Fortunati mandará para a Câmara, hoje, projeto que legaliza o Uber

O prefeito José Fortunati protocolará, hoje,na Câmara de Vereadores, o projeto de lei que regulamenta o transporte de passageiros por aplicativos, como o Uber.

O projeto prevê requisitos como a exigência de carros novos, cadastramento na prefeitura, realização de vistorias a cada seis meses e pagamento de taxa mensal de R$ 180,00.

Os carros terão que contar com placas de Porto Alegre.

4 comentários:

Anônimo disse...

Esse prefeito é uma piada.

Anônimo disse...

Legaliza o Uber? O projeto nada tem a ver com o Uber. O Uber é OUTRA coisa, e o projeto quer transformá-lo em uma coisa que só interessa à prefeitura.

Anônimo disse...

Não sou de RS, mas que prefeito ridículo. Uber é uma empresa privada, sendo assim, as únicas exigências seriam:
Veículos devem obedecer os requisitos estipulados pelo Detran;
Fiscalização se limitaria apenas em verificar se o veículo segue os requisitos.

Agora, cadastramento na prefeitura? taxa mensal? que merda heim.

Anônimo disse...

Piada de muito mal gosto...