PP do RS e Ana Amélia ajuizam cautelar para anular convenção nacional que optou por Dilma

O PP do RS e a senadora Ana Amélia protocolaram hoje uma medida cautelar, pedindo a sustação dos efeitos da Convenção Nacional do Partido, já que não foram preservados os direitos democráticos de disputa, segundo nota do presidente, Celso Bernardi. 

Sem Joaquim Barbosa, que não quis participar da farsa, STF amolece com mensaleiros Zé Dirceu e Zé Genoíno

Por 9 votos contra um, o STF liberou o mensaleiro Zé Dirceu para trabalhar durante o dia fora da prisão. A medida beneficia também Zé Genoíno, que no entanto teve confirmada a sentença de prosseguir cumprindo pena na Papuda.

. O ministro Joaquim Barbosa não quis participar do julgamento porque já sabia que a nova composição de ministros do STF passaria a favorecer os bandidos petistas do Mensalão.

Queremos mais e não menos câmeras nas salas de aula, mas sobretudo maior qualidade de ensino.

Queremos mais e não menos câmeras nas salas de aula, mas sobretudo maior qualidade de ensino.
Ao contrário do que decidiu a Justiça do Trabalho a pedido do Sindicato dos Professores de Escolas Particulares do RS, o que os pais e os diretores de colégios querem é mais câmeras nas salas de aula e não menos.

. O ideal será disponibilizar as imagens em tempo real para pais, alunos, professores e dirigentes de escolas.

. A demanda do Sinpro foi corporativa.

. Do que tem medo o Sinpro ?

. A alegação de privacidade não se sustenta no caso de ensino ministrado a dezenas de alunos em salas de aula,  que são de frequência pública.

. As demandas corporativas são cada vez mais alarmantes, mas não são acompanhadas por demandas pela melhoria da qualidade do ensino.

. Isto tudo explica porque cada vez mais a formação e o desempenho de professores degradam-se a olhos vistos, reduzindo a importância das escolas e propiciando a graduação de alunos cada vez mais despreparados.

. É sobre isto que fala o editor no comentário a seguir, intitulado Queremos mais e não menos câmeras nas salas de aula, mas sobretudo maior qualidade de ensino.

Sem Joaquim Barbosa, mesmo assim STF começa a negar prisão em casa para mensaleiro Zé Genoíno

No site de Veja, você pode acompanhar on line a sessão do STF. A presidência está com Ricardo Lewandowski, porque Joaquim Barbosa resolveu não participar da reunião, embretando-a.

Leia este post de agora e depois acompanhe tudo pelo link abaixo:

Siga a sessão desta quarta do STF
1. 17:20 – Em seu voto, Luís Roberto Barroso adianta entendimento e afirma que Genoino, se receber proposta de emprego, pode trabalhar fora do presídio, mesmo sem ter cumprido o período mínimo de um sexto da pena. A progressão de regime do petista de semiaberto para o aberto ocorrerá no dia 24 de agosto, quando ele terá cumprido 9 meses e 10 dias da pena total de quatro anos e oito meses.

CLIQUE AQUI para acompanhar ao vivo.

Lifan anuncia recall dos seus carros

A  Lifan do Brasil Automotores Ltda. protocolou campanha de chamamento para inspeção e eventual substituição do flexível de freio traseiro dos veículos X60, modelo 2013/2013.

. De acordo com a empresa, a campanha, com início em 20 de junho de 2014, abrange 607 veículos colocados no mercado de consumo, com numeração de chassi de 9UK64ED50D0015277 a 9UK64ED59D0021272 e de 9UK64ED5XD0015271 a 9UK64ED5XD0018056.

. Quanto aos riscos à saúde e à segurança, a empresa destacou a existência de “não conformidade no processo de fabricação do flexível de freio traseiro, que pode provocar, em alguns casos, vazamento e perda de fluido de freio, necessitando maior esforço para frenagem,” com conseqüente de “perda da capacidade de frenagem do veículo e risco de acidentes, lesões graves e até fatais.

