Imprensa internacional repercute prisão de mensaleiros: "Political corruption in Brazil"

A imprensa internacional destacou em suas principais manchetes deste sábado a prisão dos condenados do mensalão petista. A "The Economist" fez uma comparação entre a jabuticaba e o mensalão, afirmando que, assim como fruta tipicamente brasileira, seria uma "esquisitice" que 25 pessoas condenadas por crimes sérios permanecessem fora da prisão por causa do grande número de apelações a que tinham direito. Em meio ao julgamento, o termo foi usado pelo ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Gilmar Mendes.

. O espanhol "El País" trouxe a prisão do ex-ministro da Casa Civil José Dirceu e de outros oito condenados por participação no esquema conhecido como mensalão. O periódico deu detalhes da apresentação de cada um dos condenados a Superintendências da Polícia Federal.

. A BBC britânica destacou a prisão do ex-chefe de gabinete José Dirceu, que se apresentou nesta à Superintendência da Polícia Federal em São Paulo, após receber ordem de prisão expedida pelo STF. Dirceu foi condenado a dez anos de dez meses de prisão em regime fechado, mas recorre. Dirceu, no entanto, deve começar a cumprir pena em regime semi-aberto porque entrou com um recurso.

. Já o norte-americano "Wall Street Journal" divulgou reportagem com o título "Condenados do caso de corrupção do mensalão se apresentam à prisão" (em tradução livre), trazendo informações sobre os nove condenados que se apresentaram a Superintendências da Polícia Federal nessa sexta-feira, após receberem ordem de prisão expedida pelo STF.          

"Estamos juntos", diz Lula a Zé Dirceu e Genoino em "solidariedade" a prisões

O ex-presidente Lula telefonou na sexta-feira para o ex-presidente do PT Zé Genoino e o ex-ministro da Casa Civil Zé Dirceu, presos ontem com mais oito condenados no processo do mensalão do PT. De acordo com o jornal O Estado de S.Paulo, ele teria dito “estamos juntos” a ambos.

. De acordo com a publicação, Lula passou o feriado em sua chácara, no interior de São Paulo, e de onde ligou para Dirceu e Genoino. Segundo o jornal, apesar da ligação, Lula e a presidente Dilma Rousseff não se pronunciarão sobre as prisões, para não prolongar o desgaste por conta do processo. A estratégia do silêncio foi confirmada pelo ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência, Gilberto Carvalho.

. Lula e Dilma avaliam que, por não haver mais possibilidade de a sentença dos réus ser revertida, a execução imediata das penas é o desfecho mais favorável para o PT, para evitar o desgaste eleitoral na disputa pela Presidência em 2014.

Vídeo mostra Marcos Valério sendo hostilizado no Aeroporto em Belo Horizonte

O operador do esquema do Mensalão, Marcos Valério, foi hostilizado ao chegar no Aeroporto da Pampulha, em Belo Horizonte, na tarde deste sábado. Um grupo de populares gritou palavrões contra o publicitário, próximo a sala da Infraero onde os condenados aguardavam a chegada do avião da Polícia Federal (PF) que os levará para Brasília.

. Os sete condenados mineiros do mensalão, que foram detidos na noite dessa sexta-feira, chegaram ao Aeroporto da Pampulha, por volta das 14h45 deste sábado. Os mensaleiros saíram com dificuldade do Instituto Médico Legal (IML), onde passaram por exames de corpo de delito. Na saída, havia uma grande concentração de jornalistas e populares, que tentavam atrasar a saída dos condenados, sob gritos de "devolve o dinheiro do povo".

CLIQUE aqui para ver o vídeo disponibilizado pelo jornal O Estado de Minas.


http://www.em.com.br/app/noticia/politica/2013/11/16/interna_politica,471056/video-mostra-marcos-valerio-sendo-hostilizado-no-aeroporto-da-pampulha.shtml

Zé Dirceu, Genoino e mais 9 são levados direto para presídio da Papuda no DF

A GloboNews (canal 40 da Sky e OiTV) informou agora à noite que o segundo microônibus que transporta alguns dos condenados no julgamento do mensalão não está indo para a Superintendência da PF, mas se dirige à penitenciária da Papuda, no Distrito federal.

