Indignado, o locutor da Atântida FM pergunta aos ouvintes: "Ninguém vai cuspir na cara do Lula ?"

O locutor do "Pretinho Básico", programa da Rádio Atlântida FM, indignado com o inteiro teor das acusações divulgadas diariamente contra o ex-presidente Lula, resolveu cobrar explicações dos ouvintes que não reagem ao que acontece:

- Vocês ainda não cuspiram na cara do ex-presidente Lula. Pior de tudo é que o povo ainda votará novamente no PT. 

E insistiu:

- Ninguém cospe no Lula, velho ? Que troço desesperador, isso é desesperador. Ninguém dá uma cuspida no Lula, um sujeito desses é digno de uma cusparada".

O deputado gaúcho Paulo Pimenta não gostou e resolveu replicar Torquemada, exigindo que o locutor e a RBS sejam queimados vivos.

Em carta aberta, ele denunciou  "a incitação ao crime, cometido pelo locutor, o que está prevista no Código Penal".

CLIQUE AQUI para ler a carta aberta de Pimenta. 

Petrobras reduz verba publicitária para 2016

A situação financeira da Petrobras é mesmo delicada. Nesta quinta-feira, o presidente da estatal, Aldemir Bendine, determinou um corte de 30% nos gastos anuais com propaganda.

Em 2015, a Petrobras, investiu R$ 240 milhões em anúncios institucionais. O corte, portanto, será de R$ 72 milhões.

Bendine decidiu também cortar uma das três agências que ganharam a licitação feita no final de 2013, a FCB, citada na Operação Lava Jato.

Paraná Pesquisas diz que 82% da população não confiam no taco econômico de Dilma

Se a presidente Dilma Roussef já tinha que amargar alto grau de rejeição popular, com índices de desaprovação beirando os 90%, agora ela terá mais razão ainda para ficar contrariada, porque 82% da população brasileira simplesmente não  confiam na sua capacidade de tirar a economia do buraco.

Os dados foram entregues esta noite ao editor pelo Instituto Paraná Pesquisas.

A pergunta feita aos brasileiros pesquisados foi a seguinte:

Você confia na capacidade de Dilma para melhorar a situação econômica ?

Eis os resultados:

Não confia, 82%
Confia, 15,5%
Não sabe, 2,6%

Termelétrica de Charqueadas deve ser mantida, diz Aneel

O diretor-geral da Aneel, Romeu Rufino, disse esta tarde que a Usina Termelétrica de Charqueadas não será fechada, mas poderá ter sua potência reduzida para 36 mil KW. Esta alternativa foi oferecida a lideranças políticas da região carbonífera que foram a Brasília, nesta quinta-feira, preocupadas com a possibilidade de extinção dos mais de dois mil empregos gerados pelo empreendimento. A definição sobre a termelétrica deve acontecer na próxima semana.

58,8% do povo brasileiro acham que piorou ou piorou muito sua situação econômica

O editor recebeu há pouco os resultados da última pesquisa de opinião pública realizada nacionalmente pelo Instituto Paraná Pesquisa, cujo objetivo foi mensurar o estado de ânimo dos brasileiros sobre sua situação econômica.

58,8% dos brasileiros acham que sua situação econômica piorou ou piorou muito.

É um número assutador.

Examine os resultados:

Melhorou muito, 0,4%
Melhorou, 6,4%

Piorou, 42,8%
Piorou muito, 16,1%

N ão soube responder, 1,5%.

BTG promove enxugamento do quadro de pessoal

Cerca de 300 funcionários estão sendo demitidos a partir desta quinta-feira pelo banco BTG Pactual, que emprega 1,6 mil pessoas.

Todos os demitidos davam expediente na operação Brasil do BTG. Os funcionários que trabalham no exterior serão preservados.

As demissões são, seguramente, consequência da prisão do agora ex-presidente do banco, André Esteves, pela Operação Lava-Jato, em 25 de novembro.

Procura por GNV no RS aumentou mais de 6% em dezembro

Quase a metade das conversões de carros para o uso de gás natural veicular realizadas no ano passado se concentrou no último trimestre. Em todo o ano, foram 716 automóveis convertidos para uso de GNV.

No Rio Grande do Sul existem 61,4 veículos rodando com gás, abastecidos em 80 postos de 28 cidades.

