TRF4 repele nova tentativa de Lula contra o juiz Sérgio Moro

A 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) negou hoje, por unanimidade, um novo pedido de exceção de suspeição contra o juiz federal Sergio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba, movido pela defesa de Luiz Inácio Lula da Silva

Prefeitura de Porto Alegre prevê problemas com a Folha a partir de maio

A prefeitura de Porto Alegre anunciou, hoje, que a partir de maio os servidores municipais receberão parceladamente os seus salários.

É a previsão da secretaria da Fazenda.

A secretaria fez as contas e concluiu que a partir de maio não terá dinheiro suficiente para pagar integralmente a Folha do mês.

PSDB desembarcou, hoje, do governo Sartori

Último dia do mês, prazo fatal dado pelo PSDB, o Partido desembarcou de vez, hoje, do governo Sartori, tudo para trabalhar por candidato próprio ao Piratini, o ex-prefeito Eduardo Leite.

O secretário de Minas e Energia, Artur Lemos (PSDB), deixou nesta quarta-feira  o governo Sartori. Quem responderá interinamente pela pasta é o titular da pasta de Desenvolvimento, Ciência e Tecnologia, Márcio Biolchi, que acumulará as duas funções

Presidente das Lojas Riachuelo falará segunda na Lide, Porto Alegre

O presidente do grupo Guararapes (Lojas Riachuelo), Flávio Rocha, falará segunda-feira ao meio dia no Country, Porto Alegre.

É promoção da Lide e IEE.

Marcel Van Hatten ataca Edegar Pretto: "O senhor não passa de um golpista !"

Marcel é candidato a deputado federal pelo PP.

Quase ao final da última sessão extraordinária da Assembléia do RS, hoje, o deputado Marcel Van Hatten, irritado com a falta de pulso do presidente da Casa, deputado Edegar Pretto, resolveu atacá-lo de forma contundente:

- O senhor é um golpista !

Marcel referia-se à sequência de decisões anti-regimentais e à tolerância com que o presidente permitiu que as galerias ofendessem os deputados nos últimos três dias.

O deputado do PP foi ainda mais longe, lembrando as origens de Edegar Pretto:

- E não me admira seu golpismo, porque o senhor vem de um movimento terrorista, o MST.

Sem se perturbar, Edegar Pretto sequer engoliu em seco.

Entrevista, Adilson Troca, PSDB - Na terça-feira a Assembleia do RS aprovará a adesão ao RRF

ENTREVISTA
Adilson Troca, PSDB

Hoje, vota alguma coisa ?
Eu sei que você está acompanhando a sessão plenária da Assembleia. Infelizmente, a tática da oposição foi fazer discurso em cima de discurso, contar com a ajuda do presidente e usar todas as manobras regimentais possíveis, tudo para não votar. Não há mais tempo. A sessão extraordinária tem horário para acabar: 18h.

E como fica ?
O requerimento em discussão agora, o que pede a inversão de pauta, continuará em discussão na terça-feira, mas já aí em sessão ordinária. Quem já falou, não fala mais. Vamos votar e inverter a pauta.

Ou seja: primeiro irá a voto o projeto de adesão ao Regime de Recuperação Fiscal.
Sim. São necessários 28 votos, maioria simples de 51%. As PECs virão depois.

E se não der tempo ?
Iremos pedir a prorrogação da sessão, o que é de praxe. E vamos virar a noite até votar.

Publicidade - Aproveite este calor forte de verão e vá esta noite ao Bier Markt, Porto Alegre

Vá conhecer, hoje. 
São mais de cem rótulos de diversos Países. Também petiscos inspirados na gastronomia alemã. Mais de 100 rótulos de várias partes do mundo.

Segurança completa, bom estacionamento de rua, ar condicionado perfeito, também cozinha.

Biermarkt
Rua Castro Alves, 442
Moinhos de Vento, Porto Alegre, RS

Biermarkt Vom Fass
Rua Barão de Santo Ângelo, 497
Moinhos de Vento, Porto Alegre, RS

Localização, dicas, serviços: www.biermarkt.com.br

Grupo Havan quer abrir 50 lojas no RS

Na tarde desta quarta-feira, Luciano Hang, dono da rede catarinense Havan, anunciou, em reunião no Palácio Piratini, que trará suas lojas – conhecida pelas réplicas gigantes da Estátua da Liberdade – para cidades gaúchas, ainda neste ano, com investimento de R$ 1,5 bilhão em 50 lojas.

O grupo já escolheu Caxias e Passo Fundo como primeiros objetivos. 

Hang também tem expectativa de receber, em breve, licença prévia para habilitar quatro Pequenas Centrais Hidrelétricas (PCHs) para os leilões federais. Para esse projeto, o plano é aplicar R$ 40o milhões em quatro usinas em Julio de Castilhos, São Martinho da Serra e Quevedo, todas na região central. As quatro formarão Complexo do Toropi. 

Base do governo Sartori emplaca requerimento para inverter a pauta.

A base tem maioria para inverter a pauta.

O deputado Gabriel Souza, líder do governo, surpreendeu aos obstrucionistas lulopetistas e emplacou requerimento próprio, que obriga o presidente Edegar Pretto a colocar em votação a proposta de inversão de pauta.

A inversão tem o objetivo de votar em primeiro lugar o projeto de lei complementar que autoriza a adesão ao RRF, que exige maioria simples para ser aprovado. Só depois, as três PECs da privatização vão a voto (elas exigem 2/3 dos votos).

A ideia da base é evitar repetidas intervenções dos parlamentares, todas visando ganhar tempo e impedir as votações.

Apesar dos protestos da oposição, o requerimento foi colocado em votação, mas ao contrário do pedido do deputado Gabriel Souza, o presidente liberou a manifestação de todos.

Pretto perde o comando da sessão para as galerias. Base aliada poderá sair do plenário.

O governo está preparado para votar suas propostas na sessão ordinária de terça-feira. 

O presidente Edegar Preto, PT, vai encerrando melancolicamente seu mandato, rendendo-se novamente às galerias, que parecem governar de verdade a sessão plenária da convocação extraordinária de hoje da Assembleia do RS.

Preto perdeu o comando da sessão.

Nem mesmo seus deputados lulopetistas conseguem falar sem repetidas interrupções e injúrias.

A desordem é geral.

Caso ele insista em manter a votação das PECs antes do projeto de autorização de adesão ao RRF, a tendência da base aliada é retirar o quorum e encerrar a sessão, que por estratégia governista é ocupada praticamente apenas por discursos da oposição, que usa o tempo para evitar votações.

PT, PCdoB, Psol e PDT vão ao MP para que investigue denúncia de Zero Hora.

A deputada Miriam Marroni informou há pouco que PT, PCdoB, Psol e PDT irão amanhã ao procurador eleitoral para que investigue denúncia de que os empresários pressionam os deputados, ofertando dinheiro para suas campanhas, "segundo informação feita pela jornalista Rosane Oliveira no diário Zero Hora.

"Agora ela está apavorada, dizendo que estamos tocando factóides", disse a deputada.

PT, PCdoB, Psol e PDT querem que o Ministério Público convoque a jornalista para que diga os nomes dos empresários que falaram com ela:

- Neste caso de crime eleitoral, não tem sigilo de fonte. Ela vai ter que abrir.

Na sua nota no jornal, Rosane Oliveira de fato deixou claro que a estratégia dos empresários era usar suas contribuições pessoais de campanha, sempre em favor dos deputados que votem a favor do RRF dos Estados.

Vendas do setor de máquinas tiveram queda de 2,9% no ano passado

Os fabricantes de bens de capital mecânicos do País fecharam 2017 com uma receita líquida total de R$ 67,1 bilhões, num decréscimo de 2,9% na comparação com 2016. Apesar disso, houve redução gradativa das taxas de queda nas vendas em função do crescimento das exportações que voltaram a níveis mensais registrados em 2011 e 2012.
          
O balanço foi divulgado hoje pela Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (ABIMAQ) durante coletiva de imprensa em São Paulo, transmitida online para as regionais da entidade.
        
CLIQUE AQUI para ler tudo.

TV Urbana recebe canal 48 para transmissões digitais

O ministério da Ciência e Tecnologia acaba de consignar à TV Urbana, Porto Alegre, o canal 48, para suas transmissões digitais.

Frederico Antunes denuncia Pretto: "Não haverá votações na Assembleia"

O deputado Frederico Antunes, PP, acaba de denunciar da tribuna que o presidente da Assembleia, Edegar Pretto, PT, vai impedir qualquer tipo de votação neste último dia de convocação extraordinária.

"Não vamos votar nada", disse o deputado.

Os líderes da base aliada denunciam Pretto pelo uso de manobras diversionistas e até anti-regimentais para impedir que haja votação.

Acórdão do TRF4 poderá sair amanhã. Lula caminha rapidamente para a prisão.

O acórdão da condenação do réu Lula da Silva a 12 anos e um meio de cadeia por corrupção e lavagem de dinheiro poderá ser publicado amanhã.

