Queda de barreira tornou perigosa viagem de Porto Alegre para Gramado

Nesta quinta, 30, uma queda de barreira interditou, durante a noite para sexta-feira, meia pista no Km 29/30 na RS 115, sentido Portro Alegre-Gramado, rodovia que desde o início do feriadão tem sido demandada em grande quantidade. A Brita Rodovias fez os reparos necessários e monitoramento e liberou, hoje pela manhã, o trânsito na estrada nos dois sentidos de tráfego.


. O deslizamento ocasionou uma pequena quantidade de material na pista, mas por se tratar de uma encosta, a equipe da Brita Rodovias permanece monitorando o trecho. No momento não há riscos de outros deslizamentos.

6 comentários:

Anônimo disse...

Imaginou quando esta rodovia estiver nas mãos da EGR? Quanto tempo para resolver? Quantos memorandos e oficios?

Anônimo disse...

essa é pedagiada??

quem vai acertar a queda da barreira, o governo do estado, a união, ou o pedágio??

Anônimo disse...

Pelo menos a Brita ja resolveu, se fosse a EGR ficaria meio ano.E so vao reduzir 2 pilinha. Que piada

Anônimo disse...

Estou preocupado,domingo estarei subindo para Gramado.

CARLOS SGARBI disse...

E parou de cobrar o pedágio? Não? Este capitalismo tapuia e muito engraçado, ne? E o pior que tem apoio de jornaleiros em geral. Basta destinar uma verbinha de publicidade para que o jornaleiro simpatize com o capitalista caboclo.

Anônimo disse...

MONITORAR é resolver? resposta: No jargão das concessionárias sim, NA REAL é "achocambrar", o que as concessionárias sempre fizeram, ou seja, arrecadavam MUITO com os pedágios e não investiam um centavo, botavam pedágios até "em becos".