenário de mais ajustes: maiores ajustes, risco cai, investimento aumenta e crescimento melhora, juros convergem mais rapidamente, câmbio se aprecia e inflação cai;
3°) cenário sem ajustes: não ocorrem ajustes e fiscal deteriora, investimento decresce e crescimento piora, juro real aumenta, câmbio se deprecia e inflação ultrapassa a meta.
Segundo Goldfajn, o Itaú Unibanco acredita que é mais possível o primeiro cenário, de poucos ajustes no próximo ano.
PIB, inflação e política fiscal
A expectativa do Itaú Unibanco para o PIB (Produto Interno Bruto) brasileiro é de 1,4% para 2014 e 2% para 2015%. A projeção é bem abaixo do esperado pelo ministro da Fazenda, Guido Mantega, de crescimento de 2,3% da economia.

CLIQUE AQUI para ler tudo. 

Nesta noite de sexta, 32 torneiras de chopes
artesanais de várias partes do mundo no Von Fass. 
Leve seus amigos nas duas casas. 


Saiu a sentença do caso da Operação Rodin. Os 32 réus já sabem o que coube a cada um.

29 réus foram condenados a penas entre 2 a 28 anos, enquanto que tres foram absolvidos. Caso admite recurso. Juiz quer que os réus devolvam R$ 90,6 milhões ao Detran.

Já saiu a sentença final do Caso Rodin, segundo publicação do site do Tribunal Regional da Justiça Federal. Ali  há registro da movimentação confirmando que houve a decisão, mas não o teor da sentença, que tem 1.860 páginas. O juiz Loraci Flores, da 3ª Vara de Justiça Federal de Santa Maria, disse que o conteúdo da decisão não está disponibilizado, pois o caso corre em segredo de justiça. Eis o que ele disse esta manhã:

- Vamos disponibilizar, o que for possível, até o início da tarde.

. O juiz Loraci Flores passou a manhã informando aos 32 réus o teor da sua decisão. A intenção é informar os envolvidos antes de que detalhes da sentença sejam divulgados pela imprensa.

Nesta noite de sexta, 32 torneiras de chopes
artesanais de várias partes do mundo no Von Fass. 
Leve seus amigos nas duas casas. 

Santa Cruz do Sul ganha seu próprio TecnoUnisc

Foram inauguradas esta manhã as duas primeiras unidades do Parque Científico e Tecnológico da Unisc (TecnoUnisc), Santa Cruz do Sul, RS. O modelo é basicamente semelhante ao que já acontece no Tecnosinos, São Leopoldo, e Tecnopuc, Porto Alegre. O evento ocorreu no estacionamento do Centro de Excelência em Produtos e Processos Oleoquímicos e Biotecnológicos, no bloco 55 da Unisc. A implantação do TecnoUnisc vai incrementar as ações de ensino, pesquisa e extensão, contribuindo também para o desenvolvimento tecnológico e social, numa interação entre universidade, governo e empresas, qualificando o ensino e beneficiando todos os envolvidos”, salientou.  Com as obras iniciadas em março de 2013, fica concluído agora o Centro de Excelência em Produtos e Processos Oleoquímicos e Biotecnológicos O local está equipado com infraestrutura tecnológica de ponta, capaz de gerar tecnologias voltadas à oleoquímica para a produção e transformação de óleos através de processos biotecnológicos.

. Este Centro abrigará a Incubadora tecnológica, a estrutura de gestão do TecnoUnisc e os núcleos de pesquisa e desenvolvimento das empresas hospedadas no Parque. 

. Logo após a cerimônia, também foi descerrada a placa de inauguração do Centro de Pesquisa e Desenvolvimento de Empresas Tecnologicamente Inovadoras, localizado no bloco 16.

"Guru" destaca emergentes favoritos para investir: Brasil está entre eles, mas sem Dilma

Usando notícia da Infomoney, na sua newsletter diária, a revista Amanhã  informa que o gestor Mark Mobius, presidente executivo da Templeton Emerging Markets e considerado o guru dos emergentes, destaca que uma nova administração tornaria o Brasil mais favorável a investimentos e negócios. Leia tudo:

De acordo com um dos maiores investidores do mundo e considerado o "guru dos emergentes", cinco dos países considerados pouco favoráveis para se investir podem estar prontos para uma recuperação. Em entrevista ao jornal Wall Street Journal, Mark Mobius (foto), presidente executivo da Templeton Emerging Markets e que tem US$ 48 bilhões sob gestão, cinco nações "improváveis" parecem mais promissoras para os investidores: Indonésia, Rússia, Vietnã, África do Sul e o Brasil estão entre as apostas.

. No caso do Brasil, apontou Mobius, a atratividade se dá por conta do potencial de mudança política. Perguntado pelo Wall Street Journal sobre eleições no País, que estará no foco do mundo em meio à Copa do Mundo e ainda enfrenta diversos problemas econômicos como inflação, o gestor destacou esperar uma mudança no comando do país. "Se você olhar para a popularidade de Dilma, ela está em queda, havendo assim uma grande chance de que ela perca as eleições.

CLIQUE AQUI para ler tudo. 

