Serviços da Corsan entram em colapso em Gravataí. Agergs convoca direção da estatal.

Apesar dos anúncios grandiloquentes do governador Tarso Genro, a Corsan continua revelando falhas clamorosas nos serviços de fornecimento de água no RS. O poior caso é o de Gravataí, onde cem mil pessoas ficaram desassestidas durante todo o dia. 

A Agência Estadual de Regulação dos Serviços Públicos Delegados do RS (Agergs) convocou a Companhia Riograndense de Saneamento (Corsan) para prestar esclarecimentos na manhã desta sexta-feira, a respeito de falhas no abastecimento de água em Gravataí, na Região Metropolitana.


. Também serão cobradas as respostas a um ofício enviado pela Agergs em 27 de dezembro do ano passado, exigindo plano de medidas, investimentos e ações, que ainda não foram enviadas à instituição.

Famurs denuncia Tarso por falsear despesas com transporte escolar

O governo estadual voltou a praticar manobras contábeis com os recursos dos municípios gaúchos, segundo denúncias feitas hoje pelo presidente da Famurs, Valdir Andress, prefeito de Santo Ângelo. Informou a Famurs:

- Depois de anunciar, em 2013, a liberação de socorro às prefeituras com recursos já previstos no orçamento dos municípios, o Estado reutilizou a velha estratégia em 2014. Desta vez, o governo incluiu na conta do transporte escolar, receitas provenientes da União (R$ 15 milhões) e uma verba de R$ 47 milhões destinada para a compra de ônibus escolares.

. A primeira manobra foi realizada em novembro do ano passado, quando o ex-secretário do Gabinete dos Prefeitos e Relações Federativas, Afonso Motta, informou que o Estado auxiliaria as prefeituras gaúchas, em situação de crise, com aporte de R$ 230 milhões. Na verdade, o recurso correspondia à antecipação das duas primeiras parcelas de ICMS das prefeituras de janeiro de 2014 no valor de R$ 150 milhões, além de R$ 80 milhões referentes ao Programa "Em Dia", cuja receita também seria naturalmente transferida ao caixa das prefeituras. Na ocasião, as prefeituras solicitavam um recurso extra no valor de R$ 200 milhões para fechar as contas. O problema ressurgiu quando a Federação constatou uma divergência entre os números apresentados pelo governo. Ao analisar o orçamento da Secretaria de Educação do RS (Seduc) para 2014, a Famurs verificou que existe uma defasagem de R$ 65 milhões em relação ao montante que o governador Tarso Genro prometeu investir.

- Em carta assinada por Tarso, o governo se compromete a destinar R$ 163 milhões com transporte escolar em 2014. Entretanto, o orçamento da Seduc prevê apenas R$ 98 milhões de gastos com o serviço. A promessa de Tarso está registrada no documento enviado à Famurs em resposta às 13 pautas municipalistas, entregues pela Federação, no dia 31 de outubro de 2013, durante a 3ª Marcha Gaúcha de Prefeitos.



Governo Dilma defende os rolezinhos. Saiba porque esses grupos caracterizam-se por quadrilhas de arruaceiros.

O caráter político dos arrastões (rolezinhos) pode ser medido pelo material ao lado. Ele rola nas redes sociais. O governo estimula e apóia tudo, como estimulou e apoiou os Black Blocs. O PT aposta na desordem para impor a sua nova ordem autoritária e ditatorial. 



Os rolezinhos transformaram-se claramente em arrastões e ganharam objetivos políticos desestabilizadores da ordem social, conforme amplo noticiário desta quinta-feira, já que contam  agora com a adesão de grupos como Black Blocks. A repressão aos rolezinhos não tem nada de ilegal e inconstitucional, porque não se trata de garrotear o direito de ir e vir, como também não se trata de definir os arruaceiros pela cor da pele ou condição social e econômica. Como se sabe, a simples suspeita de que grupos sociais organizam-se como quadrilhas pra cometer crimes,  para que se justifique a reação das forças da ordem, cujo  papel constitucional é o de garantidora da ordem. É o que é. 

O ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Gilberto Carvalho, pego com a mão na massa quando começou a municiar os delinquentes que iniciaram depredações em Brasília, logo depois encorpadas e transformadas nas manifestações de junho, voltou nesta quinta-feira a praticar sua aventura preferida, que é insuflar grupos de renegados sociais para criar clima político de insegurança e com isto justificar a ação do governo petista na direção da ditadura.

. O ministro classificaou como "inadequada" a ação da Polícia Militar nos chamados 'rolezinhos' em shopping centers de São Paulo e diz que isso "acaba colocando gasolina no fogo".  Gilberto Carvalho também criticou a postura de empresários em querer bloquear a entrada dos jovens de periferias nos estabelecimentos. Leia o que postou o site www.brasil247.com.br ainda há pouco:

. "Eu não tenho dúvida que isso está errado. Para mim é, no mínimo, inconstitucional. Qual o critério que você vai selecionar uma pessoa da outra? É a cor, é o tipo de roupa que veste? Tudo isso implica no preconceito", disse; no sábado passado, o shopping JK, do empresário Carlos Jereissati, obteve liminar judicial para impedir a entrada dos participantes dos 'rolezinhos' 26

CLIQUE AQUI para examinar o video de furtos num shopping de Porto Alegre. Em ação, um militante de rolezinho, atuando sozinho. 

Saiba quais são as 19 cidades do RS, PR e SC que receberão hotéis de Guilherme Paulus, o fundador da CVC

Ao lado, Guilherme Paulus.



GJP e M.Stortti recepcionaram a imprensa na tarde desta quinta-feira para apresentar o Projeto Hotelaria Sul Brasil. O desenvolvimento do Plano de Negócios já em andamento vai lançar 19 hotéis na região Sul do País: Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná. O modelo econômico dos empreendimentos segue o conceito de incorporação, pelos condo hotéis, atraindo investidores para a aquisição de apartamentos e exploração de serviços complementares como área de alimentação, bancos, farmácias e outros.
A bandeira Linx, do Grupo GJP, incluirá as hospedagens no modelo econômico. Cada empreendimento terá de 100 a 125 apartamentos, um pequeno centro comercial e terreno com metragem superior de 2500 metros quadrados.

. As cidades indicadas pelas análises de mercado para receber os hotéis são Pelotas, Santa Maria, Erechim, Passo Fundo, Caxias do Sul e São Leopoldo no Rio Grande do Sul; Florianópolis, Joinville, Blumenau, Chapecó e Itajaí/Camboriú em Santa Catarina; Curitiba, Londrina, Maringá, Apucarana, Cascavel e Toledo no Paraná.


Nova trapalhada de Tarso obriga o governo a mexer na estrutura da secretaria para acomodar interventor nas Obras

Numa nova trapalhada sem precedentes, o governador Tarso Genro foi obrigado as recuar do anúncio de que nomearia o advogado petista Fausto Loureiro para a estratégica diretoria de Obras da secretaria de Obras.

. É que Fausto Loureiro não poderia ocupar cargo que legalmente é privativo de engenheiro.

. Advertido pelo Crea, o governador não se deu por achado e resolveu o caso à moda miguelão, como se diz no RS, ou seja: criou uma diretoria apenas para o advogado, uma diretoria Jurídica, embora sem alterar a missão fundamental para a qual chamou-o para o governo:

- Intervir e vigiar os atos do secretário Busatto.

. Fausto Loureiro é atualmente sub do sub da Casa Civil, cargo que também exerceu no governo anterior de Olívio.

O governador Tarso Genro continua atrapalhado com os desdobramentos das investigações policiais que ele mesmo mandou iniciar durante sua ausência do governo, porque depois de deixar muito mal o secretário de Obras, Luiz Carlos Busatto, ele passou a intervir acintosamente nos negócios da pasta que é comandada pelo presidente do PTB, já que decidiu nomear membros do próprio gabinete do presidente do PTB.

CLIQUE AQUI para saber o que significa "fazer à moda miguelão".

