Beto Richa lidera com 44% no Paraná, diz Datafolha

Beto Richa, PSDB – 44%
Roberto Requião, PMDB – 28%
Gleisi Hoffmannm, PT – 14%
Ogier Buchi, PRP – 1%
Todos os outros somados – 1%
Brancos e nulos, 5%

Indecisos, 7%.

Artigo, Cristian Klein, jornal Valor - O enigma Marina e o piso de Dilma

CLIQUE AQUI para ler, também,
"É cedo para cantar vitória", de Eliane Cantanhêde.

Jânio, Collor, Fernando Henrique ou Lula de saias? Neca. A luta política já se encarregou de comparar Marina Silva (PSB) a figuras da história recente, mas a ex-senadora se encaixa com dificuldade em qualquer personagem ou contexto anterior. Tanto em relação ao cenário eleitoral quanto ao apoio em eventual governo.

. Pela dinâmica eleitoral, e sem juízo de valores, o desempenho de Marina lembra mais o de um Celso Russomanno (PRB) na disputa à Prefeitura de São Paulo em 2012. É uma terceira via que surge de forma fulminante, abrindo espaço entre os gigantes PT e PSDB. Lula, em 2002, era a segunda via, a oposição tradicional. O fato de o prestígio de Russomanno ter estourado como uma bolha, diante do bombardeio de petistas e tucanos, é suficiente para que os partidários de Marina tenham cautela nestes últimos 30 dias de campanha. A escassez de tempo de propaganda não impediu que Russomanno surfasse no recall de eleições anteriores e na sua exposição como apresentador de TV. Mas o atrapalhou quando precisou se defender dos ataques massivos de PT e PSDB.
  
. Duas diferenças, no entanto, contam a favor da ex-senadora. Primeira: a equipe de Marina tem mais qualidade do que a de Russomanno - o que não quer dizer muita coisa. 

CLIQUE AQUI para ler mais. 

CNI projeta produção negativa da indústria brasileira em 2014

A projeção de queda do PIB do setor aumentou de 0,5% para 1,7%, segundo a Confederação Nacional da Indústria.

. No caso da estimativa do PIB total brasileiro, esta  foi reduzida este ano, de 1% para 0,5%.

Chegou a hora de discutir política e ideologia na atual campanha eleitoral

O candidato Aécio Neves virá nesta sexta-feira ao RS. Ele desembarcará as 10h no Salgado Filho, ali mesmo embarcará com Ana Amélia no helicóptero que os levará a São Leopoldo, cidade onde farão campanha de rua.

. Ao meio dia, Aécio e Ana darão coletiva na Casa da Assembléia, na Expointer, Esteio.

. Em discurso no seu reduto eleitoral, Minas, nesta quinta-feira, o candidato do PSDB à Presidência, Aécio Neves, colocou em prática a nova estratégia da campanha: mostrar as raízes petistas da adversária Marina Silva (PSB). Diante de 420 prefeitos e 220 vices mineiros, o tucano lembrou que Marina – eleita vereadora, senadora e ex-ministra de Lula pelo PT – votou contra a Lei de Responsabilidade Fiscal e o Plano Real. Aécio também lembrou que a candidata do PSB não condenou publicamente o escândalo do mensalão. “As nossas principais adversárias nos brindam com um obsequioso silêncio no momento em que as mais graves denúncias surgiram contra o governo federal”, disse o tucano, em referência ao mensalão. “A coerência talvez seja o mais valioso instrumento para homem e mulher que busca mandato eletivo", disse o candidato do PSDB.

CLIQUE na imagem a seguir para ver e ouvir comentário do editor, intitulado: Chegou a hora de discutir política e ideologia na atual campanha eleitoral.

Saiba como Dilma manejou troca de favores para nomear mulher e irmão de ministro do TCU

O leitor entenderá melhor, depois de analisar esta reportagem, como funcionou a pressão para que o TCU livrasse a cara da presidente da Petrobrás. 

O Tribunal de Contas da União decidiu abrir investigações para apurar a reportagem de Veja desta semana, que promove um flagrante de fisiologismo, no caso como um ministro do TCU se pôs a serviço de Dilma para emplacar a mulher em um cargo. Na reportasgem de Robson bonin e Hugo Marques, fica evidente como mensagens da Casa Civil da Presidência da República revelam como funciona a troca de favores entre autoridades e seus padrinhos políticos. Ministro do TCU conseguiu indicar a esposa para o Superior Tribunal de Justiça e o irmão para o Tribunal Superior do Trabalho com a ajuda de Dilma Rousseff.

