Saiba quem serão os líderes de bancada e de partido na Assembléia do RS

Os líderes de Partido e de bancada que assumirão seus postos a partir do dia 1º na Assembéia do RS são os seguintes:

PMDB
Bancada, Álçvaro Boessio; Partido, Alexandre Postal
PT
Bancada, Luiz Mainardo; Partido, Altemir Tortelli
PSDB
Bancada, Jorge Pozzobom; Partido, Adilson Troca
PP
Bancada, Frederioco Antunes; Partido, Sérgio Turra
PDT
Bancada, Dioógenes Bassegio; Partido, Ênio Bacci


O deputado Alexandre Postal também será o líder do governo. PSB e PTB ainda não definiram suas posições.

Conheça os pontos de bloqueio da freeway neste final de semana

Será interrompido o trânsito freeway neste final de semana. O motivo é a colocação de vigas centrais da nova passarela, que está sendo construída no quilômetro 95 da rodovia, próximo a Arena do Grêmio. 
O problema começará das 22h deste sábado, quando o tráfego ficará restrito a apenas uma faixa em ambos os sentidos. Na madrugada de domingo, o trecho ficará totalmente bloqueado por 40 minutos a partir de 0h30min, no sentido Litoral-Porto Alegre, para que o guindaste faça o encaixe da primeira viga da passarela. Depois, o tráfego retorna para apenas uma faixa da rodovia.
A partir das 2h, a interrupção total será no sentido Porto Alegre-Litoral, para que ocorra a instalação da segunda viga da passarela. O bloqueio deve durar 40 minutos e, após, apenas uma faixa estará liberada para o tráfego.

Para evitar os bloqueios, os motoristas que se deslocam para Porto Alegre podem acessar a cidade pela região do Aeroporto, no quilômetro 92 da rodovia. Já para quem se desloca ao Litoral, o tráfego da BR-290 pela ponte do Guaíba e da avenida da Legalidade será desviado para a avenida Sertório, na Zona Norte de Porto Alegre. A previsão é que os trabalhos sigam até as 5h da manhã de domingo.

Gravações comprometem Kirchner com assassinato do promotor do caso AMIA

Cinco escutas telefônicas foram difundidas ontem, comprometendo o dirigente kirchnerista Luiz D'Élia, como também Jorge Khalil, o agente que teria servido de ele entre a Casa Rosada e Teerã nas negociações de acobertamento.O assassinato do promotor Alberto Nisman em Buenos Aires, um dia antes da apresentação da sua denúncia contra os autores do atentado contra a sede da Amia, que reúne judeus argentinos, continua dominando as cenas política, policial e midiática, segundo o leitor poderá verificar no link a seguir do jornal Clarin de hoje.

Apesar de morto, as denúncias de 300 páginas que já estavam preparadas foram divulgadas e implicam o governo de Christina Kirchner, que acertou encobrir o caso envolvendo o governo do Iran no atentado, tudo em troca de vantagens comerciais para o País.



CLIQUE AQUI para ler tudo. 

Noblat cobra na sua coluna de O Globo: " Cadê Dilma? Não foge, não, Dilma!"

O jornalista Ricardo Noblat critica na sua coluna de hoje o ministro gaúcho Pepe Vargas, que ele tratra por  Pepe Legal, o homem das Relações Institucionais, que já avisou que  não vai rolar nova CPI para investigar a roubalheira na Petrobras. Leia tudo: 

Basta! O caso já mereceu duas CPIs. Uma mista, formada por senadores e deputados. Outra formada só por deputados. Essa praticamente não funcionou.


A outra funcionou sobre o estrito controle do governo por meio dos seus áulicos no Congresso. E sabem no que deu? Em nada. Deu em nada. Sequer serviu para a oposição fazer barulho.

CLIQUE AQUI para ler tudo. 

Só CPI da Assembléia mostrará extensão sobre aliança do tráfico com gabinete do ex-secretário da Segurança do governo Tarso

O caso do chefe de segurança do ex-secretário Airton Michels é ameaça a todos os cidadãos do RS, porque durante quatro anos ele usou como quis da sua senha do sistema de consultas integradas, obtendo as informações que bem desejou.

. O comissário  Nilson Aneli foi surpreendido em Tramandaí no início do mês, quando dava proteção ao chefe do tráfego Xandi, que foi fuzilado sob as suas vistas.

. É caso de CPI e não apenas de inquérito policial.

. O governo Tarso Genro está todo sob suspeita.

. Além de Nilson Aneli, chefe de segurança do então secretário da Segurança, não se sabe quem mais usou do sistema de consultas integradas para beneficiar os bandidos.


. No governo Yeda, a revelação de que as senhas eram usadas até por jornalistas da RBS, ocasionou escândalo político sem precedentes, inclusive com prisões. 

Juiz Sérgio Moro inicia por Belo Monte nova fase da Operação Lava Jato. Alvos são Dilma e Lula.

Dilma e Lula, aí ao lado, se fazem de mortos quando alvejados por grossas suspeitas de corrupção, como acontece no momento, mas terão que falar sobre a nova fase da Operação Lava Jato, que  já começou a investigar a participação das nove empreiteiras que tiveram executivos e dirigentes presos. Em sua sétima fase, o juiz Sérgio Moro começará tudo pela construção da Usina de Belo Monte, uma das maiores obras de infraestrutura do país. O leilão aconteceu no governo Lula, em 2010, quando a presidente Dilma era chefe do gabinete civil. Alinhada com o governo, a jornalista Tereza Cruvinel diz que o objetivo de Moro é pegar Lula e Dilma. 

Deputada das medalhas diz que colegas só homenageiam grandes empresários

Tentando justificar as medalhas que fez a Assembléia entregar a 120 parentes, uma das qauis a maior delas, a do Mérito Farroupilha, a deputado Marisa Formolo, PT, tentou ir ao fígado dos colegas que também prestaram este tipo de medalhas:

- Eles preferem escolher financiadores de campanha ou grandes empresários.

. Como se sabe, o PT, Partido da deputada, prefere chantagear financiadores e grandes empresários, entregando-lhes obras públicas faturadas, como se percebeu no Mensalão e se vê agora no Petrolão.

Tarso ataca Eduardo Cunha: "Ele obstruirá o governo Dilma"

O governador Tarso Genro, que não é deputado, resolveu atacar a candidatura do deputado Eduardo Cunha para presidente da Câmara. No Twitter, sua mais nova trincheira política, ele avisa que Cunha obstruirá as ações do governo Dilma.

Crea tem novo presidente no RS

O engenheiro Melvis Barrios é o novo presidente do Crea do RS.