PT já tinha encostado sua gente no secretário de Obras do RS

O novo diretor da secretaria de Obras do governo do RS, uma espécie de interventor do governador Tarso Genro na pasta, Fausto Loureiro, não é o único petista de grosso calibre nomeado para vigiar os passos do PTB.

. Ali também funciona desde o início do mandato de Tarso o vereador do PT de Viamão, Ederson Machado, o Dédo, que até o momento passou ao largo de todas as investigações e prisões desfechadas no âmbito da Operação Kilowatt, que agora está sob a Lei do Silêncio, mas que prossegue. 

. Os dirigentes petebistas atingidos pela operação policial, não entendem por que razão Dédo não foi sequer ouvido até agora. 

Daniel Dantas ameaça editora de "Operação Banqueiro"

O banqueiro Daniel Dantas, dono do Opportunity, passou notificação extrajudicial para a Editora Geração, editora do livro Operação Banqueiro, do jornalista Rubens Valente.

. A Geração disse ao editor nesta quinta a tarde que prepara uma segunda edição e que não se intimida, mas o banqueiro avisou que irá a juízo, inclusive para responsabilizar civilmente a editora.

Juízes de Brasília reajustam valor da multa aplicada em Delúbio. Agora ele deve R$ 466 mil. PT terá que fazer mais uma vaquinha suja.

A Vara de Execuções Penais (VEP) do Distrito Federal confirmou nesta quinta-feira os valores atualizados da multa imposta ao ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares, condenado no julgamento do mensalão. O petista, penalizado em oito anos e 11 meses de prisão, foi condenado pela Corte a pagar 325.000 reais de sanção pecuniária, mas em valores corrigidos pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), a multa passou para 466.888,90 reais.

. Os juízes também atualizou os valores da multa do ex-deputado Carlos “Bispo” Rodrigues, que passou de 726.000 reais para um milhão de reais. O parlamentar foi condenado a seis anos e três meses por corrupção passiva e lavagem de dinheiro.


. Até o momento, a Vara de Execuções Penais calculou também os valores atualizados das multas a serem pagas por outros seis condenados no escândalo do mensalão.

-  Os valores mais altos cabem ao operador do esquema criminoso, o empresário Marcos Valério Fernandes de Souza, que deve pagar, em valores corrigidos, cerca de 4,4 milhões de reais. Também já foram notificados para depositar os valores resultados da condenação os ex-sócios de Valério, Cristiano Paz (2,6 milhões de reais) e Ramon Hollerbach (3,9 milhões), os ex-deputados José Genoino (667.513 reais) e Valdemar Costa Neto (1,6 milhão de reais), além do ex-assessor Jacinto Lamas (370.841 reais).

Record condenada por chamar William Waack de "espião dos EUA"

O Tribunal de Justiça de São Paulo manteve a condenação da Rede Record para que a empresa pague R$ 50 mil em indenização por danos morais ao jornalista da Rede Globo William Waack por dizer que ele seria um informante do governo americano. A informação é de Elton Bezerra, do site Conjuntura Jurídica de hoje. leia tudo:

Publicada no dia 27 de outubro de 2011, a notícia “Wikileaks aponta William Waack como informante do governo dos EUA” dizia que o jornalista da Rede Globo trabalha como espião da CIA (agência de inteligência dos EUA). O texto foi retirado do ar e baseou-se em uma publicação do blog Brasil que Vai, do economista Luiz Cezar.

. A Record alegou que apenas divulgou a opinião de um blogueiro a respeito de documentos publicados no site Wikileaks e que opinião não pode ser considerada verdadeira ou falsa, nem suscetível de causar dano moral.

Retratação

O blogueiro, entretanto, já se retratou na esfera criminal e disse que não conhece qualquer documento capaz de relacionar William Waack à CIA. Publicado em 27 de setembro de 2012, o pedido de desculpas diz que o texto foi feito com base em “interpretações questionáveis de outros blogs” ao analisar documentos divulgado pelo Wikileaks sobre palestra de William Waack para diplomatas.