Vá esta noite. Os melhores
da cidade no gênero, segundo Veja.

Recessão já começou, diz Sindicato da Indústria Metalmecânica e Eletroeletrônica de Canoas

Economista e professor Igor Morais afirma ainda que a perspectiva é de piora no médio prazo

A recessão no Brasil já é uma realidade, segundo avalia o assessor econômico do Sindicato das Indústrias Metalmecânicas e Eletroeletrônicas de Canoas e Nova Santa Rita (SIMECAN), RS, Igor Morais, após análise de indicadores como PIB, emprego, renda, vendas do comércio e produção industrial.

. Eis o que ele avalia:

- A desaceleração do PIB reflete uma perda de dinâmica do consumo das famílias e do investimento, que inclusive apresentaram queda de 0,1% e 2,1% respectivamente no 1º trimestre do ano. Apenas o gasto público, que inicia o ano crescendo a uma taxa anual de 2,7%, sustenta o resultado. A produção da indústria está estagnada desde 2008, vivendo de crescimentos de curto prazo. E os últimos movimentos sinalizam para um resultado ruim em 2014. Mesmo o pacote de incentivo anunciado para o setor pelo Governo recentemente, que tem muito pouca novidade, em quase nada aliviou a perspectiva negativa. Para termos uma ideia do quadro, basta ver a mediana das projeções que analistas fazem semanalmente junto ao Banco Central. No início do ano esperava-se que o setor teria, em 2014, uma expansão de 2,2%. A última projeção apontou -0,14%. Além disso, outros indicadores da atividade econômica, como as vendas no comércio de veículos, com queda de 5,3% no ano e a evolução do emprego formal, que teve o pior maio das últimas duas décadas, sustentam a tese de recessão.

. O presidente do Simecan, Roberto Machemer, acha que esta situação reflete o quadro que já vem sendo observado pela maioria das nossas indústrias associadas há mais tempo. Temos ainda a alta incidência de tributos, a insegurança para investimentos, o custo do dinheiro e da mão de obra", destaca Machemer.

Com ajuda de Maluf, PP dá golpe branco e garante apoio a Dilma

A falta de pudor permeia as alianças entre o PP e o PT em torno de Lula e Dilma. O beija-mão não é demonstração de afeto, mas de subserviência. 
QUE NOJO !, artigo de Reinaldo Azevedo, analisa a convenção. CLIQUE AQUI para ler.



O PP ficará mesmo com Dilma Roussef, segundo decisão tomada pela Executiva Nacional do partido, presidido por Ciro Nogueira, em rápida reunião nesta quarta-feira.

. Foi um golpe branco dos cardeais.

. A legenda liberou os diretórios estaduais a fazerem coligações diferentes. Pouco antes, a convenção nacional do PP terminara sob muitos protestos depois da aprovação de uma resolução que delegava à Executiva a decisão sobre a posição do partido na eleição nacional.

. Segundo o deputado Paulo Maluf, lulista e dilmista desde criancinha, uma das figuras políticas mais repulsivas do Brasil, o apoio a Dilma se deve ao fato de ela ser "a melhor candidata". É o que também pensa o PT, Partido que tem sido aliado carnal de Maluf nas últimas eleições. 

- O cientista político Marcel van Hattem entregou nesta terça-feira um abaixo-assinado ao presidente estadual do Partido Progressista (PP), Celso Bernardi. O documento continha mais de mil assinaturas de filiados progressistas contrários a um eventual apoio do PP à candidatura petista de Dilma Rousseff para a presidência da República.Marcel que foi vereador de Dois Irmãos e presidente estadual da Juventude do PP, afirmou que as lideranças do partido no Rio Grande do Sul manifestaram, através do abaixo-assinado, a total indignação com a posição da sigla em âmbito nacional de tentar apoiar o PT nas eleições presidenciais. “Nossa indignação derrotará essa péssima 'intenção' na convenção nacional", declarou. Marcel van Hattem é pré-candidato a deputado estadual pelo Partido Progressista.


