Dólar abriu a manhã em alta

As 9h49min, dólar a R$ 3,86, em alta de 1,2%, refletindo a má impressão causada pelo pacote de ajuste fiscal lançado ontem a tardinha pelo governo federal.

A banca não se preocupou com o tamanho dos cortes, que chegou a aplaudir, e fez críticas leves à CPMF, porque sabe que quem pagará a conta será o cliente, embora seus negócios acabem mais reduzidos ainda.

Os banqueiros não se preocupam muito com a ideologia do governo e da oposição, porque o que vale é o entendimento que existe entre eles a respeito da coerência dos políticos e deles mesmos. 

Um comentário:

Anônimo disse...

Os banqueiros agradecem ao governo PT. Nunca foram tão beneficiados. Basta verem seus lucros em meio a crise em que o país vive.
No agiotagem praticada pelos bancos o governo não intervém, aliás intervém, da empréstimos a juros subsidiados (BNDES), pago por nós, aos "cumpanhero".