Análise, Rodrigo Constantino - ilma usa Dia do Trabalho para fazer campanha eleitoral escancarada: é um desrespeito à República!

A presidente Dilma Rousseff fez agora mesmo seu pronunciamento oficial nas cadeias de televisão e rádio do país em homenagem ao Dia do Trabalho. Como de praxe, não passou de um panfleto partidário patético, uma afronta aos valores republicanos tão caros à democracia.

. Citou o escândalo da Petrobras, mas apenas para tergiversar, para repetir que não vai tolerar “malfeitos”, que vai investigar a fundo tudo. Mas que também não vai admitir que alguns usem os escândalos para sujar a imagem da maior empresa do país, construída por nossos trabalhadores.

. Dilma! Quem mancha a imagem da Petrobras é o PT.

CLIQUE AQUI para ler tudo. 

Imagem de Dilma vira tiro ao alvo para agente da Polícia Federal

Usando apenas o Facebook, o agente da Polícia Federal Danilo Balas publicou foto em que mostra que fez o treino de tiro em uma caricatura da presidente Dilma Rousseff; com a seguinte descrição: 

- Assim fica fácil treinar

. O o agente postou as fotos do seu treinamento em uma fanpage não oficial da Polícia Federal, que concentra, basicamente, críticas ao governo e o PT.

. Os tiros do agente foram certeiros na cabeça e no coração. 

. Este tipo de manifestação, inclusive games do mesmo gênero, todos tendo Dilma como alvo, são proibidos pelas leis brasileiras. 

Senado aprova pedido de Simon para que TCU investigue PPP de Padilha sobre compra sem licitação de marca-passos e stents

O Tribunal de Contas da União (TCU) vai fazer uma auditoria no Ministério da Saúde para investigar a legalidade de um contrato de R$ 80,6 milhões firmado em dezembro de 2013 com duas empresas multinacionais dos Estados Unidos, a Medtronic e a Scitech.

. A investigação baterá diretamente no ex-ministro da Saúde, Alexandre Padilha, que já está sob investigação no caso da Operação Lava Jato.

. O plenário do Senado Federal aprovou nesta quarta-feira, 30, o Requerimento 276/2014 do senador Pedro Simon (PMDB-RS) pedindo que o TCU investigue os contratos de Parceria Público Privada (PPP) firmadas entre a Fundação para o Remédio Popular (FURP), do Ministério da Saúde, e as duas empresas multinacionais para fornecimento de marca-passos e stents coronários e arteriais ao Sistema Único de Saúde (SUS).
             
. Os contratos, com validade de cinco anos, foram firmados com dispensa de licitação ainda na gestão de Alexandre Padilha, candidato do PT a governador de São Paulo. Um detalhe do processo, que chamou a atenção do senador Pedro Simon, é que não houve convite público para apresentação de projetos e nem licitação para seleção de empresas privadas, nacionais ou não. As duas multinacionais, de origem norte-americana, atuam em mais de 120 países. Uma delas, a Scitech, possui uma fábrica de montagem em Goiás, na cidade de Aparecida de Goiânia, cidade de 500 mil habitantes na região metropolitana da capital goiana. A matriz brasileira da Scitech fica no polo empresarial da cidade, na esquina das ruas 6 e 18, quadra 21, lote 1 a 44.

Transferência improvável
             
Especialistas do setor farmacêutico estranham que empresas privadas foram escolhidas antes que existisse o próprio processo administrativo relativo ao Projeto Executivo da Parceria Público Privada. Contudo, as PPPs dessa natureza somente podem ocorrer quando precedidas de estudos técnicos de viabilidade e licitação pública lançada por iniciativa de órgão, via Chamamento Público para apresentação e escolha de projetos. No contrato firmado entre as empresas e a FURP alega-se que haverá transferência de tecnologia. Um executivo do setor observa, porém, que “é improvável que uma empresa estrangeira transfira a tecnologia do núcleo do marca-passo para atender apenas à demanda de cerca de 20 mil unidades de produto disponibilizadas anualmente. O normal é haver apenas a importação de componentes prontos, como o microcircuito, a carcaça e outros componentes, realizando no Brasil o que se chama de ‘assembly’, ou simples montagem do equipamento no Brasil, com poucos componentes locais”.
      
. As parcerias deixam sobressaltados aos mais de 300 mil portadores de marca-passo no País. A preocupação transmitida ao senador Pedro Simon é saber como o SUS, cujo atendimento é notoriamente falho e dá assistência precária aos portadores de marca-passo, lidará com estes dois fornecedores exclusivos. 

Heinze protocola processo de crime de responsabilidade contra ministro da Justiça

Se depender do presidente da Frente Parlamentar da Agropecuária – FPA - deputado federal Luis Carlos Heinze (PP/RS), o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, será responsabilizado criminalmente pelos assassinatos de dois produtores familiares promovidos por indígenas, na última segunda-feira, dia 28 de abril, no município de Faxinalzinho, no norte do Rio Grande do Sul.


. Heinze protocolou na tarde desta quarta-feira, um requerimento com base no artigo 218 do regimento interno da Câmara dos Deputados para que seja aberto um procedimento para caracterização de crime de responsabilidade contra o titular da Pasta da Justiça.

Artigo, Toledo César - Lula tem razão: se o julgamento do Mensalão não fosse político, ele estaria na cadeia

Neste artigo no Estadão de hoje, Aloísio de Toledo César diz que o ex-presidente Lula, em entrevista à Rádio e Televisão de Portugal, afirmou que o julgamento do mensalão foi 80% político - e que ele tem razão, porque se não fosse política, Lula estaria na cadeia. Leia tudo:

 A notícia foi publicada em manchete no Estado e ganhou destaque praticamente em toda a imprensa brasileira. Todos conhecemos que Lula é especialista em falar coisas que evidenciam o seu despreparo, mas, desta vez, é forçoso reconhecer que ele tem razão: o julgamento do mensalão foi mesmo político, exageradamente político.

Se não tivesse sido político aquele julgamento, Lula poderia estar atrás das grades, ao lado de José Dirceu, José Genoino, Delúbio Soares e mais alguns que faziam parte de seu grupo íntimo, como os banqueiros e o famoso publicitário que lavava dinheiro (e hoje cumpre a mais pesada pena).

CLIQUE AQUI para ler tudo. 

Joaquim Barbosa ordena: "Genoíno, já de volta pra cadeia. Junte-se aos outros líderes do PT"

O ex-deputado tem 24 horas para se apresentar. É decisão do presidente do STF, Joaquim Barbosa e foi tomada com base em novo laudo do Hospital Universitário de Brasilia (HUB), que atesta que o estado de saúde de José Genoino é bom.

. Ele deve voltar para sua cela no Presídio da Papuda, no Distrito Federal.

. José Genoino, que sofre de um problema cardíaco, cumpre prisão domiciliar temporária desde novembro, quando alegou doença. De lá para cá, foi examinado por cinco juntas médicas diferentes, tudo em função do escândalo que ele, sua família e a companheirada do PT armou no País, tentando transformá-lo em vítima do STF.

. Esta semana, sua filha pediu ajuda para que o petista não voltasse para a prisão; "Meu pai precisa de cuidados médicos", disse Miruna.

. José Genoíno sempre precisou, antes, e precisa agora, de cuidados psiquiátricos - ou de uma boa e corretiva cadeia. São remédios destinados a mitômanos, ladrões do dinheiro público e fiteiros juramentados. 

Elipse, RS, é incluída pela Gartner na lista dos mais inovadores do mundo

O editor conversou longamente nesta terça-feira com o diretor-presidente da empresa gaúcha Elipse Software, com quem esteve em algumas das edições mais importantes da Feira de Hannover, Alemanha. Ricardo Haetinger (foto) é fundador e este mês comemorou com seus três sócios a conquista da inclusão da Elipse no relatório Cool Vendors da Gartner. É uma listagem anual sobre os fornecedores das soluções mais inovadoras e interessantes do mundo. Do Brasil, foram incluídas cinco delas, uma das quais foi a Elipse.

. “É o reconhecimento de uma estratégia vencedora, apoiada na verticalização de mercados, integração entre produtos e uso de tecnologias e conceitos emergentes, como a Internet das Coisas, o Big Data e as tecnologias móveis”, disse Ricardo Haetinger durante longo almoço no Press Hilário, replicando o que já tinha dito seu sócio Marcelo Salvador.

. Há 28 anos a empresa está no mercado da automação. Ela é uma das poucas empresas capazes de desenvolver soluções integradas para supervisão, controle e aquisição de dados, unidas à gestão de informações de tempo real, relacionadas aos mais diferentes processos, como os das áreas químicas, industriais, siderúrgicos e smart grids.

. Novidades ? Eis o que diz Ricardo Haetinger:

- Recentemente lançamos uma plataforma voltada para aparelhos móveis, através da qual é possível monitorar e interagir com estes mesmos processos via um smartphone ou tablet.