Na foto ao lado o ministro Walton Alencar: ele dava atenção especial a processos de interesse do governo em troca da nomeação da mulher para uma vaga no STJ .

. "Eu sei bem a quem devo!", diz o ministro a quem quer ouvir. 

No organograma dos poderes, o Tribunal de Contas da União (TCU) exerce o papel de guardião dos cofres públicos. Do superintendente de uma repartição federal na Amazônia ao presidente da República, ninguém está livre de prestar contas ao órgão. É do TCU a missão de identificar e punir quem rouba e desperdiça dinheiro público, seja um servidor de terceiro escalão, um ministro de Estado ou uma dezena de diretores da Petrobras. Enfrentar interesses poderosos é da natureza do trabalho do tribunal. Por isso, seus ministros gozam de prerrogativas constitucionais, como a vitaliciedade no cargo, destinadas a lhes garantir autonomia no exercício da função. No mundo ideal, o TCU é plenamente independente. Na prática, troca favores com o governo, sujeita-se às ordens do Palácio do Planalto e, assim, contribui para alimentar a roda do fisiologismo, mal que a corte, em teoria, deveria combater. VEJA teve acesso a um conjunto de mensagens que mostram que há ministros dispostos a servir aos poderosos de turno a fim de receber generosas contrapartidas, como a nomeação de parentes para cargos de ponta.

Trocadas durante o segundo mandato do presidente Lula, as mensagens revelam o ministro Walton Alencar, inclusive quando comandava o TCU, no pleno gozo de uma vida dupla. Nos julgamentos em plenário e nas manifestações públicas, Walton era o magistrado discreto, de perfil técnico, que atuava com rigor e independência. Em privado, era o informante, os olhos e os ouvidos no TCU de Dilma Rousseff, à época chefe da Casa Civil, e de Erenice Guerra, então braço-direito da ministra. Walton pôs o cargo e a presidência do tribunal a serviço da dupla. E o fez não por mera simpatia ou simples voluntarismo. Em troca, ele recebeu ajuda para emplacar a própria mulher, Isabel Gallotti, no cargo de ministra do Superior Tribunal de Justiça (STJ). A trama toda ficou registrada em dezenas de mensagens entre Walton e Erenice, apreendidas em uma investigação da Polícia Federal. Com a colaboração das mulheres mais poderosas do Palácio do Planalto no segundo mandato de Lula, Walton conseguiu mobilizar um espantoso generalato de autoridades para defender a indicação da esposa.

Em e-mail enviado em 12 de março de 2008, Erenice relata os movimentos dela e de Dilma em favor de Isabel:

CLIQUE AQUI para saber mais. 

Se sair com seu Fiat Tipo 96 neste final de semana, Dilma poderá ter o carro apreendido

A presidente tem um carrinho Fiat Tipo como este ao lado.

Ainda não se sabe se a presidente Dilma Roussef permanecerá em Porto Alegre, na sua casa, neste final de semana, depois que abrir a Expointer, Esteio. Se ficar, terá que tomar cuidado ao sair para passear com seu Fiat Tipo 1996, porque segundo o editor confirmou  no cadastro do Detran, constam IPVAs não pagos nos anos de 2013 e 2014, uma dívida que soma R$ 681,13 reais.

. Uma verdadeira fortuna, se cotejada com o valor de mercado do automóvel, calculado atualmente em R$ 6 mil.

. E mais ninharia ainda diante da declaração de Dilma à Justiça Federal, segundo a qual seu patrimônio entre imóveis, jóias e carros já soma R$ 1,7 milhão, em valores não atualizados. 

MPE nada diz sobre vendas de convites para campanha de Tarso dentro da PGE

Ao lado, um dos convites vendidos dentro da PGE.

Foi um sucesso o almoço que a campanha do governador Tarso Genro coordenou para esta quinta-feira no Galpão Crioulo, Parque Harmonia, Porto Alegre, reunindo servidores estaduais, com ênfase para o pessoal da Procuradoria Geral do Estado.

