Deputado André Vargas desfilia-se do PT para não ser expulso do Partido

O deputado André Vargas acaba de se desfiliar do PT. Ele alega que não quer ser expulso. Vargas ainda mantém o mandato parlamentar - até quando, não se sabe.

Petista (ex-ministro da Saúde) contra petista (deputado André Vargas) assusta o governo Dilma Roussef e o PT

O anúncio é do ex-ministro Alexandre Padilha, denunciado em grampo da PF:

-Vou buscar esclarecimento de qualquer suposto envolvimento do meu nome a partir de mensagens de terceiros. Vou interpelar qualquer pessoa que tiver usado meu nome em vão, inclusive o senhor André Vargas

. O ex-ministro fez o anúncio em coletiva de imprensa nesta tarde. Ele é pré-candidato ao governo de São Paulo e desafia o deputado do PT ao dizer:

- Mente quem diz que indiquei Marcus Cezar Moura para qualquer cargo.

. A informação que indignou Padilha foi capturada em grampo da Operação Lava Jato. Em uma mensagem, Vargas diz ao doleiro Alberto Youssef, sobre Marcus: "

- Foi o Padilha que indicou.

. O fato é que o ex-ministro nomeou seu companheiro, conforme o leitor pode ler em nota abaixo, inclusive com reprodução do fac simile da publicação do ato no Diário Oficial. 

. O governo Dilma Roussef está assustado.

Em Santa Catarina, Dilma e Aécio empatam tecnicamente. Ambos disputariam o segundo turno.

Ao lado, fac simile do jornal Notícias do Dia de hoje, Florianópolis. 



A pesquisa foi divulgada hoje em Santa Catarina. O instituto é o Mapa, que trabalhou para um pool de contratantes, dos quais os mais visíveis são a RIC TV Record e o diário Notícias do Dia, ambos com sede em Florianópolis.

Dilma Roussef, PT – 33,9% (36,9%)
Aécio, PSDB – 28,1% (30,9%)
Eduardo Campos, PSB – 18,7% (21,1%)
Brancos e nulos – 9,3%
Não sabem ou não responderam – 10,9%

Como a margem de erro é para 2%, o resultado indica que há empate técnico entre Dilma e Aécio em Santa Catarina.


. Nos quesitos relacionados com os resultados do governo, os números são estes: bom, 23,9%; ótimo, 6,4%; regular, 32%; ruim, 17,4%; péssimo, 17,4%. 

Aeromóvel quer abrir informações completas sobre sua linha experimental de Porto Alegre, segunda, na Sociedade de Engenharia

Inaugurado há meio ano pela presidente Dilma com toda a pompa e circunstância, até hoje o Aeromóvel funciona precariamente em Porto Alegre, apenas das 8h até as 16h, menos sábados, domingos e feriados. Apesar disto, o Trensurb, proprietário da linha, fala em novos investimentos em Canoas e Rio Grande. 

A Sociedade de Engenharia do Rio Grande do Sul – SERGS – promoverá na próxima terça-feira (29) o evento “A Engenharia da Cadeia de Valor do Sistema Aeromóvel”, com início às 8h30min, na sede da entidade – Travessa Eng. Acylino de Carvalho, nº 33 – 8º andar, em Porto Alegre. Falarao o presidente do SERGS,, eng. Hilário Pires, o presidente da Trensurb, eng. Humberto Kasper e o presidente da Aeromóvel Brasil S.A., Oskar Coester.
          
. Na sequência, haverá apresentação a cargo da Trensurb sobre o projeto, contratações, cronogramas, gestão da obra do aeromóvel ligando a estação Aeroporto ao Salgado Filho, planejamento e resultados alcançados. Após, ocorrerá exposição do eng. Rogério Araujo Balle, da empresa Rumo Engenharia, responsável pela construção das estações do Aeromóvel, seguindo-se palestra do diretor da empresa T’Trans, eng. Fernando Orsi, sobre o tema “Visão Geral do Fabricante do Aeromóvel: Fabricação, Equipamentos e Tecnologia”.

Padilha falará segunda a noite no Roda Viva

O ex-ministro da Saúde, Alexandre Padilha, falará na segunda-feira no programa Roda Viva, TV Cultura de São Paulo. O âncora do programa é o jornalista Augusto Nunes. 