Os votos dos desembargadores Gebran Neto e Lausen já saíram, mas o de Victor Laus ainda não.

Tão logo seja publicado o acórdão, os advogados de Lula terão até 10 dias para abrir a intimação, que é automática. Em seguida, terão 48 horas para opor seus embargos de declaração, que não possuem o condão de mexer na sentença.

Decididos os embargos, Lula será preso pelo juiz Sérgio Moro, por ordem do TRF4.

Gilmar Mendes passou a voar de FAB

O ministro Gilmar Mendes passou a voar de FAB.Sua última viagem,Cuiabá a São Paulo, foi com avião da Força Aérea.

Em aviões da FAB, o ministro não é hostilizado.

Assembleia do RS inicia sessão derradeira da convocação extraordinária

Abriu, agora, a última das três sessões da convocação extraordinária da Assembleia para votar o projeto de adesão do governo ao RRF e as três PECs de privatização de estatais.

A primeira decisão da tarde será sobre a pauta de votação, já que o presidente Edegar Preto, PT, ilegalmente, quer votar primeiro as PECs, que exigem 2/3 dos votos, enquanto que a base aliada não aceita isto e quer votar, inicialmente, o projeto de lei, cuja aprovação depende apenas de 50% mais um dos votos (28).

O primeiro a falar foi o líder do governo, Gabriel Souza. Ele denunciou severamente as decisões arbitrárias tomadas ontem pelo presidente Edegar Pretto.

7 em cada 10 famílias gaúchas estão endividadas

72,2% das famílias gaúchas estão endividadas. É o que revela pesquisa publicada hoje pela Fecomércio do RS

Prefeitura de Porto Alegre perde R$ 134 milhões que tinham sido autorizados para obras dos BRTs

Foi de pouca duração a alegria da prefeitura de Porto Alegre, porque no mesmo dia em que recebeu a confirmação de que poderia usar, em obras da Copa ainda não iniciadas, R$ 115 milhões destinados para a implantação dos BRTs em Porto Alegre, ocorreu a notícia de que o restante do valor que havia sido liberado pelo governo federal, R$ 134 milhões, não será mais liberado. 

A informação foi confirmada pelo Ministério das Cidades.

Lula foi condenado por um crime concreto de corrupção, diz Flávio Tavares

Título original; "A deformação"

O caso do apartamento triplex, que levou à condenação unânime do ex-presidente Lula da Silva pelo TRF-4, é só uma das tantas facetas ocultas do horror que a Lava-Jato desvendou

 O crime nunca mostra a própria trama. Esconde as mãos que assaltam ou alega que não tem mãos e segue assaltando. Só os perversos ou pervertidos não se ocultam, pois são psicopatas sedentos de sangue e notoriedade. Fora disto, o ato de ocultar mostra a sofisticação e refinamento do crime.

O caso do apartamento triplex, que levou à condenação unânime do ex-presidente Lula da Silva pelo TRF-4, é só uma das tantas facetas ocultas do horror que a Lava-Jato desvendou. Comparado aos bilhões roubados à Petrobras pelo trio PT-PMDB-PP, o triplex é só um "agrado" (como diz o povo) que a OAS fez ao chefe-maior do conluio de empresas e políticos.

(...)

O Tribunal Regional Federal manteve a condenação de Lula por um crime concreto de corrupção. Não julgou o futuro candidato à eleição presidencial, ao contrário do que o PT berra. A candidatura presidencial não é esconderijo de delinquentes, sejam eles quem forem, nem "um jeitinho" para aparentar inocência. Transformar o condenado em vítima é um acinte a tudo aquilo que (com independência) a Polícia Federal, procuradores e juízes realizaram nos últimos anos, ao punir grandes ladrões que o poder econômico ou político acobertavam até bem pouco.

CLIQUE AQUI para ler tudo.

Opinião do editor - Se não aprovar hoje, a Assembleia aprovará na semana que vem a adesão ao RRF dos Estados.

A aprovação libera Sartori para retomar imediatamente as reuniões com a Secretaria do Tesouro Nacional para fechar onovo acordo da dívida.

Ainda que não seja votado, esta tarde, o projeto que pede autorização para adesão do governo do RS ao RRF dos Estados, é certo que isto acontecerá na semana que vem, mas neste caso durante os períodos de sessões ordinárias.

A última das três sessões da convocação extraordinária, cada uma com duração de quatro horas, termina hoje.

Amanhã, será eleita a nova Mesa Diretora da Assembleia e na terça-feira, já sem o comando tranca-rua de Edegar Pretto, do PT, embora de novo nas mãos de um oposicionista, Marlon Santos, do PDT, sairá a primeira sessão plenária da nova legislatura, sendo que o primeiro projeto para discussão e votação será este que autoriza a adesão ao RRF, caso ele não seja votado hoje. Ele trancará a pauta.

Mesmo que o trabalhista Marlon Santos tente repetir as manobras diversionistas de Pretto, ele não conseguirá engessar os trabalhos, já que sessões ordinárias podem ser convocadas uma atrás da outra, ao contrário das extraordinárias, bastando votos da maioria.

A base governista tem sólida maioria de mais do que os 28 votos necessários, está disposta a votar e fará isto na semana que vem.

O governo Sartori terá um pouco mais de problemas com as PECs de privatizações, mas também tem maioria de 2/3 para impor sua vontade. Vai demorar mais tempo, mas haverá votação.

Pretto é surpreendido por requerimento de Gabriel Souza para inversão da pauta da sessão desta tarde

Surpreendido na undécima hora, ontem a noitinha, no encerramento do segundo dia de convocação extraordinária, o presidente da Assembleia, Edegar Preto, PT, teve que engolir o golpe que tentou aplicar na maioria dos deputados, ao impor uma ordem do dia formatada ao gosto dos deputados lulopetistas que não querem votar.

Pretto queria votar, hoje a tarde, em primeiro lugar, as três PECs das privatizações, deixando o projeto de adesão para o final.

Acontece que o líder do governo, Gabriel Souza, protocolou requerimento assinado apenas por ele, exigindo inversão de pauta. Neste caso, bastarão 28 votos para que a inversão seja aprovada. O pedido do deputado já está na ordem do dia da sessão desta tarde e será o primeiro a ser votado.

PMDB e PP não querem mais o PT na presidência da Assembleia

Na Câmara de Porto Alegre, o PT foi expurgado da presidência da Mesa porque não é confiável.

Ao ceder às alas mais xiitas do lulopetismo desbragado da Assembleia, o presidente Edegar Pretto acabou recrudescendo na fase final do seu mandato que encerra amanhã e vai comprometer a volta do PT a este tipo de cargo. Pretto fez uma gestão considerada bastante razoável e civilizada, mas perdeu o eixo nos últimos três dias, completando o desastre ontem a noitinha, quando atropelou a maioria ao desrespeitar vergonhosamente o regimento interno.

No início da atual legislatura, PMDB, PP, PDT e PT dividiram entre si a presidência da Assembleia pelos quatro anos.

Isto não deverá mais acontecer.

A passagem de Ivar Pavan e, agora, a passagem de Pretto, demonstrou que o PT não tem confiabilidade para exercer a presidência da Assembleia.

Taxa de desemprego fechou em estúpidos 12,7% em 2017

O índice de desemprego no Brasil seguiu em queda e ficou em 11,8% no quarto trimestre de 2017, atingindo 12,3 milhões de pessoas, 5% a menos do que nos três meses anteriores. Apesar de as taxas indicarem uma tendência de queda a cada trimestre, a qualidade dos empregos não melhorou, já que a maioria das vagas não oferece carteira assinada.

Os dados foram divulgados nesta quarta-feira (31) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), por meio da pesquisa Pnad Contínua.

No ano de 2017, a taxa média de desocupação registrada foi de 12,7%, a maior da série histórica do IBGE, que começou em 2012. Nesse período, o desemprego alcançou, em média, 13,23 milhões de pessoas da força do trabalho - o número mais elevado dos últimos cinco anos

Trensurb aumenta suas passagens em 94,11%. É um estúpido aumento.

A política tarifária do governo federal em relação ao Trensurb é vesga, estúpida, errada e perversa.

A partir de sábado, a tarifa unitária da Trensurb sobe de R$ 1,70 para R$ 3,30. O reajuste de 94,11% foi autorizado pelo governo federal.

O governo federal não autorizava ajustes desde 2008, porque os governos do PT, Lula e Dilma, resolveram fazer demagogia barata, sem considerar qualquer equação entre custo e benefício, o que exige cada vez maiores subsídios, ao fim e ao cabo pago por todos os brasileiros e não apenas pelos passageiros.

MBL apoia deputados que querem votar a adesão ao RRF dos Estados

O MBL iniciou forte campanha pelas redes sociais, usando até mesmo vídeos enviados por Whats App, esta manhã, tudo para reforçar o apoio aos deputados que querem aprovar o projeto que autoriza a adesão do governo do RS ao RRF dos Estados.