No último mês de 2015, a Sulgás comercializou 6,61% de GNV a mais que a média do ano. A explicação seguramente passa pelo valor dos demais combustíveis. A gasolina é 82,5% mais cara que o gás, e o álcool, 69%.

Blitz gigante da Brigada está nas ruas da região metropolitana desde as 19h

Desde as 19h, homens de três comandos de policiamento militar, inclusive do Comando de Policiamento da Capital, estão nas ruas de 17 cidades da região metropolitana, tudo com o objetivo de conter roubos e furtos de veículos, com ênfase para automóveis e ônibus.

A blitz conta com o apoio de três helicópteros, um dos quais é o Koala, que detém alta tecnologia e pode "enxergar" no escuro, identificando pessoas até mesmo pelo calor do corpo.

O governo quer mostrar que a polícia está nas ruas.

É o que quer a população.

Polícia Federal descobre documentos que detalham esquema de evasão de dinheiro desviado da Petrobras

A fase Triplo X da Operação Lava Jato, deflagrada ontem, apreendeu uma lista com os nomes de centenas de empresas abertas em paraísos fiscais. As planilhas são consideradas pelos investigadores como uma rica fonte de informações a respeito de brasileiros que remeteram recursos para o exterior de formam ilegal, nos últimos anos. As informações são da Folha de São Paulo.

A Polícia Federal ainda não divulgou o número exato de empresas. A lista estava armazenada em computadores da filial brasileira da panamenha Mossack Fonseca. O número exato de empresas offshore ainda não foi determinado pela PF. Os investigadores esperam que as planilhas da Mossack possam detalhar um esquema de evasão de recursos e lavagem de dinheiro de suspeitos de corrupção na Lava Jato, mas também em outras áreas.

“A Mossack é bem mais ampla que o caso Lava Jato. A empresa não só apresentou indícios de aparecer em outras investigações já deflagradas como provavelmente vai se descobrir muita coisa. Não podemos descartar que surjam provas para outras investigações”, afirmou o delegado Igor Romário de Paula.

A Mossack Fonseca, empresa fundada no Panamá, em 1977, tem filiais em 40 países e é especialista na abertura de offshores. O resultado das interceptações telefônicas da Lava Jato indica que a empresa oferece serviços ilícitos como a venda de “laranjas” e de empresas offshore para ocultar a titularidade dos proprietários brasileiros. Há também indícios de que ela facilitaria a abertura de contas bancárias no exterior.

O juiz Sérgio Moura alega, em decisão proferida sobre a 22ª fase da Lava Jato, que existem provas “de que a Mossack Fonseca providenciou os serviços necessários para a abertura de offshores para pelo menos quatro agentes envolvidos no esquema criminoso da Petrobras e que as utilizaram para lavagem de dinheiro”.

O coordenador da força-tarefa do Ministério Público Federal em Curitiba, Deltan Dallagnol, evitou comentar as apreensões na Mossack, porque a Procuradoria ainda não havia tido acesso ao material, mas alertou: “Aconselharia os donos dessas offshore a procurar espontaneamente o Ministério Público, tendo em mente o que aconteceu na Lava Jato. Quem procurou primeiro obteve acordos melhores”.

Não é crime manter valores no exterior, mas quem tem recursos acima de US$ 100 mil é obrigado a informar à Receita Federal e o Banco Central.

Empresas offshore são abertas para ocultar dinheiro sem procedência, preservando a identidade de seus donos. Isso é possível porque as offshore geralmente são estruturas jurídicas de cotas ao portador. Em seguida, é aberta uma conta em outro país, em nome da offshore. O verdadeiro dono do dinheiro costuma aparecer apenas como procurador de uma conta bancária.

Salários até R$ 4.950,00 serão pagos nesta sexta pelo governo do Estado

A Secretaria da Fazenda informou agora há pouco que o Estado dará início ao pagamento da folha dos servidores nesta sexta-feira, no limite de R$ 4.950,00, o que representa que 86,9% dos vínculos receberão integralmente seus salários.

No fim do dia, será feita uma nova avaliação dos recursos disponíveis para ver se será possível complementar o pagamento ainda amanhã às demais faixas.

Imposto sobre pequenas remessas ao exterior já está valendo e pode chegar a 33%

O governo promulgou hoje em definitivo o imposto de renda que incidirá sobre passagens aéreas, hotéis, ingressos e aluguel de carro nas viagens ao exterior. O imposto é irreal, de 25% para terrestre e 15% para aéreo. Este imposto em cascata pode chegar em até 33%.