Bibi Calçados comemora 65 anos com planos para fabricar 3,3 milhões de calçados este ano

Ao lado, foto desta tarde na sede da Bibi.


Nesta sexta-feirafez 65 anos a Bibi Calçados, nome escolhido em 1949 pelo fundador, Albino Eloy Schweitzer, que na época buscou inspiração no nome da artista brasileira Bibi Ferreira.

. Festejos  deste tipo são raros em qualquer indústria.

. O editor falou com a direção da empresa, que informou que a meta de produção deste ano é de 3,3 milhões de pares, com o que o faturamento poderá crescer entre 7% e 8%, considerando-se as vendas do mercado interno e as exportações para 60 Países, inclusive China e Japão.

. Além da fábrica de Parobé, sede da Bibi, também são mantidas fábricas em Cruz das Almas, Bahia.


. Esta tarde, ao meio dia, o presidente Marlin Kohlrausch e sua diretoria receberam para almoço os convidados, colaboradores e dirigentes empresariais do RS. 

Marcelo Portugal acha que inflação vai disparar depois da eleição

O economista e professor Marcelo Portugal foi claro, curto e direto na fala que produziu nesta sexta-feira no programa do jornalista Lauro Quadros, Rádio Gaúcho. Respeitando a elegância típica do seu modo de abordar temas espinhosos, eis o resumo do que ele disse:

- Depois das eleições, os preços vão disparar e teremos uma inflação que dobrará de tamanho em relação ao que é hoje, sobretudo em decorrência do extravasamento das tarifas e preços públicos, mantidos atualmente sob garrote vil.


. É o que teme todo o mercado. 

Coronel da ditadura é encontrado executado no Rio. Em 2012, outro coronel da ditadura foi assassinado em Porto Alegre.


Paulo Malhães, acusado como torturador na Comissão Nacional da Verdade,  foi executado (assassinado) esta semana no Rio.  Em setembro de 2012, foi executado (assassinado) em Porto Alegre o coronel Júlio Miguel Molina Dias, que também tinha servido à ditadura militar. Na montagem ao lado, foto do coronel é acompanhada de ataques frontais desferidos por grupos de esquerda que queriam justiçá-lo (assassiná-lo).


O jornal "O Estado de S. Paulo" de hoje informou que coronel reformado do Exército Paulo Malhães foi encontrado morto na manhã desta sexta-feira, 25, no sítio em que morava em Nova Iguaçu (cidade na Baixada Fluminense). O corpo apresentava marcas de asfixia, segundo a Polícia Civil. Malhães prestou depoimento em março à Comissão Nacional da Verdade em que relatava ter participado de prisões e torturas durante a ditadura militar. Dias antes, à Comissão Estadual da Verdade do Rio, afirmou ter sido um dos chefes do grupo envolvido com a prisão do ex-deputado Rubens Paiva, morto sob tortura em dependências do Exército em 1971. Na ocasião, admitiu ter participado da operação de sumiço do corpo do parlamentar, mas ao falar à Comissão Nacional voltou atrás nas declarações e negou envolvimento no caso.

. De acordo com o relato da viúva do coronel Cristina Batista Malhães, três homens invadiram o sítio de Malhães na noite desta quinta-feira, 24, à procura de armas. O coronel seria colecionador de armamentos, disse a mulher aos policiais da Divisão de Homicídios da Baixada que estiveram na propriedade.
Cristina disse que ela e o caseiro foram amarrados e trancados em um cômodo, das 13h às 22h desta quinta-feira pelos invasores.

. Em seu blog, o coronel reformado do Exército Carlos Alberto Brilhante Ustra, afirmou que Malhães foi assassinado e, no mesmo texto, lembrou a morte de outro coronel, também ex-agente da ditadura, Júlio Miguel Molina Dias, ocorridaem novembro de 2012. Ustra comandou o DOI-CODI, em São Paulo, entre 1970 e 1974. No fim de março, durante atos que lembraram os 50 anos do golpe militar, Ustra foi alvo de manifestações de grupos de direitos humanos que pedem a punição de ex-agentes da ditadura.

CLIQUE AQUI para saber tudo sobre o assassinío do coronel Molina, 2012, Porto Alegre. 

