Ex-ministro da Propaganda de Lula morreu de câncer em São Paulo

O ex-ministro Luiz Gushiken morreu no início da noite desta sexta-feira . Ele tinhas 63 anos. Gushikin morreuno Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, onde estava internado em estado grave por causa de um câncer.

. Ele foi ministro da Propaganda do primeiro governo Lula, foi envolvido no escândalo do Mensalão, mas, denunciado, foi absolvido. Durante toda esta semana, prevendo a morte iminente, começou a chamar seus companheiros de PT para se despedir. 

Fiasco na segunda rodada do Mais Médicos. Apenas 28,3% dos médicos brasileiros confirmaram adesão.

A segunda rodada de inscrições para o programa Mais Médicos foi encerrada nesta sexta-feira com a confirmação de apenas 400 médicos brasileiros. Ao todo, 1.414 haviam dado início ao processo de inscrições. No entanto, apenas 28,3% deles homologou sua participação após a divulgação das cidades para onde seriam alocados. De acordo com o Ministério da Saúde, a participação brasileira cobre apenas 2,4% da demanda nacional.

. As vagas remanescentes poderão ser preenchidas por médicos formados no exterior. De acordo com o Ministério da Saúde, até o momento apenas 410 médicos com diploma no exterior concluíram a inscrição — as vagas serão ocupadas primeiramente por brasileiros formados no exterior e, em seguida, por estrangeiros.


. A segunda rodada de inscrições foi aberta no dia 19 de agosto. Aderiram ao programa 4.025 municípios e 35 distritos indígenas, que apontaram a necessidade de 16.625 médicos atuando na atenção básica.

Escritório do ministro Barroso faturou R$ 2 milhões sem licitação

Desde o meio da tarde destas sexta-feira circulam nas redes sociais inúmeros contratos assinados entre repartições do governo do PT e o escritório do ministro do STF, Luis Roberto Barroso. 

. O minsitro foi quem abriu a discussão sobre a admissibilidade dos embargos infringentes e nem sequer se julgou impedido, mesmo sabendo que até pouco tempo atrás ganhou milhões em cima do governo comandado pelo Partido cujos dirigentes são julgados.

. Sobre o caso, postou est anoite o escritor Rodrigo Constantino no seu blog:


Então é isso: o escritório do ministro Luis Roberto Barroso ganhou, sem licitação, mais de R$ 2 milhões em agosto desse ano. Sério? Não acreditei. Fui checar no site do Diário Oficial da União. E está lá! É verdade mesmo. Não tem montagem, photoshop, nada disso!

Não faria acusações levianas, naturalmente. Claro que o escritório renomado e respeitado no mercado pode ter merecido tal montante por seus serviços prestados e tudo mais. Só fica aquela dúvida no ar. Puxa vida, coincidências existem. Mas que desempenho do “novato” no julgamento dos embargos infringentes, não é mesmo?

CLIQUE AQUI para consultar o portal. 
CLIQUE AQUI também.

Entrevista, Alexandre Schwartsman - O Brasil não vai crescer e terá inflação

O economista Alexandre Schwartsman concedeu a entrevista a seguir para a revista Problemas Brasileiros. Ele  lista os desafios do país na área econômica e aponta saídas.

Por: CARLOS JULIANO BARROS
Alexandre Schwartsman chega aos 50 anos de idade conhecido no mercado financeiro pelas críticas ácidas, recheadas do mais puro pensamento liberal, à política econômica conduzida pelo governo federal. Graduado em administração pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) e em economia pela Universidade de São Paulo (USP), e doutor pela Universidade da Califórnia, em Berkeley, Schwartsman já foi diretor de assuntos internacionais do Banco Central e atuou como economista-chefe dos bancos Santander e ABN Amro Real.
Professor do Instituto de Ensino e Pesquisa (Insper) e colunista dos jornais “Folha de S. Paulo” e “Valor Econômico”, esse paulistano que pedala pelo menos três vezes por semana na Cidade Universitária, zona oeste da capital, hoje em dia quase não encara livros de economia. Nos tempos livres, Schwartsman prefere dedicar-se à leitura de obras de biologia evolutiva e à literatura de Philip Roth – por sinal, um de seus projetos de vida é ler a obra completa do escritor americano. Nesta entrevista exclusiva concedida no sóbrio escritório de sua consultoria financeira, nas proximidades do Parque Villa-Lobos, em São Paulo, ele fala sobre os desafios da economia brasileira. “O Brasil não vai crescer e vai ter inflação”, profetiza.

