Dirceu e Genoíno pagam por Lula, diz ex-mulher de Zé Dirceu

* Clipping Débora Bergamasco, de O Estado de S.Paulo

A família do ex-ministro José Dirceu (Casal Civil) já se prepara para o pior: sua condenação em regime fechado por envolvimento com o mensalão. Enquanto o Supremo Tribunal Federal não decide a pena, parentes já planejam como serão as visitas na cadeia. A refeição da penitenciária é uma das preocupações, pois ele é reconhecido como um sujeito bom de garfo. "Meu medo é que ele se mate na prisão", chora Clara Becker, 71 anos, sua primeira mulher e mãe de seu filho mais velho, o deputado federal Zeca Dirceu (PT-PR).(...)Casados por apenas quatro anos na época da ditadura militar, ela é amiga próxima do ex-marido há mais de três décadas e tem certeza de que "Dirceu não é ladrão".(...)Para ela, militantes do PT como Dirceu e José Genoino, ex-presidente do partido, estão sendo sacrificados. "Eles estão pagando pelo Lula. Ou você acha que o Lula não sabia das coisas, se é que houve alguma coisa errada? Eles assumiram os compromissos e estão se sacrificando", indigna-se.(...)Sua preocupação foi ter registrado o filho com o nome de um pai fantasma. Mas compreendeu a importância da mentira. Também diz não ter-se magoado quando, assim que voltou a ser Dirceu, mudou-se para São Paulo. "Ele até quis que eu fosse junto, mas não dava, eu estava com filho pequeno, ajudava minha família e ele nem salário tinha, só queria saber de fundar essa miséria desse PT", conta ela, que é petista roxa, com direito a uma piscina nos fundos de casa decorada com a estrela e a legenda do partido em minipastilhas(...) Clara acha que nunca foi amada por ele. "Dirceu nunca amou nenhuma mulher nessa vida, viu? O que ele amou foi a política e pode ir preso por isso", diz. "Agora que o cartão de crédito acabou, quero ver quem vai lá visitá-lo", provoca.(...)Em um de seus últimos encontros com o ex-marido, Clara o fez chorar: "Eu disse a ele: 'A nossa ampulheta está acabando, você não se tocou, hein, garoto? Mas se um dia você precisar de mim, eu venho cuidar de você'. Ele ficou todo apaixonado e prometeu que ia me comprar um cordão de ouro igual ao que o ladrão me roubou. Mas não comprou, né, só falou..."

CLIQUE AQUI para ler a entrevista completa, inclusive foto do casal. 

ENTREVISTA - Prefeito de Gravataí corta até o próprio carro para reduzir despesas

Acimar Silva, prefeito de Gravataí, RS

O senhor demitiu 25% dos CC e 30% dos estagiários,  cortou 50% das horas extras e cancelou até a locação do seu próprio carro e do vice. Que crise é esta?
Não tive escolha: ou faço isto ou fecho as portas. Preciso manter os serviços essenciais. 

O que houve?
Perdemos 10% da arrecadação em função de quebras nos repasses do FPM e do ICMS, algo como R$ 1,2 milhão por mês desde junho. Além disto, precatórios que não estavam na lista, no valor de R$ 2,8 bilhões, tiveram que ser repentinamente pagos por decisão judicial irrecorrível.

E por que não se endividar?
E a Lei de Responsabilidade Fiscal. Nós recebemos dívidas de R$ 50 milhões, porque estamos aqui há um ano, e não podemos deixar nada além disto. Este ano, também estamos proibidos de pegar empréstimos. 

Como é que se saem os outros municípios?
É só ler os jornais, porque está todo mundo com problema parecido neste final de mandato. Esta queda bruta de repasses estadual e federal não era esperada. É muito dinheiro. 

