PP gaúcho em pé de guerra por conta da má distribuição do Fundo Partidário

Os deputados e dirigentes estaduais do PP estão inconformados com a decisão da direção nacional de repassar exclusivamente para os deputados e senadores do Partido, os recursos do Fundo Partidário, cabendo-lhes a prerrogativa para a distribuição entre os candidatos a vereadores e a prefeitos.

Cada deputado federal teve direito a uma tranche de até R$ 1 milhão.

A direção estadual, a quem tradicionalmente cabe fazer a distribuição de modo a beneficiar os candidatos com menos recursos e aqueles com maiores possibilidades de vitória, ficou a ver navios.

Isto nunca aconteceu antes no PP.

E não acontece em nenhum Partido.

5 comentários:

Anônimo disse...

Esse é o PP da Ana Amélia, do Ciro Nogueira, do Maluf e dos Dep Fed gauchos do Partido que foram citados na Lava jato.

Anônimo disse...

PPpetrolão, não dá para votar no 11, e ver o Marcel só falar mal do PT e deixar o resto no silêncio.

Anônimo disse...

Deve ser por isso que o Presidente do PP tá baixado no hospital.....

ALMANAKUT BRASIL disse...

Partidos recebem mais de R$ 71 milhões do Fundo Partidário em maio de 2016

justicaeleitoral

https://www.youtube.com/watch?v=ZGFnLSrjILo

Anônimo disse...

Este Fundo afunda os brasileiros e é imoral na situação que a economia se encontra!