Nova direção da CEEE não chama TCE para investigar nova disputa de R$ 8 bilhões com a União

A atual direção da CEEE não parece interessada em chamar o TCE para inspeção extraordinária e nem a Cage para cobrar o que fez o governo Tarso. R$ 8 bilhões estão em jogo. -

Existe uma nova disputa judicial envolvendo o governo da União e a CEEE, igualmente da mesma natureza que resultou no pagamento de R$ 3 bilhões feito pelo governo Dilmas.

Tudo tem a ver com indenizações.

Na primeira etapa da disputa, ajuizada por Vieira da Cunh (leia nota a seguir), a CEEE venceu e embolsou R$ 3 bilhões.

Acontece que na assinatura do acordo entre a CEE e a União quando do recebimento dos R$ 3 bilhões, o presidente da estatal, Gerson Carrion, amigo pessoal de Dilma, assinou  uma cláusula, a oitava, comrpoetendo-se a não mais reividincar nada que se referisse a CRC. Carrion sabia que poderia ser atacado com ação de improbidade.

Com receio disto, no apagar das luzses do governo Tarso Genro, no último dia, ele fez dois movimentos surpreendentes, negando o que assinou:

1)  Ajuizou ação para disputar a segunda etapa da CRC.
2) Contratou para fazer isto um escritório de advogados que não pode ser considerado de notório saber jurídico, o que dispensaria a licitação.

8 comentários:

Anônimo disse...

Pelo tamanho dos honorários dá para entender tudo.
Ah, e os advogados da empresa, servem para que mesmo ?

Anônimo disse...

O editor foi bondoso com o ex presidente ao dizer que contratou escritório de advocacia. Quem fez isso foi o Vieira da Cunha quando presidente da ceee. Uma ação de 8 bilhões de reais foi ajuizada sem a devida consistencia

Anônimo disse...

Mestre Políbio,
desde quando o PT contrata ou nomeia alguém com notório saber jurídico?
Os caras são bandidos mafiosos e até assassinos que não precisam de saber jurídico nenhum. Basta mentir, enganar a boiada militante e explorar a ganância dos grandes empresários que tudo ficará à vontade.
Se não fui mal informado o próprio Tarso já foi sócio de escritório de advocacia que ganhava tudo da Ceee.
Este assunto até foi mencionado na imprensa, a alguns anos , através da filha do Se. Brossard , a qual ficou apavorada com o descaso e a perda das causas trabalhistas que a Ceee sofria em função de uma gang que existia no departamento jurídico da estatal.

Anônimo disse...

O povo gaúcho sabe do esforço dos empregados da ceee para levar está empresa adiante. E são eles - consumidores e empregados, que sofrem as consequências de gestões voltadas à atender interesses de grupos (políticos ou empresariais ).

Anônimo disse...

Pergunta para o Carrion e para o secreterio geral da CEEE onde esta este documento assinado. O ex presidente Sergio Dias tambem assina o documento. Inpossivel deste incopetente Paulo de Tarso não tomar providências, deve estar articulado algo para facilitar a morte prematura da CEEE

Anônimo disse...

Polibio , o mais trágico de ver todo esse disparate acontecer numa empresa de serviços públicos essenciais e principalmente
de serviços alta periculosidade , é a falta de compromisso da gestão com seus empregados . Como se pode imaginar que profissionais
que trabalham diariamente com energia elétrica , possam estar tranquilos nas suas tarefas, quando o Diretor-Presidente da sua Empresa
vai a público em jornais de grande circulação e mesmo dentro da empresa deixa claro que não existe negociações , que ele pretende demitir, 300 ou 800 pessoas, não decidiu ainda..
Qualquer acidente por falta de atenção , nervosismo, pode ser creditado sem dúvida aos senhores gestores que criaram esse clima de
apreensão e terror junto ao corpo técnico !
Isso, qualquer juiz de direito levaria em conta!


Maria Lúcia Psicóloga organizacional

Anônimo disse...

Políbio, a usina de Itaipu está batendo recordes de produção de energia, o reservatório deve estar quase rachando de tanta água, mas pasmem, a bandeira tarifária na conta de luz para novembro continua vermelha, isto é, ainda continuamos sendo extorquidos pela quadrilha em consequência da incompetência da presidanta estúpida Dilma!
IMPEACHMENT DESTA CRIATURA INCOMPETENTE E ESTÚPIDA, JÁ!

Anônimo disse...

NORMALMENTE funcionário só faz greve pensando apenas em aumentos salariais.

Se os funcionários da CEEE soubessem da força que tem deveriam fazer uma greve geral exigindo apenas ADMINISTRADORES PÚBLICOS DE COMPROVADA COMPETÊNCIA para dirigir a CEEE.

Não deveriam mais aceitar indicações de políticos (a maioria uns safados que só pensam em si, só pensam na próxima eleição), que nunca pensam na empresa, em primeiro lugar.

Todas as empresas públicas brasileiras encontram-se na merda em que estão por falta de administradores competentes. Cada político que vai administrar uma destas empresas só pensa em se beneficiar.

Mas, na realidade, os funcionários são uns covardes. Quanto mais fazem a CEEE sangrar, mais perto chegam ao ponto que vão ficar sem emprego. Pois uma empresa completamente quebrada só tem dois caminhos: fechar (o que não é o caso da CEEE) ou ser privatizada.