Jornais perderão R$ 1,2 bilhão anuais com perdas de publicações legais

O governo Bolsonaro revelou, hoje, que jornais como Zero Hora, Correio do Povo, O Globo, Valor e Folha, perderão R$ 1,2 bilhão com a decisão de autorizar publicações legais apenas em sites próprios ou da CVM.

19 comentários:

Anônimo disse...

Uns perdem outros ganham. É a modernidade, sempre em marcha. Há poucos anos as empresas que revelavam fotografias ganhavam dinheiro, hoje não existe mais nenhuma.

Anônimo disse...

Essas empresas jornalisticas passaram a viver de verba pública. Por isso falam mal ou bem do governo em troca de anúncios milionários.
Jornalismo tendencioso, forçado, comprado e vendido e extorsivo.
Politicagem jornalistica contratada para endeusar políticos ou acabar com a reputação, conforme as negociatas.

Anônimo disse...

Imprensa marrom para manobrar a opinião pública por conta de recursos públicos.

Anônimo disse...

E o povo pagador de impostos bancando tudo.
Quando que o povo vai se dar conta que o governo corrupto não merece o imposto pago.

Joel Robinson disse...

E O TRENSURB QUE TEM 1100 FUNCIONÁRIOS! 22 POR CADA TREM

Anônimo disse...

Apoio integralmente esta medida. As empresas simplesmente eram obrigadas a gastarem dinheiro, e ninguém lia estes balanços.
Tem ainda, o fato de que com esta medida se evita a derrubada de milhares de arvores, vez que não vai mais precisar imprimir milhares de folhas de jornais...

Anônimo disse...

Isto ainda é uma MEDIDA PROVISÓRIA. Alguém acredita que isto será aprovado sem resistência pelo parlamento.

Anônimo disse...




Recomendo o livro sobre Bolsonaro "O cadete e o capitão" de Luiz Maklouf.
https://www.youtube.com/watch?v=G4Huly5g3WI

Ernesto Araújo: o Itamaraty a serviço dos Estados Unidos.
https://www.youtube.com/watch?v=f5YjifzYdqk

Muito cuidado com as privatizações!
https://www.youtube.com/watch?v=jRtrgZcF7Dc

Qual é o interesse do presidente Jair Bolsonaro na Receita Federal do Rio de Janeiro?
https://www.youtube.com/watch?v=QKSYljQiuRs

Flavio Bolsonaro que é investigado, indicando Antonio Carlos Soares para a PGR.
https://www.youtube.com/watch?v=KetwkxcnDZs



Anônimo disse...

Ninguém lê balanço publicado em jornal.
Medida acertada.

Anônimo disse...

ÓTIMO!
Esther

Anônimo disse...

Ótimo! Publicar balanços, etc de empresas só servia pra gastar papel e o jornal ganhar dinheiro. O povo não lia e, se lia, não entendia. Assim, será publicado somente onde o público especializado e quem estiver interessado lerá. Sem falar na imensa economia de dinheiro e papel! Viva a ecologia, não é ecochatos?

Anônimo disse...

Realmente era uma informação ultrapassada.Perdem os jornais e ganham as Empresas.

Anônimo disse...

Vai ser a pá de cal na maioria delas

Anônimo disse...

Agora dá para entender o porquê do ódio que a imprensa tem desse governo Bolsonaro. Paulatinamente estão perdendo as mamatas que os enriqueceram.

Gilson disse...

Essa exigência de publicação em tempos de internet é ridícula!

Anônimo disse...

Nem mesmo na Folha Universal?????????????
Pera aí. aí é demais

Gasparzinho disse...

Por mim pode fechar todos.

Anônimo disse...

Não sinto falta, a parcialidade deses jornalecos foi seu tiro no pé.

Anônimo disse...



Quem sabe uma regulamentação tornando obrigação as publicações legais funcionarem somente nos sites autorizados.