BB derruba suas próprias taxas depois que Copom reduziu juros básicos em 0,75%

O Banco do Brasil anunciou hoje à noite mais uma redução de suas taxas de juros praticadas em linhas de crédito destinadas a pessoas físicas e jurídicas. A redução está em linha com a decisão do Comitê de Política Monetária (Copom) de reduzir a Selic em 0,75 ponto porcentual.

. Esta é a quinta redução consecutiva de taxas promovidas pelo BB desde julho, acompanhando as cinco últimas reuniões do Copom.As novas taxas do BB entram em vigor a partir de amanhã (08). O Banco do Brasil reafirma que manterá as revisões dos juros em consonância com os ajustes decididos pelo Copom.

. Entre as taxas que sofreram redução para pessoas físicas está a da linha BB Crédito Veículo (de 1,32% para 1,29% ao mês). Na linha BB Crediário - Material de Construção, a taxa caiu de 2,30% para 2,26% ao mês.

. Para empresas , a taxa na linha BB Giro Saúde foi reduzida de 1,62% para 1,60% ao mês, e na linha BB Giro APL, de 1,62% para 1,60%. Na linha de crédito BB Capital de Giro Mix Pasep, a taxa foi reduzida de 2,17% para 2,14%.

PMDB impõe derrota ao governo Dilma Rousseff no Senado.

- Desde o início da semana, o PMDB vem passando recados ao governo de que não está satisfeito com o modo como Dilma e o PT tratam o Partido.

Por 36 votos a 31, o Senado rejeitou Figueiredo, nome de confiança da presidenta Rousseff. “É um explícito desgaste político”, avalia o líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR). “Há uma insatisfação de setores da bancada da base aliada. Resolveram sacrificar um técnico de grande qualidade do governo (Bernardo Figueiredo)”, explicou. 

. Um dos poucos governistas a tentar defender a votação a favor de Figueiredo, o Senador Lindebergh Farias (PT-RJ) afirmou que houve uma articulação para impor a derrota. “Foi um recado do PMDB. O partido articulou para derrotar o governo”, diz o Senador petista.

. Integrante da ala independente do PMDB, o senador Pedro Simon (PMDB-RS) afirmou que o líder da bancada do partido, Renan Calheiros (AL), e o presidente do Senado, José Sarney (AP), “vão comemorar a derrota”. “Eles estão pressionado o governo. Votaram com o interesse da hora porque querem alguma coisa”, afirma Simon.

* Clipping www.ig.com.br

Artigo, Reynaldo Azevedo - A decisão da Justiça do RS sobre a caça aos crucifixos e a vergonha de ser brasileiro

Não sou gaúcho. Modestamente, apenas brasileiro. Fosse, estaria ainda mais envergonhado do que estou com a decisão tomada pelo Conselho da Magistratura do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul (TJ-RS), que acatou um pedido da Liga Brasileira de Lésbicas e de algumas outras entidades para que sejam retirados todos os crucifixos e outros símbolos religiosos das repartições da Justiça do Estado. Justificativa: o estado é laico. Publiquei uma pequena nota na noite de ontem, e muito gente apoiou a decisão. Publiquei, diga-se, as opiniões que não vieram acompanhadas de boçalidades anti-religiosas. Vamos lá.

O estado brasileiro é laico, sim, mas não é oficialmente ateu ou anti-religioso. E vai uma grande diferença entre uma coisa e outra. A República brasileira não professa um credo, mas não persegue crenças e crentes.
Que dias estes que estamos vivendo! 

O cristianismo está profundamente enraizado na história e na cultura do Brasil. Os crucifixos não estão em tribunais e outras repartições para excluir, humilhar, discriminar, impor um valor ou qualquer coisa do gênero.
Ao contrário até: basta ater-se aos fundamentos dessa fé, mesmo quem não tem fé, para constatar que os valores éticos que ela reúne constituem o fundamento — eis a verdade — da moderna democracia. 

Sim, meus queridos, foi o cristianismo que inventou a igualdade entre os homens. E não, isso não quer dizer que sua história tenha sido sempre meritória.

CLIQUE AQUI para ler mais.

