O dia no STF foi para a narração da terrível e sórdida história sobre o uso do dinheiro do BB, Visanet e Banco Rural para a engorda do Mensalão

- Foi terrível, pavoroso  e devastador para os interesses do PT e do governo Lula, o longo libelo acusatório feito pelo ministro Joaquim Barbosa para dar seu voto de condenação ao ex-diretor do Banco do Brasil e ex-presidente do Conselho do Previr, o Fundo de Pensão do próprio BB, que o PT manipula há muitos anos. Henrique Pizolato, o acusado, foi também membro proeminente do comitê que captou dinheiro para a campanha de Lula à presidência. O elenco de acusações e provas documentadas jorrou durante horas e horas a fio da boca do ministro, mostrando um líder petista apanhado em pleno saque do dinheiro público, visando irrigar as falcatruas do PT e do governo Lula para abastecer o Mensalão e o seu próprio bolso. Os detalhes não foram omitidos pelo ministro, até pelo contrário, tornando a história uma novela policial e política de características abomináveis. Ao final, Joaquim Barbosa votou pela condenação de Henrique Pizzolato. O material a seguir é da revista Veja e foi editado para esta página. Ao final, link completo da reportagem. 
O esquema do valerioduto recebeu dinheiro público por meio de repasses irregulares do Banco do Brasil (BB). A conclusão é do relator do processo do mensalão no Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Joaquim Barbosa, que evidenciou, de forma detalhada nesta segunda-feira, como o réu Henrique Pizzolato participou do desvio de milhões de reais da instituição financeira para a DNA Propaganda, de Marcos Valério, e ainda atuou de forma irregular ao antecipar em benefício do publicitário mineiro dinheiro do banco público. Em seu voto, o magistrado votou pela condenação de Pizzolato pelos crimes de peculato, corrupção passiva e lavagem de dinheiro, apropriando-se além disto de dinheiro em seu favor, levado ao seu apartamento pelo boy da Previr. Pizzolato chegou a conceder um "empréstimo" de R$ 18 mil para seu boy, que deu entrada na compra de uma casa para a família. 
Do total pago irregularmente pelo Banco do Brasil, 2,9 milhões dizem respeito ao chamado bônus de volume, uma gratificação paga pelos veículos de comunicação a anunciantes. De acordo com o contrato firmado entre o Banco do Brasil e a DNA, esses recursos deveriam ser pagos à instituição financeira. Mas a DNA se apropriou do montante. Outros 73,8 milhões foram pagos pelo Banco do Brasil à companhia de Valério sem que houvesse comprovação de qualquer serviço prestado. Parte dos pagamentos foi justificada com notas fiscais frias.
Ao tratar dos bônus de volume embolsados pela DNA, o ministro foi enfático: “A clareza da obrigação de devolução e o fato de todos os valores de bônus de volume de que a DNA Propaganda se apropriou pertencerem expressamente ao Banco do Brasil (permite concluir que) houve irrecusavelmente o crime de peculato”, disse o ministro
Visanet - Na segunda parte das anotações em que conclui que o valerioduto se valeu de recursos públicos, Joaquim Barbosa disse que Henrique Pizzolato recebeu propina de cerca de 326 000 reais como pagamento pelos serviços prestados à quadrilha. Entre as razões para o ex-diretor ter sido beneficiado por Valério, conforme denúncia do Ministério Público, está o fato de o Banco do Brasil ter autorizado o pagamento adiantado de mais de 73 milhões de reais à DNA.