Castigo da CEF já produziu rombo de R$ 230 milhões no caixa de Fortunati


Além da lentidão e até paralisia da maior parte das 14 obras que inicialmente a prefeitura de Porto Alegre incluiu no pacote de Mobilidade Urbana das Obras da Copa, o prefeito José Fortunati enfrenta outro problema decorrente da imprevisão com que decidiu começar tudo ao mesmo tempo, mesmo antes do início dos desembolsos do empréstimo prometido por Dilma junto a Caixa Federal.

. O efeito mais devastador ocorre com as finanças municipais, que neste final de semana fecharam com déficit de R$ 230 milhões.

. Caso a Caixa continue liberando o dinheiro a conta-gotas, o prefeito José Fortunati terá problemas até mesmo para manter os salários em dia e pagar o 13º.

. Ele se colocou nas mãos de Dilma Roussef, o que implica em custo político grave porque este é ano eleitoral e o prefeito não terá como negar-lhe apoio.


.Até agora a prefeitura de Porto Alegre só recebeu l/10 do empréstimo de R$ 466 milhões da Caixa Econômica Federal para as obras da Copa e de mobilidade urbana. Esse dinheiro todo é para tocar as conhecidíssimas Obras da Copa, um conjunto de 14 grandes obras de mobilidade urbana iniciadas pelo prefeito José Fortunati, mesmo sem ter o dinheiro prometido por Dilma nas mãos.

O PMDB costura nós complicados com PSB, PPS e PSD do RS

A costura que determinará a coligação do PSB e do PPS ao candidato do PMDB, José Ivo Sartori, depende de ajustes que ainda prosseguem, mas é certo que a aliança sairá ainda no mês de maio, porque é assim que querem os coligados, sobretudo o PSB.

. Os problemas:

1) O deputado Beto Albuquerque quer a cadeira de candidato ao Senado, mas ainda não é certo que Simon tenha desistido da disputa, até porque o próprio PSB abriria mão de qualquer posição na majoritária em favor dele. Além disto, o PPS quer eleger deputada federal a vice-prefeita de Pelotas, Paula Leite, mas para isto depende de uma aliança forte com o PSB na proporcional, coisa que ficará difícil sem Beto na lista.

2) O PMDB ainda espera convencer o presidente do PSD, José Cairolli, que seria vice na chapa de Sartori. 

Agente da ditadura militar, Delfim Neto acionou a corrupção porque queria ele mesmo ser o presidente dos generais do Brasil

Homem de confiança dos generais, ministro de vários governos da ditadura, Delfim diz agora que não sabia nada sobre torturas e assassinatos políicos - nem sobre a censura à imprensa. 



Relatórios de órgãos de informação da época concluem que ex-ministro - homem forte do regime - teria alavancado esquema de corrupção para chegar ao Palácio do Planalto.

. A reportagem é do jornalista Vasconcelos Quaadros, do iG, conforme publicação feita hoje:

Dois relatórios de órgãos de informação do regime militar encontrados no Arquivo Nacional, em Brasília – um da Aeronáutica e outro do Exército –, aos quais o iG teve acesso, insinuam que o ex-ministro Delfim Netto, czar da economia da ditadura, teria alavancado um esquema de corrupção para pôr em prática um plano que o levaria ao governo de São Paulo em 1974 e, depois, ao Palácio do Planalto.
Os dois informes foram produzidos em períodos distintos. O primeiro, de maio de 1969, é uma espécie de alerta da comunidade de informação ao governo militar. Diz que o homem forte do regime, “movido por ambição pessoal desmedida”, fez pactos com grupos econômicos nacionais e internacionais com a intenção de chegar ao topo do poder.
“Seu objetivo imediato é enriquecimento pessoal. Seu objetivo mais remoto é o de sustentação financeira de um plano político que o conduziria ao governo do Estado de S. Paulo, na pior das hipóteses”, descreve o informe. Em seguida o autor sugere: ”Delfim Netto aspira à própria Presidência da República”.
Câmara Municipal de São Paulo
Delfim Netto depôs à Comissão Municipal da Verdade de São Paulo em junho de 2013
Informado pelo iG sobre o conteúdo dos relatórios através de e-mail enviado a sua assessoria na quinta-feira, 17, Delfim não respondeu. Informes, como se sabe, são peças parciais e incompletas de espionagem e, sozinhos, não têm valor jurídico. No caso de Delfim, revelam que ele era bombardeado pelo fogo amigo dentro do próprio regime militar, num período encoberto pela censura imposta pelo Ato Institucional nº 5 (AI-5), do qual foi defensor e signatário.
O ex-ministro foi alvo constante de monitoramento. Em sua pasta no Arquivo Nacional, além de um suposto plano de sequestro pela esquerda armada, abortado entre o fim 1969 e início 1970 pelos próprios órgãos de informação, há fartura de referências citando supostos esquemas de corrupção. Em 1974, antes de assumir o governo, o ex-presidente Ernesto Geisel recusou a indicação de Delfim para o governo paulista, embora o pedido tenha partido de seu antecessor, o general Emílio Garrastazu Médici.
Comissão Nacional da Verdade conclui que JK morreu em acidente e não assassinado
Leia mais: Mobilização tenta apagar símbolos da ditadura que dão nome a ruas no País
Em entrevista ao jornalista Roberto D’Avila, da Globonews, sobre os 50 anos do golpe, Delfim contou ter ouvido de Médici que Geisel argumentou que os militares temiam perder o poder com sua eventual ascensão à política. “Não quero porque ele, com a Avenida Paulista, vai tomar o governo”, teria dito Geisel a Médici, segundo Delfim.