. Os condenados no julgamento do mensalão, José Genoino, José Dirceu, Marcos Valério, Cristiano Paz, Kátia Rabello, Simone Vasconcelos, José Roberto Salgado, Romeu Queiroz, Ramon Hollerbach, Jacinto Lamas e Delúbio Soares ficarão no complexo presidiário da Papuda até que seja definido onde cada um irá cumprir sua pena.

. A Globonews também repassou a informação de que segundo o líder do PT, Zé Genoino alegou problemas de pressão e arritmia no coração antes de embarcar, mas os médicos da PF o examinaram e constataram que as alegações eram falsas. O deputado teria sofrido alteração de pressão em meio ao deslocamento para Brasília, mas dentro do avião. Para José Guimarães, irmão de Genoino, "estão brincando com a saúde do Genoíno".

. É provável que, até segunda-feira, a Vara de Execuções Penais do Distrito Federal decida se os condenados permanecerão no presídio ou serão transferidos para outras unidades. Alguns réus, como José Dirceu, querem ser removidos paras suas cidades.

Interpol é acionada para prender Pizzolato na Itália

A Interpol já foi acionada para localizar e prender o ex-diretor de marketing do Banco do Brasil, Henrique Pizzolato, condenado a 12 anos e sete meses de prisão, que está na Itália. Ele tem dupla cidadania e irá solicitar um novo julgamento italiano.

. O nome e as fotos de Pizzolato já circulam na lista de foragidos da instituição. "É preciso contar com a ajuda das autoridades italianas nas buscas. No entanto, é importante lembrar que, já na Itália, o ex-diretor poderá solicitar asilo político", afirmou o delegado da Polícia Federal Marcelo Nogueira.

Chilenos devem reeleger Michele Bachelet neste domingo

Os chilenos vão às urnas neste domingo. O país tem eleições gerais, em que a ex-presidente Michelle Bachelet é favorita absoluta para voltar ao cargo, com um ambicioso plano de reformas econômicas e da Constituição herdada da época do ditador Augusto Pinochet.

. Com 47% das intenções de voto, Bachelet pode vencer no primeiro turno. Dos seus oito adversários, a melhor colocada é a ex-ministra de direita Evelyn Matthei, com 14%.

. Mais de 13 milhões de chilenos estão habilitados a votar no domingo. A eleição marca a estreia, no pleito presidencial, do voto facultativo, que mudou o antigo sistema, no qual a inscrição eleitoral era voluntária, mas que, uma vez inscrito o eleitor, o voto se tornava obrigatório.

Ao comprar avião em 2009, Tarso prometeu usá-lo no combate à corrupção (mas não esperava que transportaria a "cumpanheirada")

Os réus do julgamento do mensalão foram transportados de São Paulo e Minas para Brasília em um jato ERJ 145-XR, fabricado pela Embraer. Com capacidade para 50 passageiros, o avião foi adquirido de fábrica pelo Ministério da Justiça em 2009 para a Força Nacional de Segurança Pública e está cumprindo sua missão.

. Na época da entrega do avião, o então ministro da Justiça e atual governador do Rio Grande do Sul, Tarso Genro (PT), declarou que a aeronave iria reforçar a frota da PF e seria usada no combate a crimes ambientais e no combate à corrupção. “Esse avião dá à Força Nacional uma agilidade para que, entre 24 e 48 horas, ela esteja à disposição dos governadores, em qualquer ponto do país, além de reforçar a frota da Polícia Federal, em função do combate aos crimes ambientais e, obviamente, do combate à corrupção”, afirmou.

