Marchezan está em Brasília para tratar do Centro de Eventos de Porto Alegre. Governo federal tem R$ 60 milhões para a obra.

O prefeito Marchezan Júnior irá as 15h na Secretaria Nacional de Mobilidade e Serviços Urbanos do Ministério do Desenvolvimento Regional. Ele falará com o secretário Jean Carlos Pejo. Antes, participa de reunião-almoço na Confederação Nacional do Comércio com representantes do Ministério do Turismo e presidentes do Sindicato dos Hotéis e Alimentação do Brasil e o presidente do Sindicato de Hospedagem e Alimentação (Sindha), Henry Starosta Chmelnitsky.

Nas pautas dos encontros está o projeto e construção do Centro de Eventos de Porto Alegre, orçados em R$ 60 milhões. O projeto  tem previsão de recursos do PAC Turismo, a fundo perdido, negociado com o governo federal e com prazo a expirar em 1º de março. O complexo deverá ser erguido em uma área de 3,7 hectares ao lado do Estádio Beira-Rio

14 comentários:

Tiago disse...

Irá na Secretaria Nacional de Mobilidade e Serviços Urbanos ou irá à Secretaria Nacional de Mobilidade e Serviços Urbanos?

Anônimo disse...

Olha ai o governo federal distribuindo dinheiro que não tem para os amigos fazerem "obras".

Depois tem que fazer reforma daqui e dali para tapar o buraco.

A ingerência do dinheiro público, que não é deles, assombra o contribuinte.

Economizem primeiro, para depois, pensar em fazer reforma previdenciária, etc... para ferrar com o povo.

Anônimo disse...

Melhor utilizar estes recursos a fundo perdido, para consertar as ruas esburacadas e outras demandas, do que fazerem grandes obras eternamente inacabadas, com o intuito de embolsar uma parte da grana.

Anônimo disse...

O povo precisando de hospital e atendimento médico de qualidade.
As pessoas morrendo jogadas nos corredores do pronto atendimento, e o governo gastando esse valor com a pasta do turismo.

Que gastem em outras áreas, quando as principais estiverem 100%, e com dinheiro sobrando.

Não é o caso, nem o momento de fazer investimento com dinheiro que não se tem.

Não tem dinheiro para arrumar o buracos da ruas, nem para recapear as rodovias, mas para subir um prédio menos importante, tem.

Anônimo disse...

Esses assuntos deveriam ser tratado por teleconferencia, não é mesmo?

Anônimo disse...

Esses assuntos deveriam ser tratado por teleconferencia, não é mesmo?

Anônimo disse...

Vai asfaltar as ruas, vagabundo

Anônimo disse...

Vai dar uma repaginada no Viaduto Otávio Rocha e derrubar a parede podre da tal casa azul que é muito melhor.O viaduto é um belíssimo ponto turístico atirado as traças por décadas.No meio dele em cada lado tem duas estátuas segurando tochas que são as luzes.Tudo escuro e tapado de sujeira.Inacreditável a má administração que faz o prefeito.Se metem a governar e depois só pisam na bola.

Luiz Vargas disse...

E quanto aos 180 milhões da CEF, a fundo perdido, que a prefeitura perdeu por não ter apresentado projeto, o que o Napoleão Júnior tem a dizer a respeito?

Anônimo disse...

Que tal terminar as obras da copa em vez de começar novas????????

Anônimo disse...

Olha ai o governo federal distribuindo dinheiro que não tem para os amigos fazerem "obras".

Em 1º lugar, não sei de onde tiraste que Marchezan é "amigo" do governo federal... do povo do RS então, o governinho federal é o inimigo nº 1.

O governo-federal-lixo é recolhedor de dinheiro, não distribuidor... do RS, leva bilhões e devolve esmolas.

O RS agradece se os brazileiros mantiverem o governicho federal aí em cima, bem longe daqui.

Anônimo disse...

Arrumem a cidade esburacada do prefeito playboy. Centro de eventos não precisa!

Está cheio de hotéis subutilizados!


Só quero ver... a água já está aparecendo com problemas, por falta de verba para tratamento adequado!


Porto Não Tão Alegre, vai perder população, por causa destas pessoas de "bem" e "inteligentes"

Anônimo disse...


Marchezan esta demonstrando cada vez mais que é um bom orador. Na frente de grupinhos fala o que cada um quer ouvir.
Um bom orador que seduz e arranca aplausos da plateia pela sua fala. Mas só fica nisto.

Não nasceu para ser político de resultados. Tinha o maior número de vereadores no legislativo e consegui a proeza de ficar emperrado em projetos que dificilmente o político de carteirinha vai aprovar.

Concorre ao cargo de pior Prefeito de Porto Alegre.

Anônimo disse...

E a trincheira da Ceará? Nao tem fim..
Atila