Argentina aplica ‘conto do carimbo’ nos turistas

A alfândega argentina arrumou um jeitinho de faturar mais no período das festas. Na entrada, o fiscal “esquece” de carimbar o formulário de quem viaja com carteira de identidade. Na hora de sair, o passageiro paga multa de 100 pesos (uns R$ 50) pelo “erro”. Tudo muito rápido e azeitado. Na terça-feira, um em cada dez passageiros de um dos voos Buenos Aires-São Paulo havia caído no “conto do carimbo.

* Roni Alves Pinto, empresário, Porto Alegre, clipando a coluna Claudio Humberto.

Cartão de Natal do MST indica onda de invasões

Causou surpresa em gabinetes palacianos de Brasília o cartão de Natal do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), distribuído nos últimos dias. O movimento, discreto em 2011, mostra que não dará trégua em 2012, já sinalizam boca a boca lideranças sem-terra. No cartão, o MST convida para uma “caminhada ombro a ombro”. Em agosto passado, a “Jornada de Lutas Via Campesina” apontou 11 prioridades, entre elas mais crédito rural e inclusive uma anistia para todos os lavradores que devem até R$ 10 mil por família.
Da terra ao crime
O MST surgiu com causa nobre, mas perdeu o rumo recentemente, provam as invasões da plantação de laranjas em SP e a destruição do laboratório de transgênicos no Sul.
Agenda
Em nome da Jornada, é provável que o MST não espere o calendário do tradicional Abril Vermelho para ocupar fazendas, produtivas ou não.
* Clipping: Leandro Mazzini

Artigo - O panorama da renda no momento da crise

Ninguém mais duvida de que o ponto crucial para a transformação desse quadro (o enorme atraso de bolsões enormes da população brasileira) está na educação. Porque hoje temos:
- 3,1% das crianças brasileiras entre 7 e 14 anos fora da escola (5,5% no Norte;
- 3,2% no Nordeste;
- 2,8% no Sudeste e Centro-Oeste; e
- 2,2% no Sul).
. 16,7% da faixa entre 15 e 17 anos também está fora da escola (18,7% no Norte; 17,2% no Nordeste; 18,6% no Sul; 16,9% no Centro-Oeste; e 15% no Sudeste.
. É uma base que precisa de investimentos maciços, juntamente com uma formação profissional muito mais eficiente em todas as faixas - quando nada para eliminar o índice alarmante de "analfabetismo funcional" (há quem fale em mais de 50% das crianças e adolescentes até o oitavo ano de escola).
. Sem avanços expressivos nesse campo, será difícil também melhorar o panorama na área do emprego, em que a ocupação de pessoas de 10 anos ou mais pouco passa de 53,3% (60,1% é a maior taxa, no Sul; e 47,1% a menor, no Nordeste). E pouco menos de dois terços (65,2%) têm carteira assinada.
- Estes trechos selecionados pelo editor, fazem parte do artigo do jornalista Washington Moraes, intitulado "O Panorama da renda no momento da crise", publicado no Estadão desta sexta-feira, página A2. CLIQUE AQUI para ler tudo. 

Editorial do Estadão - A crise da Justiça (a briga STF x CNJ) se agrava

Neste editorial do jornal O Estado de S. Paulo desta sexta-feira, é analisada a crise provocada pelo confronto do STF, juízes de São Paulo e o CNJ. Por trás da discussão, estão valores públicos de grande importância que teriam sido pagos indevidamente a magistrados brasileiros, com ênfase para São Paulo, e colocando sob investigação até mesmo dois ministros do STF. Leia o fecho do artigo:
Ao esvaziar o poder do CNJ e ao suspender as investigações que a Corregedoria Nacional de Justiça vinha fazendo nas Justiças estaduais, as liminares concedidas pelos ministros Marco Aurélio e Ricardo Lewandowski agravaram a crise do Poder Judiciário. Para evitar que a crise se aprofunde ainda mais, a Corregedoria Nacional de Justiça - que até agora está se saindo moralmente vencedora nesse embate - tem de enviar os processos disciplinares já abertos contra juízes para as Justiças estaduais, como recomendou o ministro Marco Aurélio, em vez de aguardar o julgamento do recurso que a Advocacia-Geral da União já interpôs contra as liminares concedidas pelo Supremo.
CLIQUE AQUI para ler a íntegra do artigo.

Dilma vai passar réveillon em base já utilizada por Lula na Bahia

A presidente Dilma reservou o período de 26 de dezembro a 10 de janeiro para o recesso de fim de ano. De acordo com informações do Planalto, Dilma teria optado por passar a temporada na Base Naval de Aratu, na Bahia, local protegido da imprensa.

