Sargentos e tenentes querem aumento de 35%, igual ao concedido pelo governo Tarso aos capitães da Brigada

A nota é da Associação dos Sargentos, Subtenentes e Tenentes da Brigada

A ASSTBM divulgou o tamanho da generosidade do governo Tarso Genro para com os Capitães da Brigada Militar. Enquanto isso, os Sargentos e Tenentes receberam um reajuste salarial parcelado, com 3,5% pagos em outubro/11, tendo a previsão de complemento com outra parcela no valor de 7% para abril/12. Já para os Capitães o governo concedeu 10% de aumento de uma só vez. Além disso, o retorno do FG 7, que acrescenta mais 7,5%, e mais um abono no valor de R$ 400,00 a título de parcela autônoma (que representa em torno de mais 10% de aumento). O valor total desse benefício beira em torno de R$ 1 mil, que já serão pagos no primeiro mês de 2012. Todos esses benefícios, incluído as vantagens, equivalem em média a 30% de aumento. Os Sargentos e Tenentes continuarão tendo em seu contracheque de janeiro um aumento irrisório no valor de aproximadamente R$ 88 (somando as vantagens). No apagar das luzes, o governo encaminhou para a Assembleia Legislativa um projeto que aumenta os vencimentos dos Capitães, ampliando mais ainda o abismo existente entre os servidores da Brigada Militar. Assim, Sargentos e Tenentes seguem penando com o descaso do governo, tendo seus salários cada vez mais defasados.

Se “todos são iguais no tocante aos deveres Policiais Militares perante a lei”, porque uns são mais dignos de salário do que outros? Não obstante ao dever igualitário que atinge aos integrantes da Brigada Militar, o Sr Governador Tarso Genro, manifesta entendimento diverso quanto à forma de valorizar os Servidores Militares do Estado.

Diante disso, a ASSTBM espera que o governo seja sensível a situação de penúria em que os Sargentos e Tenentes foram colocados por conseqüência de aumentos concedidos de forma discriminatória entre os postos e graduações da Brigada Militar. Temos a expectativa que já nos primeiros dias de 2012 essas distorções sejam reparadas.

Reajuste salarial

Sargentos
Out - 6,3%
Abril - 7,5%

Tenentes
Out – 3,5%
Abril – 7%

Capitães
10% aumento
*R$ 400 abono
*FG7
Tudo isso em parcela única.
(Foto: Google images)

No item modernidade, só Ana Amélia e Simon estão na lista dos 45 melhores do Congresso

Os senadores Ana Amélia Lemos (7,2) e Pedro Simon (5,1) foram os dois únicos parlamentares gaúchos incluídos na relação de 45 deputados e senadores mais comprometidos com a modernidade e a competição do Brasil. As notas atribuídas foram de um a 10.

.  Ana Amélia conquistou o segundo lugar entre os 15 senadores, atrás apenas de Francisco Dorneles (7,3). A lista de 17 senadores inclui dois do PP, três do PMDB, três do Pdt, quatro do PT e até um do PcdoB e um do Psol.

. entre os deputados, não há um só gaúcho, como também não há um só representante do PT, PSOL e Pcdob. O campeão é o PSDB, com 15 dos 31 deputados – quase a metade.

- O ranking é da revista veja e do Núcleo de estuidos sobre o congresso, do rio. A classificação levou em conta o ativismo legislativo dos parlamentares em oito itens.

RS está muito bem no ranking dos melhores Estados para investimentos estrangeiros

