O líder da escória sindical e política brasileira está com os dias contados

Este canalha desprezível abastardou a política brasileira desde que o general Golbery o entronizou na liderança do sindicalismo brasileiro, criando para ele a CUT, e dividiu a oposição, dando-lhe os instrumentos necessários para criar o PT. Ele é o atual líder da escória política do Brasil. No domingo, será varrido para a lata de lixo da história. 


O  PSDB reagiu neste sábado aos ataques e insultos proferidos pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva contra o tucano Aécio Neves, em um comício realizado durante a manhã em Belo Horizonte. Candidato a vice na chapa de Aécio, o senador Aloysio Nunes Ferreira emitiu uma nota em que critica a postura do ex-presidente. "No momento em que se pede para elevar o nível do debate, o ex-presidente Lula dá as mais baixas declarações em uma campanha presidencial da história", diz a nota. O tucano atribui a postura de Lula ao "desespero" e ao risco de perder a eleição. Aloysio diz que o episódio deste sábado são mais graves que os de Fernando Collor contra Lula em 1989: 

- Acaba de surgir um novo personagem na política brasileira. Falta só definir um nome: Fernando Lula de Melo ou Luiz Inácio Collor da Silva.

. No ato deste sábado, Lula afirmou que Aécio costuma "partir para cima agredindo" mulheres. Também mencionou o episódio em que o tucano se recusou a soprar o bafômetro em uma blitz. Lula chamou Aécio de "filhinho de papai", o comparou a Fernando Collor - o mesmo que hoje sobe em palanques com Dilma Rousseff. Lula ainda ouviu, sem se pronunciar, militantes fazendo menção ao uso de drogas por parte do tucano.

. Para o cientista político Paulo Kramer, professor da Universidade de Brasília, o episódio mostra que o PT nunca se converteu totalmente ao regime democrático e ainda carrega um "DNA totalitário". "É uma postura perigosa. Mas, em se tratando do Lula, não deveríramos demonstrar tanta perplexidade, tanto espanto. Os petistas dificilmente conhecem limites quando se trata de lutar pelo poder ou conservá-lo."


. O comício deste sábado deixou claro qual será o papel de Lula na reta final de campanha: o de fazer o jogo sujo petista contra o adversá

Simon sobre o PT: "É um Partido triste, mais vergonhoso da nossa história"

Do senador Pedro Simon

- O PT chegou ao governo e se tornou o partido mais triste, mais vergonhoso de nossa história. Foi pior até do que a ditadura militar, no campo da ética, da seriedade.

Neste momento, novo debate entre Sartori x Tarso, TV Record

Neste momento, 18h16min, debate em pleno andamento entre Sartori x Tarso, TV Record.

Aécio veio buscar "munição" em Porto Alegre para debate desta noite nas Record

O jornalista Reinaldo Jardim diz hoje no seu blog em Veja que o  pugilato verbal entre Aécio Neves e Dilma Rousseff vai continuar amanhã no debate da Record? Talvez dependa de quem atirar primeiro. No caso de Aécio Neves, se Dilma partir para cima com relação a assuntos pessoais, o tucano pode responder na mesma moeda, inclusive com material que recebeu sábado no Sheraton, Porto Alegre, envolvendo familiasres, negócios imobiliários e nepotismo.

Leia:

Hoje, em Porto Alegre, onde cumpriu agenda de campanha, Aécio recebeu documentos com denúncias contra familiares de Dilma. Pelo que Aécio revelou aos mais próximos, trata-se de material de alta combustão.


Aécio garante que  não atirará a primeira pedra. Só lançará mão do material, se for atacado.

Principal jornal mineiro, O Estado de Minas, diz que Aécio está 12 pontos à frente de Dilma

O jornal O Estado de Minas, o principal diário mineiro, informou que pesquisa divulgada ontem pela Multidados Comunicações sobre a preferência dos eleitores mineiros para o segundo turno das eleições presidenciais aponta o senador Aécio Neves, que disputa o cargo pelo PSDB, 12 pontos à frente da presidente Dilma Rousseff (PT), que tenta a reeleição.

. No primeiro turno, Dilma venceu Aécio por uma diferença pouco superior a 3 pontos percentuais: 43,48% dos votos válidos contra 39,75%.


