Flávio Zacher avisa: "Não estou no MTr desde o final de fevereiro"

Aviso que Flávio Zacher, PDT, manda aos navegantes:

- Não posso sair da superintendência do Ministério do Trabalho do RS, simplesmente porque sai dali no final de fevereiro.

Mercado financeiro trabalhou em compasso de espera: Bolsa, 0,0%; dólar, -0,56%

O mercado financeiro fechou o dia em compasso de espera e quase não saiu do lugar:

Bolsa, 0,00%, 51.803 pontos, negócios de R$ 7,7 bilhões
Dólar comecial, -0,56%, R$ 3,504

Temer contém histeria feminista e nomeia um mulher para o BNDES

Sorte de Temer é que Maria Silvia não é um caveirão de estilo petista. 


O presidente Michel Temer cedeu à histeria feminista, apoiada em cima da inconformada oposição expurgada, e nomeou a desconhecida economista Maria Silvia Bastos Marques para a presidência do BNDES.

Ela foi a importante secretária de Finanças da prefeitura do Rio, mas o governo não quis saber se ela é competente ou não, porque seu problema era encontrar uma mulher para o cargo - qualquer mulher.

A vantagem de Maria Silvia é seu bom aspecto, porque é bem mais bem formatada do que os caveirões que o PT levou para o governo.

Ela é graduada em administração de empresas, mas tem mestrado e doutorado em economia.

O presidente Temer busca mais mulheres para conter a ira feminista, sobretudo a franja que funciona como ponta de lança dos protestos, as jornalistas dos jornalões e emissoras de TV, nos quais o domínio das mulheres é avassalador.

Claro/Net e Vivo/GVT lideram ranking do Procon de Porto Alegre

A área de telefonia recebeu 27,03% do total de 2.554 reclamações registradas no Procon Porto Alegre no mês de abril de 2016.

Em comparação ao mês de março, houve um aumento das queixas contra as telefônicas, da ordem de 4,62%.

Dos grandes players de telecom, a campeã de reclamações entre as telefônicas foi novamente o grupo Claro/ Net, responsável por 11,2% do total do mês. Já o segundo lugar tem um novo dono, é o grupo Vivo/ GVT, com 9,11% (confira o ranking completo no quadro ao lado).

A maioria dos porto-alegrenses que recorrem ao Procon municipal tem preferido buscar atendimento no órgão pela Internet, utilizando o site www.proconpoa.rs.gov.br ou acessando gratuitamente o Procon App no aparelho celular.  Atualmente, o atendimento eletrônico responde por 61% do total de reclamações acolhidas no órgão.

André Gerdau acaba de ser denunciado por lavagem de dinheiro, corrupção ativa e corrupção passiva

André Gerdau, presidente do Grupo Gerdau, lidera a lista das 19 pessoas denunciadas pelo MPF no âmbito da Operação Zelotes.

Ele é acusado por corrupções ativa e passiva, mais lavagem de dinheiro.

O advogado Expedido Cruz, que é membro do Conselho de Administração da Gerdau, também faz parte da lista.

Os nomes acabam de ser divulgados pela Globonews.

Pedro Simon na CIC, Caxias, hoje: "Nunca se roubou com tanta competência quanto nos governos do PT"

O ex-senador Pedro Simon, PMDB, hoje, na CIC, falando para 200 pessoas, casa lotada, em Caxias do Sul:

- Sempre se roubou, se fez falcatrua, mas ninguém teve a competência de fazer a roubalheira que tiveram os governos do PT.

Pedro Simon referiu-se ao “Clube de Obras do Governo”. 

E avisou:

- Hoje estamos vivendo um momento novo. Se for condenado, vai para a cadeia. O que não pode é engavetar”, 

Juiz Federal de Passo Fundo fulmina ação que queria barrar ministros de Temer

Ao lado, Alves, Jucá e Geddel. O autor da ação de Passo Fundo nunca questionou a nomeação de oito ministros de Dilma que estavam sob investigação.


Um juiz federal de Passo Fundo (RS) negou o pedido de liminar (decisão judicial provisória) contra a nomeação pelo presidente interino, Michel Temer (PMDB), dos ministros Romero Jucá (Planejamento), Geddel Vieira Lima (Secretaria de Governo) e Henrique Eduardo Alves (Turismo).

A ação, movida por um morador de Passo Fundo, afirma que os ministros não poderiam ter tomado posse por serem citados nas investigações da Operação Lava Jato, com base no princípio da "moralidade" na administração pública.

Em sua decisão, o juiz da 1ª Vara Federal de Passo Fundo, Rafael Castegnaro Trevisan, afirma que não há nenhuma proibição legal de que investigados sejam nomeados ministros e diz que o Judiciário não pode interferir na escolha do ministério pelo presidente interino da República.
"[A nomeação] é ato que envolve um juízo de conveniência e oportunidade, uma escolha livre, que não é passível de revisão por meio do Poder Judiciário", escreve Trevisan na decisão.
"Um segundo ponto a levar em conta, neste caso, é a ausência de qualquer norma vedando a nomeação de pessoa 'investigada' em inquérito policial, ou mesmo ré em ação penal, para o exercício do cargo de ministro", diz o juiz ao negar a liminar.