. A Elipse tem escritórios em Porto Alegre, SP, Curitiba, Belo Horizonte, Rio, EUA e Taiwan.

. Já são milhares de cópias dos seus softwares, instalados em todo o mundo. As plataformas são abertas e flexíveis, permitindo monitoramento e gerenciamento em tempo real.

- A Gartner, com sede em Stanford, é a empresa líder mundial em pesquisa, análise e consultoria sobre tecnologia. 

E-mail: ric@elipse.com.br
Site: www.elipse.com.br

Indústria já paga 23,8% a mais do que no período anterior à aprovação da MP que "diminuiu" as tarifas de energia

O resultado dos esforços do governo para reduzir os preços de energia elétrica para a indústria durou pouco mais de um ano. Isto é o que constatou reportagem da Folha de S. Paulo, que vai a seguir na íntegra:

Cerca de 99% das empresas do setor pagarão mais pela eletricidade neste ano do que em 2012 -quando foi promulgada a MP 579 a fim de diminuir os preços-, mostra levantamento da Comerc Energia, feito a pedido da Folha. Publicada em setembro de 2012, a MP 579 (convertida na lei nº 12.783) prometia deságio médio de 28% nas tarifas para a indústria no ano de 2013. No entanto, a queda foi menor e, com os reajustes já aprovados em 2014, os consumidores industriais pagarão, em média, 23,8% a mais do que no período anterior à aprovação da MP. Consideradas as seis principais distribuidoras que já tiveram aprovados reajustes neste ano -AES Sul, Cemat, Coelba, Coelce, Cemig e CPFL Paulista-, os preços médios deste ano ficarão em R$ 182 por megawatt-hora (MWh). Em 2012, o preço médio era de R$ 147 por MWh. A alta registrada nos custos é bem superior à inflação do período (de 11% desde setembro de 2012). No calendário de reajustes, os principais aumentos previstos neste ano daqui para a frente são o da Eletropaulo, que abastece a região metropolitana de São Paulo, em julho, da CEEE, fornecedora da Grande Porto Alegre, em outubro; e da Light, da Grande Rio de Janeiro, em novembro. Ainda não há estimativa para esses aumentos. O cálculo da Comerc, consultoria e comercializadora de energia, desconsidera os consumidores do mercado livre, que negociam diretamente com distribuidoras. Isso porque a MP era destinada a baixar os custos do mercado chamado de "cativo" -o que tem seus preços regulados pelo governo. O mercado livre é restrito a grandes companhias, menos de 1% do total, segundo a CNI (Confederação Nacional da Indústria), embora em volume elas representem cerca de 60% do consumo do setor.

LEIA mais para entender tudo. 


Vice-presidente do Uruguai diz que financiamento brasileiro a porto marítimo de Rocha é possível

O vice-presidente do Uruguai, Danilo Astori, disse nesta terça-feira em São Paulo, ao participar de um seminário empresarial, que o financiamento brasileiro para a construção de um "porto de grande porte" na província uruguaia de Rocha é "uma das possibilidades", embora tenha esclarecido que não seria a única fonte de recursos para dar andamento ao projeto."É uma possibilidade que não deve ser descartada, mas hoje não é segura." A entrevista de Astori foi registrada pelo UOL (leia tudo no link). O que ele disse:

- É uma das possibilidades, mas não é a única. Além disso, porque um porto de grande porte em águas marítimas profundas pode ter mais de uma fonte de financiamento.

. O assunto tem provocado reações iradas do empresariado e de políticos gaúchos, mas incrivelmente conta com a boa vontade do governo Tarso Genro, mesmo que este saiba dos enormes prejuízos que causarão o desvio de cargas e de indústrias para Rocha, numa concorrência direta e predatória com Rio Grande. O secrário da Seinfra de Tarso, João Victor, tem apoiado publicamente o desejo do governo de financiar Rocha.

. Hoje ao meio dia, em Rio Grande, o presidente da ABTP, Willen Manteli, protestou. Ele falou em encontro de empresários, que também estão contra o projeto. Em Rio Grande, fala-se que o empreendimento projetado pela Odebrecht, poderá receber até US$ 1 bilhão de financiamento do BNDES. Trata-se de um valor formidável. Os riograndinos querem este dinheiro na ampliação do porto local e no porto vizinho de São José do Norte. Em Rio Grande, hoje, circulou a informação de que além do BNDES, os uruguaios receberiam financiamento da China. 

. O vice do Uruguai,Astori, reconheceu que o BNDES "está presente no Uruguai (há um escritório de representação em Montevidéu) e é uma grande instituição para este tipo de projetos". "Não conheço o modelo aplicado pelo BNDES em Cuba, mas no Uruguai poderia ser um pouco diferente", apontou o vice-presidente, que reiterou que o financiamento brasileiro "é apenas uma possibilidade".

- Astori foi o encarregado de abrir o seminário "Uruguai: Plataforma de expansão regional" realizado na sede da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) e organizado, entre outros, pelo Instituto de Promoção de Investimentos e Exportações e Serviços (Uruguay XXI). 

CLIQUE na imagem a seguir para ver e ouvir comentário do editor, intitulado Os gaúchos não querem saber de dinheiro do BNDES no superporto de Rocha.

Gramado teme novo colapso dos serviços públicos neste feriadão de 1o de Maio

Neste feriadão do 1º de maio no RS, o maior temor é o das autoridades de Gramado, porque existe a ameaça de nova visitação em massa, ocasionando colapso total nos serviços públicos, com ênfase para o trânsito e até abastecimento de água.

. Como ocorreu na Páscoa.

. Quem tiver juízo, fugirá de Gramado no feriadão. 


Forever 21 abrirá loja em Porto Alegre

Porto Alegre está na lista das cidades brasileiras que serão contempladas com loja da Forever 21. Recém-chegada ao Brasil, onde virou coqueluche após a inauguração de uma loja no Rio e outra em São Paulo, a Forever 21, segundo o Relatório Reservado, pretende abrir mais dez pontos de venda no país nos próximos dois anos. Segundo fonte próxima à rede, duas das novas lojas ficarão em São Paulo. A Forever 21 pretende ter ao menos uma unidade em Porto Alegre, Belo Horizonte e Salvador.

. A empresa é conhecida por uma política de preços baixos, que costuma causar furor entre os consumidores e polêmica entre os concorrentes. 

Entrevista, Luiz Carlos Pereira da Silva, Sinergisul - A greve na CEEE terminou

ENTREVISTA
Luiz Carlos Pereira da Silva, diretor do Sinergisul

Acabou a greve na CEEE ?
Esta manhã. 82% da categoria concordaram com as propostas negociadas com a intermediação do Tribunal Regional do Trabalho.

Quais os itens principais ?
A companhia não queria pagar em dinheiro a nossa Participação nos Resultados, mas apenas em benefícios do tipo folga ao trablho. Agora, receberemos 75% em dinheiro e o restante em folga. Além disto, o INPC de 5,38% para a revisão salarial e demais cláusulas econômicas não sairá em quatro vezes, mas em apenas um pagamento. Outros ganhos estão relacionados com a aplicação do INPC sobre benefícios de outras naturezas, como ticket alimentação.

Foi uma greve longa

Mostramos nossa força e nossa unidade, mas diante do acordo, posso dizer que voltamos mais motivados ao trabalho. 

A nova Mariel estaria no jogo do levantamento do embargo americano sobre Cuba

Na esteira das atividades do novo porto e do distrito industrial alfandegado, Cuba, estão tratativas das quais participa há algum tempo o próprio governo brasileiro, pelas quais o governo dos EUA levantaria o embargo, liberando seu mercado para a produção industrial da ZPE de Mariel. 

Entenda o que os cubanos do porto de Mariel expuseram no road show desta manhã em Rio Grande

Pouquíssimos empresários - de baixa representatividade - foram até a prefeitura de Rio Grande, esta manhã, para ouvir os 4 enviados do governo de Cuba que tentaram "vender" o novo porto de Mariel, construído pela Odebrecht com US$ 682 milhões financiados pelo Brasil.

. Os cubanos foram ciceroneados por representantes da Secretaria dos Portos e Seinfra, esta do governo do RS.

. Os patrocinadores dos cubanos nesta visita - governos federal, estadual e municipal - são todos do PT.

. Em Rio Grande, o road show deixou claro o seguinte:

1) Os cubanos querem atrair exportadores brasileiros para o hub de Mariel, que já prepara expansão, porque o que a Odebrecht fez lá foi um moderníssimo terminal de contêineres e a infra para um distrito industrial do tipo ZPE. O próximo passo será um terminal para grãos.

2) Mariel quer atrair industriais brasileiros, para que implantem lá fábricas com regimes fiscal , alfandegário e trabalhista favorecidos, que trabalhem de modo privado, como na China, tudo com o objetivo de exportar produtos baratos.

3) Os cubanos fazem RP para justificar os investimentos brasileiros.

. É o capitalismo chegando a Cuba.

. A autoridade portuária da área, inclusive ZPE, não será o governo comunista, mas uma operadora de Cingapura.