. A Força Nacional foi criada pelo presidente Lula em 2004 e é formada pela Polícia Federal e pelas polícias estaduais. (montagem - revista Istoé)

Mensalão do PT: Delegado diz que Pizzolato fez saída clandestina do país

O advogado Marthius Sávio Cavalcante Lobato, defensor de Henrique Pizzolato, afirmou à Polícia Federal neste sábado que o ex-diretor de Marketing do Banco do Brasil está na Itália. Em telefonema para o delegado Marcelo Nogueira por volta de 11h40, Cavalcante disse que, ao chegar à casa do seu cliente, em Copacapana, no Rio de Janeiro, foi informado por familiares que ele tinha viajado para o país europeu.

. O delegado Marcelo Nogueira explicou que o réu saiu do Brasil de forma clandestina, uma vez que seu nome estava na lista de procurados impedidos de deixar o país. Apesar da cidadania e do passaporte italiano, ele não teria conseguido sair do país usando seu nome. Agora, de acordo com o delegado, cabe ao Ministério da Justiça pedir a extradição judicial do condenado.

. Polícia Federal do Rio de Janeiro aguardava a apresentação de Pizzolato na manhã deste sábado, uma vez que havia um acordo por parte do advogado de que apresentaria o réu. Na sexta à noite, agentes da PF foram ao endereço de Pizzolato para cumprir o mandado, mas não o encontraram.

- Henrique Pizzolato é militante do Partido dos Trabalhadores (PT) há mais de 20 anos, foi diretor do Banco do Brasil e presidente do Sindicato dos Bancários em Toledo e da CUT no Paraná. Concorreu a cargos eletivos, como o de vice-governador do Paraná (1994) e de vice-prefeito de Toledo (1996), sem sucesso. Em maio de 2002 foi trabalhar na eleição do presidente Lula, administrando os recursos da campanha juntamente com o ex-tesoureiro Delúbio Soares. Ocupou o cargo de diretor de marketing do Banco do Brasil e antecipou sua aposentadoria após denúncias de envolvimento no mensalão, em que teria autorizado a transferência de R$ 73 milhões do Fundo Visanet (administrado pelo Banco do Brasil) para as agências de Marcos Valério.

Avião da Policia Federal com Zé Diceu, Genoíno e mais sete já chegou a Brasília

Os condenados do mensalão petista já desembarcam no Aeroporto Internacional de Brasília, acompanhados por agentes da Polícia Federal. Nove condenados no julgamento do mensalão chegaram a Brasília às 17h47. Marcos Valério foi o último a desembarcar.

. Eles agora aguardam o microonibus que irá transportá-los até a sede da Superintendência da Polícia Federal, na Asa Sul. As cartas sentenças que determinam o destino de cada condenado serão emitidas na segunda-feira. Até lá, todos ficam na sede da Superintendência da PF.

. Depois de buscar José Genoino e José Dirceu em São Paulo, o avião da Polícia Federal passou por Belo Horizonte para o embarque de Marcos Valério, Cristiano Paz, Kátia Rabello, Simone Vasconcelos, José Roberto Salgado, Romeu Queiroz e Ramon Hollerbach. Jacinto Lamas e Delúbio Soares já estavam em Brasília.

- Na foto acima de camisa rosa Zé Genoíno e de camisa preta Zé Dirceu.

Governo Dilma confirma que desmatamento cresceu 28%

Dados oficiais divulgados ontem pelo Ministério do Meio Ambiente confirmaram que o ritmo de desmatamento na Amazônia Legal voltou a crescer após quatro anos de queda, como antecipou o jornal o Globo na terça-feira. O volume de áreas desmatadas subiu 28%, de agosto de 2012 a julho deste ano, acima da expectativa do governo, que era de um crescimento de 20%.

. Segundo o sistema Prodes, do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), foram desmatados 5.843 quilômetros quadrados no último ano, mais do que os 4.571 quilômetros quadrados em 2012. A ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, frisou, porém, se tratar do segundo menor nível de desmatamento desde 1988, acima apenas do registrado no ano passado. A ministra atribuiu o aumento do desmatamento a crimes ambientais, principalmente no Pará e em Mato Grosso.

Lula: "Quem sou eu para fazer qualquer julgamento"

Na reta final do julgamento do mensalão pelo Supremo Tribunal Federal (STF) e na iminência da prisão dos chamados mensaleiros, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e a presidente Dilma Rousseff se reuniram por quase quatro horas, ontem, no Palácio da Alvorada.