Associações de agências de turismo esperam a eliminação de 185 mil vagas, diretas, e 430 mil, indiretas, no mercado de trabalho até o final do ano devido a este imposto.

Leia a integra extraída do Diário Oficial da União:

Art. 1o Esta Instrução Normativa dispõe sobre a incidência do Imposto sobre a Renda Retido na Fonte (IRRF) sobre rendimentos pagos, creditados, empregados, entregues ou remetidos para o exterior.

Art. 2o A partir de 1o de janeiro de 2016, os valores pagos, creditados, entregues, empregados ou remetidos para o exterior, destinados ao pagamento de prestação de serviços decorrentes de viagens de turismo, negócios, serviço, treinamento ou missões oficiais sujeitam-se à incidência do IRRF à alíquota de 25% (vinte e cinco por cento).

§ 1o O disposto no caput aplica-se às despesas com serviços turísticos, tais como despesas com hotéis, transporte, hospedagem, cruzeiros marítimos e pacotes de viagens.

§ 2o Estão sujeitos ao IRRF, à alíquota de 15% (quinze por cento), os rendimentos recebidos por companhias de navegação aérea e marítima, domiciliadas no exterior, de pessoas físicas ou jurídicas, residentes ou domiciliadas no Brasil.

Artigo, Enio Meneghetti - Ele vai ter que processar muita gente

A frase, forte: “Duvido que neste país tenha um promotor, um delegado […] que tenha coragem de afirmar que eu tenha me envolvido em qualquer coisa ilícita neste país” – desafiou Lula.

Pois não decorreu nem uma semana da afirmação e o promotor Cássio Conserino, de São Paulo, declarou que pretende denunciar Lula e Dona Mariza por ocultar a posse de um apartamento triplex no Guarujá. O imóvel foi objeto de ampla reforma, a um custo estimado em R$ 800 mil. Executada pela OAS, uma das empreiteiras enroladas na Lava Jato.

O promotor não usou meias palavras: “Lula e dona Marisa serão denunciados”, disse à revista Veja. “Brevemente, eles serão chamados a depor.”

O Instituto Lula informou que “os advogados do ex-presidente examinam as medidas que serão tomadas diante da conduta irregular e arbitrária do promotor”. Sua a assessoria diz que “não há crime de ocultação de patrimônio, muito menos de lavagem de dinheiro. Há apenas mais uma acusação leviana contra Lula e sua família”.

Além do caso da reforma do triplex, a Polícia Federal apura a suspeita de envolvimento de Lula no loteamento político que arrasou com a Petrobras.

A PF também investiga o possível envolvimento na venda de medidas provisórias durante sua gestão. Mais uma possível acusação de tráfico de influência de Lula em favor de empreiteiras brasileiras no exterior.

Embora costume ser apontado como “testemunha”, o tratamento que lhe tem lhe sido dado é duro. O delegado federal Josélio Azevedo de Sousa escreveu, no pedido de autorização ao STF para ouví-lo:

“Na condição de mandatário máximo do país pode ter sido beneficiado pelo esquema, obtendo vantagens para si, para seu partido, o PT, ou mesmo para seu governo, com a manutenção de uma base de apoio partidário sustentada à custa de negócios ilícitos na referida estatal.”

Segundo o blog de Josias de Souza, Lula entrou em contradição nos depoimentos prestados. O delegado Josélio perguntou-lhe sobre Renato Duque. Lula disse não ter nada a ver com isso. “Cabia à Casa Civil receber as indicações partidárias e escolher a pessoa que seria nomeada”, disse. “Não sabia” se foi o PT ou outro partido que o indicou. Repetiu que não participou do processo de escolha de outros diretores da Petrobras. Seriam acordos “feitos pelo ministro da área, pelo coordenador político do governo e pelo partido interessado na nomeação.”

A Petrobras é subordinada ao Ministério de Minas e Energia. Como sempre faz, ele jogou a bomba no colo de outros(as). Na época da nomeação dos diretores corruptos, a ministra “da área” era… Dilma!

Mas caiu em contradição ao reconhecer que a palavra final sobre as nomeações era mesmo dele. E quem teria alguma dúvida acerca disso? Mas ele disse que os partidos negociavam suas nomeações com ministros da área, com o coordenador político. E teve de admitir que  ao final do processo, tudo ia parar no gabinete presidencial mesmo. Ele é quem dava a palavra final, concordando ou não com o nome apresentado. Alegou que baseava suas escolhas em “critérios técnicos que credenciavam o indicado”. Mais claro do que isso, impossível. Não sabia de nada?

