Entrevista, Marcos Vinicius, presidente nacional da OAB - O Central é a univerisdade do crime no RS

ENTREVISTA
Marcus Vinicius, presidente nacional da OAB

A última inspeção feita pela OAB ocorreu em abril do ano passado. O que mudou de lá para cá ?
O que vi e o que me dizem quem esteve aqui no ano passado, mostra que nada mudou e tudo piorou. Ocorreram apenas melhorias cosméticas.

E a superlotação ?
São 4.400 presos para 2 mil vagas. É tudo muito deprimente. Este é um dos piores presídios do Brasil. Tudo é muito deplorável. Isto aqui é uma universidade do crime.

Universidade, como ?
Quem manda no Presídio Central são as facções criminosas. Sem conversar com elas, as autordiades penitenciárias nada podem fazer nas áreas jurídica, da saúde e social.

E as instalações ?
Dejetos, fezes pelo chão, esgotos correndo pelas celas, sujeira, mau cheiro.. É tudo muito deprimente. O pior é que presos de alta periculosidade ocupam o mesmo espaço de gente que cometeu crimes de baixa periculosidade.

O que fazer ?
Queremos que a Corte Interamericana dos Direitos Humanos da OEA antecipe tutela e mande o governo brasileiro instalar mais presídios regionais no RS, imediatamente.

Mas a responsabilidade é do governo estadual
Perante a OEA, responde o governo federal. Ele deve se reportar ao governo estadual, responsável pela administração do Central.


COMPRE E LEVE PARA CASA. DESFRUTE NAS FESTAS DE NATAL
HOJE: aberto até as 21h
AMANHÃ, dia 24 - Aberto até as 17h
Cervejas artesanais. 200 rótulos de várias partes do mundo
Bier Mark Spirito Santo
No mezanino da loja da Spirito Santo, Rua 24 de Outubro 513, 10h as 20h, inclusive sábado
Vá lá, faça sua encomenda e aproveite o ambiente para tomar um chop ou beber a cerveja da sua preferência.
Fone 3208.2300
É a primeira loja shop in shop do Bier Markt em Porto Alegre
www.biermarkt.com.br

Justiça revoga redução de passagens de ônibus e autoriza aumento em Passo Fundo

Decreto que corrige valor em R$ 0,15 foi publicado nesta segunda-feira. Em outubro tarifa foi reduzida ,via ação do MP e contestada , tecnicamente, pelas empresas.

. Foi publicado nesta segunda-feira (23) o decreto que corrige a tarifa de ônibus em Passo Fundo , no Norte do Rio Grande do Sul. O novo valor voltará a ser R$ 2,60.

. A tarifa começa a ser cobrada na próxima quarta-feira dia 25.

. O município deve cumprir  decisão da Justiça. A liminar foi obtida pelas empresas Coleurb e Transpasso, que não concordaram com a redução para R$ 2,45, determinada pelo prefeito em outubro.

. Liminar deve ser uma das tantas que irão ocorrer fruto das reduções , não técnicas, que ocorreram nesse ano. A decisão é a primeira do Brasil nesse sentido.

OAB poderá pedir cautelar para obrigar governo gaúcho a melhorar o Presídio Central

A missão comandada pela direção nacional da OAB e integrada por outras entidades do RS, inclusive Crea e Cremers, não se surpreendeu com o cenário devastador que voltou a encontrar no Presídio Central de Porto Alegre.

. Pouco mudou.

. Sem que o governo tenha se movimentado com vigor para tornar mais humano o presídio, o Conselho Federal da OAB já pensa em pedir uma cautelar na ação protocolada por entidades gaúchas na Corte Interamericana de Direitos Humanos da OEA. 

. Depois de receber as denúncias sobre as graves violações de direitos humanos cometidos contra os detentos do Presídio Central de Porto Alegre, a CIDH (Comissão Interamericana de Direitos Humanos) da OEA (Organização dos Estados Americanos) solicitou ao governo brasileiro informações sobre o andamento de medidas para reduzir a superlotação do presídio, que abriga mais que o dobro de sua capacidade. A casa tem capacidade para abrigar pouco menos de 2 mil pessoas, mas possui hoje mais de 4 mil detentos em seus pavilhões.

