Acessos de telefonia celular continuaram em retração em agosto

O número de acessos de telefonia celular recuou para 252,1 milhões em agosto, conforme divulgado na última terça-feira pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), o que representa uma queda de 0,2% em relação a julho, na série original, sem ajustes sazonais. O resultado foi puxado pela retração de 0,7% de celulares pré-pagos, que atingiram 176,2 milhões de acessos em agosto, o que representou 69,9% das linhas em operação. Em sentido contrário, os acessos de telefonia pós-pago subiram para 75,9 milhões, avançando 1% entre julho e agosto. 

Os dados da Anatel demonstram que a telefonia pós-paga continuou ganhando espaço ante a pré-paga. 

O mercado de trabalho enfraquecido nos próximos meses deverá manter o mercado de telefonia celular em patamar deprimido, retomando o crescimento somente no próximo ano.

Um comentário:

Anônimo disse...

Tudo chega no limite, como os desgovernos anteriores, a venda de celulares também deve ter chegado no limite.Tem mais telefones que gente no país, só despesas desnecessárias l