PMDB de Michel Temer lança o programa "A travessia social"

O PMDB e o conjunto de forças políticas, sociais e econômicas que com ele irão governar a partir do dia 13 de maio, demonstram preocupação com o discurso rancoroso e mentiroso da organização criminosa lulopetista, que tenta vender a idéia de que os avanços sociais dos últimos 20 anos serão destruídos. Avanços das duas décadas, são na verdade ameaçados pela profunda recessão produzida pelo governo Dilma Roussef, que já causou o maior desastre social que pode ocorrer numa sociedade, neste caso o desemprego de 11,1 milhões de trabalhadores.

No link a seguir, você poderá ler a íntegra do livreto "A travessia social", edição que o PMDB lançará na semana que vem para demonstrar o que o governo Michel Temer fará na área social.

Ele completa o documento anterior lançado pelo Partido, intitulado "Travessia para o futuro".

CLIQUE AQUI para ler.

O renegado peronista nobelista Esquivel já está em Porto Alegre

O filho do ex-deputado Adão Preto, já falecido, o atual deputado estadual Edgar Preto, ligado ao MST, foi um dos 12 apóstolos que esperavam pelo renegado peronista e nobelista Adolfo Perez Esquivel, esta manhã, no aeroporto Salgado Filho.

O argentino passará o final de semana em Porto Alegre, sempre com o discurso rancoroso do golpe.

Adoldo Perez Esquivel não faz o mesmo na Venezuela para defender os presos políticos, sequer os dois estudantes brasileiros que apodrecem na masmorra conhecida como "A Tumba".

Renner, Padre Chagas, Porto Alegre, 16h32min, 14 clientes

Renner, mais sofisticada das lojas de rua, Padre Chagas, bairro Moinhos de Vento, 16h32min

14 clientes no térreo e no mezzanino.

Foi recorde de frequência ao longo de todas as visitas feitas nos últimos seis meses pelo editor.

Sócio da Engevix diz que pagou propina por contrato de US$ 160 mi com a Venezuela

Em sua proposta de delação, José Antunes Sobrinho revelou que fez pagamentos a lobistas, autoridades brasileiras e venezuelanas para que uma subsidiária do grupo fizesse os reparos da fragata Warao. Ele também já denunciou Temer, Renan Calheiros, Edinho, Erenice e até Carlos Araújo, ex-mardido de Dilma.

Está tudo na reportagem da revista Época deste final de semana. A reportagem é de Daniel Haidar e a foto da fragata Warao, aqui ao lado, é de Carlos E. Perez.

Leia tudo:

O navio Warao se aproximou demais do Porto de Fortaleza, no Ceará, e encalhou no litoral brasileiro no dia 3 de agosto de 2012. A embarcação fora entregue havia um ano para a Marinha da Venezuela, a Armada Bolivariana. Depois do acidente, a fragata foi transportada para o Arsenal da Marinha no Rio de Janeiro, onde está atracada desde então. Mas onde está o prejuízo de uns está também a oportunidade de alguém lucrar. José Antunes Sobrinho, um dos donos da construtora Engevix, revelou em sua proposta de delação premiada, obtida com exclusividade por ÉPOCA, que pagou propina a lobistas, autoridades brasileiras e venezuelanas para que uma subsidiária do grupo, a Ecovix, fizesse os reparos da fragata Warao, em um contrato de US$ 160 milhões.

Em depoimentos a procuradores da República e documentos enviados aos investigadores da Operação Lava Jato, conforme ÉPOCA revelou, Antunes fez acusações con­­tra o vice-presidente, Michel Temer (PMDB), ­o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB), o ministro da Secretaria de Comunicação Social do Governo, Edinho Silva, a ex-ministra-­chefe da Casa Civil no governo Lula, Erenice Guerra, e o ex-marido da presidente Dilma Rousseff, Carlos Araújo. Antunes também disse que houve pagamento de propinas para conseguir o contrato com a Marinha venezuelana e garantir que a armada bolivariana teria onde atracar o navio em águas brasileiras.

Um dos empreiteiros do petrolão recorreu a ex-marido de Dilma para tentar salvar negócios

 A empreitada para o conserto do Warao começou ainda em 2012. Segundo Antunes, para levar o negócio, a Engevix adotou o mesmo modo de atuação do petrolão e de outros esquemas de estatais em que a empreiteira era partícipe do cartel que fez fortuna nos governos Lula e Dilma.

CLIQUE AQUI para ler mais.

Novo Iguatemi, Porto Alegre, é sucesso de público neste sábado

Novo Iguatemi é sucesso de público neste sábado.A torre da maquete ao lado não está pronta.


O novíssimo shopping center Iguatemi, entregue no meio desta semana em Porto Alegre, faz com sucesso o seu primeiro sábado de vendas.

Embora muitas das novas 100 lojas ainda não tenham aberto as portas, filas imensas de consumidores aguardam para entrar nos estacionamentos e nas duas praças de alimentação.

A área ampliada copia em gênero, número e grau as amplas avenidas internas do BarraShoppingSul. As novas lojas revelam boa frequência de público.

Lula e Dilma querem sabotar o Brasil

Em reportagem de capa, a revista Istoé diz neste sábado que orientados pela presidente Dilma Rousseff e por Lula, movimentos sustentados pelo governo infernizam o País, enquanto o Planalto faz o diabo para tentar inviabilizar a futura gestão de Michel Temer

A reportagem é de Marcelo Rocha. Leia tudo:

A tática é velha, surrada e remete a Roma antiga. Tal como o imperador Nero fez com a capital ocidental do Império, para depois atribuir a culpa aos cristãos, o PT pôs em marcha, nos últimos dias, o que internamente chamou de “política de terra arrasada”. Orientados pelo ex-presidente Lula, com o beneplácito da presidente Dilma Rousseff, e inflamado por movimentos bancados pelo governo, o partido resolveu tocar fogo no País – no sentido figurado e literal. A estratégia é tentar inviabilizar qualquer alternativa de poder que venha a emergir na sequência do, cada vez mais próximo, adeus a Dilma. A ordem é sabotar de todas as maneiras o sucessor da petista, o vice Michel Temer, apostando no quanto pior melhor. Mais uma vez, o PT joga contra os interesses do País. Não importa o colapso da economia, os 11 milhões de desempregados nem se a Saúde, a Educação e serviços essenciais à população, que paga impostos escorchantes, seguem deficientes. A luta que continua, companheiros, é do poder pelo poder. Como Nero fez com os cristãos, a intenção dos petistas é de que a culpa, em caso de eventual fracasso futuro, recaia sobre a gestão do atual ocupante do Palácio do Jaburu. Só assim, acreditam eles, haveria alguma chance de vitória quando o Senado julgar, em cerca de 180 dias, o afastamento definitivo de Dilma.

Coerente com essa tática de guerrilha, a determinação expressa no Planalto é a de deletar arquivos e sonegar informações sobre a administração e programas para, nas palavras de Lula, deixar Temer “à míngua” durante o processo de transição. 

CLIQUE AQUI para ler tudo.

Mendonça Filho surge com força para o ministério da Educação

Depois que o nome de José Serra foi descartado para o ministério da Educação, o mais forte candidato para a pasta passou a ser o deputado Mendonça Filho, DEM, mas também poderá ser o deputado José Carlos Aleluia, igualmente do DEM.

Se o Partido não ficar com o MEC, poderá indicar alguém para Ciência e Tecnologia, Cidades ou Comunicação.

Lula sempre ganhou mensalinho da OAS, diz empreiteiro da Gautama

Veja deste final de semana reproduz delação do engenheiro Zuleido Veras, preso em 2007 por pagar propina para obter contratos com o governo. Ele  conta que o ex-presidente recebia dinheiro da construtora desde a década de 80 e que cartel de empreiteiras foi montado para eleger Dilma Rousseff

Leia tudo:

O engenheiro Zuleido Veras conhece bem o ambiente de promiscuidade que existe entre o mundo político e as empreiteiras de obras públicas. Em 2007, Veras foi preso em uma operação da Polícia Federal, acusado de pagar propina em troca de contratos milionários no governo - um roteiro de corrupção muito similar ao do hoje famoso petrolão. 

Dono da construtora Gautama, o empreiteiro ficou doze dias na cadeia, respondeu ao processo em liberdade e, neste ano, o Supremo Tribunal Federal considerou nulas as provas contra ele. Na década de 80, antes de abrir o próprio negócio, Veras ocupou durante dez anos um cargo importante na OAS, uma das empreiteiras envolvidas no escândalo de pagamentos de suborno da Petrobras. Trabalhou ao lado de Léo Pinheiro, ex-presidente da OAS e hoje um dos condenados no esquema de fraudes na estatal. Nesse período, Veras testemunhou o início de um relacionamento que pode explicar muito sobre alguns eventos ainda em apuração na Operação Lava-Jato.

