Juiza recusa censura a vídeo com sátira de Danilo Gentili sobre Maria do Rosário

A 7ª Vara da Seção Judiciária do Distrito Federal do Tribunal Regional Federal (TRF) indeferiu um pedido da Câmara dos Deputados que pedia que Danilo Gentili retirasse do ar um vídeo em que ele rasga uma notificação judicial enviada pela deputada federal Maria do Rosário (PT-RS). Em junho, o Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul (TJRS) determinou que o apresentador tirasse do ar os vídeos com ofensas à deputada.

O pedido dos advogados da deputada para a retirada das imagens foi deferido pelo desembargador Túlio Martins, da 10ª Câmara Cível do TJRS. Em nota, Martins afirmou que as imagens do vídeo são de natureza misógina.

Na filmagem que foi objeto do atual pedido da Câmara, o apresentador esfrega o papel em suas partes íntimas. 

A juíza federal Luciana Raquel Tolentino de Moura, porém, não acatou o pedido e justifica citando o livre direito à manifestação.

CLIQUE AQUI para ver o vídeo.

23 comentários:

Anônimo disse...

Maria do Rosario chupa essa manga sua bruaca feiosa!

Anônimo disse...

Acabou o tempo em que os petralhas mandavam no judiciário. Agora é a planície com suas agruras, especialmente para seu líder condenado por corrupção. Gatos pingados ainda o cercam, mas a reserva de mortadela está no fim e não haverá reposição. Os sindicatos pelegos vão ter que mostrar serviço se quiserem arrumar pro sanduíche.

Mordaz disse...

Surpreendente pois o " o livre direito à manifestação" é o que menos vale neste país. Nem jornalistas defendem o dos outros, só o seu.

Anônimo disse...

Dr. Túlio, Dr. Túlio...

Anônimo disse...

Livre expressão sim. Só que esse rapaz ensinou 15 milhões de seguidores, inclusive meu filho, que pode responder as coisas sem respeito e educação. Estou esperando a hora em que eu vou deixar um bilhete para meu filho e ele vai esfregar nas bolas e me mandar de volta picotado.

Anônimo disse...

Estamos em 2017 e alguns setores do Judiciário ainda não entenderam o que significa "livre direito à manifestação". Não é mesmo, Dr. Túlio?

Anônimo disse...

Parabéns, juíza.
Os juízes daqui do RS são tudo esquerda caviar !
É uma vergonha !!!!!!

Anônimo disse...

O pior para esta mulher, defensora de bandidos e maldita petista, não é nada disto. Nem mesmo o envolvimento de sua pobre filha adolescente com drogas, o é. O que ela esta APAVORADA MESMO, é que ela não será REELEITA. Voltará à planície, ao lixaredo de sua vidinha podre. ADEUS! Logo te esqueceremos.

Anônimo disse...

Aqui no Rio Grande, essa classe judiciária tem um paradoxo. Num momento em sua grande maioria é comunista, metida a progressista e canhota. Noutro momento parte para defender o capitalismo. Dai, durma-se com um barulho deste.

Anônimo disse...

Maria louca Odebrech do Rosário enrigesse o grelo atômico vendo esta noticia, cheguei a conclusão que em todo PT não existem DEZhonestos

Anônimo disse...

Essa senhora é prá lá de lamentável.

Anônimo disse...

Parabenizo a MMª Srª Juíza.
Afinal,tem liberdade de imprensa,ou não tem?
Hipocrisia,sabe-se que tem,e muita.

Justiniano disse...

Maria do ossário pediu e levou!

Espero que o RS não eleja nunca mais essa louca e desmiolada.

Porque que toda comunista é feia e histérica.

OBS:. Corre de boca em boca em Brasília que a maioria dos deputados federais do PT no RS vão ser candidatos a deputado estadual, porque com a queda de votos deles, somente no RS teriam alguma chance de se eleger, porque 30% do eleitorado no RS tem bandido de estimação.

Anônimo disse...

Que boa notícia! Esta na hora de acabarmos com esse tal políticamente correto...sempre a favor do malfeitores..e políticos desmiolados

Anônimo disse...

Errou a Maria do Rosário, se entrar na Justiça de SP, seja ele Federal ou Estadual contra Coxinha é pedir para perder. Em SP os juizes, ressalvadas algumas exceções, além de imparciais são Tucanos.

Anônimo disse...

LÍDER EMPRESARIAL DISPARA CONTRA TEMER: FRACASSOU:

Presidente-executivo da Associação da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq), José Velloso foi contundente ao criticar o aumento de impostos nos combustíveis executado por Michel Temer; para Velloso, Temer fracassou no ajuste fiscal; "E o plano fracassou por culpa da própria equipe econômica, que insistiu no corte de gastos em meio à maior recessão da história do país e não se preocupou em criar mecanismos para a retomada do crescimento", disse; segundo ele, Temer e Henrique Meirelles só adotaram medidas no sentido de "afugentar investimentos"; escalada tributária em meio à pior depressão econômica do País (...)