Apesar do apoio, o MBL avisa que o governador Sartori, autor do projeto, é um homem de esquerda e nem tudo que propõe está de acordo com o que pensa a ONG:

- Sartori tem formação de esquerda. Somos contra algumas das suas ideias, mas ele está fazendo reformas: diminuiu o número de secretarias de 29 para 31, cortou 25% dos CCs,acabou com 11 Fundações vampirizadoras do dinheiro público, propõe privatizar estatais falidas, criou a Lei de Responsabilidade Fiscal Estadual e implantou o regime de previdência complementar.

O MBL adverte que "Estado gordo é gaúcho magro".

Estado projeta pior déficit orçamentário da história do RS

O governo estadual reafirmou, hoje, que o maior déficit orçamentário da história do Rio Grande do Sul acontecerá este ano, caso o projeto que permite a adesão ao RRF nãos seja aprovado pela Assembleia. No balanço entre receitas e despesas, a previsão é de que faltem R$ 6,9 bilhões para fechar as contas. A única alternativa imediata de equilíbrio é a adesão ao Regime de Recuperação Fiscal.

As receitas para 2018 foram estimadas em R$ 63,2 bilhões e as despesas em R$ 70,1 bilhões. No caso de o Estado aderir ao plano de renegociação da dívida, a projeção é de redução do rombo financeiro em R$ 3,8 bilhões. 

Segundo o secretário de Governo, Carlos Búrigo (foto acima), se o Estado não aderir ao RFF, o caos vai se instalar de vez:

- É até difícil responder a essa pergunta, mas seria o colapso do Rio Grande do Sul.

O orçamento do ano que vem vai manter congelada a folha salarial do funcionalismo. Só entra na conta o crescimento vegetativo, que é de 3% a fim de garantir o pagamento de promoções previstas em lei. O governo também estima que as despesas com pessoal ultrapassem R$ 28,9 bilhões, o que representa 78% da receita corrente líquida.

Artigo, Astor Wartchow - Pagadores e gastadores

- O autor é advogado, RS.

A obesidade do estado brasileiro é evidenciada pela quantidade de órgãos, empresas estatais e funcionários públicos. Mantidos e garantidos por uma imensa arrecadação e concentração tributária e aparelhamento burocrático. Concomitantemente, o povo cada vez tem menos dinheiro no bolso. Não é a toa que o agravamento de diferenças sociais e injustiças se sucedem e aumentam.  
      
As autoridades falam em importantes reformas.

CLIQUE AQUI para ler tudo.

Empresários do setor de serviços elevam muito seu índice de confiança, diz FGV

O Índice de Confiança de Serviços (ICS), da Fundação Getúlio Vargas, avançou 2,4 pontos em janeiro, para 91,8 pontos, atingindo o maior nível desde julho de 2014. O resultado foi influenciado pelas altas nos dois componentes do indicador. O Índice de Situação Atual passou de 85,1 para 86,2 pontos, enquanto o Índice de Expectativas avançou para 97,4 pontos, ante os 94 pontos registrados em dezembro. 

A trajetória de melhora da confiança é visível desde meados de 2015, mas o ICS ainda não atingiu o nível neutro, de 100 pontos. 

Gilmar Mendes põe PF no encalço de quem o xingou no avião

Cada vez mais irritado com os escrachos públicos que vem recebendo, o ministro Gilmar Mendes vai pedir à Polícia Federal para investigar que o xingou em um voo comercial no último sábado. Entre outras coisas, o magistrado foi chamado de  "cagão" e "bosta".

PT injuria juízes federais, desembargadores federais e até a presidente do STF

Depois de abrir as baterias contra os juízes federais e os desembargadores federais, o PT resolveu abrir campanha de injúrias e difamações contra a presidente do STF, Cármen Lúcia.

É que a ministra avisou que não colocará em votação do plenário a ação que pede que o STF mude a jurisprudência em relação a réus condenados em segunda instância.

"Ela não fala em nome do colegiado", reclamou Wadih Damous, deputado do PT, ex-presidente da OAB do Rio.

A posição de Cármen Lúcia significa que o STF não vai aliviar para Lula e para o PT.

Índice de famílias endividadas caiu para 61,3% em janeiro

Os números foram tabulados pela Confederação Nacional do Comércio, CNC.

A charge é do blog "Esboçando ideias".

A proporção de famílias com contas a pagar recuou de 62,2% em dezembro para 61,3% em janeiro, de acordo com os dados da Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (PEIC), divulgada ontem pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). Em relação a janeiro de 2016, porém, houve um aumento de 2,6 p.p. no indicador. A proporção de famílias com contas em atraso também diminuiu, registrando 25% em janeiro, comparado a 25,7% em dezembro. 

A principal forma de endividamento continua sendo o cartão de crédito, citado por 77,4% das famílias endividadas, seguida por carnês (16,9%) e financiamento de carro (11,0%). 

Estes resultados vêm em linha com a tendência observada nos dados de endividamento divulgados nesta semana pelo Banco Central e indicam melhora nas condições das famílias, o que deve continuar com a recuperação gradual do mercado de trabalho.

Conheça, aqui, as 88 páginas da proposta do governo gaúcho para aderir ao Regime de Recuperação Fiscal

CLIQUE AQUI para examinar cada uma das 88 páginas da proposta de pré-acordo de adesão ao Regime de Recuperação Fiscal dos Estados.

O que estará de fato em discussão, hoje, pelo terceiro e último dia da atual convocação extraordinária da Assembleia do RS, é o conteúdo dos compromissos que o governo gaúcho assumirá ao aderir ao Regime de Recuperação Fiscal dos Estados, o RRF.

O debate desta tarde, será novamente sobre o pedido de autorização para adesão ao RRF, mas não ainda o acordo propriamente dito, que será objeto de outra deliberação, mais tarde.

O editor percebeu que os deputados lulopetistas alegam desconhecer a proposta do governo do RS, mas ela está disponibilizada desde o dia 7 de novembro.

Secretário da Fazenda contará, esta tarde, como foram as finanças de Porto Alegre em 2017

O secretário da Fazenda de Porto Alegre, Leonardo Busatto, falará para a imprensa esta tarde, 14h30min, para contar como foram as finanças do município em 2017.

Poste de Lula e Manuela perdem até para Fernando Collor

Caso Lula não seja mesmo candidato, seu poste deve ser o ex-ministro e ex-governador da Bahia, Jaques Wagner.

O poste de Lula, segundo o Datafolha de hoje, perderia até para Fernando Collor.

Junto com o petista baiano, coloca-se outra lulopetista, no caso a comunista Manuela D'Ávila, do PCdoB, que empaca nos mesmos 2% de Wagner.

A pesquisa de hoje demonstra que o PT não significa mais nada sem a presença do réu condenado Lula da Silva.

É isto.

Rejeição a Temer despencou de 71% para 60%

A rejeição ao presidente Michel Temer despencou, segundo o Datafolha de hoje.

Ela caiu de 71% para 60%.

Evento da Anhanguera oferta, hoje, 3,8 mil vagas em Porto Alegre

3,8 mil empregos e estágios estarão em oferta, hoje, a partir das 14h e até as 22h no Ananguera Conecta, evento que sairá na Avenida Cavalhada 4.890, Porto Alegre. 

O evento é aberto ao público da região metropolitana.

Inscrições poderão ser aceitas pelo telefone 51 - 3092-5710 ou http://evento.canalconecta.com.br/. 

Ladrões assassinos explodem três bancos, só nesta madrugada, no interior do RS

A Brigada informou hoje que três ataques a agências bancárias foram registrados durante a madrugada desta quarta-feira no Rio Grande do Sul.

- Lindolfo Collor, no Vale do Sinos, em um posto avançado do Banrisul.
- São Jorge, na Serra, um caixa eletrônico do Banrisul também foi alvo de bandidos.
- Canudos do Vale, no Vale do Taquari. Bandidos tentaram arrombar uma agência bancária do Sicredi.

Datafolha diz que Lula venceria qualquer candidato, mas sem Lula, o vencedor seria Alckmin

Ao lado, gráficos do Datafolha sobre vários cenários do segundo turno. Para ver melhor, clique em cima da imagem.

Mesmo questionado em juízo pelo candidato Jair Bolsonaro, o Instituto Datafolha de hoje divulgou sua nova pesquisa sobre intenções de votos para presidente:

Cenário do segundo turno
Com Lula - Lula, 49% x Bolsonaro ou Marina, 32%, e com Alckmin, 49% x 30%
Sem Lula - Alckmin, 35% x Bolsonaro 33%. Alckmin bateria qualquer adversário.

Sem Lula, qualquer candidato do PT perderia facilmente as eleições.

O índice de rejeição de Lula é altíssimo. Ele dificilmente será candidato, porque foi condenado em segunda instância e além de ter que cumprir pena na cadeia, passou a frequentar a lista dos inelegíveis.

CLIQUE AQUI para examinar reportagem completa da Folha, com gráfico para cada um dos seis cenários que o Datafolha colocou para os eleitores.