. Segundo assessores, Dilma passará o Natal no Palácio do Alvorada com a filha, Paula, o neto, Gabriel, e o genro, Rafael Covolo. A mãe da presidente, Dilma Jane, e a tia Arilda também devem acompanhá-la.

- Em 2010, a Marinha do Brasil gastou mais de R$ 2 milhões para reformar a casa que também foi utilizada pelo então presidente Lula e família em sua temporada de férias na praia de Inema (na Base de Aratu). Na época, as despesas para deixar a casa como queriam os inquilinos provocam grande revolta na Marinha, em razão dos problemas de manutenção das instalações e navios da própria Base Naval, por falta de dinheiro.

Radar já pode ser instalado sem aviso aos motoristas

O Conselho Nacional de Trânsito revogou a exigência de placas indicando a presença de radares em vias urbanas e rodovias. Infratores já podem ser multados onde não houver aviso, mas os radares não podem ficar escondidos.

Dilma teve base menos fiel que Lula e FHC

A base de sustentação da presidente Dilma na Câmara dos Deputados foi menos fiel ao governo em seu primeiro ano de mandato do que a de seus antecessores, Lula e Fernando Henrique Cardoso.

. A taxa de disciplina dos deputados dos sete partidos que têm ministérios no governo Dilma atingiu 87%. Em 2003, primeiro ano do governo Lula, esse índice chegou a 92%. Em 1995, na estreia de FHC, a taxa foi de 88%.

. Dilma chegou ao final de 2011 enfrentando oposição de apenas 4 das 23 legendas com representantes na Câmara.

EUA desistem de barreira contra etanol brasileiro

O Congresso americano entrou ontem em recesso sem votar a renovação da lei que impunha tarifa de US$ 0,54 por galão (3,78 litros) ao etanol brasileiro. Na prática, cai a barreira que durava 30 anos e o Brasil é favorecido com a possibilidade de exportar para o maior mercado mundial, a partir de janeiro de 2012.

. Segundo especialistas, no entanto, o aumento das exportações pode pressionar o preço do etanol no Brasil, uma vez que a produção está em queda e mais de 90% são absorvidos pelo mercado interno. Pode haver reflexo também nos preços da gasolina, já que a lei prevê 20% de mistura de álcool.

. Segundo o jornal "O Globo", o crescimento da demanda por combustíveis está fazendo a Petrobrás aumentar as importações. Só este ano, a estatal comprou lá fora o equivalente a 45 mil barris diários de gasolina, contra 9 mil de 2010.

Dilma reduz salário mínimo de 2012 para R$ 622

A presidente Dilma assinou ontem decreto que fixa o salário mínimo de 2012 em R$622. A medida deverá ser publicada no Diário Oficial da União na segunda-feira, e o novo piso passa a valer em 1º de janeiro.

. O valor anunciado é 73 centavos menor do que havia sido informado pela área econômica ao Congresso em 20 de novembro. Na ocasião, o governo repassou ao Congresso que o reajuste seria de 14,26% sobre os atuais R$545 – e R$622,73 foi o valor fixado no Orçamento Geral da União de 2012, aprovado anteontem à noite.

. No decreto presidencial, o percentual de reajuste caiu para 14,13%, por causa da revisão da inflação de 2011 de 6,3% para 6,1%. O mínimo teve aumento de R$77.

GM convocará recall de 3.120 unidades da Captiva

A GM irá convocar 3.120 unidades do SUV Captiva, modelos 2011-12, no Brasil. O motivo é uma falha na lubrificação do sistema de direção hidráulica. O problema já havia sido anunciado pela GM nos Estados Unidos.

. A montadora informou que caso o motorista use a primeira marcha com câmbio manual por mais de cinco minutos, pode haver vazamento de fluído. Em casos extremos isso pode provocar um incêndio no motor.

. A GM recomenda não usar a primeira marcha em demasia. A empresa disponibilizou o telefone 0800-707 4200 para atendimento aos clientes.

Depois do calorão, temperaturas despencam em todo RS

A véspera de Natal deverá ser chuvosa no Rio Grande do Sul, com o avanço de uma frente fria gerando risco de pancadas fortes. A temperatura declina e terá rajadas de vento forte. As máximas se dão no início do dia na maioria dos municípios e as mínimas à noite.

. Depois de uma semana bastante quente, com marcas superando os 40°C, o Estado não terá nem sombra deste aquecimento no sábado. Segundo a Metsul Meteorologia, as mínimas ficam em torno dos 16ºC e as máximas atingem os 23°C neste sábado. Alguns regiões terão precipitações fortes de chuva neste sábado, porém os volumes altos não deverão ser generalizados.

. O domingo deve ter sol e nuvens em diversas áreas, mas na Metade Norte segue a nebulosidade e a chuva. A temperatura deverá ser baixa para dezembro.