21 DE JULHO DE 2017 ÀS

247 - O presidente-executivo da Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq), José Velloso foi contundente ao criticar o aumento de impostos nos combustíveis executado por Michel Temer. Para Velloso, Temer fracassou no ajuste fiscal.

"E o plano fracassou por culpa da própria equipe econômica, que insistiu no corte de gastos em meio à maior recessão da história do país e não se preocupou em criar mecanismos para a retomada do crescimento", disse. "Ao contrário. As ações foram todas no sentido de afugentar investimentos", afirmou Velloso ao jornal Valor Econômico.

O líder empresarial afirmou que dos oito pontos de queda do PIB dos últimos três anos, "cinco foram causados pela falta de investimento", e criticou a lentidão do governo na redução da taxa de juros. Segundo ele, o juro real dobrou em meio à recessão, porque em 2015 o país teve perto de 10,5% de inflação e taxa Selic de 14,25% ao ano. Hoje, com a inflação em torno de 4%, a taxa básica caiu, mas está em 10,25%.

Por fim, o executivo da Abimaq criticou a falta de estímulos à exportação e a valorização do real, "que tira competitividade dos produtos brasileiros". Velloso disse não ser contra o ajuste fiscal, mas defende o aumento da arrecadação pela retomada da atividade.

PS: Os empresários, coxinhas, MBL, Médicos, evangélicos, Rede Globo a casa grande derrubaram dilma para botar seu "ventriloco", o traíra, para que os beneficiassem, em detrimento dos trabalhadores e os mais pobres se quebraram. Agora é mexer e gozar, como diria Marta Suplicy

Anônimo disse...

MI MI MI MORTADELA.

Anônimo disse...

Parabéns Dra. Luciana! Não podemos confundir as coisas.

Anônimo disse...

MORO VIROU CABO ELEITORAL DE LULA, DIZ REINALDO:

Um dos porta-vozes do movimento neoconservador brasileiro, o jornalista Reinaldo Azevedo afirma que o juiz Sergio Moro se converteu no principal cabo eleitoral do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, ao condená-lo sem provas, no episódio do chamado "triplex do Guarujá"; "Hoje, um de seus cabos eleitorais involuntários, dadas a sentença e a resposta aos embargos de declaração, é Moro. Ele empurrou para o TRF-4 uma escolha sem saída virtuosa: ou confirma uma condenação sem provas e alheia à denúncia, o que seria um desastre, ou absolve o chefão petista, outro desastre", diz Reinaldo, que concorda com a defesa de Lula e afirma que a condenação não guarda relação com a acusação proposta pelo Ministério Público.

21 DE JULHO DE 2017

247 – A cada dia, fica mais claro que a democracia brasileira foi golpeada em razão do fator Lula. Depois da quarta vitória sucessiva do PT, em 2014, a direita nacional não suportou a hipótese da volta de Lula em 2018. Na fase um do golpe, a presidente legítima Dilma Rousseff foi derrubada com a armação em torno das chamadas "pedaladas fiscais". A fase dois, que prevê a condenação do ex-presidente Lula em primeira e segunda instâncias, está em pleno curso.

No entanto, o tiro pode sair pela culatra. Segundo o colunista Reinaldo Azevedo, ao condenar Lula sem provas, o juiz Sergio Moro se tornou num de seus principais cabos eleitorais. "Hoje, um de seus cabos eleitorais involuntários, dadas a sentença e a resposta aos embargos de declaração, é Moro. Ele empurrou para o TRF-4 uma escolha sem saída virtuosa: ou confirma uma condenação sem provas e alheia à denúncia, o que seria um desastre, ou absolve o chefão petista, outro desastre", diz Reinaldo, em artigo publicado nesta sexta-feira.

O jornalista que concorda com a defesa de Lula e diz que a condenação não guarda relação com a acusação proposta pelo Ministério Público. "Indagado, nos embargos de declaração, a respeito da ausência de nexo, na sentença, entre o apartamento e os contratos, o juiz respondeu de forma surpreendente e insólita: 'Este juízo jamais afirmou, na sentença ou em lugar algum, que os valores obtidos pela Construtora OAS nos contratos com a Petrobras foram usados para pagamento da vantagem indevida para o ex-presidente'. E a acusação feita pelo MPF? Se um juiz acha que um réu deve ser condenado por algo distinto do que está na denúncia que ele próprio aceitou, é forçoso que isso seja feito em outro processo", diz Reinaldo (...)

PS: Se RA falou, tá falado. Esse tem o "filling" acima da média dos vagabundos, digo, dos neo nazistas.

Anônimo disse...

Correta a juíza federal. Mas esse Gentili deveria ser multado por ser mal educado...

Anônimo disse...

São dois idiotas, tanto a Rosário como o Gentili.

Anônimo disse...

O grelo duro dela estremeceu quando recebeu essa negativa. Que vá chorar no colo do seu bandido de estimação: o CORRUPTO Luiz Vigarista 9 Dedos da Silva.

Unknown disse...

Se eu fizer o que fez o gentilli (passar nas minhas partes intimas )com esta sentença e enviar para esta juíza seguramente que sua atitude sera outra.