Taxa de juros do cheque especial atinge nível recorde

A taxa de juros do cheque especial teve alta em agosto. De acordo com informações do Banco Central, divulgadas nesta quarta-feira, em Brasília, a taxa subiu 2,7% de julho para agosto, chegando a 321,1% ao ano. O número representa um novo recorde na série histórica iniciada em julho de 1994.

No acumulado para este ano, a taxa do cheque especial já subiu 34,1% em relação a dezembro de 2015, quando estava em 287% ao ano. A taxa do crédito rotativo do cartão de crédito é cobrada quando o consumidor paga menos que o valor integral da fatura e também apresentou alta.

No mês de agosto, os juros do cartão aumentaram 3,5%, se comparados a julho, e chegaram a 475,2% ao ano. Em 2016, a taxa já subiu 43,8% na comparação com dezembro.

4 comentários:

Anônimo disse...

O sistema financeiro está recebendo seu quinhão pelo apoio a queda da Dilma

Anônimo disse...

efeito traira?

Anônimo disse...

Felizmente, depois de 1988, a atividade não precisa mais CARTA PATENTE.
Quem quiser, e TIVER COMPETˆENCIA, pode abrir seu banco.
Precisamos fazer uma campanha para a poupança, e melhorar a legislação nas execuções das garantias.
Tudo está relacionado. É um trem com muitos vagões.
Na composição do custo, tem muitos componentes.

Anônimo disse...


Nuncanahistoriadestepais