Em entrevista a VEJA, Zuleido Veras conta que as relações financeiras entre Lula e a OAS reveladas pela Lava-Jato não o surpreenderam: elas existiam desde que o ex-presidente ainda era apenas um político promissor. O empresário afirma que Léo Pinheiro sempre deu dinheiro a Lula para "sua sobrevivência", valores que hoje ficariam entre "30.000, 20.000, 10.000 reais", e também ajudava "por fora" nas campanhas políticas do ex-­presidente. Em troca, os petistas estendiam a mão aos interesses da OAS. Veras também diz que o petrolão foi criado no governo Lula com a missão de garantir recursos para eleger Dilma.

Credores da Camera farão assembléia na terça-feira

Os credores da Camera, RS, terão assembléia no dia 3 paras avaliar o Plano de Recuperação Judicial.

ZH Classificados promove Feirão do Imóvel em Porto Alegre

Neste sábado, diante do shopping center Iguatemi, Porto Alegre, um Feirão do Imóvel promovido pela área de classificados do jornal Zero Hora reunirá empreendimentos imobiliários que serão oferecidos com enormes descontos.

O evento começou as 8h.

Faltam 13 dias

Faltam 13 dias para que acabe o governo Dilma Roussef, PT.

Esquivel está em Porto Alegre para continuar ofendendo Congresso, MPF, PF e STF

Neste final de semana o Prêmio Nobel da Paz, o peronista argentino Adolfo Perez Esquivel, estará no RS a convite do MST.

Neste domingo ele participará de atos ao lado de dirigentes e militantes ligados à organização lulopetista que apóiam o governo Dilma Roussef, cuja deposição acontece por crimes de improbidade e corrupção.

Na segunda-feira, o argentino falará no Plenarinho, onde continuará agredindo o Congresso, MPF, Polícia Federal e STF, tal como fez quinta-feira no Senado da República, tudo para defender seus aliados do PT.

Supermercados e lojas fecharão neste domingo, 1o de Maio

Este domingo será de passe livre em Porto Alegre.

Amanhã, 1o de maio, Dia do Trabalho, será um domingo sem supermercados e sem lojas abertas em todo o País.

Em Porto Alegre, no Parque da Redenção, as centrais sindicais ligadas ao lulopetismo e ao governo farão sua festa diante do monumento ao Expedicionário. AForçaSindical fará a sua no espelho d'água.Tudo começará as 10h.

Presidente do PRB, Marcos Pereira, é cotado para o ministério da Agricultura

O presidente do PRB, Marcos Pereira, almoçou terça-feira com a bancada ruralista na Câmara e causou péssima impressão.

Michel Temer pensa nele para o ministério da Agricultura.

O PRB, Partido do bispo Edir Macedo, deu 22 votos pelo impeachment na Câmara.

Marcos Pereira é advogado e não é do meio.

Veja conta quais são as apostas de Michel Temer

A revista Veja que já circula dedica toda sua reportagem de capa ao que chama de "Apostas de Temer", que basicamente refletem o desejo do vice de estabilizar a crise política, conter a crise econômica e devolver a paz social.

O que mais preocupa o eleitorado é a economia, já que o PIB registra novo ano de feroz recessão, o que ocasiona enorme desemprego (11 milhões de trabalhadores) e queda de renda, mas também quebradeira de empresas. A nota abaixo sobre a demissão de 300 trabalhadores da GM, hoje, em Gravataí, é apenas nova prova disto. Foi por isto que a primeira escolha do vice foi a do ministro da Fazenda, no caso a escolha de Henrique Meirelles.

Michel Temer disse para Veja que vai demitir todos os ministros de Dilma dentro de 13 dias, quando assumir.

Alguns ministros já estão definidos, além de Meirelles. Entre eles estão Eliseu Padilha, Casa Civil; Romero Jucá, Planejamento; José Serra, que ainda oscila entre Itamaraty e Educação; Moreira Franco, Infraestrutura;Geddel Vieira Lima, Governo. També parece certo Gilberto Kassab, que voltaria para Cidades.

A revista Veja trabalha também com alguns nomes improváveis, como Nelson Jobim para a Justiça,logo Jobim, que substituiu Thomaz Bastos como conselheiro dos empreiteiros da Lava Jato, alguém tão perigoso na pasta como foi o caso de Mariz de Oliveira, que chegou a fustigar publicamente o juiz Sérgio Moro. Mais palatável seria Roberto Freire, PPS, cujo nome começou a surgir ontem a noite. Veja também fala em Paulinho da Força para Previdência e Trabalho, o que seria o mesmo que entregar a pasta para o presidente da CUT num governo Lula ou Dilma. E isto parecetotalmente fora de propósito.

O ministério de Temer ainda apresenta muitos claros e as especulações correm soltas, mas não parecem ter consistência.

PPS poderá dar Freire para a Justiça e Jungmann para a Defesa

O PPS começou a ser incluído com força na lista dos ministeriáveis do governo Michel Temer. Estão cotados o ex-deputado Roberto Freire para o ministério da Justiça e o deputado Raul Jungmann para o ministério da Defesa.

Os dois não serão contemplados, mas um dos dois irá para o novo governo.

MPF diz que João Santana era o principal conselheiro de marketing da alta cúpula do PT

O Ministério Público Federal revelou ontem a tarde em Curitiba que o marqueteiro João Santana e sua mulher, Mônica Moura, são peças de sustentação e conselheiros da alta cúpula do PT durante as campanhas eleitorais e fora delas:

- A partir do estreito contato mantido com as principais lideranças do Partido dos Trabalhadores, Mônica Moura e João Santana passaram a exercer o papel de verdadeiros conselheiros da alta cúpula da agremiação.

Isto é o que consta da denúncia criminal entregue à Justiça Federal e que incrimina o casal.

Segundo o MPF, eles eram pagos com dinheiro de propina saído dos cofres de empreiteiras e outras empresas que mantinham contratos com a Petrobrás. 

Santana e a mulher estão presos desde 23 de março em Curitiba, quando foi deflagrada a Operação Acarajé. Mesmo fora do período de campanha eleitoral, segundo a Polícia Federal (PF), Santana auxiliava a alta cúpula do PT na "formação da plataforma política a ser seguida."

Real fica mais forte com queda de 1,57% no valor do dólar

A confiança do mercado na chegada do novo governo ajudou a fortalecer o real, ontem, dia em que o dólar fechou em baixa de 1,57%, cotado a R$ 3,4374 no mercado à vista, menor valor desde 31 de julho de 2015.

GM demite 300 do terceiro turno e ameaça demitir os 500 que sobraram

Foi confirmada ontem a demissão de 300 trabalhadores dos cerca de 800 do terceiro turno de trabalho, colocados em regime de layoff (suspensão temporária dos contratos de trabalho) no dia primeiro de dezembro de 2015, na fábrica de Gravataí, RS.

O fim do layoff é neste sábado e motivo do corte é o desempenho negativo das vendas do setor automotivo.

Caso a recessão não dê sinais de melhora, mesmo com a chegada do novo governo, a GM encerrará o terceiro turno de vez e todos serão demitidos.

Sábado continuará dia de muito frio no RS

O frio continuará inclemente  durante este sábado no RS. O sol apareceu de manhã cedo com nuvens na maioria das regiões, mas muito clasro em Porto Alegre. Pode ter chuva passageira em pontos do Sul e do Leste, sobretudo em áreas próximas da costa e das lagoas, o que inclui a região de Porto Alegre.

As temperaturas mínimas rondarão -1°C em São José dos Ausentes e 0°C em Vacaria. As máximas, por sua vez, podem chegar a 17°C Capão da Canoa. Em Porto Alegre, os termômetros variarão entre 8°C e 16°C.

A sexta-feira registrou as menores mínimas até agora neste ano no RS. Foi o segundo dia consecutivo de marcas negativas no Estado. 

Petista quer indenização de pediatra que dispensou-a da sua lista de clientes

A petista de Porto Alegre, ex-secretária no governo Tarso Genro, é agora diretora da secretaria do Desenvolvimento Social de Novo Hamburgo, nomeada esta semana pelo prefeito do PT, Luís Lauermann.


A pediatra de Porto Alegre (RS), Maria Dolores Bressan, que dispensou da sua lista de clientes o filho de uma suplente de vereadora do PT, será processada pela mãe da criança. Os advogados de Ariane Leitão pediram na Justiça a condenação da médica por danos morais e solicitou o pagamento de três indenizações de R$ 80 mil, para a mãe, para o menino e para o marido. A defesa de Ariane também pediu a suspensão do credenciamento de Maria Dolores no Ipergs (Instituto de Previdência do Estado), onde a profissional atendia o garoto.

O Sindicato Mésdico do RS, chamado a falar sobre o caso, avisou que Maria Dolores agiu de modo correto ao dispensar a cliente que mantinha relação adversa com ela, dando-lhe condições para procurar outro pediatra para o filho. 

Fechou o Jornal do Commercio, Rio

Dois jornais diários a menos no Brasil.


O Jornal do Commercio e o Diário Mercantil, do Grupo Diários Associados, encerraram nesta sexta ( suas atividades.

Na capa da edição de hoje, o jornal ressalta que é o veículo de comunicação há mais tempo em circulação ininterrupta no país. 