O dia será novamente de sol, céu azul e temperatura amena no RS

Porto Alegre, 8h30min, 21 graus

O sol já predomina no Rio Grande do Sul neste início de manhã. O céu é azul e a temperatura amena.  De acordo com a MetSul Meteorologia, o Estado terá mais uma jornada de tempo firme nesta quarta-feira.
.
O início da quarta-feira apresenta temperatura amena e agradável na maioria das cidades. Durante a tarde, o calor aumentará.

Nas praias gaúchas, o dia será marcado por  períodos de sol e chuva passageira. Em Torres, a previsão é de máxima de 26°C. 

Porto Alegre terá tempo bom com sol e nuvens durante o dia. A temperatura na Capital deve ficar entre 19°C e 32°C.

Edegar Pretto, PT, presidente da Assembleia, tenta inviabilizar votação do projeto de adesão ao RRF dos Estados

A saída do governo estadual poderá ser o Judiciário.O governo acusa Edegar Preto, o presidente petista (ao lado).

A discussão sobre ampliar o prazo de convocação para sessões extraordinárias na Assembleia e de inversão da pauta de votação, ontem, desencadeou conflito que não fazia parte do roteiro estabelecido em torno das discussões sobre a adesão ao Regime de Recuperação Fiscal e a tentativa de evitar plebiscitos para privatizar CEEE, Sulgás e CRM. A ordem determinada pelo Legislativo coloca as PEC na frente do PLC do Regime. Para o governo, a ordem deveria ser invertida. 

Descontente com o encaminhamento dado pelo presidente da Casa, Edegar Pretto (PT), sobre os pedidos, o líder do governo, Gabriel Souza (PMDB) acusou:

- É uma manobra partidária (do PT).

O chefe da casa Civil, Fábio Branco, repetiu o discurso no seu Twitter.

As 14h, Edegar Preto continuará a consulta iniciada no final da sessão de ontem, para saber se 37 deputados, o número necessário, querem a inversão de pauta. Caso contrário, começará a última sessão da convocação extraordinária pela discussão e votação das PECs, o que significa que o projeto de adesão ao RRF, que é o quarto da pauta, não será votado, já que a sessão terá apenas 4 horas e a oposição lulopetista arrastará seus discursos e votações, como fez nos dois primeiros dias. 

STJ nega habeas corpus para Lula. O réu criminoso pode ser preso a qualquer momento.

Humberto Martins, vice-presidente do STJ, acaba de negar  habeas corpus preventivo impetrado pela defesa do ex-presidente Lula.

O ministro Martins avisou que o TRF-4 deixou claro que a execução provisória da pena só ocorrerá após esgotados os recursos, respeitando a súmula 122 do próprio tribunal localizado no RS.


Além disso, o ministro explicou que “habeas corpus preventivo tem cabimento quando, de fato, houver ameaça à liberdade de locomoção, isto é, sempre que fundado for o receio de o paciente ser preso ilegalmente”.

TRF4 divulga acórdão sobre condenação de Lula. Defesa tem dois dias para opor embargos declaratórios.

O TRF4, que condenou o ex-presidente Lula pelo triplex da OAS, divulgou nesta terça-feira o acórdão do julgamento do dia 24. Com isso, a defesa tem apenas 2 dias para apresentar seus embargos declaratórios. Além disso, diante dos rumores de eventual prisão de Lula, os advogados do ex-presidente também pediram um habeas corpus preventivo. A decisão poderá ser tomada nas próximas horas pelo STJ.

Base de Sartori impõe aplastante derrota, 30 x 19, à oposição lulopetista da Assembleia do RS

Votaram com a base todos os deputados do PMDB, PP, PSB e PSDB, mais três deputados do PTB (Clasmann, Dziedricki e Santini). Os únicos deputados do PPS, PRB, PR, PSD e PPL, também votaram com a base. 

No apagar das luzes da sessão extraordinária de hoje, a base do governo Sartori impôs aplastante maioria sobre a oposição lulopetista, aprovando por 30 votos contra 19 o requerimento de convocação extraordinária da Assembleia do RS.

O governo precisava apenas 28 votos.

Foi uma demonstração surpreendente de força.

O governo está a apenas um voto para aprovar as PECs das privatizações e tem maioria fácil (28) para aprovar o projeto de lei complementar de adesão ao RRF dos Estados.

Governo gaúcho paga quem ganha até R$ 2,7 mil por mês

O governo gaúcho informou há pouco que nesta quarta-feira pagará todos os servidores do Executivo que percebem salários de até R$ 2,7 mil.

Opinião do editor - A minoria consegue travar, de novo, hoje, as discussões e votações sobre a adesão ao RRF dos Estados

A vitória desta tarde, 32 x 19 votos, do requerimento da convocação extraordinária da Assembleia, demonstra que o governo Sartori tem maioria para aprovar suas propostas, mas há pouco tempo, porque a sessão de amanhã é a última do período extraordinário e durará apenas 4 horas. 

Com tempo engessado para cada uma das três sessões da convocação extraordinária, já que elas não podem ultrapassar quatro horas por dia, vai tendo êxito a manobra das bancadas lulopetistas do PT, PCdoB e Psol, de ocupar recorrentemente à tribuna para ganhar tempo e evitar a votação da proposta de adesão ao RRF dos Estados e as PECs das privatizações. Boa parte da sessão foi dedicada, hoje, a uma discussão histérica sobre a história de Brizola, que não tem nada ver com o debate.

Na presidência das sessões, o deputado lulopetista Edegar Preto, PT, segue com "rigor" o regimento interno, usa pesos e medidas diferentes para controlar as continuadas manifestações ululantes das galerias e colabora para que os trabalhos não andem. É um presidente sem estatura política e parlamentar para conduzir o Legislativo.

Irritado, ainda há pouco o deputado Marcel Van Hattem perdeu a paciência com Preto:

- O senhor perdeu o pulso e está desmoralizado. Não tem condições de presidir esta Casa.

Este é o segundo dia de sessões plenária e os deputados só conseguiram votar a admissibilidade da convocação extraordinária.

PT, PCdoB e Psol exigem que Justiça Eleitoral investigue denúncia da RBS

PT, PCdoB e Psol anunciaram, esta tarde, que decidiram protocolar pedido de investigações na Justiça Eleitoral, tudo para apurar a denúncia de compra de votos dos deputados da base do governo Sartori, segundo revelação feita pela jornalista Rosane Oliveira,ontem, em Zero Hora.

O deputado Tarcisio Zimmerman acaba de ler o inteiro teor do pedido.

PT, PCdoB e Pso, querem que sejam investigadas as entidades Fiergs, Fecomércio e Farsul, porque todas elas foram citadas pela jornalista da RBS como as patrocinadoras das ameaças aos deputados que não querem votar a favor do RRF dos Estados, já que estes ficariam fora da distribuição de dinheiro.

Deputados lulopetistas citam Rosane Oliveira, RBS, para dizer que empresários querem comprar votos na Assembleia do RS

Editora de Política da RBS diz que empresários vinculam apoio financeiro aos votos dos deputados. 

É inusitado o debate estabelecido esta tarde na Assembleia do RS sobre financiamento de campanhas eleitorais, porque os deputados lulopetistas passaram a esgrimir um comentário perverso feito pela jornalista Rosane Oliveira, Zero Hora de hoje, no qual ela informa que os empresários gaúchos que apoiam a proposta de adesão do governo ao RRF dos Estados só darão dinheiro para os deputados que ficarem do seu lado na votação de hoje.

A jornalista não disse com quem falou, as suas fontes, mas antes da denúncia chegou a listar posições da Fiergs, Fecomércio e Farsul.

A deputada Manuela D'Ávila citou a notícia e dirigindo-se ao deputado Ibsen Pinheiro, PMDB, comentou:

- Eu conheço o deputado Ibsen e sei que ele não se sujeitou nunca a este tipo de entendimento, mas é por isto que ele deve estar constrangido. Os deputados da base, agora sob esta suspeição, deveriam abster.

O texto da nota de Rosane Oliveira é muito claro:

- Embora o financiamento empresarial esteja proibido, os empresários, como pessoa físicas estão dispostos a fazer doações para candidatos que encampem uma visão moderna do Estado.

No mesmo parágrafo, ela introduziu a questão da seguinte maneira:

- Os líderes desse movimento (que apoiam a adesão ao RRF), que se define como cívico e supracorporativo, entendem que o Estado precisa de fôlego de três anos (o RRF) no pagament o da dívida, para se reestruturar.

Lula pede habeas corpus preventivo ao STJ

Os advogados do réu condenado por corrupção e lavagem de dinheiro Lula da Silva, acabam de impetrar pedido de habeas corpus no STJ. O pedido é para que o STJ não autorize a prisão de Lula.

Eles demonstram desespero, porque nem esperaram pela decisão sobre os embargos declaratórios ajuizados no TRF4.

