Ministro da copa de Dilma é flagrado açulando protestos contra o governador Sérgio Cabral. PMDB quer guilhotiná-lo de imediato.

- O PMDB, que já não andava muito unido na defesa do governo Dilma Roussef, promete vingança e jura que o ministro Gilberto Carvalho pagará caro por insuflar manifestantes contra o governador Sérgio Cabral, conforme video que a mídia começou a divulgar neste sábado. CLIQUE AQUI para examinar protesto dos dias da Jornada Mundial de Juventude. As sucessão de cenas mostra o ministro em vários instantâneos, sempre acompanhando de perto os ativistas. Sua presença, expressão e sorriso é de franca aprovação - e estímulo. Carvalho também patrocinou 5 funcionários do próprio Palácio nos primeiros incidentes ocorridos em Brasília, conforme noticiado pela mídia. Os rapazes e moças de Gilberto Carvalho foram todos identificados e fotografados pelo governo estadual, mas em seguida o Planalto deu um jeito de amorcegar o caso com o governador Agnello Queiroz. Leia a história sobre o video:

Um vídeo que o flagra na manifestação contra o governador do Rio de Janeiro, Sergio Cabral, em São Paulo, pode ser a gota d'água – e até mesmo uma peça para negociação. Como se poderia prever, o flagrante deixou fulos os líderes do partido, que neste fim de semana confabulam para derrubá-lo do cargo que ocupa há 10 anos. E já nos próximos dias.

. Carvalho, nome da primeira escolha de Lula – "Eu preciso de alguém que eu possa falar francamente", explicou, com outras palavras, o então presidente, sobre seu amigo ex-metalúrgico – está no cargo há 10 anos. Sempre, é claro, sofrendo os pequenos desgastes naturais do cargo, ele está na alça de mira da presidente Dilma Rousseff. No tsunami contra o Planalto, ele não tem consigo servir de anteparo para a presidente. Apesar de ligado à Igreja Católica, Gilberto Carvalho não faz milagres.

O flagrante de sua presença, sorridente, no ato contra o governador do Rio de Janeiro, Sergio Cabral, em São Paulo, na quinta-feira 1, esquentou as coisas para o lado dele. O PMDB, como se podia imaginar, pede-lhe a cabeça. Carvalho, é claro, vacilou, engrossando uma passeata, que termitou em quebra-quebra, contra um aliado. Essa pode ser a gota d'água para transbordar a paciência da presidente. Se bem que ela não tem motivos para agradar ou dar satisfações ao PMDB. O certo é que, a marcação de posição do ministro, não fez nenhum bem para ele e para as relações do governo com seu maior aliado.

Assessor de Dilma diz no Foro de São Paulo que falta completar a obra de Hugo Chavez

Lula, ao sair da reunião de hoje do Foro. O ex-presidente parecia muito cansado, doente ou plenamente bêbado. 

A reunião do Foro de São Paulo, que reúne representantes da esquerda de 100 Países em São Paulo, começou na sexta-feira e termina domingo. Manifestantes, hoje, protestaram na porta do local do evento. Lula falou nesta tarde, mas o ponto alto dos pronunciamentos foi protagonizado pelo assessor especial para assuntos internacionais da presidência, Marco Aurélio Garcia, que disse neste sábado durante o Foro de São Paulo que "a obra" do falecido presidente venezuelano Hugo Chávez "ainda está em aberto" e "deve ser concluída". Garcia participou do segundo dia de debates e hoje foi dedicado à análise do legado político e ideológico de Chávez, morto em 5 de março passado vítima de um câncer na região pélvica.

Não se engane com o ar angelical dele, porque este ministro de Dilma, Gilberto Carvalho, é capaz de tudo

Ao lado, o pérfido ministro de Lula e Dilma, envolvido anteriormente, até as orelhas, no caso Celso Daniel. 

- Diz o blog da Tribuna da Imprensa que Vinícius Marques de Carvalho, o presidente do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE) é sobrinho de Gilberto Carvalho, secretário do Lula e da Dilma. Antes de chegar ao cargo, atuava no Ministério da Justiça, comandado por José Eduardo Cardozo. De 2008 a 2011, também o irmão de Gilberto Carvalho já fatura uns trocados como conselheiro do CADE. Assim, fica difícil defender o CADE. 