“Nesses quase dois séculos foi testemunho de todos os episódios que marcaram a história”, diz o comunicado aos leitores  

PDT notifica Lasier: "Se votar no impeachment, será expulso por Lupi"

O senador Lasier Martins recebeu ontem notificação do PDT de que se votar pelo impeachment será expulso do Partido.

Lasier notificou o PDT de que vai ajudar a derrubar Dilma, duela a quem duela. 

Afastada provisoriamente, Dilma só receberá metade do salário. Saiba o que Dilma poderá usar enquanto estiver fora.

Durante todo o período em que estiver afastada do governo por força do processo de impeachment, a presidente Dilma Roussef receberá apenas 50% do seu salário mensal.

É o que diz claramente a lei 1.079 de 10 de abril de 1950, que define os crimes de responsabilidade e regula o respectivo processo de impeachment.

A presidente recebe R$ 30.934,70 mensais.

O editor soube via consultor Gilberto Gurzone, Senado, que existe um entendimento, não expresso na lei, de que presidentes com mandatos cassados ou afastados, não teriam direito a cartão corporativo, avião e helicópteros, todos de uso privativo do presidente em exercício.

Existem lacunas na legislação e não há lei que garanta a Dilma o direito sequer de morar no Palácio da Alvorada e na Granja do Toro.

A Lei 75474, de 8 de maio de 1986, que trata sobre as medidas de segurança aos ex-presidentes, assegura-lhes a utilização de dois veículos com motoristas, além de serviços proporcionados por outros seis servidores.]

O consultor Leonardo Costa Schuller, da Câmara, preparou um documento sobre essa questão, onde estão estabelecidos os direitos assegurados aos ex-presidentes.

Saiba por que razão Janaína Paschoal é a Musa do Impeachment.

Solidariedade move Adin no STF contra MP que libera R$ 180 milhões para nova orgia de publicidade do governo Dilma

O Partido Solidariedade irá entrar hoje com Adin (Ação Direta de Inconstitucionalidade) no STF (Supremo Tribunal Federal), com pedido de liminar cautelar,  contra a MP (Medida Provisória) 772,  de 28 de abril, que abre crédito extraordinário de R$ 180 milhões que serão destinados à publicidade do governo federal.


RS terá supersafra de 16,3 milhões de t de soja, diz Emater

Com a divulgação dos resultados da safra que deve alcançar a marca histórica de 16,3 milhões de toneladas no Rio Grande do Sul, foi aberta a 21ª Fenasoja, nesta sexta-feira, em Santa Rosa.

O levantamento da Emater, realizado em 328 municípios, corresponde a 80% da área cultivada e indica que o aumento na área plantada foi de 3,92% e fez o estado alcançar 5,470 milhões de hectares plantados. A produtividade média estimada é de 2.988 kg/hectares. A cultura está com 85% de área colhida.

Apesar da redução na área plantada a cada ano, a produtividade desta safra (6.264 kg/ha), se confirmada, já que a cultura está com 90% colhida, será apenas 3,99% menor que a do ano passado. A perspectiva é de que sejam colhidos 4,7 milhões de toneladas de milho.

Publicidade - Hoje vai ter gole no Bier Markt, Porto Alegre

A peça ao lado foi criada pela agência Moove.

1o lugar de Veja, cinco anos seguidos, na categoria
Vá conhecer, hoje, sexta-feira.  Primeiros lugares de Veja em várias edições, com melhores cartas de cervejas ou de chopes artesanais. São mais de cem rótulos de diversos Países. Também petiscos inspirados na gastronomia alemã. 

Segurança completa, bom estacionamento de rua, ar condicionado perfeito, também cozinha. 

Biermarkt
Rua Castro Alves, 442
Moinhos de Vento, Porto Alegre, RS
Biermarkt Vom Fass
Rua Barão de Santo Ângelo, 497
Moinhos de Vento, Porto Alegre, RS
Localização, dicas, serviços: www.biermarkt.com.br

José Aníbal assumirá vaga de Serra no Senado

Caso o senador José Serra assuma um ministério no governo Temer, assumirá seu suplente, José Aníbal.

Supermercados não abrirão neste domingo

Os supermercados não abrirão neste domingo, 1o de maio.

Artigo, Mário Sabino - Dilma acorrentada

Uma vez aprovado o impeachment, a oposição teme que Dilma Rousseff acorrente-se à mesa presidencial, para ser retirada à força do Palácio do Planalto.

Se ela vier a dar esse espetáculo, a imagem do Brasil será indelevelmente a de uma república das bananas. É o que somos. Nesse aspecto, Dilma Rousseff nos faria um favor. Fingimos mal ser o que não somos. 

O Brasil é bananeiro no gongorismo do Supremo Tribunal Federal. O Brasil é bananeiro na vulgaridade do Congresso Nacional.

CLIQUE AQUI para ler tudo.

Ana Amélia banca Cassiá Carpes para a prefeitura de Porto Alegre

A senadora Ana Amélia quer bancar a candidatura do ex-deputado Cassiá Carpes para a prefeitura de Porto Alegre.

Pelo PP.

Câmara de Porto Alegre ganhará Bancada da Bala

A próxima bancada da Câmara de Vereadores de Porto Alegre contará com uma Bancada da Bala. Seus dois mais fulgurantes membros poderão ser ao coronel Vieira, ÇP, mais conhecido como Batman, e a coronela Nádia Gernhardt, que concorrerá pelo PMDB.

Os brigadianos querem eleger os dois.

PDT gaúcho vai defender Cherini e Lasier junto à direção nacional do Partido

O deputado Eduardo Loureiro, líder do PDT na Assembléia, e o secretário estadual da Educação, Vieira da Cunha, participarão da próxima reunião do diretório nacional do Partido, cuja pauta principal será a proposta de expulsão dos deputados e senadores que votaram e votarão pelo impeachment de Dilma Roussef.

A decisão foi da Executiva do RS.

O PDT gaúcho não quer saber da expulsão do deputado Giovani Cherini.

"Este tipo de votação não admite fechamento de questão, porque se trata de questão de consciência do parlamentar", disse esta tarde o deputado Ênio Bacci, que conversou com o editor sobre o caso.

Imprensa internacional repele tese de impeachment como golpe de Estado

A reportagem mais visível da coletânea ao lado é da Folha de São Paulo e ela demonstra que pouco depois de uma pequena vacilação, a imprensa internacional não comprou a narrativa de golpe que o governo Dilma e o PT queriam implementar.

Os recortes são dos principais jornais do mundo.

Ao empunhar a bandeira do golpe, dilmistas e petistas queriam passar por vítimas indefesas de golpistas cruéis, o que melhoraria a biografia de Dilma e daria contornos dramáticos e heróicos ao discurso do PT. Seriam ganhos políticos e eleitorais de monta.

A verificação de que o governo petista cai porque é corrupto e inepto, desconstrói o mito Lula, a mística do PT e a imagem de gerentona de Dilma.

Apesr disto, a organização criminosa lulopetista prosseguirá com o discurso reducionista. Isto, aliás, foi o que se viu na nova fala do ministro José Eduardo Cardozo, hoje, na Comissão Especial do Impeachment.

Incorporação do HSBC pelo Bradesco ainda vai demorar

A migração dos serviços do HSBC para o Bradesco prosseguem lenta, gradual e segura, mas não há prazo para que aconteça a incorporação e adoção de apenas uma marca.

Agricultura continua sem definição no ministério de Temer

A bancada gaúcha do PP não acha que o vice Michel Temer escolherá o deputado João Sampaio para o ministério da Agricultura.

Se a escolha recair num parlamentar, a mais cotada é a senadora Ana Amélia.

Corre por fora o ex-ministro da Agricultura de Lula, Roberto Rodrigues.

Júlio Ribeiro lança Press Santa Catarina

O publisher gaúcho Júlio Ribeiro lançará na semana que vem a revista Press Santa Catarina.

Comissão especial do Impeachment ao vivo com Cardozo, Barbosa e Kátia Abreu.

Cunha e Lewandowsky acertam aumento para os servidores do Judiciário.

O presidente da Câmara, deputado Eduardo Cunha, acertou com o presidente do STF, Ricardo Lewandowsky, que incluirá na pauta da semana que vem o reajuste dos salários dos servidores do Judiciário.

Ontem já saiu a aprovação do regime de urgência do projeto. Agora, poderá ser votado pelo plenário, sem passar por comissões.

O aumento oscilará entre 16,5% e 41,47%, de forma escalonada. O projeto terá impacto de R$ 1,1 bilhão a mais no Orçamento de 2016.

São Leopoldo abre hoje sua Escola de Gestão Pública

O prefeito Aníbal Moacir da Silva, foto ao lado, São Leopoldo, RS, inaugura a Escola de Gestão Pública nesta sexta, dia 29. A escola funcionará no segundo andar do prédio da Prefeitura, e é voltada à qualificação e formação dos mais de 6 mil funcionários municipais.