Setor de bens de capital continua muito desacelerado e trava expansão industrial

Dados que a Abimaq mandou nesta quarta-feira a tarde para o editor e que demonstram o desempenho do setor de máquinas e equipamentos industriais, também conhecido como bens de capital, que são aqueles que garantem a expansão e melhoria das indústrias, portanto sinalizam avanços da produção industrial:

Setembro 2012 sobre setembro 2011, que é a comparação correta
Queda de 19,6%
Setembro 2012 sobre agosto 2012
Queda de 12.3%
O faturamento bruto do setor no mês de setembro foi de 6,1 bilhões.

. A Abimaq possui dados que demonstram que a queda só não foi maior porque cresceram as exportações. 

. No acumulado do ano, as vendas de bens de capital caíram 2,2% até setembro, mas o índice vai a 11,2% de queda caso haja expurgo dos produtos exportados. 

. Pior ainda: o déficit da balança comercial entre janeiro e setembro, mesmo considerando-se a melhoria das exportações, é de US$ 12,8 bilhões, o equivalente a 30% do total faturado pelas indústrias brasileiras de capital no mesmo período (R$ 84,6 bilhões). 

Caso de Jaquirana é ponta do iceberg. Corrupção eleitoral correu solta nas eleições do RS.

Não é isolado o caso de corrupção eleitoral desvendado no pequeno município de Jaquirana, RS, onde políticos ligados ao PP, que controlam a prefeitura, foram flagrados e presos depois de flagrados na compra de votos.

Área de R$ 38 milhões comprada por Scolari em Canoas voltou ao mercado para vender

Falhou o projeto de shopping Center que o técnico gaúcho Luis Felipe Scolari e representantes das construtoras Goldsztein e Cyrela ergueriam nos quatro terrenos adquiridos pelo grupo por R$ 38 milhões em Canoas.

. A compra ocorreu em julho de 2009 num leilão judicial destinado a amealhar dinheiro para quitar dívidas da Ulbra. 

. A gleba localizada na avenida Boqueirão voltou ao mercado e está à venda. 

Intervenções na Rodovia do Parque e na BR-116 ocorrem quatro dias depois da queda do diretor do Dnit no RS

Não foi mera coincidência a demissão do engenheiro Vladimir Casa da direção do Dnit no RS, exatamente quatro dias antes da decisão do TCU de paralisar as obras federais na Rodovia do Parque e na BR-116.

. Nos dois casos o TCU encontrou desmandos milionários.

BIER MARKT
Bier Markt Vom Fass - na Barão do Santo Ângelo 497, ao lado do Leopoldina.
Bier Markt  - também na Castro Alves 452, três vezes seguidas "A Melhor Carta de Cervejas", segundo Veja (2010, 2011 e 2012). O melhor lugar para seu Happy Hour!

Pólo Naval do Jacuí ganha nova fábrica

Além da Iesa e da Metasa, cujas fábricas já foram anunciadas para Charqueadas, RS, irá também para lá a fábrica da Thomé Engenharia.

. Ficará tudo no Pólo Naval do Jacuí.

Rigotto trabalha em sintonia fina com o governo federal do PT

O ex-governador Germano Rigotto, reconduzido ao Conselhão pela presidente Dilma Rousseff, voltou a colaborar com o governo do PT de modo mais ativo.

. É que Dilma encarregou-o de rediscutir o projeto de reforma tributária. 

Piratini não trata com seriedade números sobre investimentos no RS

É este o título do material divulgado pelo Palácio Piratini depois da visita do ministro Fernando Pimentel ao RS, terça-feira:
- RS tem R$ 29,9 bilhões em investimentos privados.

. É inacreditável a leviandade com que os governos estaduais costumam tratar este tipo de assunto, porque jamais explicam com rigor do que se trata tanto dinheiro.

. Neste caso dos R$ 29,9 bilhões, é tudo miragem do Palácio Piratini. Aí tem dinheiro de investimentos anunciados no governo Rigotto, repetidos no governo Yeda e replicados agora, no governo Tarso, sem contar intenções boas e más, além de simples desejos do governante de plantão.

. O governo sequer mantém os mesmos números entre uma entrevista e outra.