Caso Lula
Na ação é citado o caso do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que teve sua posse na Casa Civil do governo Dilma Rousseff barrada por decisões da Justiça Federal e por uma liminar do ministro do STF Gilmar Mendes. O juiz de Passo Fundo rejeita a comparação. Para ele, no caso dos ministros de Temer, não há a suspeita de que a nomeação tenha servido a dar foro privilegiado aos investigados. Trevisan também critica a interferência da Justiça na posse de Lula.

Pedro Parente é o nome da hora para presidir a Petrobras

O engenheiro Pedro Parente, atualmente no conselho do Grupo RBS, é o nome do momento para assumir o posto de novo presidente da Petrobras.

No setor público, Parente foi Ministro de Estado do Governo FHC (Casa Civil, Planejamento e Minas e Energia) e ocupou diversos outros cargos na área econômica do Governo. Foi também consultor do Fundo Monetário Internacional e de instituições públicas no País, entre as quais a Assembleia Nacional Constituinte de 1988 e diversos estados da Federação.

Cuba reclama da "falta de liberdade e de democracia" no Brasil

O governo de Cuba assumiu neste final de semana a liderança dos governos estrangeiros que protestam contr ao que chamam de "golpe parlamentar" no Brasil.

O que dizem os Castro:

- Houve violação do estado democrático de direito e um governo que não foi eleito assumiu em Brasília.

A defesa da organização criminosa lulopetista e do governo Dilma parte agora da mais sangrenta, feroz e repulsiva ditadura comunista dinástica da América Latina, que suprimiu as liberdades e a democracia há 50 anos.

RBS é o próximo alvo do MPF

A RBS será o próximo alvo dos procuradores do MPF que hoje denunciaram o grupo Gerdau na Justiça Federal, tudo no âmbito da Operação Zelotes.

Zelotes: PF indicia 19 em inquérito sobre a Gerdau. MPF diz que grupo gaúcho tentou sonegar R$ 1,5 bilhão.

André Gerdau, o presidente, foi levado coercitivamente para depor na Polícia Federal. 


Entre os alvos, estão dirigentes da siderúrgica, advogados e conselheiros do Carf, ligado ao Ministério da Fazenda; eles devem responder por corrupção, lavagem de dinheiro e tráfico de influência

A Polícia Federal indiciou dezenove pessoas por corrupção ativa e passiva, lavagem de dinheiro e tráfico de influência, no inquérito da Operação Zelotes que apura o envolvimento da siderúrgica Gerdau no esquema. 

Entre os alvos, estão membros da diretoria da empresa, advogados e conselheiros e ex-conselheiros do Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf). Os nomes não foram divulgados. Os indiciamentos constam do relatório final da 6ª fase da Zelotes, que foi encaminhado à Justiça na última sexta-feira.

Os investigadores suspeitam que a empresa tenha tentado sonegar até 1,5 bilhão de reais por meio de lobistas que pagavam propina no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf). Em fevereiro deste ano, quando a 6ª etapa foi deflagrada, o CEO do grupo, André Bier Gerdau Johannpeter, filho do empresário Jorge Gerdau, chegou a ser levado coercitivamente para depor na Polícia e escritórios da empresa foram alvo de mandados de busca e apreensão.

Ao autorizar os mandados, o juiz Vallisney de Souza Oliveira, da 10ª Vara Federal em Brasília, afirmou que a Gerdau teve diversos julgamentos favoráveis no Carf, entre 2012 e 2014. 

Segundo a PF, o relatório tem 176 páginas e está "fartamente documentado" com material apreendido durante o cumprimento dos mandados na empresa. A polícia também apontou que os envolvidos continuaram praticando os crimes, mesmo após a deflagração da Zelotes, em março de 2015.
Em maio deste ano, a Justiça condenou nove réus da Zelotes no âmbito do inquérito que apura a compra de Medidas Provisórias no Congresso para beneficiar montadoras automobilísticas.

Esta noite, Delcídio Amaral promete detonar Dilma, Lula e Renan

Esta noite, 22h, TV Cultura (TVE no RS), canal 160 da Sky, o ex-senador Delcídio Amaral falará no programa Roda Viva.

Ele promete detonar Dilma, Lula e Renan Calheiros.

Ana Amélia reage ao aumento do CPMF

A senadora Ana Amélia Lemos disse esta manhã em Porto Alegre que não votará qualquer proposta de aumento de impostos.

Inclusive a CPMF, cuja proposta foi entregue por Dilma ao Congresso.

Em reunião com a Executiva, questionada sobre possível convite para assumir a liderança do governo no Senado, Ana Amélia avisou que não pensa no assunto, até porque teria que defender a proposta da CPMF e ela não faria isto.

A senadora não quer mais impostos e quer mais cortes severos de gastos públicos.

Yeda avisou que ia cortar o ponto, cortou e o corte foi mantido depois da greve de novembro de 2008

O editor recebeu mensagens por WhatsApp e Outlook, todas falando sobre o corte de ponto de professores grevista, porque no governo Yeda Crusius isso foi feito: na greve ocorrida entre 17 a 28 de novembro de 2008 o ponto foi cortado. 