. Cada participante pagou R$ 30,00.

. É o preço que a churrascaria costuma cobrar para este tipo de evento.

. Apesar do sucesso, PGE e Tarso não explicaram até o momento as ações desenvolvidas pelo Procurador Geral do Estado e por assessores seus, que não apenas convidaram os servidores, sobretudo Procuradores, como usaram horário e instalações públicas para efetivar o processo de venda, entrega e cobrança dos convites.

. Muitos servidores e procuradores sentiram-se constrangidos diante do assédio.

. Situação semelhante a esta prossegue sob investigação da Polícia Federal, a mando do Ministério Público Eleitoral, mas não se sabe se o MPE fará o mesmo em relação ao governador Tarso Genro.

Opinião, Estadão - O preço do loteamento do Postalis

O Postalis, dos Correios, é o maior fundo de pensão do País em número de participantes. E tudo indica que obterá também a primeira colocação em outro quesito. Entre janeiro de 2013 e junho de 2014, conseguiu gerar um rombo de R$ 2,2 bilhões, quase a metade do seu patrimônio líquido, em torno de R$ 5,4 bilhões. O rombo é resultado de uma gestão política que pouco serviu aos interesses de seus 140 mil participantes, funcionários dos Correios. É o preço caro (e que acaba sendo pago por terceiros) do loteamento de cargos nas estatais e nos fundos de pensão.

Criado em 1981, o Postalis é um fundo de pensão privado, que oferece planos de aposentadoria complementar. Mesmo sendo privada, sua diretoria executiva é indicada pela estatal (Correios), conforme previsto nos seus estatutos. E foi por essa previsão estatutária que o fundo começou a desandar. O loteamento político dos Correios, promovido na última década pelo governo federal, não afetou apenas a administração e os serviços da estatal. Contaminou também o fundo de pensão, cuja diretoria foi loteada entre o PT e o PMDB.

Alguns investimentos do Postalis nos últimos anos mostram não apenas as possíveis causas para o rombo bilionário, mas também sua gestão ideológica.

CLIQUE AQUI para ler tudo.

Banif prepara-se para deixar o Brasil

O Banif vai deixar o Brasil até o fim do ano. Palavra do próprio presidente mundial do grupo, Jorge Tomé, transmitida aos executivos do banco no país. Segundo informação do Relatório Reservado, os portugueses pretendem anunciar a venda, em um só pacote, das operações no Brasil, Malta e Cabo Verde antes da primeira assembleia geral de acionistas de 2015, prevista para meados de janeiro.

. O banco tem agência em Porto Alegre, na rua Mostardeiro.

Simon e Beto Albuquerque fariam parte de um possível ministério Marina Silva

Simon seria ministro de Marina.

Embora Marina Silva nem de longe tenha tocado em qualquer lista de nomes para seu ministério, caso emplaque na presidência, uma relação começa a circular nas redações dos principais jornais.

. Dois gaúchos integrariam o primeiro escalão, no caso Beto Albuquerque, Transportes, e Simon, Relações Exteriores.

. Estes são alguns nomes recolhidos pela colunista Mônica Bérgamo, Folha:

Walter Feldmann, rede, Casa Civil
Beto Albuquerque, PSB, Transportes
Cristóvão Buarque, PDT, Educação
José Serra, PSDB, Saúde
Eduardo Suplicy, PT, Direitos Hyumanos
Sérgio Xavier, PV de Pernambuco, Meio Ambiente
João Paulo Capobianco, Rede, Cidades
Eduardo Gianneti, Fazenda
Miro Teixeira, Pros, Comunicação
Neca Setúbal, Rede, Cultura
Luiza Erundina, PSB, Desenvolvimento Social
Roberto Freire, PPS, Justiça
Pedro Simon, PMDB, Relações Exteriores

. Marina Silva já está no RS. Ao meio dia, ela foi almoçar com Sartori, Simon e outros líderes locais que a apoiam, entre os quais o ex-prefeito José Fogaça, que é candidato a deputado Federal. Estas manhã, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Gilmar Sossella (PDT), acompanhado dos deputados Miki Breier (PSB), Catarina Paladini (PSB), Heitor Schuch (PSB) e Maria Helena Sartori (PMDB), entregou na manhã desta quinta-feira (04) à candidata à Presidência da República, Marina Silva, uma carta de reivindicações.