Problemas Brasileiros – Alguns economistas dizem que o Brasil não cresce porque a política econômica do governo privilegia a demanda – a redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) para carros é o exemplo clássico – em detrimento da oferta. O senhor concorda com essa avaliação?
Alexandre Schwartsman – Acho que existe um erro de diagnóstico.

Capemisa assumirá áreas de previdência e capitalização da Aplub. Operação depende apenas de aprovação do Cade.

Ainda depende do Cade qualquer negociação que conduza a Capemisa a assumir as operações de capitalização e previdência da Aplub, neste caso, inclusive ativos e passivos.

. A Capemisa, que é carioca, é desdobramento da antiga Capemi (Caixa de Pecúlio dos Militares).

. A Aplub continuará no mercado brasileiro apenas com a sua Fundação Aplub. Há bastante tempo a sua diretoria considerava que seria vital para suas operações alcançar escala muito maior, o que ocorrerá com a incorporação dos seus negócios pela Capemisa, que é dez vezes maior.

. O editor falou nesta sexta-feira com o presidente da Aplub, Nelson Wedekin, que não quis falar sobre o assunto, alegando que tudo depende do Cade. 

Artigo, Josias Souza - Após dar um salto, o STF flerta com o descrédito

Josias, como Marco Aurélio, também recomenda a leitura de um livro para entender melhor este momento do julgamento. "A vincança da tecnologia", no entanto, é leitura recomendada para Celso de Mello, o último ministro que votará no caso.



O artigo de Josias Souza, publicado hoje no seu blog (veja link com a versão completa) faz uma análise consistente sobre o ato terrível que praticará o STF na semana que vem, ao livrar a cara dos líderes da organização criminosa do Mensalão. Escreve Josias: "O sujeito oculto da preocupação dos ministros é José Dirceu". A seguir, trechos editados (ao final, no link, a versão completa)

Em debates como esse, a entrelinha por vezes grita mais do que a linha. O que Gilmar e Marco Aurélio disseram –sem declarar explicitamente— foi que os últimos ministros enviados por Dilma Rousseff ao Supremo deram ao plenário uma fisionomia mais, digamos, simpática aos mensaleiros.

Para usar expressões caras ao recém-chegado Luís Roberto Barroso: um julgamento que ficou “fora da curva” pode agora ser puxado para dentro da curva. Gilmar deu nome e sobrenome ao problema: José Dirceu. “O pano de fundo é a afirmação de que houve exasperação de penas. E o exemplo citado é a pena de 2 anos e 9 meses aplicada a José Dirceu no crime de quadrilha.”
(...)
Afora o desafio ao bom senso, a aceitação dos embargos infringentes forçaria o STF a admiti-los em todas as outras ações penais que já tramitam nos seus escaninhos. Marco Aurélio injetou na sessão uma dose de realismo fantástico:
(...)
Dono do voto que irá definir a parada na próxima quarta-feira, Celso de Mello deveria trocar no final de semana os compêndios jurídicos por um bom livro. Chama-se “Why Things Bite Back”. O autor é Edward Tenner. Há uma boa tradução para o português (“A Vingança da Tecnologia”, editora Campus, 1997). Tem 474 páginas.

A parte que mais interessa às togas do Supremo vai da página 22 à 25. Conta a experiência do major John Paul Stapp. Médico e biofísico, Stapp foi selecionado pela Força Aérea dos EUA como cobaia de testes para medir a resistência humana a grandes acelerações. Desafiou a velocidade pilotando um trenó com propulsão de foguete.

CLIQUE AQUI para ler tudo.

