Índice de confiança da indústria recuou em junho

A queda foi puxada principalmente pela retração das expectativas.

Em linha com o resultado preliminar, os dados divulgados há pouco pela FGV confirmaram a queda do índice confiança da indústria em junho. O recuo do indicador, que passou de 92,3 para 89,5 pontos entre maio e junho, foi explicado principalmente pelo desempenho do componente de expectativas, que caiu 3,6 pontos no período. O componente de situação atual, de forma mais moderada, também mostrou retração de 89,0 para 87,0 pontos. O nível de utilização da capacidade instalada, por sua vez, caiu de 74,7% para 74,2%. 

Esta moderação apontada pelos indicadores de confiança em junho reforça a expectativa de que a retomada da economia acontecerá de forma gradual ao longo deste ano, com retração do PIB ainda projetada para o segundo trimestre.

Um comentário:

Anônimo disse...

Mas bastava tirar a Dilma ladra que a confiança voltava...o que aconteceu, editor?