O Procurador geral da República, Rodrigo Janot escreveu em petição ao STF, que Lula concedeu a Fernando Collor “ascendência” sobre a BR Distribuidora, subsidiária da Petrobras “em troca de apoio político à base governista no Congresso Nacional”. Que no governo Lula formou-se na BR Distribuidora “uma organização criminosa preordenada principalmente ao desvio de recursos públicos em proveito particular, à corrupção de agentes públicos e à lavagem de dinheiro”. Janot informou nesta petição que as diretorias “serviram de base para o pagamento de propina ao parlamentar.” Lula acomodou na BR Distribuidora pessoas para coletar “valores ilícitos”.

Lula vai processá-lo também?

Em outro depoimento, sobre a suspeita de compra de medidas provisórias por lobistas a serviço de empresas de automóveis, Lula foi indagado sobre os R$ 2,5 milhões que seu filho, Luís Claudio Lula da Silva, recebeu do lobista preso Mauro Marcondes, um dos suspeitos de intermediar a compra de MPs. Confrontando com um documento apreendido no escritório de Mauro Marcondes onde estava escrito que a MP foi combinada entre o pessoal da Fiat, o presidente Lula e o então governador de Pernambuco Eduardo Campos, Lula limitou-se a dizer que “Combinação nesse sentido pejorativo é coisa de bandido. Não ocorreu”. Mas admitiu ter se reunido “algumas vezes” com Eduardo Campos e o representante da Fiat. Mas a conversa foi sobre a instalação de fábrica da Fiat em Pernambuco. Ah, bom!

Sobre a minuta de uma carta destinada a ele, em agosto de 2012, já no governo Dilma, onde o mesmo lobista pede seu apoio para convencer Dilma a comprar os aviões caça da sueca Saab, Lula disse não a ter recebido. Posteriormente, a empresa sueca acabou sendo contemplada com a aquisição de seus caças.

Lula também foi interrogado como suspeito no processo sobre a apuração de tráfico de influência em favor das empreiteiras clientes de suas palestras. Todas elas partícipes destacadas nos processos da Lava Jato.

Lula anda muito azarado. A maioria de seus interlocutores ou amigos estão todos enrascados. Há gente presa, empresas quase falidas, arresto de bens e por aí vai.

Coitado! Pelo andar da carruagem, vai ter que processar muita gente.

Ministra Katia Abreu se retira de reunião do Conselhão, alegando problemas de saúde

Por conta de uma alegada forte dor no nervo ciático, a ministra da Agricultura Kátia Abreu se retirou da reunião do Conselhão, que acontece neste momento, em Brasília. Saiu a tempo de evitar eventuais perguntas inconvenientes de jornalistas na entrevista coletiva dos ministros que virá a seguir.

Presídio Central volta a chamar a atenção da imprensa internacional

O agravamento da sensação de insegurança no Rio Grande do Sul, o déficit no efetivo de policiais no Estado e o aumento das estatísticas de criminalidade trouxeram ao debate da opinião pública um dos elementos fundamentais para o caos da segurança pública, já apontado pela Ajuris e pelo Fórum da Questão Penitenciária: a falência do sistema prisional.

Reportagem especial publicada na revista Contributoria, que pertence ao jornal inglês The Guardian, aborda as condições caóticas do Presídio Central de Porto Alegre. Não é a primeira vez que o tema chama atenção de veículos internacionais. Em janeiro de 2014, a emissora Al Jazeera inglesa e a franco-alemã Arte-TV realizaram reportagens no complexo.

O texto da Contributoria aponta as condições degradantes de higiene e conservação do local, reconhecido pelas rachaduras, infiltrações e infestação de ratos e baratas. Situações como estas, que afrontam o princípio da dignidade humana, são destacadas como importantes para a compreensão sobre as razões que transformaram o Central em fonte de criminalidade.

Conselheiros do TCE, que já ganham R$ 38 mil mensais, também vão receber vale-alimentação

Enquanto o governador José Ivo Sartori aperta, há um ano, todos os cintos possíveis, inclusive dos gaúchos, para manter, sem muito êxito, as contas em dia, os conselheiros do Tribunal de Contas do Estado imaginam viver na Ilha da Fantasia.