O editor informou de manhã cedo que governo algum corta ponto para valer.

No final daquele ano, a Assembleia aprovou em lei o abono de ponto e a governadora vetou esse dispositivo legal. O veto do executivo foi mantido pela Assembleia em março de 2009. Por fim, o Cpers ingressou com mandado de segurança contra o corte de ponto na greve, que o Segundo Grupo Cível do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul julgou improcedente, por unanimidade, em 13 de março de 2009. Entretanto, o governo Tarso terminou por abonar o corte de ponto da greve dos professores realizada em novembro de 2008.

Relatos mais detalhado desse fato encontram-se no livro "Boa Escola para Todos", páginas 80 a 84 e 94 e 95, assinado pela ex-secretária da Educação do RS, Mariza Abreu. 

PTB não quer saber de Zacher no ministério do Trabalho

O ministro Ronaldo Nogueira, PTB, já avisou que Flávio Zacher, PDT, não permanecerá na superintendência do Trabalho no RS.

O deputado Luiz Carlos Busato disse neste final de semana ao editor que ainda esta semana o ministro definirá os casos de substituição em órgãos ligados ao seu ministério.

Santa Clara confirma investimento de R$ 100 milhões em Casca

A cooperati9va gaúcha Santa Clara confirmou hoje que começará as obras da sua nova fábrica de lacteos de Casca no mês de junho, devendo investir ali R$ 100 milhões. R$ 70 milhões sairam dos cofres do BRDE.

A fábrica processará 600 mil litros de leite por dia.

Viúvas de Dilma - Governo Sartori avisa que não tolerará a violência das ruas

Na foto ao lado, dez deputados do PT e seu satélite Psol, pedem a demissão do secretário da Segurança, acusado de usar força excessiva contra manifetantes pró-organização criminosa lulopetista. A OAB também tirou nota esta tarde. A Ordem defende o direito às manifestações de rua, mas pediu ordem e paz. 
CLIQUE AQUI para ler "Os golpes do petismo", Arnaldo Jabor.

O governador Ivo Sartori acaba de tirar nota para denunciar que a ocorrência de manifestações de violência de rua, são tentativas políticas de "gerar tumulto por meio de práticas já conhecidas", avisando que manterá a ordem pública com intransigência.

A nota não responsabiliza o PT e seus satélites, no caso PSOL e PCdoB, além dos aparelhos que controlam, como CUT, MST, UNE e Cpers, mas a ordem de recrudescer vem daí. São todos viúvos do governo Dilma Roussef e não querem aceitar as punições impostas à organização criminosa lulopetista e seus líderes.

As minorias agressivas inconformadas teimam em usar a liberdade para acabar com ela.

Diz a nota do governo:

Todos os grupos sociais têm direito a fazer manfiestações públicas, pois essa é uma garantia constitucional e democrática. Porém tal direito deve conviver com a ordem pública, o que exige que os direitos dos demais cidadãos também sejam respeitados.

PT quer reunir seus satélites PDT, PSOL, Rede e PCdoB para defender mandato de Dilma

Sem a presença de Dilma Roussef, a direção nacional do PT confirmou reuniões para hoje e amanhã, tudo com o objetivo de construir uma coalizão para defender o mandato de Dilma Roussef.

A idéia é construir uma frente de esquerda que reúna o PT e seus satélites, no caso PDT, PSOL, Rede e PCdoB, mais sindicatos e ONGs aparelhados.

A mobilização cobrirá os 17 dias que faltam para que Dilma apresente sua defesa prévia no Senado.

Impeachment de Dilma poderá sair dentro de 70 a 90 dias. 2/3 serão ampliados.

Os 55 votos que decretaram o afastamento de Dilma Roussef não são considerados suficientes para dar tranquilidade ao governo Michel Temer, porque nenhum deles pode falhar na hora da votação final do ipeachment, quando serão necessários 54, ou 2/3 do total de 81 senadores.

O editor conversou com senadores e deputados federais neste final desemana sobre o assunto.

São todos da base.

Os cálculos são de que nenhum dos 55 votos favoráveis mudará de posição. A eles poderão somar-se os seguintes votos:

Dos que votaram não (22)
João Alberto Souza, PMDB do maranhão
Otto Alencar, PSD da Bahia

Dos que se ausentaram
Eduro Braga, PMDB Amazonas
Jader Barbalho, PMDB Pará
Suplente de Delcídio Amaral

Abstenção
Renan Calheiros, presidente

Neste caso, seriam 61 votos.

O ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, calculou neste final de semana que a votação do impeachment poderá ocorrer na última semana de agosto ou primeira de setembro, portanto dentro de 70 a 90 dias, a metade do tempo máximo previsto pela lei.

Crise afetou Fies, Pronatec e Ciência sem Fronteiras

Não faltaram programas nesses 13 anos do PT no poder. Entre os mais controvertidos estão os que transferiram recursos para o setor privado, aumentando o número de estudantes nas universidades.