ENTREVISTA - Terra diz que milhões para novo hospital em Santo Ângelo é conversa eleitoreira

Osmar Terra, ex-Secretário Estadual da Saúde e Deputado do PMDB

Pode um município de 70 mil habitantes, como Santo Ângelo, RS,  tocar adiante um empreendimento de R$ 150milhões, que custa outros R$ 150 milhões a cada dois anos apenas para ser mantido?
Não pode.

Quem defende isto?
Os Deputados Jeferson Fernandes e Bonh Gass, que dizem ter interessado autoridades federais, estaduais e municipal de Santo Ângelo.

É viável?
Isto é inviável e eleitoreiro. Conversei com o Secretário gaúcho Ciro Simoni e com o Ministro Alexandre Padilha. Os dois não sabem nada sobre o assunto.

O que fazer?

Ajudar os hospitais da região, que já atendem a população. Este novo hospital seria um elefante branco. Se saísse, quebraria os demais hospitais da região, porque nem haveria paciente para todos.

Emater já admite prejuízos bilionários no RS

Nesta quarta-feira, finalmente a Emater admitiu que já são devastadoras as perdas com as quebras das safras de soja, milho e arroz no RS.

Soja
Safra deste ano – 7,1 milhões de toneladas
Safra anterior – 11,7 milhões
Perdas – 6,6 milhões de toneladas ou 39%
Milho
Safra deste ano – 3,1 milhões de toneladas.
Safra anterior – 5,8 milhões de toneladas
Perdas – 47,27% ou 2,7 milhões de toneladas.

. Embora a Emater não tenha se manifestado, o RS também apura perdas enormes na produção do arroz.

Arroz
Safra deste ano – 9 milhões de toneladas
Safra anterior – 7,5 milhões de toneladas
Perdas – 2,5 milhões de toneladas ou 17%

. Soja, milho e arroz constituem as principais safras de grãos do RS. Elas respondem por 90% de tudo, porque trigo.

Todos grãos
Safra total deste ano – 19 milhões de toneladas
Safra anterior – 29 milhões de toneladas
Perdas – 10 milhões de toneladas

- A Emater fala em prejuízos de R$ 3,6 bilhões apenas com soja e milho. São perdas diretas, em considerar o efeito sobre o agronegócio como um todo (40% do PIB no RS). Considerando-se todas as perdas – soja, milho e arroz -, o valor total irá a R$ 4,2 bilhões pelos preços de mercado atuais. É só fazer os cálculos e a conclusão será a seguinte: o equivalente ao PIB gaúcho de R$ 274 bilhões já foi perdido irreversivelmente.

RS ainda não se deu conta dos desastres agropecuários deste ano no Estado

O RS ainda não seu conta dos devastadores prejuízos que a seca está provocando nas zonas de produção do interior.

. Na Expodireto, Não-Me-Toques, torra ao sol quem se atreve a ficar na rua mais de uma hora.

- O complexo do agro representa 40% do PIB do Estado. Ele já foi afetado irreversivelmente por perdas equivalentes a 30% de toda a safra de verão, em colheita. São perdas equivalentes a 2,5% do PIB estadual. Um desastre.


APROVEITE SEU CHOPE ARTESANAL
Bier Markt, Castro Alves 452, Porto Alegre -  1º lugar de Veja em 2010 e 2011
- Tudo harmonizado com petiscos inspirados na gastronomia alemã. Ar condicionado forte, segurança, estacionamento fácil. WWW.biermarkt.com.br 

Piccadily anuncia nova linha de calçados femininos

O mais novo lançamento da indústria gaúcha de calçados Piccadily, Igrejinha, RS, será uma linha intitulada “Piccadily for Girls”. O evento sairá em Gramado.

. A empresa de Igrejinha possui 4 mil empregados e vende para 90 Países, com 7 mil pontos de vendas. Ela tem 22 lojas próprias: 10 na Venezuela, oito no Kuwait, duas nos EUA  , além de uma no Peru e outra no México.

América Móvil, dona da Claro, põe um pé na China

Se a leitura do anúncio publicado nos jornais pelo HSB estiver correto, a América Móvil, dona da Claro, NET e Embratel no Brasil, usará a sua última emissão de títulos de 1 bilhão de renmimbi para entrar na China.

. Yuan ou renmimbi, é como se denomina a moeda chinesa.