. Ao sair, Lula disse que não faria julgamento ou insinuação sobre a decisão do STF, que determinou a prisão de condenados, incluindo líderes petistas, como o ex-ministro José Dirceu, o deputado José Genoino e o ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares.

Joaquim Barbosa pode ampliar lista de presos

Um dia após os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) decidirem pela execução imediata das penas de réus do mensalão, o presidente do tribunal, ministro Joaquim Barbosa, relator do processo, não concluiu até ontem à noite a relação oficial de condenados contra os quais serão expedidos mandados de prisão.

. Assim que as ordens de prisão forem assinadas, o que pode ocorrer a qualquer momento, os presos serão levados para Brasília. Só então o juiz da Vara de Execuções Penais da capital federal decidirá onde cada um vai cumprir a pena em definitivo. Conforme levantamento feito pelo jornal O Globo, onze réus seriam presos — inclusive o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu — e cinco cumpririam pena alternativa. Nove não teriam suas penas executadas agora.

. Mas a lista de presos de Barbosa pode ser ainda maior. Isso porque a assessoria do ministro está trabalhando na análise dos embargos infringentes. Os réus que apresentaram esse tipo de recurso mesmo sem ter direito a ele podem ser presos também. A análise não estava concluída até ontem à noite e deve continuar hoje, feriado nacional. Os mandados de prisão podem ser expedidos a qualquer momento, mas as penas só devem começar a ser cumpridas a partir de segunda-feira. A não ser que algum réu se entregue ainda durante o feriado, ou no fim de semana.

PIB envia um alerta ao Planalto

A economia brasileira voltou a patinar. Dados divulgados ontem pelo Banco Central, por meio do IBC-Br, mostram que a atividade encolheu 0,01% em setembro e 0,12% no terceiro trimestre. Com isso, ganhou força a possibilidade de o Produto Interno Bruto (PIB) entre julho e setembro ter sido negativo — fala-se em queda de até 0,5% —, apesar de o governo insistir que há um pessimismo exagerado entre os agentes econômicos.

. O dado oficial será divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) no início de dezembro e dará munição aos críticos da presidente Dilma Rousseff, apontada pela responsável pela onda de desconfiança que afastou os investimentos produtivos e pelo impacto da inflação no poder de compra das famílias.

Avião da PF já está em SP para conduzir Zé Dirceu e Zé Genoíno, presos, a Brasília

Os mensaleiros Zé Dirceu e Zé Genoíno, ambos ex-presidentes do PT, embarcarão em seguida para Brasília. O avião da FAB programado para a viagem já está em Guarulhos.

. A Polícia Federal tem evitado o contato da imprensa - nem fotos saem - com os dois delinquentes políticos.

- O canal 40, Globonews, Sky, transmite tudo ao vivo.

Pizzolato repete ladrões de galinha e foge para a Itália. PT não sabe onde enfiar a cara.

Riquíssimo depois que começou a roubar do Banco do Brasil para o PT corromper - e também começou a roubar para si mesmo - Pizzolato já está sendo procurado pela Interpol.



O líder petista Henrique Pizzolato, ex-diretor de marketing do Banco do Brasil e ex-candidato do Partrido ao governo do Paraná, fugiu para a Itália. A Polícia Federal expedirá ordem de prisão para a Interpol. Réu do mensalão, condenado para cumprir a pena em regime fechado, o homem que meteu a mão em R$  63 milhões da Visanet para enfiar nos cofres do PT e ajudou a corromper eleitores e parlamentares, marca a ferro e fogo o grande vexame da atual safra de prisões.Pizzolato foi condenado a 13 anos de prisão em regime fechado. 

. As justificativas para a fuga são as mesmas que usam ladrões de galinha. É isto que faz o líder do PT.

. Ele fugiu há 45 dias pelo Paraguai. 