. Entre as ações, a renegociação da dívida do Rio Grande do sul com a União, que é a maior da federação brasileira, representando 91% da dívida geral do Estado. Ainda a questão da infraestrutura das estradas, com adoção de modais de transporte como hidrovias e ferrovias, a justa distribuição dos royalties do petróleo do Pré-Sal e a necessidade de exploração do carvão mineral como fonte de energia, a exemplo de vários países desenvolvidos. Marina recebeu a carta e disse que irá avaliar os pedidos.

- A candidata do PSB, Marina Silva, decidiu redobrar sua segurança durante as andanças pelo país e pediu proteção especial da Polícia Federal. A escolta apareceu pela primeira vez nesta quinta-feira, em Porto Alegre. Ao chegar à primeira agenda do dia – uma reunião com aliados gaúchos –, Marina e o vice, Beto Albuquerque, foram os últimos a deixar a van, acompanhados de dois agentes da PF O então candidato Eduardo Campos, que não enfrentava grande assédio, havia dispensado a segurança de agentes federais. Ao todo estão 23 agentes disponíveis para acompanhar a campanha de Marina – a ideia inicial é que haja pelo menos uma dupla sempre por perto.

Ibope: maioria dos eleitores é contra casamento gay e legalização da maconha. Osmar Terra fala, aqui, sobre a pesquisa.

Osmar Terra comenta a pesquisa e reafirma combate às drogas.

Os homens são os que mais rejeitam o casamento entre pessoas do mesmo sexo: 58% deles são contra. Entre mulheres, são 49% contra e 44% a favor

Pesquisa Ibope revela que 79% dos eleitores brasileiros são contra a descriminalização da maconha, e apenas 17% a favor.

. Um placar semelhante envolve a questão do aborto: 79% são contrários à legalização e 16%, favoráveis.

. A maioria - ainda que por margem não tão larga - também rejeita o casamento gay: 53% a 40%.

 . O deputado Osmar Terra, autor do projeto de lei – aprovado na Câmara e em análise no Senado – que aumenta a pena para o tráfico de drogas, inclusive maconhas, determina o apoio oficial às comunidades terapêuticas e cria a internação involuntária comenta.

O editor conversou com ele esta manhã:

O que revela a pesquisa do Ibope ?

É a prova que a maioria da população brasileira não admite a liberação de drogas. Vivemos uma epidemia do crack, a maior causa de morte entre jovens de 15 e 25 anos. Mais da metade dos homicídios, no Brasil, têm as drogas como causa. São provocados pelo transtorno mental, descontrole que leva à violência, seja do tráfico, seja dos homicídios em casa, latrocínios, além do aumento da violência doméstica, desencadeada pelas drogas lícitas e ilícitas.

O senhor admite, desde que as pesquisas médicas provem, o uso do canabidiol para tratamento de algumas doenças, a exemplo da morfina, derivada da papoula.

Mas dizer que fumar maconha é remédio, não passa de desculpa para se drogar. Esta pesquisa será determinante para a aprovação do meu projeto de lei no Senado – finaliza o parlamentar.

Números deste ano reistram a mais fraca expansão no movimento dos consumidores no comércio desde 2003

Após ter crescido 3,5% em julho/14, a atividade do comércio recuou em agosto/14. De acordo com o Indicador Serasa Experian de Atividade do Comércio, houve queda de 0,4% no movimento dos consumidores nas lojas de todo o país em agosto/14 (comparativamente a julho/14), já descontados os fatores sazonais. 

. Na comparação com agosto de 2013, a alta foi de 4,2%. 

. Com estes resultados, o movimento dos consumidores no comércio acumulou, no período de janeiro a agosto de 2014, alta de 4,0% em relação ao mesmo período do ano passado. Esta foi a mais fraca expansão registrada pela atividade varejista em onze anos, isto é, desde os 2,1% observados de janeiro a agosto de 2003.

Marina diz em SP que apóia o programa "Mais Médicos"

Ao visitar ontem a tarde a Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP), a candidata do PSB à Presidência, Marina Silva, classificou o Mais Médicos do governo da presidente Dilma Rousseff, candidata à reeleição pelo PT, como um "programa que não deve ser encarado como uma solução definitiva, mas que deve ser apoiado como complemento para suprir o atendimento ineficiente".

