Criação de vagas formais em dezembro reforça tendência de recuperação do mercado de trabalho

Os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados na sexta-feira, surpreenderam positivamente. 

O fechamento líquido de vagas formais de trabalho foi de 328,5 mil em dezembro, inferior ao esperado, de redução de 395,0 mil vagas.

 Por questões relacionadas à sazonalidade, o último mês do ano costuma apresentar saldo negativo, e em 2017 surgiu o melhor resultado desde 2007. No ano, foram fechadas 123,0 mil vagas (ante redução de 1,3 milhão de vagas em 2016). Descontados os efeitos sazonais, foram criados 63,0 mil empregos em dezembro, mantendo a tendência de recuperação do mercado de trabalho. 

Ao mesmo tempo, o salário médio dos admitidos continua mostrando desaceleração, constituindo um vetor benigno para a inflação.

3 comentários:

Anônimo disse...

o blog fascista virou silvio santos? ehehehehe

Mordaz disse...

Pedidos de falência disparam em 265% no RGS. Deve ser esta tal "recuperação" econômica.

Anônimo disse...

Milagres do bebê na manjedoura, nascido no mesmo dia do sol invictus...