. O HSBC (Hong Kong Shangai Bank Corporation), com sede em Londres, subscreveu toda a emissão.

Esta proposta quer evitar empresas privadas no saneamento do RS

Os Deputados da base aliada ainda não entenderam que a esperta manobra do deputado Luiz Fernando Schmidt de remeter diretamente ao plenário a chamada PEC da Água (monopólio estatal estadual dos serviços de água e esgoto) poderá representar um tremendo tiro no pé para o governo do PT do RS.

. O PT quer boicotar o movimento de Prefeitos que desejam privatizar os serviços no RS, como fez Uruguaiana com sucesso. O Partido idologiza a discussão, mesmo sabendo que a população continuará sofrendo por falta de esgoto tratado.

. É que deputados da oposição também protocolarão PECs, que depois de examinadas pela CCJ não passarão mais por qualquer comissão de mérito, indo diretamente para o plenário.
 
- O pedido de Schmidt ainda depende de parecer sobre o recurso do deputado Marcelo Morais, PTB, que repeliu a manobra do seu colega da base aliada.

Antropólo Roberto da Matta falará para empresários em Caxias

O antropólogo Roberto da Matta falará sobre democracia, segunda ao meio dia, na CIC, Caxias do Sul.

. Há algum tempo as entidades empresariais não discutem o assunto no RS.

Humor - Este video replica conversas venenosas sobre a reconstrução do estádio do Internacional

HUMOR

O video a seguir é uma versão bem humorada das discussões sobre as idas e vindas do projeto de reconstrução do estádio do Internacional. Os textos replicam muitas conversas de mesas de bar e que nunca vão para as páginas dos jornais, porque não passam de suposições.

CLIQUE AQUI  para ver,  ler e se divertir.

Produção industrial cai pelo quinto mês seguido e joga para baixo desempenho da economia

A produção industrial brasileiras registrou queda de 3,4% em relação ao mesmo período do ano passado.

. Sobre janeiro, a queda foi de 2,1%, de acordo com levantamento divulgado pelo IBGE.

. Em 12 meses, a indústria tem queda de 0,2%.

. Foi o quinto resultado negativo nesse tipo de comparação.

. O novo número do IBGE saiu um dia depois de revelado o desastroso desempenho do PIB no ano passado, que fechou em alta de 2,7%, contrariando as expectativas otimistas do governo federal, que apostava em 4,5% e até 5%.

- A indústria continua o patinho feio da economia, atacada gravemente por uma política econômica que grava pesadamente seus custos, privilegia a exportação de matérias-primas e a importação de produtos industrializados no exterior. 

Estes quatro deputados da base não votaram pelo aparelhamento partidário da Brigada

Estes são os quatro deputados da base aliada que não compareceram ao plenário para votar o projeto que aparelha ao PT a Brigada Militar:

Marcelo Moraes e Cassiá Carpes, PTB
Miki Breier e Catarina Paladini, PSB


. Os quatro Deputados não votaram porque não quiseram.

APROVEITE SEU CHOPE ARTESANAL
Bier Markt, Castro Alves 452, Porto Alegre -  1º lugar de Veja em 2010 e 2011
- Tudo harmonizado com petiscos inspirados na gastronomia alemã. Ar condicionado forte, segurança, estacionamento fácil. WWW.biermarkt.com.br 

PEC direta no plenário pode ser tiro no pé para governistas do RS

Os Deputados da base aliada ainda não entenderam que a esperta manobra do Deputado Luiz Fernando Schmidt de remeter diretamente ao plenário a chamada PEC da Água (monopólio estatal estadual dos serviços de água e esgoto) poderá representar um tremendo tiro no pé para o governo do PT do RS.

. É que Deputados da oposição também protocolarão PECs, que depois de examinadas pela CCJ não passarão mais por qualquer comissão de mérito, indo diretamente para o plenário.

- O pedido de Schmidt ainda depende de parecer sobre o recurso do Deputado Marcelo Morais, PTB, que repeliu a manobra do seu colega da base aliada.

Assembléia aprova reajuste de 10% para oficiais da Brigada Militar

Quase ninguém se deu conta, mas nesta terça-feira, dia que a AssOfBM quer instituir como “Dia da Vergonha”, a Assembléia do RS aprovou por 47 x 0 um aumento de 10% para os postos de capitão, major, tenente-coronel e coronel da Brigada Militar.