O pedido de habeas corpus contra a prisão do ex-presidente Lula, pedido pela defesa nesta terça-feira 30, deve ser decidido pelo ministro Humberto Martins, presidente em exercício do STJ, que assumiu o plantão do Tribunal há duas semanas; Martins chegou ao STJ em 2006, indicado por Lula, e é muito próximo do senador Renan Calheiros (PMDB-AL), um dos emedebistas aliados do ex-presidente

Marroni bate boca com as galerias, tumulto se instala e presidente da Assembleia, sem pulso, suspende a sessão

Edgar Preto não tem estatura para presidir sessões tensas como as atuais da convocação extraordinária. Com receio de contrariar seus companheiros lulopetistas que infestam as galerias e expurgar todos para fora da Casa, Preto parece ter perdido o controle da sessão.

Sem pulso para presidir a sessão plenária desta tarde na Assembleia do RS, o deputado Edegar Preto, PT, acaba de suspender os trabalhos por 5 minutos.

O presidente vacila entre esvaziar as galerias, que desta vez apresentam manifestantes dispostos ao confronto.

A suspensão ocorreu depois que a deputada Miriam Marroni, PT, resolveu bater boca com um dos manifestantes, desafiando-o a descer ao plenário e repetir as ofensas disparadas contra ela.

Lulopetismo perde primeira manobra destinada a esvaziar sessão da Assembleia do RS

O lulopetismo perdeu a primeira manobra de esvaziamento da sessão extraordinária desta tarde na Assembleia.

52 registraram presença, o que inclui os lulopetistas, que decidiram registrar seus nomes porque sabiam que iriam perder.

Não estão Luis Lara, PTB; Regina Becker, Rede; João Reinelli, PV.

Lara e Regina têm votado contra o governo.

Marcel Van Hatten denuncia agressões físicas do lulopetismo na Assembleia. Video das agressões vai abaixo. Veja.

O deputado Marcel Van Hatten, PP, denunciou há poucos instantes a existência de tropa de choque lulopetista infiltrada nas galerias da Assembleia do RS para agredir adversários. O deputado denunciou agressões ao seu próprio chefe de gabinete, atingido esta tarde com uma garrafada na cabeça. Está tudo em vídeo.

Ele pediu diretamente ao presidente Edgar Preto, PT, que providencie duas saídas diferentes para o público que lota as galerias, visando impedir novos atos de violência.

O deputado Edgar Preto negou qualquer ação violenta por parte dos lulopetistas e disse que não sabia de nada.

A seguir, o deputado Edugar Preto poderá examinar o vídeo tomado ontem, que mostra claramente quando simpatizantes da base do governo foram ameaçados e agredidos fisicamente na saída da Assembleia.

Gissela Berlaver, filha de Adelino, assume comando da rede Lojas Colombo

A direção das Lojas Colombo, Farroupilha, RS, confirmou hoje que a partir de fevereiro, a advogada Gissela Franke Colombo Berlaver assumirá a presidência da empresa, substituindo o pai Adelino Colombo, que continuará à frente do Conselho de Administração da organização.

A rede possui 250 lojas em 151 municípios do RS, SC e RS.

Base de Sartori já tem 29 deputados em plenário para garantir qualquer votação

O deputado Pedro Pereira, PSD (ao lado) que ontem negou quorum, apesar de integrar a base do governo, está de novo presente no plenário, mas segundo informou às lideranças do seu Partido, garantirá o quorum se o lulopetismo tentar inviabilizar de novo a votação.

A base do governo Sartori está com 29 deputados no plenário da Assembleia do RS neste momento, um a mais do que o total necessário para garantir maioria simples, 51% (28), e aprovar tanto a convocação extraordinária quanto a proposta de adesão ao RRF dos Estados.

O 28o é o deputado Catarina Paladini, PSB, que chegou ao plenário em cadeira de rodas, na hora marcada, 14h, para votar. O socialista submeteu-se a cirurgia para retirada de cálculo renal. O 29a. é o também socialista Elton Webber.

A base foi instruída para não fazer o jogo dos deputados lulopetistas, que querem manter os discursos da tribuna, ganhar tempo e com isto impedir as votações.

O lulopetismo foge das votações porque sabe que vai perder.

Manifestantes confrontam lulopetistas nas galerias da Assembleia do RS

O canal 17, NET, transmite a sessão desta tarde da Assembleia do RS.

O que se percebe, esta tarde, é que as galerias dividem-se meio a meio, ambas manifestando-se ruidosamente, o que obriga o presidente Edgar Preto, a intervenções seguidas para manter a ordem.

O lulopetismo está sendo confrontado e se surpreende.

Artigo, Tito Guarniere - Cegueira geral

O PT, Lula e seus simpatizantes continuam fazendo apostas temerárias, de confronto e radicalização. Lembra muito o partido nos seus tempos heroicos de oposição, vertical, duro, intransigente. A postura original já denotava soberba: só o PT e os seus impolutos filiados e militantes tinham a cara limpa para apresentar tal compromisso com práticas virtuosas na vida pública, tal lisura de propósitos, a flor no lodo da política brasileira.

Como sabemos agora, isso valeu somente enquanto o partido era de oposição. No poder, mancomunou-se com as oligarquias mais atrasadas, afundou-se em lambanças como nunca antes neste país, e hoje, em desespero, tenta demonstrar que no seu âmago ainda existe alguma lucidez e coerência. Foi-se o tempo em que era estilingue. Agora, é vidraça onde todos atiram pedra.

CLIQUE AQUI para ler tudo.

Líder Gabriel Souza diz que Meirelles é aliado do lulopetismo na Assembleia

O deputado Gabriel Souza, líder do governo Sartori na Assembleia, acaba de dizer que o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, torce para que o lulopetismo consiga êxito e impeça a votação das propostas de adesão ao RRF dos Estados.

"É que neste caso os R$ 11,5 bilhões que ficariam no Estado durante os próximos três anos, irão para os cofres do governo federal", disse Gabriel Souza.

A adesão, como se sabe, permitiria carência de três + três anos no pagamento das prestações mensais devidas à União, tudo por conta do empréstimo que atualmente chega a R$ 61 bilhões.

Assembleia retoma votação da proposta de adesão do governo do RS ao RRF. Sartori defende seus projetos na RBS TV.

Com apenas 11 minutos de atraso, a Assembleia do RS abriu a segunda das três sessões da convocação extraordinária pedida pelo governador Sartori, tudo para votar a proposta de adesão do governo ao RRF dos Estados, além de três PECs, as que tratam da privatização de CEEE, Sulgás e CRM.

O primeiro a falar foi o deputado Gabriel Souza, líder do governo.

A base governista está instruída para não ocupar a tribuna, deixando que os deputados lulopetistas falem sozinhos. Isto porque o lulopetismo quer esgotar as 4 horas da sessão, sem votar.

Esta tarde, Sartori foi ao Jornal do Almoço, RBS, para defender suas propostas. Veja no vídeo a seguir.

Lula virá dia 27 a São Borja para rezar nos túmulos de Getúlio, Jango e Brizola, os ícones do PDT

O lulopetismo tentará vampirizar o PDT sobre os túmulos de Getúlio, Jango e Brizola, como já fez sobre os eleitores do Partido.

O PT do RS não parece ter assimilado a condenação de Lula pelo TRF4 como pérfido corrupto, porque agora está decidido a trazer seu líder para cumprir um roteiro de visitas ao Estado, confirmando o que o editor publicou na semana passada. Será dia 27.

A viagem sairá se até lá o réu condenado não estiver na cadeia, já que seus crimes de corrupção e lavagem de dinheiro resultaram confirmados em segundo grau.

Os lulopetistas gaúchos querem que ele comece sua rota de réu condenado pelos túmulos de Getúlio Vargas, Jango e Leonel Brizola, tentando com isto vampirizar a imagem dos três líderes trabalhistas, que são naturalmente os verdadeiros pais do PDT.

Será outra vilania tentada por Lula e pelo PT.

A jornalista Rosane Oliveira, RBS, conta, hoje, que gente do Instituto Lula, liderada por Paulo Franceschi, já está em São Borja para preparar a visita, que incluiria também Santa Maria, Palmeira e Porto Alegre. ão

Servidores da Susepe estão proibidos de parar os presídios do RS

Os servidores da Susepe estão proibidos judicialmente de implementarem operações-padrão nos presídios de Uruguaiana e Charqueadas.

A Amapergs, entidade que representa os servidores, foi proibida de fazer propaganda sobre o caso.

Heinze quer que PP saia do governo Sartori na semana que vem

O deputado Luiz Carlos Heinze, candidato a candidato do PP ao Piratini, quer que o Partido desembarque do governo Sartori tão logo conclua a votação das propostas de adesão  ao RRF dos Estados.

Na semana que vem, dia 5, o diretório estadual falará sobre o assunto, como também discutirá a questão da candidatura única.

Fiergs, Fecomércio e Farsul dizem que única saída para a Assembleia é aprovar a adesão ao RRF dos Estados

As três mais importantes federações empresariais do RS -Fiergs, Fecomércio e Farsul - desfecharam campanha forte na mídia gaúcha, hoje, para pedir que os deputados estaduais gaúchos votem, esta tarde, pela aprovação da proposta de adesão do governo Sartori ao Regime de Recuperação Fiscal.