Fies 
No caso do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), em que o governo financia o estudo de alunos de baixa renda em universidades particulares, R$ 17,8 bilhões foram investidos em 2015. No ano passado, 2 milhões de alunos estavam na universidade privada graças ao Fies, que o governo apresenta como “empréstimo” a ser devolvido pelos beneficiados depois de formados.
Com as novas medidas, a explosão de matrículas por meio do Fies teve um freio. Entre 2014 e 2015, houve 243 mil vagas a mais. De 2013 a 2014, o aumento tinha sido de 733 mil matrículas.
“Na educação, o governo fez um financiamento pesado no setor privado, que antes não havia, a não ser para pesquisa. Refletiu uma expansão do setor privado de educação e agora está em crise porque o custo foi muito alto. O gasto no Fies aparece como empréstimo, mas é gasto, porque não vai ser pago. 

Pronatec e Ciência sem Fronteiras
Outra bandeira do governo de Dilma Rousseff, que escolheu o lema Pátria Educadora para seu segundo mandato, foi a ampliação do ensino técnico, por meio do Pronatec. A presidente também apostou no Ciência sem Fronteiras, que financiava o intercâmbio de estudantes para o exterior. São programas problemáticos, caros, feitos sem análise técnica. A eficácia de alunos no exterior é duvidosa. 

A crise econômica atingiu drasticamente o Pronatec, criado em 2011. A estimativa de 12 milhões de vagas oferecidas até 2019 foi reduzida para 6,5 milhões. Os 3 milhões de matrículas oferecidas em 2014 caíram para 1,2 milhão em 2015. No caso do Ciência sem Fronteiras, a oferta de vagas foi suspensa em setembro. Em 2014, 38,6 mil bolsas foram oferecidas.

Opinião, José Fogaça - Compromisso número 1 deve ser a mudança do Pacto Federativo

Assisti ao primeiro pronunciamento do presidente em exercício, Michel Temer, e penso que ele fez uma abordagem correta de todos os temas sobre o estado geral da crise brasileira em sua primeira manifestação ao país.
Fiquei impressionado com o compromisso do Presidente com a mudança do Pacto Federativo.
Considerando que, tanto o Estado como o Município vivem enormes dificuldades financeiras, a repartição do bolo tributário precisa ser mais justa no Brasil.
Hoje, mais de 60% dos impostos arrecadados no país ficam com o Governo Federal sendo os estados e municípios, os primos pobres.
Se, realmente, Michel Temer estiver comprometido com uma melhor distribuição de recursos, nós estamos, verdadeiramente, diante de uma revolução.
Os municípios e os estados têm ficado com os encargos (a prestação dos serviços) e a União com os recursos.
Nenhum presidente da República teve visão e coragem para fazer esta mudança;
Mudar essa realidade é o que há de mais importante no Brasil de hoje.

Michel Temer está apontando o caminho certo!

Atividade econômica recua 0,7% no primeiro trimestre, diz Serasa Experian

Apesar da retração, resultado mostra que recessão perdeu fôlego

O Indicador Serasa Experian de Atividade Econômica (PIB Mensal) exibiu retração de 0,7% no primeiro trimestre de 2016 frente ao último trimestre do ano passado, já efetuados os devidos ajustes sazonais. Na comparação com o primeiro trimestre de 2015, o recuo na atividade econômica foi de 5,5%.

De acordo com os economistas da Serasa Experian, apesar de ter sido mais uma retração trimestral da economia (a quinta consecutiva), tal resultado sinaliza que a recessão perdeu fôlego no primeiro trimestre de 2016, já que a queda, na margem, foi a menor do que a dos trimestres anteriores: -1,4% no 4T15; -1,7% no 3T15 e -2,1% no 2T15.

CLIQUE AQUI para acompanhar todo o estudo.

Denúncia do MPF avisa que a corrupção na cadeira leiteira gaúcha continua livre, leve e solta

O consumidor só está protegido quando opta por marcas muito conhecidas e que têm muito a perder com a corrupção da cadeia. 

A repórter Marina Schmidt, lembra em duas páginas do Jornal do Comércio que háá três anos, quando foi deflagrada a primeira Operação Leite Compensado para combater fraudes na atividade leiteira do Rio Grande do Sul, era difícil prever os rumos que as investigações tomariam. Hoje, os indícios são de que as ilegalidades vêm sendo praticadas há décadas, graças a uma relação corrompida entre empresas do setor e responsáveis pela fiscalização federal.

A reportagem da jornalista fundament-se numa ação movida pelo Ministério Público Federal (MPF), obtida com exclusividade pelo seu jornal.

O MPF avisa que a corrupção na cadeia leiteira é histórica e não acabou mesmo com a forte repressão dos últimos anos.

Leia tudo:
A denúncia foi apresentada à Justiça Federal em março e implica dois servidores públicos vinculados ao Ministério da Agricultura (Mapa) - o fiscal federal agropecuário aposentado Paulo Régis Motta e o agente de fiscalização Jorge Luiz Pinto Soares - além de quatro pessoas envolvidas na administração e operações da Hollmann Laticínios: o representante comercial Carlos Alberto Seewald, o consultor empresarial Mario Stockmann, o empresário Eduardo Fuhr e o empresário e técnico químico Sérgio Alberto Seewald. Os crimes citados são corrupção ativa e passiva, associação criminosa e violação de sigilo profissional.