. A informação foi antecipada pelo diretor da sucursal da revista Istoé em Brasília, Paulo Moreira Leite. Alegando cerceamento de defesa, ele vai pedir um julgamento autônomo às autoridades daquele país, o que, em caso de absolvição, pode constranger o Supremo Tribunal Federal (STF) e colocar sua isenção sob suspeita. Como cidadão italiano, as leis da pátria de Vittorio Emanuele lhe garantiriam um novo júri.
Pizzolato, segundo PML, acredita que pode ser protegido pelo artigo V do tratado de extradição Brasil e Itália, que afirma que não haverá o retorno forçado do cidadão ao país de origem se, “pelo fato pelo qual for solicitada, a pessoa reclamada tiver sido ou vier a ser submetida a um procedimento que não assegure os direitos mínimos de defesa”.

. A história de que o líder do PT poderá pedir novo julgamento na Itália é conversa fiada para salvar a cara. Isto funciona do mesmo modo que funcionam os arroubos de delinquência juvenil demonstrados por Zé Dirceu e Genoíno. 

Delúbio já está preso. Ele vai virar piada de salão.

Cínico, fiel ao chefe Lula até o fim, este ex-dirigente do PT (sua mulher foi colocada por ele na direção nacional do Partrido, para esconder o jogo) costumava dizer que "em alguns anos todo mundo falará do Mensalão como piada de salão". Agora, na cadeia, poderá refletir sobre as roubalheiras que fez para ajudar o governo e o PT a manter o Poder a qualquer preço. 



Delúbio Soares, o tesoureiro do PT que manejou todo o dinheiro usado pelo Partido para corromper políticos e eleitores no âmbito do Mensalão, acaba de se entregar à Polícia Federal em Brasília.

. Ele já está preso.

. Delúbio Soares foi homem de confiança de Lula, exerceu funções mais relevantes do que PC Farias no governo Collor de Meloi, e desde ontem estava sendo procurado.

MP começa a investigar governo gaúcho por não garantir vagas para presos do RS

Num presídio degradado como este ao lado, o de Porto Alegre, o governador Tarso Genro não teria disposição para repetir o gesto do seu colega de SP, Geraldo Alckmin, que quer "hospedar" os dois companheiros de Partido do gaúcho, Zé Dirceu e Zé Genoíno. 


Nesta reportagem publicada na edição deste sábado do jornal Zero Hora, José Luís Costa informa que a  Promotoria de Justiça e Defesa do Patrimônio Público começou a investigar eventuais falhas e omissões na geração de vagas para apenados dos regimes aberto e semiaberto. Leia tudo:

O trabalho é conduzido pela promotora-substituta Maria Lúcia da Silva Algarve atendendo a ordem da Procuradoria-geral de Justiça. A crise prisional, agravada a partir de 2010, levou para rua 4,3 mil detentos gaúchos que deveriam estar em albergues. 

. A ação civil pública tem origem em decisões do juiz Luciano Losekann, da Vara de Execuções Criminal (VEC), de Porto Alegre. Por mais de três anos, o magistrado esteve cedido ao Conselho Nacional de Justiça, em Brasília. No final de outubro, ele voltou para a VEC, e ao determinar progressões de presos para o semiaberto, Losekann passou a intimar a Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe) para providenciar vagas em albergues em até cinco dias. A desobediência implicaria em eventual responsabilização dos gestores por eventual improbidade administrativa. 

. Como as medidas não foram tomadas, os despachos de Losekann chegaram às mãos dos promotores que atuam na VEC e, na sequencia, ao conhecimento do procurador-geral, Eduardo de Lima Veiga. E ele repassou os documentos para Promotoria de Defesa do Patrimônio Público, setor competente para analisar os casos.

. Na quinta-feira, a promotora Maria Lúcia da Silva Algarve abriu um inquérito civil para analisar os fatos.

CLIQUE AQUI para ler tudo. 

Alckmin avisará à Justiça que faz questão de "hospewdar" Zé Dirceu e Genoíono em SP

O governador Geraldo Alckmin, PSDB, vai informar à Justiça que tem espaço para petistas condenados em pelo menos duas unidades no interior do Estado, Tremembé e Limeira.