O projeto da Escola, que conta com o apoio de financiamento do PMAT do BNDES através do BADESUL, é resultado de um estudo de reformulação de funções e prioridades do município, chamado Macroestratégia 2030,  e de um estudo de demanda de competências nos níveis estratégico e gerencial no município, executado desde 2014 por um grupo de secretários do município e funcionários de carreira. O conceito e estruturação da Escola de Gestão foram elaborados pela Agência Futuro, do economista Gustavo Grisa, com base em melhores práticas nacionais e internacionais.

O economista disse ontem ao editor que muitos dos cursos serão ministrados também por servidores  que são referência em suas respectivas áreas. Na grade de programação 21 datas já estão agendadas até agosto, o que significa capacitação para cerca de 980 servidores. A direção da escola  é acumulada pela Procuradora-Geral do Munícipio, Angela Molin, sem ônus extra ao município, e a coordenação geral será da funcionária de carreira Cláudia Koch-Johnstone. 

Multidão de 150 manifestantes protesta contra saída de Dilma em Porto Alegre

Uma multidão de 150 estudantes e renegados sociais foram ontem à noite na Esquina Democrática para defender Lula e a organização criminosa do PT.

Trata-se de um "aquecimento" para o 1o de maio, quando os manifestantes pretendem arrebanhar mais apoiadores.

Governo Sartori aplica novo calote na União

O governador Ivo Sartori decidiu que dará novo calote na dívida que o governo estadual tem com a União, deixando novamente de pagar os R$ 280 milhões da prestação mensal.

O governo considera-se amparado por liminar que proíbe bloqueios das suas contas bancárias para honrar o pagamento.

A liminar do STF garantiu pagamento menor por parte do governo estadual, mas não autorizou calote.

Estes são os nomes mais prováveis do ministério de Michel Temer.

Este será o possível ministério de Michel Temer, conforme posições de hoje:

* Fazenda, Henrique Meirelles
* Casa Civil, Eliseu Padilha
Área Social, Ricardo Paes de Barros
Relações Exteriores e Comércio Exterior, José Serra
Agricultura, João Sampaio
Justiça, Ayres Brito
Saúde, Ricardo Barros
Previdência, Roberto Brandt
* Planejamento, Romero Jucá
AGU, Alexandre de Moraes
* Turismo, Henrique Eduardo Alves
Integração Nacional, Cacá Leão
* Defesa, Nelson Jobim
* Infraestrutura, Moreira Franco
* Cidades, Gilberto Kassab
* Governo, Gedel Vieira Lima
Educação - Sem nome.

Todos os ministros assinalados com * pertenceram aos governos Lula ou Dilma.

A lista é de apenas 17 ministérios, mas o próprio Michel Temer já avisou que terá entre 23 a 24 ministros, portanto 15 a menos do que Dilma. 

Faltam 14 dias para o fim do governo do PT

Faltam 14 dias para que Dilma e o PT sejam desalojados.

Recessão já desemprega 11,1 milhões de trabalhadores, diz IBGE

O desemprego voltou a subir e agora chegou a 10,9% da população economicamente ativa, deixando sem emprego 11,1 milhões de trabalhadores.

É o efeito da recessão profunda.

Os dados são do IBGE.

Dilma antecipa-se a Temer e revalida antes do prazo o Programa Mais Médicos

Trabalhadores escravos cubanos serão mandados de volta para Cuba.


Confirmando o que o editor postou na quarta-feira, soube-se nesta manhã de sexta-feira que a presidente Dilma Roussef aproveitará seus últimos dias no governo para prorrogar por três anos o Programa Mais Médicos.

Será hoje.

Os médicos estrangeiros, sobretudo cubanos, poderão clinicar sem revalidar seus diplomas.

O convênio atual só terminaria em julho, mas Dilma quer proteger o governo de Cuba.

As entidades médicas já pediram ao vice Michel Temer que revogue o ato de Dilma e mande os cubanos de volta para Havana, criando o Programa Mais Médicos do Brasil.

Petrobrás fecha balanço de 2015 com prejuízo rombudo de R$ 34,8 bilhões

Além de eleger os novos membros dos Conselhos de Administração e Fiscal (leia nota a seguir), a assembleia geral da Petrobras aprovou nesta quinta-feira as demonstrações financeiras da companhia em 2015. A estatal registrou prejuízo de 34,8 bilhões de reais no último ano por causa de baixas contábeis em seus ativos. O registro das perdas, entretanto, foi classificado como "absurdo" por acionistas presentes na assembleia.

As contas foram questionadas por Fernando Siqueira, representante da Associação de Engenheiros da Petrobras (AEPET). Ele considerou o volume de baixas contábeis registrado pela companhia como um "rombo virtual".Segundo ele, a baixa é maior do que a realizada por outras petroleiras com perdas reais, como a Shell. "É uma baixa absurda e difícil de justificar", afirmou. "O mais grave da baixa é que se a Petrobras não pagar dividendos aos acionistas por três anos, e esse já é o segundo ano em que não paga, as ações preferenciais passam a ter voto. Assim, a gestão passa ao controle da iniciativa privada. A maioria dos acionistas preferenciais são estrangeiros. É um risco extremamente alto para o país", questionou Siqueira.

Em resposta ao questionamento, o presidente da assembleia, Francisco Costa e Silva, ex-presidente da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), afirmou que "em hipótese alguma" as ações preferenciais podem ser convertidas em ordinárias." A lei estabelece que sociedades de economia mista terão sempre o controle da União. Não há hipótese de haver desnacionalização", reforçou.
O acionista também avalia que a metodologia de baixas contábeis tende a esconder os "graves prejuízos com a venda de ativos a preços irrisórios". Siqueira questionou a venda de participação na Gaspetro e também na BR Distribuidora, em estudo pelo comando da companhia. "Seria uma nova manobra para fazer a privatização da Petrobras? Os acionistas exigem explicação", reforçou Siqueira.

Ao afirmar o voto da União, a procuradora federal Maria Tereza Lima destacou apoio às ações judiciais da estatal para reaver prejuízos revelados pela Operação Lava Jato. "A União reitera determinação constante de assembleia de 2015 no sentido que a Petrobras continue a promover medidas jurídicas necessárias para reaver os prejuízos causados por ex-dirigentes e terceiros no âmbito da operação".

Saiba quem são os novos membros dos Conselhos de Administração e Fiscal da Petrobrás

A Petrobrás elegeu ontem os novos membros dos seus Conselhos de Administração e Fiscal, conforme comunicado que o editor acaba de receber.

Conheça:

Conselho de Administração

Permanecem, além de Luiz Nelson Guedes de Carvalho, conselheiro da BM&F BOVEPA, Aldemir Bendine, presidente da Petrobras, Luciano Coutinho, presidente do BNDES, Jerônimo Antunes, professor-doutor em Ciências Contábeis da USP, Segen Estefen, professor da UFRJ e Francisco Petros, economista e advogado especialista em Direito Societário, mercado de capitais e governança corporativa. O novo conselheiro é Durval José Soledade Santos, professor da FGV Direito Rio.
Os acionistas minoritários que possuem ações ordinárias reelegeram para o CA Walter Mendes de Oliveira Filho, diretor executivo do Comitê de Aquisições e Fusões (CAF). Os preferencialistas reelegeram Guilherme Affonso Ferreira, que foi conselheiro do grupo Pão de Açúcar, Unibanco e atualmente da Sul América e Gafisa. A engenheira de petróleo Betânia Rodrigues foi eleita como representante dos empregados.

Conselho Fiscal

Para o Conselho Fiscal, foram eleitos pelo acionista controlador como titulares William Baghdassarian, Marisete Fátima Dadald Pereira e Luiz Augusto Fraga Navarro e, como suplentes, Paulo José dos Reis Souza, Agnes Maria de Aragão da Costa, e César Acosta Rech. Os eleitos pelos acionistas minoritários detentores de ações ordinárias e preferenciais foram, como titulares, Reginaldo Ferreira Alexandre e Walter Luis Bernardes Albertoni. Como suplentes, Mário Cordeiro Filho e Roberto Lamb.

Índice de Confiança da indústria e dos serviços registrou elevação em abril

O Índice de Confiança da Indústria (ICI) atingiu 77,5 pontos em abril, de acordo com a leitura final da Sondagem da Indústria divulgada há pouco pela FGV. 

O resultado do ICI representa um avanço de 2,4 pontos em relação ao mês anterior, descontada a sazonalidade (ligeiramente inferior à alta de 2,7 pontos observada em sua prévia). Com isso, alcançou o maior patamar desde abril do ano passado. A elevação refletiu o avanço de 3,6 pontos do indicador de expectativas e de 1,2 ponto da situação atual. No mesmo sentido, o Nível de Utilização da Capacidade Instalada (NUCI) oscilou de 73,7% para 74,3% no período, excetuados os efeitos sazonais. 

O Índice de Confiança de Serviços (ICS), por sua vez, alcançou 69,3 pontos em abril, o equivalente a uma expansão de 0,4 ponto na margem, também realizados os ajustes sazonais. O resultado decorreu exclusivamente da alta de 3,1 pontos das expectativas, visto que o indicador de situação atual caiu 2,3 pontos. 