CLIQUE AQUI para conhecer as denúncias.

Dilmistas do PDT estão irados, furiosos e escandalizados com aproximação PDT e PSDB no RS

Causou furor e estupefação entre os dilmistas do PDT, a informação de que o candidato do Partido ao governo do RS, deputado Vieira da Cunha, está conversando com o senador Aécio Cunha, PSDB

. Acontece que os trabalhistas verificaram que o governador Eduardo Campos está próximo demais de Ana Amélia e que o PT não quer nem ouvir falar em mais ninguém apoiando Dilma no RS.

. Além disto, o PSDB possui preciosos minutos de rádio e TV. 

Leitores vão passar as férias de verão no trabalho

A maioria dos leitores desta página passará as férias de verão trabalhando, segundo enquete disponibilizada neste final de semana.  45% das respostas são desta natureza.

Leia tudo:

Onde você passará as férias de verão?
Na praia, 22%
Na serra, 0%
No exterior, 9%
Em lugar nenhum, porque vou trabalhar, 45%
Outra resposta, 21%

Entrevista de Carlos Sperotto para "Cenários" - Com regras estáveis, podemos até triplicar a produção de trigo

A produção de trigo, safra de inverno, foi recorde em 2013?
Sim. No RS, contrariando todas as projeções, chegamos a 3 milhões de toneladas, um número recorde.

Este ano ultrapassamos o Paraná, que colheu pouco mais de 2 milhões de toneladas.
Ainda assim, o Brasil produz metade do que consome.Até menos do que isto, porque o consumo é de 12 milhões de toneladas por ano.

A produção brasileira e gaúcha vai aos trancos e barrancos no caso do trigo?
Sim. Agora mesmo, quando registramos excelente safra, bem na hora que os produtores poderiam ter faturado bem, o governo afrouxou as importações, jogando os preços para baixo. Assim não dá para produzir.

O que vocês querem?
Regras estáveis, estímulos estáveis, garantias estáveis. Queremos que o governo diga se quer ou não quer ser autossuficiente na produção de trigo, grão que tem o RS como primeiro no ranking brasileiro. Podemos triplicar a produção de inverno de uma safra para outra.

CLIQUE no vídeo a seguir para ver e ouvir toda a entrevista. Ela é dividida em 5 blocos de 12 minutos cada. Participaram da mesa o editor e mais os analistas financeiros Leandro Rushel e Stormer. 

Vanazzi insiste: "Dilma é só do PT no RS"

Na entrevista a seguir, concedida à repórter Fernanda Nascimento  pelo presidente estadual do PT, Ary Vannazi, fica bem claro que o governador e o seu Partido querem palanque exclusivo de Dilma no RS. Há algumas semanas o PT vem rejeitando de maneira peremptória qualquer tentativa de PMDB, PP e PDT no sentido de também apoiar Dilma no Estado. Leia este trecho e depois utilize o link para examinar toda a entrevista:

JC - O governador também defende que a presidente Dilma suba somente no palanque do candidato do PT.
Vanazzi - Já conversei com o presidente (nacional) do PT (Rui Falcão), com o (ex-)presidente Lula e com a presidente Dilma, no congresso do PT, em Brasília. Defendemos, aqui no Estado, que o palanque do Tarso e dos aliados seja o palanque da Dilma. Isso fortalece a campanha da Dilma e fortalece a nossa campanha.

JC - E como ficam outros aliados de Dilma, como o PDT, que tem Vieira da Cunha como candidato ao governo do Estado?
Vanazzi - Achamos que o palanque dela é o do Tarso. Temos que ter um palanque único aqui.

CLIQUE AQUI para ler tudo.