Bier Markt e Bier Markt Vom Fass - 1° lugar de Veja em Porto Alegre
APROVEITE MELHOR SEU FIM DE TARDE
As trinta torneiras do Vom Fass e também as do Bier Markt, servem chopes de várias partes do mundo, todos à base exclusiva de lúpulo, cevada, malte e água. Nada de serpentinas. Barris são refrigerados na câmara fria que fica por trás do painel. De lá, vão para copos harmonizados, através de injeção de oxigênio e nitrogênio. Também cervejas artesanais de várias partes do mundo. Não há nada igual no Brasil.
Na Barão do Santo Ângelo 497 e na Castro Alves, 452.
WWW.BIERMARKT.COM.BR

O PIB, a análise simplória de Raul Pont, a influência de São Pedro e a verdadeira influência do desgoverno do RS

Não é por acaso que ele é o protetor da Província de São Pedro.



É divertidíssima a análise feita pelo presidente do PT, deputado Raul Pont, sobre os espetaculares avanços de 15,3% do PIB gaúcho do segundo trimestre. O deputado, o mais xiita dos petistas na Assembléia, líder da fração neotrotskista DS (Democracia Socialista) não aprendeu nada durante todo o seu curso de graduação na Faculdade de Ciências Econômicas da Ufrgs – e se entendeu é porque não explicaram direito o que era ensinado em aula.

. Eis a explicação simplória de Raul Pont para o avanço de 15,3% no segundo trimestre, que sequer teve o cuidado de sublinhar o caráter pontual do período tabulado:

- O Estado recupera um círculo virtuoso de crescimento, que pode até não se sustentar, mas deve se manter nos próximos anos se o RS continuar trazendo investimentos federais, investir com recursos próprios e conseguir financiamentos. É incorreto atribuir o crescimento do PIB unicamente à agruicuyltura. O PIB independe de chuva ou São Pedro.

. Nada mais falso.

. Se o que Raul Pont disse fosse verdadeiro, a recessão do ano passado no RS seria também resultado das ações dos governos federal e estadual. Governos estaduais até podem influenciar o desempenho do PIB, mas a longo prazo, caso não se dedicassem a quebrar o Estado e tivessem algum projeto de mudança do paradigma econômico do RS. O governo Tarso Genro não tem projeto desse tipo e já quebrou o Estado, conforme ele mesmo declarou ao dizer que não pode viver sem a mesada dos depósitos judiciais.

. A economia gaúcha é atrasada, depende visceralmente do que acontece no campo e o que acontece no campo depende carnalmente do clima. Afinal de contas, 45% do PIB resulta das atividades do agribusines.

. Bastaria ao deputado do PT examinar o avanço de cada uma  das contas da equação que formam o PIB,  para perceber o tamanho oceânico da sua desvairada análise:
Agropecuária – 111,7%
Indústria – 4,6%
Serviços – 3,4%

Cenários apresenta Ricardo Russowsky numa entrevista reveladora sobre a vitória na luta contra o Imposto de Fronteira

 Na entrevista a seguir, o presidente da Federasul, RS, Ricardo Russowsky, ao falar para o programa “Cenários”, IP TV de Leandro & Stormer, que vai abaixo na íntegra, disse que vai levar para outros Estados a notícia sobre a vitória desta quarta-feira na Assembléia, quando deputados de todos os Paridos – menos PT e PCdoB – acabaram com a cobrança da sobretaxa de 5% de ICMS nas compras de produtos e insumos de outros Estados.

. “É a primeira vez que no RS se acaba com um imposto”, afirmou Ricardo Russowsky. Eis o que ele disse ao editor:
O governo foi inflexível e não admitiu revisar o chamado Imposto de Fronteira. Vocês apelaram ao Legislativo, mesmo sabendo que a oposição tem apenas 23 dos 55 deputados. O que houve? 
Quando a reivindicação é justa e é passível de atendimento, fica difícil enxergar oposição e situação, porque o interesse é de todos. Só entre empresas optantes do Simples são 200 mil. Multiplique isto por funcionários e familiares e perceba o tamanho do embrulho.

Mas o governo não quis ceder? 
Negociamos durante dois anos. A Assembléia foi a última cartada. O decreto legislativo acabará com a sobretaxa. Criamos um precedente para novas lutas por redução da carga tributária. 

E? Sabemos que o governo recorrerá ao Judiciário ou emitirá um novo decreto, mas contrariará os interesses de milhares de gaúchos, e isto para garantir menos de 1% da sua arrecadação. Nós não desistiremos. 

Faz isto por maldade? Claro que não. O governo, qualquer governo no RS, sempre vive dificuldades financeiras, mas nós também temos dificuldades e menos armas para enfrenta-las. 