Escândalo que derrubou diretoria da Corag abala o governo Tarso

O governador Tarso Genro levará na viagem a Cuba um problemão político que lhe causou o ex-presidente da Corag, Homero Paim, irmão do senador Paim.

. É que ele caiu depois que teve telefones e e-mails grampeados ilegalmente por outro diretor, o diretor Andrew, que também caiu. Homero e Paim caíram para cima, porque o primeiro foi para o Conselho da Corag e o outro foi deslocado para a secretaria da Administração, de quem é afilhado político desde a época em que a dupla comandou a prefeitura de Alvorada. Stela e Andrews são réus na ação de improbidade que condenou-os no caso de aplicação de dinheiro dos servidores no falido Banco Santos.  Foi tudo mantido sob clausura.

. A secretária da Administração, Stela Farias, tentou evitar que Homero Paim botasse a boca no mundo, porque ele registrou  queixa na Delegacia: de Polícia, sob número 129/2012/700007. Dias depois, convencido pela deputada Stela Farias, que se notabilizou como Catão dos Pampas na CPI do Detran, ele  tentou retirar a queixa (expediente 146/2012/700007) mas abriu uma sindicância (SPI 000150-24.88/12-1).

- Homero Paim chamou muito a atenção quando manteve reuniões seguidas com a Imperadores do Samba, que homenageou o irmão Senador, com o seguinte mote:
“Paulo Paim – Um Leão na Luta que Faz o Bem Sem Olhar a Quem”. A homenagem saiu caro. O editor tem cópia de vários e-mails enviados para o correio eletrônico corporativo da Corag, cobrando valores prometidos.


- Assembleia, MPE, MP junto ao TCE e Polícia Civil nada fazem sobre o caso, que tem tudo para revelar uma crise política sem precedentes no governo do Estado.


CLIQUE na foto acima para ver melhor. Trata-se da secretária Stela Farias.

Yeda discute Cabo de Guerra com quatro debatedores na Rádio ABC

Se você clicar no link a seguir, encontrará pela frente um instigante debate entre yeda Crusius, Chris Manfro, Leonardo Hoff e Fernando Schuller na Rádio ABC, do grupo Sinos, de Novo Hamburgo,  tendo por pauta o livro “Cabo de Guerra”. O que vai no link é o primeiro bloco. Foi nesta quarta-feira de manhã.

. O livro conta a saga de Yeda Crusius no Palácio Piratini. Nas 499 páginas, estão registrados acontecimentos conhecidos e outros totalmente desconhecidos do grande público, com ênfase total para as ações de desestabilização movidas por uma organização diabólica que o autor chama de Eixo do Mal.

. Cabo de Guerra já foi lançado em Porto Alegre, Santa Maria e Santa Cruz do Sul. Acompanhe as próximas sessões de autógrafos:

Dia 6 de novembro
Rio Grande
15h – Livraria Vanguarda.
Pelotas
18h – Estande de autógrafos, 40ª. Feira do Livro

CLIQUE AQUI para ouvir o debate. 

Tucana será a primeira na linha de sucessão no RS a partir desta quinta

Como o presidente da Assembléia Legislativa do RS, Alexandre Postal, resolveu acompanhar a inútil missão organizada pelo governador Tarso Genro a Cuba, a partir desta quinta-feira irá para o seu lugar a deputada Zilá Breitenbach, do PSDB.

. Zilá será a primeira na linha de sucessão.

. Isto quer dizer que na ausência do governador em exercício Beto Grill, o governo voltará às mãos do PSDB.

- O governador, que já esteve em Cuba em janeiro, depois mandou missão em maio, ficará em Havana até o dia 5. Depois disto, viajará a Paris, onde também já esteve nestes seus dois anos de governo. Lá, como fez na viagem anterior, falará sobre as incongruências do vasto mundo injusto.

Saiba quais os deputados que acompanharão a inútil missão do governo gaúcho a Cuba

A Assembleia mandará a Cuba nessa viagem inútil organizada pelo governador Tarso Genro, tudo por conta dos contribuintes gaúchos, além do presidente, Alexandre Postal, também a deputada Marisa Formolo, do PT.