- No ano passado, a corrente de comércio entre o Brasil e Cuba somou US$ 624,8 milhões, dos quais US$ 528,2 milhões corresponderam à aquisição de produtos brasileiros pelo país. Cuba tem PIB de R$  76,5 bilhões. Suas importações somam US$ 15 bilhões.

Assembléia fará audiência pública para esclarecer ajuda de US$ 500 milhões do governo brasileiro para o porto uruguaio de Rocha

A Comissão Mista Permanente do Mercosul e Assuntos Internacionais realizou reunião ordinária na manhã desta quarta-feira aprovaram querimento do deputado Adilson Troca (PSDB) para a realização de audiência pública conjunta com a Comissão de Economia e Desenvolvimento Sustentável (CEDS) para constatar a real situação do possível financiamento do Porto de Rocha no Uruguai pelo governo brasileiro, bem como, suas possíveis implicações para o Porto do Rio Grande. 

. O governo brasileiro tem emprestado técnicos e ajuda ao governo do Uruguai, tudo no âmbito do projeto do presidente Mujica de alavancar US$ 500 milhões do BNDES para a ampliação do porto de Rocha.

. O projeto é da Odebrecht.

. Rocha disputará diretamente cargas e empreendedores com Rio Grande, prejudicando diretamente a nova economia do Litoral Sul do RS.


Estadão mostra como no atual governo do PT lava-se sistematicamente dinheiro público

Neste editorial de ontem, intitulado "Lavando dinheiro público", o jornal O Estado de S. Paulo apesenta uma amostra, apenas uma amostra, do que se faz com o dinheiro do contribuinte no Brasil - quando os que deviam zelar por ele estão olhando para o outro lado ou fingem manter os olhos bem fechados enquanto as lambanças correm soltas no seu campo de visão. Os ladrões do dinheiro público estão quase todos soltos, á exceção dos líderes do PT que foram condenados e estão na cadeia da Papuda.  Leia tudo:

Isto tudo está no relatório da Polícia Federal (PF) sobre a evasão de divisas em escala industrial para a qual foi usado o Laboratório Labogen. Trata-se de uma das tantas firmas de fachada abertas pelo megadoleiro Alberto Youssef para que pudesse aprimorar o exercício de sua especialidade. O seu nome veio a público pela primeira vez no curso da CPI do Banestado que, entre 2002 e 2004, apurou a remessa ilegal de cerca de R$ 30 bilhões para o exterior pelo clássico método do dólar cabo, a transferência virtual de valores.

Antes de ser preso e indiciado - assim como o seu colaborador próximo Paulo Roberto Costa, ex-diretor de Abastecimento da Petrobrás -, Youssef havia modernizado a sua atividade. A quebra do sigilo bancário e fiscal do Labogen, no âmbito da Operação Lava Jato, da PF, evidenciou que, entre janeiro de 2009 e dezembro de 2013, a firma assinou 1.945 contratos de câmbio em nome de duas coligadas, que também levam o seu nome, para importações fictícias de medicamentos. Com isso, Youssef pôde transferir para seus cúmplices em Hong Kong e Taiwan US$ 113,3 milhões. Pelas contas da Procuradoria-Geral da República, foi mais.

CLIQUE AQUI para ler mais. 

Dica de livro - Como o dinheiro traz felicidade

DICA DE LIVRO
"Dinheiro Feliz - A arte de Gastar com inteligência"
Elizabeth Dunn e Michael Norton
JSN Editora, 261 páginas
R$ 30,00

O livro promete ensinar a gastar de forma não acumulativa, o que traz mais prazer, experiência e outros bens imateriais. O pimeiro capítulo, por exemplo, dá sugestões de viagens em que ão há tanto conforto e mordomia, mas, em compensação, proporcionam sensações de felicidade msia duradouras e transformadoras. O objetivo do livro é ensinar como extrair a maior felicidade de cada real investido.

Polícia Federal vê influência de doleiro sobre Padilha

Nesta reportagem assinada por Fausto Macedo e Fernando Gallo, o jornal O Estado de S. Paulo de hoje volta a fustigar o ex-ministro Alexandre Padilha, ao informar que em mensagem interceptada pela polícia, Youssef diz a parceira de esquema que, se ex-ministro for eleito governador de São Paulo pelo PT, ajudaria ‘e muito’. Alexandre Padilha é companheiro de Partido do governador Tarso Genro, PT. Leia tudo:

A Polícia Federal aponta “influência política” do doleiro Alberto Youssef – alvo maior da Operação Lava Jato – sobre o ex-ministro da Saúde Alexandre Padilha, pré-candidato ao governo de São Paulo pelo PT. A suspeita decorre de diálogo interceptado pela PF, entre Primo, como Youssef é conhecido, e a doleira Nelma Mitsue Penasso Kodama, no dia 5 de março, através de um aplicativo de mensagem instantânea.
Ela questiona Youssef se ele “tem acesso atualmente” ao delegado-geral da Polícia Civil paulista e cita o nome Maurício Blazeck, que ocupa o cargo desde novembro de 2012. Nelma diz que “queria um cargo para um amigo” dela no Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic).

“Se o Padilha ganhar o governo ajudo ele e muito”, respondeu o doleiro

Para a PF, o diálogo grampeado “indica possivelmente que (Youssef) tem influência política junto ao candidato ao governo de São Paulo, Alexandre Padilha”.

“Tá bom. Eu quero então acesso ao delegado geral de sp prá um cargo”, finalizou Nelma.

Em outro momento, ela solicita a Youssef que entre em contato através do skype e indica o contato: ‘joaquina_apazza”. A PF conclui que os dois “possivelmente passaram a conversar através deste dispositivo”.

Labogen. Padilha não é investigado pela Lava Jato, mas o nome dele é citado em outros documentos da PF.

CLIQUE AQUI para ler tudo.

Nesta entrevista ao editor, Luiz Carlos Heinze conta tudo sobre o conflito entre índios e proprietários rurais

Na entrevista a seguir ao editor, gravada para o programa "Cenários", o deputado Luiz Carlos Heinze, PP do RS, explica longamente como é que se coloca o enfrentamento que existe atualmente no RS e em todo o Brasil entre proprietários rurais de um lado, tendo do outro lado índios e quilombolas.

. A Constituinte de 1988 criou e não resolveu o imbroglio, alimentado de modo irresponsável pelos governos Lula e Dilma.

CLIQUE AQUI para examinar o vídeo. A entrevista tem uma hora de duração, mas vale a pena ver tudo para compreender a natureza do problema. Veja também o comentário do editor, logo abaixo. 

Ministério da Justiça manda observadores para mediar clima de guerra entre índios e proprietários rurais de Faxinalzinho

A foto é de Zero Hora, do fotógrafo Carlos Macedo.

Depois de ocorrida a tragédia anunciada, assessores do ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, desembarcam estas manhã de em Porto Alegre, seguindo logo depois para Faxinalzinho, Norte do RS. Vão iniciar um processo de mediação da disputa entre índios e pequenos proprietários de terras.O clima de tensão chegou ao auge no final da tarde de segunda-feira, quando dois irmãos agricultores foram assassinados por indios kaigangs que disputam as terras dos pequenos agricultores da região.

. O governador Tarso Genro falou com o ministro na segunda. Ele foi procurado pelo ministro. O governo estadual vê tudo como espectador, quando em outros assuntos chega a agir antes dos acontecimentos.  

. A tensão fez o prefeito da cidade decretar estado de calamidade e recomendar que as pessoas ficassem em casa. Faixas de luto foram estendidas pelo município.

. O deputado Alceu Moreira, PMDB, disse nesta quarta-feira d emanhã:

— As pessoas estão se organizando. Basta um telefonema para os outros saírem em socorro. Os agricultores têm escritura, vão morrer nas terras se for preciso — assevera o parlamentar.

. O deputado Jerônimo Goergen, PP, disse ao editor que basta o governo encaminhar a regulamentação do parágrafo 6o do artigo 231 da Constituição Federal,  propondo regras claras ao definir os bens de relevante interesse público da União para fins de demarcação. O governo não nos deu ouvidos. Agora, se o governo quer criar reservas, que compre as terras dos agricultores. Do contrário, as lavouras continuarão sendo manchadas de sangue.


. No Estado, calcula-se que 10 mil índios lutem por terras. Conforme o Conselho Indigenista Missionário (Cimi), a área pretendida, entre territórios já demarcadas ou reivindicados, chegaria a 117 mil hectares. Para a Federação dos Trabalhadores na Agricultura Familiar da Região Sul do Brasil (Fetraf-Sul), isso representaria o desalojamento de 10 mil famílias.

Pesquisa revela que ex-governador Leonel Pavan seria eleito para o Senado em SC

Instituto Mapa, pesquisa para Record e Notícias do Dia, Florianópolis

Leonel Pavan, PSDB – 36%
Décio Lima, PT – 19%
UJoarez Ponticelli, PP – 8,4%
Amari Soares, PSOL – 5,8%
Branco e Nulo – 12,6%
Não sabe ou não respondeu – 18,2%

. A disputa para governador, segundo a pesquisa, revela eleiçãono primeiro turno para o atual governador, Raimundo Colombo, PSD, com 50% no cenário sem Espiridião Amin. Com Amin, PP, Colombo teria 37,7% e o ex-governador teria 22,3%.