. O governador Geraldo Alckmin, São Paulo, tem muito mais condições do que teve Yeda Crusius no RS e por isto poderá desmascarar a nova trama do governo federal do PT, sempre disposto a usar o aparato estatal para bisbilhotar, mentir, intrigar e difamar os adversários, tratados como inimigos de classe. A experiência já demonstrou que a nomenklatura petista atua sem escrúpulos, como ficou comprovado em episódios recentes, como foram os casos do Mensalão, Aloprados e Celso Daniel, apenas para citar os mais famosos. É por isto que a denúncia a seguir do jornalista Hélio Fernandes, Tribuna da Imprensa, vem em boa hora para mostrar a verdadeira cara do ministro que funciona como gauleiter de Dilma, a serviço de Lula, sempre enfiado nas piores estrepolias. Leia tudo:

. O secretário-chefe da Casa Civil do Estado de São Paulo, Edson Aparecido, negou que o governo tenha conhecimento sobre um suposto cartel em licitações em obras do metrô e criticou a atuação do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).“O principal papel do Cade é garantir a livre concorrência. Pela forma como tem se processado essa questão, nos parece muito mais que o Cade tem se transformado em um instrumento de polícia política”, disse Aparecido. “Quando ele [Mário Covas] assumiu o governo do estado, em 1994, as pessoas andavam penduradas em cima dos trens. Hoje, temos quatro linhas de trens sendo construídas ao mesmo tempo. Vamos entregar até o ano que vem 55 estações da CPTM [Companhia Paulista de Trens Metropolitanos] e do Metrô. Isso é uma tentativa de desmoralizar o maior programa de mobilidade urbana do país”, acrescentou.

. O órgão rebate as críticas.Em nota publicada em seu site, o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) disse repudiar qualquer acusação de instrumentalização política das investigações para apuração do suposto cartel. Informou que o inquérito administrativo que apura o caso é sigiloso devido ao acordo de leniência estar sob segredo legal. O órgão informou que só tiveram acesso ao acordo e aos documentos as partes investigadas e o Ministério Público do Estado de São Paulo e o Ministério Público Federal, por terem firmado o acordo de leniência.

Festival de Cinema de Gramado começa na próxima sexta-feira

Na próxima sexta-feira, começará o 41º Festival de Cinema de Gramado, que seguirá até 17 de agosto. A programação já está definida. Os principais eventos e exibições de filmes em competição serão, como sempre, no Palácio dos Festivais. Mas atividades nos bairros também estão previstas.

. Entre as estrelas esperadas para passar pelo tapete vermelho, estão diretores, atores e os homenageados desta edição. A atriz Glória Pires estará presente na sessão de abertura, no dia 9, às 19h, quando será exibido o filme “Flores Raras”, de Bruno Barreto.

A programação completa pode ser conferida no link: http://www.festivaldegramado.net/programacao

Rio Grande do Sul cai para o 4º lugar em expectativa de vida

A expectativa de vida do brasileiro cresceu 11,24 anos entre 1980 e 2010. O crescimento entre as mulheres ficou em 11,69 anos, enquanto entre os homens a elevação atingiu 10,59 anos. O pior resultado de avanço entre as regiões foi no Sul (9,83 anos). Apesar disso, a região ainda registra as mais altas taxas de expectativa de vida do País. 

. Em 1980 era de 66,01 anos, a mais elevada daquele ano. Em 2010 atingiu 75,84 anos, também a maior expectativa entre as regiões. Entretanto, o Rio Grande do Sul perdeu posições relativas - do primeiro lugar em 1980 caiu para o quarto, em 2010 -, enquanto os vizinhos catarinenses, da segunda colocação no início da série, foram para o primeiro lugar. No mesmo período, na comparação com o restante do Brasil, a região Nordeste foi a que apresentou maior aumento na expectativa de vida.