CLIQUE no vídeo a seguir para ver e ouvir toda a entrevista. Os entrevistadores são o editor e o analista financeiro Stormer, de Leandro & Stormer. O programa “Cenários” permanecerá uma semana disponibilizado neste site, no site www.leandrostormer.com.br e no canal corporativo youtube.com/leandrostormer.com

Semana que vem Fortunati demitirá 10% dos seus CCs. Veja, aqui, nova lista dos CCs e seus padrinhos.

A partir da semana que vem o prefeito José Fortunati começará a demitir 10% dos ocupantes de CCs, cargos em comissão, dentro da sua política de redução de custos com a máquina pública de Porto Alegre.

. Até o final do ano, a prefeitura quer economizar R$ 300 milhões.

. Cada Partido da base entregará o número equivalente de cabeças.

. Até o dia 20, o prefeito protocolará na Câmara um projeto extinguindo os cargos.

CLIQUE AQUI para examinar nova lista, a terceira de quatro, com os nomes dos ocupantes de CCs na prefeitura de Porto Alegre. A novidade da lista é o ranking dos padrinhos de cada um. Esta publicação é exclusiva. Ela poderá revelar mais detalhes no decorrer da CPi da Procempa, onde existe material mais abundante sobre os cargos de livre nomeação, que incluem ocupantes com graus de parentesco de todos os níveis com líderes da base aliada de Fortunati. A enorme quantidade de CCs indicados pelos Partidos e por Fortunati, mascara nomes de padrinhos ocultos.

Dilma virá segunda ao RS. Ela entregará a P-55 e assinará o contrato da P-75.

Está confirmada a vinda a Rio Grande da presidente Dilma Rousseff, segunda-feira. Ela baterá a quilha da plataforma petrolífera P-55, US$ 1,8 bilhão de dólares. O Pólo Naval está com dificuldade para absorver os trabalhadores da Quip que resultarão desempregados a partir da entrega.

. Dilma também assinará o contrato para a construção da nova plataforma, a P-75, mas desistiu de tocar adiante a P-77, pelo menos neste momento. O contrato da P-77 estava confirmado até uma semana atrás. 

Polícia Legislativa aponta fraude na votação da nova Lei dos Royalties. Lei promulgada por Dilma será anulada. Sairá nova votação.

A repórter Carolina Gonçalves, a Agência Brasil, informou esta tarde que a Mesa da Câmara dos Deputados confirmou que houve fraude na votação dos vetos da presidenta Dilma Rousseff à lei de distribuição dos royalties do petróleo. Leia tudo:

. A denúncia inicial  foi publicada pelo site Congresso em Foco. Inquérito da Polícia Legislativa constatou que a assinatura do deputado Jorje Oliveira, o Zoinho (PR-RJ), é falsa. O nome do parlamentar estava na relação dos votantes, mas Zoinho estava em viagem no momento da votação. A ausência foi confirmada com o cartão de embarque apresentado pelo deputado.

. Não há indícios de quem teria falsificado a assinatura do parlamentar. O inquérito foi encaminhado para o Ministério Público Federal (MPF), que decidirá sobre o encaminhamento do caso.

. Como a fraude ocorreu em uma sessão do Congresso Nacional, a expectativa é que o presidente senador Renan Calheiros (PMDB-AL) se pronuncie sobre o inquérito e sobre a decisão de cancelar ou manter o resultado da votação.

Anthony Garotinho, que passou a denúncia para o site, explicou o que apanhou no caminho:

- Quando peguei a lista de votantes vi que havia sido registrada a presença do deputado Zoinho. Quando fiz a representação ao presidente do Congresso, Renan Calheiros (PMDB-AL), anexei a assinatura do Zoinho original e a que foi fraudada no lugar dele. Não tinha dúvida de que era fraude.

TV Globo deixa-se seduzir pelo PT e faz merchandising do "Mais Médicos" na sua novela "Amor à Vida". Paloma vira médica do "Mais".

CLIQUE AQUI para assistir a cena.
A Globo nem imagina que poderá acabar como acabou a Globovisión na Venezuela, "vendida" 
pelos ex-proprietários para empresários bolivarianos, com o apoio
do STF bolivariano de Caracas. 