Hoje é último dia para entrega da declaração do Imposto de Renda

Hoje é o último dia para entrega da Declaração do Imposto de Renda da Pessoa Física 2014 (ano-base 2013), e a dica para o contribuinte é: mesmo sem toda documentação, envie a declaração e retifique depois, evitando multas.

Veja, aqui, o video da visita.Deputados verificam que cela de Zé Dirceu conta com chuveiro quente, TV, microondas e amplo espaço.

CLIQUE AQUI para ver 
o video da visita dos deputados a Zé Dirceu.

Dois deputados de oposição,  Arnaldo Jordy (PPS) e Mara Gabrilli (PSDB), da Comissão de Direitos Humanos da Câmara, que visitaram a cela do ex-ministro José Dirceu na Papuda nesta terça, enxergaram regalias no local:

- A cela é maior do que a dos demais presos, tem chuveiro quente, TV e microondas.

. Os deputados  Jean Wyllys (PSOL) e Luiza Erundina (PSB) não acharam mordomia alguma nas regalias concedidas ao ex-ministro e candidamente declararam:

- Outras celas têm TV de plasma, microondas e fogareiro.

. Erundina acha que a cela de Zé Dirceu tem até alguns problemas:

- A cela dele tem até infiltrações.

. A visita dos deputados respondeu a um pedido dos filhos do chefe mais reconhecido da organização criminosa do Mensalão, que acharam o pai deprimido e à beira de um ataque de nervos.

- Os privilégios do líder petista são um acinte e um deboche em relação aos milhares de presos do Brasil. Em Porto Alegre, no Presídio Central, administrado pelo companheiro de Zé Dirceu, o governador Tarso Genro, os presos são tratados como animais, obrigados a conviver com ratos, baratas, sujeira, água fria e todo tipo de desumanidade. 

Renan decide instalar CPI Mista e CPI só do Senado sobre a Petrobrás

O senador Renan Calheiros, presidente do Congresso (Câmara e Senado) e também do Senado, anunciou ontem a noite que instalará duas CPIs exclusivas sobre a Petrobrás:

A CPMI, Comissão parlamentar Mista de Inquérito, reunindo deputados e senadores
A CPI só da Câmara, portanto apenas de deputados

. Foi uma virada, mas ao mesmo tempo outra tentativa de embaralhar o jogo, porque duas CPIs não fazem sentido. A oposição já disse que esvaziará a CPI, preferindo a CPMI, mais representativa. 

Mortes no campo gaúcho são crônica de assassinatos anunciados.

Os assassínios dos irmãos Anderson e Alcemar por índios kaigangs em Faxinalzinho são a crônica de mortes anunciadas. Há bastante tempo alguns deputados do RS, entre eles Jerônimo Goergen, Luiz Carlos Heinze e Alceu Moreira, advertem para a necessidade de regulamentar o parágrafo 6º do artigo 231 da Constituição Federal, estabelecendo regras claras na definição dos bens de relevante interesse público da União para efeitos de demarcação.

. Dilma não faz nada.

. O governador Tarso Genro, no RS, não pressiona politicamente o governo para que entre em ação.

. O caso acaba virando uma guerra de bugios.

. E ocorrem assassinatos.

. A tragédia gaúcha poderia virar assunto internacional, caso os assassinados fossem índios e não homens brancos, caucasianos, pequenos proprietários rurais.

Clique no comentário a seguir do editor, intitulado: Mortes no campo gaúcho são crônica de assassinatos anunciados.

Gartner inclui gaúcha Elipse como única não nortemaericana na lista das mais promissoras em tecnologia para utilities

A empresa gaúcha Elipse Software comemora dois acontecimentos que deixaram seu pessoal animado para cumprir a meta de fazer o faturamento crescer mais 15% este ano:

- A inclusão na lista selecionadíssima de apenas 5 empresas destacadas para o “Cool Vendors” da Gartner. A seleção leva em conta o posicionamento no mercado e o grau de inovação dos produtos e serviços.

- A inclusão na CIO Review, como uma das 20 empresas mais promissoras no ramo de soluções de tecnologia para utilities, a única não americana e canadense listada pela edição de dezembro.

. O editor almoçou nesta terça-feira com  Ricardo Heltinger, presidente da Elipse, 85 funcionários (80% graduados), com sede em Porto Alegre e filiais em SP, PR, Minas, Rio, Taiwan e Estados Unidos. Os sócios de Ricardo são Alexandre Balestrin Corrêa, Flávio Englert e Marcelo Barbosa Salvador.

. A empresa projetou-se internacionalmente a partir do momento em que migrou da sua condição de software house para produtora de softwares como produtos, focados sobretudo nas áreas de automação industrial e energia elétrica. Seus softwares funcionam com equipamentos multimarcas ou em qualquer PLC (computadores industriais). 

No meio da polvadeira, reeleição de Graça Foster nem foi percebida no Brasil

O que levaria a Petrobrás a não anunciar através da imprensa, como sempre faz, a reeleição de sua presidente? É a pergunta que faz hoje o blog Petronotícias. O assunto não mereceu nem notinha de pé de página dos jornalões, apesar da sua importância. Leia mais:

Para quem não sabe, o Conselho de Administração da Companhia reelegeu Graça Foster por mais três anos no dia 21 de março, apesar de estar à frente da empresa há pouco mais de dois anos. Com ela, todos os diretores, que receberam votos unânimes para que dessem continuidade ao trabalho que estão desenvolvendo. Apenas um deles, José Figueiredo, da engenharia, mereceu um voto contrário, que foi dado pelo representante dos funcionários, José Maria Ferreira Rangel. Mesmo assim, o diretor foi mantido na função. O Petronotícias ouviu alguns executivos do mercado, que também se surpreenderam com a informação, mas ninguém quis se manifestar. As denúncias sucessivas contra a Petrobrás faz com que as pessoas se recolham e não queiram se comprometer.

O fato é que a comunicação da empresa ao mercado só se deu através da publicação de uma ata da reunião do seu conselho, o que é legal, mas incomum. Foster foi reeleita quando já sabia que iria depor no Senado Federal sobre o caso Pasadena. Os escândalos que se sucederam manchando o nome da companhia no  mercado brasileiro e internacional, provocam um certo no imobilismo em alguns setores nas operações da companhia.

CLIQUE AQUI para saber mais. 

Estadão avisa que a indústria está sem perspectiva

Em editorial, o jornal O Estado de S. Paulo informa que a presidente Dilma Rousseff completará quatro anos de mandato com a produção industrial estagnada, com o setor em má situação financeira e com escassa perspectiva de crescimento a curto prazo, segundo as últimas pesquisas e projeções da Confederação Nacional da Indústria (CNI).

 Leia tudo:

 A confiança dos empresários continua muito baixa e a retomada do investimento está cada vez mais distante, de acordo com a sondagem divulgada pela entidade nessa quinta-feira.

Em outro informe, divulgado na primeira quinzena, a CNI havia atualizado suas projeções para este ano. O crescimento previsto para o Produto Interno Bruto (PIB) foi reduzido de 2,1% para 1,8%. A expansão estimada para o produto industrial caiu de 2% para 1,7%. No caso da indústria de transformação o cenário é pior, com expectativa de avanço de apenas 1,5%. As projeções anteriores haviam sido publicadas em dezembro. Em 2013 o crescimento geral da indústria ficou em 1,3%. O do segmento de transformação, em 1,9%. Este ano, tudo indica, fechará um quatriênio desastroso para a atividade industrial, um dos piores desde o fim da 2.ª Guerra.

Na sondagem recém-publicada, a consulta a dirigentes de 1.858 empresas pequenas, médias e grandes revelou enorme insatisfação com a margem de lucro operacional e com a posição financeira das companhias no primeiro trimestre. A avaliação, nos dois casos, foi a pior desde o segundo trimestre de 2009.

CLIQUE AQUI para examinar toda a análise. 

Base aliada de Tarso paralisa Comissão de Constituição e Justiça com medo da CPI da CEEE

A base aliada do governo Tarso Genro na Assembléia,  PT, PCdoB, contando com o apoio velado do deputado Heitor Schuch, PSB, prosseguiu hoje na obstrução aos trabalhos da Comissão de Constituição e Justiça, já que não quer que o deputado Giovani Feltes, PMDB, vote seu parecer no caso da reclamação feita pelo deputado Ciro Simoni, PDT, que protesta contra a eleição do deputado Catarina Paladini, PSB, para a posição de relator da CPI da CEEE.

. Esta é a segunda semana de paralisação das votações na CCJ, o que significa que também outros projetos não são votados, inclusive o que desmembra o Corpo de Bombeiros.