A partir deste mês, 16 dos 18 conselheiros passarão a ter direito a um vale-alimentação de R$ 799,00, que será pago retroativo a cinco anos, fazendo jus, cada um, a R$ 47,9 mil. Eles já recebem R$ 33,7 mil de salário e R$ 4,3 mil de auxílio-moradia.

Conscientes de que a situação financeira do RS não comporta um gasto dessa ordem, os conselheiros Cezar Miola e Estilac Xavier abriram mão do novo penduricalho, repetindo o que já haviam feito quanto ao auxílio-moradia.

O presidente do TCE, Marco Peixoto (foto), que é réu em processo por estelionato no STJ, garante que o pagamento tem respaldo legal, já que foi estabelecido em uma resolução do Conselho Nacional de Justiça datada de junho de 2011.

Ex-secretário de Comunicação do PT do Paraná é preso por assalto na Argentina

O ex-secretário de Comunicação do PT paranaense, André Roberto Alliana, foi preso na  Argentina acusado de roubar duas mulheres. Ele usava uma arma falsa para cometer os crimes e foi reconhecido por uma das vítimas.

Alliana também foi assessor do ex-deputado André Vargas (ex-PT), condenado a 14 anos de prisão pelo juiz Sérgio Moro, na Operação Lava Jato, e coordenou todas as campanhas do ex-deputado. Em 2014, como Vargas não disputou o pleito, Alliana coordenou a campanha de outro petista paranaense: o deputado Zeca Dirceu, filho de José Dirceu.

Ele está preso na cidade de Puerto Iguazu e pode ser o autor de outros 10 crimes.

Funcionalismo estadual aguarda apreensivo por anúncio sobre o pagamento dos salários

O secretário da Fazenda Giovani Feltes deve anunciar no final da tarde desta quinta-feira como será feito o pagamento dos servidores públicos referente ao mês de janeiro. A definição ainda depende da confirmação de repasses da União e da entrada de mais recursos em caixa. A intenção é pagar os salários integralmente, amanhã.

Lula nem foi acusado de crime algum, mas petistas já garantem que não é culpa dele

A Operação Triplo X da Polícia Federal foi deflagrada apenas ontem, mas os petistas de primeira linha, sentindo a corda apertar no pescoço do ex-presidente Lula, já trataram de inocentá-los de coisas que sequer foi acusado. Ainda.

A presidente Dilma criticou as "insinuações" contidas nos vazamentos da investigação e ficou irritada quando foi questionada por um jornalista se a Lava Jato estava se aproximando de Lula e disse que, "ao contrário do mundo medieval", o ônus da prova cabe a quem acusa.

O ministro da Casa Civil, Jaques Wagner, também comentou o assunto, afirmando que há uma “obsessão” em criminalizar Lula. Wagner disse que é preciso esperar o fim das investigações “antes de colocar carimbos” em quem quer que seja.

Putin chama zika vírus de “porcaria da América Latina” e põe autoridades em alerta

O presidente russo Vladimir Putin disse hoje que está muito preocupado com a propagação do zika vírus. Nitidamente indignado, ele exclamou: "E agora nos vem uma porcaria da América Latina. Uma classe de vírus que afeta as mulheres grávidas, que podem tem consequências graves aos filhos. Certamente, os mosquitos não voam através do oceano, mas pessoas infectadas podem voltar de lá e trazê-lo. O vírus já apareceu na Europa", disse Putin à imprensa local.

Ele convocou a ministra da Saúde, Veronika Skwortsova, para que fique atenta ao que chamou de epidemia e a encarregou de prontificar à população os medicamentos necessários, se surgirem casos de contaminação no país. O presidente falou também que irá deixar as autoridades dos aeroportos em alerta, assim como recomendar que as empresas aéreas que operam na Rússia informem aos passageiros sobre os riscos de viajaram para esta parte do mundo.

O caso europeu a que ele se referiu foi confirmado na Dinamarca. Um homem contraiu a doença após viajar à América do Sul.

Bens duráveis foi o segmento que apresentou mais queda no varejo: 9,8%

O Instituto para Desenvolvimento do Varejo apresentou retração de 3,9% nas vendas reais do comércio varejista. O índice é o reverso d o que aconteceu ano passado, quando as vendas cresceram 3,3% e de 2013, quando o crescimento foi de 4%. Para o IDV, o prior mês foi dezembro. Só não perdeu para novembro de 2014, quando a queda foi de 8,8%. Dezembro teve recuo de 8,3% na comparação anual.