Não é só com a ditadura militar que a Rede Globo, dos três irmãos Marinho, está ajustando suas contas, informa hoje o site www.brasil247.com.br. Leia tudo:

Também em relação ao programa Mais Médicos, que obteve em pesquisa recente apoio de 73% da população, a emissora de maior audiência do País procura uma melhor sintonia com o público. Para tanto, dobrou a pena do autor Walcyr Carrasco e usou sua principal novela, Amor à Vida, que tem na médica Paloma a sua principal personagem, para mostrar essa nova face ao público.

Ela que só atuara, dentro da novela, na clínica chic de sua família, decide romper com a elite para ir para o bairro, montar um consultório para atender crianças carentes, planos de saúde mais simples e até deixar de cobrar consultas dos ainda mais necessitados.

Embebida pelo som de violinos ao fundo, a cena teve, em seu auge, o seguinte bloco de texto, com a repetição da palavra mais por seis vezes:

Paloma: Tô cansada, tô cansada desse mundo onde eu fui criada (...). Eu vou morar no seu apartamanto. MAIS que isso. Eu quero trabalhar de um jeito diferente. Eu quero abrir um consultório, lá perto de onde a gente vai morar, lá no seu bairro. Quero. Quero tratar das minhas crianças, quero tratar das crianças MAIS carentes, que de repente não têm dinheiro para pagar as minhas consultas. Quero atender planos MAIS baratos, MAIS simples. Eu não quero ficar atentendo só no São .... E se alguma criança mesmo assim ainda não puder pagar, eu não vou cobrar, não quero cobrar.

CLIQUE AQUI para examinar os quadros com a cena completa.

Banco do Brasil é envolvido em nova patifaria no governo Dilma. Desta vez os malfeitos são na Fundação BB. Dinheiro desviado ia para o PT.

Dinheiro da Fundação Banco do Brasil ajuda a manter até as ONGs de Capilé, ao lado com Dilma. Há recursos até para manter bebê de nove meses. O caso ajuda a entender por que movimentos como Mídia Ninja fazem defesa obliqua do governo. CLIQUE AQUI para ler.

Apenas seis dias depois de reportagem da revista Época ter denunciado desvio de recursos para beneficiar entidades ligadas ao Partido dos Trabalhadores (PT), o presidente da Fundação Banco do Brasil, Jorge Alfredo Streit, e o diretor-executivo de Desenvolvimento Social, Éder Melo, entregaram os cargos. A decisão foi tomada depois de eles pedirem aposentadoria do banco, que vai lhes garantir um salário de R$ 25 mil, além de ingressar no programa de ajuda a ex-executivos, o que significa receber cerca de R$ 1 milhão cada. Ambos eram homens de Jacques Pena, ex-presidente do Banco de Brasília e também um dos coordenadores da campanha de Dilma. No RS, Jacques Pena beneficiou seu cunhado, o prefeito de Canoas, Jairo Jorge, patrocinando projetos locais. Jairo Jorge confirmou o parentesco, mas negou que tenha recebido favores. O caso é que a Fundação, patrolada por Pena, até recentemente trabalhou para transferir de São Leopoldo para Canoas uma usina trituradora de lixo. O PT perdeu as eleições do ano passado em São Leopoldo e não se conforma. 

Os dois estão sendo investigados pela Delegacia de Combate ao Crime Organizado (Deco) do Distrito Federal, que apreendeu documentos e computadores na sede da fundação, em Brasília.

. De acordo com o depoimento, a Fundação Banco do Brasil, vinculada ao Ministério da Fazenda e sob controle político dos petistas, firmou convênios frios de R$ 36 milhões com organizações não governamentais (ONGs) ligadas ao partido e a familiares de seus dirigentes, cujos valores foram desviados. As investigações, no entanto, não se limitam à gestão de Jorge Streit, que estava no cargo até ontem. As suspeitas se iniciaram em contratos e convênios firmados ainda na gestão de Jacques Pena, também do PT e ex-presidente do Banco de Brasília (BRB), controlado pelo governo do Distrito Federal, do PT. Pena foi quem indicou Éder Melo, para o cargo de diretor-executivo de Desenvolvimento Social da fundação.