. O governo tenta com as manobras alguma forma de estrangular os trabalhos da CPI da CEEE, que claudica na impossibilidade de convocar novos depoimentos e realizar novas ações externas, limitando-se a cumprir o que foi acordado na primeira reunião, quando teve quórum para votações.

. A obstrução é comandada pelos deputados Raul Pont, Marlon Santos, Edgar Preto. Heitor Schu8ch, Raul Carrion e Ronaldo Santini.


. Nesta terça-feira, irritados, os deputados Giovani Feltes, Frederico Antunes, Lucas Redecker, Giovani Feltes e Edson Brum, assinaram requerimento para convocar sessão extraordinária da CCJ para o dia 5, segunda-feira. 

92% dos leitores não votariam de jeito nenhum em Dilma

92% dos leitores desta página não votariam de jeito nenhum em Dilma Roussef. Este é o resultado mais expressivo da enquete disponibilizada aí ao lado, acima, lado direito.

. Os demais números dos candidatos que não teriam os votos dos leitores:
Aécio, 4%
Campos, 2%

. A nova enquete já disponível trata do Mensalão. A pergunta é a seguinte:

- Lula tem razão: o Mensalão não existiu ?


. Vá lá e vote. 

Ação judicial alerta para riscos estruturais da P55 construída em Rio Grande

A plataforma P55 saiu do estaleiro de Rio Grande no dia 22 de dezembro. A Petrobrás tinha pressa e o cronograma estava atrasado. 



São muito sérias as denúncias feitas por três técnicos de radiologia industrial em relação ao modo apressado e heterodoxo com que foi produzida a plataforma P-55 pela Quip, lançada ao mar no ano passado em Rio Grande.

. A Quip é um consórcio resultante da associação da Queiroz Galvão, UTC, Iesa e Petrobrás.

. Na ação trabalhista protocolada pelo advogado Newton Ferreira dos Santos no dia 21 de setembro de 2012 e que tramita na 2ª. Vara do Trabalho de Rio Grande, cujas cópias capa a capa estão com o editor, uma das denúncias mais benignas é a que acusa a Quip por serviços entregues a terceiros, cujas operações são até quarteirizadas. O editor leu tudo durante o final da semana e conferiu informações esta semana. A Quip manifestou-se nos autos de maneira ligeira e não foi convicente. O material que instruí as denúncias é muito mais consistente e revelador. 

. O advogado Newton Ferreira dos Santos disse nos autos que por dinheiro algum embarcaria na P55, advertindo além disto para problemas semelhantes em outras plataformas. 

. “Há uma rapinagem sem precedentes contra a classe trabalhadora”, denunciaram os técnicos que reclamam em juízo o pagamento de indenizações devidas, portanto com direitos trabalhistas fraudados,  e cujo valor da causa é de R$ 25 milhões.

. Na ação 000.1250-40.2012.5.04.122, existem denúncias pormenorizadas sobre relatórios técnicos fraudados, nos quais são atestados serviços de radiologia industrial sobre soldagens nos casos da plataforma, o que pode ter resultado em falhas estruturais.

. O advogado Newton Ferreira dos Santos chegou a chamar a atenção do juiz do caso para a possibilidade de que desastre em alto mar poderá ocorrer com a P-55, repetindo tragédias como a que tornou a Chevron famosa em todo o mundo.

. O editor voltará ao assunto. 

Veja e ouça o que disse Lula em Portugal: "O mensalão não existe. O STF foi político. Zé Dirceu e os outros presos não são gente da minha confiança".

Vídeos da entrevista à Rádio e Televisão Portuguesa, RTP:


A duríssima, inédita, precisa e corajosa nota assinada pelo presidente do STF, Joaquim Barbosa, criticando Lula, recolocou em realce a entrevista que o líder petista concedeu para a TV portuguesa. Ele disse que o Mensalão não existiu e que o que houve foi um julgamento político no STF. Leia como o G1 tratou o assunto. 

Em uma de suas poucas manifestações públicas após o fim do julgamento do mensalão, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse que as decisões do Supremo Tribunal Federal no processo foram, em sua maior parte, políticas e não jurídicas. A afirmação foi feita numa entrevista realizada na última sexta (25) à TV portuguesa RTP e publicada neste domingo (27) no site da emissora.  Lula falou sobre o caso quando indagado sobre o impacto do escândalo sobre a campanha pela reeleição da presidente Dilma Rousseff e sua própria popularidade. Ele negou a existência do esquema, que segundo o STF, consistiu na compra de apoio político no Congresso no início de seu governo, entre 2003 e 2005.

. Disse Lula: 

- O tempo vai se encarregar de provar, que o mensalão, você teve praticamente 80% de decisão política e 20% de decisão jurídica [...] É apenas uma questão de tempo, e essa história vai ser recontada.

- O que eu acho é que não houve mensalão. Eu também não vou ficar discutindo a decisão da Suprema Corte. Eu só acho que essa história vai ser recontada. É apenas uma questão de tempo, e essa história vai ser recontada para saber o que aconteceu na verdade.

- Embora haja "companheiros do PT presos, não se trata de gente da minha confiança.
Entre os petistas presos, estão o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu, o ex-presidente do PT José Genoino e o ex-presidente da Câmara João Paulo Cunha, todos quadros históricos do partido fundado por Lula.


Memória - Dois videos nos quais Lula admite e pede perdão pelo Mensalão

No dia 12 de agosto de 2005, em reunião ministerial, o então presidente Lula pediu perdão aos brasileiros pela ocorrência do Mensalão, a organização criminosa que ele criou e chefiou, mas que nunca teve coragem de assumir como sua.

. O discurso do ex-presidente está no primeiro vídeo a seguir.

. O outro vídeo complementa o primeiro. É uma fala também de Lula, mas até mais incisiva, reconhecendo que “levou uma punhalada pelas costas”, como se alguém pudesse apunhalar-se pelas costas.

. Veja tudo:

Mantelli falará sobre Rocha e Rio Grande nesta quartas, 12h, em Rio Grande

O presidente da Associação Brasileira dos Terminais Portuários (ABTP), Wilen Manteli, será o palestrante da reunião-almoço da Câmara de Comércio da Cidade do Rio Grande, nesta quarta-feira, às 12h, em Rio Grande.

. Ele discutirá o polêmico financiamento do governo brasileiro ao projeto de implantação do superporto de águas profundas de Rocha, Uruguai, localizado a 280 kms de Rio Grande. 

Governo federal arrecada no RS o dobro do que consegue recolher o governo do RS com seu ICMS

A arrecadação das receitas federais administradas  pela Secretaria da Receita Federal do Brasil – RFB e de outras receitas recolhidas por Darf ou GPS, porém administradas por  outros órgãos), atingiu o valor de R$ 4.022 milhões no mês de março no RS,  com significativo aumento de 12,7% na comparação com março de 2013, e de 1,7% quando comparada a fevereiro de 2014. Corrigida pelo IPCA, a arrecadação de março supera em 6,1%  idêntico mês de 2013.


. O valor representa o dobro do que o governo estadual arrecada com o ICMS, embora tenha responsabilidades infinitamente maiores.

Grupo Suretank decide investir, em Caxias, R$ 20 milhões, em fábrica de contêineres para indústrias offshore

Saiu esta manhã em Porto Alegre o anúncio  do primeiro investimento produtivo na América Latina do Suretank Group – líder global em equipamentos de logística de produção para a indústria offshore.

. Conforme adiantou ontem o editor, por meio de uma parceria com sócios gaúchos, o grupo inicia no Rio Grande do Sul a operação Suretank América Latina, fabricando em Caxias do Sul contêineres para transferência de suprimentos para poços de petróleo

. O investimento de R$ 20 milhões na primeira fase do projeto, resultará em 120 empregos diretos e 600 indiretos na cadeia de suprimentos afins.

. A fábrica iniciará com capacidade de processamento de 100 toneladas por mês – sendo que a totalidade da produção do primeiro semestre de operação já está reservada. O objetivo é fornecer para todos os mercados da América Latina. 

Gap abrirá nesta quarta no BarraShoppingSul

A Gap abrirá nesta quarta-feirs ao público de Porto Alegre. A loja terá 800m², com uma oferta completa de produtos para os públicos feminino, masculino, infantil e bebê. Com duas lojas abertas em São Paulo, ,  companhia tem um plano de expansão gradual da marca no Brasil. Será no BarraShoppingSul. Gap Inc. é líder global varejista. Suas principais marcas próprias são Gap, Old Navy, Banana Republic, Piperlime, Athleta e Intermix. No ano fiscal de 2013, as vendas líquidas foram de US$16.1 bilhões. Os produtos Gap Inc. estão disponíveis para compra em mais de 90 países em todo o mundo através de aproximadamente 3.100 lojas operadas pela empresa, mais de 350 lojas franqueadas e sites de comércio eletrônico
. Em Porto Alegre, a loja baterá de frente com Lojas Renner e C&A. 

Criada em São Francisco, em 1969, a marca GAP desde então consolidou-se como ícone do american casual style, para todas as ocasiões. C

Site: www.gapinc.com

IGP-M que mede reajuste dos aluguéis subiu 0,78% em abril. No ano, alta é de 3,35%.

O Índice Geral de Preços-Mercado (IGP-M) desacelerou a alta para 0,78% em abril, informou a Fundação Getulio Vargas (FGV) nesta terça-feira (29). Em março, o índice tinha acelerado para 1,67% ao mês. Em abril do ano passado, o índice tinha subido 0,15%.

. Este índice é utilizado como referência para a correção de valores de contratos, como os de energia elétrica e aluguel de imóveis. O indicador é apurado entre os dias 21 do mês anterior e 20 do mês atual.

No ano, o IGP-M acumula alta de 3,35% e, em 12 meses, avanço de 7,98%. 

Brasil247 diz que Polícia Federal vai para cima das empreiteiras antes do feriadão

O site www.brasil247.com.br, normalmente bem alinhado com o governo federal e com o PT, informou hoje que no quadro da operação Lava Jato, Polícia Federal pode fazer batidas antes do feriado em empreiteiras para esclarecer repasses feito à MO Consultoria, do doleiro Alberto Youssef.

. Entre as empreiteiras, figura no topo da lista a Camargo Corrêa, que repassou R$ 26 milhões, por intermédio da Sanko Sider; a OAS também pagou R$ 1,6 milhão; e a Galvão Engenharia desembolsou R$ 1,5 milhão.;

. Os promotores que investigam o caso acreditam que o dinheiro recebido possa ter sido usado para pagar propina a agentes públicos e para lavagem de dinheiro

Dilma despenca para 37% e Aécio Sobe para 21,5%. Eduardo Campos consegue 11,2%.

A presidente Dilma Rousseff tem 37% da intenção dos votos do eleitorado, segundo pesquisa divulgada na manhã desta terça-feira pela Confederação Nacional dos Transportes (CNT), realizada pelo Instituto MDA. O número representa uma queda de seis pontos percentuais em comparação com o último levantamento, de fevereiro, quando a candidata do PT registrou 43,7%.

. Eis os números (entre parênteses, os números da pesquisa anterior)

Dilma Rousef, PT - 37% (43,7%)
Aécio Neves - 21,5% (17%)
Eduardo Campos - 11,20% (9,20%)

. Apesar da queda, a candidata do PT ainda tem pontuação maior que a soma de seus adversários, o que indica que venceria em primeiro turno se as eleições fossem hoje.


. A aprovação pessoal de Dilma é de 47,9%, ante 55% em fevereiro.

Entrevista, Jerônimo Goergen, deputado PP do RS - Tarso e Dilma devem ser responsabilizados pelas mortes dos irmãos Souza

ENTREVISTA
Jerônimo Goergen, deputado Federal, PP do RS

Índios assassinos produziram a morte dos agricultores familiares Anderson Souza e Alcemar Souza. Os irmãos foram assassinados a tiros por índios da etnia kaigang que reivindicam a demarcação de terras indígenas na região. O crime ocorreu no município gaúcho de Fazinalzinho, localizado no norte do Estado. O que o senhor pensa disto ?
A responsabilidade é dos governos gaúcho e federal pelo desfecho trágico.

Por que razão ?
Há pelo menos dois anos estamos alertando os governantes para a escalada da violência no campo. E eles permanecem de braços cruzados, muitas vezes fomentando a disputa.

Eles não agiram ?
O governador Tarso Genro, a presidente Dilma Rousseff e o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, não podem fugir de suas responsabilidades. Se hoje choramos as mortes do Anderson e do Alcemar é pela completa falência dessa política indigenista

O mal está feito. E o futuro ?
A Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA) apresentou diversas propostas para solucionar o impasse na demarcação de terras indígenas e nenhuma delas foi aceita pelo Palácio do Planalto. Sugerimos a regulamentação do § 6º do artigo 231 da Constituição Federal, propondo regras claras ao definir os bens de relevante interesse público da União para fins de demarcação. O governo não nos deu ouvidos. Agora, se o governo quer criar reservas, que compre as terras dos agricultores. Do contrário, as lavouras continuarão sendo manchadas de sangue.


Ex-assessor de Padilha era ponte, diz sócio do Labogen

O site www.veja.com.br desta manhã informa que o sócio do Labogen, Leonardo Meirelles afirmou na noite de segunda-feira que o ex-assessor do Ministério da Saúde Marcus César Ferreira de Moura foi contratado pelo laboratório justamente para atuar como lobista em órgãos do governo federal, em especial na pasta em que trabalhou. Leia tudo:

.  "O Marcus Moura mantinha os contatos institucionais com o Ministério da Saúde", disse Meirelles. O Labogen é apontado pela Polícia Federal como o carro-chefe do esquema de lavagem de dinheiro comandado pelo doleiro Alberto Youssef, preso na Operação Lava-Jato. O laboratório, controlado pelo doleiro, tentou fechar contrato com o Ministério da Saúde durante a gestão do ex-ministro Alexandre Padilha para o fornecimento de remédios de hipertensão pulmonar no valor de 6,2 milhões de reais por ano - pelo prazo de cinco anos. A parceria foi desfeita logo depois da Polícia Federal deflagrar a Operação Lava-Jato, que desmontou em 17 de março deste ano o esquema de Youssef e apontou suspeitas sobre os negócios do Labogen, entre outras transações do doleiro.


. Escutas da Polícia Federal flagraram mensagens de texto do deputado licenciado André Vargas (PT-PR) a Youssef. Uma delas mostra que Padilha havia indicado o nome de Moura para um cargo de comando no laboratório. A mensagem interceptada foi enviada ao doleiro em novembro de 2013.

CLIQUE AQUI para saber tudo. 

Multicoisas leva prêmio principal no Troféu Franqueador do Ano. Gaúcha Trópico ficou em segundo lugar.

A Multicoisas, franquia que nasceu no RS, Santa Cruz do Sul, mas que atualmente tem sede no Paraná, foi quem levou o principal Troféu de Franqueador do ano de 2013. A Trópico foi outra gaúcha que esteve entre as finalistas, ocupando o segundo lugar no País. Além da Trópico, outras marcas gaúchas receberam reconhecimento pela excelênci. São elas Make-Up Estética Automotiva, Rabush, Rainha das Noivas, Bella Gula, Bibi Calçados e Guarida Imóveis, todas na categoria Pleno, e Empório Body Store, Jorge Bischoff e Tevah, na categoria Sênior.

. O prêmio é atribuído todo ano pela Associação Brasileira de Franchising.

. No Brasil operam por franchising 2.700 marcas.


. A Festa do Oscar do Franchisng aconteceu na noite de sexta em SP, com a presença de 850 pessoas e show do sambista Diogo Nogueira.

PT disputa com PT orçamento de R$ 55 milhões do Cpers

Três chapas apoiadas por diferentes correntes PT,disputarão nos dias 10 e 11 as eleições para a direção do Cpers, o mais poderoso sindicato de professores públicos estaduais da América Latina, cuja receita anual chega a R$ 55 milhões.

. As chapas terão que estar inscritas até o dia 5, mas não se imaginam novos concorrentes.

. São postulantes a presidente:

Rejane de Oliveira, atual presidente, filiada ao PT, mas em dissidência com o oficialismo, contando por isto com o apoio do PSOL e do PSTU.
Neida de Oliveira
Helena Oliveira

Cresce reação interna no PMDB à entrega da vaga de candidato ao Senado para Beto Albuquerque

Será na semana que vem a reunião da Executiva do PMDB que discutirá se o Partido terá candidato próprio ao Senado ou se aceitará a indicação do PSB para que a posição vá para o deputado Beto Albuquerque, PSB.

. A questão colocou-se depois que o senador Pedro Simon abdicou da pretensão de disputar a reeleição.

. Apesr das pretensões do PSB, franjas importantes do PMDB não querem abrir mão da vaga, que iria para o ex-governador Germano Rigotto, que como Simon também abdicou da condição de pré-candidato ao Senado, ou para o ex-prefeito José Fogaça, estando na lista também o ex-deputado Ibsen Pinheiro.

. O prefeito Marco Alba, Gravataí, que liderou chapa contra o nome de Sartori na pré-convenção do PMDB, disse que as bases do Partido devem ser consultadas. Ele não aceita imposição da cúpula partidária.

Lewandowsky autoriza mais empréstimos para Tarso,mesmo com veto do Tesouro Nacional

Se depender da liminar do ministro Ricardo Lewandowski, que julgou favoravelmente seu pleito, o governador Tarso Genro poderá tomar novo empréstimo internacional, desta vez de US$ 500 milhões.

. A secretaria do Teso7uro Nacional vetou o empréstimo, não quer dar aval e alegou que o governo gaúcho viola a Lei de Responsabilidade Fiscal.


. Mesmo que leve adiante o pleito, a apenas 8 meses de deixar o cargo, Tarso terá que obter aprovação do Senado.

