Lixo, camas estragadas, desordem: é o Hospital Conceição

Ao lado, fotos da UTI do Hospital Conceição em Porto Alegre.Trata-se de um hospital federal. Ele integra um grupo que inclui também o Cristo Redentor. A primeira foto é dos boxes dos pacientes, sendo que a seguinte flagra camas estragadas, amontoadas no corredor da UTI.

. Lixo acumulado dentro dos boxes dos pacientes por causa de falta de pagamento do serviço de limpeza que é "terceirizado", camas estragadas se acumulando no corredor da UTI e desordem administrativa generalizada, colocando em risco a vida dos pacientes e demonstrando
a falta de compaixão com doentes e familiares.

. Os médicos ou funcionários que se insurgem contra isso ou denunciam ló que acontece, são perseguidos.
Com isso aparecem as infecções hospitalares, algumas deles de enorme gravidade e repercussão nacional.

Não se vê infecção hospitalar no Albert Einstein e nem no Sírio Libanês em São Paulo, onde se internou Lula algumas vezes. O presidente disse sempre que a "Saúde" dos brasileiros estava quase perfeita, mas jamais se internou fora destes dois hospitais.

PSB quer fechar apoio a Ana Amélia antes do dia 22 de fevereiro

O PSB quer fechar apoio a Ana Amélia Lemos antes da sua reunião de 22 de fevereiro, em troca do apoio exclusivo a Eduado Campos para presidente. O PSB dará o vice da chapa do PP.

Barbosa conta em Paris de que modo o STF é agora um dos principais atores políticos do Brasil

O correspondente do Estadão em Paris, Andrei Netto, registrou com rigor as importantes colocações que fez na cidade o presidente do STF, Joaquim Barbosa, ao analisar a ampliação do papel político que passou a exercer o STF.Isto se deve em grande parte à inatividade do Poder Legislativo, que se nega a legislar em determinados temas que o constrangem. Leia toda a reportagem:


PARIS - No colóquio do qual foi um dos convidados de honra do Conselho Constitucional da França ontem de manhã, o presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Joaquim Barbosa, afirmou que a Corte "se transformou em um dos principais atores do sistema político brasileiro".

A declaração foi feita em uma palestra na qual o magistrado destacou discussões recentes como a perda de mandatos de parlamentares condenados, uma das principais polêmicas do julgamento do mensalão em 2012.


O tema da palestra de Barbosa era "A influência da publicidade das deliberações sobre a racionalidade das decisões da Corte Suprema.

CLIQUE AQUI par aler mais.

Dilma passa o final de semana no doce e caro ócio de Lisboa. Ela reservou 30 apartamentos.

Luxo e circunstância numa das salas de estar que Dilma frequenta neste momento em Lisboa.


A presidente Dilma Rousseff está em Portugal, onde passa o fim de semana, segundo descobriu o jornal O Estado de S. Paulo deste sábado. A comitiva presidencial ocupa mais de 30 quartos de dois dos hotéis mais caros de Lisboa. Segundo o Estado apurou, a suíte que ela utiliza custa, no preço da tabela, cerca de R$ 26,2 mil (8 mil euros). Saiba mais:

A viagem não estava na agenda oficial da presidente, divulgada na sexta-feira à noite, e foi mantida em sigilo pelo Palácio do Planalto. A informação era de que ela estaria "sem compromissos oficiais" hoje e amanhã.

. Entre Davos e Cuba, Dilma e sua delegação decidiram passar o sábado em Lisboa. Além da presidente, a comitiva conta com alguns dos ministros que a acompanharam até a Suíça.

. Ela se hospeda no hotel Ritz de Lisboa. O estabelecimento colocou uma enorme bandeira do Brasil na sua parte frontal. 

CLIQUE AQUI para ler a notícia completa do Estadão.

Marco Alba terá reunião na quarta para defender calendário para a escolha do candidato do PMDB do RS

O ex-deputado e atual prefeito de Gravataí, RS, Marco Alba, disse hoje ao editor que na quarta-feira ele e os seguidores da candidatura de Paulo Ziukolski terão reunião para definir o calendário que proporão ao PMDB para a escolha do candidato ao governo do Estado.


. Marco Alba já esteve com seu grupo em cinco regiões para defender o nome de Ziukolski. "O nome dele ultrapassou em muito todas as expectativas que tínhamos", disse o prefeito de Gravataí. 

Entenda a crise argentina

Em artigo na edição de hoje, o jornal O Estado de S. Paulo tenta explicar o estágio astual da crise argentina. Vale a pena ler tudo.

CLIQUE AQUI para ler reportagem de hoje do Valor: "Indústria suspende fornecimento e comércio remarca preços".

Tendo garantido, há oito meses, que um dos princípios de sua política econômica era "cuidar do valor da moeda" e, por isso, aconselhava os que pretendiam se enriquecer à custa da desvalorização do peso a "esperar outro governo", a presidente argentina, Cristina Kirchner, nada teve a declarar nos últimos dias. Seu governo não terminou, mas o peso se desvalorizou vertiginosamente. A queda na quinta-feira foi a maior desde 2002, quando a Argentina estava mergulhada numa grave crise financeira e política. Só em janeiro, a desvalorização é de mais de 20%. Uma discreta intervenção do Banco Central no mercado oficial de câmbio evitou que a cotação do dólar ficasse acima de 8 pesos.

