"Multidão de 600 manifestantes faz protesto a favor de Dilma no Paraná

Em várias capitais os atos de protesto em favor do governo Dilma já começaram. Ao lado, a multidão faz passeata de duas quadras em Curitiba, que no domingo reuniu 60 mil da oposição. -

Os 600 manifestantes que se concentravam na praça Santos Andrade, em Curitiba, iniciaram uma passeata pelas ruas do central da capital paranaense, de acordo com o último informe da Polícia Militar. 

Os organizadores do ato, por sua vez, estimam que o público presente seja de 4.000 pessoas. A marcha deve passar por avenidas como Marechal Deodoro e Marechal Floriano, seguindo até a praça Osório. A PM e a Setran (Secretaria Municipal de Trânsito) acompanham o protesto.

No blog do jornalista Fernando Pondé (a foto ao lado é dele), há a informação de que o público gritava consignas de "apoio!", das janelas:

- Vão trabalhar, vagabundos !.

A "multidão" acabou se dispersando. 

19 comentários:

Anônimo disse...

KKKKKKKKKKKKKKKKKKK, bando de pixulequeiros vagabas....

ARS disse...

Nossa! Tem que usar lupa para vê-los. Deve ser porque a mortadella aumentou de preço e ficou mais cara. O movimento dos mortadellas diminui quando a inflação sobe.

Unknown disse...

Hahahahah 600 manisfestantes? Não tem nem 100 comunas ali...

Anônimo disse...

Os de bem evitaram gastar ovos podres com os meliantes.

Anônimo disse...

ISSO SÃO VIRA LATAS CHAFURDANDO NO LIXO, LACAIOS DO COMUNISMO....PETISMO É UMA DOENÇA, LAVA JATO É A CURA...FORA PETEZADA SUJA

Anônimo disse...

Esperem que o DATAFOLHA vai dizer que eram 134.000 em Curitiba.

Anônimo disse...

Não consigo ver mais do que 300 pessoas nesta foto. Será que as outras 300 tinham ido pegar o pão com mortadela na birosca da esquina?

Emmanuel disse...

E é verdade!
Bando de vagabundos!
Gente séria protesta no domingo, porque na segundona começa tudo de novo e as contas estão ali para serem pagas! Noutras palavras: o povão tem que trabalhar!
Agora, vejam essa gente! Plena quinta-feira, dia de todo mundo estar trabalhando, os jaguaras interrompendo o trânsito, criando confusão ...
Esse bando de vadios não tem desconfiômetro mesmo!
Além de inconvenientes, defendem ladrões .., e o povo ainda tem que aguentar a conversa deles!!

Lucaspsb disse...

É isso aí mesmo. Aqui em PoA talvez chegue a mil, e olhe lá!

Unknown disse...

Tem mais PeTistas na Papuda do que na passeata aqui em Curitiba.

Unknown disse...

Tem mais PeTistas na Papuda do que na passeata aqui em Curitiba.

Anônimo disse...

SE AQUELA MULTIDÃO NO PARANÁ É DE 600 MANIFESTANTES PRÓ DILMA, ENTÃO, PELOS MESMOS CÁLCULOS, NAS MANIFESTAÇÕES DO DIA 16 HAVIAM MAIS DE 1 MILHÃO PELO IMPEACHMENT.

Anônimo disse...

Até mesmo a turma dos "indignados a favor" já está sentindo que a corrupção tomou conta e nada mais se salva. Estão desistindo de ser boiada?

Tchelo disse...

Nossa senhora, mas esse pessoal nao tem vergonha na kra mesmo, hoje é quinta dia de estar no pega.

Anônimo disse...

No Pará chegou a 300 pessoas aproximadamente. Eram tão poucos que não se poderia piscar.

Anônimo disse...

Pará. https://fbcdn-video-l-a.akamaihd.net/hvideo-ak-xpf1/v/t42.1790-2/11893715_725281464243362_147104799_n.mp4?efg=eyJybHIiOjQ0MSwicmxhIjo1MTJ9&rl=441&vabr=245&oh=cffda6c724622f299d11fd25a4f3f722&oe=55D63F4A&__gda__=1440107824_0266e69cd6f3bac20f40d31a7f1475da

Unknown disse...

Tem mais PeTistas na Papuda do que na passeata aqui em Curitiba.

Emmanuel disse...

Um grande jornal governista, por sinal, o maior do estado, entrevistou os líderes do movimento em prol da corrupção; o defensor da súcia afirmou que 350 (trezentos e cinquenta) ônibus levaram os manifestantes.
Bem: segundo os números da organização, eram 4.000 manifestantes, o que quer dizer que haviam algo em torno de 13 desavisados em cada ônibus. Já para a polícia, que calculou 600, certamente haviam 2 parvos em cada ônibus ... de certo, o motorista e o cobrador.
Agora, a falar a verdade: ninguém viu essa carreata de ônibus! Demais disso, nem o trânsito se complicou mais do que já é, diuturna e noturnamente, como diz a intelectual do grupo, dona Dilma.

Anônimo disse...

Os petralhas já estão cortando um prego, não vão a passeatas para não serem identificados pela policia logo mais tarde ou mesmo preso,
muitos deles em liberdade condicional ou outros crimes.