COMPRE E LEVE PARA CASA. DESFRUTE NAS FESTAS DE NATAL
Cervejas artesanais. 200 rótulos de várias partes do mundo
Bier Mark Spirito Santo
No mezanino da loja da Spirito Santo, Rua 24 de Outubro 513, 10h as 20h, inclusive sábado
Vá lá, faça sua encomenda e aproveite o ambiente para tomar um chop ou beber a cerveja da sua preferência.
Fone 3208.2300
É a primeira loja shop in shop do Bier Markt em Porto Alegre
www.biermarkt.com.br

Maria Helena avisa: "O governo não terá o que impõe à Assembléia do RS"

Se depender dos líderes da oposição, a Assembléia do RS votará e aprovará apenas dois dos 18 projetos enviados em regime de urgência pelo Palácio Piratini para o período de convocação extraordinária, agendado para 26 a 31 de dezembro:
- O novo piso regional
- O novo Plano de Carreira da Fepam

. A deputada Maria Helena Sartori disse ao editor que nos demais casos, o governo terá que recuar, inclusive no caso do projeto que tunga R$ 1,3 bilhão da CEEE, visando tapar buracos no caixa do Tesouro.

. A bancada do PMDB examinou os projetos listados hoje pelo Piratini e constatou que a maior parte diz respeito a doações de imóveis e reajustes salariais que nem entrarão em vigor no atual governo, mas em 2015.

. O governo perdeu o eixo e perdeu a razão.

. “Eles não sabem mais o que fazem”, denunciou a deputada Maria Helena Sartori.

. A Assembleia fará sua primeira reunião no dia 26, 14h.

. O problema maior para as bancadas da situação e da oposição é reunir maioria no plenário, porque alguns deputados já viajaram e não voltarão. É o caso do deputado Mano Changes, PP, que já está em Miami. 

O PDT saiu do governo do RS, mas o PDT continua no governo do RS

São intocáveis o presidente da CEEE, Gerson Carrion, e o diretor do Banrisul, Flávio Lemmel, PDT. Nem a ida do PDT para a oposição e para a candidatura própria foram capazes de remover os dois trabalhistas nos cargos para os quais foram nomeados pelo governador Tarso Genro, PT.

. E la nave va.

InterCity abriu no Amazonas o Intercity Premium Manaus

O diretor de Operações e Marketing Corporativo da cadeia gaúcha de hotéis InterCity mandou dizer nesta segunda-feira ao editor que o grupo acaba de inaugurar sua primeira unidade hoteleira no Norte, em Manaus, o Intercity Premium Manaus.

. Para o ano que vem, a ideia é abrir oito novos hotéis no Brasil.  

. O dono da cadeia gaúcha é o mitológico empresário Ernesto Corrêa.

Sem meter a mão no dinheiro do Dmae e dos Fundos, a prefeitura de Porto Alegre não teria pago em dia o 13°

Desde o início do mês eram insistentes os boatos de que o prefeito José Fortunati tinha adotado a prática dos perdulários governos estaduais do RS e aderido ao caixa único para pagar despesas que não conseguem pagar com os recursos correntes.

. No caxo da prefeitura de Porto Alegre, o uso foi do caixa único do Dmae e dos diversos fundos municipais.

. Sem isto, os servidores não teriam recebido o 13º em dia.

- A prefeitura fechará seu segundo ano com déficit, bem diferente dos 5 anos anteriores das administrações Fogaça-Fortunati, que conseguiram equilibrar as contas, depois dos dois anos que se seguiram  aos devastadores desequilíbrios financeiros produzidos pelos 16 anos de governos do PT. 

Advogado do PT, ex-deputado Greenghalgh, denuncia: "Papuda virou antro fascista contra os presos do PT"

Complexo Penitenciário da Papuda, em Brasília, exigiu que José Dirceu, Delúbio Soares e outros companheiros de cela doem livros para a biblioteca e entrem no esquema dos outros presos, com leitura limitada a duas horas diárias, é o que informa hoje o site www.brasil247.com.br

. O ex-deputado Luiz Eduardo Greenhalgh (PT) criticou a decisão pelo Twitter: “Nem ditadura militar era assim: presos da AP470 proibidos de lerem livros. Isso é fascismo”. A Vara de Execuções Penas do Distrito Federal está sob o comando de Bruno Ribeiro, filho de um dirigente local do PSDB; petistas condenados ao regime semiaberto, mas que cumprem pena em regime fechado há mais de um mês, vêm sendo tratados como "privilegiado.