O RS aparece bem no ranking de Gestão dos Estados Brasileiros que foi elaborado pela Unidade de Inteligência dão grupo inglês Economist, encomendado pelo Centro de Liderança Pública, que levantou dados de 25 indicadores diferentes.
. As pontuações foram de 0 a 100 para cada Estado.
. A idéia do centro de Liderança Pública foi aferir o grau de preparação dos Estados para receber o enorme fluxo de investimentos estrangeiros que chegam em função da proximidade da copa e dos Jogos Olímpicos.
. O RS obteve o quarto lugar, com a boa nota de 60,4, atrás apenas de SP, (77,2), Rio (70,9) e Minas (64,1). Todos foram aprovados, como também Paraná (56,1), Brasília (54,2) e Santa Catarina (53,5). Eles foram considerados bons ou muito bons.
. Nenhum outro Estado conseguiu aprovação, mas somente Acre (24,7), Amapá (20,5) e Piauí (19,3)foram considerados muito ruins.
. O editor já tinha adiantado alguns números na semana passada, mas somente agora todo o estudo foi revelado integralmente.
. Em pelo menos dois dos itens tabulados por Economist, o RS liderou todo o ranking:- Ambiente político: 75.
- Sustentabilidade: 81,3.
. Nos dois casos, o Rs dividiu a primeira posição com outros estados.
. Nos demais itens de maior relevância, estas foram as notas do RS:
- Ambiente econômico: 56,3 (6º lugar)
- Recursos humanos: 58,3 (4º lugar)
- In ovação: 50 (4º lugar)
. O Estado foi muito mal avaliado e até colocado em último lugar, com situação descrita como ‘ruim’ em itens como regime tributário e regulatório. Isto não deve surpreender os gaúchos, mas precisa ser modificado. O RS tem exercido políticas públicas fiscalistas e regulatórias  altamente restritivas e reacionárias, decorrentes de mal elaboradas teses ideológicas ligadas ao rígido controle estatal das atividades econômicas, políticas e sociais. 

Entrevista, Jorge Pozzobom - Irresponsabilidade fiscal marcou primeiro ano do governo Tarso Genro

ENTREVISTA
Irresponsabilidade fiscal marcou primeiro ano do governo Tarso Genro
Jorge Pozzobom, líder do PSDB na Assembléia do Rs

O atual governo gaúcho acabou com o déficit zero e termina o ano sacando do caixa único para pagar o 13º
A gestão fiscal  do governo petista foi irresponsável.

Dê exemplos.
Aumento do número de cargos de confiança (CCs), funções gratificadas (FGs) e contratos emergenciais. 

Isto tudo não era necessário ?
O aparelhamento da máquina administrativa do Estado começou em janeiro deste ano e está provocando o desequilíbrio das contas públicas. Foram criados 262 CCs e 53 FGs, além de reajustados os valores da remuneração de 644 cargos ocupados por políticos indicados por partidos da base do governo. 

Qual o valor disto ?
O impacto dessa despesa de pessoal para 2012 supera R$ 35,4 milhões.

Isto tudo prejudicou ou não o nível de investimentos nas áreas críticas ?
O governador Tarso reduziu drasticamente os investimentos na saúde, nas rodovias, na educação e na segurança. Pode olhar os números. (Foto: Gabriela di Bella/JC)

Prefeito do PT de São Leo terá que se explicar ao TCE. Saiba mais, lendo tudo aqui.

A mídia e a oposição estão concedendo muito pouca atenção ao dossiê entregue ao TCE e ao MPE pelo ex-secretário de Desenvolvimento Econômico e Social, Marco Pinheiro, que denuncia dezenas de malfeitorias na prefeitura de São Leopoldo.
. O prefeito Ary Vannazi, do PT, que cumpre o segundo mandato, foi denunciado por um ex-membro da sua própria administração.
. É fogo amigo.
. O TCE resolveu examinar a denúncia entregue ao procurador Da Camino. Isto será feito pelo Pleno, dia 18 de janeiro.
- O editor acompanha tudo e vai cobrar explicações. 

Bernd puxa lista de grandes nomes na disputa por vaga de vereador em Porto Alegre

O PPS resolveu incentivar seus caciques gaúchos de maior peso político para a disputa de vagas na Câmara de Vereadores de Porto Alegre.
. Seu ex-candidato ao Senado, Mário Bernd, ex-deputado estadual, já avisou que será candidato. 

Serra, FHC e PSDB não entenderam adesão de Marchezan Júnior à CPI da Privataria

É impublicável o que disseram os membros da Executiva do PSDB sobre o deputado Nelson Marchezan Júnior na última reunião realizada em Brasília.

. O deputado foi um dos únicos dois tucanos que assinaram a lista de requerimento da CPI da Privataria, destinada a destruir as reputações de FHC, Serra e o PSDB.

. Petista algum faz isto quando o PSDB quer convocar CPIs. 

Família fala em assassinato e quer reabrir caso de Marcelo Cavalcante

A família de Marcelo Cavalcante (foto), encontrado morto no Lago Paranoá, Brasília, no dia 15 de fevereiro de 2008, quer reabrir o caso.

. Marcelo Cavalcante foi secretário Executivo do Escritório de Representação do RS e se demitiu depois que o lobista Lair Ferst, seu amigo, divulgou que lhe entregou uma carta com denúncias sobre o Detran. Em seguida, não satisfeito, o mesmo Lair Ferst vazou a gravação de uma conversa de bar com Marcelo, reproduzindo as denúncias da carta e amplificando-as.