Simuladoes faturadores farão a fortuna do Detran. Motoristas serão novamente escalpelados pelo governo.

O Detran poderia reduzir pela metade os custos de todos os serviços que presta para os motoristas gaúchos, porque no ano passado entregou metade da sua receita anual de R$ 600 milhões para ser esterilizada no caixa único do perdulário governo gaúcho. A Assembléia do RS ignora o que acontece no Detran do atual governo e sequer imagina uma nova CPI para apurar por que razão ela cobra tão caro pelos serviços que diz prestar aos motoristas do RS, já que tinha anunciado reduzir todos os valores. 

Ainda não há em Porto Alegre um único CFC que já tenha em funcionamento os simuladores exigidos desde o dia 1º para formar novos motoristas. São 34 CFCs na Capital.

. A exigência não parece responder a qualquer lógica, porque este tipo de equipamento é instrumentação típica de auto-escola.

. Há cheiro de caça-níquel em cima dos motoristas.

. Os futuros motoristas terão que gastar R$ 235,30 pelas cinco horas de simulador, despesa que se acrescentará ao que já existe. Quando tudo estiver funcionando, os CFCs faturarão 60 mil exames por mês, dinheiro que repartirão com o Detran, que ganhará dinheiro sem fazer nada.

. Ao preço de R$ 280mil por simulador adquirido pelos CFCs (o jornal Metro informou no dia 13 que 500 equipamentos já foram encomendados), dá para imaginar que os fabricantes faturarão R$ 1,4 bilhão com as encomendas.

. No Brasil, existem apenas 4 fabricantes de simuladores, um dos quais localiza-se em Santa Maria, RS, o Real Drives.

Site de vendas Albuka adiciona outro título ao "Cabo de Guerra"

O site de compras www.albuka.com.br, que já disponibiliza a versão em e-book do livro "Cabo de Guerra", do editor (R$ 39,00), lançou esta semana o livro do  engenheiro Luiz R. Cotti, intitulado " Sobrevivência no Trânsito".

Já está disponível por R$ 11,00.


Compre "Cabo de Guerra" e outros títulos no site de vendas www.albuka.com.br

Ministério Público quer que ex-prefeito do PT de Estância Velha devolva R$ 2 milhões aplicados em publicidade

- O ex-prefeito Elivir Desiam é presidente da Fenac, Novo Hamburgo. A Fenac é estatal controlada pelo governo do PT. Ele está no cargo desde a gestão anterior de Tarcisio Zimmerman.

Já está para sentença o  processo cível n 0951120002743-0. Trata-se da ação de improbidade administrativa movida pelo Ministério Público contra o ex-prefeito de Estância Velha, RS, Elivir Desiam, do PT, acusado de aplicar ilegalmente R$ 2 milhões de publicidade nos jornais O Suplemento e Estância Velha, ambos pertencentes ao seu secretário de Planejamento e chefe de Gabinete.

. O processo tramita no Forum de Estância Velha.

. O prefeito recebeu denúncias recorrentes por parte do vereador do PMDB local na época, Duduzinho, e também do colunista Mauri Martinelli, que em função das revelações contra o PT local acabou sendo atingido por 9 tiros, tudo sob encomenda de uma quadrilha local organizada por líderes do PT, todos depois presos e processados.

. Elivir Desiam foi prefeito em 23001 e 2008. O dono dos dois jornais foi seus ecretário de confiança nas duas ocasiões.


. O Ministério Público quer que o ex-prefeito e os demais acusados devolvam o dinheiro aos cofres públicos e tenham seus direitos políticos cassados. 

iFood começa a operar em Porto Alegre. Ele quer registrar mil pedidos de comida por mês.

Presente em mais de 20 cidades brasileiras, o iFood - maior plataforma de delivery on-line de comida do País, lança seu inovador sistema em Porto Alegre. Com o início da operação, a empresa espera registrar mil pedidos mensais até o final do mês na capital gaúcha. De acordo com Felipe Fioravante, CEO do iFood, a chegada da plataforma proporcionará ao porto-alegrense a facilidade de comprar refeições de restaurantes diretamente na tela do computador, ou por meio de aplicativos para iPhone, iPad e smartphones Android. “ Na primeira fase de implantação, mais de 30 estabelecimentos da cidade estão disponíveis para receberem os pedidos.