. No momento seguinte, questionada obre as pesquisas com células tronco, a candidata afirmou que 'estudos devem ser estimulados', mas se esquivou da questão do aborto, ressaltando que o foco deve ser evitar que "as mulheres tenham essa necessidade".

Marina chega hoje ao RS. Ela, Aécio e Dilma visitarão a Expointer.

Será hoje a visita de Marina Silva à Expointer, onde encontrará um ambiente bem mais favorável à  campanha presidencial que comanda.

. Apesar disto, a socialista verde será convidada a falar mais sobre transgênicos, Código Florestal, índice de produtividade para efeito de reforma agrária, além de ocupação de terras por herdeiros de indígenas e quilombolas.

. Amanhã, irão até a Expointer a presidente Dilma, que fará a inauguração oficial, e o candidato Aécio Neves.

- Marina visitará também Caxias do Sul, enquanto Aécio terá programação igualmente em São Leopoldo. 

Pólo Naval do Guaíba afunda de vez

Depois das dificuldades da Iesa em Charqueadas, outro Pólo Naval criado pelo governo atual do RS está fazendo água. O caso do Pólo Naval do Guaíba foi ao fundo depois que Ecovix-Engevix e Interbrasil desistiram de montar módulos de plataformas de petróleo em Porto Alegre.

. O negócio foi para Rio Grande.

Saiba quanto cada candidato a governador arrecadou até agora. Tarso não abre seus números.

O PT não quis abrir os números do que o candidato Tarso Genro conseguiu arrecadar até agora para sua campanha.

.Na segunda parcial registrada na Justiça Eleitoral, Ana Amélia informou que sua campanha já recebeu R$ 3,6 milhões, enquanto que Sartori e Vieira da Cunha somaram respectivamente R$ 1,3 milhão e R$ 750 mil.

Governo perdulário obriga população a pagar por fora para obter segurança do Estado

O atual governo estadual gaúcho chega ao final sem ter conjugado o verbo economizar, insistindo unicamente na conjugação dos verbos arrecadar e gastar. É o que conduziu as finanças estaduais a buracos inimagináveis, como demonstrou o editor em nota de ontem, ao examinar apenas uma das contas públicas, aquela que diz respeito aos empréstimos, saques do caixa único e precatórios, que já somam inéditos R$ 77 bilhões.

. O tamanho do buraco não é apenas este.

. Ele diz respeito a espetacular déficit público, que é a diferença entre o que o governo arrecada e gasta durante o ano, calculado em R$ 2,5 bilhões para este ano, ao qual devem somar-se déficits sucessivos desde que Tarso Genro assumiu o Piratini.

. Apesar de tudo, o governo insiste em aumentar as despesas, confiando em crescentes empréstimos.

. O resultado é que condições insuportáveis de atendimento público já mobilizam a sociedade gaúcha a suplementar a falência das finanças estaduais para não ficar sem serviços essenciais.

. É o caso da segurança pública.

. Em quase todos os municípios, as lideranças locais buscam encorpar os serviços da Brigada e da Polícia Civil com contribuições financeiras e materiais.

. Gramado, na Serra, é um caso exemplar. Ali, um só movimento, o do Sindicato da Hotelaria, resolveu alcançar R$ 200 mil para pagar os aluguéis dos policiais civis e militares que moram na cidade.

Vendas a prazo do varejo cresceram em agosto, mas no ano continuam em queda forte

As consultas para vendas a prazo, que sinalizam o ritmo de atividade no comércio, voltaram a crescer no mês de agosto, após cinco meses consecutivos de queda. De acordo com o indicador apurado pelo SPC Brasil (Serviço de Proteção ao Crédito) e pela CNDL (Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas), a alta foi de 0,78% na comparação com o mesmo mês de 2013.

. A informação é desta manhã. 

. Na avaliação dos empresários, a melhora no mês se explica em parte pelo fim da Copa do Mundo

. "Apesar da interrupção da trajetória de queda do volume de vendas a prazo, a expansão da atividade varejista no mês de agosto não foi suficiente para reverter a tendência de desaquecimento das vendas no comércio. No acumulado dos oito primeiros meses, frente a igual período de 2013, o indicador soma uma queda de -1,01%", disse o presidente da CNDL, Roque Pellizzaro Junior.

