Queda brutal na arrecadação do ICMS poderá resultar em atraso nos repasses dos duodécimos

O primeiro mês de arrecadação do novo governo estadual gaúcho, desastroso, já que no caso do ICMS, o mais importante imposto, houve recuo real, pelo IPCA, de 14,1% (18,5% se deflacionados os valores pelo IGP-DI), somando R$ 2,7 bilhões, poderá levar o governo Eduardo Leite a atrasar os próximos repasses dos duodécimos devidos aos Poderes Judiciário e Legislativo.

É o que é.

Quem viver, verá.

O cálculo descrito acima pelo editor em primeira mão, é feito em cima dos valores do mesmo mês do ano anterior.

Em relação ao mês anterior, o desastre foi ainda maior, já que a queda foi de 29,3%.

22 comentários:

Anônimo disse...

Mais do que na hora de todos os poderes sentirem os efeitos da crise. Sem sentir os poderes nao vao auxiliar na busca de uma solucao. O judiciario e o legislativo sao importantes nisso. Precisam de um choque de realidade!!! Mas duvido que o governo do Milk tenha essa coragem. Muito politicamente correto pro meu gosto.

Anônimo disse...

Até o Bispo sabe que do jeito que está, até o Judiciário vai levar ferro.
Não tem mai da onde tirar.Que abram-se os concursos públicos.
Que aumentem as aposentadorias dos marajás.
Que mandem para o inferno os príncipes do Estado.

Vou parar para não vomitar.
Viúvas pensionistas do alto escalão, preparem seus currículos , incluindo idade , medidas e desgaste e mandem para a Tia Carmem.
Não precisa concurso.

Anônimo disse...

O LEITINHO VAI ACABAR DANDO O BANRISUL!

Anônimo disse...

sugiro ao Leite fazer o que todos os outros governos fizeram.... aumentar impostos... para daqui há dois ou três anos cair a ficha que esse não é o caminho.
Veremos se o cursinho na Inglaterra serviu para alguma coisa...
Aqui nos EUA é de chorar como os impostos são cobrados e da maneira como isso funciona. Os serviços públicos funcionam com poucas pessoas, nada de tetas ocupadas com funcionários públicos que nada fazem, ou pensam que fazem (como é o caso no Brasil).
Lamento que estamos indo para o fundo do poço.

Alaor disse...

Em dezembro houve antecipação de ICMS por isso que caiu em janeiro. A partir de fevereiro vai voltar a crescer significativamente sobre o ano passado.

Anônimo disse...

O ICMS nas alturas.O empresariado se manda do RS.É o chamado tiro no pé.Aumenta para arrecadar e o empresário sofre com a carga tributária e vai para outro estado.O RS deveria ser ajudado por todos,o governo federal tem que perdoar todas as dívidas do estado,porque aqui é o celeiro do Brasil.SP é a indústria,aqui é o arroz,a carne,a soja,trigo,maçã...ficar só cobrando lá de cima não dá mais.E quando um petista f.d.p começar a gastar sem controle,tem que ir para a prisão e ter uma intervenção federal.Quem quebrou o estado hoje recebe um belíssimo salário pelo resto da vida.Está tudo errado.

Anônimo disse...

E ficará cada vez pior enquanto Leite estiver no governo.

Helmuth disse...

Janeiro e fevereiro o gaúcho só quer praia... acima do Mampituba já estão em aulas e trabalhando normalmente... logo, não tem do que reclamar.

Anônimo disse...

Não tem saída. Tem que vender CEEE e Banrisul. E dar graças a Deus se alguem se interessar em comprar estes mamutes.

Anônimo disse...

Se os impostos fossem honestos! Como temos "vários políticos cristãos honestos' seria um paraíso aqui! [Fui irônico se não entenderam a ponderação]

Caindo Manah dos céus!

O Rio Grande Que não dá certo, vai perder mais cidadãos para Santa Catarina, entre outros lugares.

Só metem a mão no bolso da população!

Não vejo as casas [Os deuses do Olimpo, Os burgueses da ladainha, e outros grudados os chupa cabras] dar sua contribuição de sangue para levantar o estado.

Porto Não Tão Alegre cada dia vai perdendo pagantes de impostos, seja por fechar uma empresa ou funcionários demitidos.