CLIQUE AQUI para ler tudo.

68,8% dos cariocas desaprovam o governo Dilma Roussef

Nesta pesquisa de opinião pública concluída hoje pelo Instituto Paraná Pesquisas, os governos de Dilma e de Luiz Pezão são extraordinariamente mal avaliados pelos eleitores cariocas:

Governo Dilma
Desaprovam, 68,8%
Aprovam, 26,9%
Sem opinião, 4,3%

Governo Pezão
Aprovam, 13,2%
Desaprovam, 83,9%
Sem opinião, 2,9%

Paraná Pesquisas diz que Crivella lidera no Rio com 38,1%. Marcelo Freixo é o segundo, 11,4%.

Marcelo Crivella, ex-senador, cantor golpel, bispo da Igreja Universal, homem do bispo Edir Macedo, PRB, é o candidato mais forte.


O Instituto Paraná Pesquisas acaba de entregar ao editor o resultado das pesquisas de opinião pública e intenções de votos que fez no Rio de Janeiro.

A seguir, os resultados da pesquisa de intenções de votos para prefeito do Rio (89,1%, na espontânea, dizem que ainda não têm candidato):

Não sabe, 9,2%
Nenhum,, 13%
Crivella, 38,1%
Marcelo Freixo, 11,4%
Flávio Bolsonaro, 8,1%
Jandira Feghali, 7%
Pedro Paulo, 4,4%
Alessandro Molon, 3%
Indio da Costa, 2,2%

Os demais candidatos marcam menos de 2%.

Denunciada e indiciada pela PGR e PF, senadora petista Gleise Hoffmann se manda para o exterior (para nunca mais voltar?!)

Na denúncia oferecida ao Supremo Tribunal Federal (STF) contra a senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR), o marido dela, Paulo Bernardo, e o empresário Ernesto Krugler, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pede que, além de abrir uma ação penal contra os três, a Corte estipule devolução de R$ 2 milhões por danos morais e materiais em razão do dinheiro desviado.

De acordo com Janot, o valor que precisa ser devolvido se refere ao dobro do que foi desviado da Petrobras para os três, acusados de corrupção passiva e lavagem de dinheiro por suposto recebimento de valores desviados da Petrobras para a campanha de Gleisi ao Senado em 2010.

Segundo Janot, delações premiadas da Lava Jato e provas obtidas a partir delas apontam indícios suficientes do envolvimento do trio em atos de corrupção.

Em abril, a Polícia Federal já havia indiciado por corrupção a senadora e o marido dela, ao concluir inquérito sobre a campanha da parlamentar ao Senado. A PF entendeu que há indícios suficientes de que a campanha de Glesi recebeu R$ 1 milhão em propina.

- A senadora Gleise Hoffmann, mais os senadores Lindbergh Farias (PT-RJ), Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM) e Roberto Requião (PMDB-PR) realiza uma "excursão" a Portugal, por conta do contribuinte brasileiro, para falar mal do Brasil difundindo a mentira do “golpe” na qual nem mesmo eles acreditam – do contrário, teriam feito essa alegação ao Supremo Tribunal Federal (STF), que atua como guardião da Constituição. Não se sabe se a PGR ou a PF autorizaram a viagem da senadora petista.

Fortunati mandará para a Câmara, hoje, projeto que legaliza o Uber

O prefeito José Fortunati protocolará, hoje,na Câmara de Vereadores, o projeto de lei que regulamenta o transporte de passageiros por aplicativos, como o Uber.

O projeto prevê requisitos como a exigência de carros novos, cadastramento na prefeitura, realização de vistorias a cada seis meses e pagamento de taxa mensal de R$ 180,00.

Os carros terão que contar com placas de Porto Alegre.

Vendas de calçados caem 13% no primeiro trimestre

O comércio de calados caiu cerca de 13% em volume no primeiro trimestre em relação a igual período do ano anterior. Ao se comparar março deste ano com o mesmo mês de 2015, a retração registrada foi maior, de 14%. Os resultados do setor têm sido negativos desde janeiro, segundo a Abicalçados.

O segmento só deve ver as vendas melhorarem a partir de novembro, aquecidas pelo Natal e caso o efeito das mudanças políticas na confiança do consumidor já seja perceptível, diz Heitor Klein, presidente da entidade.

Também é  possível que haja uma recuperação das vendas no meio do ano, com o inverno.

Se o mercado interno ensaia passos mais tímidos, as vendas ao exterior subiram.

Em abril, as empresas exportaram 8,4 milhões de pares, por US$ 69 milhões (R$ 241,7 milhões) -números superiores tanto em volume (11,7%) quanto em valor (0,8%) em relação a 2015.

Claudio Humberto diz que Dilma pensa renunciar para disputar governo do RS ou do Rio

As pedaladas de Dilma ao lado do Guaíba já seria alguma forma subliminar de propaganda eleitoral. 