. Os dois incidentes tiveram grande repercussão política no RS, agravando a crise iniciada com a Operação Rodin.

. A família alega que depois da carta (Marcelo não quis entregá-la ao governo, porque considerou-a inconsistente) e depois da gravação da conversa entre Lair e Marcelo (Marcelo não confirmou sua voz no áudio), o secretário passou a ser pressionado para depor contra o governo gaúcho no MPF e na PF, revoltou-se e acabou aparecendo morto no Lago Paranoá.

- A Polícia e os MPE e MPF nunca encerraram o caso, porque jamais conseguiram determinar se foi caso de suicídio ou assassinato. A família fez denúncias formais sobre assassinato e listou os nomes dos possíveis mandantes. (Foto: Carolina Bahia/ZH)

PMDB, PT, PDT e PP dividiram entre si a presidência da Assembléia do RS

Os três últimos anos da atual legislatura da Assembléia, terá como presidentes os deputados Alexandre Postal (foto), Pedro Westphalen e Gilmar Sossela.

. PT, PMDB, PP e PDT, as quatro maiores bancadas, dividiram entre si a presidência. A cada ano, caberá um mandato.

Eis como deve ser a Mesa da Assembléia do RS a partir de 1º de fevereiro:

Presidente – Alexandre Postal, PMDB
1º Vice – Zilá Breitenbach, PSDB
2º Vice – Valdeci Oliveira, PT
1º Secretário – Pedro Westphalen, PP
2º Secretário – Catarina Paladini, PSB
3º Secretário – José Sperotto, PTB
4º Secretário –Alceu Barbosa, PDT

Conheça as principais projeções para a economia em 2012

Como ninguém sabe as proporções que a crise econômica européia assumirá no ano que vem, 2012 se inicia sob o signo de enorme incerteza.

. É por isto que 10 entre 10 economistas acham que será otimismo apostar na mera repetição do PIB deste ano, estimado em 2,8%. Os economistas do governo prosseguem no mundo da fantasia, inssistindo em crescimento de 5%.

. A revista Exame desta semana, alinhavou estes números como projeções para 2012:- PIB – 3%:
- Inflação – 5%
- Juros reais (taxa básica) – 3%

. O PIB poderá chegar a 3%, baseado na previsão de alguns indicadores mais moderados em 2012 (entre parênteses, os números de 2011):
- Massa salarial, 5% (5,5%)
- Comércio varejista, 3% (7%)
- Expansão do crédito às empresas, -3% (2,4%)
- Investimentos estrangeiros em bilhões de dólares, 45 (60)
- A taxa de investimento do Brasil ficará na média dos últios anos, entre 17% a 20% do PIB, quando deveria ser de 25%. (Foto: Google images)

Vontobel tem domínio exclusivo sobre vendas de Coca Cola

Os Vontobel não querem saber de abrir mão do território exclusivo de vendas de Coca Cola.

. RS e SC é com eles.

Oltramari começa as vendas no Shopping Gravataí

Eduardo Oltramari, da Pro-Overseas, já começou a comercializar as lojas-âncora do novíssimo Shopping Gravataí, do MGrupo.

. O shopping começou a ser construído ao preço de R$ 300 milhões.

Aspesi vem para o Sul e é chamado para cargo maior na matriz da Oi

Eduardo Aspesi, gaúcho que assumiu há 60 dias a diretoria de Mercado da Oi na região Sul e chegou a voltar a Porto Alegre, foi repentinamente promovido para a diretoria de Gestão Nacional de Produtos, no Rio.

. Foi para a matriz.

- A Oi foi a operadora que mais cresceu no último mês no RS. Prova disso foi à evolução positiva de market share na comparação de novembro de 2011 com o mês anterior. Enquanto que o mercado gaúcho móvel caiu 11% (205 mil novos acessos em outubro para 181 mil em novembro), a Oi cresceu mais de 130% no mesmo período (20 mil novos acessos em outubro para 47 mil em novembro). No plano pré-pago, a Oi teve um forte crescimento de 255% (contra -16% do mercado) e no plano pós-pago, a Oi seguiu na frente com um crescimento de 9% (+1% do mercado gaúcho). Os investimentos de R$ 560 milhões em melhoria de rede, nos últimos três anos, começaram a surtir efeito.