Vá esta noite. Os melhores
da cidade no gênero, segundo Veja.

Autobiografia de Yeda será lançada nesta quinta na Saraiva do Moinhos

Será nesta quinta-feira, 18h, a sessão de autógrafos da autobiografia da ex-governadora Yeda Crusius, "Coragem e Determinação - Um Infinito Ainda por Fazer". É edição da AGE. O livro tem 400 páginas. 

. Será na Livraria Saraiva, shopping Moinhos de Vento, Porto Alegre.

O hospital dos mais ricos de Porto Alegre operará a partir de segunda o hospital dos mais pobres de Porto Alegre

Às 23h da próxima segunda-feira (30/06), o Hospital Restinga e Extremo-Sul começa sua operação de maneira gradual. Inicialmente será aberto o seu Pronto Atendimento, com capacidade para atender até 13.000 pacientes adultos e pediátricos ao mês. Além dos 25 leitos do Pronto Atendimento, serão também disponibilizados 62 leitos para os pacientes que necessitarem de internação.

. Nesta primeira etapa de abertura, o Hospital contará com 250 colaboradores para atender uma comunidade equivalente a 110 mil habitantes de seis bairros de Porto Alegre – Restinga, Lageado, Lami, Belém Novo, Ponta Grossa e Chapéu do Sol.

.Uma equipe do Hospital Moinhos de Vento, responsável pela operação, já está trabalhando no local desde o início de junho para adequar toda estrutura ao atendimento e garantir total eficiência no processo de transferência dos pacientes que estiverem sendo atendidos no antigo Pronto Atendimento da Restinga para o novo Hospital. Este antigo Pronto Atendimento opera há 10 anos na região, também sob a gestão do Hospital Moinhos de Vento.

O Hospital em pleno funcionamento:

Quando o hospital estiver em pleno funcionamento, contará também com Centro Cirúrgico, Centro Obstétrico, Unidade de Terapia Intensiva, Serviço de Reabilitação, Unidade de Diagnóstico, Centro de Especialidades para consultas ambulatoriais e, para a formação de recursos humanos, uma Escola de Gestão em Saúde. O Hospital contará com 121 leitos de internação e 49 leitos de passagem, totalizando 170 leitos à disposição da comunidade. Ao todo serão cerca de 800 colaboradores que, preferencialmente, serão moradores da região.

O projeto - O empreendimento foi construído num projeto horizontalizado e sustentável num terreno com área de 41.670 m², sendo 19.148 m² de edificações Sua operação, definida pela contratualização, assinada no último dia 6 de junho, será custeada mensalmente pela União (50%), Estado (24%) e Município (26%). A gestão da operação do novo Hospital fica sob responsabilidade do Hospital Moinhos de Vento.

Sarney, seis partidos e sempre ao lado do governo

Como deputado federal, governador, senador e presidente, Sarney esteve filiado a seis partidos: PSD, UDN, Arena (partido de sustentação da ditadura militar), PDS, Frente Liberal (depois PFL, atual DEM) e PMDB. Em toda sua carreira, sempre esteve alinhado com o governo.

. A reportagem do link é de Zero Hora de hoje. CLIQUE AQUI

Vá esta noite. Os melhores
da cidade no gênero, segundo Veja.

Este instituto ensina pessoas, profissionais e executivos de mais de 50 anos, no uso integral de computadores e smartphones

Como aumentou de 2,5 milhões para 8,1 milhões o número de brasileiros com mais de 50 anos que ingressaram no universo da internet, o empreendedor gaúcho Nilton Wainer, ex-RBS e ex-TGD, resolveu criar o Instituto Login, Porto Alegre, que se propõe ensinar os princípios básicos e principais  formas de utilizar computadores, celulares, smartphones, tablets, câmeras e sotfwares para fins profissional ou pessoal.