O jornalista Claudio Humberto diz hoje no seu blog Diário do Poder que Dilma Rousseff pretende repetir o gesto do ex-presidente Fernando Collor e renunciar antes de o Senado iniciar seu julgamento. Alta fonte petista diz que a renúncia passou a ser considerada após a aprovação da admissibilidade do impeachment no Senado por 55x22 votos. Para condená-la, 54 votos bastam. A ideia seria fazer o caminho do ídolo Leonel Brizola, disputando o governo gaúcho ou o do Rio de Janeiro. A informação é do colunista Claudio Humberto, do Diário do Poder.

Leia tudo:

Confirmada a fortíssima possibilidade de impeachment, Dilma ficará inelegível por oito anos. A renúncia preservaria sua elegibilidade. Dilma manterá estratégia de se vitimizar, repetindo à exaustão a lorota de “golpe” e mantendo mobilizada o que imagina ser sua militância. A prioridade de Dilma seria disputar o governo do Rio Grande do Sul, onde se radicou. E foi até secretária estadual. 

No caso de Collor não deu certo: na ocasião, o Senado ignorou a renúncia e decidiu manter o julgamento, aprovando o impeachment.

Claudio Humberto mitou!!!

Temer vai cortar dinheiro para blogs e sites pró-PT

\O presidente Michel Temer ordenou pente fino na lista dos blogs e sites pró-PT que operam no País e vai cortar todas as verbas destinadas a eles.

Os gastos previstos com propganda da Presidência pasra este ano são de R$ 252 milhões para toda a mídia, inclusive TVs e jornais. Até abril, Dilma gastou R$ 80 milhões.

Os cortes começaram esta manhã, mas por enquanto nos comandos da área de comunicação (leia nota a seguir).

Casa Civil demite Ricardo Mello da TV Brasil

Ricardo Mello, presidente da EBC - TV Brasil, nomeado no apagar das luzes do governo Dilma Roussef, foi demitido pela Casa Civil.

A TV Brasil também precisa ser demitida.

A emissora criada pelos petistas, já consumiu R$ 6 bilhões de dinheiro público.

Para nada.

Laerte Rímoli irá para o lugar de Mello.

Os petistas que ainda não se flagraram, grudaram nos carguinhos e não se demitiram, serão enxotados no decorrer desta semana.

CLIQUE AQUI para ler "A Confeitaria do Custódio", Cristóvão Tezza, Folha.

Artigo, Reinaldo Azevedo, Veja - Finalmente, temos um ministro da Justiça que fala em nome da lei e da Constituição democráticas!

Impecável da primeira à última linha a entrevista concedida por Alexandre de Moraes, ministro da Justiça, à Folha desta segunda. Não tenho um só reparo a fazer. Se palavras se transformarem em ações — e Moraes demonstrou isso em outras circunstâncias —, então o país avançará.


Vamos lá.

CLIQUE AQUI para ler tudo. O editor recomenda. 

FGV: aceleração do IGP-10 refletiu maiores preços agropecuários e ao consumidor

O IGP-10 apresentou alta de 0,60% em maio, conforme divulgado há pouco pela FGV. O resultado ficou acima da projeção feita pelos economistas do Bradesco e da mediana das expectativas do mercado, que apontavam avanços de 0,57% e 0,55%, respectivamente. A aceleração em relação a abril, quando o índice subiu 0,40%, refletiu, majoritariamente, o maior avanço do IPA agropecuário, que oscilou de uma elevação de 1,07% para outra de 1,97%, e do IPC, que passou de 0,43% para 0,60%. Para tanto, quatro dos oito grupos que compõem o IPC contribuíram para o resultado mais pressionado, com destaque para saúde e cuidados pessoais, que saiu de uma alta de 0,94% para outra de 2,53%. Já o IPA industrial praticamente manteve o ritmo do mês passado, ao crescer 0,07% (ante 0,05%). Por fim, o INCC desacelerou de 0,67% para 0,33% no período.

Mercado prevê recessão ainda maior para 2016

CLIQUE AQUI para ler reportagem da Folha: "Empresários sugerem que Temer faça mal rápido e bem aos poucos".

O mercado fez apenas ligeiros ajustes em suas projeções, com destaque para a inflação e a taxa Selic no final de 2017, conforme apontado pelo Relatório Focus, com estimativas coletadas até o dia 13 de maio, divulgado há pouco pelo Banco Central. 

A mediana das expectativas para o IPCA permaneceu em 7,00% em 2016 e recuou de 5,62% para 5,50% em 2017. As estimativas para o PIB em 2016 passaram de uma queda de 3,86% para outra de 3,88% e, para o ano que vem, continuaram apontando expansão de 0,50%. A mediana das projeções para a taxa Selic se manteve em 13,00% no final de 2016 e recuou de 11,75% para 11,50% no próximo ano. Por fim, as estimativas para a taxa de câmbio permaneceram  em R$/US$ 3,70 para o final deste ano e em R$/US$ 3,90 para o final do ano que vem.

