Safra brasileira de grãos 2018/2019 deverá aumentar entre 2,5% e 4,5%, segundo a Conab


A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) divulgou ontem a estimativa de novembro para a safra brasileira de grãos 2018/19, que está em desenvolvimento no país. 

Área plantada - A área plantada está estimada entre aproximadamente 61,9 milhões de hectares (limite inferior, o que corresponde a uma alta de 0,3% ante a área da safra 2017/2018)) e 63,1 milhões de hectares (limite superior, uma elevação de 2,2%). Comparativamente ao levantamento de outubro, houve uma elevação da projeção para o limite inferior e uma diminuição para o limite superior. 
Produção - Do ponto de vista da produção de grãos, os números registrados em novembro foram ligeiramente superiores aos do levantamento anterior. A expectativa é de que a produção total se situe entre 233,7 milhões e 238,3 milhões de toneladas na safra atual, superando a anterior, de quase 228 milhões de toneladas. Portanto, deveremos ter uma oferta doméstica de grãos entre 2,5% e 4,5% superior à anterior. Milho e soja, que totalizam cerca de 90% do que é produzido de grãos no Brasil, deverão apresentar níveis de bastante elevados para os padrões históricos.

2 comentários:

Anônimo disse...




QUE TRISTEZA...

Nosso país sempre dependendo do setor primário!

E os produtos com alto valor agregado, com tecnologia de ponta que trazem mais riqueza?

Anônimo disse...

Eu sempre fico impressionado com a produtividade da agropecuária brasileira. Todo ano tem grandes resultados. É um orgulho nacional.