As elevações das confianças desses setores, assim, sugerem alguma acomodação do ritmo de queda da atividade econômica no início do segundo trimestre deste ano.

MPE acusa vereador Bins Ely por falsificação da sua própria assinatura

O vereador quer que o MPE prove que ele falsificou sua própria assinatura.

Foi aceita ontem a denúncia do Ministério Público contra o vereador Márcio Bins Ely, PDT de Porto Alegre, acusado de falsificação de documentos públicos. A juiza do caso é a titular da 11a. vara Criminal, Fernanda Haas.

O promotor Flávio Duarte disse na denúncia que Ely exigiu assinar de próprio punho as Declarações Municipais Informativas das Condições Urbanísticas de Ocupação do Solo, DMs, quando ele era secretário municipal do Planejamento, tentando valorizar-se politicamente. O caso ficou mais grave e virou crime quando o auxiliar do secretário, Juliano Jacobsen, passou a falsificar a assinatura dele, visando ganhar tempo.

Janaína denuncia omissão dos movimentos de direitos humanos em relação a Leopoldo Lopez

O político venezuelano foi preso no dia 18 de fevereiro de 2014 pelos esbirros do ditador Maduro.

Ao falar ontem a noite na Comissão Especial do Impeachment, a jurista Janaína Paschoal reclamou da omissão dos movimentos e órgãos públicos ligados aos direitos humanos, no que diz respeito à situação do preso político venezuelano Leopoldo Lopez.

Ela também denunciou o confinamento desumano de dois estudantes brasileiros encarcerados num calabouço que em Caracas é conhecido como "A Tumba".

Dilma quer garantia de mordomias presidenciais durante afastamento. PT pensa em ampliação dos casos de quarentena.

Dilma quer ficar com um dos aviões presidenciais.


Começaram a vazar informações sobre movimentações que ocorrem dentro do Palácio do Planalto, todas elas relacionadas com uma espécie de governo paralelo durante o período de afastamento da presidente Dilma Roussef (até 180 dias) e até da ampliação dos casos atuais de quarentena remunerada.

O que se sabe é que a presidente poderá morar durante o período no Palácio Alvorada, contando com a mordomia existente na atualidade, mas ela estaria trabalhando para garantir também seus salários integrais e até mesmo amplo acesso a pessoal de segurança e apoio, carros oficiais e direito ao uso de helicóptero e avião presidencial para suas movimentações pelo País.

O jornalista Claudio Humberto escreve hoje que a novidade é a ampliação dos casos de quarentenas, que incluiria um verdadeiro ministério remunerado para Dilma.

Dia será de sol claro e muito frio no RS

Esta sexta-feira será novo dia de sol no Rio Grande do Sul, mas devem aparecer nuvens médias ou altas. Hoje o tempo estará aberto na maior parte do território gaúcho e com vento mais calmo.
Isso fará com que o resfriamento seja mais acentuado, com geada generalizada e forte em vários pontos da Metade Norte. Baixadas da Serra, Aparados e outras áreas do Norte devem ter mínimas inferiores às da quinta-feira. Depois da manhã fria, ao sol, a tarde é amena.

As temperaturas mínimas de hoje oscilarão entre os -3°C em São José dos Ausentes e -1°C em Vacaria. As máximas, por sua vez, podem chegar a 18°C em Capão da Canoa. Em Porto Alegre, os termômetros variam entre 4°C e 16°C.

Paim aplica golpe no Senado para franquear discurso cretino de Perez Esquivel

A manobra do senador Paulo Paim para introduzir a fala de Adolfo Esquivel desde a Mesa do Senado, ontem, foi um dos golpes mais baixos já ocorridos na Casa.

Foi algo ignóbil.

O senador gaúcho não tinha autorização de ninguém para fazer o convite, ousou colocar o seu companheiro na mesa e ainda franqueou-lhe a palavra. 

Pior foi a fala do argentino, que acusou de golpista deputados e senadores, insultando o Congresso de maneira inédita. 

Adolfo Esquivel não passa de um velho viúvo do peronismo, ideologia maldita que equivale ao que de pior conseguiu produzir até agora o petismo. 

O golpe de Paim acabou sendo denunciado e a sessão foi transformada em intervalo falado, enquanto que a fala de Esquivel foi parar na lata do lixo, já que por decisão dos senadores a expressão que usou para falar de impeachment(golpe) foi retirada dos anais. 

CLIQUE AQUI para saber mais. 


Senadores do PT e do PCdoB comportam-se como moleques diante da jurista Janaína Paschoal

O senador Ronaldo Caiado, DEM, avisou há pouco que na fala de amanhã do ministro José Eduardo Cardozo produzirá constrangimentos de igual intensidade contra o advogado de Dilma.


Apenas 5 senadores do PT e do PCdoB conseguem tumultuar a sessão de hoje da Comissão Especial do Impeachment.

Os momentos mais constrangedores ocorreram a partir da fala da jurista Janaína Paschoal, submetida a interrupções de toda ordem por parte dos senadores do governo.

O Senado, que tinha assumido a posição de não repetir espetáculos vexaminosos ocorridos na Câmara, convive com cenas patéticas e de molecagem explícita.

- A sessão é transmitida ao vivo pela Globonews e pela TV Senado. USE A BARRA DE ROLAGEM para assistir tudo no vídeo postado logo abaixo, nesta página.

O Brasil não pode ser gerido pelo segundo, terceiro, quarto, quinto escalão", diz CEO do Iguatemi

A competente jornalista Marta Sfredo, Zero Hora, entrevistou ontem o empresário Carlos Jereissati Filho, terceira geração de uma família de empreendedores. Ele esteve na Capital para a inauguração da expansão do Iguatemi Porto Alegre.

Leia este material publicado pelo jornal na sua edição de hoje (o texto integral vai no link):

A agenda de quarta-feira de Carlos Jereissati Filho ilustra como anda a rotina do empresário, terceira geração de uma família de empreendedores que, entre outras personalidades, tem o tio Tasso Jereissati, cotado para o eventualministério de Michel Temer. 

Ele veio dos Estados Unidos para São Paulo, onde pela manhã pegou um jatinho para chegar a Porto Alegre e comparecer à inauguração da expansão do Iguatemi Porto Alegre. Ficou cerca de uma hora e retornou a São Paulo, onde tinha um almoço marcado com um investidor estrangeiro:
— Graças a Deus, o Brasil tem muita gente de fora investida aqui.

Todos se perguntam se esse é um bom momento para expandir um shopping, qual é a expectativa?
É sempre a melhor possível. O Iguatemi é um shopping consolidado, que já tem uma clientela enorme, que vem de todo o Estado. É aguardado, sempre traz muita novidade, isso gera atratividade nova, clientela nova. Gente que deixou de vir, porque faltava alguma coisa, passa a vir porque sente que o que faltava está completo. Essa ampliação reforça esse polo de consumo e lazer que o Iguatemi se tornou.
Como está a avaliação dos empreendedores sobre a crise?
O que existe no Brasil hoje é uma crise de confiança, que é pior do que a crise econômica, que leva os agentes a não investir por não ver perspectiva de futuro. Na medida em que se decida, para um lado ou para outro, o que vai acontecer com a política, a tendência é melhorar.

(...)

Um tio no ministério ajuda?
Meu tio? (risos) O Brasil tem muitas pessoas competentes, que adorariam poder contribuir. O Brasil não pode ser gerido pelo segundo, terceiro, quarto, quinto escalão. O país tem um primeiro escalão de pessoas que podem e devem contribuir com o país e podem fazer essa transformação. 

CLIQUE AQUI para ler tudo.

Procuradores da Lava Jato denunciam João Santana, Mônica Moura, Vaccari e mais 14 da Operação Acarajé

Ao contrário de Duda Mendonça, marqueteiro de Lula, as mutretas de João Santana, marqueteiro de Dilma estão custando caro para ele. 


O Ministério Público Federal denunciou esta tarde o marqueteiro João Santana, responsável pela campanha eleitoral de Dilma Rousseff, em 2014, e sua mulher, Mônica Moura, além de Marcelo Bahia Odebrecht, ex-presidente da Odebrecht. As acusações são por corrupção e lavagem de dinheiro e partiram dasinvestigações da Operação Lava Jato levantadas basicamente pelas 23ª e na 26ª fases, chamadas de Acarajé e Xepa.

São 17 denunciados. Na primeira leva, também estão o acusado como operador de propina Zwi Skornicki, os ex-diretores da Petrobras Renato Duque, Eduardo Musa e Pedro Barusco, além de João Vaccari Neto, ex-tesoureiro do PT, e João Carlos de Medeiros Ferraz, ex-presidente da Sete Brasil.

Na segunda parte das denúncias, referentes à Odebrecht, também estão a secretária Maria Lúcia Guimarães Tavares, que fez delação premiada, além de executivos da empreiteira, como Hilberto Mascarenhas Alves da Silva Filho e Luiz Eduardo da Rocha Soares. Santana, Moura e Vaccari também estão citados na segunda denúncia. Os outros eram funcionários da Odebrecht.

