Líder do DEM anuncia: "Dilma é a Rainha do Pibinho"

Ao lado, a Rainha do Pibinho em todo o seu esplendor malévolo como Rainha de Copas. 



Líder do DEM na Câmara, o deputado Mendonça Filho (PE) comentou em tom irônico o Pibinho de 0,2% do primeiro trimestre, anunciado hoje pelo IBG:

- Dilma é a Rainha do Pibinho.

. O deputado fez a classificação ao comentar o resultado do PIB no primeiro trimestre de 2014, um crescimento de 0,2% em relação ao quarto trimestre do ano passado

. Advertiu o deputado do DEM:


- Está aí mais um prenúncio de que 2014 será outro ano perdido para a economia brasileira, o que consolida a presidente como a rainha do 'Pibinho' e da estagnação.

Vá esta noite com seus amigos. 5 anos seguidos 1o Prêmio de Veja na categoria. No Von Fass,
são 32 torneiras de chopes de preparação 
artesanal, com marcas de várias partes do globo.

Aécio e Campos reagem ao Pibinho da Dilma: "Um fiasco inaceitável !"

Presidenciável pelo PSB, Eduardo Campos classificou como "lamentável" o crescimento de 0,2% no primeiro trimestre do ano e afirmou que a economia brasileira só vai melhorar "quando houver a mudança política que o País espera".

. O Instituto Teotonio Vilela, do PSDB, que reflete as posições de Aécio Neves, diz que crescimento divulgado hoje pelo IBGE foi "mais um pibinho de Dilma". E avisou:

- O resultado, um fiasco por si, torna-se ainda pior quando visto nos detalhes.

Em 14 dias, refinaria deu contratos de R$ 250 milhões sem licitação a empreiteiras

Em ampla reportagem assinada pelos repórteres André Borges e Fábio Brandt, o jornal Valor revela que descobriu que o conselho de administração da refinaria Abreu e Lima, Petrobrás, em construção infindável em Pernambuco, aprovou, em apenas 14 dias, dois contratos que somam quase R$ 250 milhões, sem passar por licitação ou mesmo pelo atalho dos "convites", que costuma ser trilhado pela Petrobras em suas contratações. As transações ocorreram às vésperas de o conselho ser encerrado pela estatal, no fim de 2013.

. A refinaria foi imaginada pelo governo Lula, que se associou ao líder bolivariano Hugo Chavez, que entraria na sociedade com a PDVSA, a Petrobrás da Venezuela, mas que só deu calotes. A refinaria poderá custar R$ 40 bilhões para a Petrobrás, que acabou assumindo a obra sozinha. O valor é R$ 36 bilhões superior ao estimado inicialmente. 

. Leia tudo. Trata-se de um novo escândalo na conta do ex-diretor Paulo Costa, que foi solto por ordem do ministro Teori Zavascki, cuja decisão até hoje ele não explicou.