A adesão ao RRF visa repactuar a histórica dívida de R$ 63 bilhões do governo estadual com a União, cujos principais pontos são a obtenção de carência de 3 anos para pagar as prestações mensais (retendo no Estado, portanto, R$ 11,5 bilhões) e a exigência de responsabilidade fiscal, mediante o cumprimento de parâmetros previamente quantificados.

Além de Fiergs, Fecomércio e Farsul, também assinam o apelo a Agenda 2020, Lide Sul, Parceiros Voluntários, PGQP e IEE.

A adesão ao RRF vai na mesma mão de duras medidas de ajuste fiscal e de retenções de gastos implementadas pelo atual governo desde o início, que iniciou pela diminuição do número de secretarias, que eram de 29 no governo Tarso e agora são 17.

Saiba o que a Assembleia do RS tentará votar novamente esta tarde

É inútil tentar convencer os deputados lulopetistas do PT, PCdoB e Psol a respeito da necessidade de aprovar a proposta de adesão do governo do RS ao RRF dos Estados. É que o governo deles, o de Tarso Genro, herdou uma administração sem déficit e quebrou o Estado. Agora, o lulopetismo quer que o governo continue quebrado, já que é em cima da miséria humana que consegue votos. A única alternativa, como no caso de Lula e o TRF4, é mostrar sua verdadeira face cruel e submetê-los ao escrutínio de quem de direito.


Esta tarde, 14h, a Assembleia do RS fará a segunda das três sessões da convocação extraordinária, cujo objetivo é apreciar quatro proposições do Executivo.
As matérias tratam da adesão do Estado ao Regime de Recuperação Fiscal  e da retirada da Constituição Estadual da exigência de plebiscito para federalizar ou privatizar a Sulgás, a CRM e a CEEE. São elas (clique em cima de cada número para examinar as propostas por inteiro):

PEC 266 2017, que altera a redação do § 4º do art. 22; revoga o § 3º e acrescenta o § 5º ao art. 163 da Constituição do Estado do Rio Grande do Sul, com o objetivo de retirar a exigência de plebiscito para federalizar ou privatizar a Companhia de Gás do Estado do Rio Grande do Sul (Sulgás)
PEC 267 2017, que altera a redação do § 4º do art. 22 da Constituição do Estado do Rio Grande do Sul, com o objetivo de retirar a exigência de plebiscito para federalizar ou privatizar a Companhia Rio-Grandense de Mineração (CRM);
PEC 268 2017, que altera a redação do § 4º e revoga o § 6º do art. 22; altera a redação § 2º do art. 163 da Constituição do Estado do Rio Grande do Sul, com o objetivo de retirar a exigência de plebiscito para federalizar ou privatizar a Companhia Estadual de Energia Elétrica (CEEE);
PLC 249 2017, que dispõe sobre o Regime de Recuperação Fiscal do Estado do Rio Grande do Sul e dá outras providências. (Prazo Fatal: 21/12/2017) 

As três PECs foram protocoladas na Casa em 21 de novembro de 2017, mas não foram votadas.

Artigo, Joel Pinheiro da Fonsaeca, Folha - Discurso petista pede a violação da lei em prol de Lula

A ilustração é de Sponholz.

O discurso de defesa política de Lula como candidato envolve necessariamente afirmar uma conspiração de todo o Judiciário, toda a grande mídia e ainda grande parte dos partidos políticos. Exige também, a partir da semana passada, pedir a violação da lei em prol de um cidadão. Quem acreditasse e propusesse isso a sério não teria como participar normalmente da vida democrática do país, pois negaria frontalmente nossas instituições e defenderia, se possível, sua anulação na marra. Por sorte, embora muitos repitam esse discurso, ninguém está disposto a realizá-lo.

(...)


O único jeito de fazer isso e preservar uma aura de justiça é enxergar, por trás delas, uma vontade maléfica e todo-poderosa em operação. No caso do lulismo, essa entidade é o "golpe", que já foi elevado em entidade metafísica que se transforma e age no tempo. O julgamento de Lula é mais um desdobramento do golpe.

CLIQUE AQUI para ler tudo.

STF não vai revisar jurisprudência sobre prisão de réus condenados em segunda instância

"Mudar isto, agora, é apequenar o STF", disse a ministra. Josias Souza, UOL, diz hoje que se depender do STF, Lula não escapará das garras de Moro, portanto da prisão. CLIQUE AQUI para ler Josias.

CLIQUE AQUI para ler editorial de O Globo, hoje, dizendo que seria casuísmo mudar, agora, a jurisprudência.

A presidente do STF, Cármen Lúcia, avisou que não votará em votação tão cedo o pedido de revisão da jurisprudência que autoriza prender réus condenados em segunda instância.

A mudança visa salvar Lula da prisão.

Lula não se salvará da prisão, a menos que busque asilo.

CLIQUE AQUI para ler, também, "(O) Barba de molho", Carlos Andreazza, O Globo de hoje.

Artigo, Marcelo Aiquel - Tudo em causa própria

Diante das últimas manifestações públicas, ousarei supor que a quase totalidade dos políticos e pessoas detentoras de cargos relevantes no cenário nacional está agindo em causa própria, para “salvar seu rabo”.
         
Não vejo – na grande maioria dos furibundos com a “perseguição injusta” ao ser mais honesto do planeta, aquele que, inclusive, teve a coragem e a petulância de se comparar a Jesus Cristo – qualquer viés ideológico, pois, a audácia dos seus virulentos discursos desaparece por completo longe do palanque, sem a proteção dos seguranças contratados.
         
Foi assim que assistimos o “valentão” Lindbergh Farias piar fino ao ser confrontado num voo comercial.

CLIQUE AQUI para ler tudo.

Dezembro fechou com alta de preços de venda e locação de imóveis comerciais

A alta dos preços de venda e de locação de imóveis comerciais em dezembro não foi suficiente para reverter queda no ano.


Os índices de preços de venda e de locação de imóveis comerciais, registraram alta em dezembro, conforme divulgado ontem pela Fipe em parceria com o site Zap Imóveis. É a primeira ocorrência simultânea do tipo, após longo e contínuo período de declínio nos preços. Os preços de venda avançaram 0,05% em termos nominais ante novembro, enquanto os de locação apresentaram alta de 0,10% na mesma base de comparação. Dentre as quatro capitais pesquisadas, somente São Paulo registrou variação positiva, de 0,17%, nos preços de venda em relação ao mês anterior, enquanto nos valores de locação, São Paulo e Rio de Janeiro tiveram altas de 0,33% e 0,02%, respectivamente. Apesar disso, o preço nominal de venda acumulou retração de 4,11% e o de locação caiu 3,76%, em 2017. A gradual recuperação da atividade econômica deve impactar em alguma recomposição de ambos os preços, ainda que de forma moderada, diante do elevado patamar de estoques.

Leia, aqui, a íntegra da ação na qual Bolsonaro mostra a perversidade do Datafolha

O deputado Jair Bolsonaro protocolou ação própria junto ao TSE, impugnando uma bateria de perguntas que os pesquisadores do Datafolha querem fazer aos eleitores de todo o Brasil, e que segundo ele ajudam Lula e tratam de prejudicar a ele, Bolsonaro.

E é tudo verdade.

Há bastante tempo o Datafolha age de modo perverso.

CLIQUE AQUI para ler a íntegra da ação movida por Bolsonaro e entenda de que modo o Datafolha age de modo perverso.

Conheça a íntegra do protocolo de adesão do governo do RS ao Regime de Recuperação Fiscal dos Estados

Este é o protocolo que o governo do RS assinou em dezembro com o governo da União, ato preparatório à adesão ao Regime de Recuperação Fiscal.

O pedido de adesão ao acordo, mas ainda não aos termos do acordo, depende de autorização da Assembleia, que reúne-se , esta tarde, para votar.

CLIQUE AQUI para resgatar o protocolo assinado em dezembro entre os governos do RS e da União.

Confiança do consumidor iniciou 2018 em alta, mas indicador ainda está abaixo da média histórica

O Índice Nacional de Expectativa do Consumidor (INEC), divulgado ontem pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), avançou 2,4% na passagem de dezembro para janeiro, atingindo 102,9 pontos.

É a primeira alta desde outubro, mas o indicador ainda está 0,9% abaixo do registrado em janeiro de 2016 e permanece inferior à média histórica, de 108,0 pontos. O resultado mensal está associado ao maior otimismo, por parte dos entrevistados, em relação ao desemprego, renda e inflação. Sob essa mesma base de comparação, os componentes de situação financeira e de endividamento também apresentaram melhora, enquanto o de compras de bens de maior valor registrou ligeira piora. De modo geral, essa recuperação da confiança tem se manifestado também em outros setores, mas de forma moderada, o que reforça a percepção de gradualismo do crescimento econômico nos próximos trimestres.