CLIQUE AQUI para ler mais. 

Artigo, Fernando Gabeira - Bom dia, cinderela !

Neste artigo de hoje no Estadão, intitulado Bom dia, Cinderela, o jornalista Fernando Gabeira informa que são cada vez mais claras as evidências de que se perdeu muito dinheiro em Pasadena. A partir daí constrói o seguinte artigo, que o editor recomenda à leitura:

 Lula, no entanto, não acredita nas evidências, mas nas versões. Se o seu conselho é partir para a ofensiva quando se perdem quase US$ 2 bilhões, a agressividade será redobrada quando a perda for de US$ 4 bilhões e, se for de US$ 6 bilhões, o mais sábio será chegar caindo de porrada nos adversários antes que comecem a reclamar.
Partir para a ofensiva na Copa do Mundo? Não é melhor deixar isso para os atacantes Neymar e Fred? Desde o ano passado ficou claro que muitas pessoas não compartilham o otimismo do governo nem consideram acertada a decisão de hospedar a Copa.
O governo acha que sufoca as evidências. O próximo passo desse voluntarismo é controlar as evidências. O papel do IBGE e do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), por exemplo, começa a ser deformado pelo aparelhamento político. Pesquisas que contrariam os números de desemprego são suspensas. E o Ipea foi trabalhar estatísticas para Nicolás Maduro, que acredita ver Hugo Chávez transmutado em passarinho e, com essa tendência ao realismo mágico, deve detestar os números.
Controlar as evidências, determinar as sentenças pela escolha de ministros simpáticos à causa, tudo isso é a expressão de uma vontade autoritária que vê a oposição como vê os números desfavoráveis: algo que deva ser banido do mundo real. A visão de que o País seria melhor sem uma oposição, formada por inimigos da Petrobrás e por gente que torce contra a Copa, empobrece e envenena o debate político.
Desde o mensalão até agora o PT decidiu brigar com os fatos.

CLIQUE AQUI para ler tudo. 


Será dia 20 de maio a sessão de autógrafos de "O Rio Grande tem Saída ?"

Foi agendado para o dia 20 de maio, 19h, ao sessão de autógrafos do livro “O Rio Grande tem Saída ?”, do economista Darcy Francisco Carvalho dos Santos. Colaboraram com pasrticipações: Patrícia Palermo, Lucas Schifino e Mariza Abreu.  A edição é da AGE. 

Tião Viana, PT do Acre, inicia Operação Mata Haitiano, deportando refugiados em massa para SP

Sem saber o que fazer, governo do PT do Acre deporta centenas de refugiados haitianos para SP, sem aviso prévio e sem negociação alguma. 


No início da década de 60, quando o governador do Rio, Carlos Lacerda, passou a retirar mendigos e levá-los para o interior, jogando muitos deles no rio Guandu, na "Operação Mata Mendigos", as entidades de defesa dos direitos humanos, os jornais e a oposição armaram-se de paus e pedras - com razão - contra a assepsia étnica movida pelo líder nacional da UDN. Ele foi obrigado a recuar. O caso parece repetir-se agora no Acre, onde o governador Tião Viana, do PT, sem saber o que fazer com refugiados do Haiti que chegam ao Estado, passou a embarcá-los sem aviso prévio para São Paulo. O prefeito Claudio Haddad, PT, está furioso, mas abre pouco a boca, solidário ao seu companheiro de Partido. 