. Trata-se de parcela autônoma.

. Na mesma sessão 28 deputados da base governista, que conta com 32 parlamentares, aprovaram a introdução de critérios subjetivos prevalentes para a promoção de oficiais da Brigada, o que significa aparelhamento da PM do RS.

. A oposição retirou-se do plenário, deixando o ônus da decisão ao PT, PDT, PTB, PSB, PCdoB e PR. PMDB, PP, DEM, PSDB e PPS saíram do plenário.

PT pirateia foto para usar no “Fora Yeda”. Juiz manda indenizar o fotógrafo.

Além dos processos movidos pela ex-governadora Yeda Crusius e seus aliados moveram contra dezenas de políticos, sindicalistas, revistas e jornais que integraram o Eixo do Mal (Yeda já obteve vitórias expressivas contra Veja, Pedro Ruas e Sérgio Buchmann), prosseguem decisões judiciais que atenderam queixas de outros inesperados reclamantes.

. O caso mais recente é do fotógrafo Roberto Vinicius da Silva. É dele a foto usada pelo PT para sua campanha “Fora Yeda”.

. Acontece que o PT pirateou a foto, negou-se a pagar direitos autorais mesmo depois de interpelado e acabou punido no dia 14 de fevereiro pelo juiz Luiz Augusto Guimarães de Souza, da 10ª. Vara Cível de Porto Alegre. O juiz condenou o Partido a pagar R$ 10 mil a título de indenização material e moral ao fotógrafo Roberto Vinicius da Silva, mais custas. O magistrado não admitiu audiência, indeferiu agravos e provas orais, porque decidiu que não havia o que discutir diante do ato de selvagem pirataria.

- No link a seguir, examine a sentença completa. O curioso na peça foi o pedido do PT de que precisou de Assistência Judiciária Gratuita, já que o Partido se considerou muito pobre.


CLIQUE na imagem para ver a sentença.

Temer poderá vir ao RS dia 11 de abril para posse de Russowsky na Federasul

Se depender do PMDB do RS, o próprio vice-presidente Michel Temer abrilhantará a festa de posse do novo Presidente da Federasul, Ricardo Russowsky, dia 11 de abril.

. O convite para a visita foi entregue a Temer pelo Secretário da Smic e Vereador do Partido em Porto Alegre, Valter Nagelstein, durante jantar da bancada federal na terça-feira a noite.

- Se o vice vier, ele será o palestrante do “Tá na Mesa”.

Fortunati dá mais valor do que o próprio Partido à reivindicação do PTB pela vice

O Prefeito José Fortunati leva mais a sério do que o próprio PTB, a pedida do Partido pela vice na chapa que ele liderará na disputa eleitoral de outubro.

. Por que lhe interessa.

Ibsen encontrará PMDB de Pelotas mobilizado para apoiar PT

Na visita que fará neste sábado para o encontro regional que discutirá a estratégia eleitoral do PMDB, com ênfase para candidaturas próprias em municípios com mais de 100 mil habitantes, o Presidente do Partido, Ibsen Pinheiro, encontrará uma situação já definida pelo diretório municipal, que por 38 x 4 resolveu apoiar o candidato do PT, o ex-prefeito Fernando Marroni.

. O comando estadual quer candidatos próprios em Porto Alegre, Pelotas, Santa Maria, Canoas e Caxias do Sul.

. Em Pelotas, o PMDB possui lideranças expressivas, como os ex-Deputados Nelson Harter Filho e Irajá Andara Rodrigues.

. Os candidatos mais listados do momento são os seguintes:
Fernando Marroni, PT, apoiado por PMDB e PDT.
Catarina Paladini, PSB
Eduardo Macluf, PP
Matteo Chiarelli, DEM

- Fernando Marroni, condenado no segundo grau, seráenquadrado no Ficha Limpa. Caso não sobreviva, lançará sua mulher, Miriam Marroni, que é Deputada Estadual.

DEM quer anulação da decisão que manda retirar crucifixos das salas dos júris

É certo que o DEM do RS adotará ações efetivas para anular decisão do Conselho da Magistratura, que mandou retirar o crucifixo dos prédios da Justiça.