No dia 5 de novembro, o conselho marcou uma reunião para avaliar duas propostas singulares de contrato. Não haveria licitação. Seriam negócios diretos. Naquele dia, foram aprovados os "processos de negociação" com as construtoras Galvão Engenharia e Queiroz Galvão. Os processos se dariam rapidamente, conforme apurou o Valor. Apenas duas semanas depois, no dia 19 de novembro, o conselho já sacramentava os contratos. Àquela altura, faltava menos de um mês para que o conselho da refinaria deixasse de existir, já que Abreu e Lima - que funcionava como uma empresa à parte da Petrobras - seria totalmente absorvida pela estatal.A Galvão Engenharia assinou um contrato de R$ 169,900 milhões com a refinaria da Petrobras, para fazer intervenções comuns ao dia a dia de grandes empresas do ramo da construção pesada: serviços complementares de pavimentação, iluminação e drenagem, em um prazo de 486 dias corridos. Com a construtora Queiroz Galvão, foi firmado um contrato de R$ 78,850 milhões, para execução de "serviços complementares para recomposição de taludes (contenção de aterros) com problemas de solo" e construção de "diques das bacias dos tanques" de combustível, trabalho a ser feito em 270 dias.Nesta semana, a presidente da Petrobras, Graça Foster, disse que uma estrutura complexa avalia os contratos e aditivos de Abreu e Lima. Foi uma reação às declarações do ex-presidente da Petrobras, José Sérgio Gabrielli, que chegou a dizer que a diretoria não analisava as decisões do conselho da refinaria. Depois, Gabrielli se retratou. Ao falar de normas da Petrobras, Graça disse que os critérios de avaliação, que incluem até criação de comissões, fazem com que as transações levem meses para serem liberadas. "Mesmo o aditivo de pequeno valor, menores que R$ 5 milhões, aditivos iguais ou menores que R$ 30 milhões, precisam ser avaliados, existe um procedimento para isso e são criadas comissões", declarou Graça, em seu depoimento à Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Petrobras no Senado. "Então, são várias instâncias, várias instâncias. Eles levam meses para caracterizarem um pagamento, passam por vários filtros, não é trivial, não é simples."

. O conselho de Abreu e Lima funcionou entre abril de 2008 e dezembro de 2013. Nos primeiros quatro anos, foi presidido pelo ex-diretor da área de abastecimento da Petrobras, Paulo Roberto Costa, que até a semana passada estava preso pela Polícia Federal, por suspeitas de integrar um esquema bilionário de lavagem de dinheiro com o doleiro Alberto Youssef.

CLIQUE AQUI para mais escândalos. 

Nível de emprego continua aquecido na construção civil do RS e do Brasil

Segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados – CAGED – divulgados pelo Ministério do Trabalho e Emprego – MTE, o setor da construção civil do país registrou crescimento de 0,14% no saldo líquido de contratações formais no mês de abril de 2014, o que corresponde  à criação de 4.317 postos de trabalho no mês. 

. No Rio Grande do Sul, o nível de emprego no setor em abril apresentou acréscimo de 0,58% em relação ao estoque do mês de março de 2014, com a criação de 933 novas vagas de trabalho.
         
. No ano de 2014, o nível de emprego no setor registrou uma variação de 2,42% no Brasil (resultando em um acumulado de 75.725 vagas) e no Rio Grande do Sul houve um crescimento de 5,03%, com a geração líquida de 7.723 vagas no período. Neste quadrimestre a geração de vagas no país é 37,42% inferior a igual período de 2013, quando foram geradas 121.013 vagas. Já no Estado não houve alteração quando comparado ao ano de 2013 (7.700).No período de maio/2013 a abril/2014, o nível de emprego no setor registrou uma variação de 1,17% no Brasil, resultando em um acumulado de 36.881 novas vagas em relação ao período anterior (maio/2012 a abril/2013). No RS houve um crescimento de 4,03% no número de postos de trabalho, com a geração líquida de 6.245 vagas no período.

Ana Amélia não pedirá licença para disputar eleições de outubro no RS

A senadora Ana Amélia Lemos não se afastará dos encargos parlamentares para disputar as eleições do RS. Isto significa que seu suplente, o tucano José Alberto Wenzel, ex-prefeito de Santa Cruz do Sul, terá que esperar pela eleição para assumir a vaga.

. Neste final de semana, a senadora cumpre roteiro de viagens por Minas e Goiás, retribuindo visita que recebeu dos governadores dos dois Estados por ocasião do anúncio da coligação PSDB-PP-SDD em Porto Alegre. 

Vá esta noite com seus amigos. 5 anos seguidos 1o Prêmio de Veja na categoria. No Von Fass,
são 32 torneiras de chopes de preparação 
artesanal, com marcas de várias partes do globo.