. A secretária de Estado da Justiça e da Defesa da Cidadania, Eloisa de Souza Arruda, no entanto,  classificou como ‘violação da dignidade’ a deportação de cerca de 400 refugiados do Haiti para São Paulo, sem local de hospedagem previsto.

. A ex-ministra Maria do Rosário cala e consente. Sua sucessora não abre a boca. CNBB, OAB e congêneres das áreas de direitos humanos ficam quietos. 

. As autoridades do Acre ironizaram Estado, dizendo que os próximos imigrantes serão enviados com ‘garrafa de água’, em referência à crise do Sistema Cantareira.

Jornais abrem manchetes para denunciar envolvimento de ex-ministro da Saúde com a Máfia do "Lava Jato"

Os jornais de SP, Rio e Brasília abriram manchete, hoje, para reproduzir o vazamento seletivo de um trecho da Operação Lava Jato, incriminando diretamente o ex-ministro Alexandre Padilha, candidato de Lula e do PT ao governo de SP. O vazamento produziu os efeitos esperados.

. Os jornais de Porto Alegre ignoraram o assunto.

. O vazamento parece ter sido letal.

. O ex-ministro da Saúde está seriamente implicado no esquema de corrupção do doleiro Youssef, preso pela PF, conforme nota abaixo.

. Alexandre Padilha é o poste escolhido por Lula para enfrentar Alckmin.

. "Padilha indicou executivo para doleiro", diz uma manchete; "PF liga ex-ministro Padilha a empresa de doleiro preso", aponta outra

Ana Amélia conversará, hoje, com PSDB, Solidariedade, PROS e DEM

A senadora Ana Amélia começa hoje a se envolver diretamente nas articulações com os Partidos que parecem mais dispostos a apoiá-la e até mesmo integrar a sua chapa majoritária no RS.

. Ela falará com os dirigentes do PSDB, Solidariedade e PROS, estes já definidos no apoio à candidata.


. A conversa incluirá o DEM, mas o Partido ainda prossegue fiel à candidatura de Vieira da Cunha, PDT. 

Gerdau e Dilma aprovaram "má" compra de Pasadena numa só reunião do Conselho de Administração

O jornal O Estado de S. Paulo voltou ao tema da malfadada compra da refinaria Pasadena pela Petrobrás, para destacar um trecho da fala do ex-diretor Nestor Cerveró na Câmara dos Deputados, semana passada. O que escreve o jornal:

- A decisão da compra foi tomada pelo Conselho de Administração num único dia, depois de uma única discussão.

. E a partir de Relatório Técnico de pé quebrado, com a “omissão de cláusulas fundamentais e informações falhas”, segundo disseram em nota a presidente do Conselho, Dilma Roussef, e o conselheiro Jorge Gerdau.

. No caso de Dilma, que já quebrou até loja de R$ 1,99 isto é mesmo possível, mas a aprovação do negócio por parte de empresário de sucesso como Jorge Gerdau, isto parece imperdoável.

Jorge Gerdau será o principal orador do "Brasil de Idéias", promoção da revista VOTO

O tradicional evento Brasil de Ideias, realizado pela Revista Voto e com o patrocínio da Capemisa Seguradora , terá edição especial em comemoração aos 10 anos da publicação na próxima segunda-feira, 28 de abril, das 12h às 14h, no Salão Mercosul do Hotel Sheraton Porto Alegre.

. O principal orador será Jorge Gerdau, que falará sobre “O Brasil da próxima década”. Serão debatedores: Fernando Schuller e Francisco Ferraz. 

AES Uruguaiana tem gás importado para gerar energia por mais 20 dias


A usina térmica a gás AES Uruguaiana operou 60 dias, parou três, e voltou a funcionar a pleno, segundo soube em Uruguaiana o editor. Ela tem gás assegurado pela Petrobrás para mais 20 dias, mas recebeu indicativos de que novas importações foram fechadas a pedido do governo Dilma.

. O gás usado na AES é desembarcado dos propaneiros em Baia Blanca, Argentina, e de lá segue por gasoduto até a usina.