Jairo Jorge namora o PDT

Caso o PT do RS continue pressionando por vetar alianças com "golpistas", o prefeito de Canoas, o mais importante da Grande Porto Alegre, fora a Capital, Jairo Jorge, poderá ir para o PDT, onde apoiaria sua vice, Beth Colombo, PRB, colocando o companheiro de chapa dela, o vereador trabalhista Dário.

Jairo Jorge tem pretensões maiores para si mesmo.

E está de olho no Piratini.

O PDT tem candidato, no caso o prefeito José Fortunati, Porto Alegre, que conclui melancolicamente seu mandato, com dezenas de obras pela metade.

Lula, irritado com a doença de Carlos Araújo, ex-marido de Dilma, que não podia ajudá-lo, reclama:"Tira o canudo do nariz dele, caralho ! Porra !"

A ex-presidente Dilma Roussef aproveitou o final de semana em Porto Alegre para descansar e também ouvir seu ex-marido e conselheiro ad hoc, Carlos Araújo. O chefe de Dilma, Lula da Silva, não tem muito respeito por Araújo, conforme demonstra o grampo a seguir, efetuado pela PF durante a Operação Alatheia. No grampo, Lula comenta com seu ex-ministro Paulo Vanuchi, que quer o apoio de Carlos Araújo no "convencimento" da ministra Rosa Weber, do STF, para obstaculizar o andamento da Justiça. Na ocasião, Araújo estava internado no Moinhos de Vento. Vanuchi diz a Lula que ele estava com um canudo no nariz. O líder de Dilma retruca: "O canudo tira em 30 segundos, caralho ! Porra !". Tarso Genro também foi mobilizado para ajudar, mas escapou. Sobre o procurador que pegou Lula na época, ele adjetivou-o pesadamente: "É um filho da puta mesmo !". 

LILS: Alô
PAULO VANNUCHI: Fala meu chefe!
LILS: Tudo bem, PAULINHO?
PAULO VANNUCHI: Tudo bom.
LILS: PAULINHO, você ficou de me dá um retorno.
PAULO VANNUCHI: é, então, eu liguei pra ele agora, o que aconteceu, é aquela hora ontem eu liguei pro meu contato e soube que ele tava na UTI, numa situação grave, porque é respiratória, então fica com aquelas coisas, que não dá pra falar direito, canudo no nariz. Não é nada grave, assim de risco de vida, mas é o tal enfisema. Aí, eu demorei um pouco, consegui falar com o GENRO, que também é da área, conhece e tal. Primeiro eu perguntei pro GENRO se ele tinha condição de DIRETAMENTE falar com a pessoa, e o GENRO respondeu que não, "não tenho contato" aí tem que ser com "ELE" mesmo. Então como é que vamos fazer? Então amanhã eu vou visitá-lo, e eu acabei quando eu vi o recado do MORAES pra ligar, eu liguei pra ELE nesse instante, e "ELE" falou "estou indo daqui a pouco pra lá, já leu nos jornais, então já sabe do que se trata, e vai falar com "ELE". Agora eu até perguntei "você acha que ele tem condição, de nessas coisas, com canudo no nariz, é, telefonar?". ELE falou "eu vou lá, vou sentir e te dou um retorno".
LILS: O canudo tira 30 segundos, caralho! Porra!
PAULO VANNUCHI: Pois é, então eu tô nessa expectativa e te dou uma informação ainda hoje.
LILS: tá bom querido. Você sabe qual é a ação nossa, quem é que vai...a SAO PAULO?!
PAULO VANNUCHI: Sei, sei, sei.
LILS: e aquele filho da puta do Procurador antes de dar a notícia da intimação, na quinta-feira, para o
advogado, deu pra GLOBONEWS. É um filho da puta mesmo!
PAULO VANNUCHI: Ativista político. Coxinha.
LILS: O problema é o seguinte, PAULINHO, nós temos que comprar essa briga, eu sei que é difícil, sabe?! Eu as vezes fico pensando até que o ARAGÃO deveria cumprir um papel de homem naquela porra, porque o ARAGAO parece nosso amigo, parece, parece, mas tá sempre dizendo "olha..."

A vigília solitária, o "plantãozinho" de William na frente da casa de Dilma Roussef

A ex-presidente Dilma Rousef não regressou ontem a Brasília, permanecendo em Porto Alegre também no domingo.

Um manifestante isolado, o gestor em recursos humanos William Rodrigues, Tramandaí, fez "plantãozinho" na frente da casa. Ele disse ao jornal Correio do Povo:

- Por tudo que estamos vendo agora, parece que há um retrocesso. Eu vi esse filme em 1964.

William Rodrigues, tem 26 anos. Caso tivesse visto o filme em 1964, teria 52 anos, o dobro da sua idade atual.

REFRESCANDO A MEMÓRIA
O link a seguir apresenta o conjunto completo dos grampos apanhados na Operação Aletheia, Polícia Federal. Eles mostram com crueza invulgar quem são os ícones do gestor de recursos humanos que mora e trabalha em Gravataí.
CLIQUE AQUI par examinar.

Cpers promove nova greve. Secretário da Educação, demissionário, passeia na Europa.