. A  estratégia do governo tucano, que faz questão de "hospedar" Zé Dirceu e Zé Genoíno em São Paulo, sobretudo durante as eleições do ano que vem, visa evitar que os advogados dos condenados do Mensalão consigam a regressão das penas para o regime aberto por conta da recorrente falta de vagas no sistema carcerário brasileiro.

A MAIS DESEJADA CERVEJA DA BAVÁRIA
ESTA NOITE NO BIER MARKT, PORTO ALEGRE
Augustiner Edelstoff

E mais 200 rótulos de cervejas e chopes artesanais de várias partes do mundo.
Exclusivo de Munique para o Biermarkt Vom Fass. Do estilo export, uma cerveja de alta classe produzida com a arte cervejeira da verdadeira escolha da velha Bavária.
Hoje, sábado,  19h, rua Barão do Santo Ângelo 497. Moinhos, Porto Alegre
Site: www.biermarkt.com.br

Zé Dirceu e Genoíno passaram sua primeira noite na cadeia. Pizzolato e Delúbio estão foragidos.

Este avião levará todos para Brasília., Zé Dirceu Genoíno irão neste sábado.



Dez dos doze mensaleiros que o STF mandou prender nesta sexta-feira se apresentaram à Polícia Federal; José Genoino, ex-presidente do PT, foi o primeiro; o ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares e o ex-diretor do Banco do Brasil Henrique Pizzolato ainda não se entregaram.

. Delúbio e Pizzolato não tinham aparecido até as 9h50min deste sábado e já são considerados foragidos. Eles poderão ser procurados, algemados, presos e conduzidos para Brasília a força. 

Artigo, Demétrio Magnolli - Bom dia, tristeza

CLIQUE AQUI para ouvir a música de Adoniran Barbosa, "Bom dia tristeza". Ilustração ao lado.


Neste artigo publicado na Folha de S. Paulo deste sábado, Demétrio Magnolli diz que Dirceu, Genoino e Delúbio não aprenderam nada, depois de um quarto de século de democracia. Seus gestos com o punho cerrado e erguido, soam agora como farsa, porque não existem presos políticos em regimes democráticos, mas apenas presos comuns. Leia tudo:

Acordei anteontem sob o impacto da notícia da expedição de mandados de prisão para os condenados do "mensalão". Uma tristeza, inicialmente indefinível, tomou conta de mim. Sim: eles devem ser presos, em nome da democracia e da justiça. Sim: a prisão deles é um sinal de que a igualdade perante a lei ainda tem uma chance na nossa pobre república habitada por tantas figuras "mais iguais" que as demais. Por que, então, a tristeza? Os integrantes do núcleo político do "mensalão" foram condenados sem provas, por um recurso à teoria do domínio do fato, alegam ali (no PT, em sites chapa-branca financiados com dinheiro público) e aqui (neste espaço, por comentaristas que não se preocupam com a duplicidade de critérios morais), numa tentativa canhestra de confundir o público.

CLIQUE AQUI para ler tudo. 

Rosane Oliveira está enganada: quem faz falta na lista de presos não é Maluf mas Lula da Silva

Chamadas como esta aí do lado rolam na manhã deste sábado nas redes sociais.



No curto título "Falta alguém na lista dos presos por corrupção", a editora de política do jornal Zero Hora engana os leitores dos jornais da RBS ao sugerir que se refere a Lula da Silva, o verdadeiro chefão do Mensalão, cujo papel foi protegido de modo igual ao que costumam fazer líderes comunistas em todo o mundo em relação aos seus chefes, com ênfase para o caso dos chefões da revolução de 1917 na Rússia.

. Não é nada disto que se lê no texto, porque a jornalista centra sua análise no caso de José Genoíno, que por muito pouco ela não transforma em mártir, visando demonstrar possíveis contradições do STF, que até hoje não meteu Paulo Maluf e Fernando Collor na cadeia. "Tem que ser isonômico (o STF)", reclama Rosane Oliveira.