. De acordo com o levantamento, 50% dos entrevistados afirmaram que votarão em Aécio, enquanto 38% disseram votar em Dilma. Entre os que não escolheram nenhum dos dois candidatos, 5% afirmaram que não rejeitam nenhum deles, e outros 7% ficaram indecisos ou não responderam à pergunta.

Governo Dilma tenta esconder que desmatamento da Amazónia aumentou 290%

Agora se entende por que o governo Dilma Rousseff adiou para novembro a divulgação dos dados parciais de desmatamento da Amazônia em agosto e setembro: as taxas estão subindo. No confronto do mês passado com o mesmo período de 2013, o salto foi de 290%. Um total de 402 km² de florestas sofreu corte raso em setembro, área equivalente a mais de um quarto do município de São Paulo. No mesmo mês do ano anterior, haviam sido 103 km². 

. Segundo matéria deste domingo da Folha de S.Paulo, a tendência de alta se sustenta também quando considerada a soma de agosto e setembro, os dois primeiros meses do "ano fiscal" do desmatamento. Comparando o bimestre de 2013 com o de 2014, o incremento foi de 191% (de 288 km² para 838 km²). 

. As informações partem da ONG de pesquisa Imazon (Instituto do Homem e Meio Ambiente da Amazônia), de Belém. Ela opera um sistema de alerta de desmatamento e degradação, o SAD, similar ao Deter, mantido pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) para o Ministério do Meio Ambiente.

. As informações do Deter são divulgadas mensalmente, mas o governo federal decidiu nesta semana publicá-las só em novembro. A alegação é que os valores serão anunciados já com base em imagens de satélite quatro vezes mais precisas, com o programa chamado Novo Deter.

Sob desculpa de ter sido "maltratada" por Aécio, Dilma poderá fugir dos debates da Record e da Globo

Tão frágeis, tão femininas, tão chorosas ! Segundo comerciais da campanha da petista, as duas "mulherzinhas" foram maltratadas pelo "grosseirão" Aécio. Dilma nem parece lembrar a figura do "coração selvagem", companheira de armas de Dirceu, como Luciana nem parce lembrar a troglodita que invadiu a pau e pedra o plenário da Assembléia do RS. Na outra foto, Aécio beija a mão de Marina, sexta, SP. 

São fortes as indicações de que Dilma Roussef não só quer evitar o debate da Globo, meio da
semana, como já teria decidido cancelar sua ida ao debate desta noite na Record, alegando que foi maltratada por Aécio.

. A petista não conseguiu suportar o último debate no SBT, sentiu-se mal, teve que ser socorrida e perdeu o eixo.

. Foi uma derrota fragorosa e histórica.

. Derrotas tão flagrantes em debates do gênero são raras. A mais famosa delas foi de Nixon frente a John Kennedy. 


. O PT tenta desde sexta-feira vitimizar a candidata, apresentando vídeos com trechos escolhidos dos debates em que Aécio duela com Luciana e Dilma, dedo em riste, como prova de que ele não é “gentil” com as mulheres.

. Ao permitir o uso da sua imagem, Luciana tira a máscara e revela-se como linha auxiliar do PT. 

Penúltimo debate será esta noite na Record

Informações da campanha de Dilma revelam que a candidata poderão não participar do último debate, acertado com a Globo.

O debate da Rede Record, marcado para começar as 22h15 deste domingo, é o foco principal da agenda dos presidenciáveis Dilma Roussef e Aécio Neves para este domingo (19). Veja a agenda divulgada pela assessoria de imprensa dos dois candidatos. 

Atividades

Dilma - Permanecerá concentrada para o debate.
Aécio Neves (PSDB) - Antes do debate, pela manhã, deve participar de caminhada em Copacabana, no Rio.

Estadão revela que Gleise Hoffmann levou R$ 1 milhão de dinheiro sujo da Petrobrás

A ex-ministra de Dilma, que é do Paraná onde começou o protagonismo da Operação Lava Jato, também recebeu propina de Paulo Costa, que usou dinheiro sujo da Petrobrás. 



A edição deste domingo do jornal Estado de S. Paulo, traz uma denúncia forte. Segundo a reportagem, a ex-ministra Gleise Hoffman, da Casa Civil, teria recebido R$ 1 milhão do esquema de desvios na Petrobras. A acusação teria sido feita por Paulo Roberto Costa em sua delação premiada; naquele ano, Gleisi concorreu ao Senado e conseguiu se eleger pelo estado do Paraná;

Oposição diz que "confissão de culpa" joga Dilma no vértice do furacão do Petrolão

O senador José Agripino Maia (DEM-RN), coordenador da campanha do presidenciável Aécio Neves (PSDB) afirmou no sábado (18) que a declaração da presidente Dilma Rousseff (PT) de que houve desvio de recursos na Petrobras é um reconhecimento do escândalo e uma “confissão de culpa do petismo”.