Tarso Genro encobriu, sim, a descoberta das contas sujas de Zé Dirceu nas Ilhas Cayman

A patrulha chapa branca petista que infesta a Internet com seus posts pagos, decidiu superlotar o Outlook e a seção de Opinião do Leitor desta página, sempre no mesmo tom inquisitivo a respeito das denúncias feitas pelo delegado Tuma Júnior contra seu antigo chefe na Polícia Federal, o atual governador Tarso Genro.

. “Isto não existe, porque Tuma Júnior não disse nada do que replicas na tua página”, repetem a escória petista da web,  conforme o manual que receberam, referindo-se ao fato de que o governador nem sabia das contas sujas do PT nas Ilhas Cayman e que por isto não poderia ter sentado em cima das investigações.

. Acontece que ele sentou em cima, sim, conforme conta Tuma Júnior no livro. O então ministro da Justiça sentou em cima das investigações da Polícia Federal e não quis a ajuda oferecida pelo governo das Ilhas Cayman, conforme fac símile aí ao lado.

. Sobre o que conta Tuma Júnior no livro, aí vai reportagem da revista Veja, que conversou com o delegado no início do mês:

Eu descobri a conta do mensalão nas Ilhas Cayman mas o governo e a Polícia Federal não quiseram investigar”, afirmou Romeu Tuma Junior, na entrevista a VEJA. “Quando entrei no DRCI (Departamento de Recuperação de Ativos e Cooperação Jurídica Internacional), encontrei engavetado um pedido de cooperação internacional do governo brasileiro às Ilhas Cayman para apurar a existência de uma conta do José Dirceu no Caribe. Nesse pedido, o governo solicitava informações sobre a conta não para investigar o mensalão, mas para provar que o Dirceu tinha sido vítima de calúnia, porque a VEJA tinha publicado uma lista do Daniel Dantas com contas dos petistas no exterior. O que o governo não esperava é que Cayman respondesse confirmando a possibilidade de existência da conta. Quer dizer: a autoridade de Cayman fala que está disposta a cooperar e aí o governo brasileiro recua? É um absurdo


COMPRE E LEVE PARA CASA. DESFRUTE NAS FESTAS DE NATAL
Cervejas artesanais. 200 rótulos de várias partes do mundo
Bier Mark Spirito Santo
No mezanino da loja da Spirito Santo, Rua 24 de Outubro 513, 10h as 20h, inclusive sábado
Vá lá, faça sua encomenda e aproveite o ambiente para tomar um chop ou beber a cerveja da sua preferência.
Fone 3208.2300
É a primeira loja shop in shop do Bier Markt em Porto Alegre
www.biermarkt.com.br

Tuma Júnior avisa no seu Twitter que seu livro é objeto de uma "Operação tirar de circulação"

Ninguém sabe dizer com certeza o que está havendo com os livros editados pela Planeta, porque "Assassinato de Reputação", do delegado Tuma Júnior, simplesmente sumiu do mercado, mesmo o de São Paulo.

. Nem um só exemplar chegou nas livrarias de Porto Alegre, que não sabem mais o que explicar aos seus clientes.

. Algumas livrarias chegam a confidenciar que "Assassinato de Reputação"  não sai da gráfica por causa de embargos judiciais, mas isto não está confirmado.

. No seu Twitter de hoje, conforme reprodução ao lado, Tuma Júnior insinua que algo retém os exemplares nas livrarias, mas ele não explica do que se trata.

. O texto passa a impressão de que todos estão ganhando - gráfica, editoria, livraria e autores - mas os livros não aparecem para o público. 

CLIQUE no vídeo a seguir para ver e ouvir o comentário do editor: Livros como os de Tuma Júnior somem mesmo das livrarias – e sem que os leitores comprem um só exemplar.