. Isto inclui até salas de júris e de audiências.

. O Conselho da Magistratura atendeu pedido de gays, lésbicas, transexuais e feministas.

- O DEM do RS não aceita que gays, lésbicas, transexuais e feministas imponham seus (ou falta) valores. O deputado Onyx Lorenzoni, que é luterano, decidiu recorrer ao Conselho Nacional de Justiça e abriu discussões diretamente na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara. O advogado Adão Paiani, consultor jurídico da bancada federal do DEM, disse nesta quarta ao editor: "A decisão é marcadamente ideológica, demagógica - sucumbindo à ditadura do politicamente correto - afronta dispositivos constitucionais e busca privilegiar posições minoritárias na sociedade, que se sobrepõem ao desejo da maioria.É nosso dever lutarmos contra isso, independente de sermos religiosos ou não. Temos de defender a liberdade e a constituição". 


OPINIÃO DO LEITOR

A argumentação dos juizes de que temos um "estado laico", convenhamos, só tem razão de existir um Estado, se existirem cidadãos, e se estes cidadãos não são laicos, eles têm referencias religiosas sim, e o Brasil, até que provem o contrário, é um pais cristão (censo IBGE: 73,8% católicos + 15,45% evangélicos = 89,25%). E querem tirar da maioria absoluta da população o seu símbolo ?  O estado pode ser laico e deve ser, mas a população não é. A quem estes senhores estão servindo? Será que tenho que desenhar ou esta explicado, senhores juízes. José Luiz Remor, Porto Alegre, RS.


APROVEITE SEU CHOPE ARTESANAL
Bier Markt, Castro Alves 452, Porto Alegre -  1º lugar de Veja em 2010 e 2011
- Tudo harmonizado com petiscos inspirados na gastronomia alemã. Ar condicionado forte, segurança, estacionamento fácil. WWW.biermarkt.com.br   

Análise, Cesar Maia - Política econômica do PT é sub-neo-colonial

- O ex-deputado, ex-Prefeito do Rio e ex-Secretário da Fazenda de Brizola, o economista Cesar Maia também analisou as razões que explicam o pequeno PIB de 2011, e dá sugestões:

A política econômica do binômio Lula-Dilma é sub-neo-colonial. Ou seja: exportar matérias primas e importar produtos industrializados.
(...)     
Sugestão deste Ex-Blog. A projeção para o Brasil é muito pior para 2013, com o refluxo de dólares. É bom esquecerem a eleição de 2012 e adotar as medidas que a economia brasileira precisa em relação aos juros, em relação ao câmbio, ao custo Brasil de infraestrutura, etc. e tal. 

PIB caiu porque o governo do PT é incompetente, entreguista (desindustrializa o País) e reacionário (privilegia exportação de matérias-primas)

- O texto a seguir é do jornal Zero Hora de hoje. Ele não foi assinado, mas poderia o autor bem que poderia ser o ministro Guido Mantega ou qualquer dos seus aspones. O artigo reproduz o argumento oficial de que o número do crescimento do PIB saiu do jeito que saiu por causa da crise internacional. Dilma e o governo esquecem o fato de que até a semana passada esperavam por um PIB maior de 4,5% a 5% no ano passado, porque o governo do PT, ao contrário do governo de Angela Merkel ou Barak Obama (EUA e Alemanha registraram PIB maior e não menor do que o do Brasil) soube driblar a crise, fortalecendo o mercado interno. A verdade revelada é a seguinte: o PIB caiu porque o governo do PT segue uma política entreguista e reacionária, desindustrializando o País e fazendo-o voltar aos tempos da colônia, ou seja, exportando matérias-primas como nunca, em detrimento da produção e venda de artigos industriais de valor agregado. Este comentário vai assinado: Polibio Braga.

Em voo baixo
Depois de atingir uma camada de ar frio provocada pelos ventos europeus e por medidas internas dedicadas a apagar o fogo da inflação, a economia brasileira perdeu velocidade e fechou com alta de 2,7% no ano passado. O crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) anunciado ontem pelo IBGE ficou abaixo da expectativa, mas os dados mostram uma reativação no último trimestre que ajuda a projetar voos mais altos neste ano.