Pagamento do IPVA com desconto máximo é válido até o dia 2 de janeiro

O pagamento do IPVA 2012, com o desconto máximo de 25,78%, já começou no dia 15 e se estende até 2 de janeiro. O contribuinte que fizer a opção de pagamento até 2 de janeiro receberá descontos que variam entre 11,58%, 21,03% e 25,78%. Quem pagar até esta data limite também se beneficia do desconto pela utilização da Unidade Padrão Fiscal (UPF) de 2011.

. O pagamento pode ser realizado noo Banrisul, Bradesco e Sicredi (via agência, ponto de atendimento e Internet), nas agências do Itaú e no Banco do Brasil (somente para clientes).

Vendas em shopping centers superam em 5,5% as do Natal passado

As vendas nos shopping centers neste Natal foram 5,5% maiores do que as do mesmo período do ano passado. O percentual de crescimento foi divulgado hoje pela Associação Brasileira de Lojistas de Shopping (Alshop).

. O segmento que contou com o maior crescimento nas vendas foi o de cosméticos e perfumaria, com expansão de 18% ante o movimento no Natal do ano passado.

. Os dados foram apurados em pesquisa feita com 150 empresas de varejo ligadas à Alshop. Essas empresas congregam 6,4 mil lojas em todo Brasil.

Veja quando serão os feriados nacionais em 2012

Nesta segunda-feira, o governo federal divulgou os dias de feriados nacionais e de ponto facultativo em 2012 para cumprimento pelos órgãos e entidades da administração pública federal direta, autárquica e fundacional do Poder Executivo. As datas foram publicadas no Diário Oficial da União, em portaria do ministério do Planejamento.

. Feriados Nacionais: 1º de janeiro - Confraternização Universal (domingo), 21 de abril - Tiradentes (sábado), 1º de maio - Dia Mundial do Trabalho (terça-feira), 7 de setembro - Independência do Brasil (sexta-feira), 12 de outubro - Nossa Senhora Aparecida (sexta-feira), 2 de novembro - Finados (sexta-feira), 15 de novembro - Proclamação da República (quinta-feira) e 25 de dezembro - Natal (terça-feira).

. Outro feriado divulgado é de 28 de outubro (domingo), em que funcionários públicos comemoram o Dia do Servidor Público, conforme a Lei nº 8.112, de 11 de dezembro de 1990. Dentre os pontos facultativos estão: 20 e 21 de fevereiro - Carnaval (segunda e terça-feira), 22 de fevereiro (quarta-feira de Cinzas, sendo ponto facultativo até as 14h), 6 de abril - Paixão de Cristo (sexta-feira), 7 de junho - Corpus Christi (quinta-feira), 24 de dezembro - véspera do Natal (segunda-feira) e 31 de dezembro - véspera de Ano Novo (segunda-feira).

Influênciada pelo "espírito natalino", Presidência gasta R$ 2,4 bi em cartões de Natal, computadores e carros de luxo

Para mostrar os “presentes” de Natal dos órgãos públicos, nesta segunda-feira, excepcionalmente, o site "Contas Abertas" publica o último carrinho de compras do ano. A começar pela Presidência da República (PR) que reservou R$ 11,2 mil para a compra de seis mil cartões de Natal. A órgão empenhou ainda R$ 1,8 bilhões para a compra de 838 novos microcomputadores e notebooks.

. Mas as aquisições da PR não pararam por aí. A Pasta reservou outros R$ 639,1 mil para a compra de 14 novos automóveis da marca Focus Sedan. Preocupados com os novos automóveis, o órgão desembolsou R$ 5,9 mil no “Curso de Administração de Frota de Veículos”, que foi dado a três servidores, no período de 12 a 14 de dezembro, em Brasília.

. O Gabinete da Vice-Presidência, por sua vez, aproveitou as comemorações para comprar novas cadeiras de escritório. Os 36 móveis, que possuirão estrutura em aço cromado e assentos e encostos em couro, custaram R$ 1,6 mil cada, totalizando o montante de R$ 59 mil.

. Quem também “recebeu” presentes automotivos do bom velhinho foi o Supremo Tribunal Federal (STF). O órgão reservou R$ 211,2 mil para a compra de duas vans para o transporte de passageiros. A nota de empenho inclui também a aquisição de um furgão longo, ao custo de R$ 87,9 mil.