Caso o juiz Sergio Moro aceite as denúncias, eles viram réus na Justiça Federal.

Para o procurador Deltan Dellagnol, essas empresas fizeram "a sofisticação de um modelo de lavagem de dinheiro", afirmou em entrevista na sede do MPF emCuritiba. Ele criticou os acusados que se dizem "perseguidos" pela operaçãoe fazem uma defesa política e não jurídica. "Nossa investigação é técnica, séria e apartidária."

São as primeiras acusações formais desde que a Lava Jato avançou sobre o "departamento de propinas" da Odebrecht e sobre o ex-senador Gim Argello (PTB), preso preventivamente sob suspeita de receber R$ 5,3 milhões para evitar a convocação de empreiteiros nas CPIs que investigaram a Petrobras no Senado e no Congresso em 2014.

Jorge Gerdau também vai ao beija-mão de Michel Temer

Recém desembarcado do governo Dilma Roussef, o empresário gaúcho Jorge Gerdau foi hoje ao beija-mão no Palácio Jaburu.

Ele foi conversar com o vice Michel Temer.

Publicidade - Aproveite o frio desta noite e vá curtir seu chope preto no Bier Markt, Porto Alegre

1o lugar de Veja, cinco anos seguidos, na categoria
Reserve confraternização. Vá conhecer, hoje, quinta-feira.  Melhores cartas de cervejas ou de chopes artesanais. São mais de cem rótulos de diversos Países. Também petiscos inspirados na gastronomia alemã. Mais de 100 rótulos de várias partes do mundo.

Segurança completa, bom estacionamento de rua, ar condicionado perfeito, também cozinha. 

Biermarkt
Rua Castro Alves, 442
Moinhos de Vento, Porto Alegre, RS

Biermarkt Vom Fass
Rua Barão de Santo Ângelo, 497
Moinhos de Vento, Porto Alegre, RS

Localização, dicas, serviços: www.biermarkt.com.br

Antecipação do IPVA dobrou o tamanho da inadimplência

Guloso, o governo gaúcho tomou inadimplência de 20% ao antecipar selvagemente os prazos de pagamento do IPVA, tudo para um só mês, abril.

O calote dobrou de tamanho, porque no ano passado foi de 10%.

O Tesouro imaginava recolher R$ 950 milhões e só conseguiu R$ 720 milhões.

Servidores gaúchos do Executivo só receberão R$ 2 mil em abril

O governo estadual melhorou um pouco a pedida e agora os 344 mil servidores do Executivo receberão R$ 2 mil e não apenas R$ 1.500,00, como estava previsto. O valor é referente aos salários de abril. 51% dos servidores, 170 mil, receberão salários integrais, mas os restantes só poderão sacar valores pingados, que se estenderão até o dia 13 de abril.

Janaína Paschoal e Reale Júnior falam neste momento no Senado.

A Comissão Especial do Impeachment está reunida desde as 16h para ouvir os autores do pedido protocolado na Câmara dos Deputados, aprovado ali e agora em exame no Senado.

Os juristas Miguel Reale Júnior e Janaína Paschoal falarão durante duas horas.

Em seguida, os senadores poderão colocar suas questões.

Amanhã, será a vez da defesa de Dilma, que correrá por conta do Advogado Geral da União, José Eduardo Cardozo.

CLIQUE AQUI para ler a íntegra do pedido de impeachment.

Presidente da Mercedes-Benz critica governo Dilma: "Brasil precisa de um governo competente"

O presidente da Mercedes-Benz no Brasil e na América Latina, Phillpp Schiemer, criticou nesta quinta-feira, a política econômica da presidente Dilma e demonstrou simpatia ao programa "Uma ponte para o futuro", do PMDB. Depois de afirmar que políticas "inadequadas" causaram uma crise "desnecessária", disse que "assina em baixo" e "concorda em tudo" com as medidas propostas pelo partido do vice-presidente Michel Temer para a recuperação da economia.

O programa do PMDB propõe reformas no Orçamento, privatizações e uma maior abertura comercial. O documento foi feito com a ajuda de economistas e desenvolvido pela Fundação Ulysses Guimarães, ligada ao partido. Apesar de ter aprovado o documento, o executivo da Mercedes-Benz evitou dizer se prefere Dilma ou Temer no governo. "Apenas queremos que a situação da economia seja resolvida o mais rápido possível", declarou o executivo, após cerimônia de comemoração dos 60 anos da montadora no País.

Para ele, o fato de o PIB global estar em alta e o do Brasil em queda é um sinal de que "o problema é caseiro e pode ser resolvido". "E eu espero que seja resolvido agora", acrescentou. Durante seu discurso no evento, chegou a declarar que o Brasil necessita de "um governo melhor, uma economia melhor e um projeto para o futuro". Também disse que é preciso um "governo competente, reformas urgentes e sem perda de tempo".

Tesouro registra novo rombo histórico em março

As contas do governo central registraram um rombo de R$ 7,9 bilhões em março deste ano. É o pior resultado conjunto do Tesouro Nacional, Banco Central e Previdência Social desde 1997, início da série histórica do Ministério da Fazenda.

No acumulado do primeiro trimestre de 2016, o deficit primário somou R$ 18,2 bilhões, também um recorde histórico. Esse dado equivale a 1,2% do Produto Interno Bruto (PIB).

No mesmo período de 2015, o resultado estava positivo em R$ 4,5 bilhões (0,3% do PIB), o que comprova o agravamento das contas públicas neste ano.

Aviões da TAM já começam a ser pintados com novo nome da marca

A Latam Airlines apresentou nesta quinta-feira a nova pintura de suas aeronaves. A partir de maio, os passageiros da TAM e da LAN já começarão a embarcar em aviões com o nome Latam.

A troca das marcas será gradativa e deve demorar até três anos para ser concluída, segundo informou Claudia Sender, presidente da TAM.

O primeiro avião pintado, um Boeing 767, voará neste domingo do Rio de Janeiro para Genebra, para buscar a tocha olímpica que chegará em Brasília na próxima terça-feira. No dia cinco do mês que vem, três voos comerciais decolarão com a nova pintura.

Nenzo investirá R$320 milhões para fabricar folhas de flandres em Rio Grande

Irá a R$ 320 milhões o investimento que a Nenzo Industrial fará em Rio Grande, RS, para implantar a primeira fábrica de folhas de flandres no RS. Serão gerados 70 empregos diretos.

A Nenzo fará o investimento na companhia da coreana Shin-Hwa Silup.

Cunha: "O governo Dilma acabou na Câmara"

O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), negou nesta quinta-feira, que a Casa esteja paralisada em virtude do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff, que agora está no Senado. Ele, no entanto, admitiu que o ritmo dos trabalhos dos deputados foi desacelerado. "O problema é que não tem governo, o governo não existe na Câmara. Não existe nem para encaminhar votação. O partido do governo está obstruindo (a votação) de sua própria Medida Provisória. A verdade é que o governo acabou na Casa", resumiu.

Para Cunha, o período em que se aguarda a decisão do Senado é difícil porque "não há diálogo, nem com quem dialogar" no governo. Ele afirmou que não houve paralisia nos trabalhos da Câmara, lembrou que as comissões permanentes já foram escolhidas e começarão a funcionar na próxima semana. "Vai continuar havendo votações", declarou.

Hoje, por exemplo, foi votado um pedido de urgência para a proposta de reajuste do Judiciário, mas Cunha ressaltou que não há, ainda, acordo para votação do mérito da matéria. Ele negou que tenha dito que a Câmara não votaria nada durante o processo de impeachment, mas comentou que não havia vontade política entre os líderes partidários para votar.

Lava Jato faz nova denúncia contra Marcelo Odebrecht, Vaccari e João Santana

A força-tarefa da Lava Jato apresenta na tarde desta quinta-feira, novas denúncias contra os investigados na megaoperação de combate à corrupção na Petrobras, e que avançou para outras áreas do governo federal. Na lista de denunciados, composta por 17 pessoas, aparecem o ex-presidente do grupo Odebrecht, Marcelo Odebrecht, o ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto, e o marqueteiro João Santana.

Estas são as primeiras acusações formais feitas pela força-tarefa da Lava Jato desde que a investigação avançou sobre o "departamento de propinas" da Odebrecht e sobre o ex-senador Gim Argello (PTB), preso preventivamente sob suspeita de receber R$ 5,3 milhões para evitar a convocação de empreiteiros nas CPIs que investigaram a Petrobras no Senado e no Congresso em 2014.

Além dos três nomes citados, a lista de denunciados, dividida em dois grupos, é composta por: Zwi Skornicki, Pedro Barusco, Renato Duque, João Carlos de Medeiros Ferraz e Eduardo Costa Vaz Musa, em uma das denúncias; e Hilberto Mascarenhas Alves da Silva Filho, Luiz Eduardo da Rocha Soares, Fernando Migliaccio da Silva, Maria Lucia Guimarães Tavares, Angela Palmeira Ferreira, Isaias Ubiraci Chaves Santos, Livio Rodrigues Junior e Marcelo Rodrigues, na segunda denúncia. A mulher de Santana, Monica Moura, aparece nas duas listas, assim como seu marido e Vaccari.