. O que ele disse ao editor nesta quarta-ao meio dia, durante almoço para o qual o editor convidou-o:

- Fazemos isto na nossa empresa, na casa do cliente ou na empresa, sobretudo para grupos de decisão.

. Os formatos de ensino e treinamento são enxutos, quase sempre de apenas 5 horas. Os preços começam em R$ 100,00 a hora.

. As pessoas com mais de 50 anos costumam apresentar mais dificuldade para utilizar em toda a sua extensão as funcionalidades de computadores, smartphones, tablets e softwares em geral.

. É este tipo de problema que o Instituto Login quer resolver.

. “Muita gente da terceira idade não usa compuadores, tablets e smartphones para declarar o IR, movimentar contas bancárias, comprar e vender”, disse Nilton Wainer ao editor.

. O Instituto Login não admite turmas com mais de 10 alunos.

- Paulo Ratinecas, que também conversou com o editor, levou a sua Maxi Market para ajudar o Instituto Login na sua gestão de reconhecimento.

Feriado no serviço público estadual e municipal torna o trânsito fluído neste dia de jogo entre Argentina e Nigéria

Dia de feriado (ponto facultativo) nas repartições estaduais e municipais, inclusive escolas, acabou tornando extremamente fluído o trânsito em Porto Alegre, com poucos carros e gente nas ruas. Neste momento, 12h02min, milhares de argentinos prosseguem chegando e ingressando no estádio do Internacional, local do jogo agendado para as 13h.

. Comércio e demais atividades funcionam normalmente na cidade.


. O dia é cinza, chove de modo esparso, mas no momento até o sol consegue furar o bloqueio das nuvens. 

Entrevista, Diogo Chamun, presidente Sescon-RS - Gasto com previdência estatal do RS equivale a 18 arenas padrão Fifa

ENTREVISTA
Diogo Chamun, presidente do Sindicato das Empresas de Serviços do RS, SesconRS

Vocês acabam de divulgar dados de um estudo feito em colaboração com a Faculdade de Administração, Contábeis e Economia da PUC, revelando que os gastos com previdência estatal gaúcha equivale a 18 arenas padrão Fifa. Em números, o que significa isto ?
Foram R$ 12 bilhões somente com a folha de inativos. São 18 arenas padrão Fifa. O RS possui 144.031 aposentados e 46.520 pensionistas.

Quanto cada cidadão gaúcho gasta por ano para custear os salários dos inativos do serviço público gaúcho ?
R$ 1.070,00.

Este é valor aceitável ?
Não é. A média brasileira é de R$ 461,00. O Mato Grosso, o segundo, gassta R$ 703,00. No caso do Rio, o terceiro, são R$ 648,00. Pagamos o dobro da média brasileira.

Tem crescido a despesa ?
Muito. Avançou 177,1% em dez anos.

Sobre o total das despesas do governo estadual, isto dá quanto ?
29,1% de todas as despesas. Se conpararmos com os gastos com educação (14,2%), saúde (9,8%) e segurança pública (5,5%), teremos uma idéia melhor do caso. Fala-se muito em custo da dívida pública, mas o maior problema do Estado do RS é a sua previdência. 29,1% das despesas do governo estadual vão para 2% da população.

Serra lança memórias "Cinquenta anos esta noite", desfazendo mitos sobre queda de Jango

"A sucessão de eventos que levou João Goulart a ser derrotado Serra narra no livro. Ao jornal Valor, o ex-governador São Paulo chegou a ser condescendente com Jango, que nos anos subsequentes ao golpe sempre foi pintado em cores fortes, como um presidente inepto e sem pulso. A reportagem e entrevista são de Raymundo Costa. O livro "Cinquenta anos esta noite tem 266 páginas, é da Civilizasção e custa R$ 35,00.