Padilha, SP, perde o pudor e leva o PT a beijar a mão de Maluf

Ex-ministro da Saúde de Dilma, Alexandre Padilhar, candidato do PT ao governo de SP,  recebe o apoio de Paulo Maluf e diz que aliança com PP "será maior que o Corcovado".

. Paulo Maluf é considerado um dos políticos mais corruptos da história brasileira, desde que foi nomeado prefeito e governador de SP pela ditadura militar e disputou por via indireta com Tancredo Neves. O verbo malufar, inventado pelo PT, sempre foi considerado a expressão do mal pelo Partido dos Trabalhadores.

. Para apoiar Padilha, Maluf exigiu que ele fosse beijar-lhe a mão. 

. A aliança renderá a Alexandre Padilha mais um minuto no horário eleitoral, mas a questão é: chegada do ex-governador pode solucionar problemas em série das últimas semanas? Após sofrer com caso Labogen, o ex-ministro agora administra pedido de multa de R$ 750 mil sobre a caravana Horizonte Paulista, feito por procurador eleitoral. A acusação é de campanha antecipada. O ônibus usado ilegalmente por Padilha pode ser proibido de trafegar. 

Estudo de caso, José Gobbo Ferreira - Dez Anos de PT e a Desconstrução do Brasil

O trabalho de 108 páginas que vai no link a seguir, intitulado “Dez Anos de PT e a Desconstrução do Brasil”, é um denso estudo, com gráficos e tabelas, que demonstra de que modo os governos Lula e Dilma Roussef desconstroem os fundamentos da política de estabilização e crescimento sustentada implementada pelo ex-presidente FHC, o Plano Real.

. A economia brasileira segue em marcha batida para o precipício da estagnação econômica e da inflação descontrolada, dragões que durante décadas infernizaram a vida dos brasileiros.

. O autor, José Gobbo Ferreira, possui um currículo extraordinário no exterior e no Brasil, que vai todo detalhado logo na abertura do trabalho.

. Vale a pena ler, estudar e passar adiante.

CLIQUE AQUI para baixar tudo e ler. O editor aconselha imprimir e estudar em casa, aos poucos. Baixar o arquivo pode demorar, porque ele é pesado. 


Artigo, Jorge Santini - Quem é vira-lata de verdade ?


Mais uma vez o governo brasileiro mostra o quanto de baixa autoestima possui. É o famoso complexo de vira-lata, abaixando a cabeça, sentindo-se inferior. Não que não o sejamos em termos de inovação e tecnologia, visto que a participação do agronegócio no PIB está cada vez maior podemos observar em que classe do mundo dos negócios estamos. Mas, a última cartada para mostrar o quanto o governo é incompetente foi o registro de 180 marcas da FIFA feito em tempo recorde.

Enquanto isto, os empresários amargam em média 5 anos para terem seus registros.

Até a marca “pagode” a FIFA conseguiu registrar.

Como disse a dona do Magazine Luiza quem não estiver satisfeito que venda seu negócio e vá embora do país. Muito fácil para quem adquiriu uma cadeia de lojas e aproveitou a amortização do ágio, além de receber dinheiro a custo baixo, o qual estamos pagando via Tesouro Nacional (o Tesouro empresta ao BNDES a taxas subsidiadas). Dá-lhe Gerdaus, Marcopolos, CSNs, Delfins Netos, Lulas, Malufs, Josés Dirceus, Collors e toda a escumalha.

Ano que vem, quem estiver vivo verá a classe média esborrachada. Os empresários, por outro lado, com a famosa bolsa-empresário (BNDES) venderão seus caminhões, ônibus, aço. (afinal, como disse ano passado em palestra na CIC/Caxias um representante do City Bank, estamos num país em que o dr. Gerdau liga para a presidente solicitando aumento dos impostos dos carros importados para que sua empresa possa vender mais aço para as montadoras brasileiras( para o próprio governo).