“As informações são cristalinas. A Visanet só enviou recursos à DNA Propaganda por determinação do Banco do Brasil, acionista do fundo. Os repasses milionários as agências de Marcos Valério e de seus sócios foram determinados por meio de notas técnicas comandadas pela diretoria de Marketing do grupo”, disse o ministro. “Portanto, quem pagou a DNA Propaganda foi o Banco do Brasil, e não a Visanet, que foi mera repassadora dos recursos”, argumentou ele.
(...)
. O relator ainda mostrou, de forma didática, como os recursos pagos irregularmente pelo Banco do Brasil foram usados para a cooptação de parlamentares pelo governo Lula: no mesmo dia em que recebeu 35 milhões de forma irregular, por exemplo, a DNA transferiu 10 milhões de reais uma conta-investimento no Banco BMG. Quatro dias depois, esse montante serviu de garantia para o empréstimo concedido pelo BMG ao empresário Rogério Tolentino, comparsa de Marcos Valério. No mesmo dia, Tolentino transferiu 3,1 milhões de reais para a Bônus-Banval, empresa que distribuiu recursos diretamente a deputados do PP indicados por Delúbio Soares.
“Os empréstimos simultâneos serviram para dissimular os desvios de recursos do BB para os fins privados dos acusados Marcos Valério, Cristiano Paz e Ramon Hollerbach e para as pessoas indicadas por Delúbio Soares”, disse Barbosa sobre as formas como os recursos públicos iam parar no valerioduto.
Serviços - O relator também listou vários problemas nos serviços prestados pela DNA Propaganda – como "baixa qualidade nos textos" , "acabamento inadequado" e "inconsistência das propostas de mídia" – e mostrou que Henrique Pizzolato agiu de forma criminosa ao renovar o contrato com a companhia de Valério.

(...)
 “As provas demonstram que (Cristiano e Ramon) mantiveram reuniões com agentes públicos, que pagaram vantagens indevidas a parlamentares, paralelamente a contratação de suas agencias por órgãos públicos. As três agências (de publicidade DNA, SMP&B e Graffiti) simularam empréstimos bancários sobretudo no Banco Rural, importante etapa para a lavagem”, disse.
CLIQUE AQUI para ler mais. 

Leandro & Stormer – a maior comunidade de Traders do Brasil!
Especialista em educação para o mercado financeiro, a Leandro&Stormer oferece diversos cursos, presenciais e via internet, para que você se prepare e comece a ter rendimentos superiores aos da renda fixa. Acesse http://www.leandrostormer.com.br/ e confira!

Entenda tudo sobre o Mensalão, o julgamento que mandará para o lixo da história um Partido e um Governo que enganaram o Brasil

CLIQUE AQUI para examinar o mais completo e atualizado resumo sobre o atual processo do Mensalão e também toda a escabrosa e sórdida história protagonizada pela organização criminosa montada pelo PT e pelo governo Lula para corromper parlamentares e eleitores com dinheiro roubado do setor público. Este serviço maravilhoso é do jornal O Estado de S. Paulo e merece ser lido, copiado e passado adiante. 

No final de 2005, logo após o caso do mensalão estourar, em entrevista ao Estado,Delúbio Soares avaliou a crise no PT e previu que o julgamento do mensalão não iria para frente. "Nós seremos vitoriosos, não só na Justiça, mas no processo político. É só ter calma. Em três ou quatro anos, tudo será esclarecido e esquecido, e acabará virando piada de salão", apostou.

. Contrariando essa e outras previsões que colocavam em dúvida o julgamento sobre a principal crise do governo Lula, a data foi marcada. Sete anos após o caso vir à tona, teve início no dia 2 de agosto o julgamento dos 38 réus do mensalão.
. A expectativa é de que o julgamento seja o mais longo da história do STF, durando oito semanas ao todo. Em 120 anos, o Supremo conduziu processos que duraram no máximo sete semanas. Serão pelo menos 24 sessões ordinárias, entre colocações do relator, do procurador-geral da República e dos advogados de defesa, para então os ministros votarem. 
. Para fechar o ano com o mensalão julgado, o STF arcou com um custo elevado chegando arevelar algumas rusgas entre ministros. O calendário corrido permitiu que Cezar Peluso, considerado como um dos mais experientes, e Carlos Ayres Britto, atual presidente da Corte, participassem antes de completarem 70 anos e deixassem seus cargos de forma compulsória.

Juizes gaúchos protestaram, sim, contra as ofensas feitas em Sapiranga pelo presidente do PT do RS

A nota do link a seguir é da Ajuris. Ela vai publicada na íntegra porque muitos leitores não souberam que a entidade protestou como devia diante das ofensas feitas pelo presidente do PT, Raul Pont, contra os juízes do Tribunal Regional Eleitoral.

CLIQUE AQUI para ler.

Leia, aqui, tudo que você precisa saber sobre as exportações de calçados

Já está disponível para download, no site do Brazilian Footwear, o relatório do COMEX – Comércio Exterior Brasileiro com os dados de Janeiro a Julho de 2012

. Um dos relatórios traz a evolução das exportações brasileiras de calçados e os principais países de destino em 2012. São apresentadas informações sobre período acumulado, quadro mensal, comparativo de destinos, comparativo NCM (Nomenclatura Comum do Mercosul), entre outros dados.