. A economista-chefe do SPC Brasil, Marcela Kawauti, também acrescenta que o resultado é ainda consequência direta da economia em declínio.

Investir com juros básicos de 11%, os mais altos do mundo, seria um salto mortal

Frase de efeito de  Levi Ceregato, presidente nacional da Associação Brasileira da Indústria Gráfica, ao criticar a manutenção de altas taxas de juros em meio as recessão, conforme nota recebida pelo editor:

- Consumo e investimentos em bens de capital não prometem dar um salto... Com uma taxa básica de juros de 11%, o salto seria mortal. 

Ao meio dia, almoço expresso a R$ 27,50.
À la carte no almoço e jantar.
Local inédito em Porto Alegre: antigos túneis da Cervejaria Brahma, shopping Total.
www.famigliafacin.com.br

Fiesp critica governo por juros mais altos do mundo em plena recessão

Em nota que a Fiesp mandou ontem a noite para o editor (a Fiergs não se manifestou até agora), o presidente Benjamin Steinbruch deixou claro que a manutenção da taxa Selic em 11% a.a. coloca em risco a situação financeira de empresas e trabalhadores:

 "A divulgação dos resultados do PIB no segundo trimestre confirmou o que todos já sabiam: a economia brasileira encontra-se em recessão.  O caso da indústria de transformação é ainda pior, pois a queda do segundo trimestre foi a quarta consecutiva. Os investimentos também mostraram a mesma dinâmica. Por causa do cenário desenhado pelos números do PIB, somado à contínua deterioração da confiança das empresas e dos consumidores, esperávamos um corte na taxa básica de juros, que infelizmente não ocorreu, mantendo o Brasil com a taxa mais elevada do mundo. 

. O editor recebeu outras manifestações com fortes críticas à decisão do Copom, entre as quais do Sinditêxtil, Abiplast e Abigraf, todos de São Paulo. 

Menos contratações temporárias neste final de ano no RS

Vilson Noer, presidente da AGV.


Em café da manhã para o qual foi convidado pelo editor, o presidente da Associação Gaúcha do Varejo, AGV, Vilson Noer, depois de fazer uma análise atualizada da conjuntura do varejo neste momento, avisou:

- Este ano as contratações temporárias para o final do ano, andarão com perna de anão.

. Mesmo assim, Vilson Noer aposta em boas vendas no Natal, lembrando uma frase histórica do dono das Lojas Colombo, Adelino Colombo:

- Natal é Natal. 

Ao meio dia, almoço expresso a R$ 27,50.
À la carte no almoço e jantar.
Local inédito em Porto Alegre: antigos túneis da Cervejaria Brahma, shopping Total.
www.famigliafacin.com.br

Refap, Canoas, começou a produzir 10 milhões de litros/dia de diesel S-10 que importava

A Refap, ao lado, foi uma conquista do governador Brizola. 


A Petrobras informou nesta qwuinta-feira ao editor que iniciou nesta quarta-feira a operação da nova unidade de hidrotratamento de diesel (UHDT II) da Refinaria Alberto Pasqualini (Refap), em Canoas, Rio Grande do Sul. A unidade produzirá o diesel S-10, com ultrabaixo teor de enxofre, atendendo ao mercado gaúcho e de influência da Refap. A entrada em operação da nova unidade também permitirá à Refap aumentar o volume de diesel produzido na refinaria em cerca de 12 mil barris por dia. A Refap já possuía uma unidade de hidrotratamento de diesel inaugurada em 2005.

. Atualmente, para suprir a demanda pelo produto, a Petrobras importa diesel S-10 de diferentes países. Com a entrada em operação da nova unidade, que tem capacidade de produção de até 6 milhões de litros/dia, toda a demanda de diesel S-10 da área de influência da Refap será atendida pela refinaria, o que significa uma economia de aproximadamente R$ 16 milhões mensais, graças à redução nos custos de importação e logística.

. Entre as vantagens na utilização do Diesel S-10 destacam-se a melhoria da qualidade do ar, em função da redução de emissão de enxofre e particulados, especialmente nos veículos mais modernos, e a melhoria do rendimento dos motores.