. As informações fazem parte da pesquisa Tábuas de Mortalidade 2010 – Brasil, Grandes Regiões e Unidades da Federação, divulgada nesta sexta pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Número de turistas estrangeiros pode ter queda na Copa e nas Olimpíadas

O sucesso turístico da Jornada Mundial da Juventude (JMJ), que atraiu 2 milhões de visitantes e injetou R$ 1,2 bilhão na economia do Rio de Janeiro, dificilmente deve se repetir nos dois próximos grandes eventos que ocorrerão no País, segundo especialistas ouvidos pela Agência Brasil. 

. O número de visitantes estrangeiros nas principais cidades turísticas do País deve registrar queda, na Copa do Mundo de 2014 e nas Olimpíadas de 2016, em relação a anos normais. A retração é esperada porque os megaeventos esportivos atraem público específico. O visitante normal, defendem eles, desiste de viajar para evitar preços altos e escapar da movimentação.

“Os grandes eventos são marcados pela interação de dois efeitos opostos. Por um lado, atraem um tipo determinado de turista. Só que simultaneamente afasta o turista regular, que quer fugir da confusão, da alta generalizada de preços e da piora na qualidade dos serviços”, diz o vice-presidente de Assuntos Internacionais da Associação Brasileira de Agências de Viagens (Abav), Leonel Rossi.

. Ele lembra que essa situação ocorreu nas Olimpíadas de Londres, no ano passado. De acordo com a prefeitura da capital britânica, 900 mil turistas passaram pela cidade durante os jogos, dos quais 300 mil estrangeiros e 600 mil britânicos. Considerando apenas os visitantes internacionais, a queda chega a 75% em relação a 2010, quando 1,2 milhão de turistas de outros países visitaram a cidade por mês.

Na UTI, Sarney apresenta melhoras

O senador José Sarney (PMDB-AP) apresentou melhora nas últimas 24 horas, segundo boletim médico divulgado neste sábado, às 11h30, pelo Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. O parlamentar continua internado na unidade de terapia intensiva (UTI).

. De acordo com o comunicado, o paciente “continua recebendo antimicrobianos e medidas de suporte clínico”. Mesmo com a melhora no quadro clínico, a nota destaca que ainda “não há previsão de alta”.

Artigo, Percival Puggfina - A overdose do petismo

Raras vezes se viu tamanha barafunda num "mar de rosas". Dilma Rousseff já cumpriu dois terços de seu mandato acumulando trapalhadas e fracassos. Demorou duas décadas mas, finalmente, o PT está alcançando seu objetivo de 1994 - acabar com o Plano Real. O sonho dourado das esquerdas nos anos 90, o fim do programa que deu estabilidade à moeda nacional, aquilo que Lula tentou mas não conseguiu em seus oito anos, Dilma, está realizando em menos de quatro, à base de trombada na cristaleira. O petismo espatifou a Economia e tudo mais à sua volta. Nem despejando bilhões no mercado, o Banco Central consegue conter a evasão das verdinhas ianques, que se retiram do país como os ratos abandonavam o Titanic nas impressionantes cenas do filme de James Cameron. 

Há poucos meses, quando o PT festejava em São Paulo seus dez anos no governo da União, o tom ufanista dos discursos mostrava que o partido chegara à overdose de poder. "Pode juntar quem quiser", bravateou Lula, convicto de nova vitória do partido em 2014. "Qualquer coisa que eles tentarem fazer nós fazemos mais e melhor", prosseguiu o eufórico ex-presidente, nariz enfiado no pote do poder. Seguiu-lhe a arrevesada sucessora, tratando de mostrar serviço. Arrombou a ostra onde oculta sua sabedoria e extraiu esta pérola: "Não tenho medo de comparações, inclusive sobre corrupção"... Isso tem outro nome, claro. Mas é, também, overdose de poder. Poder sobre a própria imagem, sobre a sociedade, poder sobre os demais poderes, poder sobre a mídia, poder agregado, ano após ano, em sequências exponenciais perante auditórios interesseiros. 