Leia tudo:

A estante dos livros sobre o golpe de 64 ganha mais um volume com o lançamento das memórias de um dos personagens dos últimos dias do presidente João Goulart no poder: José Serra, à época presidente da poderosa União Nacional dos Estudantes (UNE). Serra era um interlocutor de presidentes. Com a deposição de Jango, amargou um exílio de 13 anos. "Cinquenta Anos Esta Noite - O Golpe, a Ditadura e o Exílio", que está sendo lançado pela editora Record, é uma narrativa autobiográfica desse período.


São as memórias de Serra sobre o período, o ambiente que o cercava e o protagonismo da UNE numa época em que o país tinha 500 universidades.

CLIQUE AQUI para ler mais. 

Secretário de Tarso, Mauro Knjnik ocupa ilegalmente cargo no Conselho de Administração do grupo Iochpe.

A lei 8112 (leia abaixo) proíbe este tipo de participação, mas o secretário de Tarso Genro nunca se preocupou em dar explicações sobre o conflito de interesses. O grupo ao qual presta serviços como membro do Conselho de Administração, frequenta volta e meio o programa de renúncias fiscais do governo estadual, assunto que passa pela pasta de Mauro Knijnik.

Com uma remuneração média de R$ 12 mil em jetons, o secretário de Desenvolvimento do governo estadual,  Mauro Knijnik,  participa de forma ilegal do Conselho de Administração do Grupo Iochpe, com sede em São Paulo. 

. Esta prática é proibida para servidores públicos pela lei federal 8.112, Artigo 117. Segundo fontes ligadas ao Piratini, o secretário viaja regularmente a São Paulo para participar das reuniões, com anuência do governador Tarso Genro. 

. O grupo Ioschpe mantém diversos investimentos industriais no Rio Grande do Sul, o que além da ilegalidade, conflagra explícito conflito de interesses do decretário. Segundo o site da companhia, consultado pelo editor, o secretário participa deste conselho desde 1984, tendo sido reeleito como membro efetivo do Conselho de Administração em 16/04/13 até a agostode 2015.

Veja abaixo para examinar o assunto no próprio site do grupo Iochpe:


O QUE DIZ A LEI:

Lei N 8112 de 11 de Dezembro de 1990 Art. 117. Ao servidor é proibido:

X - participar de gerência ou administração de sociedade privada, personificada ou não personificada, exercer o comércio, exceto na qualidade de acionista, cotista ou comanditário; Parágrafo único. A vedação de que trata o inciso X do caput deste artigo não se aplica nos seguintes casos:

I - participação nos conselhos de administração e fiscal de empresas ou entidades em que a União detenha, direta ou indiretamente, participação no capital social ou em sociedade cooperativa constituída para prestar serviços a seus membros; e II - gozo de licença para o trato de interesses particulares, na forma do art. 91desta Lei, observada a legislação sobre conflito de interesses.

Sem Joaquim Barbosa, STF começa a abrandar situação dos mensaleiros presos do PT. Sessão será esta tarde.

A pedido do ministro Luís Roberto Barroso, o Supremo vai analisar hoje o pedido de quatro mensaleiros – José Dirceu, Delúbio Soares, Romeu Queiroz e Rogério Tolentino – para ter direito a sair do presídio imediatamente para trabalhos externos.

.O STF também decidirá se o mensaleiro Zé Genoíno poderá cumprir a prisão em casa. 

.  Alguns mensaleiros condenados a regime semiaberto chegaram a conseguir a permissão de trabalho externo na Vara de Execuções Penais, mas o presidente do STF e relator do mensalão até então, Joaquim Barbosa, revogou o benefício. Por lei – e o artigo 37 da Lei de Execução Penal é claro – serviços fora do presídio dependem de fatores como aptidão, disciplina e responsabilidade, mas, sobretudo, do cumprimento mínimo de um sexto da pena – algo que nenhum deles, por enquanto, alcançou.