. A construção da UHDT II iniciou em 2011, com o expressivo índice de conteúdo local de 86%. Durante a obra foram gerados mais de 6.000 empregos diretos e indiretos.

Eis os resultados Datafolha em SP, Rio e Minas

A seguir, resultados Datafolha em São Paulo, Rio e Minas, apenas primeiro turno:

São Paulo
Geraldo Alckmin, PSDB – 53%
Paulo Skaf, PMDB – 22%
Alexandre Padilha, PT – 7%
. Alckmin vence no primeiro turno

Rio
Anthony Garotinho, PR – 28%
Pezão, PMDB – 23%
Marcelo Crivella, PRB – 18%
Lindberg Farias, PT – 11%

Minas
Fernando Pimentel, PT – 32%
Pimenta da Veiga, PSDB – 24%
Tarcísio Delgado, PSB – 3%

Artigo, Darcy F.C. dos Santos - Uma renegociação melhor é possível

A charge é de Cícero.


O economista Darcy Francisco Carvalho dos Santos diz no jornal Zero Hora de hoje que é possível uma melhor renegociação da monumental dívida gaúcha com a União (R$ 50 bilhões). Leia tudo:

Segundo o jornalista Ribamar Oliveira, em artigo publicado no jornal Valor Econômico de 28/08 passado, o ministro da Fazenda autorizou o BNDES a renegociar com o Tesouro dívidas no valor de R$ 194 bilhões, em condições muito mais favoráveis que às das dívidas originais.
Foram substituídos os diversos indexadores dos contratos originais (TR, IPCA e dólar), acrescidos de juros, pela TJLP, sem reajustes.
O novo prazo contratual será de 46 anos, sendo 26 anos de carência para pagamento do principal (início 2040) e de seis para os juros. Do sétimo ano ao 21º, será pago somente um terço da variação da TJLP. A partir do 22° ano os juros serão iguais à TJLP, limitada a 6%. Os juros não pagos nos primeiros 21 anos se incorporam ao saldo devedor.
Segundo o autor, isso poderia ser uma maneira de fazer um aporte de recursos ao banco, porque uma forma explícita poderia colocar em risco a nota de crédito do Brasil nas agências internacionais.
Tomo esse caso para comparar com a proposta de renegociação da dívida dos Estados, em que além dos juros de 4% mais IPCA, limitada à Selic, nenhuma outra vantagem foi oferecida. E nem assim está garantida.

Ela é melhor que nada, mas só reduzirá a prestação a partir de 2025.

CLIQUE AQUI para ler mais. 

Maior rejeição por parte dos eleitores é de Tarso Genro

O candidato ao governo estadual que mantém o maior índice de rejeição por parte do eleitor gaúcho é o governador Tarso Genro, PT, com 27%. Sua principal competidora, a senadora Ana Amélia, tem menos do que a metade disto, 13%.

. José Ivo Sartori, PMDB, é o de menor rejeição entre todos os candidatos, inclusive nanicos, com 8%. 

Ana Amélia mantém liderança consistente com 39%

A pesquisa Datafolha para o governo estadual e o Senado, demonstram que a senadora Ana Amélia mantém a liderança de modo consistente, mesmo depois de duas semanas de propaganda eleitoral na TV, portanto depois do período que os marqueteiros e politicólogos consideram necessário para garantir a sedimentação das intenções de votos nos candidatos.

. Ana Amélia está com 39%, mesmo índice que tinha no dia 14.

. Tarso Genro também permanece na faixa dos 30%. Datafolha encontrou 31% desta vez, número que significa avanço desprezível, dentro da margem de erro.

. Quenm mais avançou foi José Sartori, PMDB, que foi de 7% para 10%, alcançando dois dígitos.

. Para o Senado, Lasier Maertins, PDT, e Olívio Dutra, continuam empatados em 29% cada um.

. A novidade é Pedro Simon, que larga com 15%, número pouco inferior ao que tinha Beto Albuquerque na 
última pesquisa.

. Acompanhe

Governo estadual 
Ana Amélia, PP – 39%
Tarso Genro, PT -0 31%
José sartori, PMDB – 10%
Vieira da Cunha, PDT – 3%

Senado
Lasier e Olívio, 29% cada um
Pedro Simon, 15%
Simone Leite, PP – 4%