. “Todos os posicionamentos do governo e da presidente em relação a esse tema são sempre tardios, como foi a demissão de Paulo Roberto Costa. Demissão que se deu nos termos que o Brasil inteiro sabe, com o reconhecimento dos grandes serviços prestados por ele”, disse Agripino Maia em declaração publicada na jornal O Globo que circula neste domingo (19).

. Ao jornal O Globo, o deputado federal paranaense Rubens Bueno (PPS) criticou Dilma por uma suposta blindagem da Petrobras. Para ele, Dilma deve ser responsabilizada, já que ao longo de 12 anos ela teve alguma ligação com a empresa, seja como ministra de Minas e Energia, da Casa Civil, presidente do Conselho de Administração da Petrobras ou presidente da República.

. “Nesses 12 anos, só agora admite desvios na Petrobras? Por que não tomou providências na época? Todos queremos que ela seja responsabilizada por isso”, disse.


. O líder do PSDB na Câmara, Antônio Imbassahy (BA), foi além. Ele qualificou a atitude de Dilma de “esperteza” e disse que “o PT se especializou em corrupção”. “Nenhum brasileiro minimamente informado acredita na declaração que ela deu alguns dias atrás, dizendo que não sabia de nada. É uma esperteza na véspera de uma eleição, que vai consagrar o fim melancólico de um governo e da decadência de um partido que abandonou suas bandeiras”, disse Imbassahy.

Artigo, Winston Ling - Po uma (nova) tecnologia de governança baseada em princípios

Este artigo do gaúcho Winston Ling, que divide seu tempo ente Xangai e Porto Alegre, intitulado "Por uma (nova) tecnologia de governança baseada em princípios", decidiu voltar ao Brasil para votar no segundo turno, domingo. Aqui, ele fala sobre a ilusão democrática. Leia tudo:

A pouco mais de uma semana para as eleições presidenciais de 2014, retorno ao Brasil para assistir ao circo e à guerra dos momentos finais da campanha eleitoral.

Bilhões estão sendo gastos para ver quem vai ser o dono da chave dos cofres públicos. O país está paralisado assistindo ao show dos políticos e dos partidos, e a sociedade está dividida e paralisada. As pessoas de bem estão sem saber o que fazer, sentindo-se indefesas diante das máfias que controlam o sistema que, se diz e se quer acreditar, representa o povo, é do povo, para o povo, e pelo povo.

Ninguém parou para questionar a mentira que vivemos: a democracia é uma ilusão.

Os mais conscientes reconhecem a armadilha, mas se resignam e repetem mecanicamente, sem pensar, a frase que Churchill pronunciou 67 anos atrás:

• “A democracia é a pior forma de governo, salvo todas as demais formas que têm sido experimentadas de tempos em tempos”.
 - Democracy is the worst form of government except from all those other forms that have been tried from time to time
– Em discurso na Casa dos Comuns, em 11 de Novembro, 1947

O fato é que a democracia se tornou uma religião, e as pessoas a aceitam com toda a fé, sem questionamentos.


Porém, os fatos e a razão mostram o contrário.

CLIQUE AQUI para ler mais. 
E-mail do autor: winston_ling@yahoo.com

Tempo chuvoso marca início do horário de verão em Porto Alegre

Horário de verão já começou e horário é diferente neste domingo, uma hora mais tarde do que o normal. O tempo é chuvoso em Porto Alegre, repetindo o que aconteceu nos últimos dias. Temperatura amena.

Dica de leituras, Leo Iolovitch - O próximo

Vivemos um triste tempo em que impera a corrupção, o rancor e o ódio. É preciso mudar para que cesse o radicalismo e volte a paz, a solidariedade e a cordialidade entre as pessoas. Por isso estamos com AÉCIO-45.  Que vá embora a atual presidente e que volte esperança com Aécio, que será O PRÓXIMO presidente. Por falar em solidariedade, vai abaixo o texto O PRÓXIMO, para entrar no clima de fraternidade entre as pessoas.

Clique no link, leia, ouça e vote 45 no dia 26. Aécio Presidente,