. O outro relatório fala sobre as importações brasileiras, com as mesmas informações sobre os embarques nacionais. Outros dados e informações podem ser solicitados diretamente à Unidade de Inteligência da Abicalçados.

CLIQUE AQUI para ler e fazer download.

Parque Tecnológico Ulbra-Tec será inaugurado nesta quarta

Será inaugurado nesta quarta-feira o Parque Tecnológico UlbraTec, em Canoas, RS.

Começa o horário eleitoral

Começará nesta terça-feira o horário eleitoral gratuito no rádio e na TV.

Tarso Genro ficou com ciúmes do Equador no caso Julian Assange

Um dos mais frequentados blogs de Curitiba, Paraná, é o do jornalista Zé Beto. Eis a nota que acaba de postar esta maldosa nota sobre o governador do RS:

- Tarso Genro ficou fulo da vida porque o Brasil perdeu para o Equador o privilégio de abrigar Julian Assange, fundador do site WikiLeaks. O ex-ministro da Justiça lembra que foi por sua obra e graça que nosso país acolheu e protege o italiano Cesare Battisti, condenado por assassinatos na Itália. O atual governador dos gaúchos até imaginou seminários com os dois, já que Assange tem nas costas acusações de estupro e assédio sexual.

Prefeitura de Canela dá R$ 800 mil para festa da prefeitura de Parobé

Ninguém entendeu por que razão a prefeitura de Canela resolveu patrocinar com R$ 800 mil a prefeitura de Parobé, que promove o evento Festejando Parobé.

. Os prefeitos das duas cidades do RS são investigadas no âmbito da chamada Operação Cartola, junto com Osório, Alvorada, Viamão e Cachoeirinha.

Leandro & Stormer – a maior comunidade de Traders do Brasil!
Especialista em educação para o mercado financeiro, a Leandro&Stormer oferece diversos cursos, presenciais e via internet, para que você se prepare e comece a ter rendimentos superiores aos da renda fixa. Acesse http://www.leandrostormer.com.br/ e confira!

Companheiro Rubens Filho diz que campanha da companheira Manuela por Maroni é “alienada”

Continua criando constrangimento dentro do PCdoB gaúcho a decisão da deputada comunista Manuela D’Ávila de fazer dobradinha com seu nanmorado, Maroni, que é candidato a vereador.

. Em Pelotas, o jornalista, também candidato a vereador e comunista Rubens Filho, acha que a campanha manuelina é “alienada” e deixa mal o PCdoB.

CLIQUE AQUI para ler as ácidas críticas do jornalista, que edita o instigante blog AmigosdePelotas.Com.

Presidente de Honra do PSB é agora militante do PSOL no RS

É inédita a migração do engenheiro Fúlvio Petracco para o PSOL, porque ele foi até sexta-feira presidente de honra do PSB do RS.

. O presidente do PSOL no RS, Roberto Robaina, saudou a filiação de Petracco como homenagem ao Partido mais ético do Estado.

. Sobre a declaração de Robaina existe controvérsia.

. O dr. Humberto Busnello que o diga. Afinal de contas, ele acaba de condenar o PSOL e Robaina em ação movida por danos morais.

Governo Dilma anuncia programa TI Maior de R$ 500 milhões

O ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, Marco Antonio Raupp, anunciou nesta segunda-feira,o programa TI Maior, para estimular o desenvolvimento e a internacionalização de empresas de software.O  programa recursos anuaisde R$ 500 milhões da Financiadora de Projetos e Pesquisas (Finep) e do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPQ). Destes R$ 500 milhões, R$ 40 milhões estão previstos para o lançamento de um edital para a seleção de aceleradoras que viabilizarão  a abertura de novas empresas de software. A meta para este ano é eleger quatro aceleradoras. Cada uma apoiará de oito a dez empresas iniciantes.

. O programa do governo contempla também a abertura de escritório em São Francisco (EUA), no Vale do Silício.

Inflação do IGP-M foi a 1,38% em julho. É o maior índice desde 2008.

Os preços no atacado do milho e da soja, além das carnes suínas e das aves, pressionaram a segunda prévia do Índice Geral de Preços - Mercado (IGP-M), pesquisa realizada de 21 de julho a 10 de agosto.