Entrevista, Osmar Terra - É descontrolado o tráfico de cocaína vindo da Bolívia e da Colômbia.

O editor ouviu nesta segunda-feira o deputado e ex-secretário da Saúde, Osmar Terra, que falou para o programa semanal “Cenários”, abordando durante uma hora os riscos que corre o Brasil diante da intensificação do tráfico de cocaína e crack produzidos na Bolívia e na Colômbia, mas sobretudo as ameaças que decorrerão a liberação da maconha no Uruguai.

. O deputado do PMDB é o autor da nova Lei Anti-Drogas, já aprovada na Câmara e em exame no Senado. A nova legislação endurece o combate às drogas, aumentando as penas de prisão para os traficantes e endurecendo as restrições ao usuário, inclusive o estabelecimento das chamadas internações involuntárias.

O que significa internação involuntária?
Hoje, o usuário só pode ser internado se ele mesmo manifestar o desejo. Com a nova lei, um familiar ou o médico podem mandar internar administrativamente, sem necessidade de apelar ao judiciário.

A repressão ficará maior?
Sem dúvida. E precisamos estar alertas, porque as coisas ficarão piores no Brasil.

A que o senhor se refere?
Há uma epidemia de drogas no País, assolado por contrabandos descontrolados de cocaína que é produzida na Bolívia e na Colômbia. A partir de abril, o Uruguai será uma plataforma de envio ilegal de maconha.

E o controle das fronteiras?
Nada é eficaz. A Polícia Federal possui apenas 900 homens para 12 mil quilômetros de fronteira. 


CLIQUE no vídeo a seguir para examinar o inteiro teor da entrevista que o deputado Osmar Terra concedeu nesta segunda-feira ao meio dia sobre o estado atual das drogas em todo o mundo, com ênfase para o caso do RS. É entrevista do programa Cenários. 

Saiba quais são os "101 Lugares para se Conhecer em Porto Alegre".

A Melnick Even resolveu editar e distribuir entre seus clientes, amigos e jornalistas, uma consistente publicação de capa dura, 98 páginas, com os “101 Lugares para se Conhecer em Porto Alegre’, tudo com textos e fotos de Cris Berger, Júlia Ramos e Jô Moreira.

. A dica do editor não consta do volume.

. Trata-se dos dois Bier Markt de Porto Alegre (Castro Alves e Barão de Santo Ângelo). Saiba por que razão: www.biermarkt.com.br

COMPRE E LEVE PARA CASA. DESFRUTE NAS FESTAS DE NATAL
Cervejas artesanais. 200 rótulos de várias partes do mundo
Bier Mark Spirito Santo
No mezanino da loja da Spirito Santo, Rua 24 de Outubro 513, 10h as 20h, inclusive sábado
Vá lá, faça sua encomenda e aproveite o ambiente para tomar um chop ou beber a cerveja da sua preferência.
Fone 3208.2300
É a primeira loja shop in shop do Bier Markt em Porto Alegre
www.biermarkt.com.br

Lobão entrevista Tuma Júnior. Tuma Júnior denuncia Tarso por não querer investigar conta suja do PT nas Ilhas Cayman.

Num novo hangout, desta vez neste domingo a noite, o cantor Lobão colocou nas telinhas uma conversa instigante que manteve com Romeu Tuma Júnior e Claudio Tognolli, o jornalista que tomou os depoimentos e escreveu o livro "Assassinato de reputação".

. O livro narra em detalhes a movimentação feita pelos líderes do PT para levantar dinheiro sujo e com isto implementar a organização criminosa do Mensalão, tudo com o objetivo de corromper eleitores e parlamentares.

. Tuma Júnior, que foi secretário nacional de Justiça sob as ordens do então ministro Tarso Genro, a quem apoiou na campanha de 2010 e ajudou a formatar seu programa de governo, denuncia o atual governador do RS no seu livro:
- Descobri a conta de Zé Dirceu para o Mensalão, nas Ilhas Cayman, levei tudo para o ministro da Justiça (Tarso) e ele simplesmente sentou em cima.