Numa variação que vem sendo interpretada como a medida da desconfiança com relação à política econômica do governo argentino, a desvalorização do peso no mercado paralelo já era muito forte e acabou chegando ao mercado oficial, diante da reação quase complacente do Banco Central à alta do dólar nos últimos dias.

Como a economia, o governo está em crise e sem apoio popular. 

CLIQUE AQUI para ler tudo.

Embora tente poupar as praias, CEEE impôs apagão até em Torres na virada do ano. Ontem voltou a promover apagão.

Voltou a faltar luz em Torres, Litoral Norte do RS, nessa sexta-feira, dia 24. Por meia-hora, das 16h30min, às 17 horas. Municípios do entorno - inclusive Passo de Torres - SC - que se abastece de energia gaúcha - também afetados. 

. Na noite do dia 31 de dezembro faltou energia em Torres, Arroio do Sal, Dom Pedro de Alcântara, Três Cachoeiras e Morrinhos do Sul. Por quase 2 h30min. Sorvetes derreteram, bebidas esquentaram e a comida só não estragou porque donos de restaurantes foram ágeis e competentes na preservação. Nessa região haviam 450 mil pessoas naquela noite (mais que Caxias do Sul ou Novo Hamburgo). No dia seguinte voltou a faltar luz nos municípios do entorno de Torres.

. Numa ação estratégica, a CEEE - D tem tentado poupar o Litoral dos cortes nessa época do ano. Capão da Canoa, Tramandaí, Cidreira e até Torres tem sido poupados dos apagões pois certamente a repercussão na mídia seria altamente negativa. Mas os municípios menores do Litoral são atingidos (tem menos repercussão na Mídia).


-  A princípio o gerente da CEEE D em Torres,  disse que o apagão do ano novo foi sobrecarga pelo consumo excessivo (em entrevista ao jornal Diário Gazeta, de Torres). Depois a CEEE D enviou informação dando conta de "problemas na rede". Soão explicações recorrentes, ano após ano, sem que a estatal estadual cumpra seu programa de investimentos, o que se deve à gestão temerária do governador Tarso Genro, que no final do ano meteu a mão em R$ 1,3 bilhão que a companhia tinha reservado para investir na melhoria e expansão de transformadores, subestações, linhas de distribuição e transmissão. 

Tarso usa bom senso e desiste de ir a Cuba

O governador Tarso Genro demonstrou bom senso ao desistir da viagem que faria hoje a Cuba. Tarso foi convidado para integrar a comitiva da presidente Dilma, que sairia de Brasília, mas ela resolveu ir diretamente de Davos para Havana, o que tirou o sentido da viagem do governador.

. Em Cuba, Dilma inaugurará melhoras no porto de Mariel, tudo com dinheiro do BNDES.

. Tarso foi hoje a Pelotas com vários secretários.

Fala de Dilma se assemelha à de FH

O jornalista Henrique Gomes Batista, O Globo, escreveu neste sábado que o discurso de estreia da presidente Dilma Roussef em Davos se parece muito com o que de Fernando Henrique Cardoso em 1998. Leia tudo:

A presidente “vendeu” o Brasil, foi pragmática, falou para Wall Street, justo no momento em que os investidores começam a “enjoar” dos emergentes. Uma estratégia diferente da primeira vez que seu “mentor” esteve no Fórum Econômico Mundial. Luiz Inácio Lula da Silva preferiu, em 2003, debater temas globais e propôs algo mais ousado ao sisudo evento: a criação de um fundo global de combate à pobreza.


Dilma, como FH no fim da década de 1990, discursou em um ano que disputará a reeleição. A presidente tratou dos impactos da crise global de 2008 da mesma forma que o tucano tentou afastar os fantasmas da crise asiática que teimavam em rondar o país. 

CLIQUE AQUI para ler mais.

Empresária denuncia: "Levei R$ 200 mil para o ministro Lupi"

A revista IstoÉ deste final de semana publica reportagem de capa na qual a empresária Ana Cristina Aquino diz que pagou propina para o ex-ministro Carlos Lupi e que o esquema para criação de sindicatos no Ministério do Trabalho permanece na gestão de Manoel Dias. 

. Lupi e Manoel Dias estiveram esta semana em Porto Alegre.

. Leia tudo:

A empresária mineira Ana Cristina Aquino, 40 anos, é uma conhecedora dos meandros da corrupção no Ministério do Trabalho e desde dezembro do ano passado vem contando ao Ministério Público Federal tudo o que sabe. As revelações feitas por ela tanto aos procuradores como à ISTOÉ mostram os detalhes da atuação de uma máfia que age na criação de sindicatos – setor que movimenta mais de R$ 2 bilhões por ano – e que, segundo a empresária, envolve diretamente o ex-ministro e presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, e o atual ministro, Manoel Dias. "Levei R$ 200 mil para o ministro Lupi numa mochilinha da Louis Vuitton", diz a empresária. De acordo com ela, o ministro Manoel Dias faz parte do mesmo esquema.

Ana Cristina é dona de duas transportadoras, a AG Log e a AGX Log Transportes, e durante três anos fez parte da máfia que agora denuncia.

CLIOQUE AQUI para ler tudo.