O segmento cujas vendas mais sofreram em dezembro foi o de bens duráveis. Houve queda real de 9,8% em relação ao mesmo mês do ano anterior. A projeção dos associados do IDV desse segmento para os próximos meses é de um decréscimo de 7,2% em janeiro de 2016. A expectativa é ainda de recuo de 2,3% em fevereiro e de 3,5% em março de 2016.

A expectativa da entidade é de continuidade das perdas em 2016. O Índice Antecedente de Vendas (IAV), que captura as expectativas dos varejistas, projeta uma queda real de 6,6% no resultado de janeiro ante o mesmo mês do ano passado. Para fevereiro e março também há projeção de queda, de 3,4% e 2,9% respectivamente.

Governo Central tem resultado primário deficitário em 1,94% do PIB

As contas da União estão negativas em R$ 60,727 bilhões. Só em dezembro, o Tesouro Nacional registrou resultado negativo de R$ 64,49 bilhões. Previdência Social chegou a déficit de R$ 3,04 bilhões e o Banco Central R$ 129,05 milhões. Com isso o Governo Central que reúne a Previdência, o Tesouro e o BC) apresentam resultado primário deficitário em R$ 114,9 bilhões, ou 1,94% do Produto Interno Bruto (PIB), que é a soma de todas as riquezas do país. Trata-se do pior resultado anual, desde o início da série histórica, em 1997. Em 2014, o déficit registrado ficou em R$ 17,2 bilhões ou 0,3% do PIB. A diferença entre 2014 e 2015 supera R$ 97 bilhões.

Sindicato aguarda investimentos para recuperar empregos perdidos em Canoas

O fim da Navistar, que fabricava motores da marca MWM e caminhões International, com encerramento total em 19 de fevereiro, causou o principal impacto em Canoas, em termos de fechamento de vagas de emprego. Dos 600 funcionários, restam 200. O Quarto polo metalmecânico do Estado encerrou 2015 com 2,3 mil demissões.

Presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Canoas, Paulo Chitolina conta que várias empresas estão aguardando o que vai ocorrer depois do Carnaval. Há expectativa de alguma retomada dos negócios. Segundo ele, há uma torcida para que a AGCO confirme investimento na fábrica de máquinas agrícolas. Há esperança também para a operação de energia da Alstom, que foi comprada pela General Eletric.

Copom já admite abrir mão da meta da inflação deste ano

A última ata da reunião do Copom, divulgada hoje, mostra que o Banco Central não tem mais o objetivo de levar a inflação o mais próximo do centro da meta (4,5%) este ano. O comitê diz adotará as medidas necessárias de forma a assegurar o cumprimento dos objetivos do regime de metas do Conselho Monetário Nacional e convergir a inflação para a meta de 4,5%, ano que vem.

Em novembro, o Copom afirmava que tinha por objetivo trazer inflação o mais próximo possível de 4,5% ainda em 2016. A meta de inflação tem como centro 4,5% e limite superior 6,5%, este ano e 6%, em 2017. Com isso, o BC espera para este ano que a inflação fique dentro do limite superior e não mais que fique o mais próximo possível do centro da meta.

Passaportes chipados

Eles começaram com os cuidados para com os pets, nossos animais de estimação. Criaram chips para serem implantados nos peludos e assim, se fugissem, poderiam ser identificados com facilidade, passando um scanner sobre a pele. Há criadores que só comercializam seus filhotes com o chip ou exigem que os tutores os instalem em determinado prazo.  Agora, a porto-alegrense Ceitec quer chipar seres humanos. Não! Não vão implantar o equipamento sob nossa pele. Serão usados para dar mais garantia aos nossos documentos, no caso, os passaportes.

A Ceitec é uma empresa pública.  E além dos chips para os pets, produz para área de logística e varejo e também para rastreamento veicular. Os que serão usados nos passaportes estão em fase de certificação.

O presidente da Ceitec, Marcelo Lubaszewski afirma que, apesar da empresa ser pública, não está descartado o ingresso da iniciativa privada. A meta, segundo ele, é atingir a sustentabilidade financeira em 2019. A empresa ainda não consegue equilibrar as receitas com as despesas.