. A conta nas Ilhas Cayman foi apenas uma das lavanderias montadas no exterior pelo PT, sempre para abrigar dinheiro sujo.

. Outras contas começam a ser descobertas, inclusive empresas de fachada para funcionar como antros de banditismo. O caso do Panamá (leia abaixo) começou a ser investigado, mas pela imprensa, porque Polícia Federal e Ministério Público Federal não tratam do assunto.

. Em Porto Alegre, o governador do PT fecha-se de novo em copas.

. Até o momento, Tarso Genro só reagiu com uma notinha escrita com clicados de diplomata, porque não sabe o que mais Tuma Júnior está disposto a revelar. 

Happy Hour é na Bier Markt!
Na Barão do Santo Ângelo 497 e na Castro Alves, 452.
São 24 torneiras de chope artesanal de várias partes do mundo, com barris alojados em câmera fria, servidos diretamente nos copos, sem serpentina e cardápio diferenciado.

CLIQUEAQUI para conhecer o novo Bier Markt Vom Fass. 

Oposição quer investigação séria e urgente sobre nova lavanderia do PT no exterior (o caso Zé Dirceu no Panamá).

Os advogados de Zé Dirceu tiraram nota na manhã desta segunda-feira, informando que a empresa de consultoria de que falou O Estado de S. Paulo na edição de domingo, nunca foi devidamente registrada no Panamá. A nota não diz que não houve sequer a tentativa, mas que apenas “não foi consumada”. A oposição cobrou neste domingo investigação sobre a filial da JD Assessoria e Consultoria no Panamá. "Isto é gravíssimo, o que exige das instituições que façam ampla investigação", disse o líder do PPS, deputado Rubens Bueno (PR).

. A empresa do Panamá é mais uma das lavanderias que Zé Dirceu montou para manter dinheiro sujo no exterior, visando sempre os interesses do PT (leia, a seguir, nota sobre a denúncia de Romeu Tuma Júnior sobre outra conta de Zé Dirceu, esta nas Ilhas Cayman).

. Conforme o editor registrou neste final de semana, uma reportagem dos jornalistas Fabio Fabrini e Andreza Matais, publicada neste domingo no jornal Estado de S. Paulo aponta que Dirceu abriu uma filial de sua empresa JD Assessoria & Consultoria, focada em países da América Latina, no mesmo endereço onde funciona o escritório Morgan & Morgan, que também foi usado para registrar transações societárias do hotel St. Peter, em Brasília. Controlado pelo empresário Paulo Abreu, amigo de Dirceu, o St. Peter foi registrado em nome de um laranja ligado ao Morgan & Morgan.

. O texto completo da reportagem está logo abaixo, nesta página.

. O jornal Globo destaca ainda que, desde que deixou o governo Lula, Dirceu alterou cinco vezes a finalidade da JD Assessoria e Consultoria e incluiu no seu escopo de atuação a atividade de lobby para diversos setores com interesses no governo federal.

Simon diz sobre cenário nacional: "PT quer demais, e PMDB quer de menos". Sobre si mesmo: "Não sei se quero ou se me querem".

A entrevista do senador gaúcha foi concedida ao jornalista Elder Ogliari, Porto Alegre. Está tudo no Estadão de hoje.

. Simon continua indeciso sobre sua candidatura ao Senado. Ele gostaria que o PMDB gaúcho implorasse pela sua participação, mas o PMDB mudou e não quer fazer isto, mas se Simon disser que quer, o PMDB concordará. 

. Sobre Dilma, Aécio ou Campos, o senador prosseguirá com a posição segundo a qual aquilo que ele não resolve, resolve-se por si mesmo.

CLIQUE AQUI para ler tudo. 