. Maluf e Collor até iriam bem na cadeia, porque fariam companhia aos seus companheiros do PT. Ambos apoiaram e apóiam os governos Lula e Dilma, PT. São domesmo naipe.

. O que importa no caso de jornalistas como Rosane Oliveira e colegas seus que pensam do mesmo modo, é a posição escapista diante do desfecho do mais escabroso escândalo de corrupção da história da República. Eles não saúdam a posição do STF, reconhecendo o esforço do presidente Joaquim Barbosa para limpar a sujeira deixada pelo PT e seus sequazes, mas buscam obliquamente diminuir a importância  do gesto histórico, introduzindo comparações absurdas, exatamente porque não são de proporções e conteúdos sequer parecidos. O mesmo tentam os jornalistas e políticos chapas brancas com o chamado mensalão mineiro.

. É farsa demais para o momento histórico por que passa o Brasil.

. O mesmo se pode dizer das reclamações dos bandidos Zé Dirceu e Zé Genoíno, ao se intitularem presos políticos de um regime que respeita o estado democrático de direito e no qual o Partido a que pertencem, o PT, domina o governo e nomeou a maciça maioria dos juízes que os condenaram, tornando milionários seus principais quadros, vide Lula e Zé Dirceu, sobre os quais nada fala Oliveira. Seriam eles presos políticos do governo do seu próprio Partido, de Dilma. Não existem presos políticos em regimes democráticos. Nestes regimes, como é agora no caso brasileiro, o que existem são bandidos que roubaram dinheiro público, traficam dólares para o exterior, promoveram peculato, achacam entes privados e se organizam em quadrilha, fazendo corrupção e se deixando corromper com o objetivo de comprar votos de eleitores e de parlamentares, sempre para beneficiar os seus governos e perpetuar o PT no Poder.


CLIQUE AQUI para ler a nota de Rosane. 

Prefeitura saberá na segundas quem se interessa pelo metrô de Porto Alegre

A Prefeitura e o governo estadual receberão na segunda-feira os documentos de qualificação e de intenção da nova Proposta de Manifestação de Interesse (PMI) do metrô. A sessão pública ocorre das 14h às 16h, no Escritório do MetrôPoa, na avenida Padre Cacique, 290. O prefeito José Fortunati, o secretário estadual de Planejamento, João Motta participam do ato.

Após habilitação, os participantes terão 90 dias para desenvolvimento e entrega final dos projetos completos da PMI, conforme estabelecido pelo Edital PMI 001/2013. Com base na nova PMI, será produzido o edital de Parceria Público-Privada (PPP), com publicação prevista para o primeiro semestre de 2014.


. A obra é estimada em R$ 4,8 bilhões.

Lula provoca protestos por se meter nas eleições presidenciais de Honduras

Lula faz ingerência na política hondurenha, assim como fez durante o seu governo para defender o deposto presidente Zelaya. 
CLIQUE AQUI para examinar a notícia original. 

A aparição do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em uma propaganda do partido Liberdade e Refundação (Livre, esquerda) de Honduras, que tem Xiomara Castro como candidata à presidência nas eleições de 24 de novembro, está causando polêmica em Honduras. David Matamoros, um dos três juízes do Supremo Tribunal Eleitoral (TSE), afirmou que a presença de Lula na propaganda "é uma ingerência nos assuntos internos do país" por parte do ex-presidente.

. Na propaganda, exibida pela primeira vez no domingo, em um comício do partido na cidade de Danlí, 100 km a leste da capital, Lula afirma que com as eleições Honduras vive "um grande momento de renovação e esperança". Lula afirma ainda que com Castro, mulher do presidente deposto Manuel Zelaya, Honduras "terá todas as condições para se desenvolver gerando empregos, distribuindo riqueza e promovendo a inclusão social". "Nunca percam a esperança e que ninguém tire o direito de vocês de sonhar com uma Honduras mais democrática", diz Lula. Matamoros conversou com o embaixador do Brasil em Honduras, Zenik Krawctschuk, para manifestar que a atitude de Lula "é uma ingerência nos assuntos internos do nosso país".