. A posição de Barroso não chega a ser mistério na corte: antes de chegar ao STF, ele classificou o julgamento do mensalão como um “ponto fora da curva”. Mais tarde, já no cargo de ministro, foi decisivo para reverter a condenação dos réus pelo crime de formação de quadrilha, o que atenuou as penas.
Caso o plenário decida pela liberação do trabalho externo, os mensaleiros poderão acelerar o tempo de cumprimento das penas – um dia de pena a cada três trabalhados. 

PSDB do RS insiste com Senado e quer ir sozinho para a Câmara

PP, PSDB, PRB e Solidariedade ainda não fecharam todas as pontas no chapão que tentam montar para a disputa de outubro no RS. O que está definitivamente consagrado é o apoio comum a Ana Amélia para o governo e Cassiá Carpes para a vice, mas pendem de solução:

Senado - O candidato será do PSDB, conforme decidiram ontem os Partidos de maneira definitiva. O PSDB continua dividido, mas os nomes na mesa afunilam. Os mais fortes são de Vicente Bogo, Francisco Luçardo, Jorge Drum e Ivo Schenkel.
Câmara dos Deputados - O PSDB resiste a formar blocão para a Câmara e quer ir sozinho. PP, SDD e PRB querem chapa única.
Assembléia - Haverá coligação entre todos, menos PP.


. As convenções estaduais dos Partidos está confirmada para esta sexta-feira.

PTB faz convenção sem Tarso, mas apóia PT para presidente, governador e senador

Estranhamente o PTB não convidou o governador Tarso Genro para a  sua convenção estadual de ontem a noite na Câmara de Porto Alegre, mas ficou decidido que o Partido apoiará o PT na tentativa de reeleição, fechará com Olívio Dutra para o Senado e indicará o seu suplente.

. Apesar da variedade de candidatos à suplência, nada foi decidido e o caso passou para a órbita da Executiva, que escolherá sozinha o nome.

. Alguns convencionais trabalhistas defenderam a candidatura de Aécio para presidente e Ana Amélia para o governo estadual, inclusive com discursos inflamados em plenário.

. Boa parte dos convencionais queria neutralidade.

. Haverá coligação para a Cânara, nas não para a Assembléia.

Sem plataformas de petróleo para mascarar os resultados, exportações gaúchas despencam 8,3% de janeiro a maio

As exportações gaúchas dependem cada vez mais de plataformas de petróleo produzidas em Rio Grande e vendidas de mentirinha para o exterior, como também dos produtos agrícolas e pecuários. A indústria exporta cada vez menos, até porque produz cada vez menos. Governo e Fiergs nada falam sobre as más notícias, nem mesmo em anúncios de páginas inteiras nos jornais, que ressaltam êxitos pontuais e escondem o principal.

A FEE confirmou nas suas publicações na Internet que as exportações gaúchas no balanço de janeiro a maio de 2014 recuaram 8,7% nos primeiros cinco meses do ano.  Do setor primário, puxado por commodities, como soja, à indústria de transformação, a Fundação de Economia e Estatística (FEE) mostrou que a receita do setor externo teve recuo. A queda representa mais que o dobro em pontos percentuais da redução média verificada no fluxo externo do País, que caiu 3,5%.

. O valor total faturado pelas empresas gaúchas somou US$ 6,9 bilhões, frente US$ 7,5 bilhões dos cinco primeiros meses de 2013. O Brasil somou US$ 90,1 bilhões nos cinco primeiros meses. Em maio, a perda chegou a 13,3%, alcançando US$ 2 bilhões. O volume, que despencou 22,4%, foi o sintoma mais evidente do período de baixa.

. O desempenho do volume foi o pior entre os maiores estados exportadores

. Segundo os analistas da FEE, a variável calculada já reflete parte do impacto negativo previsto com a projetada ausência de plataformas de petróleo na conta externa deste ano. Em 2013, três plataformas encomendadas pela Petrobras e montadas no polo naval de Rio Grande representaram 25% da receita em dólares. 


. A projeção dos técnicos da FEE é que o maior fluxo de embarques de soja até o fechamento do primeiro semestre possa amenizar a temporada frustrada nas divisas.