Quatro meses depois, foi a vez de o povo evidenciar que também ele tivera sua overdose de petismo. E saiu às ruas para pacíficas e civilizadas demonstrações de inconformidade. O povo deu uma olhada no próprio país e percebeu que, por trás da publicidade, dos cenários, das montagens, das invenções e versões, tudo - simplesmente tudo! - vai muito mal

CLIQUE no endereço a seguir para ler tudo: http://www.puggina.org/

A Lupatech de Nestor Perini, morto ontem nos EUA, foi vítima da imprevidência e megalomania dos petistas da Petrobrás

A maior aposta que o empresário Nestor Perini fez em toda a sua vida, a Lupatech, que ele criou em 1980, passou da condição de estrela ascendente para a posição de pato manco quando a Petrobrás, sua maior cliente de equipamentos e serviços para plataformas de petróleo, revisou seus planos de investimentos há 3 anos e cancelou encomendas que garantiriam a saúde financeira da empresa de Caxias do Sul. A Petrobrás revisou em 2011 os planos imprevidentes e megalômanos do governo Lula para o pré-sal e levou para o precipício muitos dos seus parceiros. Nestor Perini acreditou piamente no que lhe disseram os aventureiros petistas e pagou caro por isto.

. Nestor Perini, 60 anos, morto de infarto nesta sexta em Nova Iorque, já não mandava mais sozinho na companhia, porque o controle passou para outros investidores. Neste momento, a Vinci Partners tenta comprar a maior parte das ações.

. Somente R$ 800 milhões podem salvar a Lupatech, mas ela não consegue este dinheiro. Ela não para de dar prejuízos desde 2010. Suas ações (veja gráfico ao lado) não param de cair e a companhia vale míseros R$ 150 milhões atualmente. No dia 26 de março de 2010, ela valia R$ 1,2 bilhões em valor de mercado.

. No dia 22 de junho, a empresa deu novo calote no mercado, deixando de pagar juros que venceram de dinheiro que conseguiu no mercado externo.

CLIQUE AQUI para entender melhor o que há com a Lupatech.

Dilma cria sua quinta empresa estatal. Desta vez surge a PPSA, a Pré-Sal Petróleo S.A.

É a quinta empresa implantada no governo Dilma Rousseff


O governo publicou ontem no “Diário Oficial da União” decreto criando a Empresa Brasileira de Administração de Petróleo e Gás Natural — Pré-Sal Petróleo S.A. (PPSA), que será responsável pela gestão dos contratos de partilha de produção e comercialização de petróleo e gás natural. A lei que autorizou a instalação da estatal foi sancionada há três anos, mas sua instalação se tornou urgente.

Vândalo do Itamaraty afastou-se da direção nacional provisória do Partido de Marina

Em nota divulgada na tarde desta sexta-feira , Marina Silva informou que Pedro Piccolo se afastou do comando da Rede,  "em decorrência da investigação iniciada pela Polícia Federal sobre sua participação nos atos de depredação do Itamaraty.  Pedro Piccolo, membro da Executiva Nacional Provisória da Rede Sustentabilidade, pediu nesta tarde o afastamento do cargo até que os fatos sejam apurados". Apesar de admitir que estava na porta do Itamaraty com uma barra de ferro nas mãos e o rosto coberto por uma camiseta do partido, Pedro Piccolo nega ter depredado o prédio

Augusto Nunes assume o comando do programa Roda Viva

Direção da TV Cultura, São Paulo, decidiu que Mário Sérgio Conti deveria deixar o comando do programa  Roda Viva, como parte da reestruturação realizada no canal. O blogueiro de Veja,  Augusto Nunes, será o novo âncora.

Apesar da injeção de US$ 31 bi do BC, dólar subiu 8,23% desde maio

O jornal Globo deste sábado revelou que dois meses depois de iniciar uma queda de braço com o mercado financeiro, o Banco Central já injetou ao menos US$ 30,9 bilhões no mercado em operações equivalentes à venda de dólar no mercado futuro. Leia mais:

Apesar das 34 intervenções realizadas no período, a moeda americana acumula alta de 8,23% e o real se tornou a moeda mais depreciada entre as 16 divisas monitoradas pela Bloomberg.

