FGV pesquisa inflação junto a consumidores: 11,3% foi o índice

A Fundação Getúlio Vargas ouviu os consumidores para estimar a inflação dos próximos 12 meses. A pesquisa resultou num acumulado de 11,3%. O indicador é 0,3 % superior à pesquisa realizada em dezembro do ano passado.

Conforme a FGV, o aumento é reflexo de um alto Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), a inflação oficial, que fechou 2015 em 10,67%, bem acima do teto da meta de inflação do governo federal, de 6,5%. É esperada uma reversão desta expectativa dos consumidores, no entanto, pela fundação, no segundo semestre deste ano, quando os efeitos da crise sobre os preços serão intensificados.

2 comentários:

Anônimo disse...

A situação esta ficando muito ruim, se as pessoas não perceberem e continuarem a
gastar com coisas que podem ser excluídas, depois não se recuperam mais.

Assinatura de jornal, tv a cabo, trocar internet por outra mais em conta, ou compartilhar, carro só o necessário, existem muitas coisas que podem e devem ser ajustadas em momentos como estamos.

Anônimo disse...

E o restante ficou aonde...., embaixo do tapete ...kkkk