Vá esta noite com seus amigos. 5 anos seguidos 1o Prêmio de Veja na categoria. No Von Fass,
são 32 torneiras de chopes de preparação 
artesanal, com marcas de várias partes do globo.

Entenda melhor o que faz a Universidade Corporativa Scalzilli, a Unic

Fabrício Scalzilli, o titular da banca Sclazilli fmv Advogados & Associados.


O conceito de universidade corporativa, no qual as empresas investem na formação de colaboradores e associados com foco específico no seu negócio,  vem se fortalecendo no RS e abrangendo diferentes setores. A banca Scalzilli.fmv Advogados & Associados, representada por advogados nas mais diferentes áreas do direito empresarial, lançou em 2013 a Universidade Corporativa Scalzilli (UNIC), inicialmente voltada para as lideranças da empresa. Em 2014, a UNIC foi ampliada de forma a oferecer formação para todos os colaboradores e associados da empresa com o lançamento dos Programas Adiciona Scalzilli, focado na integração de novos colaboradores com treinamentos internos, Programa Qualificar em parceria com a ADVB que prevê o desenvolvimento de competências e o Programa de Desenvolvimento de Líderes em Parceria com a Laboral Consultoria que busca a atuação estratégica da liderança. Serão mais de 50 horas de treinamento e desenvolvimento.

. As aulas agregarão ao conhecimento jurídico questões como liderança, motivação e orientação para resultados.

. A UNIC tem como objetivo desenvolver competências, disseminar boas práticas e formar pessoas com a cultura Scalzilli.fmv. “Trabalhamos com o conceito de gestão de pessoas com foco nos resultados, pois através do treinamento e do desenvolvimento potencializamos os talentos que temos na empresa e contribuímos na formação profissional de nossos colaboradores e associados”, afirma Maiara Alves, gestora Administrativa e de RH da empresa.


. A Scalzilli tomou esta decisão por entender que todos os seus profissionais devem estar preparados para conviver em uma empresa de negócios jurídicos que lida diariamente com empresários acostumados com um ambiente corporativo. “Esse tipo de aprendizado não é ensinado na  universidade”, destaca a gestora jurídica da Scalzilli, Cristina Rosenbaum.

22ª Fenadoce: de 04 a 22 de junho de 2014, em Pelotas-RS

Está tudo pronto para a 22ª Fenadoce: de 04 a 22 de junho de 2014, em Pelotas-RS

Prefeitura afirma que viaduto da Beira-Rio está 95% pronto em Porto Alegre

Será a primeira e uma das duas grandes obras de mobilidade urbana do pacote de 14 que inicialmente o prefeito José Fortunati prometeu para a Copa.

. A segunda é a do viaduto do eixo da Rodoviária, que ficará pronta durante o período dos jogos, mas não antes.

. Todo o restante falhou. 

. A administração municipal já marcou várias datas para entregar o viaduto da Beira Rio, a obra de mobilidade da Copa, mas o último prazo, hoje, não será cumprido, como se vê pela foto do iPhone do editor, esta tarde. 

Irmão de deputado petista acusado de se reunir com PCC é acusado por fraude em SP

Irmão do deputado que se reuniu com PCC é também do PT, vereador em SP. 
A família petista é complicada.

O Ministério Público do Trabalho (MPT) acusa o vereador Senival Moura (PT) de usar "laranjas" em uma cooperativa de ônibus em São Paulo para atuar como empresário paralelo do setor de transportes. 