. Entre os estabelecimentos parceiros estão: Batche Batata, Shanghai, Lov Pizza Delivery, America 308, Gokan Sushi, Baboo Giovanni, Suisse Pizzaria e Restaurante, La Pizza Mia, Curry Express, Churrascaria Santo Antônio, Al Nur, Go China, Milkshakeria, Pasta in Box, Totosinho, Supergaleto, Bazkaria, Fornão Pizzaria, Copacabana, Marcellu’s, Panas, PortoXicano, Gusto Di Bacio e A Parmegiana do Bifão.

- Lançado há mais de dois anos em São Paulo, o iFood em pouco tempo de mercado já conta com uma relação de mais de 1.500 restaurantes e redes de fast food associadas à plataforma online de delivery , gerando receita mensal de R$ 6 milhões aos estabelecimentos cadastrado. O iFood, maior plataforma de delivery on-line do Brasil

CLIQUE AQUI para visitar o site do iFood.

Entrevista, economista Silvia Matos - BC está sozinho contra a inflação

No jornal O Globo de hoje, a economista  Silvia Matos avalia que, ao elevar gastos, o governo pressiona os preços de serviços, num cenário de expansão do crédito, ainda que em ritmo menor. Para ela, o Banco Central terá de recorrer a novas altas de juros, um remédio amargo para a economia. Leia toda a entrevista: 

Qual é a situação da inflação hoje?
 Houve aceleração da inflação nos últimos dois meses, principalmente de serviços. Sem considerar passagens aéreas, ela acelerou de 8,45% em 2012 para 8,75% em 2013. Isso preocupa. Quase 70% dos itens da cesta do IPCA subiram acima de 4,5%, que é o centro da meta, e mais de 50% subiram mais de 50%. Que loucura é essa? A inflação está muito alta, persistente e generalizada. Mesmo que se possa ter algum alívio de preços de alimentos, a gente está muito fragilizado. Nosso cenário é de inflação pelo IPCA em 6% este ano, mas há risco de ficar mais perto do teto da meta.

Por que a inflação no país está resistente?

CLIQUE AQUI para ler tudo.


Artigo, Darcy Francisco Carvalho dos Santos - Contabilidade criativa no RS

Especialista em finanças públicas, o economista Darcy Francisco Carvalho dos Santos denuncia a existência de "contabilidade criativa" também no RS. E o que é contabilidade criastiva ? O economista conceitua com preciso este tipo de esperteza safada:

- A contabilidade criativa constitui-se de truques e manipulações contábeis, visando mostrar à sociedade um resultado que não se verificou na realidade. Talvez ficasse mais adequado chamá-la de contabilidade enganosa.

. Darcy F.C. dos Santos diz que o governo Dilma inovou com a esperteza, que já faz escola no RS:

 - O pior de tudo é que isso está fazendo escola no RS, que tem apresentado resultados que não correspondem à realidade dos fatos. Segundo o Tribunal de Contas, os déficits reais têm sido muito maiores que os apresentados nos balanços, destacando o caso dos pagamentos de pessoal feitos sem dotação orçamentária, lançados no grupo do ativo realizável, em vez de constar da despesa do exercício.
 Essa conta apresenta em dezembro de 2013 um saldo de mais de um R$ 1 bilhão, do qual, segundo a fonte citada, mais de R$ 500 milhões se tratam de despesa de pessoal que não foi considerada nos exercícios de 2011 e 2012, adulterando os respectivos resultados

CLIQUE AQUI para ler tudo. 