Inflação do aluguel, a do IGP-M, foi de 0,76% em dezembro, diz esta manhã a FGV

O IGP-M, a inflação do aluguel, registrou alta de 0,76% em dezembro, segundo informado há pouco pela FGV. Esse resultado, que representa uma desaceleração em relação à taxa de 0,89% observada em dezembro, surpreendeu para baixo o mercado, que esperava elevação de 0,81%.

Os preços industriais no atacado desaceleraram de 1,37% para 1,15% no mesmo período. Já os preços agropecuários no atacado passaram de 0,83% para 0,17%. O IPC, por sua vez, acelerou, oscilando de 0,30% em dezembro para 0,56% em janeiro. Por fim, o INCC passou de 0,14% para 0,28%.

Prefeitura garante R$115 milhões para a conclusão das 11 obras inacabadas da Copa

A prefeitura de Porto Alegre confirmou ter recebido autorização, nesta segunda-feira, para utilizar R$ 115 milhões que estavam reservados aos BRTs (sistema de transporte rápido) em outras obras viárias prometidas para a Copa de 2014. O aviso  foi dado pelo Ministério das Cidades. Com o recurso, o município garante que conseguirá finalizar 11 empreendimentos na área de mobilidade urbana.

As intervenções nas avenidas Ceará e Cristóvão Colombo e na Rua Anita Garibaldi poderão ser finalizadas em até cinco meses. A verba também será destinada a projetos que sequer foram iniciados, como a construção do viaduto da Avenida Plínio Brasil Milano com a Terceira Perimetral. Ainda estão na lista a duplicação de um trecho da Avenida Voluntários da Pátria e a pavimentação da Avenida Ernesto Neugebauer e da Rua José Pedro Boéssio.

Entre as 11 obras pendentes, a mais demorada será a da Avenida Tronco, que exigiria mais dois anos para conclusão. 

O remanejo dos R$ 115 milhões contou com o aval da Caixa Econômica Federal.

Começará as 14h a nova sessão extraordinária da Assembleia para votar a adesão ao RRF dos Estados

O governo está confiante que em caso das votações das PECs, poderá emplacar os 2/3 dos votos de que precisa (33).

Sairá esta tarde, 14h, a segunda das três sessões da convocação extraordinária da Assembleia do RS, chamada pelo governador Sartori para viabilizar a adesão do governo ao RRF dos Estados.

A sessão durará apenas 4 horas.

Ontem, as bancadas lulopetistas do PT, Psol e PCdoB, além de ocuparem a tribuna para ganhar tempo e impedir as votações, conseguiram êxito num dos seus pedidos de verificação de quorum, o que resultou no encerramento abrupto da sessão. Foi um cochilo da base.

Na sessão de ontem, ficou claro que o governo conta com 100% dos votos de duas grandes bancadas, PMDB e PP, além dos votos de três dos quatro deputados do PSDB (Pedro Pereira, crítico do governo, não compareceu) e um de cada um dos pequenos Partidos, no caso PPS, PSD, PPL, PSB (o PSB só deu um dos seus três votos) e PR. O PTB, que é independente, concedeu três dos seus votos.

Base de Sartori quer garantir 29 deputados na sessão de hoje da Assembleia

A base do governo Sartori, que ontem foi surpreendida com um pedido inesperado de verificação de quorum e não conseguiu apresentar os 28 deputados que precisava, o que resultou no encerramento da primeira das sessões da convocação extraordinária, prometeu estar mais atenta e mais encorpada, hoje à tarde.

Bastava mais um deputado em plenário (o presidente, Edegar Preto, do PT, é obrigado a dar presença), mas o deputado Ibsen Pinheiro tinha se ausentado naquele momento para ir ao banheiro.

Hoje, além de Ibsen, o governo também contgará com o retorno de dois deputados que estavam em viagem – Elton Weber (PSB) e João Reinelli (PV).

Se houver pedido de verificação de quorum por parte do lulopetismo, a base estará presente com 29 deputados, mais a presença do presidente Edgar Preto, PT.

Mais dois cidadãos gaúchos são abatidos a tiros, como gado, no meio da rua, em Porto Alegre

Mais dois cidadãos gaúchos foram abatidos a tiros, como gado, no meio da rua, em Porto Alegre, desta vez na Vila Maria da Conceição, zona Leste. Foi nesta madrugada,  3h30min. 

Os assassinos invadiram uma residência na rua Mário de Aragão e levaram as vítimas para a rua. A BM foi informada dos disparos via 190, mas quando chegou ao local o trio já havia morrido.

Corsan provoca apagão de água em Gravataí e Cachoeirinha

Há apagão de fornecimento de água em Cachoeirinha e Gravataí, Grande Porto Alegre. A Corsan alega que iniciou obras de interconexão de redes em 60 localidades, mas que o serviço será regularizado durante o dia.

Clínicas particulares continuam sem vacina contra a febre amarela

As clínicas particulares de Porto Alegre continuam sem vacina contra a febre amarela.

Sol, céu azul e temperatura amena marcarão o dia no RS

Porto Alegre, 8h30min, 21 graus

O tempo segue firme no Rio Grande do Sul, nesta terça-feira, com sol forte e céu azul, além de temperatura amena para esta época do ano.

 De acordo com a MetSul Meteorologia, o Estado esta terça começa com temperatura amena na maioria dos municípios. Em algumas localidades a sensação será de frio no amanhecer, mas aquece rápido ainda durante a manhã e a tarde será agradável, sem muito calor.


Em Porto Alegre, a terça será de sol acompanhado de nuvens. Na Capital, as marcas devem ficar entre 18°C e 31°C. No Litoral gaúcho, pode ter chance de chuva e a máxima não passa dos 25°C em Torres.

Sérgio Moro ordena leilão do triplex de Lula

O juiz Sérgio Moro ordenou que seja leiloado o triplex do Guarujá, pertencente ao réu condenado Lula da Silva.

Como se sabe, a Justiça Federal do Paraná (Moro, no caso) e o TRF4, consideraram que o apartamento pertence ao líder lulopetista.

O dinheiro arrecadado com a venda, servirá para indenizar a Petrobrás, tudo para devolver parte do dinheiro que a OAS surrupiou da estatal para entregar a Lula na forma de propina.

Juiz de SP ataca Lula: "O Brasil só vai ter paz com você na cadeia, seu filho da puta !"

O PT está irado.

E de novo com um juiz, desta vez um juiz do Trabalho.

O Partido, agora, quer que o CNJ puna o juiz Maurício Marchetti, do TRT de São Paulo.

O PT ficou furioso com o que Marchetti escreveu no seu próprio Facebook, falando sobre Lula:


- Lixo humano!!! O Brasil só vai ter paz com você na cadeia, seu filho da puta.

Sérgio Moro manda leiloar quatro imóveis do milionário líder lulopetista José Dirceu

Estão na lista a sede da JD Assessoria, um apartamento em nome da filha do quadrilheiro, uma chácara em Vinhedo, “em nome da TGS Consultoria, mas de propriedade de fato de José Dirceu”, e uma casa em Passa Quatro, onde vivia a mãe do ex-ministro.

Depois do último recurso judicial, diz o documento reproduzido pelo Estadão, o valor da venda dos imóveis será “revertido para a vítima, no caso os cofres saqueados da Petrobrás”.

Opinião do editor - São malditas as heranças deixadas por Anastasia e Tarso Genro

O governo lulopetista de Minas Gerais, o próximo a aderir ao RRF dos Estados, culpa o governo anterior do PSDB por não pagar os salários em dia e nem conseguir pagar o 13o na data prevista por lei (leia nota a seguir).

"É herança maldita do governo Anastasia, PSDB", brada o governador Fernando Pimentel.

Mais elegante, o governador gaúcho José Ivo Sartori não diz claramente que a culpa do desajuste fiscal que resulta no atraso sistemático dos pagamentos salariais é do ex-governador Tarso Genro.

Mas é.

O governo anterior, Yeda Crusius, PSDB, conseguiu alcançar e manter o déficit zero, mantendo altas somas nos depósitos judiciais e no caixa único, além de margem para o endividamento. Acontece que Tarso Genro, PT, partiu para gastança desenfreada, saqueou os depósitos judiciais e o caixa único, além de deixar Sartori sem qualquer margem para tomar novos empréstimos.

A herança maldita deixada pelo PT engessou o governo atual, que tenta ajustar as contas públicas como pode, embora boicotado pelas bancadas lulopetistas raivosas que sequer admitem que quebraram o Estado.

Governo lulopetista de Minas Gerais paga salários no mês seguinte e começará a pagar 13o a partir deste mês

O editor recebeu informações inconfiáveis sobre a Folha do governo lulopetista de Minas, do governador Fernando Pimentel, um dos investigados na Lava Jato, segundo as quais a secretaria local da Fazenda está pagando em dia os servidores.

O editor foi checar os dados.

É tudo mentira.

No link a seguir, o leitor verificará que o governo lulopetista de Minas não conseguiu pagar em dia o 13o salário, que em princípio foi dividido para pagamento em quatro parcelas: janeiro, fevereiro e março, sempre nos dias 19.

Os salários de cada mês, além disto, estão sendo pagos com atraso, até o último dia do mês seguinte.