Internet e de Telefonia mais baratas e eficientes para as prefeituras do RS ?
 Para responder esta pergunta, a Federação das Associações de Municípios do RS (Famurs) realiza dia 26 de maio o seminário Redes de Internet e Telefonia nos Municípios Gaúchos – Problemas e Soluções. Diagnóstico das redes de internet e de telefonia nos municípios gaúchos, identificação dos gargalos e demonstraçãode  soluções viáveis aos gestores municipais.
Inscrições gratuitas no site da Escola de Gestão Pública (http://www.egp.famurs.com.br/).
Auditório Famurs, 14h. Apoio, Soth Tech Telecom.

Roda Viva pautou Eduardo Campos para segunda-feira na TV Cultura

O Roda Viva recebe nesta segunda-feira (26/5) o pré-candidato à Presidência da República pelo PSB (Partido Socialista Brasileiro), Eduardo Campos. Corrida eleitoral, governo Dilma Rousseff e seus planos para o Brasil estão entre os principais assuntos da sabatina. Apresentado pelo jornalista Augusto Nunes, o programa vai ao ar às 22h, ao vivo, na TV Cultura.

Nesta noite de sexta, 32 torneiras de chopes
artesanais de várias partes do mundo no Von Fass. 
Leve seus amigos nas duas casas. 

RBS não segue exemplo da Folha, que licenciou Vera Magalhães sob pretexto de "conflito de interesses"

Zambiasi desmente isenção de RBS ao fazer política escancarada dentro do PTB.



O jornal Folha de São Paulo resolveu conceder licença remunerada de 6 meses para uma das suas principais colunistas, a jornalista Vera Magalhães, que assina a coluna Painel.

. A decisão foi do próprio Publisher, Frias Filho, que ficou incomodado com o furo dado por Vera sobre as sondagens de Aécio sobre o ex-presidente do Banco Central e líder do PSD, Henrique Meirelles. É que o furo foi atribuído ao marido da jornalista, o também jornalista Otávio Cabral, que acaba de se licenciar de Veja para comandar a área de mídia do candidato tucano. Frias Filho viu na revelação um "conflito de interesses".

. No RS, a mídia é bem menos rigorosa com jornalistas que disputam cadeiras ou que militam em Partidos.


. Alguns grupos jornalísticos, como a RBS, exigem que seus jornalistas demitam-se até meio ano antes das eleições, mas nem ela mantém coerência em relação a todos os seus profissionais que fazem política partidária militante. O caso mais emblemático é o do ex-senador Sérgio Zambiasi, presidente de honra do PTB, que nas eleições atuais faz pesada articulação para manter o Partido unido ao PT e além disto articula a escolha do próprio candidato a vice na chapa do governador Tarso Genro. 

Feirão de 45 mil imóveis abriu hoje na Fiergs, Porto Alegre

Abriu nesta sexta-feira o 10o Feirão da Casa Própria no Centro de Eventos da Fiergs, Porto Alegre. Ali estarão até domingo um total de 42 construtoras e 76 imobiliárias, com oferta de 45 mil imóveis, cujos preços variam de R$ 95 mil a R$ 7,8 milhões.

. O feirão funcionará ate´domingo. Das 10h as 20h (domingo, só até as 18h.

Governos federal e estadual só poderão fazer propaganda até o dia 3 de julho

O governo estadual do RS e o governo federal de Dilma, só poderão fazer propaganda paga até o dia 3 de julho. Depois disto, só após o segundo turno. No caso das estatais, anúncios institucional está vetada, mas a de produtos, como os do Banrisul, ficam liberados. 

. As prefeituras não sofrerão restrição alguma. 

Outro navio de carga encalha no Lago Guaíba

A má conservação das hidrovias gaúchas fez outra vítima nesta quinta-feira no RS, porque o navio mercante Maple Star encalhou logo depois de ter saído da Lagoa dos Patos e ingressado no Lago Guaíba, Porto Alegre.

. As denúncias sobre a falta de empenho e competência por parte da Superintendência de Portos e Hidrovias são recorrentes, não são recentes e resultaram em denúncias seguidas por parte do Serviço d Praticagem da lagoa dos Patos e da Marinha do Brasil. 

. A economia gaúcha é quem mais sofre com o desleixo.      

Vieira da Cunha poderá atrair Hiran Pessoa de Melo para conduzir o marketing da sua campanha

Hiran Pessoa de Melo poderá ser o homem da área de marketing do candidato Vieira da Cunha, PDT.

Martinelli será o condutor da área de marketing de José Ivo Sartori, PMDB

Dificilmente o candidato do PMDB ao governo do RS, José Ivo Sartori, deixará de fechar contrato com o marqueteiro Marcos Martinelli. Martinelli conduziu na área a campanha vencedora do prefeito José Fortunati.

. Ele tem ajudado o candidato de maneira pontual.

. José Ivo Sartori espera fechar a chapa majoritária neste final de semana. Ele já emplacou o candidato ao senado, Beto Albuquerque, PSB, e espera fechar com José Cairolli, PSD, para vice.

. O PMDB também amplia contatos para encorpar suas listas de candidatos a deputado federal e estadual, porque vai para disputas solos. O próprio Sartori tem feito sondagens e convites.