Cachaçaria gaúcha amplia exportações para a Europa

A cachaçaria gaúcha Weber Haus recebeu esta semana representantes da Per Mare SRL Import & Export, importadora e distribuidora do alambique localizada na região da Toscana, Itália,  que estão planejando as ações do ano.  Segundo o diretor da Weber Haus, Evandro Weber, a perspectiva é aumentar a participação das cachaças brancas, em especial a Weber Haus Silver e a Lundu Silver, nesse mercado. “Hoje, essas bebidas são utilizadas, principalmente, por restaurantes italianos ”, explica. Hoje, além da Itália, a marca Weber Haus é encontrada nos Estados Unidos, Alemanha, China, Irlanda, Canadá, Ilhas Bermudas, França e Japão.

. Em outubro de 2013, a cachaçaria já havia fechado uma exportação para o mercado italiano com o embarque de seus rótulos Weber Haus e Lundu, além de sua cachaça envelhecida Premium Black. Na época, as cachaças supriram, além de clientes italianos, inclusive de cozinha brasileira, como a Churrascaria Barbacoa e três restaurantes da bandeira Temakinho, localizados no reduto mundial da moda, Milão.

Sobre a Weber Haus

A cachaçaria Weber Haus possui canaviais próprios em Ivoti, interior do Rio Grande do Sul, na chamada Rota Romântica. A empresa está sediada no mesmo lote de terras onde a família de imigrantes alemães alojou-se há quatro gerações, e opera com destilaria desde 1848. Desde 2005, quando ganhou o primeiro título internacional, a Weber Haus acumula mais de 30 prêmios em oito diferentes rótulos de seu catálogo. 

Presidente da CDL de Porto Alegre, Gustavo Schiffino, fala no Clube de Harvard,Nova Iorque

O presidente da CDL Porto Alegre, Gustavo Schifino, falou ontem no Clube de Harvard em Nova Iorque, onde chegou na semana passada para a 103a. edição da NRF, o maior encontro mundial do varejo. Ele apresentou um dos palestrantes da intensa programação do Seminário Internacional de Varejo Harvard Club, o ex-aluno da universidade Riccardo Morici. O executivo da Progressus Soluções em Negócios conversou sobre as tendências de precificação no Varejo dos EUA. Entre os conferencistas que arrancaram aplausos mais entusiasmados do público presente ao evento de Harvard, segundo soube o editor, estava o único brasileiro que atualmente está lecionando em Harvard. Residente nos EUA há uma década, Thales Teixeira mora em Boston, onde fica o famoso campus da universidade, e desenvolve uma pesquisa sobre a economia da atenção, assunto que abordou no seminário, quando tratou ainda de eCommerce e mídias sociais. "A atenção do consumidor é uma moeda, um insumo, que precisa ser associada a dados para se converter em persuasão", explicou Thales.

. Uma das tendências elencadas por ele é utilizada na pesquisa com 250 pessoas, o face-tracking. Uma câmera faz um monitoramento facial que, por meio de algoritmos, faz Thales identificar emoções básicas no rosto do consumidor. "A tecnologia pode até mudar, porém o princípio da captura da atenção e da monetização permanecerá o mesmo", garante o professor.


. Esta quinta-feira assinala o último dia da missão da CDL Porto Alegre em NY para a 103ª edição na NRF. 

DiPaolo abre dois restaurantes em Porto Alegre

 No dia 22 de janeiro, o restaurante Casa DiPaolo inaugura sua primeira unidade em Porto Alegre, no Boulevard Laçador (próximo à estátua do Laçador), em evento reservado para imprensa e autoridades. 

. Na sequência, o restaurante, cujo forte é a galeteria, abrirá casa no shopping TOTAL, Porto Alegre.



Jânio de Freitas diz na Folha que Tarso é conivente e omisso diante das desumanidades no Presídio Central

Na sua coluna de hoje do jornal Folha de S. Paulo, até o jornalista Jânio de Freitas, sempre alinhadíssimo com o PT e o governo, lembra que a atenção atraída pelo presídio maranhense de Pedrinhas encobre o fato de que foi o Presídio Central, em Porto Alegre, o objeto da exigência de medidas corretivas feita ao Brasil pela OEA com a Comissão Interamericana de Direitos Humanos. 