O Cpers confirmou greve geral em todas as escolas públicas estaduais do RS. O governo Sartori garantiu que as escolas abrirão, mas começa o dia com dificuldades na interlocução com os grevistas, já que seu secretário da educação, demissionário, foi passear na Europa.

O Piratini ameaça com corte de ponto, sempre faz isto e nunca cumpre.

Temer diz no Fantástico que sua missão é recuperar os empregos e pacificar o País

- Na entrevista, o presidente vacilou ao responder se seria candidato em 2018 e também sobre expurgo de ministro que virar réu em processo judicial, mas acabou negando a primeira pergunta e confirmando a segunda. Em algumas cidades, inclusive Porto Alegre, panelaços ocorreram durante a fala de Temer. Isto restringiu-se a áreas de forte presença de eleitores lulopetistas, como a zona central da Capital do RS. 

O presidente Michel Temer chamou reunião com as centrais sindicais para esta tarde. CUT e CTB, aparelhos do PT, não responderam até agora, mas as demais, como Força Sindical, já confirmaram. A reunião foi convocada depois de críticas da Força Sindical a falas de ministros sobre a reforma da previdência. As centrais não querem saber de mudança alguma. A reunião com as centrais terá a presença dos ministros da Fazenda, Casa Civil e Trabalho.

Ontem a noite, Michel Temer concedeu longa entrevista ao programa Fantástico e avisou que nos dois anos de mandato buscará alcançar dois pontos centrais:

- Recuperar os empregos, reduzindo a carga atual de 11,1 milhões de desempregados deixados na rua por Dilma.
- Pacificar o País.

Na mesma noite, ontem, o ministro da Fazenda, revelou no mesmo programa que a recuperação do emprego é ponto nodal do novo governo, mas disse que isto depende do ajuste fiscal, das medidas de desregulamentação que destravem investimentos  e da confiança que conseguir infundir a empreendedores e consumidores.

Semana começa com sol e bastante frio no RS

O sol apareceu com nuvens na maior parte do RS nesta segunda-feira, inclusive Porto Alegre. Pode chover e garoar no Norte e Nordeste do Estado.

A temperatura caiu bastante com o ingresso do ar polar.

As 7h53min, os termômetros marcaram 15 graus em Porto Alegre.

As temperaturas mínimas oscilaram entre os 4°C em São José dos Ausentes e os 6ºC em Santana do Livramento. As temperaturas máximas não devem passar dos 18°C em Capão da Canoa. Em Porto Alegre, os termômetros variarão  entre 10°C e 17°C.

Júlio Ribeiro lança hoje a Press Santa Catarina

Conforme esta página tinha adiantado há duas semanas, será lançada hoje a revista Press Santa Catarina, iniciativa do publisher gaúcho Júlio Ribeiro (foto ao lado).  

Na edição de estréia, a nova publicação detalha o modelo de desenvolvimento catarinense, descentralizado e diversificado pelas diferentes regiões e vocações do estado, que levou Santa Catarina a ostentar o 6º maior PIB do Brasil, o menor índice de desemprego, a 4a melhor renda per capita e o menor nível de analfabetismo do País.
      
Na entrevista de capa, o presidente da Federação das Indústrias de Santa Catarina - FIESC, faz uma radiografia do tipo de desenvolvimento pelo qual optou o estado, há mais de 50 anos, e os principais desafios para o setor produtivo manter-se competitivo, atuante e inovador. 
      
- A revista terá circulação nacional. A Press Santa Catarina terá periodicidade trimestral e tiragem de 10 mil exemplares.     

Examine o conteúdo em www.revistapress.com.br/santacatarina.

Artigo, Glauco Fonsêca - Presidencialismo de coalizão, antes e agora

Os nada saudosos governantes petistas, sempre que eram questionados a respeito de suas ações e obras, elencavam os valores investidos no empreendimento A, os bilhões gastos no projeto B e assim por diante. Ao serem perguntados o que haviam feito, de fato e por exemplo, no campo da saúde, respondiam sempre de pronto “investimos X bilhões na saúde no ano tal, 50% a mais do que o governo anterior”. Era sempre assim: milhões aqui, bilhões acolá. Se alguém perguntasse algo do tipo “OK, mas, de fato, o que está sendo feito com esse enorme orçamento mencionado? ”, ficava invariavelmente com respostas evasivas, quando não agressivas pois, para os petistas, o valor pecuniário era sempre mais importante do que as obras em si. A diferença – ainda que precária – se dava nas campanhas eleitorais, onde apareciam algumas obras que deveriam ilustrar ou desvendar o destino dos recursos. As lacunas de verdade se davam nestes “esclarecimentos” também precários a respeito de obras que até hoje, em grande parte, estão ou inconclusas ou sequer ainda saíram do papel.

Esse método - lidar com os montantes como se bastassem para que as coisas se tornassem reais ou de divulgar valores como se esses fossem fruto da generosidade petista - além de enormemente irresponsável, escondia a estupenda incompetência gerencial petista, bem como sua inapetência para o trabalho efetivo. Os tais bilhões de dólares para a duplicação de uma rodovia era, para eles, o trabalho em si. A rodovia? Ora, quem se importa?

CLIQUE AQUI para ler tudo.