O que José Dirceu pode falar, o PT não quer ouvir

No popular, o certo seria dizer “quem tem rabo que se cuide”. Afinal, José Dirceu vai depor no âmbito da Operação Lava Jato, amanhã.  O temor, para a cúpula petista é de que, para se defender das acusações de corrupção, lavagem de dinheiro e organização criminosa, Dirceu aponte o partido como responsável por indicações na Petrobras, o que abriria um novo flanco de investigação contra dirigentes e ex-dirigentes petistas.

O consenso no PT era  de que Dirceu não incriminaria diretamente outros nomes. Ao apontar o partido como responsável pelas indicações, ele apenas colocaria em prática uma nova estratégia de defesa, avaliavam os petistas. No entanto, o depoimento do ex-ministro poderá, nesse caso, abrir um novo caminho para a investigação relativa ao partido.

Ministro japonês renuncia ante escândalo de corrupção

No Japão, os ministros renunciam frente às denúncias de corrupção. Foi o que fez  o da Economia, Akira Amari, aliado próximo do primeiro –ministro Shinzo Abe. Ele anunciou hoje sua renúncia para assumir a responsabilidade por um escândalo envolvendo fundos políticos.

O principal negociador do Japão na Parceria Trans-Pacífico, Amari admitiu que recebeu pessoalmente um total de 1 milhão de ienes (US$ 8.400) em duas ocasiões de uma pessoa da companhia. Segundo o agora ex-ministro, porém, o dinheiro foi contabilizado de maneira apropriada. Amari disse que renunciava para evitar prejudicar os planos de revitalização econômica de Abe e a fim de garantir que o orçamento para o ano fiscal que começa em 1º de abril seja aprovado sem demora no Parlamento. Ele pediu desculpas pela supervisão inadequada sobre seus assessores e disse que assumia a responsabilidade por gerar problemas para o premiê e seu governo.

Lula comprou apartamento no edifício Solaris a prestação, diz nota

Lula, que nada sabe e por muito tempo tentou  vender a imagem de “Lulinha Paz e Amor”, afirmou por meio de nota de seu instituto, que repudia qualquer tentativa de envolver seu nome em atos ilícitos da Operação Lava Jato. Lula nunca escondeu que sua família comprou, a prestações, uma cota da Bancoop , Cooperativa Habitacional dos Bancários de São Paulo, para ter um apartamento onde hoje é o edifício Solaris. Isso foi declarado ao Fisco e é público desde 2006. Ou seja: pagou dinheiro, não recebeu dinheiro pelo imóvel, afirma a nota divulgada na noite desta quarta.

Segundo o Instituto Lula, para ter o apartamento de fato, seria necessário pagar a diferença entre o valor da cota e o valor do imóvel, com as modificações e acréscimos ao projeto original. A nota diz ainda que a família do ex-presidente não exerceu esse direito. Portanto, Lula não ocultou patrimônio, não recebeu favores, não fez nada ilegal. A nota segue ainda colocando que nenhum líder brasileiro teve a vida particular e partidária tão vasculhada quanto Lula, e que não será investigando um apartamento  que vão encontrar uma nódoa em sua vida.

Nesta quarta, foi deflagrada nova fase da operação para investigar se a empreiteira OAS lavou dinheiro por meio de negócios imobiliários para favorecer o ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto. Entre os imóveis investigados, está um tríplex no Guarujá que foi reservado a Lula.

Petrobrás se recupera e é destaque em vendas na bolsa

As ações da Petrobrás foram o destaque do dia por serem as mais negociadas na bolsa nesta quarta-feira. Sofreram um tombo na terça, chegando ao valor mais baixo desde 2003, mas dispararam hoje. Os papéis da pretrolífera foram vendidos a R$ 6,54 e os preferenciais, que dão prioridade na distribuição de dividendos chegaram a R$ 4,57.

A quarta-feira foi um dia de recuperação das bolsas que fecharam com a maior alta em mais de um mês. O Ibovespa encerrou em 38.376 pontos.

Previsão do Tempo: temperatura segue amena no Estado

A quinta-feira vai ter períodos de maior nebulosidade e chance de chuva isolada e passageira em vários pontos do Estado. Mesmo assim o sol aparece em várias regiões. A temperatura segue agradável e Porto Alegre tem dia de sol e nuvens com período de nublado. Não é descartada possibilidade de chuva isolada e breve. Temperatura máxima fica em 36°C.