Governo Tarso propõe aumento de 15,76% para servidores da Brigada e Polícia Civil

O governo do Rio Grande do Sul enviou, nesta sexta-feira (4), à Assembleia Legislativa, os projetos de lei 67/2014, 68/2014 e 69/2014 que concedem aumento de 15,76% aos servidores da Brigada Militar e agentes de Polícia Civil.

5 comentários:

Anônimo disse...

Mas quem vai pagar é o outro governo que virá. Pois esse aumento é para 2015. kkkkk

Luiz Vargas disse...

Mais uma falcatrua do peremPTório embu$teiro prevaricador.
Está deixando para o trouxa que assumir o próximo mandato um abacaxi para descascar.
Estou avaliando votar neste pulha, caso concorra a reeleição, só para ter o prazer de ver a sacanagem estourar no rabo dele. Avalio mais: se ganhar não terminará o segundo mandato.

Anônimo disse...



ESTA ESMOLA Q DIZEM SER AUMENTO, É PARA SEREM PAGOS EM 3 ANOS, EM 6 VEZES, DE SEIS EM SEIS MESES, ACONTAR DE MAIO/2015 COM O PAGAMENTO DA ULTIMA MIGALHA EM DEZEMBRO DE 2017.
SÓ EM MARÇO/2014, A CESTA BÁSICA SUBIU MAIS DE 12%.
MAIS UMA VEZ OS FUNCIONÁRIOS DA SEGURANÇA (AGENTES) ESTÃO SENDO CONSIDERADOS O BODE FEDORENTO DA SALA, Q ARRUINAM OS COFRES DO ESTADO.

Anônimo disse...

Para quem não recebia nem reajuste da inflação no governo Yeda, os funcionários públicos estão vibrando, pelo menos estão tendo algum tipo de valorização em $. O PP, da Ana Amélia, através de seu lider, em recente entrevista aqui no blog é contra reajuste do funcionalismo e o Presidente do PP também já deu entrevistas nesse sentido.

Anônimo disse...

Em final de mandato, ao apagar das luzes é fácil né! Que pilantragem!