. Ao sublinhar a gravidade das desumanidades praticadas no presídio gaúcho, colocado sob a administração do governo do PT, o jornalista sublinha que foi o Central e não Pedrinhas o objeto central das exigências de medidas corretivas feitas ao Brasil pela OEA.

. Em termos, o caso gaúcho é mais grave.

. Leia mais:

. Já as primeiras investigações indicam, porém, que o caso gaúcho é mesmo gravíssimo. Assassinatos de presos registrados como efeito de doenças que as vítimas nunca tiveram, ao menos 23 homicídios entre 2011 e 2013, uso abundante de drogas, maus tratos generalizados.

. O governador gaúcho Tarso Genro guarda, a respeito, silêncio proporcional à omissão que, na 1ª Vara de Execuções Criminais, já foi citada como "conivência do Estado" com o domínio do crime no sistema penitenciário. O silêncio pode convir à sua instável situação eleitoral, mas não é só ao eleitorado local que Tarso Genro deve responder. Até por se tratar, também, de um ex-ministro da Justiça, no governo Lula

Galvão Bueno entra de sócio na Miolo. Vinícola de Bento fecha fábrica de vinhos da Almadém em Livramento.

O jornalista Galvão Bueno resolveu entrar de sócio no grupo Miolo, Bento Gonçalves, mas de forma minoritária. O investimento ajudará o grupo vitivinícola gaúcho a encorpar os investimentos que possui sozinho ou em sociedade em Bento, Hulha Negra, Livramento e Vale do São Francisco.

. A Miolo confirmou que encerrará mesmo as atividades de vinificação da Almadém em Livramento, transferindo-as para sua unidade de Bento, mas manterá no município as plantações de uva e poderá esmagar os grãos na região. A Almadém foi comprada pela Miolo, que para isto se associou ao empresário Raul Randon e à Lovara.

. A marca  Almadém será mantida. Ela existe há 36 anos no RS.

- A região da fronteira gaúcha com o Uruguai (Livramento e Quaraí) e com a Argentina (Uruguaiana, Dom Pedrito) localiza-se no chamado Paralelo 31, cujas terras e clima são consideradas as mais propícias para a produção de vinho de qualidade. O plantio de uvas deslocou-se da Serra do RS para os municípios de Encruzilhada e Pinheiro Machado, e de lá para Bagé, Candiota, Hulha Negra, Livramento, Quaraí, Uruguaiana e Dom Pedrito.


Salton já produz uvas em Livramento

A Salton, que já produz uva na Fronteira Oeste do RS.  O terreno destinado para vinhedos em Santana do Livramento é de 450 hectares. Atualmente, 110 hectares já produzem uvas Chardonnay e Pinot Noir que são engarrafadas em Bento Gonçalves. No pampa, as uvas são recebidas e beneficiadas.

E o RS ? A Sumitomo investe R$ 1 bi em fábrica de pneus no Paraná

Quando o governador Olívio Dutra, PT, mandou a Ford embora do RS, ele não expulsou apenas a montadora americana, mas impediu que um poderoso cluster automotivo fosse instalado no Estado. Com a Ford, Olívio também inviabilizou a Laminadora da Gerdau em Nova Santa Rita e a Good Year em Glorinha. Caso isto não tivesse acontecido, a Sumitomo não teria ido, hoje, para o Paraná.

O presidente do grupo japonês Sumitomo no Brasil, Ippei Oda, em reunião no Ministério de Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (Mdic), em Brasília, apresentou ontem novo plano de investimento do grupo. A informação é do jornal Valor de hoje. 

. Acompanhado de secretários estaduais de Representação do Paraná, Amauri Escudero, e de Planejamento, Cássio Tanigushi, Oda detalhou ao governo federal o projeto de expansão de sua fábrica de pneus no Brasil, com sede Fazenda Rio Grande (PR).


. Aos R$ 750 milhões investidos na abertura da fábrica, a companhia japonesa, que vende pneus da marca Dunlop, somará agora R$ 985 milhões para passar a fabricar também pneus de carga. Com isso, os aportes totais chegam a R$ 1,7 bilhão