O cálculo, realizado pela Kapitalo Investimentos, não inclui os cerca de US$ 9 bilhões em operações de rolagem de contratos realizadas no mês passado. A estratégia do BC divide analistas, mas num ponto há consenso entre os economistas ouvidos pelo GLOBO: a era do dólar barato parece ter chegado ao fim.

CLIQUE AQUI para ler tudo.

Eis as provas de que Joaquim Barbosa foi vítima de racismo ao tentar ingressar no Itamaraty

O material a seguir é todo do jornalista Lauro Jardim, revista Veja de hoje, intitulado "O dia em que Joaquim Barbosa foi reprovado no Itamaraty".  Saiba o que consta no relatório sobre o presidente do STF

Barbosa: prova oral

Em entrevista a Miriam Leitão, em O Globo, no dia 28, Joaquim Barbosa acusou o Itamaraty de ser “uma das instituições mais discriminatórias do Brasil”. Disse que depois de passar nas provas escritas para a carreira diplomática, foi barrado por racismo nas provas orais.

Ficou a dúvida: afinal, que provas orais eram essas?

No exame psicotécnico, feito no dia 7 julho de 1980, a questão da cor de fato aparece. No relatório, o avaliador relata que Barbosa “tem uma auto-imagem negativa, que pode parcialmente ter origem na sua condição de colored”. Mais: diz que suas atitudes eram agudas demais para alguém da carreira diplomática.

Barbosa enfrentou ainda uma banca em que cinco diplomatas deram notas inclusive para a sua aparência — descrita como “regular”. Alguns desses diplomatas são hoje embaixadores.

CLIQUE AQUI para ler tudo.

Aeromóvel será inaugurado por Dilma, mas terá que usar joystick para funcionar

OPINIÃO DO LEITOR
Aeromóvel será inaugurado por Dilma, mas terá que usar joystick para funcionar

A Trensurb, estatal federal, e a Aeromóvel do Brasil S.A., empresa privada gaúcha, inaugurarão no mês de agosto, com a presença da Presidente Dilma a primeira viagem oficial do Aeromóvel, ligando o aeroporto Salgado Filho aos trilhos do metrô, um quilômetro de percurso no total.Uma obra que custou aos cofres públicos a bagatela de R$ 40 milhões, com a promessa que funcionaria de forma automática. Como foi uma implantação de obra sem projeto, a automação não deu certo e o veículo funcionará de forma manual, ou seja, com joystick.
A Trensurb  terá que dispor de empregados que fiquem a disposição deste sistema das 05:00 ás 23:30 para fazê-lo funcionar. Mesmo que o projeto não tenha dado certo, a Trensurb pretende construir uma extensão até Arena do Grêmio.
É a irresponsabilidade alinhada com a incompetência.
Tânia Bulhões Castro, Porto Alegre, RS.

COMPRE NESTE SÁBADO
Envie e-mail para polibio.baga@uol.com.br Entrega em 48 horas, sem custo adicional, em qualquer parte do País
Cabo de Guerra, 499 páginas, 70 fotos, tudo sobre a guerra do Eixo do Mal contra o governo Yeda Crusius no RS, com documentos e depoimentos inéditos. 3 anos de pesquisas. R$ 75,00.

Herança Maldita - Os 16 anos do PT em Porto Alegre, 350 páginas, fotos, tudo sobre os quatro prefeitos do PT em Porto Alegre e a desastrosa administração que fizeram.

Aos 60 anos, morreu em Nova Iorque o empresário gaúcho Nestor Perini

Aos 60 anos, o empresário caxiense Nestor Perini morreu ontem no quarto do hotel em que se hospedava em Nova Iorque. Ele foi vítima de infarto. O empresário estava a negócios nos EUA.

. Este é o segundo empresário de Caxias que morre em apenas uma semana. No final de semana, faleceu Bernardino Conte.

. Nestor Perini foi um dos donos da Lupatech, maior fornecedor gaúcho da Petrobrás.


. O prefeito Barbosa Velho, PDT, decretou três dias de luto oficial.