. A informação é do site www.veja.com.br de hoje. Leia tudo:

Na compra dos coletivos, os veículos eram registrados em nomes de terceiros, mas, na verdade, seriam de propriedade do vereador. 
O esquema apontado pelo MPT mostra que houve fraude ao sistema de cadastro da São Paulo Transporte (SPTrans), empresa da Prefeitura atualmente presidida por Jilmar Tatto, seu aliado político, e secretário municipal de Transportes. 
Pelas regras municipais, cada integrante das cooperativas de ônibus tem direito à permissão para trabalhar com um veículo. "A fraude fica comprovada a partir do momento em que é utilizado um falso cooperado, um ‘laranja’, para adquirir um veículo em seu nome, mas ele não será o real proprietário, pois o dinheiro para a compra vem do cooperado contratante", diz o relatório do MPT sobre a ação. Os indícios de crimes foram reportados aos Ministérios Públicos Estadual e Federal.
Cada perua recebe, em média, 25.000 reais mensais da Prefeitura. O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) apura "laranjas testas de ferro" que receberiam até 2.000 reais por mês para emprestarem seus nomes.

As acusações constam em uma ação civil pública do Ministério Público do Trabalho apresentada em 2012, antes de o PT assumir a Prefeitura.

CLIQUE AQUI para saber mais.

Ao meio dia, almoço expresso a R$ 27,50. Nova cantina,
localizada nos túneis da antiga Brahma
Shopping TOTAL, repaginado de maneira 
inédita em Porto Alegre. 

Demanda superaquecida do mercado imobiliário justifica ágio de 41% no leilão de índices construtivos de Porto Alegre

Só a demanda superaquecida do mercado imobiliário de Porto Alegre justifica o ágio de 41% nos preços dos índices construtivos (leilão de ar, conforme Lei do Solo Criado) para construir em Porto Alegre em áreas superiores às estabelecidas pelo Plano Dirretor.

. Leia nota abaixo.

. Novo leilão está agendado para hoje e a prefeitura poderá faturar outros R$ 50 milhões.

. Há 10 anos a prefeitura não leiloava índices.

. O valor mínimo estabelecido pela prefeitura para seus leilões foi de R$ 2.300,00 por m2, mas com o ágio este valor foi a 3.100,00.

. O Sinduscon considerou tudo muito fora da realidade.

. De fato, a área preferida pelos compradores, que vai da zona central até a Terceira Petrimetral, registra m2 de valores que vão de R$ 6.600,00 a R$ 7.000,00, podendo chegar até R$ 7.500,00 no b airro Floresta, onde o grupo Isdra concluirá seu novo shopping e hotel (o grupo Isdra foi quem mais disputou áreas, ontem), segundo dados da Fipe/Exame de 14 de maio. 

Ao meio dia, almoço expresso a R$ 27,50. Nova cantina,
localizada nos túneis da antiga Brahma
Shopping TOTAL, repaginado de maneira 
inédita em Porto Alegre. 

IBGE constata que avanço do PIB foi de ridículos 0,2% no primeiro trimestre. Vem aí novo Pibinho.

A economia brasileira cresceu 0,2% no primeiro trimestre de 2014, na comparação com os três meses anteriores, informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta sexta-feira.

. Em relação ao primeiro trimestre de 2013, o Produto Interno Bruto (PIB) do país registrou expansão de 1,9%. 

. A economia brasileira está à beira de uma recessão. 

. O PIB – soma de todos os bens e serviços produzidos no país – totalizou R$ 1,2 trilhão no período de janeiro a março.

. A mediana de previsões de analistas consultados pela Reuters apontava para crescimento de 0,2% por do PIB entre janeiro e março passados sobre o quarto trimestre de 2013, com as projeções variando de queda de 0,2or cento a alta de 0,6 por cento.

- Comércio e indústria são os dois setores da economia que mais sofrem com a economia em recuo. A agropecuária vai salvando a cara do PIB. Em SP, a locomotiva da economia, as vendas do varejo recuaram pela primeira vez em 11 meses, registrando queda de 3,9%, segundo a Fecomércio.

CLIQUE AQUI para ler reportagem "Maioria dos analistas prevê piora ao longo do ano". 
CLIQUE AQUI para ler artigo de José Roberto Mendonça de Barros, Estadão, "Ainda a estagnação do crescimento.
CLIQUE AQUI também, para ler "A bonança acabou e o País precisda de um ajuste estrutural", Edmar Bacha. 