. A inflação de 1,38%, ante 1,11% no mesmo período do mês anterior, é a maior desde julho de 2008 (1,79%).

. No ano, os preços já avançaram 6,02% e, em 12 meses, 7,68%.

Entrevista - Tarso recebe três hóspedes oficiais por dia útil (com copa franca)

Lucas Redecker, líder da bancada do PSDB na Assembleia do RS

Quantos hóspedes oficiais o governador do RS já recebeu, o que significa copa livre, inclusive passagens aéreas, hotel e comida?
1300 em um ano e sete meses.

Isto é muito ou pouco?
É demais.

Qual a base de comparação?
O governo Yeda Crusius recebeu 465. A média dos anos anteriores foi parecida.

Em um ano e meio, Tarso já pagou passagem, hospedagem e comida para três vezes mais gente.
E não há um só dado sobre isto no portal de Transparência. Tivemos que manejar Diário Oficial por Diário Oficial.

O que fará o senhor?
Já fiz, porque protocolei um projeto de lei estabelecendo critérios para a hospedagem oficial e exigindo transparência sobre os nomes dos convidados e as despesas de cada um.

Mídia paga, horrorosa, do Procon do RS, ensina consumidores desatentos a comprar celular

Começaram a desembarcar nos jornais gaúchos a mídia paga com o horroroso anúncio de meia página assinado por Procon e Defensoria Pública, destinado a educar os consumidores que compram celulares. A autorização de mídia é do governo estadual.

. É tudo pago pelas teles.

. A campanha saiu, mas não deu em nada o carteiraço de R$ 500 mil  que o Procon queria aplicar em cima de cada tele para campanhas a varrer.

- A Defensoria Pública não integra o organograma do governo estadual, porque é órgão autônomo, como Ministério Público e TCE, mas o Procon é subordinado à secretaria da Justiças. 

Balasso & Loeff Arquitetura I Design assinam o projeto Vitra, da Goldsztein

É do escritório Balasso & Loeff Arquitetura I Design, de Porto Alegre, o projeto do ultimo empreendimento da da Goldsztein, o Vitra.  As sócias Simone Baldasso (arquiteta com 20 anos de experiência no mercado) e Caroline Loeff (arquiteta com doutorado em arquitetura bioclimatica em Madrid) comemoram o primeiro ano de atividades do escritório  com a inclusão no seu portfólio,  de projetos com incorporadoras em Porto Alegre, Pelotas e Rio Grande.

Leandro & Stormer – a maior comunidade de Traders do Brasil!
Especialista em educação para o mercado financeiro, a Leandro&Stormer oferece diversos cursos, presenciais e via internet, para que você se prepare e comece a ter rendimentos superiores aos da renda fixa. Acesse http://www.leandrostormer.com.br/ e confira!

Exportações de calçados reagem em julho, mas acumulado do ano ainda é 6,36% menor

Houve expressiva reação nas exportações de calçados e componentes no mês de julho, que passou de uma queda de 24% em junho para ligeiro crescimento de 2% em julho, conforme números a seguir sobre o mês e sobre o acumulado do ano, sempre comparados com períodos iguais do ano passado.

Julho - US$ 97 milhões (+2%)
Ano – US$ 616 milhões (-6,36%

. Apesar disto, os números acumulados do ano ainda são negativos.

. A Assintecal, que divulgou os números, projeta melhores números daqui para a frente, por duas razões centrais: 1) Valorização do dólar frente ao real. 2) Incentivos do Plano brasil Maior e ao próprio setor calçadista.

. A meta do setor para este ano é exportar Us4 1,27 bilhão, 12% mais do que o total de 2011. A meta é ambiciosa e irreal.

Grupos Accor e Atrio anunciarão novo investimento hoteleiro no RS

Abel Castro, diretor de desenvolvimento da Accor para a América Latina e Roberto Caputto, fundador da Atrio Hotéis, anunciarão novos investimentos para o RS nesta quarta-feira, 11h30m, em Porto Alegre.

. A Atrio, que tem sede em Joinville, SC, é o maior franqueado do grupo Accor no Brasil, com 13 hotéis no RS, SC e Paraná. São todos Ibis, Mercure, Novotel e Formule 1. Outro hotel, um Ibis, 110 apartamentos, está em construção em Novo Hamburgo.