Brasil perde R$ 14,5 bi com acidentes nas estradas federais em 2011

O Brasil deverá perder cerca de R$ 14,5 bilhões com acidentes nas estradas federais neste ano. O levantamento foi feito pelo jornal "Folha de S.Paulo", com dados do Ipea e da Polícia Rodoviária Federal. Os acidentes já custaram R$ 9,6 bilhões neste ano até agosto – último dado disponível -, um aumento de 4,6% em relação a 2010. Um acidente com morte custa, em média, R$ 567 mil e 60% do prejuízo vem da perda de produção da pessoa.

. No Brasil, neste ano, aproximadamente 58 mil pessoas vão morrer em acidentes de trânsito. São números assustadores com base nas estatísticas feitas pelo seguro Dpvat (Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre). Para se ter uma base de comparação absurda, em toda a União Européia, com uma populção de 450 milhões de habitantes, a estimativa é de que ocorram 35 mil mortes no trânsito no mesmo período.

. No Rio Grande do Sul, somente neste final de semana de Natal, 24 pessoas já morreram nas estradas gaúchas. Já são 1.362 mortes no ano, 113 por mes, mais de 28 por semana e 3,78 por dia.

CLIQUE AQUI e veja o mapa das mortes no trânsito nas estradas gaúchas em 2011. O mapa é do ClicRBS.

Brasil: varejo reduz ritmo de expansão

Os principais varejistas do país começaram a desacelerar seu planos de investimento para 2012. Tradicionalmente agressivos na expansão do número de lojas, algumas redes adotam comportamento incomum: preveem abrir no próximo ano o mesmo número de unidades de 2011 ou até mesmo reduzi-lo.

. Nos últimos anos, o grande varejo anunciou planos crescentemente ambiciosos de expansão de lojas, a maneira mais eficiente de aumentar as vendas. A prudência reflete, em parte, o cenário econômico mais incerto e o temor de que a crise europeia influa na confiança do consumidor em 2012.

. De julho a setembro, segundo o IBGE, houve a primeira queda no consumo das famílias em um trimestre desde 2008. E o indicador que mede a intenção de compra das famílias, da Confederação Nacional do Comércio, teve seis quedas neste ano.

PT deve fazer concessões ao PMDB em 2012

O PT estuda ceder ao PMDB em 2012 até 13 cabeças de chapa em municípios estratégicos. Com foco na reeleição da presidente Dilma, o comando nacional petista pressiona dirigentes locais a desistir de lançar candidatos próprios para apoiar nomes indicados por legendas amigas.

. Caso todas as negociações se confirmem, o PT abrirá mão de disputar uma de cada três prefeituras consideradas importantes.

Governo Dilma adia quase R$ 50 bi de investimento em infraestrutura

O governo jogou para 2012 quase R$ 50 bilhões em investimentos que deveriam começar a deslanchar neste ano. Os motivos são, basicamente, falhas nos projetos, contenção de gastos e falta de atratividade para o setor privado. O trem-bala, orçado em R$ 33 bilhões, é um exemplo – houve três tentativas frustradas de fazer o leilão.

. Mas o problema é generalizado entre as mais diversas áreas de infraestrutura, como os leilões de aeroportos de Guarulhos, Viracopos e Brasília, a concessão de rodovias, como a BR-101, no Espírito Santo, além de hidrelétricas, como a usina de São Manoel. O Ministério do Planejamento disse que eventuais atrasos são “processos normais”.

CGU constata desvios de R$ 1,1 bi em 5 ministérios

Investigações da Controladoria Geral da União (CGU) já constataram desvios de R$ 1,1 bilhão nos ministérios dos Transportes, Agricultura, Turismo e Esporte e Trabalho. Os cinco estavam sob o comando de ministros afastados pela presidente Dilma Rousseff por suspeita de irregularidades. Também foram identificados 88 servidores públicos que estariam envolvidos nas fraudes. A conta exclui investigações ainda em andamento na Polícia Federal, mas inclui verbas que os próprios ministérios conseguiram impedir que fossem pagas aos corruptos.

. Segundo o jornal "O Globo", as fraudes foram descobertas neste primeiro ano do governo Dilma, mas prosperavam desde a época do presidente Lula. O retorno do dinheiro aos cofres públicos ainda dependeria de demorado processo. Só no Ministério dos Transportes, onde o ex-ministro Alfredo Nascimento montou uma estrutura ligada a seu partido, o PR, 55 funcionários são investigados em 17 sindicâncias e processos disciplinares.