Taline diz que Tarso quer conter abusos dos seus CCs contra Lasier e manda "tirar a poltrona" da sala do Gabinete Digital

Na sua coluna de hoje do Correio do Povo, a jornalista Taline Oppitz diz que o governador Tarso Genro está preocupado com os abusos de CCs do seu governo, o que aconteceu depois que o pessoal do seu próprio Gabinete Digital resolveu fazer campanha eleitoral escrachada a favor de Olívio Dutra e contra o jornalista Lasier Martins. Apesar das recomendações, o governo não anunciou nenhuma punição aos funcionários que difamaram o candidato do PDT, usando ilegalmente ferramentas digitais, salários e espaços mantidos com dinheiro público, violando além disto as regras legais da impessoalidade nos atos públicos. Por ordem de Tarso, o governo retirou a poltrona da sala (bloqueio de acesso ao Twitter e Face). Leia a nota:

O governo gaúcho intensificou os cuidados para evitar problemas políticos e com a Justiça Eleitoral. A preocupação não é de hoje, mas o episódio da postagem de uma brincadeira sobre o reflexo da confirmação da pré-candidatura de Olívio Dutra, do PT, ao Senado, na campanha do adversário Lasier Martins, do PDT, fez soar um alerta. O post foi feito na conta institucional do Gabinete Digital no Twitter. Como consequência, a primeira medida preventiva, tomada às pressas, foi bloquear o acesso a redes sociais, incluindo Twitter e Facebook em todos os computadores do Palácio Piratini.

. As ferramentas serão liberadas após a divulgação interna de uma circular reforçando as regras relativas a manifestações na Internet por funcionários e servidores em horário de expediente. O documento deve ser divulgado ainda hoje e foi elaborado pelo Grupo de Trabalho Eleitoral (GT Eleitoral), que atua desde março. Entre outras atribuições, o grupo é responsável pelo monitoramento das publicações de servidores na Web. Em 29 de janeiro, um documento assinado pelo governador Tarso Genro já havia feito o alerta. O texto destacava a vedação, nas redes sociais, de manifestações sobre preferências eleitorais em horário de expediente e também por meio de ferramentas institucionais, isto é, nas contas de secretarias e órgãos do governo.

Ao meio dia, almoço expresso a R$ 27,50. Nova cantina,
localizada nos túneis da antiga Brahma
Shopping TOTAL, repaginado de maneira 
inédita em Porto Alegre. 

Prefeitura asfixia Hospital Porto Alegre ao repetir calotes e romper convênio de 40 anos

Conforme o presidente da AFM, Paulo Galvêz Machado, o município deve mais de R$ 5,3 milhões ao hospital e não repassa, desde o início de abril, um valor estimado em R$ 300 mil mensal, segundo ele mesmo informou na Rádio Guaíba. A decisão é do prefeito José Fortunati (foto).  A emissora revelou que o vice-prefeito de Porto Alegre, Sebastião Melo (PMDB), e a Associação dos Funcionários Municipais (AFM) tentam contornar o impasse e se reuniram na tarde desta quinta-feira para debater a situação do Hospital Porto Alegre (HPA). A casa de saúde está ameaçada de fechar em função da falta de repasses municipais. Na terça-feira, funcionários e usuários realizaram um abraço ao prédio e caminharam até a Prefeitura. Na tarde de segunda-feira, o secretário municipal de Saúde, Carlos Casartelli, se reuniu com o vice-prefeito, a Procuradoria-Geral do Município, as direções do HPA e da Associação dos Funcionários Municipais (AFM) e vereadores da Capital, com o objetivo de discutir uma solução para a crise, além de atender os servidores municipais, serve como retaguarda para a rede do Sistema Único de Saúde (SUS).

. O hospital serve com prioridade os servidores municipais. 