. No RS, a Accor só não possui seu 5 estrelas, o Sofitel.

Educação no RS: Governo do PT aplica menos do que governo do PMDB e repete níveis do governo do PSDB

Como não é possível acreditar em má fé, o que mais pode ter ocorrido foi erro de equação na reportagem deste sábado do influente jornal Zero Hora sobre aplicações públicos estaduais em educação.

. O jornal da RBS cometeu dois erros graves:
1) Montou as equações dos investimentos dos governos anteriores sem a inclusão da conta “gastos com inativos”.
2) Incluiu na equação dos investimentos do primeiro ano do governo Tarso Genro com a inclusão da conta “gastos com inativos”.

. É claro que a distorção favorece o governo atual do PT, porque a Folha dos Inativos chega a ser maior do que a folha dos Ativos.

. Ainda assim, a média de aplicações do período 2005-2011 não seria 20,14% mas 28,5%.

. A verdade é que o governo Tarso Genro não aplica mais do que os governos anteriores,  mesmo incluindo nas suas despesas o “gasto com inativos”, cálculo não realizado nos casos de Rigotto e Yeda, que assim levam desvantagem na comparação.

. Veja quanto cada governo gastou em educação, anualmente
Ano           Governo         MDE
2005          Rigotto          29,5
2006          Rigotto          31,2
2007          Yeda              30,2
2008          Yeda              25,6
2009          Yeda              27,7
2010          Yeda              27,0
2011          Tarso             28,3
Média                              28,5

Fonte: Balanços do Estado.

- Os dados desta nota foram conferidos pelo economista Darcy Francisco Carvalho dos Santos, a quem o editor recorreu depois que ficou alarmado com os erros de Zero Hora. 

Julgamento do mensalão reiniciará as 14h. Votará o revisor, que ameaça renunciar. Se houver renúncia, julgamento será suspenso.

- Acompanhe pela TV Justiça (clique na imagem aí ao lado, á direita, acima) o juolgamento desta tarde, que começará as 14h.

Como o julgamento do Mensalão será mesmo fatiado, ou seja, cada ministro dará seu voto por ítem (bloco), sendo oito o número deles, e tendo o primeiro sido apresentado na sexta-feira pelo relator Joaquim Barbosa, hoje será a vez da apresentação do voto do relator Ricardo Lewandowski.

. A partir desta semana, o STF só terá julgamentos às segundas, quartas e quintas-feiras.

. Depois do voto de Lewandowsky, votarão os demais ministros, até esgotar o ítem 1. Em seguida, o ministro Joaquim Barbosa lerá seu segundo ítem.

. Só ao final da apreciação de todos os ítens é que o número de condenações e a soma delas é que será conhecido.

- A sessão desta tarde abrirá sob grave risco, que é o da renúncia do revisor, Ricardo Lewandowski, desde o início dos trabalhos visivelmente inclinado a favorecer os réus do Mensalão, atuando de acordo com os interesses do PT. Se ele renunciar, outro revisor terá que ser nomeado e tudo parará no STF. Este final de semana, Veja revelou que Lewandowski teria procurado o presidente do Supremo, Ayres Brito, para propor o adiamento do julgamento, apelo que lhe fez pessoalmente Lula. Na ocasião, Lewandowski ameaçou renunciar ao cargo de revisor. Ayres Brito confirmou a conversa, inclusive o que teria dito ao colega: "Você só estará fazendo o que sempre quis fazer. Você já me disse duas vezes para não colocar a matéria em pauta este ano". 

NA FOTO o ministro Lewandowski, que poderá complicar um pouco mais durante a sessão desta tarde no STF. 

Artigo, Cesar Maia - Conheça o verdadeiro tamanho do pacote de infraestrutura lançado por Dilma Roussef

- Pode até ser um bom começo, mas é tímido, insuficiente e até covarde o pacote lançado por Dilma Rousseff para abrir à iniciativa privada os investimentos que os governos deveriam promover na infraestrutura e não o fazem por falta de dinheiro e de competência. Leia a análise de Cesar Maia, que não reconhece sequer a boa intenção do revisionismo petista:

1. A presidente Dilma Rousseff anunciou semana passada um pacote de investimentos em infraestrutura rodoviária e metroviária via concessões. Ganhou destaque quando informou que seriam 133 bilhões de reais em 25 anos e 23,5 bilhões de reais nos próximos 5 anos. Vamos analisar o impacto destes valores sobre a dinâmica macroeconômica.
           