. A térmica tem capacidade para gerar até 600 MW.

Tarso passa a idéia de que a excelente safra de grãos brota do chão por obra e graça do Piratini

O governador Tarso Genro mais uma vez resolveu atribuir-se a condição de grande responsável por êxitos absolutamente conjunturais da economia do RS, apresentando-os como resultado perene da sua qualidade de grande timoneiro dos negócios do Estado.

. Foi por isto que ele convocou uma coletiva de imprensa, ontem, manchete de todos os jornais de hoje, rasgando elogios para si mesmo e atribuindo o sucesso da safra de grãos 2013/2014, 30 milhões de toneladas, 9,7% maior, segundo a Emater, ao Planos Safra e aos programas Mais Água, Mais Renda e Irrigando a Agricultura Familiar, além da participação de Banrisul, Badesul e BRDE nas políticas de reorganização do sistema cooperativo no Estado.

. Nunca, antes, um governador deu tanta solenidade e avocou de forma tão peremptória para si mesmo o sucesso do agronegócio - não dos assentados ou pequenos agricultores -  ignorando a melhor produtividade do campo, os preços internacionais e o bom tempo. Tudo isto foi ignorado na fala de Tarso Genro, como se os grãos brotassem do chão por obra e graça do Piratini.

. Em outros tempos, cabia a Farsul dar o tom do tamanho da safra, sem tanto tiro de festim.

. Fiergs e Federasul que se cuidem, porque ao menor sinal de recuperação da indústria e do comércio gaúchos, o governador Tarso Genro chamará a si os êxitos pelo que for alcançado.

. Em casos de fracassos na economia gaúcha, o Piratini some de circulação, do mesmo modo que Lula escapa quando o assunto chega perto da sua cama.

. No dizer da editora chapa branca de Política da RBS, Rosane Oliveira, Tarso e sua equipe atribuem o desempenho da agricultura “às políticas públicas para o setor”, mas não ignoram a influência dos preços no mercado internacional", o que numa linguagem direta e franca significa que a primazia de verdade é sua. Uma safra de 30 milhões de toneladas é um indicativo seguro de que o PIB gaúcho cresceria novamente acima do nacional, o que não quer dizer nada, porque as projeções de ontem são de avanço de 1,5%, se tanto, para este ano. Isso explica a empolgação de Tarso, diz Rosane Oliveira, mais realista do que a própria FEE, Fiergs, Federasul e Fecomércio, que sabem muito bem que em cima de uma base muito positiva como a de 2013, o que se pode esperar é um PIB de 2% para este ano. 

Bier Markt lidera de novo a melhor carta de cervejas de Porto Alegre. É a decisão de Veja "Comes e Bebes".

Acaba de sair a lista “Campeões de 2014” em Porto Alegre, conforme edição desta semana de “Veja Comer e Beber”, 164 páginas.  A edio~~ao contempla as áreas de restaurantes, bares e aquilo que a revista chama de comidinhas, onde se incluem cafés, casas de chá, docerias e até padarias e sorveterias.

. Bier Markt Von Fass levou novamente o primeiro lugar em Cartas de Cerveja. Junto com outro bar da rede, o Bier Markt, já foram 5 primeiros lugares em 5 anos. Desta vez eles levaram 8 dos 9 votos dos jurados.

. Os melhores restaurantes, por tipo de comida, são: Komka (carne), NB Steak (rodízio de carnes), Puppi Baggio (italiano), Sakura (japonês), Bazkaria (pizzas), Hashi Art Cuisine (contemporânea, variedade), Bali (vinhos), Chicafundó (almoço até R$ 50,00), Floriano (revelação). Floriano Spiess é o chef do ano.


Reinaldo diz que "enigma" não quer calar. O fim de semana das revistas parece prometer.

Da mesma forma que Augusto Nunes (leia nota abaixo) o jornalista Reinaldo Azevedo, ambos do site www.veja.com.br, resolveram falar por códigos fechados. Ambos parecem referir-se ao que a revista Veja prepara para sua edição que começará a circular esta noite em São Paulo.

. Leia o post de Reinaldo:

24/04/2014
 às 22:11

Um enigma que não quer calar

Não são 2 de 47, mas 6 de 40.
Por Reinaldo Azevedo