CLIQUE AQUI para conferir. A nota é da própria secretaria da Fazenda de Minas.

Litro da gasolina varia entre R$ 4,159 e R$4,599 em Porto Alegre, diz Procon

O Procon Porto Alegre realizou nesta segunda-feira, 29, um novo levantamento dos preços da gasolina comum em 43 postos da Capital. Os valores variam de R$ 4,159 a R$ 4,599.

Publicidade - Aproveite este calor forte de verão e vá esta noite ao Bier Markt, Porto Alegre

Vá conhecer, hoje. 
São mais de cem rótulos de diversos Países. Também petiscos inspirados na gastronomia alemã. Mais de 100 rótulos de várias partes do mundo.

Segurança completa, bom estacionamento de rua, ar condicionado perfeito, também cozinha.

Biermarkt
Rua Castro Alves, 442
Moinhos de Vento, Porto Alegre, RS

Biermarkt Vom Fass
Rua Barão de Santo Ângelo, 497
Moinhos de Vento, Porto Alegre, RS


Localização, dicas, serviços: www.biermarkt.com.br

RS já tem três candidatos a candidatos dos seus Partidos ao Planalto

O RS já tem três gaúchos candidatos a candidatos de seus Partidos ao Planalto: Beto Albuquerque, PSB; Manuela D'Ávila, PCdoB; João Vicente Goulart, PPL.

Catarinense Agemed anuncia novas unidades em Porto Alegre, Santa Maria e Santa Cruz do Sul

A Agemed, empresa catarinense, hoje com filiais em Canoas e Porto Alegre, que chegou ao Estado há quatro anos em parceria com o Hospital Mãe de Deu, vai inaugurar em fevereiro a segunda unidade na capital. Também no primeiro trimestre, expande as atividades com inaugurações em Santa Maria e Santa Cruz do Sul.

O site da revista Amanhã de hoje, informa que especializada em planos corporativos, a Agemed foca no segmento das pequenas e médias empresas, que usam o benefício de saúde como importante ferramenta de retenção de talentos, e teve crescimento de 85% no número de beneficiários no Estado em 2017.

Editorial, Estadão - Poderes usurpadores

A usurpação de competência entre Poderes prejudica a democracia.

A usurpação de competências de um Poder por outro em nada contribui para o amadurecimento institucional do País. Para prejuízo da democracia brasileira, no entanto, a malsinada prática tem ocorrido com frequência muito além do preocupante. A Constituição, à qual todos os cidadãos devem obediência, sobretudo membros do Poder Judiciário e do Ministério Público, tem servido como mero guia de consulta para alguns destes, um texto descartado quando nele não encontram os fundamentos jurídicos que corroboram as suas teses.

Exemplo recente dessa porosidade dos limites entre os Poderes da República é a liminar do juiz Adriano Marcos Laroca, da 12.ª Vara da Fazenda Pública de São Paulo, que havia suspendido o leilão de concessão das Linhas 5 e 17 do metrô. Antes de sua decisão ser cassada, a justificativa do magistrado para acolher o pedido de suspensão, feito pelo PSOL, foi o valor “muito baixo” fixado pelo governo do Estado como lance mínimo.


Extrapolando o seu campo institucional de atuação – não cabe a ele determinar políticas públicas –, o juiz se sentiu confortável para emitir opinião.

CLIQUE AQUI para ler mais.

Na prática, ministros do STF agridem a democracia

O Supremo Tribunal Federal é protagonista de uma democracia em desencanto. Os lances mais sintomáticos da recente degeneração da política brasileira passam por ali. A corte está em dívida com muitas perguntas, novas e velhas, e vale lembrar algumas delas antes que os tribunais voltem do descanso anual nos próximos dias.

Se Delcídio do Amaral (PT-MS), Eduardo Cunha (MDB-RJ), Renan Calheiros (MDB-AL) e Aécio Neves (PSDB-MG) detinham as mesmas prerrogativas parlamentares, por que, diante das evidências de crime, receberam tratamento diverso?


Se houve desvio de finalidade no ato da presidente Dilma Rousseff (PT) em nomear Lula (PT) como ministro, por que não teria havido o mesmo na conversão, pelo presidente Michel Temer (MDB), de Moreira Franco (MDB) em ministro?

CLIQUE AQUI para ler tudo. O artigo é bem extenso.

Lulopetistas conseguem derrubar o quorum e sessão de hoje fracassa na Assembleia do RS

Embora presentes, os deputados do PT, Psol e PCdoB não registraram presença, obstruindo a votação. Os deputados lulopetistas sabem que vão perder e boicotam os trabalhos da Assembleia.

CLIQUE AQUI para saber quem deu e quem retirou o quorum (vale a segunda planilha). Ao lado, a lista. 

Ausências na base - Pelo menos três deputados da base não estavam no plenário na hora de dar presença: Ibsen Pinheiro, PMDB; Pedro Pereira, PSDB; Sérgio Pérez, PRB.
Dois deputados da base estão fora - Os deputados João Reinelli, PV, e Elton Weber, PSB, que seriam votos certos para a base, estão viajando, o que quer dizer que não votaram hoje. O deputado Catarina Paladina, PSB, também voto certo, está em cirurgia.

A a primeira das três sessões da convocação extraordinária da Assembleia do RS acaba de ser derrubada, isto porque em verificação de quorum foram registradas as presenças de apenas 26 deputados, portanto dois a menos dos 51% necessários.

O pedido de verificação de quorum foi feito pela deputada Miriam Marroni, PT, em obstrução à convocação extraordinária.

Nova sessão, só amanhã.

A base do governo precisará estar mais atenta e garantir pelo menos o quorum.No caso de hoje, Ibsen Pinheiro é voto certo com o governo, mas Pedro Pereira e Sérgio Pérez vacilam com frequência, precisando de melhor articulação.

O governo parece, também, estar mais longe dos 31 votos que achava que possuía para vencer o projeto de adesão, que precisa apenas 28 votos, o que significa que ficará quase impossível amealhar os 33 votos (2/3) para a votação das PECs. O fato é que com os três deputados que não deram presença na verificação de quorum e os três que estão fora em virtude de viagem ou doença, o governo teria, de qualquer forma, 32 votos.

Presidente lulopetista da Assembleia ameaça evacuar galerias que vaiam deputado do Psol

Traindo sua histórica tradição de garantir manifestações do público nas galerias, o presidente lulopetista da Assembleia, Edegar Preto, acaba de ameaçar mandar retirar à força os manifestantes que vaiam o deputado psolico Pedro Ruas.

O deputado do Psol, irritado, também ameaça as galerias.

Lula e Dilma se enforcam em leis que criaram

O repórter Edson Sardinha publica, hoje, esta esclarecedora reportagem sobre o papel decisivo que Lula e Dilmaexerceram na promulgação das leis da Ficha Limpa e da Delação Premiada, que agora os enforcam.

Leia tudo? 

A célebre alegoria da criatura que se volta contra o criador está, uma vez mais, em cartaz na política brasileira. Protagonistas dessa trama, os ex-presidentes Lula e Dilma tentam escapar do rigor de leis às quais deram vida na condição de chefes do Executivo. Condenado a mais de 12 anos de prisão pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), Lula está ameaçado de não disputar as eleições deste ano por causa da Lei da Ficha Limpa, sancionada por ele em 2010.

Destituída do poder em um processo de impeachment, Dilma teve sua situação política e criminal agravada pela divulgação de trechos de depoimentos de delações premiadas.

CLIQUE AQUI para mais detalhes.

Portugal extradita investigado da Lava Jato

A Justiça de Portugal ordenou a extradição para o Brasil de Raul Schmidt, acusado de operar o pagamento de propinas a ex-diretores da Petrobras e preso em março de 2016.

Schmidtfoi acusado pela Lava Jato de intermediar US$ 31 milhões em propina.


A AGU havia conseguido em setembro decisão do Supremo Tribunal de Justiça português favorável à extradição. Na época, Schmidt entrou com recurso, agora rejeitado pelo Judiciário luso.

Petrobrás aumenta de novo o preço da gasolina

A Petrobras anunciou um novo reajuste para os combustíveis, com aumento de 0,10% no preço da gasolina nas refinarias e alta de 0,80% no do diesel. Os novos valores valem a partir de terça-feira.

Governo gaúcho quer quebrar o monopólio da Sulgás

O governo gaúcho resolveu abrir uma consulta pública para a confecção de um projeto que tira da Sulgás o monopólio na comercialização de gás natural no Estado. A consulta, aberta em 18 de janeiro e com prazo para contribuições até 2 de fevereiro, pode ser acessada na página principal da Secretaria de Minas e Energia, e gera polêmica no setor. 

O governo sustenta que está estabelecendo um marco legal, de forma a modernizar o mercado.

A Sulgás detém o monopólio do gás canalizado e o contrato de concessão se manterá.  regulando o mercado livre. O contrato de concessão é de 1993. Mas a Lei do Gás, que é de 2009, prevê a figura do comerciante livre.”