. Conforme o presidente da AFM, Paulo Galvêz Machado, o município deve mais de R$ 5,3 milhões ao hospital e não repassa, desde o início de abril, um valor estimado em R$ 300 mil mensal, parte de um acordo assinado pelo Executivo perante o Ministério Público e reconhecido pela Procuradoria-Geral do Município. O convênio, porém, não foi renovado pela Secretaria. O HPA soma 168 leitos e emprega 620 trabalhadores.

. Na semana passada, a Comissão de Saúde e Meio Ambiente (Cosmam) da Câmara de Porto Alegre denunciou a ocorrência de problemas graves que podem levar ao fechamento do HPA e também do Hospital Parque Belém. O presidente da Comissão, vereador Thiago Duarte (PDT, mesmo partido do prefeito José Fortunati, adverte que ambas as instituições carecem de repasses por parte da SMS.

Entenda por que governo Dilma e PT perderam as eleições no Funcef e na Previ

CLIQUE AQUI para ler "Petros atuou em fraude
no BVA, diz BC.

O governo sofreu esta semana a segunda derrota significativa em um fundo de pensão desde que o PT chegou à Presidência da República em 2002. 

. Por cerca de 9 mil votos, a chapa apoiada pelo Planalto perdeu a eleição na Fundação dos Funcionários do Banco do Brasil (Previ), maior fundo do País, com um patrimônio de R$ 170 bilhões. 

. Na semana passada, uma chapa formada por auditores da Caixa Econômica Federal já havia vencido a disputa para representantes eleitos do Fundo de pensão do órgão, a Funcef, o terceiro maior do Brasil. O grupo levou a melhor frente a representantes mais tradicionais no cenário político dos fundos de pensão.
        
- Para um ex-executivo da Previ, o resultado dessas eleições mostra um esgotamento do modelo de gestão do PT e uma insatisfação muito grande com o posicionamento dos sindicatos nos últimos anos. "Houve uma grande rejeição aos sindicatos, especialmente nos votos dos aposentados", disse. A chapa apoiada pelo governo na Previ tinha como base nomes ligados à Central Única dos Trabalhadores (CUT) e à Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf).

Saiba por que a valorização dos índices construtivos de Porto Alegre está fora da realidade

Só a demanda superaquecida do mercado imobiliário de Porto Alegre justifica o ágio de 41% nos preços dos índices construtivos (leilão de ar, conforme Lei do Solo Criado) para construir em Porto Alegre em áreas superiores às estabelecidas pelo Plano Diretor.

. Leia nota nesta página, abaixo. 

. Novo leilão está agendado para hoje e a prefeitura poderá faturar outros R$ 50 milhões.

. Há 10 anos a prefeitura não leiloava índices.

. O valor mínimo estabelecido pela prefeitura para seus leilões foi de R$ 2.300,00 por m2, mas com o ágio este valor foi a 3.100,00. Este custo terá que ser adicionado para efeito do preço final do m2 construído. 

. O Sinduscon considerou tudo muito fora da realidade.


. De fato, a área preferida pelos compradores, que vai da zona central até a Terceira Petrimetral, registra m2 de valores que vão de R$ 6.600,00 a R$ 7.000,00, podendo chegar até R$ 7.500,00 no b airro Floresta, onde o grupo Isdra concluirá seu novo shopping e hotel (o grupo Isdra foi quem mais disputou áreas, ontem), segundo dados da Fipe/Exame de 14 de maio. 

Prefeitura de Porto Alegre vende 27 lotes de ar (índices construtivos) por R$ 52 milhões

A prefeitura de Porto Alegre arrecadou R$ 52 milhões com a venda de ar no leilão de ontem de índices construtivos, conforme a Lei do Solo Criado, implementada em 1988 pelo então prefeito Alceu Collares, visando permitir construções fora dos padrões do Plano Diretor Urbano e Ambiental.

