PF poderia desfechar buscas e prisões nas empreiteiras que forraram o poncho dos candidatos no âmbito da Operação Lava Jato

O site www.brasil247.com.br, geralmente bem alinhado com o governo federal e o PT, anunciou hoje que esta será uma semana curta e tensa, marcada pela expectativa com os próximos passos da Operação Lava Jato, da Polícia Federal, que prendeu o doleiro Alberto Yousseff, e o ex-diretor da Petrobras, Paulo Roberto Costa. Assim serão os próximos dias em Brasília e nos meios econômicos ligados ao financiamento de campanhas políticas. Leia mais: Tanto Yousseff como Costa vêm sendo assediados para fazer delação premiada. O ex-diretor da Petrobras, que chegou a divulgar um bilhete dizendo-se ameaçado pela Polícia Federal, rechaça a hipótese (leia mais aqui). Mas, em relação ao doleiro, não há tanta certeza. Isso porque, no caso Banestado, investigação conduzida pelo juiz Sergio Moro, o mesmo da Lava Jato, Yosseff conseguiu se safar depois que passou a contribuir com o Ministério Público, também num acordo de delação premiada. O advogado que o convenceu a colaborar com a Justiça, Antônio Figueiredo Basto, é o mesmo que hoje o atende.

. Caso Yousseff esteja mesmo colaborando com a Justiça, a semana promete grandes emoções. Há a expectativa de batidas em escritórios de grandes empreiteiras antes do feriado de Primeiro de Maio e a possibilidade de prisões de tubarões ligados ao financiamento de campanhas. Caso empresários sejam presos pouco antes do feriado, haverá menor possibilidade de concessões de habeas corpus pelos tribunais superiores.

. Essa possibilidade foi antecipada, na semana passada, pela colunista Sonia Racy, do Estado de S. Paulo, que noticiou uma nova ação da PF, decorrente da Lava Jato, às vésperas do feriado prolongado. A conferir.


2 comentários:

FAÇANHA, o advogado do povo disse...

BRAVO, BRAVÍSSIMO, DELEGADOS DA PF!

Anônimo disse...

Seria o desdobramento natural das investigações a busca pelos corruptores.
Se existe corrupção e corruptos a lógica aponta na direção da existência dos corruptores.
PAPUDA prá todos !