2. O PIB do Brasil, informado pelo governo, é de 4 trilhões e 140 bilhões de reais. O número mínimo de investimentos federais em infraestrutura, que coincide com uma média histórica, são 2% do PIB ou 80 bilhões de reais por ano. Um investimento menor que esse afeta o chamado custo Brasil. Foi o que ocorreu. Hoje, fala-se em 4% do PIB para recuperar o atraso. Mas deixemos isso de lado. Fiquemos com os 2% ou 80 bilhões de reais por ano.
           
3. Os 133 bilhões divididos por 25 anos são 5,3 bilhões de reais por ano. Os 23,5 bilhões de reais nos próximos cinco anos são 4,7 bilhões de reais por ano. Para facilitar o raciocínio, usemos 5 bilhões de reais por ano de investimentos que Dilma, via concessões, agregará à infraestrutura ferroviária e rodoviária.
           
4. Comparemos estes 5 bilhões de reais com os 80 bilhões (2% do PIB) necessários. Eles representam 6%. Ora, então supondo que o governo Dilma e o próximo governo investirão mesmo 2% do PIB por ano, este pacote-Dilma apenas acrescentará 6%. Dessa forma, o valor acrescentado fará passar os 2% do PIB para 2,077% do PIB. Algo irrisório para tantos fogos de artifício e tanto destaque do noticiário.
           
5. E o PSDB –ainda traumatizado pelo segundo turno de 2006, quando o PT usou as privatizações como arma de campanha- colocou matéria paga na imprensa e seu presidente fez declarações públicas saudando Dilma por tal decisão. Ingenuidade dupla: a) usar o PT para legitimar seus atos; b) destacar tanto um leve incremento de 0,07% sobre os obrigatórios 2% do PIB como grande façanha.

UlbraTec será lançado dia 22/8 em Canoas

* Clipping Correio do Povo

As comemorações de 40 anos da Ulbra, neste mês, incluem novidade na área tecnológica. Em momento considerado positivo, pelo reitor Marcos Fernando Ziemer, um dos importantes anúncios é a consolidação da UlbraTec, trazendo a empresa para dentro do Campus Canoas. O reitor explica que a UlbraTec permitirá desenvolvimento em áreas como de biocombustível ou metalmecânico, além de parceria com empresas e lançamento de novos produtos. Argumenta que a proposta acadêmica de futuro tem feito a Ulbra buscar modernização de infraestrutura e recursos pedagógicos.

, Na área administrativa, Marcos revela que os avanços resultam de trabalho dos três últimos anos, que permitiu equilíbrio financeiro e tranquilidade para projetar o futuro. Conforme o reitor, foram cumpridas quatro metas: equilíbrio financeiro, solução do passivo, incentivo à qualificação do corpo docente e lançamento do Parque Tecnológico UlbraTec, a ser inaugurado dia 22/8.

- Para melhor atender seus 60 mil alunos no Brasil e atrair novos, outra ação que abre perspectivas é a recente aprovação do Proies no Congresso Nacional, permitindo que instituições comunitárias de Ensino Superior transformem parte da dívida federal em bolsas de estudo. Hoje, a Ulbra, que foi criada no RS, está em 85 cidades (21 estados).

Tarso Genro também queria abrigar Julian Assange

* Clipping maldoso do blog curitibano, assinado pelo jornalista Zé Beto:

Tarso Genro ficou fulo da vida porque o Brasil perdeu para o Equador o privilégio de abrigar Julian Assange, fundador do site WikiLeaks. O ex-ministro da Justiça lembra que foi por sua obra e graça que nosso país acolheu e protege o italiano Cesare Battisti, condenado por assassinatos na Itália. O atual governador dos gaúchos até imaginou seminários com os dois, já que Assange tem nas costas acusações de estupro e assédio sexual.

Leandro & Stormer – a maior comunidade de Traders do Brasil!
Especialista em educação para o mercado financeiro, a Leandro&Stormer oferece diversos cursos, presenciais e via internet, para que você se prepare e comece a ter rendimentos superiores aos da renda fixa. Acesse http://www.leandrostormer.com.br/ e confira!