Senado aprova novo calote sobre precatórios devidos por municípios e Estados

A Comissão de Constituição e Justiça do Senado aprovou, em votação simbólica, nesta terça-feira, o relatório do senador Antônio Anastasia (PSDB-MG) à Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 95/2019, que prorroga o prazo para que Estados e municípios paguem seus precatórios a empresas. Pelo texto aprovado, o prazo para quitação dos débitos será no dia 31 de dezembro de 2028 - quatro anos a mais do que o prazo atual, de fim de 2024.

O prazo já tinha sido ampliado de 2020 para 2024.

Vale para dívidas contraídas até 2015.

4 comentários:

Anônimo disse...

E os deputados vagabundos vão prorrogar novamente de 2028 para 2032. E assim, nunca vão pagar...
A única solução é acabar com esse congresso. Isto não é democracia. É uma cleptocracia.

Anônimo disse...

Dessa vez eles resolveram poupar os pescoços e os bolsos dos credores/pessoas físicas de títulos precatórios. Pelo menos por enquanto...

#Karambit disse...

CONSELHO VALIOSO AOS PRECATORISTAS, MELHOR IR PARA A CAMARA DE CONCILIAÇÃO, SER BEM ROUBADO PELO GOVERNO EM IMPOSTOS, RECEBER ALGO, DO QUE MORRER SEM VER A COR DO DINHEIRO! FOI ASSIM COMIGO A DOIS MESES ATRÁS. ILUSÃO DOS QUE ACHHAM QUE RECEBERAO INTEGRALMENTE A TEMPO!

Selminha Rocha disse...

FDP... bando de velhos decrépitos e canalhas.. além, de não cumprirem o que prometem durante as eleições, ou seja, não tem palavra, não tem caráter, não tem nada... que os cidadãos nas próximas eleições dêem um basta nestes canalhas que só sabem se locupletar a base de dinheiro público.