. Os recursos que alimentam a fundação são oriundos do Banco do Brasil e do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), e deverian ser aplicados no apoio a projetos na área de desenvolvimento sustentável de comunidades pobres.

Bier Markt e Bier Markt Vom Fass - 1° lugar de Veja em Porto Alegre
APROVEITE MELHOR SEU FIM DE TARDE
As trinta torneiras do Vom Fass e também as do Bier Markt, servem chopes de várias partes do mundo, todos à base exclusiva de lúpulo, cevada, malte e água. Nada de serpentinas. Barris são refrigerados na câmara fria que fica por trás do painel. De lá, vão para copos harmonizados, através de injeção de oxigênio e nitrogênio. Também cervejas artesanais de várias partes do mundo. Não há nada igual no Brasil.
Na Barão do Santo Ângelo 497 e na Castro Alves, 452.
WWW.BIERMARKT.COM.BR

Dica de livro - O inverno da nossa desesperança

Autor - John Steinbeck
Editora L&PM
R$ 19,50


Este livro foi indicado publicamente, quinta a tarde, pelo ministro Marco Aurélio Mello, referindo-se ao desalento que se abaterá sobre a sociedade brasileira a partir da pizza que o STF prepara para o julgamento do Mensalão, como se previa desde o início. Saiba do que trata o romance:
Um ano depois de lançar 'O inverno da nossa desesperança', John Steinck foi agraciado com o prêmio Nobel de Literatura em 1962. O reconhecimento da obra se deveu, em grande parte, ao trabalho apurado do escritor na construção dos personagens do livro. O eixo da história é a família Hawley, composta por Ethan, sua esposa (Mary) e seus filhos adolescentes (Allen e Ellen), que moram na fictícia cidade de New Bayton, na Nova Inglaterra O livro descreve a deterioração da vida de Ethan que, ao denunciar o seu empregador - ilegal no país - ao serviço de imigração, acaba ficando com o mercado. O tom de desencanto da obra é pontuado pelo seu título, que faz referência à primeira frase da peça Ricardo III, de William Shakespeare, 'O inverno da nossa desesperança (...)'. Steinbeck utiliza essa referência para acentuar o conflito interno em que Ethan se encontra, de infringir a sua moral para alcançar prestígio e a admiração da família.

Médicos-escravos cubanos farão últimas avaliações esta tarde. Todos serão aprovados, mesmo os que rodarem nos testes.

Os 78 aí ao lado participam da farsa na Escola Pública do Ceará. 



Os médicos-escravos cubanos e os profissionais formados no exterior, nesta sexta-feira, último dia do ciclo, os profissionais se submetem à segunda e última avaliação.  Os exames são apenas farsas para passar para a opinião pública de que gente incapaz lidará com ela. Nenhum dos embusteiros fará o Revalida, exigência legal para médico estrangeiro trabalhar no Brasil. 

. Passando ou rodando, todos serão aproveitados. Ninguém voltará para Cuba.
- Os que tiverem média superior a cinco serão automaticamente aprovados.
- Aqueles que alcançarem cinco pontos exatos poderão receber um acréscimo na nota por participação em classe.
- Mesmo se o bônus não for concedido, os alunos passarão por um reforço nas cidades e por uma nova avaliação.

Saiba como os governos do PT devoram seus aliados. Lupi promete reagir no caso Manoel Dias.

O PDT demora para compreender que os governos do PT – RS e Brasil – costumam usar manobras políticas e até a sua polícia para devorar os aliados.

. Foi o que fez Olívio Dutra com o PDT no RS, ao levar o filho do desafeto Brizola para a presidência da Lotergs, de onde acabou saindo depois de denunciar corrupção promovida na área pelo PT.

. E o que repetiu Tarso Genro logo no início do seu governo, ao mandar sua polícia invadir e devassar a prefeitura do seu aliado, o prefeito de Osório, Romildo Bolzan, presidente estadual do PDT, tudo no âmbito da Operação Cartola.

. O caso repete-se desde o início do governo Dilma Roussef no ministério do Trabalho, de onde o PT carbonizou os ministros Carlos Lupi e Brizola Neto, preparando-se para fazer o mesmo com Manoel Dias, investigado agora pela Polícia Federal, que já prendeu assessores diretos do gabinete do ministro.Manoel Dias conseguiu falar com Dilma nesta quinta-feira. Audiências semelhantes funcionaram como uma cerimônia do adeus. 