- Os deputados Daniel Bordignon, PT, e Giovani Feltes, PMDB, até chegaram a pensar no assunto, mas esbarraram na falta de vagas em hotéis de Havana. Hotel, em Cuba, só se for de cadeia internacional, porque os locais são pardieiros imundos.

Alceu Moreira enfrentará “quem aparecer pela frente” na sucessão de Ibsem

O deputado Alceu Moreira está disposto a enfrentar a sucessão no PMDB do RS contra o candidato que aparecer pela frente.

. Duela a quem duela.

BIER MARKT
Bier Markt Vom Fass - na Barão do Santo Ângelo 497, ao lado do Leopoldina.
Bier Markt  - também na Castro Alves 452, três vezes seguidas "A Melhor Carta de Cervejas", segundo Veja (2010, 2011 e 2012). O melhor lugar para seu Happy Hour!

Ex-mulher diz que Zé Dirceu paga os pecados por encobrir Lula

- Está chegando a hora de Lula sentar no banco dos réus e responder em juízo pela verdadeira chefia do Mensalão. Agora não é mais apenas Marcos Valério quem propõe dedar Lula em troca de proteção, mas é a própria ex-mulher de Zé Dirceu quem acusa.

* Clipping DÉBORA BERGAMASCO - Agência Estado

A família do ex-ministro José Dirceu (Casal Civil) já se prepara para o pior: sua condenação em regime fechado por envolvimento com o mensalão. Enquanto o Supremo Tribunal Federal não decide a pena, parentes já planejam como serão as visitas na cadeia. A refeição da penitenciária é uma das preocupações, pois ele é reconhecido como um sujeito bom de garfo. "Meu medo é que ele se mate na prisão", chora Clara Becker, 71 anos, sua primeira mulher e mãe de seu filho mais velho, o deputado federal Zeca Dirceu (PT-PR).

Casados por apenas quatro anos na época da ditadura militar, ela é amiga próxima do ex-marido há mais de três décadas e tem certeza de que "Dirceu não é ladrão". "Se ele fez algum pecado, foi pagar para vagabundo que não aceita mudar o País sem ganhar um dinheiro (...) Se ele pagou, foi pelos projetos do Lula, que mudou o Brasil em 12 anos", afirma, referindo-se ao pagamento a parlamentares da base aliada que receberam dinheiro para votar a favor de propostas do governo do ex-presidente Lula, segundo a denúncia do Ministério Público.

Para ela, militantes do PT como Dirceu e José Genoino, ex-presidente do partido, estão sendo sacrificados. "Eles estão pagando pelo Lula. Ou você acha que o Lula não sabia das coisas, se é que houve alguma coisa errada? Eles assumiram os compromissos e estão se sacrificando", indigna-se.

"Sabe, é muito sofrimento. Uma vez peguei meu filho chorando de preocupação com o pai. E minha neta, Camila, também sente muito."

Autor de Cabo de Guerra diz em Santa Maria: "Rede mundial de computadores permitiu confrontar o pensamento hegemônico do Eixo do Mal"

* Clipping jornal diário A Razão, Santa Maria

Sábado de manhã a Livraria Athena, na Rua Alberto Pasqualini, teve sessão de autógrafos com o jornalista independente Políbio Adolfo Braga, 71 anos, autor de "Cabo de Guerra". A personagem principal do livro, a ex-governadora Yeda Crisius (PSDB), fez questão de comparecer pessoalmente ao lançamento da obra.

. Também estiveram presentes apoiadores de Yeda, militantes do PSDB, o deputado estadual Jorge Pozzobom (PSDB), o vereador reeleito Admar Pozzobom, o ex-comandante do Batalhão de Operações Especiais e vereador a partir de janeiro Tenente-Coronel Vargas e o ex-reitor da Universidade Federal de Santa Maria Paulo Jorge Sarkis.

