Banrisul diz hoje como será o empréstimo do 13o para os servidores estaduais

O Banrisul dirá hoje como serão os empréstimos que concederá para o funcionalismo estadual que não receberá o 13o O banco poderá fazer o empréstimo para pagamento em seis parcelas, com carência de meio ano, ou seja, acompanhará os prazos que o governo se dispôs cumprir na quitação do direito devido aos servidores.

É preciso ficar atento ao juro cobrado pela instituição, que não pode ser maior que o aplicado pelo Estado: variação da LFT (Letra Financeira do Tesouro), mais uma taxa de 0,8118% ao mês

No primeiro ano do governo Yeda e nos quatro anos do governo Rigotto, o Banrisul cumpriu o mesmo papel, mas nunca houve perído de carência e pagamentos parcelados. 

Nenhum comentário: