Trens da Grande Porto Alegre só funcionarão em horários de pico nestas segunda e terça-feiras

Os trens da Grande Porto Alegre, da Trensurb, funcionarão em horários de pico pelo menos nesta segunda e terça-feira. Este foi o acordo firmado entre os envolvidos e o Ministério Público do Trabalho na última quarta-feira, após decisão da categoria sobre o início da greve. Caso houver descumprimento, o sindicato será multado em R$ 70 mil.

Bachelet vence eleições n o Chile com 62,6% dos votos

A socialista, que também foi a primeira mulher a governar o país (entre 2006 e 2010), agora volta à presidência do Chile. Michele Bachelet teve 62,6% dos votos neste segundo turno, superando a representante governista Evelyn Matthei, que foi ministra do Trabalho do atual governo de Sebastián Piñera e obteve 37,4% neste domingo. Bachelet é a primeira a vencer duas eleições presidenciais na história do Chile

Compreenda melhor por que razão Kim Jong-un matou o tio e deletou sua imagem das fotos oficiais

O título da reportagem original é "Morto e deletado"
Nº 2 norte-coreano estaria desafiando poder do líder Kim Jong-un. Na foto, o tio aparece no círculo. Acontece que nas novas cópias, ele foi deletado.

Esta reportagem de hoje é transcrita, porque o PCdoB apóia esse regime criminoso e degenerado. No RS, comunistas históricos como Manuela D'Ávila, e comunistas mais recentes, como o jornalista André Machado, devem lealdade ao PCdoB e portanto também apóiam a degenerada e criminosa ditadura da família Kim Jong-un. Se você dúvida disto, clique aqui para ouvir este comentário de Arnaldo Jabor, analisando justamente esse renegado apoio dos comunistas brasileiros, inclusive gente como Manuela e André Machado. 

A reportagem a seguir é de Jane Perlez e Choe Sang Hun - The New York Times, publicada neste domingo pelo jornal O Estado de São Paulo. Leia tudo:

. Os norte-coreanos conheciam havia muito Jang Song-thaek como a figura número 2 do país, reverenciado tio e mentor de Kim Jong-un, o líder máximo. Então, na segunda-feira, a televisão estatal mostrou dois guardas de uniforme verde agarrando pelos braços um Jang de expressão sombria, tirando-o de uma reunião do partido do governo sob os olhares atônitos de dezenas de antigos camaradas. Jang fora denunciado como "elemento desagregador", "mulherengo", "jogador", "drogado" e outras imputações.

.O espetáculo da expulsão e prisão humilhante forneceu um vislumbre absolutamente inusitado da luta pelo poder que se desenrola no país nuclear. Mas o maior impacto será no exterior, e as consequências de sua queda serão particularmente inquietantes na China.

CLIQUE AQUI para ler tudo.

Serra falará nesta segunda em Caxias, na posse do novo presidente da CIC

CLIQUE AQUI para ler o artigo que José Serra assinou na edição deste domingo da Folha, intitulado "Drogas pesadas no Brasil: inépcia e ideologia". Vai na linha do que o deputado Osmar Terra há mais tempo denuncia - e com muito mais competência e conhecimento.

O ex-governador José Serra será o principal orador da  posse festiva do empresário Carlos Heinen no cargo de presidente da Câmara de Indústria, Comércio e Serviços de Caxias do Sul (CIC) para a gestão 2014-2015. O evento foi marcado para esta segunda, 12h. 

. Nas últimas eleições presidenciais, Serra derrotou Dilma no primeiro e segundo turnos em Caxias, segundo maior colégio eleitoral do RS. Serra venceu as eleições no Estado. 

Cai sistema do Banco do Brasil.Neste domingo, estão fora do ar cartões, caixas eletrônicos e internet banking

O sistema do Banco do Brasil saiu totalmente do ar neste domingo, deixando clientes sem acesso a serviços como caixa eletrônico, internet banking e compras com cartões de débito desde as primeiras horas da manhã. Segundo informações do Serviço de Atendimento ao Consumidor do banco, o sistema está totalmente indisponível e não há previsão de retorno.

. Não há informações sobre as regiões afetadas pela indisponibilidade.

PMDB Mulher reúne 800 militantes em Porto Alegre, mas não cumpre promessa de lançar Sartori para o Piratini

Até mesmo o nome mais badalado dentro do Partido, José Ivo Sartori, está presente ao encontro que o PMDB Mulher realiza na Assembléia do RS desde as 9h. A ideia do órgão de ponta era lançá-lo como candidato ao Piratini, mas ele pediu que isto não fosse feito. Além de Sartori, também participaram da reunião desta manhã os deputados Edson Brum, Maria Helena Sartori, Giovani Feltes, Osmar Terra, Alceu Moreira e Eliseu Padilha, além do senador Simon e do ex-governador Rigotto. A mulher do ex-prefeito José Fogaça, Isabela Fogaça, também esteve no Teatro Dante Barone.

. As reuniões prosseguirão à tarde.

. 800 participantes estão na Assembléia, sob o comando de Regina Perondi.

. As mulheres do PMDB não cumprirão a promessa de lançar Sartori para governador e também não tirarão qualquer indicativo para a presidência da República. Elas seguem a lógica dos principais líderes, que não querem medir forças neste momento, preferindo adiar as decisões para mais adiante, aguardando a cristalização espontânea das definições. Líderes como Padilha e Mendes defendem alinhamento com a candidata do PT, enquanto a maioria das demais lideranças, inclusive Sartori, não querem saber da aliança. 

. Esta vacilação do Partido poderá sair caro para o PMDB do RS, porque os adversários principais – PP, PT e PDT – já estão com suas candidaturas na rua.

Em apenas três anos, ruim/péssimo do governo Tarso subiu de 9% para 30%

Os números de ruim/péssimo  conseguidos  dia 13 pelo governador Tarso Genro na pesquisa do Ibope, são completamente diferentes do total encontrado pelo Instituto Methodus no dia 5 de dezembro, portanto apenas uma semana antes.

Ibope, dia 13
19%
Methodus, dia 5
30%

. Além disto, Methodus verificou que 58,8% dos eleitores acham que Tarso Genro nem merece uma segunda chance para governar o Estado.

. O Ibope, fornecedor de serviços para vários órgãos do governo Dilma, do PT, costuma errar suas tabulações, ao contrário do Instituto Methodus, cujas margens de acertos são historicamente precisas.
Pior do que a discrepância dos números do Ibope de Methodus, foi a devastadora e segura caminhada do governo Tarso Genro em direção ao precipício, resultado da má gestão, incompetência, indolência e voluntarismo da sua política esquerdo-populista-demagógica. Nem mesmo o alinhamento das estrelas ajudou-lhe. Tarso e seu pessoal comemora os números do Ibope, mesmo sabendo da verdade.

. Eis os números encontrados para ruim e péssimo no governo Tarso Genro, no final do seu primeiro ano de governo, conforme Methodus:

Ruim/péssimo – 9,9%
Com os 19% do Ibope ou os 30% de Methodus, o governo do PT do RS descreve uma curva descendente devastadoramente preocupante.

. Com números como estes a apenas um ano das eleições, governo algum conseguiu emplacar seu candidato.

. Foi a percepção deste cenário que levaram PSB e PDT para fora do navio que aderna de modo irrecuperável.

. Veja os números do Instituto Methodus, 2011, 1º ano de governo, e 2013, 3º ano de governo

Instituto Methodus
7de outubro de 2011
39% ótimo e bom
9,9% ruim e péssimo

5 de dezembro de 2013
26,7% ótimo e bom
30% ruim e péssimo

- 58,8% dos eleitores acham que ele não merece um segundo mandato, conta apenas 37,8% que consideram isto desejável.

CLIQUE AQUI para examinar denúncias muito fortes contra os "erros" do Ibope. A denúncia está em video. 

Bloco dos Pelados anuncia volta às ruas. Eles querem depredar o Trribunal, o Piratini e a RBS

Depois de invadirem, depredarem e vandalizarem a Câmara de Porto Alegre, os militantes do Bloco dos Pelados refluíram, mas agora avisam que vão depredar tudo de novo para defender suas consignas. Por trás deles, estão sindicatos, como o de Vera Guasso, cujas contas e atas precisam ser investigadas pela CPI em andamento na Câmara de Porto Alegre, já que suas ações contrariam a lei.


O chamado Bloco dos Pelados quer recrudescer em Porto Alegre, com apoio do PSTU, PSOS, sindicatos e ONGS atrelados aos dois Partidos. Seus militantes e dirigentes reuniram-se na sede do Sindicato do pessoal de TI, cuja dirigente eternizada na função é Vera Guasso, conhecida candidata de si mnesma a tudo que é cargo. Na reunião, eles decidiram voltar às ruas e depredar o que encontrarem pela frente. Entre os possíveis alvos mencionados por alguns participantes do encontro estão o Tribunal de Justiça, o Palácio Piratini (sede do governo estadual), Federasul e meios de comunicação, como o Grupo RBS. O material a seguir é do jornal Zero Hora:

Em reunião da terça-feira, integrantes de um bloco que participa dos protestos em Porto Alegre discutiu futuros atos, entre eles ações violentas. Participaram do encontro militantes de sindicatos, partidos e movimentos sociais. Durante os debates, que duraram três horas, houve defesas de ações violentas para chamar a atenção. Entre elas, depredações. Entre os 200 manifestantes na reunião, havia militantes de PSOL, PSTU, PT, Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), Sindbancários, Sindicato dos Correios, DCE da PUC-RS, ewstudantes da UFRGS, Movimento Pula Roleta, PoA Protesta e Movimento de Proteção Indígena. O encontro foi convocado pelo Bloco de Luta em Defesa do Transporte Público, um dos principais grupos organizadores de protestos no Rio Grande do Sul e foi realizado das 18h às 21h. A reunião foi na sede do Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Processamento de Dados (Sindppd-RS), na Rua Washington Luís, centro da Capital. Segundo relatos colhidos por Zero Hora, todos participantes tiveram de se identificar e dizer os motivos pelos quais estavam ali. No momento da entrada, todos tinham de abrir bolsas e mochilas para provar que não carregavam gravadores. Em meio às discussões, foram feitas defesas veementes de depredações como forma justa de chamar atenção às demandas do grupo. Um dos participantes, que se disse estudante de Engenharia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), declarou:

– Nós vamos para a rua novamente. Se tiver de depredar prédio público, vamos depredar. Se tiver de incendiar ônibus, vamos fazer isso. Porque agora o Brasil acordou para combater esses políticos corruptos.

 . Para se manter na vanguarda conceitual do movimento, o Bloco de Luta decidiu que irá resgatar três antigas demandas, colocando-as no patamar de importância em que está a reivindicação pela redução da tarifa de ônibus para R$ 2,60.
Dentre as demandas, estão a qualificação da saúde pública, a destinação de 10% do produto interno bruto (PIB) para a Educação e de 2% do PIB para investimentos em políticas de transporte público.

Chile vai ao segundo turno neste domingo. A socialista Bachelet é a favorita.

Neste domingo, Bachelet, que obteve 46,67% dos votos no primeiro turno da eleição presidencial em novembro, contra 25,01% da ex-ministra de direita Evelyn Matthei, deverá bater um novo recorde e chegar mais uma vez à presidência — com metas mais ambiciosas.

Acompanhe o Promessômetro de Dilma

O Democratas (DEM) mantém um Promessômetro (medidor de cumprimento das promessas de Dilma). Ela cumpre muito pouca coisa do que promete.

CLIQUE AQUI para acompanhar.

Artigo, Eliane Cantanhêde - A cocaína de Lula

Neste artigo, "A cocaína de Lula", Eliane Cantanhêde acusa o que ela chama de "golpe baixo" de Lula, ao vincular o incidente com o helicóptero do senador Perrella, PDT, com Aécio Neves, tentando ligar o presidenciável tucano ao tráfico de cocaína. Na verdade, o golpe sujo e não golpe baixo de Lula, bem de acordo com seu estilo aético e criminoso de fazer política e administrar a coisa pública, também é acompanhado por militantes e dirigentes do PT, conforme dezenas de "denúncias" que o editor vem recebendo via e-mails e opiniões de leitores. Leia tudo:

BRASÍLIA - Lula não precisa e não deveria desferir golpes abaixo da cintura, até porque o PT já tem bom arsenal contra os tucanos nas eleições de 2014, atacando de Siemens, Alstom, trem, metrô, palavrinhas que marcam bem uma campanha.
Com sua alta popularidade, seu poder de comando no PT e seu status de ex-presidente, ele deveria pensar bem antes de falar e mais ainda antes de insinuar. Mas Lula foi buscar mensagem subliminar de profundo mau gosto contra adversários.
Os gritos ecoavam no salão cheio de jovens e militantes no congresso do PT: "Sou brasileiro e não me engano, a cocaína financia os tucanos".
O grande líder não apenas autorizou como potencializou, jogando gasolina na fogueira: "Se for comparar o emprego do Zé Dirceu no hotel com a quantidade de cocaína no helicóptero, pelo menos houve uma desproporcionalidade no assunto".
Era para ser mais um ataque à imprensa, tática surrada de Lula para levar as plateias petistas ao delírio, mas virou uma tentativa um tanto sórdida de criar e massificar um vínculo dos tucanos com cocaína.
A referência dos militantes --que até podem ser irresponsáveis-- e do seu líder --que não tem esse direito-- era à grande dose da droga encontrada no helicóptero da família do senador Zezé Perrella.
Perrella é ligado ao candidato tucano à Presidência, Aécio Neves, mas ele não é do PSDB, é do PDT. E, aliás, até sexta não havia algo que o comprometesse com a co- caína e muito menos um documento, uma declaração ou uma revelação envolvendo o tucano com as dro- gas do helicóptero.

CLIQUE AQUI para ler tudo.