. O jornalista Lauro Jardim, na sua coluna Radar de hoje, avisa que Carlos Lupi, presidente nacional do PDT, não vai engolir a nova razzia petista:

- Carlos Lupi não engoliu a operação da Polícia Federal que desvendou na semana passada mais um festival de falcatruas em seu feudo no Ministério do Trabalho. Para correligionários, classificou a ação da PF como “deslealdade do PT”. Apoiar Dilma Rousseff em 2014 vai sair mais caro. 

Prévia do PIB indica forte queda do PIB em julho. Recuo é calculado em 0,33%.

Número divulgado pelo Banco Central mostra que o terceiro trimestre começa mal, como esperado por economistas. IBC-Br, considerado um antecipador do PIB, indica retração na atividade econômica. PIB pode ser negativo no 3º trimestre

A atividade econômica brasileira começou o terceiro trimestre do ano em retração, indica o Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br), divulgado nesta sexta-feira. Considerado uma prévia do Produto Interno Bruto (PIB), o indicador registrou queda de 0,33% em julho ante junho, de acordo com dados dessazonalizados. Em junho, o IBC-Br apresentou alta de 1,03% em relação a maio - o dado anterior, revisado nesta sexta, apontava alta de 1,13%. O resultado de julho do IBC-Br denota um mau começo de um trimestre em que o mercado financeiro espera resultados pouco animadores - com direito a projeções de PIB negativo. Segundo analistas, uma possível contração da economia entre julho e setembro será reflexo da queda nos índices de confiança de consumidores e empresários, desempenho pior da indústria em razão de níveis mais elevados dos estoques e do impacto da recente alta na taxa de juros. No segundo trimestre o PIB registrou expansão de 1,5% no segundo trimestre deste ano.

. O indicador registrou ainda alta de 2,6% na comparação a julho do ano passado. No acumulado do ano, o IBC-Br teve expansão de 3,1% e, no acumulado dos últimos doze meses, de 2,3%.

. O último Boletim Focus, divulgado na última segunda-feira, trabalhando em cima de informações de economistas ouvidos pelo BC, revela que a economia brasileira terá expansão de 2,35% neste ano, ante expectativa de 2,32% na pesquisa anterior.

Bancários gaúchos entrarão em greve geral no dia 19

25 mil bancários gaúchos entrarão em greve a partir do dia 19. Eles querem reajuste salarial de 11,93%. 34 dos 38 sindicatos do interior gaúcho já aprovaram a greve.

PDT decidiu devolver o ministério do Trabalho, que se tornou "carcomido pela corrupção"

O PDT deve entregar o Ministério do Trabalho à presidente Dilma Roussef, pela absoluta impossibilidade de administrá-lo. Segundo revela a liderança do Partido, o Ministério do Trabalho está "carcomido pela corrupção", e o PDT não quer mais carregar consigo essa "herança maldita". Mar de lama inunda os porões do governo Dilma. 

. A decisão de saida do Ministro Manoel Dias já está tomada e será comunicada na próxima semana ao Planalto. A decisão não está mais com o presidente do Partido, mas com o líder na Câmara, deputado André Figueiredo.

. Nada contra Manoel Dias, mas o ministério se tornou ingovernável. Os ratos tomaram conta de tudo.

. Enio Bacci avisa que não está só. Vieira e Cherini, também do RS, endossam seu discurso, mesmo ainda não reconhecendo publicamente.

23 dos 26 deputados do PDT querem que o Partido devolva o ministério do Trabalho e saia do governo Dilma

O deputado gaúcho Enio Bacci decidiu formalizar o pedido de 23 dos 26 deputados Federais do PDT, inclusive seus colegas Vieira da cunha e Giovani Cherini, para que o ministro do Trabalho, Manoel Dias, entregue o cargo e devolva o ministério para a presidente Dilma Roussef.

. Enio Bacci falou da tribuna da Câmara.

. O ministério do Trabalho é objeto de nova investigação policial e assessores diretos do ministro foram parar na cadeia, tudo em função de roubalheiras calculadas em R$ 400 milhões.

. É o mais novo escândalo do governo Dilma Rousseff.