Artigo, Carlos Alberto Di Franco - Jornalismo com alma

Neste artigo, Carlos Alberto di Franco escreve sobre o "jornalismo com alma", explicando que  há uma crescente nostalgia de conteúdos editados com rigor, critério e qualidade técnica e ética. Leia tudo. A seguir, trecho copidescado pelo editor, que a seu ver introduz melhor o assunto. No link, o texto completo, como foi escrito originalmente:

Há uma demanda reprimida de reportagem. É preciso reinventar o jornalismo e recuperar, num contexto muito mais transparente e interativo, as competências e a magia do jornalismo de sempre. É preciso olhar para trás para dar saltos consistentes.

“Hoje”, dizia Nelson Rodrigues, “ninguém imagina o que eram as velhas gerações românticas da imprensa. Mudaram o jornal e o leitor. No ano passado, houve uma chuva inédita, uma chuva bíblica, flagelando a cidade. Desde Estácio de Sá, não víamos nada parecido. E todo mundo morreu e desabou, e se afogou, menos o repórter.

CLIQUE AQUI para ler tudo. 

Odebrecht quer investir US$ 500 milhões na expansão do porto uruguaio de Rocha

 No mapa que vai disponibilizado no link a seguir, o leitor perceberá com maior clareza a proximidade do porto de Rocha, Uruguai, que se encontra a apenas 90 kms da fronteira do RS e a 280 kms do porto de Rio Grande.

. A Odebrecht tem concluído um projeto de US$ 500 milhões para transformar Rocha num superporto. Ele já tem quase o dobro do calado e o dobro da capacidade de Rio Grande.

. O BNDES nega ter projeto de financiamento, o que é verdadeiro, mas isto não significa que o governo federal já não esteja colaborando com apoio até mesmo de pessoal para ajudar os estudos em andamento por parte do governo Mujica, conforme nota de ontem desta página.

. No RS, o governo Tarso Genro já manifestou apoio à decisão do governo Dilma de mandar dinheiro para Rocha.

. O projeto é pouco discutido no RS, muito embora Rocha vá disputar cargas e empresas com o RS, colocando em risco toda a nova economia que se ergue tendo Rio Grande como vetor.

. Nesta segunda-feira a tarde, o deputado Adilson Trocha, presidente do PSDB, que é de Rio Grande, disse que pedirá audiência pública na Assembléia para que o assunto seja esclarecido.

CLIQUE AQUI para examinar o Google Maps, com a exata localização de Rocha e Rio Grande.




Saiba em que casos INSS nega ilegalmente revisão de valores de aposentadoria

Milhares de aposentados são prejudicados diariamente pelo INSS, é o que afirma a Abreprev em comunicado enviado esta manhã ao editor. Abreprev é a sigla da  Associação dos Beneficiários da Previdência Social, responsável por dezenas de processos de aposentados e pensionistas que buscam a revisão do teto do beneficio, negada pelo INSS. De acordo com o INSS, nenhum deles teria direito a revisão pela previdência, segundo a justiça, preenchem todas as características necessárias e o INSS é obrigado efetuar a revisão.

. O caso não é como conta o INSS:

. Em 1998 e em 2004, as emendas 20/1998 e 41/2003 aumentaram o valor máximo dos benefícios pagos pelo INSS. Quem já tinha se aposentado com o teto anterior, no entanto, não teve o benefício recalculado e foi prejudicado.O Supremo Tribunal Federal (STF) entendeu que, quando houver elevações do teto além da inflação, como as ocorridas em 1998 e 2004, essa diferença que o aposentado ou pensionista deixou de receber deve ser usada para rever o beneficio e o Ministério da Previdência teria cumprir a decisão tomada pelo STF. 
O INSS então divulgou que faria a revisão e disponibilizou um canal de consulta em seu site, assim o aposentado ou pensionista poderia e pode consultar se possui o direito, em caso positivo, a tela retorna instruções para ele aguardar a revisão.
Tudo funcionaria bem, só que muitos dos aposentados e pensionistas que possuem o direito, ao consultar o canal de consulta, são informados pelo INSS que não estão na lista de revisão. Depois disso, a grande maioria desiste do processo. O que eles não sabem, é que essa é uma revisão já decidida no STF, garantindo ao aposentado e pensionista que ele tem direito.

A Abreprev assumiu dezenas de casos como esse, e conseguiu o parecer favorável da justiça na grande maioria, mesmo após a negativa do INSS, garantindo assim a revisão do teto aos aposentados e pensionistas. 

Pela quinta vez seguida os médicos anunciam: "Genoíno não tem nada". É hora de voltar para a Papuda.

Foi tudo fita. Na foto, Genoíno atrás da porta da casa onde se hospeda, escapando da Papuda. 



Um novo laudo médico anexado nesta segunda-feira ao processo do mensalão no Supremo Tribunal Federal (STF) informa que o ex-presidente do PT José Genoino apresenta "quadro clínico plenamente estabilizado". A recente avaliação médica, assinada por quatro médicos do Hospital Universitário de Brasília, será analisada pelo ministro Joaquim Barbosa para definir se o petista poderá ou não cumprir prisão domiciliar – até agora, nenhum dos laudos, feitos a pedido da Câmara dos Deputados e do Judiciário, apontou cardiopatia grave.

. Genoino passou por nova perícia médica no último dia 12, mas os resultados só foram encaminhados nesta segunda à Justiça. 

. O petista foi submetido a exames de sangue, coagulação, eletrocardiograma, raio-X do tórax, teste ergométrico e angio-ressonância magnética da aorta.


. “Em bases estritamente objetivas e definitivas, não se expressa no momento a presença de qualquer circunstância justificadora de excepcionalidade e diferenciada do habitual para a situação médica em questão, visando o acompanhamento e tratamento do paciente em apreço”, afirmam os cardiologistas.

Governo petista do Acre funciona como coiotes de refugiados do Haiti e da África

No post que vai no link a seguir, o jornalista Josias Souza desenha um cenário bastante completo e real sobre a deportação de centenas de refugiados do Haiti e agora de vários Países da África, que ingressam no Acre pelo Equador e depois tentam viajar desesperadamente para São Paulo e os Estados do Sul.

. Acontece que o governo do Acre, do petista Tiaõ Vianna, passou a embarcar os refugiados em aviões e ônibus, com passagem só de ida para SP, criando tremenda saia justa com seu companheiro do PT, o prefeito Fernando Haddad, como também com o governador Geraldo Alckmin .

. As relações dos governantes ficou tensa. O governo de SP acusa Tião, que é chamado de coiote.

CLIQUE AQUI para entender melhor a confusão.

Joyce Pascovich anunciou esta tarde que Lula substituirá Dilma como candidato do PT

A bem informada jornalista Joyce Pascowitch, editora da revista Poder, informou nesta tarde que Lula já decidiu e será candidato no lugar de Dilma Roussef.

. A nota agitou o mercado político e também financeiro, provocando alta nas ações da Petrobras.

. o ex-presidente Lula teria confidenciado a pessoas próximas que aceitou o desafio de concorrer ao Palácio do Planalto já em 2014.  "Ele já deu como certa nesse fim de semana, para amigos mais próximos, sua intenção de voltar ao posto", diz a jornalista.

. No PT e no governo ninguém quis fazer comentários.

. A revista Veja deste final de semana, em reportagem de capa, informou que a luta entre dilmistas e lulistas já é fratricida. 

. Veja deixou claro na reportagem que entre Lula e Dilma, ela prefere Dilma. 

Governo gaúcho anunciará apoio a investimento do Suretank Group

O governo gaúcho convocou a imprensa para anunciar outro investimento na área industrial do RS, desta vez do Suretank Group, mas não disse nada mais sobre o caso.

. Na Internet, o Suretank Group aparece como focado na fabricação de contêineres e equipamentos off shores.

CLIQUE AQUI para saber mais sobre o Suretank.


Governos do PT reúnem empresas gaúchos em Rio Grande para exportar empresas para a ZPE de Mariel, Cuba

Nesta quarta-feira o governo estadual e a prefeitura, ambos comandados por líderes do PT, reunirão empresários gaúchos para mostrar como será bom para todos o uso do novíssimo porto de Mariel, Cuba, finabnciado com US$ 1,3 bilhão pelo BNDES.

. Na verdade, a idéia é vender o Distrito Industrial, uma verdadeira Zona de Processamento de Exportações, onde indústrias estrangeiras montarão plataformas de exportação, usando insumos com alíquota zero de importação, infraestrutura a custos baixíssimos e mão de obra escrava cubana.

. Os cubanos querem que as indústrias gaúchas levem para lá suas bases de exportação, porque contarão com custos muito mais competitivos.

. O tema será desenvolvido por dirigentes cubanos do porto, sob o tema: "La Zona Especial de Desarollo Mariel y su Importancia en el Desarollo Socioeconomico de Cuba. Oportunidades para las empresas de Brasil".

- Até as 18h de hoje, o editor não conseguiu saber o que a Fiergs pensa do assunto.