A culpa não é só dos políticos que tomam o que não é deles, também os empresários [Que são muitos e votam em diversos partidos de linha politica diferentes de porta de cadeia] que pagam propina e outros lacaios ou puxa sacos.

E não adianta falar que foi a esquerda que meteu a mão!

Pois, não existe esquerda ou direita! Existe os que querem tudo e os que não terão quase nada ou nada!

E esta história de que minha bandeira não é vermelha é balela, tendo em vista que o pessoal do atual presidente foi fazer visitinha , para conhecer sistema de monitoramento da população na china. Entre outras papagaiadas. Estando até o filho do atual presidente numa destas.

Enfim, serão 20 anos de mudanças e pelo jeito o diabo vai continuar firme e forte nestes pagos.

E quem rouba mais come tudo e todos, e quem não pode têm que ficar escondido para não virar adubo numa estrebaria.

Se é pra ser cristão como todos vomitam nos palanques e currais eleitorais.

Prefiro ser ateu! E em breve fora daqui também! Ou seja menos um pagador de imposto para O Rio Grande que não dá certo!



Anônimo disse...

Esses afetados do governo estadual acha que basta aumentar impostos que tá tudo resolvido, pq esse sujeito afetado não baixa o icms? O povo sempre q se lasca, preferiu manter o aumento mais dois anos do q baixar e com isso estimular o estado, Trump tá ai pra mostrar o quando é benéfico baixar os impostos.

Anônimo disse...

kkk

miguelitomedeiros disse...

Rio Grande do sul deixou de ser celeiro há tempo. Centro oeste produz mais e melhor que o RS. Com melhoria das malhas ferroviarias, ainda vai fica mais competitivo em relação ao produtor gaúcho.

Anônimo disse...

Como eu falava anteriormente sobre indo embora...

https://www.jornaldocomercio.com/_conteudo/economia/2019/02/668923-kimberly-clark-vai-fechar-fabrica-no-rio-grande-do-sul.html

Anônimo disse...

Ótima notícia, menos dinheiro tingido da população

Anônimo disse...

Que bom, quando faltar para todos quem sabe acordam...

Anônimo disse...

Notícia estranha; em plena recuperação da economia o governo vem dizer que perdeu arrecadação. Isso merece uma auditoria cidadã.

Anônimo disse...

O ICMS nas alturas.O empresariado se manda do RS.É o chamado tiro no pé.Aumenta para arrecadar e o empresário sofre com a carga tributária e vai para outro estado.O RS deveria ser ajudado por todos,o governo federal tem que perdoar todas as dívidas do estado,porque aqui é o celeiro do Brasil.SP é a indústria,aqui é o arroz,a carne,a soja,trigo,maçã...ficar só cobrando lá de cima não dá mais.E quando um petista f.d.p começar a gastar sem controle,tem que ir para a prisão e ter uma intervenção federal.Quem quebrou o estado hoje recebe um belíssimo salário pelo resto da vida.Está tudo errado.

Pode esperar sentado que o governicho do brazil vá "perdoar" alguma coisa do RS... perdoar só da Africa:

https://www.youtube.com/watch?v=-UwlWergkFQ


Janeiro e fevereiro o gaúcho só quer praia... acima do Mampituba já estão em aulas e trabalhando normalmente... logo, não tem do que reclamar.

Ah, acima do Mampituba eles trabalham muito... hahahahahahaha!

Anônimo disse...

A crise é real, mas seguem empurrando com a barriga o endividamento crescente, que, quem criou, não responde nem se preocupa com nada.

Anônimo disse...

Está ai o resultado de deixarem fazer dívidas e mais dívidas.
O que aconteceu com o equilíbrio entre receita e despesa pública??
Deixaram os empréstimos e financiamentos de fora de propósito para seguirem tendo donde pegar mais quando faltar, e a farra do dinheiro público continuou.
Tá ai o resultado.

Anônimo disse...

O povo não aguenta mais o tanto de imposto.

Anônimo disse...

Classe maldita essa dos políticos sugadores do dinheiro do povo.
Dos tempos medievais até hoje, só mudou a forma de governo, mas o roubo e a extorsão governamental e o massacre sobre o povo é a mesmo.