Vice de Caxias do Sul, PMDB, aproveita o Natal para fustigar Dilma e o PT

Estas tuitadas a seguir, todas relacionadas com desejos de Bom Natal, são do vice-prefeito de Caxias do Sul, RS, Antonio Feldmann, que é candidato a deputado federal pelo PMDB e já tem o apoio preferencial de 16 municípios da Serra:
- Vou antecipar meu pedido para 2014: 
. Que o Brasil eleja um presidente que não seja de um partido que tenha seus dirigentes presos por corrupção".
. Como eu gostaria que o Brasil tivesse um presidente que não se sentisse constrangido ao falar de corrupção. Será que isso é pedir demais?"
. Como eu gostaria que o Brasil tivesse um presidente que não fosse obrigado a defender "companheiros" corruptos condenados à prisão.

. O vice-prefeito de Caxias, coordenador regional do PMDB na Serra, refere-se claramente à candidatura de Dilma Rousseff, porque o Partido a que ele se refere é o PT, cujos dirigentes estão na cadeia porque são ladrões e quadrilheiros.

. Ou seja: Antônio Feldmann coloca-se contra o apoio do PMDB do RS à candidatura presidencial do PT. 

Tarso patrola de novo, convoca a Assembléia e lista 18 projetos para votação em apenas 72h

Desesperado com a gastança irresponsável que promove em verdadeiro delírio dilapidador no governo do RS, o governador Tarso Genro protocolou esta manhã sua proposta de convocação extraordinária da Assembléia para o período de 26 a 31 de dezembro (72 horas úteis), reintroduzindo pelo menos um projeto que foi obrigado a retirar há duas semanas, que é o que trata da tunga que quer aplicar em R$ 1,5 bilhão nos cofres da CEEE.

. O dinheiro será usado para ajudar a tapar o rombo dos cofres públicos, cujo déficit deste ano já é calculado em pelo menos R$ 2,5 bilhões, sem contar com a verdadeira derrama que o governo produziu em cima do caixa único e dos depósitos judiciais. Só este ano, Tarso fisgou R$ 5 bilhões da conta dos depósitos judiciais, dinheiro que não disse onde gastará e nem quando devolverá.

. Ao todo, o governo quer que a Assembléia vote a tunga nos cofres da CEEE e mais 17 projetos.

. O primeiro da lista é a proposta que altera a estrutura da secretaria da Fazenda, mas este exigirá quórum qualificado, ou seja, o governo terá que emplacar 28 deputados para garantir o quórum, número que ele só poderá alcançar se algum deputado da oposição trair a sua própria causa.

. O deputado Frederico Antunes, PP, que está em Uruguaiana, disse esta manhã ao editor que "o governador parece mesmo disposto a quebrar o Estado, jogando tudo para cima, porque não quer mais ser candidato". Os deputados terão menos de 48 horas úteis para analisar projetos complexos, o que é impossível numa casa legislativa. O objetivo do governo é patrolar a Assembleia.

. O único projeto com consenso para votar é o que estabelece o novo piso regional.

. Em entrevista ao editor, desde Santa Maria, onde passou o final de semana, o deputado Jorge Pozzobom, avisou que protocolará requerimento para que o pedido de convocação extraordinária seja votado pelo plenário. "Governador nenhum me convoca, porque a Constituição Federal é clara sobre a autonomia dos deputados para fazer isto", disse Pozzobom.   

Eis a lista dos 18 projetos:
PLC 405/2013
PL 354/2013
PL 350/2013
PL 402/2013
PL 374/2013
PL 377/2013
PL 390/2013
PL 398/2013
PL 389/2013
PL 380/2013
PL 381/2013
PL 392/2013
PL 375/2013
PL 404/2013
PL 395/2013
PL 396/2013
PL 397/2013
PL 399/2013

As 11h, ao vivo, aqui, "Cenários" debate com Osmar Terra o flagelo das drogas e seus aliados internos e externos

A partir das 11h, o deputado Osmar Terra, PMDB do RS, secretário gaúcho da Saúde em dois governos, vai falar no programa "Cenários" sobre os malfeitos produzidos pelas drogas no Brasil e no RS. O editor conduzirá a entrevista, que também contará com a presença do analista financeiro Stormer. O programa é produção dos estúdios de Leandro & Stormer. Depois da transmissão on line de hoje, ele ficará disponibilizado uma semana nos dois sites e também no canal corporativo youtube.com/leandrostormer.com