Mais uma vez, o ritmo da economia brasileira foi ditado pela demanda interna, ou seja, pelos gastos das pessoas e das empresas dentro do país. Caso o PIB fosse medido apenas por esse critério, o crescimento teria sido bem mais robusto, de 3,4%. Os negócios que dependiam do Exterior, porém, provocaram redução de 0,7% no resultado. O sopro mais forte do mercado doméstico foi, mais uma vez, o consumo das famílias, que subiu 4,1%. Mas apesar de ter sido o oitavo ano seguido de expansão, o resultado foi o menor desde 2003.

Esse desempenho foi atribuído pelo próprio ministro da Fazenda, Guido Mantega, aos esforços do governo para conter a inflação, iniciados ainda no final de 2010. Autoridades e analistas ponderam, porém, que esse cenário se alterou e permite projetar uma situação diferente para este ano. É mais do que uma coincidência que a divulgação do PIB de 2011 tenha ocorrido na véspera de uma reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central cercada de polêmica, com projeções de corte no juro básico de 0,5 ponto percentual até 1 ponto percentual. O juro ainda é a arma mais poderosa do governo para calibrar o sobe e desce da economia: quando a taxa sobe, como no início do ano passado, faz o PIB encolher. Quando diminui, estimula compras, negócios e investimentos.

– Na medida do necessário, vamos anunciando novos instrumentos e novas medidas que vão garantir para 2012 um crescimento maior – avisou Mantega.

BC prevê ritmo mais forte
Em nota, o Banco Central destacou a expansão do investimento no último trimestre de 2011 – nas contas do PIB, medido por um indicador chamado Formação Bruta de Capital Fixo. Por isso, a instituição aponta “intensificação do ritmo de atividade ao longo deste ano, com a economia crescendo em ritmo maior do que o observado no ano passado”.

Analistas concordam com a avaliação do BC, graças ao efeito dos cortes do juro básico e da redução dos estoques na indústria no final do ano, que tende a movimentar a indústria em 2012. O economista-sênior para América Latina da Economist Intelligence Unit (EIU), Robert Wood, observa que a melhora da economia global também deve ajudar o Brasil.

Piso do magistério - A opinião de Zero Hora e a verdade revelada

OPINIÃO DO LEITOR

A jornalista Rosane Oliveira, editora de Política do jornal oficialista Zero Hora, colocou na edição de hoje a seguinte nota, que reproduzo:

Os fatos posteriores mostram que Mariza e Tonollier tinham razão: o Estado não tem como pagar o piso de R$ 1.451 sem comprometer as finanças públicas e, por isso, vai recorrer à Justiça para contestar o reajuste de 22,2% e tentar provar que a correção deve ser feita pelo INPC. Pela primeira vez, o Piratini admitiu que, se prevalecer a correção pelo Fundeb, será preciso discutir mudanças no plano de carreira. A realidade das finanças do Estado falou mais alto.

Ora,  TUDO MOSTRA QUE MARIZA ESTAVA CERTA E TONNOLIER ESTAVA ERRADO,  bolas, mas a jornalista não reconheceu isto, fazendo crer que os dois SEMPRE estiveram do mesmo lado, quando na verdade TONOLLIER estava errado.

Ele e Tarso aplicaram um calote e Zero Hora mostra que Yeda (o jornal abstem-se de citar Yeda, que bancou Mariza) Mariza e ele estavam certos?  Tenham paciência. UFA! A coisa hoje tá braba,não?


Francisco Antonio Leivas, Porto Alegre, RS.

PMDB iniciará por Pelotas, nesta sexta, reuniões regionais por candidaturas próprias, inclusive Porto Alegre

O ex-Deputado Ibsen Pinheiro, Presidente regional do PMDB, iniciará por Pelotas, neste sábado, a série de encontros regionais que discutirão a proposta de que o Partido tenha candidato próprio em todas as cidades com mais de 100 mil habitantes.

- A escolha de Pelotas não é acidental, porque o Partido decidiu por 32 x 4 apresentar o candidato a vice na chapa do PT, comandada pelo ex-prefeito Fernando Marroni. O PMDB estadual não quer saber disto, de olho na sucessão estadual - e em Porto Alegre.