. O PDT indicou três ministros do Trabalho e os dois primeiros caíram em meio a forte tiroteio da própria bancada federal. 

Bier Markt e Bier Markt Vom Fass - 1° lugar de Veja em Porto Alegre
APROVEITE MELHOR SEU FIM DE TARDE
As trinta torneiras do Vom Fass e também as do Bier Markt, servem chopes de várias partes do mundo, todos à base exclusiva de lúpulo, cevada, malte e água. Nada de serpentinas. Barris são refrigerados na câmara fria que fica por trás do painel. De lá, vão para copos harmonizados, através de injeção de oxigênio e nitrogênio. Também cervejas artesanais de várias partes do mundo. Não há nada igual no Brasil.
Na Barão do Santo Ângelo 497 e na Castro Alves, 452.
WWW.BIERMARKT.COM.BR

Diretores Financeiros reduzem drasticamente o otimismo em relação ao futuro da economia do Brasil

O jornal O Estado de S. Paulo desta sexta-feira avisa que o otimismo dos executivos brasileiros em relação ao futuro da economia chegou ao nível mais baixo desde o terceiro trimestre do ano passado, quando teve início a pesquisa Panorama Global de Negócios. 

. Na escala de 0 a 100, o otimismo ficou em 54,7, abaixo do verificado no segundo trimestre (61,4). O estudo foi conduzido pela Fundação Getulio Vargas (FGV), Duke University e CFO Magazine. O levantamento consultou 1.212 diretores financeiros (CFOs) de todo mundo, sendo 246 da América Latina, e 90 brasileiros.
              
. O resultado deixou o Brasil abaixo da maioria dos países da América Latina, da Europa e dos Estados Unidos. “Essa pesquisa costuma antecipar o que vem pela frente. Eu não ficaria surpreso se a performance nesse trimestre for pior do que a esperada a julgar pela queda acentuada do índice”, afirma Antonio Gledson de Carvalho da FGV.
              
- Índice até 100. Peru 67 / México 67 / Colômbia 65 / Chile 62 / EUA 58,2 / UE 55 / Brasil 54,7 / Ásia 54,3 / África 52,8 / Venezuela 45 / Argentina 43.

OAB reage aos queixumes de Tarso: "Depósito judicial é dinheiro dos cidadãos. O governo não pode pegar o que não é seu".

No Conselhão do Tarso, Porto Alegre, esta semana, depois de ouvir o governador queixando-se da desordem financeira que ele mesmo produziu no Tesouro do Estado, ao justificar o assalto sobre os cofres públicos mediante confisco de R$ 4,5 bilhões dos depósitos judiciais, sem dizer no que vai gastar e se vai devolver os valores:

Presidente da OAB do RS, diante de todos os membros do Conselhão:
- Os depósitos judiciais pertencem aos cidadãos. O presidente da OAB/RS sustentou a necessidade da suspensão das Leis Estaduais 12.069/2004 e 12.585/2006, que permitiram o saque de R$ 4,5 bilhões da conta dos depósitos judiciais para o caixa único do Estado. "São recursos de propriedade privada sob tutela do Judiciário. .

CPI dos Pelados será instalada segunda-feira, 9h30min, na Câmara de Porto Alegre

Ao lado, Reginaldo Pujol.



Será segunda-feira, 9h30min, Câmara de Vereadores de Porto Alegre, a instalação da CPI dos Pelados. A CPI apurará responsabilidades no episódio de invasão, ocupação e vandalização das instalações do Legislativo, inclusive a cassação branca dos mandatos dos vereadores da base governista.

. A agressão física contou com o apoio político e logístico das bancadas do PSOL, PT e PCdoB, que responderão eticamente pelo que fizeram.

. Existe amplo material probatório e testemunhal sobre as violências, o que inclui vídeos sobre o episódio de espancamento do presidente da Câmara, dr. Thiago.

. O presidente da CPI será Reginaldo Pujol, do DEM. A relatoria poderá ir para o vereador Márcio Bins Ely, PDT. Nas redes sociais, PSOL e PCdoB anunciaram que seus vereadores não participarão da CPI, embora os dois Partidos tenham indicado representantes.Reginaldo Pujol terá reunião com o presidente da Câmara, esta tarde, para tratar da rota que seguirá a partir de segunda-feira.