O governo Tarso Genro trabalha contra os interesses do RS no caso do porto uruguaio de Rocha

O governador Tarso Genro continua mudo e quieto no seu quadrante, sem desmentir e nem oficializar a posição expressa publicamente por seu secretário de Infraestrutura e Logística, João Victor Domingues, que manifestou apoio a um possível financiamento de US$ 500 milhões para que o presidente Mujica potencialize as condições de competitividade do porto de Rocha, Uruguai, localizado a 280 quilômetros de Rio Grande.

. O apoio ofende os interesses econômicos gaúchos e ataca de frente todo o esforço feito por vários governos para implementar uma nova economia na região do Litoral Sul do RS.

. Sobre o assunto, o editor formulou o comentário em vídeo, a seguir, intitulado: O governo Tarso Genro trabalha contra os interesses do RS no caso do porto uruguaio de Rocha.

Dia 13, ACI de Novo Hamburgo, encontro de jovens empreendedores sobre "Empreendedorismo"

 Será dia 13 de maio, 13h as 18h30min, o 2º Encontro do Comitê de Jovens Empreendedores da ACI de Novo Hamburgo, intitulado “Vamos falar de empreendedorismo ?”.
.
 Vão falar Júlio Vasconcelos, CEO do Peixe Urbano; Mermes Gazzola, presidente da Puras; Fernando Tornaim, diretor das Tornak, e Cristiane Corrêa, jornalista e escritora do livro “Sonho Grande”.

. Os temas estarão todos ligados ao empreendedorismo. Júlio Vasoncelos, por exemplo, contará o que foram os quatro anos do Peixe Urbano e do mercado de startups no Brasil.

. Preços para estudantes e sócios da ACI: R$ 90,00. Quem não for sócio, pagará R$ 180,00.

. O evento acontecerá no Hotel Swan Tower, Novo Hamburgo.

Saiba mais e faça sua inscrição:
Fone 051.2108.2108
E-mail: capacitação@acinh.com.br

Novo general do Comando Militar do Sul assumiu esta manhã em Porto Alegre

No 3º Regimento de Cavalaria de Guarda, em Porto Alegre, ocorreu esta manhã cerimônia de passagem de Comando Militar do Sul  para o general de Exército Antônio Hamilton Martins Mourão, que exercia o cargo de vice-chefe do Departamento de Educação e Cultura do Exército, no Rio de Janeiro.

PF poderia desfechar buscas e prisões nas empreiteiras que forraram o poncho dos candidatos no âmbito da Operação Lava Jato

O site www.brasil247.com.br, geralmente bem alinhado com o governo federal e o PT, anunciou hoje que esta será uma semana curta e tensa, marcada pela expectativa com os próximos passos da Operação Lava Jato, da Polícia Federal, que prendeu o doleiro Alberto Yousseff, e o ex-diretor da Petrobras, Paulo Roberto Costa. Assim serão os próximos dias em Brasília e nos meios econômicos ligados ao financiamento de campanhas políticas. Leia mais: Tanto Yousseff como Costa vêm sendo assediados para fazer delação premiada. O ex-diretor da Petrobras, que chegou a divulgar um bilhete dizendo-se ameaçado pela Polícia Federal, rechaça a hipótese (leia mais aqui). Mas, em relação ao doleiro, não há tanta certeza. Isso porque, no caso Banestado, investigação conduzida pelo juiz Sergio Moro, o mesmo da Lava Jato, Yosseff conseguiu se safar depois que passou a contribuir com o Ministério Público, também num acordo de delação premiada. O advogado que o convenceu a colaborar com a Justiça, Antônio Figueiredo Basto, é o mesmo que hoje o atende.

. Caso Yousseff esteja mesmo colaborando com a Justiça, a semana promete grandes emoções. Há a expectativa de batidas em escritórios de grandes empreiteiras antes do feriado de Primeiro de Maio e a possibilidade de prisões de tubarões ligados ao financiamento de campanhas. Caso empresários sejam presos pouco antes do feriado, haverá menor possibilidade de concessões de habeas corpus pelos tribunais superiores.

. Essa possibilidade foi antecipada, na semana passada, pela colunista Sonia Racy, do Estado de S. Paulo, que noticiou uma nova ação da PF, decorrente da Lava Jato, às vésperas do feriado prolongado. A conferir.


Oito Partidos reúnem-se neste momento com Vieira da Cunha, PDT, para discutir disputa pelo Piratini

Estão com Vieira na reunião:
PDT, DEM, PSD,PRTB, PROS, Solidariedade, PSC,PV. 
- O PDT também namora (não estão na reunião) PHS, PPS, PR e PMN. 

Representantes de oito Partidos estão neste momento em reunião na sede do DEM, Porto Alegre, para conversações sobre apoio ao deputado Vieira da Cunha, PDT, e formação de coligações para Assembléia e Câmara.

. O DEM poderá anunciar seu apoio oficial ao deputado do PDT ainda hoje, mas em princípio isto só ocorrerá na semana que vem.

. O apoio aos candidatos a presidente também está discutido.

. Além de Vieira da Cunha, estão também na reunião o presidente do PDT, Romildo Bolzan, e o candidato ao Senado pelo mesmo Partido, Lasier Martins. 

Nova enquete nesta página: em quem você não votaria de jeito nenhum ?

80% dos leitores responderam que é justificável fazer justiça com as próprias mãos, sempre que for negada a prestação jurisdicional e a autoridade policial omitir-se na proteção ao cidadão.

. 14% não admitem este tipo de solução e 4% não têm opinião.

. A nova enquete disponível aí ao lado, acima, pergunta o seguinte:

Em quem você não votaria de jeito nenhum ?

A lista inclui os nomes de Aécio, Campos e Dilma.

Manuela critica doação de empresas para campanhas, mas veja, aqui, quanto ela recebeu de cada uma delas para suas campanhas milionárias

Baseada naquilo que examina no mercado de votos e até mesmo na sua própria experiência, a deputada Manuela D'Ávila, PCdoB, disse ao site UOL que as "empresas que doam para políticos têm prioridades diferentes das da população".

. É o que é.

. A deputada comunista disse ao site que a baixa representatividade de mulheres e de operários nas casas legislativas deve-se à "desigualdade econômica entre os candidatos, impulsionada pela falta de critérios rígidos e fiscalização do financiamento privado".

. Ela criticou a entrada de dinheiro não contabilizado claramente (via diretórios, por exemplo) e caixa 2.

. Manuela D'Ávila é acusada de práticas iguais às que critica.

. A deputada disputou cinco eleições entre 2004 e 2012.

. Ela gasta cada vez mais para se eleger.  Para deputada Federal, foram R$ 359 mil em 2006 e R$ 1 milhão em 2012. Suas campanhas para prefeito também são cada vez mais caras: R$ 2,7 milhões em 2008 e R$ 3,9 milhões em 2012.

. Em 2012, ao cometer o fiasco de emplacar apenas 141 mil votos,  ela  gastou 22,2% mais por voto do que o campeão, o prefeito José Fortunati. Cada voto seu custou R$ 28,17, contra R$ 21,91. O líder em gastos por voto foi Adão Villaverde, PT: R$ 32,67. Villaverde foi o maior fiasco que o PT já emplacou em eleições em Porto Alegre.

. Estes foram seus 15 principais doadores em 2012:

Leyroz de Caxias (logística), R$ 200 mil
BRF Foods (Sadia-Perdigão), R$ 200 mil
Zaffari, R$ 130 mil
Bourbon, R$ 110 mil
Fibra Celulose, R$ 50 mil
Itaú, R$ 150mil
Vonpar,R$ 100 mil
Otis,R$ 60 mil
Mph Imobiliária, R?$ 50 mil
Forjas Taurus (armas), R$ 50 mil
Multiplan (BarraShopping Sul), R$ 50mil
Gerdau, R$ 120 mil
Interfarma, R$ 100mil
Biolab, R$ 100 mil

Queiroz Filho, R$ 100 mil

Recupere, aqui, a fala de apoio do governo Tarso Genro ao concorrente porto de Rocha, Uruguai

Embora o governo federal tergiverse publicamente sobre o apoio financeiro de US$ 500 milhões que pretende dar ao projeto de implantação do superporto de Rocha, Uruguai, 90 kms da fronteira do RS, que prejudicará tremendamente o porto de Rio Grande e a economia do Estado, o governo gaúcho do sr. Tarso Genro apóia o empreendimento.

. Eis o que sobre o assunto disse ao jornal Zero Hora o secretário de Infraestrutura e Logística de Tarso, João Fictor Domingues:

- O Rio Grande do Sul não será prejudicado economicamente com a construção do porto uruguaio e que o apoio do BNDES se justifica porque ajuda o Brasil a consolidar a posição de liderança na América Latina.

. O governo estadual não tem mais abordado o assunto, mas a fala de João Victor não foi desautorizada até agora.

CLIQUE AQUI para ler a manifestação do secretário ao jornal Zero Hora.