Sonegação do ICMS bateu em R$ 2,3 bilhões nesta quinta-feira

O Sonegômetro de hoje do Afocefe Sindicato, que representa os técnicos tributários gaúchos, aponta valor de R$ 2,3 bilhões.

O painel eletrônico foi lançado as 11h na avenida Assis Brasil, Porto Alegre.

O sindicato diz na sua peça publicitária de lançamento que "não há corrução sem sonegação", uma referência indireta à Operação Zelotes.

Sartori continua sem dizer quando acabará a agonia e nem de que modo isto acontecerá

O governo Sartori continua sem dizer quando acabará a agonia dos servidores estaduais e nem de que modo isto acontecerá.

O que vale para os servidores, vale para todo o governo e também para os cidadãos gaúichos.

Artigo, Cesar Maia - Artigo, Cesar Maia - Quem representa o Estado num regime democrático ? Brasil: impasses e o STF

O artigo a seguir é da newsletter diária que emite o ex-deputado, ex-prefeito do Rio e atual vereador Cesar Maia. A seguir, dois trechos mais relevantes, segundo o editor. O texto completo vai no link. 

4. A crise brasileira –política, econômica, ética e social- lançou o país numa crise sem precedentes. As instituições resistem formalmente. Mas não há esse reconhecimento espontâneo por parte das pessoas, dos partidos e das organizações sociais. As declarações intempestivas de Dilma e Lula são a mostra disso. Negam as instituições existentes e jogam tudo no impasse.
               
5. A dinâmica dessa crise brasileira necessita de uma representação do Estado que se afirme e seja reconhecida. O paralelismo funcional entre Câmara e Senado impede que o Senado cumpra essas funções. Aqui não há uma câmara alta e uma câmara baixa, mas duas câmara de atribuições semelhantes, com exceção às ratificações de certos atos do legislativo (nomear embaixadores, diretoria do Banco Central, escolha das magistratura superior...).
               
6. Mas em função daquele paralelismo funcional, o Senado não é árbitro em situações conjunturais críticas como a que vive o Brasil. Mas não havendo a personificação da representação do Estado, os riscos de desintegração são muito grandes.
               
7. Por isso, todos devem saudar a emergência do STF como a representação do Estado e a defesa das instituições. O STF soube ocupar este imprescindível espaço para um regime democrático. Suas decisões –independentemente de divergências e opiniões expressas- são acatadas com tranquilidade. Com isso, os impasses políticos têm limite.

CLIQUE AQUI para ler a íntegra. 

Artigo, Nilson Teixeira, Valor - Caminhos para a retomada

CLIQUE AQUI para ler, também, "Temer na porteira da Fazenda", Vimnicius Tores Freire, Folha.

Nilson Teixeira é economista-chefe do Credit-Suisse, Ph.D pela Universidade da Pensilvânia.

O Brasil enfrenta uma grave crise, com forte recessão e redução do seu crescimento potencial. A reversão dessa crise exige reação urgente, com adoção de medidas para reequilibrar as contas públicas e aumentar a eficiência na economia.

A Constituição e leis subsequentes geraram forte rigidez orçamentária e expansão contínua das despesas. É crucial reduzir essa rigidez e desvincular as receitas da União, dotando o Legislativo e o Executivo de poderes para alocar os recursos conforme suas prioridades. Do mesmo modo, é preciso limitar a alta das despesas, tanto discricionárias como, principalmente, obrigatórias, em particular daquelas com forte expansão nos últimos anos.

A discussão mais relevante refere-se à Previdência Social, cujo desequilíbrio foi gerado pela concessão de benefícios incompatíveis com a realidade.

(...)

As regras pouco flexíveis no mercado de trabalho e os custos elevados associados à manutenção do emprego têm contribuído para a rápida elevação do desemprego. Várias medidas atenuariam essa tendência, entre as quais: 1- negociação direta entre empresas e funcionários, sem a necessidade de aprovação dos sindicatos; 2- maior flexibilidade nos contratos de terceirização; 3- nova regra de reajuste do salário mínimo, compatível com a expansão da produtividade do trabalho; 4- eliminação do imposto sindical e 5- rediscussão do papel do FGTS.

CLIQUE AQUI para ler tudo.

Golpe da cobrança antecipada do IPVA não rendeu o que esperava o governo Sartori

Embora tenha tentado fazer caixa a todo custo e incomodado os proprietários de automóveis com a cobrança antecipadíssima do IPVA, concentrando tudo num único mês, abril, o governo estadual nem de longe conseguiu arrecadar os R$ 950 milhões que imaginava.

Nesta quinta-feira, o caixa do Tesouro contabilizou apenas R$ 600 milhões.

Paulo Paim desceu do muro. Agora ele é membro da tropa de choque da organização lulopetista.

Paulo Paim desceu do muro e submete-se aos encantos da organização lulopetista, que sempre o desprezou. O senador parece ignorar que os membros da organização, como são os casos de Zé Dirceu, Alberto Vargas, João Vaccari, todos apodrecem no ostracismo. 


Depois de ameaçar sair do PT e ir para a oposição ao governo Dilma, o senador Paulo Paim não descansa um só dia na tarefa inglória de recuperar o tempo perdido e demonstrar que está ao lado da organização criminosa lulopetista.

Faz isto, ainda, de modo envergonhado e oblíquo, como foi o caso da PEC golpista de convocação de eleições diretas, já, tudo para embaralhar os trabalhos da Comissão Especial do Impeachment.

Nesta quinta-feira, ele mirou no deputado Eduardo Cunha, alvo, ontem, de acusações da ex-presidente do Conselho de Administração da Petrobrás, a mãe do Petrolão.

O que disse Paim aos jornalistas, tentando ser original:

- Perto de Cunha, Renan é freira ou padre.

O senador gaúcho não quis fazer comparações com Lula ou Dilma, porque se fôsse tão longe, teria que buscar exemplos na Máfia da Itália.

Dólar opera em queda de 1%; Bovespa sobe 0,8%

O dólar comercial operava em queda e a Bovespa tinha alta nesta quinta-feira. Por volta das 12h25, a moeda norte-americana caía 1,06%, a R$ 3,487 na venda.

Já o Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, subia 0,81%, a 54.918,88 pontos.

PDT está "amuado" com Sartori

São tensas as relações entre a bancada estadual do PDT e o governo Sartori.

PRB poderá levar o ministério da Agricultura no governo Temer

O PRB, 22 deputados federais e um senador, todos com Temer, poderá ocupar o ministério da Agricultura, mas o vice quer convencê-lo a indicar Roberto Rodrigues, ácido crítico de Kátia Abreu.

Rodrigues foi ministro da Agricultura no primeiro mandato de Lula.

O PRB é o Partido do bispo Edir Macedo, dono da Igreja Universal e da Rede Record.

"Uma linha de investigação aponta Lula no comando", diz procurador da Lava Jato

Lula incomodou-se com a entrevista e pediu ao STF a suspeição do procurador ou pelo menos a sua censura.

Em entrevista à revista Época desta semana, Carlos Fernando dos Santos Lima, um dos procuradores da Lava Jato, diz que a força-tarefa que investiga o esquema de corrupção na Petrobras chegou a convicção de que o ex-presidente Lula Inácio Lula da Silva não só sabia como comandava o propinotudo montado pelo PT na empresa.

“Temos claro hoje que a pessoa do ex-presidente tem uma responsabilidade muito grande nos fatos. Há uma linha de investigação que aponta ele na cadeia de comando. Temos indicativos claros de que havia conhecimento dele a respeito dos fatos e o governo dele era o principal beneficiado do financiamento da compra de base de apoio parlamentar”, afirmou.

Lima diz ainda da entrevista que “a maior parte do que aconteceu nos últimos 13 anos está na responsabilidade de um grupo de partidos. São 13 anos de um mesmo grupo político no poder, não temos como escapar disso.”

Leia a entrevista:

ÉPOCA – Qual a distância que a Lava Jato tem a percorrer para alcançar o chefe da quadrilha do petrolão?

Carlos Fernando dos Santos Lima – Temos claro hoje que a pessoa do ex-presidente (Luiz Inácio Lula da Silva) tem uma responsabilidade muito grande nos fatos. Há uma linha de investigação que aponta ele na cadeia de comando. Temos indicativos claros de que havia conhecimento dele a respeito dos fatos e o governo dele era o principal beneficiado do financiamento da compra de base de apoio parlamentar. Infelizmente não estamos com esse processo aqui. O tempo será dado pelas circunstâncias da decisão do Supremo de mandar para Curitiba as investigações ou não.

ÉPOCA – No caso de Lula, há convicção de que houve crime na reforma do sítio de Atibaia e no caso do apartamento tríplex em Guarujá? Lula é, de fato, dono do sítio?