. "Esse livro é uma carta de alforria para ele (Políbio), que ficou cinco anos pesquisando e escrevendo, e para mim", comentou Yeda, relacionando o fato de a obra ter chegado a sua casa no Dia Sete de Setembro.

. Cabo de Guerra" ajuda a restaurar a verdade de um momento histórico vivido na política sul-riograndense. O autor argumenta que a obra mostra o enfrentamento político do "Eixo do Mal", composto por forças de oposição à ex-governadora, incluindo partidos políticos, a mídia e outras instituições, com Yeda.

-  Refugiado na internet, Políbio diz que se não fosse a rede mundial de computadores não iria confrontar o pensamento hegemônico.

CLIQUE AQUI para ler mais.

Piratini anunciará investimento de R$ 450 milhões do Grupo Gerdau

Antes de viajar para Cuba, poderoso 30º mais importante parceiro comercial do RS, que absorve anualmente importações locais no valor de R$ 180 milhões, algo como 3 dias de arrecadação do ICMS, o governador Tarso Genro anunciará com pompa e circunstância que o grupo Gerdau investirá R$ 450 milhões na sua siderúrgica de Esteio.

. O presidente do Conselho da Gerdau, Jorge Gerdau, deixará por algumas horas suas afanosas tarefas junto ao gabinete da presidente Dilma Rousseff, governo ao qual serve desde o período anterior de mando do PT, para estar presente ao ato, agendado para amanhã, 9h30m, no Palácio Piratini.

- O grupo gaúcho só alinhavou os detalhes finais do investimento depois que o governo do PT garantiu-lhe polpudas renúncias fiscais. 

Tribunal quer paralisar 22 obras federais superfaturadas. A metade das malfeitorias ocorrem no PAC.

O Tribunal de Contas da União vai recomendar ao Congresso a paralisação de 22 obras federais por problemas como superfaturamento e projetos desatualizados. Doze são do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). O Congresso Nacional decidirá se mantém ou não a obra no orçamento da União do ano que vem.

. O TCU fiscalizou 514 obras.

Políticos do PP, PMDB, PPS e DEM são presos por corrupção eleitoral em Jaquirana, RS

* Clipping Correio do Povo

 A Polícia Civil deflagrou na manhã desta quarta-feira uma operação contra a corrupção eleitoral em Jaquirana, na Serra. O objetivo é desarticular uma quadrilha envolvida na compra de votos e transporte de eleitores. Três pessoas foram presas: Ivan Lauro Rauber, de 40 anos, filho do prefeito reeleito Ivanor Rauber; o vereador reeleito pelo terceiro mandato Orestes Ângelo Andelieri, de 55 anos; e o coordenador de campanha do prefeito, José Evandro Pereira dos Reis, de 39 anos.

. A polícia cumpriu três mandados de prisão e 15 de busca e apreensão em locais como prefeitura, Secretaria da Fazenda, casa da filha e do filho do prefeito, comitê de campanha da coligação UNIÃO, formada pelos partidos PP, PMDB, PPS e DEM, casas de dois vereadores e dois postos de combustíveis.
Ao menos 15 mil ligações foram interceptadas e revelaram o modo de ação do grupo. O titular da Delegacia de Polícia de Jaquirana, delegado Flademir Paulino de Andrade, conta que os suspeitos ofereciam todo tipo de vantagem em troca de votos. Entre elas principalmente dinheiro, combustível, madeira, transporte, serviços, passagens de ônibus, telhas, pneus, peças de veículos e até de avião.

Conforme o delegado, a quadrilha havia montado um verdadeiro esquema de corrupção eleitoral, com uma organização de funções bem definidas. Nas escutas foram constatados ainda indícios de desvio de dinheiro da prefeitura para uso na campanha do prefeito e dois vereadores eleitos foram flagrados comprando votos por meio de cabos eleitorais.

- Os presos foram encaminhados ao Presídio Estadual de Vacaria, onde ficarão à disposição da Justiça Eleitoral. A Operação Democracia Plena contou com a participação de 70 policiais de Jaquirana, Vacaria, Lagoa Vermelha e Caxias do Sul.