. O valor é quase o dobro do total que o governo estadual implementou de renúncias fiscais para ajudar a implantação das chamadas estruturas provisórias do Beira Rio.

. O prefeito José Fortunati esperava faturar R$ 36,8 milhões, mas a procura foi tão grande que o ágio elevou-se para 41%, estabelecendo o recorde de vendas.

. Pelo menos 22 dos 27 lotes vendidos correspondem à Macrozona l, que é a que engloba áreas que vão do centro até a Terceira Perimetral.

. Nesta sexta, a prefeitura poderá faturar mais R$ 50 milhões, já que estarão à venda mais 35 lotes.

. A prefeitura tem um total de 270 mil m2 de índices para oferta pública.

. Lei municipal exige que o dinheiro seja aplicado em obras de infraestrutura urbana, o que será uma bênção dos céus para Fortunati, atrapalhado pelo açodamento que teve ao iniciar 14 grandes obras viárias para as quais não tinha fundos em caixa.


. Um dos projetos beneficiados pelo leilão é o Shopping Floresta, pertencente ao grupo Isdra, que estava travado por obstáculos criados pela prefeitura. O hotel previsto no projeto estava com problemas de metragem insuficiente. O grupo comprou quatro mil m2. Agora, o grupo pretende concluir seu projeto nos próximos 12 meses. Ontem ao meio dia, a direção da Isdra comemorou a conquista. 

PV promete decisão sobre sucessão gaúcha para esta sexta-feira

O PV do RS poderá decidir ainda hoje a coligação que apoiará no RS. O Partido divide-se entre PP e PDT.

PP nacional libera direções regionais para apoiar Aécio, Campos ou Dilma

A senadora Ana Amélia acaba de receber garantia da direção nacional que o apoio à Dilma não será obrigatório nos casos dos diretórios estaduais como o do RS, que fechou coligação com o PSDB e apoiará Aécio.

. Ana Amélia disse que o Partido está dividido e que na convenção nacional poderá haver surpresa.

. No RS, o PP ainda não fechou a chapa, porque falta definição para o Senado. O PSDB vacila.

. O lançamento da candidatura da senadora acontecerá dia 26 de julho em ato público no Gigantinho. Dois dias depois, PP, PSDB e SDD farão suas convenções para fechar a coligação.

PDT amplia com PRB, busca Bonow para vice de Vieira e marca convenção para São Borja

Será segunda-feira o encontro de todas as direções municipais, vereadores, prefeitos e vice-prefeitos do DEM com o deputado Vieira da Cunha na Vitrine Gaúcha, Porto Alegre.

. O deputado, que ontem conversou com o PRB com vistas a uma coligação, também recebeu o apoio do PSC, que poderá indicar Flávio Gomes para a vice. A posição, no entanto, também é disputada pelo DEM, que insiste com Germano Bonow para que ele aceite a indicação, Bonow está irredutível na sua decisão de abandonar a vida pública.


. A convenção do PDT para lançar Vieira da Cunha foi agendada para o dia 20 de junho em São Borja.

Entrevista, Allceu Moreira - A MP de Dilma isenta de empolacamento quem tem veículo agrícola, mas exige IPVA nas novas compras

ENTREVISTA
Alceu Moreira, deputado Federal PMDB do RS


O senhor é autor da lei que acaba com o emplacamento de veículos agrícola, depois vetada pela presidente Dilma Roussef. Mas ela editou MP restabelecendo o teor da lei aprovada. Como fica isto ?
A Medida Provisória 646 é uma vitória apenas parcial.

Por que razão ?
A solução virá através da derrubada do veto em sessão do Congresso.

O que mudou ?
A MP isenta a cobrança de veículos fabricados antes de 1º de agosto de 2014, mas exige a cobrança para os adquiridos a partir da data, o que não vai ao encontro do meu projeto que prevê a isenção para todos, seja no passado, presente ou futuro.