CLIQUE AQUI para ler tudo.

Juros de cheques especiais já baterasm em 300% ao ano

Os juros dos cheques especiais alcançaram inéditos 300% ao ano. São dados de hoje.

Dilma aumenta até o valor do Bolsa Familia

Nas quase duas semanas que lhe restam à frente da presidência, ela estaria pensando em elevar o valor do Bolsa Família, que ficou congelado no ano passado. O último reajuste se deu em 2014, pouco antes das eleições presidencial.

Dilma quer assegurar presença de médicos cubanos por mais três anos, sem diploma revalidado no Brasil

Existe fortíssima pressão para que o novo governo Temer mande todos os médicos de Cuba de volta para Havana. As entidades médicas, que fizeram campanha aberta contra Dilma, não querem saber de prorrogar o programa Mais Médicos. Prevendo isto, Dilma quer prorrogar tudo por três anos, via MP. Acontece que Dilma não tem voto para manter qualquer MP no Congresso.


Prestes a enfrentar o pedido de impeachment no Senado, a presidente Dilma Rousseff decidiu manter no Brasil cerca de 3.000 médicos estrangeiros que não tiveram seus diplomas revalidados no país. Os profissionais integram o programa Mais Médicos.

A informação acima é do jornalista Fernando Rodrigues, UOL. Leia mais:

Uma medida provisória (MP) com este objetivo está pronta e deve ser assinada pela presidente Dilma Rousseff ainda nesta semana.

A MP prorrogará por 3 anos o direito de trabalhar dado a profissionais sem diploma revalidado no Brasil. Essa concessão faz parte da lei do Mais Médicos.

CGU declara inidônea a Mendes Júnior

CLIQUE AQUI para ler editorial do Estadão, "Impunidade é inconstitucional", demonstrando que as modificações da Lei Anticorrupção por parte de Dilma são inconstitucionais. Asmudanças visam apenas ajudar as empreiteiras corruptas denunciadas na Lava Jato. 

Em decisão publicada nesta quinta-feira, 28, a Controladoria-Geral da União declarou a construtora Mendes Júnior como empresa "inidônea"; com isso, a empreiteira, que não fez acordo de leniência no âmbito das investigações da Lava Jato, fica proibida de fazer novos contratos com o poder público por, pelo menos, dois anos.

Governo Dilma edita novo Regimento Interno da Polícia Federal

CLIQUE AQUI para ler, também, "PT e democracia: uma relação difícil".

No apagar das luzes do seu repugnante governo, a presidente Dilma Roussef mandou o ministro da Justiça editar o novo Regimento Interno da Polícia Federal.

Está tudo no Diário Oficial de hoje.

CLIQUE AQUI para ler.

RS é o quarto que mais deve para a União

O RS não é o Estado que mais deve para a União. Conheça a lista Top Five, em bilhões de reais:

São Paulo, 186,4
Minas, 64,5
Rio, 47,9
RS, 43,2
Paraná, 9,5

Caso passe o desconto na dívida pela aplicação da Selic com juros simples, a dívida gaúcha cairá R$ 32,3 bilhões, deslocando-se para R$ 10,9 bilhões.

Com o adiamento da decisão por dois meses, o governo Sartori prosseguirá recolhendo a metade do que foi contratado, no caso R$ 280 milhões mensais.

Na TV, 16h, tem Janaína Pascoal e Reale Júnior na Comissão Especial do Impeachment

As 16h, os advogados Reale Júnior e Janaína Paschoal falarão na Comissão Especial do Impeachment. Junto com o jurista Hélio Bicudo, eles são os autores do pedido de impedimento da presidente Dilma Roussef.

TV Senado e Globonews transmitirao ao vivo.

Amanhã, será a vez do Advogado Geral da União, José Eduardo Cardozo.

CLIQUE AQUI para ler a íntegra do pedido de impeachment.
CLIQUE AQUI para ler reportagem do Jornal Nacional sobre os avisos feitos por técnicos federais sobre as pedaladas, todos ignorados por Arno Augustin e Guido Mantega, que surpreendentemente não foram ouvidos na Câmara e não serão ouvidos no Senado. O Senado resolveu chamar a ministra Kátia Abreu, como se as pedaladas fossem relacionadas apenas com o Plano Safra.

Comunicado do Copom ainda não sugere redução dos juros em seu próximo encontro

Este comitê não será mais o mesmo em julho. Na ocasião, o que se espera é que seus novos membros reduzam os juros básicos em pelo menos 0,25%., sinalizando uma queda ainda maior a curto prazo. 


O comitê de política monetária do Banco Central decidiu ontem, por unanimidade, manter a taxa Selic inalterada em 14,25% ao ano. Em seu comunicado emitido após o encontro, defendeu que o nível elevado da inflação acumulada em doze meses e as expectativas ainda distantes da meta não “oferecem espaço para flexibilização da política monetária”. Por outro lado, “reconhece os avanços na política de combate à inflação, em especial a contenção dos efeitos de segunda ordem dos ajustes de preços relativos”. Desse modo, ainda que não sugira corte de juros já na sua próxima reunião, os economistas do Bradesco estimam que a melhora recente da inflação deverá persistir nos próximos meses, favorecendo as expectativas de médio prazo e permitindo, assim, que o BC inicie um novo ciclo de flexibilização dos juros. O que dizem os economistas nesta manhã:

- Em nossa visão, isso será possível a partir do segundo semestre, quando a descompressão da inflação estará mais consolidada.

Criminosos do MTST ateiam fogo em avenidas de São Paulo para ajudar Dilma, Lula e o PT

Os ataques criminosos e ilegais devem ser contidos pela Polícia Militar e seus ativistas e dirigentes presos em flagrante e enquadrados legalmente. Ao lado, bandidos mascarados agem como fascistas a serviço da corrupção e da ditadura. 

O MTST (Movimento dos Trabalhadores Sem Teto) de São Paulo, força auxiliar do PT e da CUT, promove manifestações na manhã desta quinta-feira promovem bloqueios na região metropolitana, incendiando pneus nas principais avenidas e paralisando o trânsito pela força. 

É tudo para conter o impeachment, atacar Michel Temer e desesestabilizar as instituições republicanas e democráticas.

De acordo com o próprio MTST, são 14 bloqueios na região metropolitana de São Paulo. As manifestações aconteceram simultaneamente em Rio de Janeiro, Curitiba, Porto Alegre, Recife, Fortaleza, Goiânia, Belo Horizonte, Uberlândia e Brasília, embora não se saiba de ocorrências nessas cidades. 

O discurso do MTST, cujos dirigentes estiveram com Lula na terça-feira, é o mesmo do PT e de Dilma:  "Não aceitaremos golpe. Nem nenhum direito a menos", completa a nota.

Artigo, Roberto Da Matta, O Globo - Um ritual político (as falas dos deputados no impeachment)

CLIQUE AQUI para ler, também, "Desfaçatez", José Antonio Segatto, Estadão.


Os senadores que compõem a Comissão Especial do Impeachment tentam manter o nível nas sessões que ocorrem desde terça-feira, entre outras razões porque são pessoas de mais idade, mais experientes e melhor preparadas, mas sobretudo porque desejam fazer um contraponto ao que aconteceu na Câmara dos Deputados. O editor quer aguardar pelo momento dos votos individuais do plenário, ao microfone. O editor não acha que as manifestações dos deputados saíram do tom. Sobre o assunto, vale a pena ler este artigo de Roberto da Matta, O Globo de ontem, intitulado "Um ritual político". Leia:

(...)

A invocação de Deus é mais do que rotineira no Brasil. Juramos por Deus em muitas situações e, neste contexto inusitado do sim ou não, nada mais brasileiro do que usá-lo como garantia e escudo. Além disso, não se pode esquecer que o ritual para decidir sobre um processo de apuração da verdade era presidido por um indiciado e, pior ainda, contra um governo dito de esquerda e popular. Um governo que conseguiu promover, pelo erro político e pela roubalheira, um desastre econômico sem precedentes.

Ao lado da invocação divina, vem a afirmação hegemônica de que todos os deputados são gente boa e de família. Filhos dispostos a brigar pelo nome sagrado de nossas mães e esposas. A invocação da casa revela como ainda nos lemos a nós mesmos como um coletivo constituído muito mais por sangue e carne, do que como uma comunidade feita de leis, projetos e escolhas. Pode-se denegar um partido, mas não a filiação e a paternidade.

Neste drama do sim ou não, vi a aflição e o surto do malandro obrigado a recolher sua lábia para, forçosamente, declarar o seu lado. E do radical a revelar-se emparelhado com a morte, a violência e a tortura. Foram minoria os que julgaram não a pessoa, mas o papel e o seu lado institucional, e os que exprimiram seu constrangimento diante dos paradoxos políticos ali concretizados com elegância

(...)


Para mim, com tudo o que deixou a desejar, esse ritual foi muito melhor do que o poço de demagogia e de incompetência que o motivou.

CLIQUE AQUI para ler tudo.