. A maconha está incluída na pauta. CLIQUE AQUI para examinar a pauta de discussão do programa, que durará uma hora e será transmitida ao vivo, on line, nos sites www.polibiobraga.com.br e www.leandrostormer.com.br Osmar Terra repetirá a denúncia de que por trás do avanço da liberalização das drogas estão financistas como o americano George Soros, que querem ganhar dinheiro com a produção, comercialização, consumo e tratamento médico - em escala global.

PMDB gaúcho, sob a batuta de Temer e Padilha, está cada vez mais próximo de Dilma e do PT

A oposição continua se estranhando na Assembléia do RS, mesmo depois que aos 23 deputados do PMDB, PP, PSDB, DEM e PPS receberam o reforço de Cassiá Carpes, SDD, Sérgio Moraes, PTB, e mais os três deputados do PSB que desembarcaram do governo, formando então uma maioria de 28 deputados sobre 55.

. E isto sem contar os 7 deputados do PDT, que também desembarcaram do barco petista adernado, mas que ainda não se atreveram a assumir seu próprio nome, embora seu candidato ao governo, Vieira da Cunha, proclame-se de oposição ao Piratini.

. Na sessão de quinta-feira, quando os oposicionistas estavam com tudo na mão para impor uma derrota política estratégica ao governo, convocando uma sessão extraordinária para o dia seguinte, sexta-feira, visando votar ali o projeto que muda o piso salarial regional, a bancada do PMDB negou estribo na undécima hora.

. A sessão extra tiraria do governador Tarso Genro a iniciativa de convocar sessão extraordinária para o dia 26, justamente para votar o novo piso, tirando-lhe das mãos a iniciativa de faturar sozinho a iniciativa.

. O PMDB vacilou, ainda que no dia anterior sua líder na Assembléia, Maria Helena Sartori, tivesse assinado nota com os demais líderes oposicionistas, dizendo que faria o que não fez. O que se sabe é que a enorme pressão feita pelo vice-presidente Michel Temer, instrumentalizado pelo deputado Eliseu Padilha, começou a surtir efeitos dentro do PMDB gaúcho, que parece cada vez mais decidido a apoiar a candidatura de Dilma, no RS, apesar dos protestos quase que diários do PT. Temer tem mantido cerco permanente a prefeitos, deputados e até vereadores do PMDB do RS. 

PSDB cobra coerência dos deputados do PMDB na Assembléia. Brum reage da tribuna.

Ao lado, Jorge Pozzobom e Edson Brum.

Ao manifestarem opiniões divergentes sobre a atitude da bancada do PMDB de negar votos para derrotar o governador Tarso Genro no caso da convocação extraordinária da Assembléia, os deputados Edson Brum, PMDB, e Jorge Pozzobom, PSDB, registraram duro enfrentamento da tribuna e do plenário na sessão de quinta-feira, quando o tucano reclamava da decisão do PMDB de não dar os votos que dariam à Assembléia a iniciativa na votação da proposta que cria o novo piso regional:

Deputado Edson Brum, PMDB – Os deputados do PSDB parecem que não estão contentes com a inauguração da Rodovia do Parque, sexta-feira, pela presidente Dilma. O ex-presidente FHC poderia ter construído a estrada e não fez isto.

Deputado Jorge Pozzobom, PSDB – Seria melhor o deputado Edson Brum reclamar do seu próprio companheiro de Partido, o deputado Eliseu Padilha, que no governo FHC foi ministro dos Transportes e não fez a estrada.

. A decisão da bancada do PMDB pegou de surpresa as demais bancadas de oposição, que já vinham estranhando ausência “estratégicas” que em votações anteriores fizeram os deputados Márcio Biolchi, Álvaro Boessio e Gilberto Capoani, que acabaram beneficiando o governo do PT.